DESENVOLVIMENTO PESSOAL: DESCUBRA COMO MELHORAR SEUS RELACIONAMENTOS, POR IVAN MAIA

Nesta quarta-feira vamos aprender um pouco mais com Ivan Maia sobre RELACIONAMENTOS, aqui na coluna DESENVOLVIMENTO PESSOAL. Hoje ele nos ensina como melhorar seus relacionamentos. Dá dicas preciosas que podem melhorar muito os seus relacionamentos e a sua qualidade de vida. Então, vem comigo assistir esse vídeo maravilhoso!

Fonte:

Continuar lendo DESENVOLVIMENTO PESSOAL: DESCUBRA COMO MELHORAR SEUS RELACIONAMENTOS, POR IVAN MAIA

REFLEXÃO: UMA AUTO AVALIAÇÃO – A PESSOA DIANTE DO ESPELHO, POR CAMILA ZEN

A nossa REFLEXÃO desta quarta-feira é sobre AUTO AVALIAÇÃO. É sobre você se colocar diante do espelho. A Camila Zen nos faz refletir através de uma parábola. Num mundo que espera a mudança nas outras pessoas, na sociedade, no país, essa parábola nos convida a observar a pessoa no espelho, e fazer uma auto avaliação importantíssima pra que a gente consiga ter a mudança que tanto esperamos no mundo. Portanto, não perca essa chance de expandir um pouco mais a sua consciência!

Fonte:

Continuar lendo REFLEXÃO: UMA AUTO AVALIAÇÃO – A PESSOA DIANTE DO ESPELHO, POR CAMILA ZEN

AUTOCONHECIMENTO: DESENVOLVA A SUA POTÊNCIA PARA TER UMA VIDA DE LEVEZA E QUALIDADE

Escolhi o texto a seguir com o título de “a sua potência é a sua praia”, pois é um chamado para o despertar da consciência e nos fazer entender que somos energia numa forma densa, mas que se investirmos na nossa potência que está adormecida dentro de nós temos total condição de ao abandonarmos esse corpo denso passarmos para um estagio energético menos denso e ter uma vida de leveza e qualidade. Então, convido você a ler breve texto a seguir e expandir sua consciência!

A sua potência é a sua praia

Mulher feliz em um balanço
choreograph / 123rf

Uma das maiores alegrias na vida é ter a oportunidade de se fazer o que se ama fazer, pois isso evita que a sexta-feira seja a única coisa boa que se espera da vida. Fazer o que se ama é prazeroso desde quando se acorda em uma manhã de segunda-feira, até o final de semana, afinal a vida é prazerosa quando estamos utilizando nossa potência, estado de realizar-se como ser.

Existe todo um processo até se alcançar uma vida em que se diga: “Isso era tudo o que eu buscava”. Neste sentido, precisamos de planejamento e de foco. Não menos importante, se elenca o estado espiritual, isto é, nossa envergadura de espiritualidade, sempre apontada em direção da liberdade, imparcialidade e equilíbrio.

Para se ter uma vida de leveza e qualidade, além de se fazer aquilo que se ama fazer, é preciso ter o silêncio da mente, a paz interior, a leveza da alma, o bem-estar consigo mesmo, isto é, a aceitação da vida que acontece no aqui e agora. Portanto precisamos desenvolver nossa espiritualidade, nossa empatia, nosso não julgamento e nossa ação transformadora para com o nosso próximo.

O fato é que somos uma energia no universo, uma energia em potência, logo não somos perpétuos. Contudo nossa alma é imortal, vive para sempre, e, enquanto estivermos neste casco de corpo humano, precisamos utilizar nossa energia, nossa potência, colocar em ação nossos projetos, fazendo com que nossos momentos sejam produtivos e sempre fazendo com que nossas tomadas de decisão sejam eficazes dentro do nosso cronograma, isto é, que atendam ao espaço dos ciclos dentro de um projeto de vida.

No final de tudo, que atenda ao propósito de vida, a fim de integrar nossa existência, atender nossas expectativas e servir aos nossos sonhos. Para isso, passamos por um longo processo de experiências, então é contabilizado ao olharmos para trás, veremos as perdas pelo caminho, sonhos abandonados, projetos esquecidos, tudo por conta da força, da potência utilizada no sonho majoritário. Por fim, seja incrível em seu turno enquanto vida.

Nilo Deyson Monteiro Pessanha
Continuar lendo AUTOCONHECIMENTO: DESENVOLVA A SUA POTÊNCIA PARA TER UMA VIDA DE LEVEZA E QUALIDADE

REFLEXÃO: ATRAVÉS DA PRESENÇA E DA ACEITAÇÃO VOCÊ ALCANÇA A LIBERDADE

O texto a seguir, aqui na coluna REFLEXÃO desta terça-feira nos diz que devemos viver sob a égide da Presença e da Aceitação. Presença, pois quando vivemos plenamente no agora, como se não existisse passado ou futuro, encontramos a paz. Aceitação, já que de nada adianta negar o que não podemos controlar e quando agimos assim conseguimos nos libertar. Ao ler o texto completo a seguir você poderá refletir e chegar as suas conclusões!

Liberte-se

 em 

 

Suponho que todos concordem que estamos vivendo experiências inusitadas. Não há como discordar de que é mesmo uma fase de transformação, de evolução. Muitas vezes nos sentimos atordoados com os acontecimentos e somos, frequentemente, bombardeados por informações (nem sempre confiáveis) que podem nos tirar o equilíbrio. No texto que segue, Patricia Gebrim nos relembra a importância de nos libertar do externo e fazermos valer o que realmente tem valor.

“Às vezes a vida em que estamos inseridos se torna tão impactante que acabamos sendo absorvidos por ela. De repente parece que aquilo é tudo o que existe. As notícias na TV, as conversas das pessoas próximas, tudo vai ficando sombrio e o medo nos engole. Como sair disso?Qual é o antídoto? Eu aposto numa dupla muito poderosa:  presença e aceitação.

Presença, pois quando vivemos plenamente no agora, como se não existisse passado ou futuro, encontramos a paz. Respirar no presente permite que vivamos os pequenos presentes do dia a dia. A beleza do pôr do sol, a delicadeza do canto de um pássaro, a suavidade de uma flor. Viver o agora permite que não fiquemos aprisionados no medo do que virá. Não criamos expectativas. A ansiedade se dissolve. Não significa negar o que está acontecendo, e sim nos abstermos a fazer o que o momento nos pede, a dar o nosso melhor a esse momento. De melhor em melhor, criamos o melhor futuro, acreditem.

Aceitação, pois de nada adianta negar o que não podemos controlar. Há uma sabedoria imensa em aceitar o momento presente como uma fonte de evolução. Aceitar faz com que poupemos energia, uma energia que precisamos empregar em dar nosso melhor. Não aceitar o que não podemos controlar nos leva a lutas inúteis. Aceitar e aprender nos liberta. Na  aceitação plena deste momento como necessário, desbloqueamos nossas capacidades intuitivas e nossa imensa força criativa, tão necessária para elevar a todos nós.

Sinta estas palavras, e se puder, viva plenamente as pequenas belezas da sua vida, mesmo quando tudo parece tão sombrio. Expresse seu verdadeiro ser, sua essência. Liberte-se. Viva de dentro para fora, onde ninguém jamais pode calar sua voz ou cortar suas asas.”

Luz e Paz!

Fonte: Sabedoria Universal

Continuar lendo REFLEXÃO: ATRAVÉS DA PRESENÇA E DA ACEITAÇÃO VOCÊ ALCANÇA A LIBERDADE

AUTOCONHECIMENTO: O DESPERTAR DA CONSCIÊNCIA PARA O VERDADEIRO NOVO MUNDO

O texto desta segunda-feira, aqui na coluna AUTOCONHECIMENTO é sobre “O verdadeiro novo Mundo” e nos faz refletir acerca da nossa força interior e do nosso Eu divinamente guiado, já que somos Centelhas Divinas em plena evolução. Somos co-criadores divinos à semelhança de Deus. Agora lhe convido a ler o texto completo a seguir  e expandir um pouco mais a sua consciência!

 

O verdadeiro novo Mundo

Mensagem canalizada em 12 de Janeiro de 2021 – Conselho da Luz Interior

Querido, as coisas não são como parecem no mundo exterior, mas você já sabe isso a este ponto. Estes são os tempos de grande transformação no planeta, por isso as estruturas caem como areia em erosão, minadas pela correria da água/mudança vinda de baixo. Você deve reunir tudo o que sabe e aplicá-lo em cada momento para permanecer resoluto, conectado e claro. Você sabe quem você é e por que está aqui e o que deve fazer em cada momento, com base em sua bússola interior.

Você foi treinado para isso durante eras e agora está nascendo a Nova Terra, o verdadeiro Novo Mundo, e a tentativa de sequestro total deve ser dissolvida… ao mesmo tempo em que as contrações já começaram! Tudo isso é divinamente guiado, portanto a melhor maneira de se alinhar com o resultado mais alto para garantir que você esteja em seu eu divinamente guiado em todos os momentos agora. Chame tudo o que você sabe e todas as habilidades que você aprendeu e todos os recursos disponíveis.

Lembre-se que este é o plano do livre arbítrio, e por isso você deve pedir e dar permissão às legiões de assistência que estão sempre disponíveis para você, mas mais especialmente neste momento. Nós somos os guerreiros da luz, chamados a carregar a tocha e criar ao mesmo tempo! Não importa o que está acontecendo no mundo exterior, isso não pode nos levar a fechar nossos corações novamente.

Isso causou a queda da última vez, e agora estamos evoluídos e fortalecidos em nosso domínio para manter nossos corações abertos enquanto atravessamos estes tempos radicalmente transformadores. Na verdade, podemos até nos juntar aos coros de anjos para tonificar o novo para a criação!

As fundações estão balançando, o que é necessário. Lembre-se de se concentrar no que está sendo criado e não na dissolução do antigo. Você é um ser poderoso de luz com a força para resistir à tempestade e manter a presença divina aqui e agora. Deus precisa de um corpo e nós somos essa presença holográfica aqui na Terra, atravessando em 3D a 5D. Nós somos os portadores vitais, transmissores, faróis dessa luz… ela é realizada através de nós. Chegou a hora de compreender isto completamente.

NÓS SOMOS OS TRANSDUTORES DA LUZ DIVINA. Como a configuração primária do plano terrestre é governada pelo livre arbítrio, nós, como seres deste plano, devemos ESCOLHER e PERMITIR as novas frequências para alquimiar através de nós, a fim de criar o novo. Somos co-criadores divinos, à semelhança de Deus. A principal diferença entre aqueles que estão dormindo e aqueles que estão acordados é esta gnosis. E uma vez acordados, a responsabilidade pela ação correta se acende. A quem muito é dado, muito é esperado. Vocês receberam a generosidade do universo, por isso agora devem compartilhá-la como quer que estejam inspirados por sua assinatura sagrada e única.

Quanto mais alto o clamor externo, mais sincero será seu chamado interno. Vá para dentro para buscar tudo o que você precisa, pois nada está fora de você agora. Uma vez sabendo que você é uma centelha do Divino, não há outro lugar para buscá-la, pois você é seu holograma. Por que buscar consolo na decadência quando você é uma centelha do Divino?! Não parece até mesmo bobo agora considerar que qualquer coisa de importância poderia vir de distorções externas da matriz? Agora que você descobriu isso, é hora de criar a partir do único lugar verdadeiro, o único lugar verdadeiro que você conhece, e que é o INTERIOR.

Procure o Reino dos Céus dentro…agora qual foi sua pergunta? Ou o melhor de tudo: a resposta é AMOR…agora qual era a pergunta?!

Nós sempre estivemos com você e sempre estaremos com você. Somos seu maior apoio, seus verdadeiros fãs e o animamos ao longo de toda a jornada de liberdade na luz.

Você já conheceu Deus perder?

O Conselho da Luz Interior

Rebecca Couch, Dean Noblett e HeartLight – Living from the Heart – © 2020 — Fonte: https://higherdensity.wordpress.com/ | www.heartlight.ca | www.deannoblett.com/
Rafaella Dourado e Marco Iorio Júnior — Tradutor e Editor exclusivos do Trabalhadores da Luz

Fonte: Trabalhadores da Luz

Continuar lendo AUTOCONHECIMENTO: O DESPERTAR DA CONSCIÊNCIA PARA O VERDADEIRO NOVO MUNDO

REFLEXÃO: A PUNIÇÃO CABE DENTRO DA EDUCAÇÃO NOS DIAS DE HOJE?

O texto a seguir para nossa REFLEXÃO é sobre Punir e Educar. Com educar os nossos filhos de forma que seja na medida certa, sem excessos nem omissões? Não é fácil educar e talvez seja a mais difícil das missões, justamente porque cada ser humano é único e reage de inúmeras formas diferentes a uma determinada ação. O exemplo do texto a seguir é emblemático e pode ajudar você a agir da maneira certa e eficaz na educação do seu filho ou filha. Portanto, leia, reflita e faça o seu juízo de valor!

Punir e recompensar não é verdadeiramente educar | UNINTER NOTÍCIAS

Punir e educar

Quando o telefone tocou Santiago não poderia imaginar a notícia que lhe seria dada.

“Senhor Santiago?” – perguntou uma voz severa.

“Sim.” – respondeu apreensivo.

“Sou o delegado Lima.

Seu filho Fábio foi preso em flagrante, minutos atrás, quando furtava um CD de uma loja em um Shopping.”

Embora o delegado continuasse falando, nada mais foi registrado por Santiago.

O choque da notícia atingiu-o como um violento soco.

Ficou calado, segurando o telefone mesmo depois do término da ligação.

Não podia crer naquilo.

“Por quê?” – perguntava a si mesmo.

Enquanto dirigia-se para a delegacia onde estava detido o filho, pensava nos sacrifícios que fizera ao longo dos anos para oferecer à família conforto e bem-estar.

Longas e extenuantes jornadas de trabalho.

Anos e anos sem férias.

Economias e empréstimos bancários para garantir aos filhos tudo que lhes era essencial e necessário para crescerem fortes e felizes.

Não podia lhes dar tudo o que queriam, mas fazia o possível para oferecer-lhes tudo o que precisavam.

Priorizava a saúde e a educação dos pequenos.

Tratava-os com amor e com atenção, mesmo quando chegava tarde do trabalho e os encontrava às turras e fazendo manhas.

Sabia que não era um pai perfeito.

Reconhecia em si mesmo defeitos e vícios, mas não conseguia encontrar justificativa para a atitude do filho.

Por que Fábio teria feito aquilo?

Sentia-se mortificado de vergonha.

Seu filho, um ladrão!

Onde teriam ido parar os ensinamentos e os valores que acreditara ter incutido na cabeça daquele menino?

A dor inicial foi cedendo lugar à ira, e quando Santiago chegou à delegacia e foi levado à presença do filho não se conteve.

Sem dizer nenhuma palavra esbofeteou a face do rapaz na frente dos policiais que ali estavam.

Fábio não reagiu, nem disse nada.

Lágrimas escorreram pelo seu rosto.

Depois dos procedimentos burocráticos inevitáveis, o rapaz foi liberado e eles partiram silenciosos para casa.

Durante o trajeto nada foi dito.

Na realidade, Santiago estava arrependido pela sua reação brutal, mas não conseguia encontrar uma forma de contornar a situação.

Fábio, por sua vez, estava envergonhado e sentia-se a última das criaturas.

Acreditava não ser merecedor nem mesmo do perdão do pai pelo seu gesto impensado.

Quando chegou em casa, Fábio trancou-se no quarto.

Santiago largou seu corpo no sofá, pesadamente.

Levou alguns instantes para dar-se conta da urgente necessidade de conversar com o filho.

Tomado por um impulso, correu até o quarto de Fábio e, como ele não respondia aos seus chamados, arrombou a porta.

Graças à providência divina, chegou a tempo de evitar uma tragédia ainda maior.

A severa punição que infligira publicamente ao filho, e que agora atormentava a sua própria consciência, estimulara o desequilibrado rapaz a buscar a fuga da vida pelas vias equivocadas do suicídio.

Jamais puna quando estiver irado.

Nos momentos de raiva somos capazes de ferir até mesmo as pessoas que amamos.

A melhor forma de educar é fazer com que crianças e jovens repensem suas atitudes e aprendam com os próprios erros.

Pense nisso!

Equipe de Redação do Momento Espírita, com base no capítulo 4 do livro Pais Brilhantes Professores Fascinantes, de Augusto Cury, Ed. Sextante, 10ª edição.

Continuar lendo REFLEXÃO: A PUNIÇÃO CABE DENTRO DA EDUCAÇÃO NOS DIAS DE HOJE?

DESENVOLVIMENTO ESPIRITUAL: SAIBA O QUE É DUPLO ETÉRICO, QUAL A SUA FUNÇÃO E IMPORTÂNCIA NO FENÔMENO DA PROJEÇÃO

O texto deste domingo, aqui na coluna DESENVOLVIMENTO ESPIRITUAL trata de projeção da consciência e nos esclarece um pouco mais sobre o duplo etérico. Ao ler esse texto você vai saber quase tudo sobre esse filtro das energias que chegam e saem do físico, protegendo o ser de cargas negativas, fazendo a ligação entre o perispírito e o corpo carnal. Então, se você tem curiosidade em se aprofundar nessa ciência leia o texto completo a seguir.

Duplo Etérico: Conceito Espírita ou Não? - Associação Espírita Allan Kardec

O DUPLO ETÉRICO

Sua função primordial é servir de ligação entre o perispírito e o corpo carnal, funcionando como um filtro das energias que chegam e saem do físico, protegendo o ser de cargas negativas.

– Por Edvaldo Kulcheski –

 

Quando os elementos espiritual, perispiritual e físico se contactaram, observou-se a necessidade de haver um filtro que absorvesse e reciclasse as energias vitalizadoras que passariam a percorrer essas três entidades. Assim, criou-se o filtro conhecido como “duplo etérico”, que é a sede dos centros de captação de energia, o elo mais tênue, que liga o corpo ao seu perispírito, ou o mais denso, que une o perispírito e o espírito ao seu corpo físico momentâneo.

O duplo etérico, composto por energias bastante densas, quase materiais, mas ainda ocultas da visão humana, é o responsável pela repercussão vibratória direta do perispírito sobre o corpo carnal. Sua atividade principal é filtrar, captar e, por isso mesmo, canalizar para o corpo físico todas as energias que deverão alimentá-lo. Esta comunicação é realizada por meio dos chacras, que captam as vibrações do espírito e as transferem para as regiões correspondentes na matéria física.

As obras complementares, sobretudo as de autoria de André Luiz, trouxeram mais dados sobre a especificação dos invólucros dos espíritos. Ele afirma que o corpo mental é o envoltório sutil da mente e que o corpo vital ou duplo etérico é a duplicata energética que reveste o corpo físico do homem. Diz ainda que o corpo mental preside a formação do corpo espiritual, que, por sua vez, comanda a formação do corpo físico juntamente com o corpo vital.

Natureza e Características

O duplo etérico é permanentemente acoplado ao corpo físico, sendo responsável por sua vitalização. Portanto, morrendo o corpo físico, imediatamente morrerá o correspondente corpo etérico. É constituído por éter físico emanado do próprio planeta Terra e funciona com êxito tanto no limiar do plano espiritual como do plano físico. Sua textura varia conforme o tipo biológico humano, ou seja, será mais sutil e delicado nos seres superiores e mais denso nas criaturas primitivas.

Ele funciona como um mediador na ligação entre o corpo físico e o perispírito, não sendo, portanto, um veículo separado da consciência. É um campo mais denso que o perispiritual, condensando as energias espirituais que seguem para o físico, mas, ao mesmo tempo, recebe os impulsos físicos, converte-os e direciona-os aos arquivos perispiríticos, mentais, inconscientes e espirituais. Atua como uma proteção natural contra intensas investidas de habitantes menos esclarecidos do plano espiritual, defendendo-o também do ataque de bactérias e larvas que podem invadir não só a organização física na encarnação, mas a própria constituição perispiritual.

No entanto, o duplo etérico é a reprodução exata do corpo físico do homem e se distancia ligeiramente da epiderme, formando uma cópia vital e de idênticos contornos. Apesar dele ser um corpo invisível aos olhos carnais, apresenta-se aos videntes e aos desencarnados como uma capa densa e algo física. De aparência violeta-pálida ou cinza-azulada, o duplo etérico, em condições normais, estende-se cerca de 6mm além da superfície do corpo denso correspondente.

As energias que entram no organismo físico, como o fluido vital, passam pelas regiões do duplo etérico responsáveis pela absorção e circulação destas: os centros de força conhecidos como chacras. Os chacras do duplo etérico são temporários, durando o tempo que este existir, ao contrário dos chacras perispirituais, que são permanentes. Cada chacra conta com uma localização e função principal, correspondente a uma região de plexos nervosos do corpo físico. São sete os principais chacras, ligados entre si por condutos conhecidos como meridianos, por onde flui a energia vital modificada pelo duplo etérico.

Sensibilidade do Duplo Etérico

O duplo etérico acusa de imediato qualquer tipo de hostilidade ao corpo físico e ao perispírito, através dos centros sensoriais correspondentes na consciência perispiritual e física. Por sua vez, o perispírito, como um equipamento de atuação nos planos sutilíssimos do espírito imortal, ao manifestar seu pensamento, seus desejos ou sentimentos em direção à consciência física, também obriga o duplo etérico a sofrer os impulsos bons e maus, tal qual os espíritos desencarnados quando atuam no mundo oculto, inclusive acusando aos sentidos físicos os ataques dos espíritos malfeitores.

Algumas criaturas que sofreram mutilação de um ou mais membros de seu corpo se queixam de dores nesses órgãos físicos amputados. Essa sensibilidade ocorre porque a operação cirúrgica não foi exercida sobre o duplo etérico, que é inacessível às ferramentas do mundo material. Assim, é comum as pessoas sem pernas ou braços ainda conservarem uma certa sensibilidade reflexa por algum tempo, transmitida para sua consciência através de seus correspondentes membros etéricos.

Apesar do duplo etérico ser desprovido de inteligência e não apresentar sensibilidade consciente, ele não é apenas um intermediário passivo entre o perispírito e o organismo carnal, reagindo de forma instintiva às emoções e aos pensamentos daninhos que perturbam o perispírito e, depois, causam efeitos enfermiços no corpo carnal. Este automatismo instintivo lhe possibilita deter a carga deletéria dos aturdimentos mentais que baixam do perispírito para o corpo físico, pois, do contrário, bastaria o primeiro impacto de cólera para desintegrar o organismo carnal e romper sua ligação com o perispírito, resultando no desencarne do ser.

Deve-se considerar que os pensamentos desatinados provocam emoções indisciplinadas, gerando ondas, raios ou dardos violentos que se lançam da mente incontrolada para o cérebro físico por meio do duplo etérico, destrambelhando o sistema nervoso do homem nesse mar revolto de vibrações antagônicas. Em seguida, perturba-se a função delicada dos sistemas endócrino, linfático e sanguíneo, podendo gerar consequências físicas na forma de patologias, como apoplexia, decorrente do derrame de sangue vertido em excesso pela cólera, síncope cardíaca, em virtude da contenção súbita da corrente sanguínea alterada pelos impactos do ódio, ou a repressão violenta da vesícula, devido a uma explosão de ciúme.

Algumas emoções afetam o duplo etérico em sua tarefa de mediador entre o perispírito e o corpo físico. No entanto, quando ele é submetido a impactos agressivos do perispírito perturbado, baixa seu tom vibratório, impedindo que os raios emocionais que partem da consciência perispiritual afetem o corpo carnal, promovendo uma espécie de barreira vibratória. Assim, o duplo etérico faz com que haja uma imunização contra a frequência vibratória violenta do perispírito, contraindo sua densidade no sentido de evitar o fluxo dessas toxinas mortíferas, deixando o impacto psíquico de ódio, cólera ou ciúme impossibilitado de fluir livremente e atingir o sistema fisiológico do corpo físico.

Alastramento Compulsório

Entretanto, quando o duplo etérico não consegue reagir com seus recursos instintivos de modo a proteger o corpo físico contra uma explosão emocional do perispírito, ele recebe um impulso de afastamento compulsório. Neste caso, a vitalidade orgânica do homem cai instantaneamente, fazendo com que desmaie ou tenha o que chamamos de “ataques”.

Diante dos impactos súbitos e violentos do perispírito, o chacra cardíaco é o centro de forças etéricas que mais sofre os efeitos dessa descarga, por ser responsável pelo equilíbrio vital e fisiológico do coração. É por isso que, nestes casos, há o risco de enfartes cardíacos de consequências fatais. No entanto, o duplo etérico, com seu instinto de defesa, mobiliza todos os recursos no sentido de evitar que os centros de força etérica se desintegrem por completo.

Agora, caso a descarga violenta do perispírito não consiga atingir o corpo físico devido à reação defensiva do duplo etérico, as toxinas emocionais sofrem um choque de retorno e voltam a se fixar no perispírito, ficando nele instaladas até que sejam expurgadas na atual ou em uma futura encarnação. Isto porque a única válvula de escape para esses venenos psíquicos é o corpo físico, que, para propiciar essa “limpeza”, sofre o traumatismo das moléstias específicas inerentes às causas que lhes dão origem.

Aliás, os desajustes morais são uma fonte crescente de distúrbios psíquicos, gerando um número cada vez maior de pessoas neuróticas, esquizofrênicas e desesperadas, tudo isso como consequência da intensa explosão de emoções alucinantes que destrambelham o sistema nervoso. Isto resulta em um aumento cotidiano do índice de vítimas, uma vez que o duplo etérico se torna impotente para resistir ao bombardeio incessante das emoções tóxicas e agudas vertidas pela alma e alojadas no perispírito até que sejam transferidas ao corpo físico. Se a carga deletéria acumulada em vidas anteriores for aumentada com desatinos da existência atual, essa saturação pode gerar afecções mórbidas mais rudes e cruciantes, como o câncer e outras enfermidades.

O transe mediúnico, a anestesia total, os passes, os ataques epilépticos, a hipnose, a catalepsia e os
acidentes bruscos são fatores que afastam o perispírito do duplo etérico. Quando este se separa do corpo carnal, provoca uma redução de vitalidade física e queda de temperatura no homem, pois o corpo físico se mantém com uma reduzida cota de fluido vital para se nutrir, esteja adormecido ou em transe.

Epilepsia e Hipnose

O epiléptico é uma pessoa cujo duplo etérico se afasta com frequência de seu corpo físico. O ataque epiléptico e o transe mediúnico do médium de fenômenos físicos apresentam certa semelhança entre si, com a diferença de que o médium ingressa no transe de forma espontânea, enquanto o epiléptico é atirado ao solo assim que seu duplo etérico fica saturado dos venenos expurgados pelo perispírito e se afasta violentamente, a fim de escoá-los no meio ambiente sob absoluta imprevisão de seu portador. Em certos casos, verifica-se que o epiléptico também é um médium de fenômenos físicos em potencial, já que a incessante saída de seu duplo etérico pode lhe abrir uma brecha pela qual fica sensibilizado para a fenomenologia mediúnica.

Todo ataque epiléptico é um estado de defesa do corpo físico, que expulsa o duplo etérico e o perispírito para que estes se recomponham energeticamente, trocando energias negativas por positivas. Os epilépticos são pessoas que tiveram ação com energias muito densas em encarnações passadas. Assim, os psicotrópicos utilizados pelos médicos dificultam o desprendimento do duplo etérico, evitando os ataques.

Já o hipnotizador atua pela sugestão na mente do hipnotizado, induzindo-o ao estado de transe hipnótico. Resulta daí o afastamento parcial do duplo etérico, que fica à deriva, permitindo a imersão no subconsciente. Com isso, o hipnotizado abre uma fresta no plano espiritual que lhe permite até mesmo manifestar e dar vivência aos estágios de sua infância e juventude ou mesmo de alguns acontecimentos e fatos de suas vidas pretéritas.

Quando o duplo etérico se afasta por alguns centímetros do corpo físico, a ação física diminui e se amplia a abertura para a atuação do perispírito, tornando-se um catalizador de energias espirituais. Por isso, favorece o despertar de seu subconsciente e a imersão ou exteriorização dos acontecimentos arquivados nas camadas mais profundas do ser.

As anestesias operatórias, os anti-espasmódicos, os gases voláteis, as drogas e sedativos hipnóticos, o óxido de carbono, o fumo, os barbitúricos, os entorpecentes, o ácido lisérgico e certos alcaloides como a mescalina são substâncias que operam violentamente nos interstícios do duplo etérico. Embora a necessidade obrigue o médium a se utilizar, por vezes, de algumas destas substâncias em momentos imprescindíveis, é sempre imprudente exagerar sob qualquer pretexto ou motivo. O médium que abusa de entorpecentes que atuam com demasiada frequência em seu duplo etérico se transforma em um alvo muito mais acessível ao assédio do mundo inferior.

Rompimentos do Duplo Etérico

A estrutura íntima do duplo etérico fica seriamente afetada quando, por meio de desregramentos e vícios, a pessoa utiliza substâncias corrosivas como álcool, fumo, drogas em geral e medicamentos cujos componentes químicos sejam inegavelmente tóxicos. Neste caso, ocorre um bombardeio à constituição do duplo etérico, que queima e envenena as células etéricas e forma buracos semelhantes às bordas queimadas de um papel, criando brechas por onde penetram as várias comunidades de larvas e vírus do subplano espiritual, normalmente utilizados por inteligências sombrias como uma maneira de facilitar seu domínio sobre o homem.

Acontece que, sem a proteção dessa tela, que os mantém naturalmente afastados dos habitantes dos subplanos espirituais, os médiuns começam a perceber formas horripilantes, criadas e mantidas pelos seres infelizes que estagiam nas regiões mais densas do plano umbralino, ocorrendo os mais diversos distúrbios que comprometem o equilíbrio físico-psíquico do ser humano. Falta aos médiuns a proteção etérica que violentaram pelo uso de substâncias químicas tóxicas, as quais lhes destruíram parte do escudo que a natureza os dotou para sua segurança, a fim de impedir a abertura prematura da comunicação entre o plano espiritual e o físico. Embora a destruição não seja completa, criando apenas rasgos ou brechas, sua falta é verdadeiramente nociva, já que o duplo etérico é de suma importância para o equilíbrio do ser humano.

As lesões do duplo etérico são difíceis de se recompor. Para restabelecer seu equilíbrio em tais situações, deve-se lançar mão, além dos recursos terapêuticos utilizados com frequência nos centros espíritas, da doação e da transfusão de fluido vital citoplasmático, suprindo a falta ou revitalizando as partes afetadas do duplo etérico.

O QUE DIZ O LIVRO NOS DOMÍNIOS DA MEDIUNIDADE

Cap. 11 – Desdobramento em serviço

(…) Era, agora, bem ele mesmo, sem qualquer deformidade, leve e ágil, embora prosseguisse encadeado ao envoltório físico através do laço aeriforme, que parecia mais adelgaçado e mais luminoso à medida que Castro-espírito se movimentava em nosso meio.

Enquanto Clementino o encorajava com palavras amigas, nosso orientador, certamente assinalando-nos a curiosidade, teve pressa em esclarecer:

– Com o auxílio do supervisor, o médium foi convenientemente exteriorizado. A princípio, seu perispírito ou “corpo astral” estava revestido com os eflúvios vitais que asseguram o equilíbrio entre a alma e o corpo de carne, conhecidos em seu conjunto como sendo o “duplo etérico”, formado por emanações neuropsíquicas que pertencem ao campo fisiológico e que, por isso mesmo, não conseguem maior afastamento da organização terrestre, destinando-se à desintegração tanto quanto ocorre ao instrumento carnal por ocasião da morte renovadora. Para se ajustar melhor ao nosso ambiente, Castro devolveu essas energias ao corpo inerme, garantindo o calor indispensável à colmeia celular. (…)

Continuar lendo DESENVOLVIMENTO ESPIRITUAL: SAIBA O QUE É DUPLO ETÉRICO, QUAL A SUA FUNÇÃO E IMPORTÂNCIA NO FENÔMENO DA PROJEÇÃO

REFLEXÃO: A SUA REALIDADE É FRUTO DAS SUAS DECISÕES

Partindo do princípio que você é 100% responsável pela sua realidade, podemos concluir que a sua realidade é fruto das suas decisões. Na edição deste domingo, aqui na coluna REFLEXÃO, cujo título é “Decisões” você terá a oportunidade de confirmar essa máxima e de repente transformar a sua realidade para muito melhor. Então, convido você a ler o texto completo a seguir. 

Saiba como tomar decisões de alto risco

Decisões

A nossa existência pode ser comparada a imenso mapa sobre o qual nos movimentamos, e onde a todo instante tomamos decisões sobre o rumo que vamos seguir.

Nesse caminhar, as opções são inúmeras. Existem os atalhos, precipícios, atoleiros, cipoais, rios caudalosos, campos floridos.

E, conforme a nossa decisão, teremos as consequências correspondentes.

Existem pessoas que, antes de se movimentarem, traçam com cuidado o seu trajeto. Estendem a visão mental e abrangem todo o percurso que vão percorrer, para evitar surpresas desagradáveis.

Essas dificilmente se enroscam nos espinheiros ou ficam presas em areias movediças. E geralmente superam com facilidade os obstáculos do caminho.

São indivíduos visionários. Ao estender o olhar para além do que as vistas alcançam, estabelecem com acerto o melhor trajeto e as melhores estratégias para alcançar seu destino.

Mas existem pessoas que andam às voltas com os obstáculos que não enxergam, embora estejam a poucos metros de distância.

São criaturas que não têm visão. Não programam suas atividades e por isso sofrem e fazem os outros perderem tempo com suas trapalhadas.

É a dona de casa que decide fazer um bolo e, só depois que já está com as mãos na massa verifica que faltam alguns ingredientes.

Se antes de começar tivesse checado se dispunha dos ingredientes necessários, teria um sofrimento a menos.

A falta de visão também causa estresse e problemas no trânsito.

É o motorista que dirige como se estivesse no quintal da sua casa; não percebe os sinais de trânsito, semáforos, pedestres e outros tantos motoristas que dependem de suas ações para tomar decisões.

Esse tipo causa sérios problemas, pois além de colocar a própria vida em risco, também é um perigo para os outros.

Não usa as setas adequadamente, entra na contramão, pára em local proibido, e geralmente causa confusão e acidentes na via pública.

Pessoas assim são como toupeiras, esses animaizinhos que cavam túneis sob o chão e não têm nenhuma noção de para onde estão indo, pois são praticamente cegos.

Já as pessoas visionárias são como águias. Voam alto e, antes de mergulhar para apanhar seu alimento, buscam uma visão panorâmica do terreno e dificilmente erram o alvo.

É assim que vamos encontrar no meio em que nos movimentamos, pessoas águias e pessoas toupeiras.

A falta de visão tem infelicitado muitas criaturas, pois quando estas se deparam com os obstáculos imprevistos do caminho, se desesperam e perdem o rumo.

Isto se pode constatar diariamente, tanto nos círculos de pessoas comuns quanto nos círculos de pessoas públicas, ambiciosas, cuja cegueira não lhes permite ver que a ganância e o crime sempre conduzem ao lodo.

São livres decisões provocando conseqüências inevitáveis…

Um falso movimento, uma falta de visão, e podemos entrar por caminhos de difícil retorno…

Por essa razão, vale pensar bem antes de iniciar a caminhada. Vale a pena se perguntar: “Aonde eu quero chegar?

Que caminho tomarei: o mais fácil ou o correto?

Terei a meu favor os bons ventos da honestidade e da dignidade?”

Pense que as intenções são decisivas para as consequências.

E como reclamar das consequências infelizes, senão de nós mesmos, que não tivemos a devida atenção antes de dar os primeiros passos?

Se você tem encontrado muitos obstáculos, e suas ações resultam sempre em sofrimento para você ou para os que o rodeiam, vale pensar um pouco mais antes de decidir.

Por mais que a pressa tente fazer com que você decida sem planejar, detenha-se um instante e lembre-se que a pressa não é boa conselheira, principalmente quando atropela.

Se a providência requer urgência, menos apressada deve ser.

Portanto, já que caminhar é nossa rotina constante, dedicar um tempo para analisar o roteiro mais seguro, é questão de sabedoria.

Afinal, alguns minutos dedicados ao planejamento da rota podem evitar muito tempo de sofrimento e dissabores.

Pense nisso, e lembre-se de que o Universo se mantém em harmonia porque tem a governá-lo um olhar soberanamente abrangente e infinitamente sábio.

Redação do Momento Espírita

Fonte: Momento de Reflexão

Continuar lendo REFLEXÃO: A SUA REALIDADE É FRUTO DAS SUAS DECISÕES

REFLEXÃO: APRENDENDO A LIDAR COM O INESPERADO, POR EDGAR MORIN

Selecionei um texto muito interessante, de uma sabedoria incrível, do grande pensador francês Edgar Morin, onde do alto dos seus 99 anos nos ensina como lidar com o inesperado superando todos os obstáculos e para encarar tempos tenebrosos de expansão totalitária e covid-19. Por isso convido você a ler esse texto de grande profundidade, refletir e fazer o seu juízo de valor!

Nos seus 99 anos, o pensador francês *Edgar Morin* concedeu uma entrevista.
Eis alguns trechos, selecionados por Rosa Freire d’Aguiar:
“Surpreendi-me com a pandemia mas em minha vida estou habituado a ver chegar o inesperado. A chegada de Hitler foi inesperada para todos. O pacto germano-soviético foi inesperado e inacreditável. O início da guerra da Argélia foi inesperado. Eu só vivi pelo inesperado e pelo hábito com crises. Nesse sentido, estou vivendo uma crise nova, enorme, mas que tem todas as caraterísticas da crise. Isto é, de um lado suscita a imaginação criativa e, de outro, suscita medos e regressões mentais. Buscamos todos a salvação providencial, só que não sabemos como.
É preciso aprender que na história o inesperado acontece, e acontecerá de novo. Pensamos viver certezas, com estatísticas, previsões, e com a ideia de que tudo era estável, quando já tudo começava a entrar em crise. Não nos demos conta. Precisamos aprender a viver com a incerteza, isto é, ter a coragem de enfrentar, de estar pronto para resistir às forças negativas.
A crise nos torna mais loucos e mais sábios. Uma coisa e outra. Grande parte das pessoas perde a cabeça e outras tornam-se mais lúcidas. A crise favorece as forças mais contrárias. Desejo que sejam as forças criativas, as forças lúcidas e as que buscam um novo caminho, aquelas a se imporem,  embora ainda sejam muito dispersas e fracas. Com razão podemos nos indignar mas não devemos nos trancar na indignação.
Há algo que esquecemos: há vinte anos começou um processo de degradação no mundo. A crise da democracia não é apenas na América Latina, mas também nos países europeus. A dominação do lucro ilimitado que controla tudo está em todos os países. Idem a crise ecológica. O espírito deve enfrentar as crises para dominá-las e superá-las. Do contrário somos suas vítimas.
Vemos hoje instalarem-se os elementos de um totalitarismo. Este, não tem mais nada a ver com o do século passado. Mas temos todos os meios de vigilância a partir de drones, de celulares, de reconhecimento facial. Existem todos os meios para surgir um totalitarismo de vigilância. O problema é impedir que esses elementos se reúnam para criar uma sociedade totalitária e invisível para nós.
Às vésperas dos 100 anos, o que posso desejar? Eu desejo força, coragem e lucidez. Precisamos viver em pequenos oásis de vida e de fraternidade.”
Fonte: Entrevista completa – Instituto Humanitas Unisinos
Continuar lendo REFLEXÃO: APRENDENDO A LIDAR COM O INESPERADO, POR EDGAR MORIN

DESENVOLVIMENTO PESSOAL: SUAS DECISÕES E AÇÕES DEFINEM O QUE VOCÊ TERÁ, POR IVAN MAIA

Estamos de volta com as palestras de Ivan Maia, pois estão convergindo com a minha linha de pensamento e com as coisas que falo. Como tenho dito diuturnamente para você que, só você é 100% responsável pela sua realidade, ele também diz a mesma coisa com outras palavras. Então ele diz: “Você precisa entender e reconhecer que a sua vida de hoje, quer ela esteja ótima, quer ela esteja lastimável, é apenas o reflexo de suas DECISÕES E AÇÕES do passado. Toa ação e decisão sua altera e define a sua vida. Portanto, pare e defina agora o que você deseja ter na vida e saiba que Suas Decisões e Ações Definem o que Você Terá”. Então você precisa assistir o que um cara que tem mais de 1 milhão de seguidores tem a dizer!

Fonte:

Continuar lendo DESENVOLVIMENTO PESSOAL: SUAS DECISÕES E AÇÕES DEFINEM O QUE VOCÊ TERÁ, POR IVAN MAIA

REFLEXÃO: APRENDENDO A RESSIGNIFICAR O QUE PASSOU PARA VIVER UM FUTURO TRANSFORMADOR

Ressignificar é, antes de mais nada, REFLEXÃO. É para pensar, enxergar e encarar os erros e fraquezas, ter coragem de admiti-los, se perdoar, fazer a devida correção de rumo e seguir em frente com a consciência ampliada, expandida, buscando a transformação e a sua melhor versão. Dai a importância da leitura do texto a seguir. Vai ajudar a abrir sua mente para viver um 2021 realmente transformador!

Ressignificar 2020 para viver um 2021 transformador

Número 2021 escrito na areia. Marcas de pés estão abaixo, seguidos por água de mar.
Kirill Ryzhov / 123RF

Oano de 2020 realmente ficará marcado como um ano de sobrevivência para a espécie humana. Foi um ano de perdas, construções e readaptações. O novo normal está aqui. Foram experiências boas e ruins que não iremos jamais esquecer. E é por isso que temos que ressignificar.

Quando digo ressignificar as experiências, peço aos leitores que deem um novo significado às nossas experiências. Isso serve para que possamos observar o que aconteceu sob outra perspectiva. Utilizando essa ressignificação, o que nos causa tristeza, sob outra perspectiva, pode se transformar em algo de extrema reflexão e aprendizagem, podendo ser transformado inclusive em alegria.

PUBLICIDADE

É essa ressignificação que nos dá coragem para começar uma grande mudança. Dia após dia vamos nos reconstruindo e superando as adversidades.

Ressignificar nunca foi tão importante para nossa evolução como nos tempos em que estamos vivendo. É essa atitude que nos torna sobreviventes, pois é ela que nos cria esperança.

Mão estendida sobre paisagem de oceano.
Lukas / Pexels

Você pode escolher ser aquela pessoa que se prende em sentimentos ruins, que se perde na queixa, na resignação, nas lamúrias, não tendo tempo portanto de levantar asas para voo; ou pode simplesmente utilizar todas as experiências, sejam lá quais forem, porém sendo ressignificadas como parte do processo de metamorfose.

Que tenhamos coragem para explorar a nós mesmos, para encontrar um sentido que nos faça ancorar a vida com mais motivação em nossas profundezas. Que a resiliência seja a palavra-chave para todo o processo de ressignificação da sociedade.

Você também pode gostar

Sobrevivemos. E seguimos em frente. Vamos nos valorizar e curtir cada momento, pois esse é único. Que venha 2021.

Fernanda Colli
Escrito por Fernanda Colli
Fonte: Eu Sem Fronteiras
Continuar lendo REFLEXÃO: APRENDENDO A RESSIGNIFICAR O QUE PASSOU PARA VIVER UM FUTURO TRANSFORMADOR

AUTOCONHECIMENTO: A FAMOSA PARÁBOLA DE JESUS CRISTO NA INTERPRETAÇÃO DO YOGUE BRAHMA VIDYA

Normalmente as interpretações das famosas parábolas de Jesus Cristo feitas pelos teólogos não conseguem alcançar o verdadeiro teor ou o real significado das enigmáticas palavras do grande mestre e por essa razão a consciência humana cristã ainda é tão atrasada, arcaica e retrograda, representada pelos dogmas e crenças limitantes impostas aos seus fiéis. A humanidade não pode continuar caminhando com passo de formiga, sem vontade e sem direção. Por isso esse blog trabalha em prol da expansão da consciência e em busca da verdade. A leitura do texto a seguir seguramente vai fazer você refletir e despertar a consciência. 

PASTOR DANIEL DUTRA: SÉRIE OS SETE “EU SOU” DE JESUS / “EU SOU O CAMINHO A VERDADE E A VIDA”

EU SOU O CAMINHO, A VERDADE E A VIDA

Uma das mais famosas parábolas de Jesus Cristo é interpretada pelo Instrutor de Yoga Brahma Vidya, a partir de uma revelação originada de seus profundos estudos, procurando alcançar uma dimensão mais profunda nos ensinamentos do Cristo.

Conferencia ditada por Sri Vájera Yogue Dasa, no templo da Suddha Dharma Mandalam

Depois de ter o bom karma de ser instruído por alguns dos mais altos iniciadores da Grande Organização Esotérica da Índia – denominada Suddha Dharma Mandalam – obtive a revelação, ou a intuição espiritual da conhecida frase que parece na Bíblia, pronunciada por Jesus, O Cristo, a qual é apresentada como titulo do estudo que pretendo fazer a seguir.

Recordaremos, desde logo, que Jesus, O Cristo, em muitas ocasiões, ensinava em forma de parábolas ou símbolos, para que a Sabedoria Divina contida na Ciência dos Poderes do Espírito ou Ego Pessoal fosse entendida pelos que tinham “Olhos para ver e ouvidos para ouvir” (Mateus XII, 16)

Tal procedimento é uma lei que persiste até nossos dias nas organizações esotéricas. A Divina Hierarquia de Hierofantes da Suddha Dharma Mandalam mantém em absoluto segredo as chaves para atualizar os poderes do atman, ou Ego. Isso ocorre mesmo quando há um personagem digno e santo, merecedor da Vama Deva Diksha, a grande iniciação conferida por um iniciador físico, devidamente autorizado pela Hierarquia Divina, e outorgada por um siddha espiritual (mestre espiritual).

Antes de chegar a ser merecedor ou estar apto a obter tão altíssima iniciação, os discípulos que cumprem com os requisitos adequados, observando as oito qualidades átmicas – ausência de inveja; compaixão; paz; ausência de cobiça; pureza integral física e de coração; ausência de egocentrismo; perseverança; irradiação de felicidade para todos os seres e as práticas de Raja Yoga – podem ser favorecidos com iniciações menores. Estas promovem algumas manifestações da glória que contêm o atman (alma) dentro do coração, e também visões nos planos sutis para infundir maior fé, conhecimento direto de verdades reveladas, e uma vontade mais firme para continuar o caminho, vencendo as dificuldades da vida diária, impostas pelos guias ocultos para o necessário progresso do discípulo.

ALIÁS, É FREQÜENTE QUE O DISCIPULO TENHA SONHOS simbólicos ou proféticos que o alertam a continuar firmemente no caminho da sabedoria oculta. É mediante a ciência infusa que as iniciações revelam que o estudante ou discípulo aceito descobre, pouco a pouco, mais e mais profundamente, as verdades encerradas nos símbolos, parábolas ou em contos aparentemente feitos para entreter as crianças, como podemos encontrar nos contos árabes das Mil e Uma Noites.

Voltando à análise da frase em estudo – “Eu Sou o Caminho, a Verdade e a Vida” (João, XIV, 6) – direi que o entendimento vulgar é aquele que se refere à pessoa de Jesus de Nazaré, considerando-o como um exemplo individual cujo modelo de vida é o Caminho; seus ensinamentos, sermões, máximas e instruções são os meios que podem nos conduzir ao conhecimento da Verdade Eterna, diferente das verdades transitórias ou passageiras. E, por último, entende que Jesus é o representante da Vida Perpétua.

Penso que essas palavras podem ter outra dimensão, não querendo dizer que tal análise seja a ultima palavra, pois é possível que outros as compreendam de diferentes pontos de vista. Nos ensinamentos dados pelos Mestres de Sabedoria, está dito que: “ […] cada indivíduo é autor de seu próprio destino” (do livro Luz no Caminho), executando seu caminho. Pode, por acaso, ser Jesus o meu caminho? Não! Somente eu é que tenho de percorrer os caminhos que se deparam nas várias reencarnações que têm de experimentar minha chispa Divina, ou chama própria (consciência); isso deve ser feito para atualizar as potencialidades que a conduziram, plena de sabedoria, ao prapty, ou liberação final das sucessivas vidas terrenas.

NÃO PODE SER QUE O CRISTO, COMO REENCARNAÇÃO humana, seja a Verdade Eterna, pois ele nasceu, cresceu e morreu, desaparecendo fisicamente desta terra. A verdade visível de sua existência foi curta, passageira: apenas trinta e três anos. O Senhor, considerado enquanto homem, não é a Vida Eterna. Poucos dias depois de ter dito essas palavras (João, VI, 40 e 48), seu corpo individual estava morto. Então, que significado tem a palavra “vida” quando ele a pronunciou? Certamente deve expressar algo muito mais importante do que vida terrena.

A “Vida” verdadeira e eterna é aquela manifestada na partícula espiritual presente em todo ser vivo. Essa partícula percorre seu caminho, impulsionada por uma força interna, permanente e invencível. Nesse caminho, ela deve encontrar dentro de si mesma a Verdade Eterna do Espírito, individualizada no coração. E depois, com compreensão, realizar a união acidental com a onipotente e onisciente Consciência Cósmica, mantenedora da Vida Eterna na raiz evolutiva de todas as existências individuais.

Mas que condições são necessárias para percorrer esse caminho e chegar, progressivamente, à visão da Verdade Imutável? Que condições são necessárias para conhecer a ilimitada grandeza da Fonte da Vida, ou Parabrahman?

O mesmo Cristo disse: “Os pobres de espírito verão a Deus”. Quer dizer, tenham consciência de que há uma origem da vida universal. Mas, do ponto de vista esotérico, o que significa esse “pobres de espírito”? Suponho que nem um estudante primário da ciência mística possa acreditar que unicamente os tontos ou dementes poderão ver Deus, e os inteligentes e os sábios superdotados estão condenados à ignorância do contato consciente e progressivo com a união da Altíssima Glória da Substância Omnidifusa do Divino.

Essas idéias inferiores são falsas, contrárias a toda razão. Os sábios videntes da Índia explicam essas enigmáticas palavras e tiram o véu da importância que existe nos conceitos errados de alguns religiosos. “Pobres de espírito” indica aquelas pessoas “e não têm qualquer coisa que perturbe suas almas; não têm inveja, ódios, rancores, véus de ilusão e de vingança.

São “os puros de coração que verão a Deus” (Mateus V 8). Se um rico com maus sentimentos não alcança a pureza integral do corpo e da alma, será impossível para ele experimentar as gloriosas qualidades divinas; tão impossível quanto querer passar um camelo pelo buraco de uma agulha (Mateus XIX, 24).

SE QUISERMOS CHEGAR A SER IOGUES compreensivos da união transcendente eterna da Substancia Primária da Vida, plena de transcendentes poderes, é imperativo lutar até empobrecer nosso espírito, deixando-o isento dos acúmulos que perturbam o avanço no Caminho Reto, que conduz à Verdade Imutável e à Vida Eterna.

Este estudo não teria utilidade prática se não recordarmos o sistema ou método de Yoga ensinado pelo Mestre Galileo, ao indicar o dhyana (meditação) ou as condições necessárias para efetuar com êxito as editações que nos conduzem ao conhecimento da Verdade e da Vida. O Senhor ensinou dizendo: “Entra em teu aposento, fecha portase janelas e, em silencio, adora teu Pai que está nos Céus” (Mateus VI, 6). Continuarei este assunto explicando os conceitos que contem cada frase.

“Entra em teu aposento”, significa o interior do ser, mas no mais profundo de nossa alma. Temos de seguir este Caminho. Nada nem o mais Excelso Ser Divino, pode realizá-lo por nós; cada individuo tem de transitar por si mesmo. Um mestre de sabedoria só nos pode dar indicações ou nos fortalecer mediante a Graça Divina, fonte d’Ele mesmo e com a invocação da Divindade, mas cada um de nós tem de andar por seu caminho individual.

Os guias espirituais colocam nosso carro físico neste mundo, com seu motor (atma, alma) e seu combustível (shakty, energia), mas somos nós que temos de dirigi-lo, transpondo obstáculos formados por enganos de personalidade, penhascos, fossos e muitíssimos outros estorvos. O esforço para vencer essas dificuldades aperfeiçoa nossa inteligência vida após vida, e desperta os poderes inerentes da Chispa Divina (fagulha de Deus em nós), acrescentando a insignificante faculdade do livre arbítrio que possuímos para que sejamos um bom guia para o nosso próprio destino.

“fecha a porta e jenelas” significa apagar totalmente os ruídos mundanos. Silenciar os cinco indriyas, ou sentidos físicos. Abstrair todo o pensamento que distraia o dhyana, ou seja, a meditação escolhida. Não tem de entrar em nossa mente qualquer pensamento ou idéia que seja estranha para o nosso propósito contemplativo.

“Em silencio, adora teu Pai que está nos Céus”. A palavra “silencio” indica um dos mais difíceis estados mentais, necessário para conseguir obter êxitos espirituais. Podemos, com certa facilidade, fazer silencio exterior; mas dentro do aposento de nossa mente, os pensamentos saltam de um lado para o outro, como numa luta enlouquecida.

Um papagaio fala e fala sem parar um instante. Dentro da mente, produzem-se conversações, gritos, insultos e projetos, como, também idéias mentais indesejáveis, precisamente nos momentos em que queremos deixar nossa alma “pobre”, ou ausente de toda complicação. Só queremos ouvir a “voz do silêncio”. Mas o papagaio não se cala, as idéias não deixam de saltar. Sem dúvida, é necessário chegar à paz da “Oração de Quietude” para ouvir a “voz do silêncio”, melodiosa e divina.

“Adorar” significa amar sem pretender recompensas materiais nem espirituais. Adorar é um fluido espontâneo de puríssimo amor, que nasce do mais profundo da alma da Divindade. “Pai” é a essência da origem de nossa vida. “Que está nos Céus”; essa substância sutil de onde surgem todas as coisas e seres é também chamada Céu. Espírito de Deus, existente fora e dentro de tudo. É a Luz da Consciência, Poder e Glória do Absoluto sem limite. Todos os seres, sem exceção, têm de passar, vida após vida, pelo doloroso caminho que conduz ao progresso eterno, reconhecendo e adquirindo maior sabedoria, poder e glória no tempo sem limite, andando pelo “Caminho da Verdade e da Vida”.

PARA A PRATICA, DIZER MENTALMENTE E PENSAR as seguintes frases.

Eu sou o caminho: recolhendo os sentidos; adentrando-se na profundidade da alma; irradiando amor universal para alcançar o Eu Superior unindo a mente humana com o Espírito Eterno pleno de divinos poderes.

Eu sou a verdade: o corpo físico, com a efêmera existência nos planos materiais, é uma verdade passageira. Quando se alcança a visão e consciência pessoal do Espírito Eterno, a existência material se assemelha a um sonho ou ilusão. Em troca, o atma ou espírito, com sua permanência indestrutível e eterna, é considerado como uma verdade real, em meio às verdades passageiras (momentâneas) dos planos materiais.

Continuemos o Caminho concentrando o pensamento no Sol Eterno de verdade permanente, raiz de nossa vida.

Eu sou a vida: quando se alcança a união ou yoga progressivo com o atma particular, adquire-se a consciência de que esse atma subsiste mediante uma base ou raiz universal, que na Ciência Yóguica é chamado de Param-Atma, o Supremo Espírito. Esse Supremo Espírito existe indiscutivelmente unido a tudo que surgiu, surge ou surgirá no tempo sem limite, infundindo, vida e consciência progressiva a tudo quanto exista, seguindo um plano divino de aperfeiçoamento de todas as formas materiais.

Alcançar a união consciente com o atma, mediante nosso esforço e firme vontade, é o único Caminho que nos conduz á obtenção da consciência da existência da Verdade, ou Deus Supremo.

“Por meio do Filho conhecerá o Pai”, ou seja, é necessário que o filho do homem físico busque o filho espiritual de Deus, nosso espírito pessoal. Com o encontro, começará a conhecer a transcendência ilimitada da vida presente no céu, na terra e em todo o lugar, transmitindo poder, sabedoria, glória e amor. É um fluir permanente vindo do mais profundo do eterno diretor espiritual de nossa vida, Quando reconhecemos nosso Caminho, tomamos contato consciente com a Verdade dentro de nós mesmos, depois com a Vida. Então, entraremos no Reino dos Céus, onde toda a Ciência Divina nos será revelada.

Dedicamos esta publicação como um serviço à Obra Santa, impulsionada pela Divina Hierarquia em benefício e felicidade de todos os seres.

Sri Vájera Yogue Dasa é instrutor de Yoga Brahna Vidya na América, Primeira Autoridade Iniciática Externa para o Ocidente do Mandalam.

Fonte: IPPB
Continuar lendo AUTOCONHECIMENTO: A FAMOSA PARÁBOLA DE JESUS CRISTO NA INTERPRETAÇÃO DO YOGUE BRAHMA VIDYA

REFLEXÃO: DESCUBRIR O REAL TAMANHO DO SEU PROBLEMA PODE SER A CHAVE PARA UMA VIDA SAUDÁVEL

Nesta quinta-feira, aqui na coluna REFLEXÃO a especialista em Yoga e Meditação Camila Zen nos ensina como medir o tamanho do nosso problema, algo que só você pode fazer. E isso deve ser feito o quanto antes, já que pode ser a chave pra viver uma vida com menos ansiedade e estresse. Então lhe convido a assistir o vídeo completo a seguir e conferir esse aprendizado!

Fonte:

Continuar lendo REFLEXÃO: DESCUBRIR O REAL TAMANHO DO SEU PROBLEMA PODE SER A CHAVE PARA UMA VIDA SAUDÁVEL

ARTIGOS: O DESTINO DA HUMANIDADE NAS MÃOS DAS SOCIEDADES SECRETAS, POR WAGNER BRAGA

Caro(a) leitor(a),

A partir desta edição da coluna ARTIGOS vou falar sobre a influência das Sociedades Secretas no destino da humanidade. Um assunto que a maioria da humanidade não sabe nem que existe, mas que está por trás do rumo e do destino de todos nós e, hoje, mais do que nunca essa verdade precisa vir a tona, pois estamos passando por tempos de despertar da consciência. No texto a seguir vou dar uma visão geral dessas irmandades e a partir do próximo ARTIGO falarei de cada uma delas.

Sociedade Secreta S.A. - Jovem Nerd

Ao longo da história, aos poucos, surgiram instituições, seitas, irmandades e inúmeras agremiações místicas. Estas instituições ou irmandades faziam questão de permanecer isoladas, guardando segredos imemoriais nunca revelados. Esses segredos eram guardados a sete chaves e passados apenas de “pai para filho”. Em raras exceções eram revelados para outras pessoas, que tinham de ser da mais alta confiança.

Reservei este texto para falar de algumas dessas agremiações que de alguma forma influenciaram a humanidade ao longo de sua trajetória terrestre. Quando falo que influenciaram não estou exagerando nem fazendo apologia a alguma “teoria da conspiração”. O rumo que a história seguiu tem muito a ver com a influência que estas irmandades tiveram sobre o nosso ‘Inconsciente Coletivo’ (Termo criado pelo psicólogo suíço Carl Gustav Jung o inconsciente coletivo é o que não sabemos de nós mesmos. Não representa o que eu vivi, mas o que a humanidade como um todo viveu).

Para enfatizar esse pensamento devo citar alguns exemplos de personagens famosos da história que só vem a confirmar essa teoria. A Maçonaria sempre reuniu mentes inquietas, brilhantes e, principalmente, influentes. Para além de teorias da conspiração, os maçons sempre estiveram envoltos em grandes marcos mundiais, tais como: a independência dos EUA, que, acredita-se, foram decididos em lojas maçônicas. Entre as figuras mais ilustre estão ninguém menos que Benjamin Franklin e George Washington. Já no Brasil, temos um belo time de notáveis como: José Bonifácio (Patriarca da Independência, foi o primeiro grão-mestre da instituição no país), D. Pedro I, Rui Barbosa, marechal Deodoro da Fonseca e Joaquim Nabuco. Mais recentemente, o ex-presidente americano Bill Clinton foi dirigente da Ordem DeMolay, um braço da Maçonaria fundada em 1919 nos Estados Unidos.

 Já o Opus Dei é tão poderoso que, há quem acredite, pode decidir grandes questões da Igreja. Sabe-se que uma das funções secretas dos membros do Opus Dei é ocupar posições de liderança na sociedade, de onde viria todo o poder e dinheiro da instituição.

Outra Instituição, menos conhecida, porém não menos influente é a Skull and Bones. Os membros dessa organização também trabalham com o mesmo intuito da Opus Dei. Não pode ser coincidência o fato de entre os membros da sociedade, estarem alguns dos mais importantes políticos e homens de negócios do EUA, como por exemplo: George Bush pai e George Bush filho, ambos ex-presidentes dos Estados Unidos. Até mesmo o fundador da corporação Time-Life, Henry Luce, um dos mais importantes conglomerados de comunicação dos Estados Unidos, que publica a influente revista Time, fez parte da Skull and Bones.

Por fim, existem registros históricos que Os Illuminati participaram de grandes eventos históricos como a Revolução Francesa, de 1789; as inúmeras revoluções que aconteceram em países europeus no mesmo ano e até mesmo a Primeira Guerra Mundial. Os próprios fundadores dos Estados Unidos e do Federal Reserve, banco central americano, teriam ligação com a Nova Ordem Mundial, cujo principal objetivo é a dominação global da Organização. Sem falar num sem número de artistas e cantores famosos, tais como: Beyoncé e seu marido Jay-z, Ryanna, Kanye West, Justin Bieber, Walt Disney e tantos outros.

As instituições ou irmandades mais conhecidas eram: Os Essênios, Os cavaleiros Templários, A Maçonaria, A Rosa Cruz e os Illuminati, as quais vou falar brevemente sobre cada uma para que o leitor possa se familiarizar, conhecer melhor e poder fazer um juízo de valor sobre o assunto.

Wagner Braga

Continuar lendo ARTIGOS: O DESTINO DA HUMANIDADE NAS MÃOS DAS SOCIEDADES SECRETAS, POR WAGNER BRAGA

PSICOLOGIA: COMO TRABALHAR A ANSIEDADE NA PANDEMIA, POR ROSSANDRO KLINJEY

Na nossa coluna PSICOLOGIA  desta quarta-feira temos uma mini palestra do extraordinário psicólogo Rossandro Klinjey sobre ansiedade, onde ele ensina como trabalhar esse distúrbio emocional na pandemia. A ansiedade tem sido um desafio coletivo durante a pandemia. Como é possível atenuar os sintomas e melhorar a saúde emocional? Manter o foco no hoje é essencial para deixar de lado a falsa sensação de controle do futuro e com isso, a ansiedade pelo que ainda virá. Então, se você está passando por isso ou não, mas quer prevenir, essa é a oportunidade de saber como!

Fonte:

Continuar lendo PSICOLOGIA: COMO TRABALHAR A ANSIEDADE NA PANDEMIA, POR ROSSANDRO KLINJEY

AUTOCONHECIMENTO: UM VIVA AO DESPERTAR DA CONSCIÊNCIA E A DEFESA PELA CORAGEM E A CERTEZA QUE A VERDADE VIRÁ À TONA CADA VEZ MAIS RÁPIDO EM 2021

Nesta terça-feira temos uma mensagem maravilhosa de ânimo e otimismo, aqui na coluna AUTOCONHECIMENTO. Baseado no crescimento entre humanos do despertar da consciência a certeza de que o ciclo vicioso do abuso e assédio está no fim em 2021, pois haverá muito mais luz e menos trevas, decretando o início deum novo ciclo, mas dessa vez um ciclo virtuoso. Então convido você a ler o texto completo a seguir, refletir e fazer o seu juízo de valor!

Mensagem de final de ciclo anti-abuso e anti-assédio para 2021 e além

Menina negra sentada com as mãos no rosto e joelhos levantados.
fizkes / 123rf

Em 2020, a humanidade teve o desafio de se reinventar. A nossa velha questão desde o tempo em que os nossos ancestrais procuraram as cavernas para se protegerem novamente mostra a cara para nos lembrar que não somos tão potentes e nem tão invencíveis como por vezes imaginamos ser. Temos um desamparo existencial primordial desde o início dos tempos das nossas jornadas como humanos neste plano, estando à mercê de forças incomensuráveis e incompreensíveis do universo. Somos animais assustados nas nossas mais profundas bases, com receio de que alguma catástrofe real e possível possa de uma hora para outra nos destruir por completo. Terremotos, cataclismos, tsunamis, pragas, vírus e bactérias a todo momento nos rondam de modo obscuro. Este ano nos mostra que a vida pode ser muito breve e que para existirmos bem precisamos definitivamente ter qualidade no nosso agora.

O ano de 2020 também nos ensinou sobre a necessidade de voltarmos para dentro de nós mesmos e este certamente foi um dos grandes chamados da atualidade. Apesar de ter sido um alerta mais do que necessário como atitude de sobrevivência para todas as áreas da vida, muitos aguentaram e outros literalmente não suportaram, colapsando de diversas maneiras.

Com isso, nesses novos tipos de clausuras impostas, a necessidade de libertação para o que significa literalmente viver bem surge como uma urgência imediata.

Com o advento da Covid-19, a tendência forte é que situações mal resolvidas venham à tona, não havendo mais espaço físico e nem interior para suportá-las, e nem motivos para postergá-las. No ano de 2020, a vida pede passagem, não apenas para vencermos a Covid-19, mas também para nos honrarmos em tudo o que se fizer necessário.

Com o confinamento, adoecimentos mentais se tornaram mais evidentes, bem como situações de perigo emocional e de vida tiveram menos espaço para se perpetuarem. Inúmeras pessoas vítimas de assédio, violências sexuais e emocionais estão conseguindo atravessar as barreiras do receio da exposição e mesmo humilhadas e assustadas estão conseguindo denunciar o que jamais deveria ter acontecido nos bastidores da vida, quer seja no trabalho, em casa, em circuitos familiares, sociais e em outros tipos de sistemas.

Menina branca deitada com braços embaixo da cabeça.
M. / Unsplash

Os véus caem e os abusos de poder de toda ordem são denunciados enquanto a humanidade indignada e em comum acordo faz uma aliança de afeto e de proteção às vítimas. Já é hora. Quanto mais despertos, melhor!

Precisamos estar juntos denunciando, acolhendo e cuidando das vítimas e mesmo dos assediadores, quando isso for possível. Precisamos mais do que nunca sanar sociedades adoecidas que há anos alimentam tais tipos de violência, banalizando o mal.

Cada um de nós pode dar o seu melhor nesse tema em que somos todos corresponsáveis. Assim como com a Covid-19, precisamos aliar forças estando lúcidos para erradicar esse tipo de mal de todo o planeta, sendo isso plenamente possível, quando estamos despertos, dando amor e limites saudáveis.

Psicólogos, psiquiatras, grupos de ajuda e de apoio, jornais, mídias, artigos, autoridades judiciais e governamentais têm obrigação de cada vez mais terem conhecimento de que abuso emocional, sexual e assédio são reais e extremamente perigosos, ajudando a combater esse mal que há anos vem assolando a sociedade, inclusive provocando feminicídios e violências de toda sorte.

Parabéns às pessoas que nos dias de hoje têm a coragem para denunciar toda sorte de violência.

Desejo que 2021 seja o ano da liberdade, da força e do apoio.

Que em 2021 toda a sociedade continue caminhando para que a justiça aconteça e que possamos entrar numa era de mais amorosidade, empatia e ajuda mútua.

Que estejamos alertas sem abrir mão dos nossos direitos com plena consciência do que é abuso, erradicando qualquer tipo de cilada emocional.

Quanto mais despertos, melhor!

Fonte: Eu Sem Fronteiras

Continuar lendo AUTOCONHECIMENTO: UM VIVA AO DESPERTAR DA CONSCIÊNCIA E A DEFESA PELA CORAGEM E A CERTEZA QUE A VERDADE VIRÁ À TONA CADA VEZ MAIS RÁPIDO EM 2021

REFLEXÃO: O DESPERTAR DA CONSCIÊNCIA COMEÇA COM A NOSSA INTERIORIZAÇÃO

Nesta terça-feira tenho o prazer de publicar, aqui na coluna REFLEXÃO um texto que vai levar você a uma verdadeira viagem ao seu interior. É um daqueles textos que, ao lermos, não há como não nos sensibilizarmos e embarcarmos nessa viagem de interiorização para entrarmos em consonância com a nossa alma e sendo assim, também não como não voltarmos dessa viagem diferentes, mudados, evoluídos e crescidos. Então lhe convido a embarcar nessa nave alegórica e experimentar essa deliciosa viagem!

Desejo à você …

 em 

 

Hoje venho compartilhar com vocês este lindo texto, de autoria desconhecida, que mais parece uma prece nos trazendo vibrações de amor.

“Que seja doce o teu olhar, e que teus olhos reconheçam a beleza além das externas aparências. Que sejam fortes os teus ombros, que erguem a tua face rumo ao horizonte, enquanto tu amparas quem de ti necessita.

Que sejam gentis as tuas mãos, servindo aos pequenos detalhes, porém necessários à completude. Que sejam fáceis os teus sorrisos, contagiando sem esforços, aqueles ao teu redor. Que sejam elevadas as tuas palavras, ao ressaltarem o que há de mais nobre, belo e edificante nos diferentes cenários.

Que seja sábio e virtuoso o teu silêncio enquanto lapidas, cuidadosamente, o teu mundo interior. Que a tua alma seja a expressão do teu divino espírito, expandindo-se por toda a Vida e além dela. Que sejam eternos os teus momentos na impermanência deste agora e que o passado, o presente e o futuro possam coexistir, harmoniosamente, em teu coração.

Que seja profundo o teu sentir e intenso o teu existencial amor. E que nada te afaste de ti, mas que tudo te inspire a continuar, pois não há maior motivação que a Vida em si mesma. Você é a vida em constante experimentação. Uma alma eterna que relembra, a cada dia, de sua divina essência ao se reconhecer no reflexo da Criação. E lembre-se: a beleza é parte integrante da sua alma, assim como você é uma parte indissociável do Universo. Muita honra e completude à todos nós.”

Luz e Paz!

Fonte: Sabedoria Universal

Continuar lendo REFLEXÃO: O DESPERTAR DA CONSCIÊNCIA COMEÇA COM A NOSSA INTERIORIZAÇÃO

AUTOCONHECIMENTO: DOMINAR SUAS EMOÇÕES É O PONTO DE PARTIDA PARA VOCÊ TRANSFORMAR SUA REALIDADE

Um artigo muito interessante para REFLEXÃO e para o aprendizado na seara da expansão da consciência é o destaque deste domingo, aqui na coluna AUTOCONHECIMENTO. O texto da terapeuta Claudia Regina Pinto fala sobre como você pode e deve reconhecer suas emoções previamente para poder fazer uma mudança no seu comportamento e te melhorar como pessoa, como ser humano, além de melhorar os seus relacionamentos. Através do domínio das suas emoções você estará dando um grande passo rumo a sua melhor vresão. Então, não deixe de ler o texto completo a seguir, refletir e fazer seu juízo de valor!

Domine suas emoções ou elas te dominam

Pequenos blocos de madeira coloridos com rostos desenhados.
tomertu / 123rf

Olá, quero falar com você, sobre a dimensão emocional. É mais ou menos assim: 🤨😶🙄😤😭😔😲

Sua emoção determina sua personalidade, que determina seu comportamento e te traz um resultado ou uma consequência. Boa ou ruim, tudo partiu de sua escolha de como responder ao meio.

E você será reativo ou proativo, a depender da forma como você sentiu e registrou determinado fato expresso e sentido por sua dimensão emocional, pelas crenças no seu corpo mental e pela ação do seu corpo físico.

Sim, o corpo é o responsável também por nos defender. Assim, se a emoção chegou forte, sua defesa pode passar a ser a de agressão, do silêncio extremo, da chantagem, do vício, da manipulação, da submissão… Enfim… muitos comportamentos surgem de uma emoção sentida.

Tudo vai depender de quais óculos você usou perante as emoções que sentiu quando seus pais, tios, avós, irmãos e o meio te disseram algo que te colocou numa situação conflituosa, de comparação, de dúvidas, de vergonha, de desconfiança, de raiva etc. As mesmas coisas ditas para outra pessoa são sentidas de jeito diferente. Você escolheu como se sentir, portanto isso é seu, não do outro. Mas para não lidar com essa dor em você, diz que o outro foi o culpado.

Da forma como sentiu e reagiu, sem dúvidas você recebeu méritos ou deméritos para consigo mesmo e o meio.

Essas memórias ficaram “arquivadas” em seu corpo.

E toda vez que você vivencia algo similar, essas memórias são ativadas, emitem uma mensagem ao seu corpo, que reage àquela velha emoção.

Reagir, por si só, já diz: tomar uma atitude ou ter um comportamento defensivo baseado naquela velha emoção do passado, estando no momento presente, antes mesmo de identificar o fato novo, então cai na cilada do mesmo padrão repetido de comportamento. O outro, que não sabe da sua história nem dos seus traumas, olha você com cara de espanto e diz: “Eu, hein, o que deu em você?”.

E as relações se estremecem.

Isso acontece ou já aconteceu com você?

Quem nunca deu um fora por puro desequilíbrio das emoções, não é mesmo?

Mas o bom é saber mesmo que pra tudo tem jeito e você pode sempre desenvolver novos comportamentos, novas atitudes, habilidades e competências.

E aí, o que escolhe fazer?

Permanecer na reatividade ou buscar soluções melhores para que suas relações sejam mais harmoniosas?

O primeiro passo, não tem jeito, é você se conhecer mais e compreender os gatilhos das suas emoções reativas, observá-las, perceber qual caminho da rota a mente toma para identificar as repetições, as verdades absolutas criadas no plano mental e, a partir daí, estar aberto e pronto para iniciar a mudança!

Perfil de mulher branca com expressão dolorosa.

Malicki M Beser / Unsplash

Conte comigo! Sei que posso te auxiliar e quero fazer isso, mas, antes, quem precisa querer é você.

Muita luz em sua vida!
Você não está sozinho!
Estamos juntos!
Se quiser agendar uma sessão, acesse minha página!

https://www.claudiaregina.terapeutastop.com.br/

Fonte: Eu Sem Fronteiras

Continuar lendo AUTOCONHECIMENTO: DOMINAR SUAS EMOÇÕES É O PONTO DE PARTIDA PARA VOCÊ TRANSFORMAR SUA REALIDADE

TEM INÍCIO NO RN A PESQUISA SOROLÓGICA PARA IDENTIFICAR COMPORTAMENTO DA COVID-19 NO ESTADO

Por Julianne Barreto e Leonardo Erys, Inter TV Cabugi e G1 RN

 

Testes de sorologia da pesquisa tiveram início no RN — Foto: Julianne Barreto/Inter TV CabugiTestes de sorologia da pesquisa tiveram início no RN — Foto: Julianne Barreto/Inter TV Cabugi

Os 160 pesquisadores iniciaram nesta sexta-feira (8) o trabalho de campo do Inquérito Sorológico no Rio Grande do Norte, uma pesquisa que tem o objetivo de mapear o comportamento da Covid-19 em todas as regiões do estado.

A meta é que 24 mil pessoas façam o teste da Covid-19 e sejam entrevistadas durante três semanas, em três ciclos. O 1° ciclo de entrevistas exames para a pesquisa vai da sexta-feira (8) até o domingo (10). O segundo ciclo acontece entre os dias 15 e 17, e o terceiro vai de 22 a 24 de janeiro.

A abordagem é feita porta a porta, à domicílio. Em Natal, nesta sexta-feira (8), os testes foram feitos em bairros e localidades da Zona Norte, como Cidade Praia, Potengi e Pajuçara.

Maria de Lourdes Bezerra, 69 anos, foi uma das que participaram da pesquisa. “Eu tinha visto na televisão que ia passar e atendi. Eu queria mesmo ver. É bom ter a certeza se está ou não. Eu acho que já tive, mas eu queria saber se tive ou não”, falou.

Ela conta que o filho também apresentou alguns sintomas e que acredita que ele se contaminou no trabalho e levou o vírus pra casa.

“Eu senti dor no corpo todo, muita dor de cabeça, o corpo febril, mas fui no hospital e não estava. Também tive tosse, dor no corpo, perda de olfato e paladar. Isso foi em junho. Não fiz o teste, porque eu achava tão difícil. Eu fui no hospital e tiraram radiografia do meu pulmão, não tinha sequela e me passaram um medicamento em casa”, disse.

“Passou, mas eu pensei que ia morrer. Escapei fedendo, como se diz”.

O resultado dela, no entanto, deu negativo tanto para a presença do vírus atualmente como para uma resposta imune. Ou seja, também não houve confirmação de se ela já pegou o vírus em algum outro momento.

Testes de sorologia da pesquisa tiveram início no RN — Foto: Julianne Barreto/Inter TV Cabugi

No sábado (9), a pesquisa vai passar pelos bairros Nordeste, Guarapes e Barro Vermelho. A intenção é testar 3 mil pessoas por cidade.

Em algumas casas, há um certo receio, segundo os pesquisadores. Cidade Praia foi uma das localidades em que as pessoas mais recusaram o teste.

“Elas negavam, não queriam fazer, não acreditavam. Umas pensavam que era algo a ver com a vacina. Muito de fake news que antes mesmo de começar nós vimos nas redes sociais que já estavam saindo, de que a gente iria nas casas e que as pessoas tomassem cuidado, que era assalto. Teve muito disso e as pessoas acabam acreditando”, disse Jacqueline Aires, supervisora de campo da pesquisa.

Questionário

As pessoas que aceitarem participar das entrevistas respondem um a questionário, que tem questões socioeconômicas sobre número de pessoas e cômodos na casa, frequência de fornecimento de água, grau de escolaridade, renda total no mês, e renda de aposentadorias e de bolsa família.

É questionado ainda a idade, raça, peso, altura, profissão, além de tópicos relacionados ao contágio, como: se teve contato com caso suspeito ou confirmado de Covid-19, se já foi testado ou confirmado com a doença, se apresentou sintomas, se faltou trabalho ou escola durante esse período, se foi internado e se tem doenças crônicas.

Tópicos sobre o isolamento também estão entre as perguntas: se foi a supermercado nos últimos 14 dias ou outros locais, como está sendo o isolamento (frequência de saídas de casa por semana), se adotou total ou parcialmente o isolamento, além de qual o meio de transporte utilizado.

Pesquisa

A pesquisa será feita em parceria com o Instituto Amostragem do Piauí e tem o apoio do Comitê Científico, formado por pesquisadores da Universidade Federal do Rio Grande do Norte e do Laboratório de Inovação Tecnológica em Saúde (LAIS).

Ao todo, a previsão é de que cerca de 2.300 domicílios participarão da pesquisa em cada etapa. Oito municípios com sede de regionais de saúde serão analisados: Pau dos Ferros, Mossoró, Assu, Natal, João Câmara, São José do Mipibu, Santa Cruz e Caicó.

“O intuito é de compreender melhor como se dá o processo de adoecimento e o acometimento, a incidência e a prevalência da doença no Rio Grande do Norte”, explicou a secretária adjunta da Sesap, Maura Sobreira

Cada município terá 30 setores censitários do IBGE sorteados para a realização do inquérito. Em cada setor serão realizadas 100 entrevistas em domicílios previamente determinados pela UFRN.

“É uma pesquisa que a gente teve praticamente um investimento de R$ 2 milhões pra que a gente possa melhor compreender o comportamento da doença no território e, consequentemente, melhor direcionar as ações no sentido de enfrentamento da pandemia”, falou a secretária adjunta.

O exame

O exame será realizado com amostra de sangue obtida através de punção digital e o estudo de validação apresentado pelo fabricante identificou uma sensibilidade de 86,4% e especificidade de 99,6% de segurança no resultado.

Segurança para os participantes

A Sesap informou que quem for participar do estudo será informado sobre os objetivos da pesquisa, riscos e vantagens. O material e todas as informações só serão coletados após assinatura do termo de consentimento do participante.

As medidas de segurança biológica cabíveis serão tomadas, de forma a garantir a saúde dos trabalhadores de campo atuando na coleta dos dados e do material. O estudo envolve risco mínimo para a saúde dos participantes, pois consiste apenas na aplicação de um questionário e o exame sorológico. Se houver qualquer desconforto, o participante poderá deixar de participar a qualquer momento.

Fonte: G1 RN

Continuar lendo TEM INÍCIO NO RN A PESQUISA SOROLÓGICA PARA IDENTIFICAR COMPORTAMENTO DA COVID-19 NO ESTADO

AUTOCONHECIMENTO: UM PARALELO ENTRE OS 7 CHAKRAS E O ENEAGRAMA, POR SARITA CESANA

A nossa psicóloga colaboradora, Sarita Cesana, nos presenteou, neste sábado com mais um dos seus maravilhosos textos. Desta vez ela traça um paralelo entre os sete chakras do nosso campo energético com  a sabedoria do Eneagrama. Utilizando uma linguagem simples e de fácil entendimento ela nos mostra a diferença entre ambos e como ao estudar as duas sabedorias, é possível identificar os movimentos corporais, comportamentais e emocionais dos chakras em harmonia ou desequilíbrio, em cada tipo do Eneagrama. Então lhe convido a ler o texto completo a seguir e expandir um pouco mais a sua consciência!

Os 7 Chakras - O Manual Prático e Completo Para Iniciantes

Os CHAKRAS e o ENEAGRAMA

Chakra é uma palavra sânscrita que significa “roda”, se referindo aos sete principais vórtices de energia que giram, e vibram, como rodas, alinhados ao longo da nossa coluna vertebral, do cóccix ao topo da cabeça.  São centros de energia, que representam os diferentes aspectos da natureza sutil do ser humano: corpos físico, emocional, mental e energético.

Nosso corpo funciona a partir de diversos mecanismos, transformações, ciclos e vibrações. Tudo pulsa, os pensamentos se modificam, os sentimentos trocam de intensidade, as energias se contraem ou expandem, à medida que a vida acontece.

Como não somos máquina, é preciso atenção especial a todos os aspectos do nosso Ser: o que inclui, não apenas os aspectos fisiológicos, como também os corpos sutis (campo energético), que está em fluxo constante.

Dessa forma, muitos estudos nos levam a acreditar que nosso desenvolvimento se processa através de diversas dimensões que permitem o aprofundamento da visão psicoespiritual.

Assim como a sabedoria do Eneagrama, a leitura dos Chakras, e sua prática, não podem ser descritas somente com palavras, teorias, livros e/ou ensinamentos formais: e sim  esses conhecimentos podem ser adquiridos através da experiência. Ambos têm em comum que são mapas de evolução e consciência, levando ao desenvolvimento integral do Ser Humano. Todos os chakras têm seu valor, e o bloqueio de um interfere nos demais.

Uma diferença entre ambos é que o Eneagrama descreve as características dos nove perfis da Mandala, enquanto a descrição dos Chakras é a mesma para todos os seres humanos, sem diferenciar tipos psicológicos ou estilos de personalidade. Porém quando se estuda profundamente as duas sabedorias, é possível identificar os movimentos corporais, comportamentais e emocionais dos chakras em harmonia ou desequilíbrio, em cada tipo do Eneagrama.

Partindo do princípio que cada ser humano é chamado a desenvolver plenamente suas potencialidades, e adquirir uma vida com sabedoria e felicidade, vamos integrar informações já utilizadas nas práticas terapêuticas, que auxiliam o buscador a transitar no processo de abertura, equilíbrio, desapego, maturidade e generosidade consigo e com o outro, em direção a jornada pessoal.

Cada desafio a superar implica um obstáculo psicológico, que bloqueia um chakra específico:

  • Chakra 1 Muladhara: bloqueado pelo medo.
  • Chakra 2 Svadusthana: bloqueado pela culpa.
  • Chakra 3 Manipura: bloqueado pela vergonha.
  • Chakra 4 Anahata: bloqueado pela tristeza.
  • Chakra 5 Vishuddha: bloqueado pelo engano.
  • Chakra 6 Ajna: bloqueado pela ilusão.
  • Chakra 7 Sahasrara: bloqueado pelo apego.

Os três primeiros chackras correspondem ao plano pessoal: instalados e desenvolvidos ao longo da infância e adolescência.

Os três últimos correspondem ao plano transpessoal: onde se chega em equilíbrio mais na maturidade, quando se abandonam velhos padrões e o coração se abre para a aceitação de todos os seres. Esses espaços são acessados em trabalhos profundos e de conexão, como a meditação, por exemplo.

Entre ambos, está o plano transacional, o 4º chakra, cardíaco, um espaço de superação de obstáculos próprios ao desenvolvimento pessoal, que leva ao trabalho de aceitação de si, jornada de autoconhecimento, auto-observação e transformação: a ponte do AMOR.

Portanto, finalizando, o mapa evolutivo que se apresenta na Mandala do Eneagrama se vincula perfeitamente ao conhecimento dos sete Chakras. Na visão atual do Eneagrama Sistêmico, o objetivo principal é o autoconhecimento, que aliado ao equilíbrio e alinhamento dos sete Chakras, potencializa a qualidade de vida e caminho de “volta” à essência Divina. Ambos os sistemas nos levam a elevação da consciência, integração de diversas aprendizagens existenciais, sabedoria, atitudes amorosas, desapego, empatia e generosidade.

Sarita Cesana

Psicóloga CRP 17-0979

@saritacesana

Fone de contato (84) 98169-1884 / 99608-9666

Continuar lendo AUTOCONHECIMENTO: UM PARALELO ENTRE OS 7 CHAKRAS E O ENEAGRAMA, POR SARITA CESANA

AUTOCONHECIMENTO:

Nesta sexta-feira, aqui na coluna AUTOCONHECIMENTO trago um texto maravilhoso para as pessoas buscadoras que estão passando pelo despertar da consciência e querem entender o que os espera em 2021. Saber que este é o ano do crescimento da compreensão, de muita luz, uma viagem de descobertas, uma poderosa personificação da maestria e cura para você e o mundo. Então, convido você a ler o texto completo a seguir, refletir e fazer o seu juízo de valor!

O crescimento da compreensão para 2021

Mensagem canalizada em 2 de Janeiro de 2021 – Lord Melchizedek

Saudações, Eu sou Lord Melchizedek, eu venho com a energia coletiva e amorosa dos Mestres Ascensionados nos planos internos. Queremos compartilhar com vocês intuições e ideias para apoiar seu crescimento e entendimento em 2021.

A jornada de 2020 foi confusa e desestabilizadora para muitas pessoas na Terra, bem como trouxe clareza, uma nova visão e um aprofundamento do autoconhecimento. Embora não esteja claro para muitas pessoas do porquê certas situações se manifestaram durante 2020, um crescente saber e vontade de reconhecer a verdade do Criador está despertando.

O início de 2020 viu o ancoramento da Chama de Luz, uma poderosa onda de energia do Criador para amplificar a Luz ao longo do Universo do Criador e da Terra. A Chama de Luz prometeu criar mais Luz do que jamais foi experienciando antes na Terra. Portanto, um despertar e liberação do medo manifestado, a partir da Terra liberando o medo estagnado e a negatividade que estavam armazenados por múltiplos anos e até civilizações.

A única forma de realmente liberar o medo estagnado e a negatividade foi por meio da personificação da humanidade, cura e liberação da energia. Este processo continua e muitas pessoas estão dedicando seu tempo e serviço para apoiar e auxiliar na erradicação do medo da Mãe Terra.

Mestres Ascensionados, Seres Estelares e Arcanjos ancoraram Pilares de Luz na Terra ao longo de 2020, cada um representando um propósito e atuando como um ashram de sabedoria e conhecimento para todos na Terra acessarem. Cada Pilar de Luz é conectado, criando uma poderosa mudança de vibração para todos. Para se conectar com um Pilar de Luz, simplesmente escolha um Mestre Ascensionado, Ser Estelar ou Arcanjo com o qual você sinta conexão, peça ou mantenha a intenção de se alinhar com o Pilar de Luz deles ancorado na Terra.

Os Pilares de Luz dos Mestres abriram o caminho para ancorar o Projeto de Ascensão da Nova Terra durante 2020, presenteado pelo Conselho Cósmico dos 12 para ajudar a humanidade em reconhecer e experienciar novas oportunidades e possibilidades libertadoras. O Projeto cria um novo começo, permitindo aos seus sonhos e desejos se manifestarem para sua experiência em sua realidade.

Tudo é possível agora com a presença do Projeto. Embora ele tenha ancorado na Terra e em toda a humanidade, ele é somente ativado realmente quando uma pessoa cocria com o Projeto, focando em manifestar oportunidades e possibilidades, que pareciam inatingíveis anteriormente. O Projeto o encoraja a expandir sua mente, sonhar grande, aceitar seu poder e perceber que você pode manifestar poderosamente a vida que deseja viver.

Para se conectar e ativar o Projeto de Ascensão da Nova Terra, chame o Conselho Cósmico dos 12 para estar com você. Peça que eles o tornem consciente do Projeto de Ascensão da Nova Terra que já está ancorado em seu ser. Então permita-se experienciar a energia radiante, inspiradora, a orientação e ativações que o Projeto compartilha.


A Jornada de 2021…

A Jornada de 2021 vai oferecer muitas janelas de despertar e profundas conexões com o Criador. Você será encorajado pelo Criador e as mudanças ascensionais que estão acontecendo a olhar mais profundamente para dentro de si, com o propósito de trazer a presença sagrada interna para atuar em sua vida.

Você será convidado a examinar as áreas e criações de sua vida onde o fluxo divino do Criador não está presente. Trazendo a Luz do Criador para sua vida, ações e criações nunca foram tão importantes como agora. O Criador está convidando você a manifestar mudanças em sua realidade e a estar a serviço para os outros, a partir da sabedoria, intuições e verdade internas.

A mais importante pergunta que você pode se fazer ao longo de 2021 é, ‘Como eu posso cocriar com o Criador na minha realidade física e o que estou sendo guiado a criar?’

Criar a partir da verdade do seu ser, ao invés de sua mente, emoções, perspectivas ou crenças, irá se tornar uma viagem de descobertas, uma poderosa personificação da maestria e cura para você e o mundo. As mudanças já começaram a se manifestar em sua realidade e no mundo, esta vibração de mudança exige continuar.

Vai haver uma necessidade de descobrir métodos de ancoramento que sejam pessoais para você para manter seu equilíbrio e centro, conforme o seu mundo interno muda e o mundo ao seu redor começa a se alterar.

Examine e descubra as ações, pensamentos, pessoas e situações em sua vida que o ajudam a sentir-se ancorado na Mãe Terra e na verdade de seu ser. Conforme você estabelece um senso de estar ancorado e equilibrado, você irá criar clareza e paz dentro de si, que abrirão caminho para sua verdade interna se manifestar.

Outro convite feito pelo Criador para você examinar e contemplar durante 2021 é o entendimento de sua verdade interna. Você está sendo encorajado a alcançar um entendimento mais profundo do que é a sua verdade interna, como se comunicar com ela e a força que a impulsiona.

Ao final de 2021, você terá uma maior consciência e experiência da verdade do Criador residindo dentro de seu ser e também como ela se mostra como ação em sua realidade. Esta mudança poderosa na humanidade de olhar para dentro, irá criar muitas mudanças na consciência da humanidade, permitindo a velhos ciclos e modos de ser serem derrubados, criando novos entendimentos e comportamentos.

A Luz está constantemente encorajando mudança e o aparecimento da verdade, isto pode criar turbulência e sentimentos de instabilidade. É imensamente importante pedir e manter a intenção de estar alinhado com o Flxo Divino do Criador, bem como a orientação de sua alma.

Presentes para Auxiliar a Ascensão em 2021

Os planos internos e Mestres estão oferecendo uma variedade de apoio em forma de energia e consciência ancorando-se na Terra para estar a serviço da humanidade.

• Fluxo Dourado do Despertar

Presenteado pelo Conselho dos 144, um grupo de almas que mantêm a vibração do infinito e possui uma conexão poderosa com a Terra, o Fluxo Dourado do Despertar vai ser o primeiro a se manifestar.

Mantendo a vibração da Consciência Crística do amor como uma manifestação infinita, o Fluxo apoia a presença crescente do amor dentro de seu ser e a manifestação do amor dentro de todas as criações no nível físico. Você pode se alinhar com o Fluxo Dourado do Despertar para liberar e florescer seu amor próprio, alinhar tudo o que você é e faz com o amor, descobrir a vibração mais pura do amor e alinhar todo o seu ser, bem como entender o poder do amor, especialmente em suas manifestações.

O Fluxo Dourado do Despertar vai ser como um abraço caloroso, solidário e amoroso, permitindo uma limpeza suave em seu ser para trazer despertar, clareza e intuições.

• A Lei da Unidade

Mahatma, o Logo Cósmico, vai oferecer um modelo sagrado multidimensional que contém a energia e consciência da Lei da Unidade. Este modelo vai conter a Lei da Unidade da mais pura vibração do Criador, com o propósito de ativar a mesma coisa dentro de você.

A Lei da Unidade permite a você se lembrar de sua união com todos os seres do Criador, encorajando-o a usar a vibração da unidade para servir suas criações e serviço na Terra. O modelo contém um grande poder de iluminação, ao mesmo tempo em que cria um propósito de curar ideias falsas ou obsoletas de unidade e separação.

Uma crença na separação cria bloqueios e um distanciamento do Criador, a união permite a você expandir sua mente e seu ser para abraçar a presença do Criador internamente. Tire um tempo para contemplar a presença e o poder da união dentro de seu ser, ao fazer isso, quando estiver pronto, Mahatma vai chegar para compartilhar e ativar a Lei da União dentro de seu ser.

• A Verdade da Terra

Muitas civilizações atrás, a verdade da Terra foi acessada e aproveitada permitindo às almas co-criar em harmonia com a Mãe Terra. Isto manifestou o equilíbrio natural da Terra e da humanidade.

Esta informação e estes códigos estão agora começando a ser liberados mais uma vez na consciência da humanidade, depois de terem sido enterrados dentro da Terra. Isto oferece uma oportunidade de entender o propósito da Terra, porquê as almas encarnam aqui e como seguir em frente harmoniosamente em ascensão.

A Mãe Terra poderá lhe chamar para receber aspectos da Verdade da Terra, se ela fizer, Eu, Lord Melchizedek encorajo você a seguir seu chamado pois grandes percepções poderosas e despertadoras o aguardam.

• Despertando e Mudando Falsas Perspectivas

O dilema e a crença no certo e errado, bem e mal, falso e verdadeiro, vai exigir sua contemplação e atenção conforme essas crenças tornam-se fragmentadas e desaparecem para construir novas crenças nascidas da união, verdade e paz.

A humanidade vai ser encorajada a descobrir o perdão, agir sem julgamento, a habilidade de ser e permanecer com a mente aberta e a habilidade de amar o outro enquanto retém seu poder interno.

Um despertar e mudança em perspectivas vai manifestar uma suavização e abertura nos corações de muitos e uma união para co-criar novas crenças e uma nova realidade para as gerações posteriores. Tire um tempo para observar seus julgamentos, perspectivas, crenças e as estórias que você cria sobre si mesmo, sua vida e os outros.

• A Continuação de um Novo Começo

O Projeto de Ascensão da Nova Terra vai continuar a se desdobrar e influenciar as vidas de muitos ao longo de 2021. Durante 2020 você foi encorajado a pensar além das fronteiras e limitações que criou para si mesmo, para expandir sua mente e completar o que o faz feliz, alegre e completo.

O mesmo é essencial em 2021, é um momento  de expansão da mente para co-criar o que você realmente deseja experienciar na Terra. É um novo começo. Quando você se permite se conectar com a verdade, poder e sabedora internas, você vai se encontra sendo levado talvez numa nova direção.

A criação e experiência de realização é a chave. Para incorporar completamente e experienciar este momento de construção da experiência da realização para todos, é necessário primeiro saber e acreditar que você é merecedor de realização em todas as áreas de sua vida. Tire um tempo para contemplar o que a realização pareceria, como se sentiria e como ela poderia influenciar sua experiência.

Assim, você começa a acessar a energia da realização, alinhando-se a ela e entendendo o que é possível para você.

• O Poder da Verdade

Em 2021 o poder da verdade vai aparecer; isto vai ser ajudado por uma tremenda onda do poder do Criador fluindo para a Terra e todos os seres. Muitas pessoas poderão sentir uma batalha de controle de poder e o poder puro do Criador borbulhando de dentro delas.

Esta será uma limpeza muito poderosa para liberar o medo de poder que muitas pessoas têm dentro de si. Embora o resultado será uma habilidade maior de acessar o poder puro do Criador internamente, usá-lo em sua realidade, isto pode criar um atrito na Terra em cenários e situações, conforme as pessoas mudam por meio do processo de limpeza para se reconectarem com o puro poder do Criador dentro delas. Perceba as diferentes expressões de poder que você cria e que estão presentes no mundo.

Contemple e dirija seu foco para o puro poder do Criador dentro de seu ser e esteja atento à batalha de poder emergindo de dentro das outras pessoas. O Criador vai enviar uma pura onda de poder com tempo divino, você saberá quando ela estiver ancorando pois ela vai descobrir sua atenção como um ímã escaneia seu poder e o poder de outros que estão buscando a verdade.

Minha maior mensagem para você em 2021 é sua para criar o que quer que você deseje criar. O universo inteiro do Criador está presente para apoiá-lo.

Com amor eterno,
Lord Melchizedek

Natalie Glasson — Fonte: https://omna.org/

Fonte: Trabalhadores da Luz

Continuar lendo AUTOCONHECIMENTO:

DESENVOLVIMENTO PESSOAL: TRABALHANDO O PERDÃO – A DECISÃO DE PERDOAR – AULA 3 – POR ROSSANDRO KLINJEY

Nesta quinta-feira, aqui na coluna DESENVOLVIMENTO PESSOAL, nós vamos assistir a 3ª palestra do renomado psicólogo Rossandro Klinjey sobre o perdão. Na sua primeira aula sobre o assunto ele identificou a Mágoa que está dentro de cada um de nós, mas que muitas vezes nem sabemos disso. Na segunda aula ele falou sobre como lidar com a mágoa. Nesta 3ª e última aula ele trata da Decisão de Perdoar. Então, aproveite e não deixe de assistir ao vídeo completo a seguir para aprender a lidar com essa situação!

Fonte:

Continuar lendo DESENVOLVIMENTO PESSOAL: TRABALHANDO O PERDÃO – A DECISÃO DE PERDOAR – AULA 3 – POR ROSSANDRO KLINJEY

DESENVOLVIMENTO ESPIRITUAL: A IMPORTÂNCIA DO KUNG-FU E TAI-CHI CHUAN

Nesta quinta-feira, aqui na coluna DESENVOLVIMENTO ESPIRITUAL trago um PODCAST do professor Laércio sobre a importância das artes marciais do Kung-fu e do Tai-Chi Chuan para o nosso crescimento evolutivo espiritual. Ao praticar essas artes ou, pelo menos, uma delas, você vai começar a despertar o espírito do guerreiro da luz e encontrar as suas respostas e compreender o significado da sua existência. É um facilitador para se alcançar a sua melhor versão. Então, não perca essa oportunidade!

Continuar lendo DESENVOLVIMENTO ESPIRITUAL: A IMPORTÂNCIA DO KUNG-FU E TAI-CHI CHUAN

AUTOCONHECIMENTO: A LIBERTAÇÃO DA TERRA DAS FORÇAS NEGATIVAS ESTÁ BEM PRÓXIMA

Na nossa primeira edição da coluna AUTOCONHECIMENTO de 2021 temos mais um excelente artigo de Vital Frosi sobre os últimos acontecimentos no panorama político e econômico do planeta de uma maneira geral e como estamos evoluindo para a libertação das forças negativas e satânicas, bem como do fim dos governos corruptos. Então lhe convido a ler o texto completo a seguir e entender como estão acontecendo as batalhas no Astral entre o bem e o mal, que estão próximas do fim.

Estamos muito próximos da libertação da Terra

guerra

Amados, muitas informações vindas dos Amparadores Angelicais estão chegando a cada dia, em maior quantidade e também mais precisas.Ainda assim, não podemos ter o acesso à realidade, pois as batalhas no Astral entre o bem e o mal ainda não terminaram.

Nós podemos ver aqui, no mundo físico, o reflexo dessa “guerra invisível”. Diante de nossos olhos, nós podemos ver uma amostra, embora bem superficial, do que realmente acontece onde se define os rumos do planeta Terra.

Quando o Cristo Jesus disse: “Não se pode servir a dois senhores ao mesmo tempo”, quis Ele nos dizer que temos a escolha de servir o bem ou o mal. Ou estamos de um lado, ou estamos do outro. Não há meio termo, pois não existe o “meio bem” e tampouco o “meio mal”.

A hora é de definições para a humanidade! Chegamos realmente ao Final dos Tempos. Embora não possamos saber as datas exatas, nem os dias e as horas precisas (para não causar pânico desnecessário), sabemos que a qualquer momento, de agora até no máximo 8 anos, acontecerá o tal evento.

guerra

Algumas fontes até dizem que já estamos dentro do evento. Eu acredito que sim, pois muitos acontecimentos estão aí para comprovar. Mas o epílogo, de fato, está muito próximo, inclusive nos aproximamos de forma acelerada do Reset Financeiro. A falência dos governos corruptos está bem na nossa cara para que ninguém tenha dúvidas. As mentiras que ainda teimam em nos impor já não conseguem mais atingir os resultados programados.

Vemos a parcela da humanidade ainda presa ao Velho Poder, brigando para obter vantagens em todos os setores onde haja poder e dinheiro, mas também vemos as máscaras caírem uma por uma.

Ninguém mais vai conseguir se esconder. São as últimas tentativas do satanismo em dominar a humanidade por meio do medo, da mentira, da dominação e da escravidão.

No caso do Brasil, hoje, nenhum governante honesto consegue se eleger. Quando surge um candidato não atrelado ao “mecanismo”, todos os que compactuam com o satanismo se voltam com todas as armas para destruir qualquer possibilidade de ser eleito. E, mesmo assim, se algum governante tiver um pouco de bom senso e quiser fazer algo de bom para o povo, não consegue, pois os parlamentos, começando pelas Câmaras de Vereadores, passando pelas Assembleias Legislativas Estaduais, a Câmara Federal e o Senado impedem qualquer perspectiva de sucessoApenas 10% dos políticos não estão no tal esquema.

O objetivo dessas forças ocultas é um só: causar dor e sofrimento, revolta e indignação, medo e desalento para que a massa humana produza ectoplasma negativo, que é a energia que alimenta o Exército das Trevas

Por isso, estamos de hoje em diante em vigília permanente.

Todos os dias, às 18 horas, vamos nos reunir em orações para criar um ectoplasma positivo e abastecer as Forças da Luz, já que a verdadeira guerra se desenrola no invisível.

Vamos nos posicionar e servir ao Senhor ao qual nos alinhamos. A vitória do bem reverterá em benefício de todos aqueles que contribuem para tal. Ao contrário, aqueles que alimentarem as sombras terão o seu destino também direcionado para os abismos sombrios onde haverá dor e sofrimento relativos à carga de cada um.

guerra

Essa semana, algumas informações que chegam trazem a preocupação dos abnegados protetores do Brasil, dizendo que podemos ter uma intensificação da Guerra Civil no nosso país. Vemos há algum tempo pessoas brigando com pessoas por interesses de terceiros, principalmente dos governantes inescrupulosos.

Se não estivermos bem conscientes da realidade e agirmos com ética e moral, vamos acabar por deflagrar uma Guerra Civil muito séria, que trará muita dor e sofrimento ao povo. E é isso que as Trevas estão querendo! Assim, haverá a quantidade de energia negativa para dar uma sobrevida ao exército maligno.

A única arma que realmente vence o mal é a energia positiva, baseada no amor e na compaixão. Por isso, orar pelo Brasil, juntos, em todos os dias, às 18 horas.

O destino do Planeta já está decidido. É uma questão de tempo! Porém o destino de cada nação depende do livre-arbítrio de seu povo, do coletivo. Ainda veremos nações passarem por turbulências motivadas pelas decisões coletivas de seu povo.

guerra

Havendo uma intensificação da Guerra Civil no Brasil, não restará mais nenhuma alternativa que a Intervenção Militar. Mesmo que uma Intervenção Militar já se vê necessária, é sempre dado ao povo o poder de decidir o que lhe convém. A situação se encaminha para tal fim.

Intervenção não significa Ditadura, até porque já estamos em uma Ditadura camuflada de Democracia faz tempo. Intervenção, se vier, será para pôr fim exatamente a essa Ditadura Civil travestida de poder democrático, que está escravizando o próprio povo que os elege. Governos governando em causa própria.

Não se deixe enganar pelas espertezas dessas aves de rapina! Use a consciência plena e veja pelos olhos da razão!

Vital Frosi
Escrito por Vital Frosi
Continuar lendo AUTOCONHECIMENTO: A LIBERTAÇÃO DA TERRA DAS FORÇAS NEGATIVAS ESTÁ BEM PRÓXIMA

REFLEXÃO: VOCÊ RECONHECERIA O SÁBIO NAMONTANHA?

Nesta segunda-feira a nossa coluna REFLEXÃO trás como primeira REFLEXÃO de 2021 uma história sobre aparências, ego e aprendizados, que pode nos ajudar a ver a vida de outra maneira e nos ajudar a crescer ainda mais. Sobre um sábio na montanha a quem um jovem queria muito conhecer. Então convido você a assistir ao breve vídeo de Camila Zen e conhecer essa história de sabedoria, refletir e fazer o seu juízo de valor!

Fonte:

Continuar lendo REFLEXÃO: VOCÊ RECONHECERIA O SÁBIO NAMONTANHA?

FÍSICA QUÂNTICA: A AFINIDADE DA FÍSICA QUÂNTICA COMA PSICOLOGIA PODE EXPLICAR POR QUE HUMANOS TÊM DIFICULDADE EM TOMAR DECISÕES

Na primeira edição da nossa coluna FÍSICA QUÂNTICA de 2021 temos um artigo muito interessante extraído do site TECMUNDO sobre uma afinidade entre a física quântica e a psicologia, que antes não se sabia, que pode explicar o porquê da dificuldade de os humanos em tomar decisões. Então, sugiro a leitura desse texto para entender melhor como essa fusão entre duas ciências distintas pode resultar em soluções para algo antes inexplicável!

Física quântica pode explicar dificuldade de humanos em tomar decisões

3 min de leitura
Imagem de: Física quântica pode explicar dificuldade de humanos em tomar decisões

 

Se nós, humanos, somos – de longe – as criaturas mais inteligentes do planeta, como é possível que a gente tome tantas decisões erradas? Pior ainda: por que tantos de nós insistimos no erro e nos equivocamos de novo? Pois, de acordo com Nicoletta Lanese, do site Live Science, em vez de buscar respostas na Psicologia apenas, pesquisadores da Universidade de Ciências e Tecnologia da China se voltaram para a Física e a Mecânica Quântica e, por mais estranho que soe, encontraram pistas bastante interessantes.

Teoria Cognitiva Quântica

Pode até parecer que a Física e a Psicologia sejam tão diferentes quanto a água e o vinho. No entanto, ambas áreas ajudam, à sua maneira obviamente, os cientistas a preverem o quão desorganizado um sistema pode se tornar – embora uma seja aplicada ao estudo da natureza das partículas e, a outra, ao estudo da natureza humana.

Dentro da Física, a Mecânica Quântica consiste no ramo que descreve o comportamento das partículas fundamentais que compõem toda a matéria que existe. Assim, enquanto a Física estuda o comportamento do Universo na escala de corpos como galáxias, estrelas, planetas etc., a quântica se dedica a compreender o funcionamento do cosmos na escala de átomos, elétrons, partículas subatômicas e assim por diante, e um de seus pilares consiste no conceito de incerteza que se aplica a esse domínio minúsculo.

(Fonte: MoleClues / Reprodução)

Agora, considerando o comportamento humano e o processo de tomada de decisões, não restam dúvidas de que nós, apesar de sermos criaturas inteligentes e complexas, com frequência provamos não ser tão racionais assim na hora de optar por algo e, em vez de decidir pelo óbvio, nem sempre nos portamos como deveríamos, muito menos como esperado.

É aí que entra a chamada “Teoria Cognitiva Quântica”, uma proposta que, ademais de conciliar a Psicologia e a Física, ajuda a explicar os lapsos racionais que os humanos têm – através do mesmo conceito de incerteza da quântica. Em outras palavras, o que os defensores dessa linha de pesquisa defendem é que, para poder prever melhor como se dará o processo de tomada de decisões, os psicólogos podem lançar mão de algumas noções da mecânica quântica.

Casamento entre humanas e exatas

No caso dos pesquisadores chineses, segundo Nicoletta, eles selecionaram um grupo de pessoas e colocaram todas elas para realizar uma variedade de testes psicológicos clássicos em que os participantes precisavam – adivinhe… – tomar decisões e aprender através de seus erros a desenvolver melhores estratégias para situações futuras.

Os cientistas também aplicaram testes baseados em 2 modelos criados a partir dos preceitos quânticos – além de gravar o grupo e monitorar a atividade cerebral de todos os integrantes por meio de ressonâncias magnéticas funcionais. Por fim, o time identificou as regiões do cérebro que se tornavam mais ativas durante o processamento de informações e aprendizado de novas estratégias para os participantes avançarem nos testes.

(Fonte: Psychology Today / Reprodução)

A análise dos resultados apontou que os modelos quânticos são mais eficientes do que os testes psicológicos na hora de prever quais decisões os participantes tomariam, além de possibilitarem aos cientistas antecipar com maior precisão como o processo de aprendizagem ocorreria. Outro aspecto interessante da pesquisa foi que 40% dos participantes nos experimentos eram fumantes – e, enquanto os cientistas observaram os resultados descritos acima entre os não-fumantes, não foi possível traçar o mesmo paralelo entre atividade cerebral e modelo quântico entre os tabagistas.

E o que isso significa? Considerando que o monitoramento do cérebro foi realizado durante exercícios focados na tomada de decisões e na habilidade de se aprender com os próprios erros, a análise indica que a dependência no cigarro pode gerar deficiências nessas habilidades – mas mais estudos são necessários para explorar melhor essa hipótese.

Além disso, os resultados sugerem fortemente que o princípio de incerteza e a Teoria da Cognição Quântica oferecem modelos mais adequados para prever com maior precisão o comportamento humano associado com o processo de tomada de decisões do que os modelos psicológicos tradicionais – e que Tecmundoduas ciências que parecem completamente opostas podem ter mais em comum do que se pensava.

Maria Tamanini

via nexperts

Fonte: Tecmundo

Continuar lendo FÍSICA QUÂNTICA: A AFINIDADE DA FÍSICA QUÂNTICA COMA PSICOLOGIA PODE EXPLICAR POR QUE HUMANOS TÊM DIFICULDADE EM TOMAR DECISÕES

AUTOCONHECIMENTO: TÉCNICA DE NAPOLEON HILL PARA MANIFESTAR UM ANO NOVO PRÓSPERO

Neste sábado você vai aprender, aqui na coluna AUTOCONHECIMENTO, uma técnica maravilhosa e fundamental, do renomado autor Napoleon Hill para manifestar e materializar um Ano Novo Próspero, através da nossa mentora do Temporariamente Humana, May Andrade, que é a sua fiel e próspera seguidora. Porque os bons exemplos não só devem como precisam ser seguidos. Então, aproveite essa oportunidade, que o ano está apenas começando e garanta a sua prosperidade!

Fonte:

Continuar lendo AUTOCONHECIMENTO: TÉCNICA DE NAPOLEON HILL PARA MANIFESTAR UM ANO NOVO PRÓSPERO

DESENVOLVIMENTO ESPIRITUAL: CONHEÇA O JAPAMALA E O SIGNIFICADO DO NÚMERO 108

Quando comecei a falar sobre exercícios de mentalização e meditação para a minha audiência sugeri que cada frase ou mantra fosse repetida, pelo menos 30 vezes, duas vezes ao dia. Ao despertar pela manhã e a noite, antes de dormir. Algumas pessoas questionaram como eu havia chegado a esse número de repetições. Na ocasião eu justifiquei, afirmando que, na verdade não existe um número de repetições definida. Pessoalmente, repito muitas vezes mais, pois é uma forma de o nosso subconsciente gravar mais rápido aquele mantra como uma verdade e materializar aquele desejo. Eu sugeri um mínimo de 30 vezes para que as pessoas não tivessem preguiça de começar a fazer ou desistissem, até mesmo antes de começar se a quantidade de repetições fosse muito alta. O ser humano é naturalmente muito preguiçoso devido a força do seu ego. Como eu sempre repeti inúmeras vezes, independentemente de haver um número mágico, sempre obtive bons resultados nos meus exercícios de mentalização e obtive muitas curas. Mas, na verdade, existe um número mágico sim, através do qual se consegue uma mudança de padrão mental. É o número 108. Por isso selecionei o artigo a seguir que fala tudo sobre esse número e também sobre o JAPAMALA, uma espécie de colar de contas semelhante ao terço da igreja católica que possui 108 contas. Então, convido você a ler o texto completo a seguir, que está repleto de conhecimento e sabedoria!

SAIBA O QUE É JAPAMALA, SEU SIGNIFICADO E SUAS FUNÇÕES

6 minutos para ler

Um japamala é uma guirlanda espiritual usado em práticas meditativas para contar mantras, orações ou intenções da pessoa. O artefato tem uma simbologia importante para os indianos, que o enxergam como um objeto sagrado.

Utilizado por muitos praticantes de yoga e hindus, o japamala vem se popularizando também no ocidente. Atualmente, é possível encontrá-lo facilmente para venda em lojas, que comercializam as contas em diferentes anatomias e materiais.

Continue acompanhando e saiba o que é e quais são os maiores benefícios do japamala. Confira a seguir!

O que é japamala?

O japamala é um cordão de contas utilizado nas práticas de meditação indiana para contar mantras, desejos, intenções ou apenas orações de quem manuseia o objeto. Na religião católica, por exemplo, o objeto é similar aos terços.

A palavra “japa” significa rezar, sussurrar, enquanto que “mala” significa terço, cordão. Já em sânscrito, “mala” apresenta o significado de guirlanda. Apesar da variedade de formas de uso do japamala, ele é considerado um item sagrado para diferentes religiões.

Existe uma crença de que o cordão é capaz de reunir as energias espirituais de quem o carrega. Sua origem baseia-se, sobretudo, na religião hinduísta e no budismo, que consideram o japamala uma ferramenta eficiente para manter a mente focada e livre de pensamentos negativos.

São diversas as técnicas de manuseio de um japamala, por exemplo, a pessoa pode usá-lo para fazer a contagem das pedras ao mesmo tempo que entoa um mantra. Ou ainda intercalar o japamala com uma meditação de respiração clássica, um método que ajuda a diminuir a taxa de respiração e concentração, promovendo maior relaxamento para a mente.

Quais são as partes do japamala?

O japamala pode ser feito de inúmeros materiais, sendo que os mais comuns são de madeira, sementes ou pedras. A depender do tipo de elemento, as propriedades das contas também promove efeitos energéticos na pessoa que o manuseia.

Na Índia, por exemplo, as contas são feitas principalmente de sementes de sândalo, tulsi e rudraksha. Já no Nepal e no Tibete, os cordões são feitos com bodhi, lótus e osso. Para segurar as pérolas de contagem, geralmente utilizam-se fios de algodão ou nylon, mas também é comum encontrar japamalas em fios trançados e revestidos para que tenha maior durabilidade.

Uma curiosidade é que o objeto tem sempre 108 contas. Este número, nos costumes indianos, tem um significado importante e bastante poderoso. O primeiro deles é que existem 108 letras no alfabeto sânscrito. Do mesmo modo, a deusa Krishna do hinduísmo apresenta 108 nomes diferentes.

Já na yoga de linha tântrica, são relatadas 108 linhas de energia por todo o corpo humano, sendo que todas convergem e se conectam ao chakra do coração. Assim, acredita-se que a repetição de 108 vezes entoando um mantra ou uma oração pode potencializar os benefícios da meditação.

Quais são os benefícios do japamala?

Embora existam diversas tradições e estilos para ter uma vida mais saudável e equilibrada, o uso do japamala, de fato, diferencia-se devido às suas vantagens para o praticante regular. Isso porque o cordão de pedras ou sementes transmite poderes de cura que beneficiam seu corpo, mente e coração.

De certo modo, é preciso fazer uso do japamala com intenção e propósito, tendo conhecimento e acreditando em seus efeitos curativos para todo o corpo. Veja, a seguir, outra funções do artefato para a saúde.

Auxilia no controle do movimento respiratório durante a meditação

Realizando a contagem com o japamala durante a meditação, é possível ter um melhor controle dos seus batimentos cardíacos, diminuindo, com isso, a pressão arterial e a frequência cardíaca. A técnica de meditação é simples. No entanto, é preciso ter foco e concentração redobrada para conseguir respirar, entoar o mantra, tocar o objeto e movimentar as contas na mão.

É utilizado na prática de contemplação de gratidão

O Ho’ponopono é uma prática de contemplação e gratidão que se utiliza do japamala para a repetição da oração. O mantra é um conjunto de frases que desenvolve a aceitação, o perdão, a gratidão e o amor em quem o entoa, e deve-se repetir 108 vezes com as contas do cordão.

A mão direita deve segurar o objeto entre os dedos médio e polegar. O polegar movimenta as contas e deve-se evitar ao máximo tocar o dedo indicador no cordão, pois na tradição yogi o indicador representa o ego.

Gera emoções positivas

Praticando com frequência a meditação, a pessoa tem mais propensão a elevar seu nível de compaixão e empatia do que não praticantes, gerando emoções positivas. Muitas áreas do cérebro estão associadas diretamente com tais emoções e a meditação é capaz de favorecer a mente, os bons pensamentos e, também, a paz interior.

Diminui pensamentos negativos e melhora o humor

Você sabia que mais da metade dos nossos pensamentos são negativos? Isso mesmo, a repetição de padrões de pensamentos negativos na mente fortalece e aumenta os sentimentos de tristeza, raiva e solidão. O japamala, por exemplo, é uma ferramenta capaz de trazer novos padrões positivos ao cérebro, por meio de orações ou práticas meditativas orientadas e diárias.

Funciona como acessório

Algumas pessoas também utilizam o japamala como um acessório de proteção, no pescoço ou enrolado no pulso. Estando sempre com o objeto, inclusive, é possível manter a mente mais focada e absorver energias positivas em seu cotidiano.

Quando você exercita bons sentimentos, é possível atingir níveis mais elevados de consciência, eliminando karmas e atraindo mais prosperidade. As palavras devem ser ditas sempre em voz alta, fazendo o seu cérebro assimilar e se conectar mais rapidamente com o seu objetivo.

A Índia tem uma série de costumes interessantes, não é mesmo? O mais bacana disso tudo é que você mesmo pode confeccionar o seu japamala, apenas lembre-se de realizar a limpeza do cordão com um bom incenso após finalizar as orações. Assim, você poderá aproveitar todos os benefícios desse item sagrado!

Fonte: Casa da Índia

Continuar lendo DESENVOLVIMENTO ESPIRITUAL: CONHEÇA O JAPAMALA E O SIGNIFICADO DO NÚMERO 108

REFLEXÃO: AINDA É TEMPO DE REVER OS ERROS DE 2020 E PLANEJAR UM 2021 PRÓSPERO

O texto a seguir é como um guia para nos orientar numa importante REFLEXÃO e talvez a mais importante de nossas vidas depois de um ano totalmente atípico e complicado. Ele nos sugere uma revisão sobre o ano que passou analisando os erros cometidos e em seguida uma revisar os nossos caminhos de vida daqui pra frente. Sugere uma série de questionamentos que muitas vezes não fazemos e por isso mesmo erramos tanto. Então, esse texto é pra você que e buscador e procura as respostas para os seus problemas e dúvidas. 

O que precisa para prosperar

Mensagem de 8 de Dezembro de 2020

Para mudar a trajetória de sua vida e prosperar em 2021, é essencial que você tire um tempo agora para refletir sobre este ano e revisar seu caminho de vida daqui para frente. Neste artigo eu ofereço dois processos para você trabalhar este mês, fornecendo um roteiro para terminar 2020 da melhor maneira, enquanto prepara você para atualizar e expandir sua visão sobre quem você é, o que pode ser e como pode fazer a diferença no mundo. Continue lendo para estes processos e contexto sobre a importância destes tempos raros.

Contexto

O ano de 2020 é um ano marcante para todos que estamos vivos. Vai levar anos até que nós compreendamos totalmente sua importância e impacto de longo prazo sobre como a humanidade coexiste.

Para ter certeza, enquanto muitos irão associar 2020 com a pandemia, este ano é muito mais do que isso. De fato, quando historiadores escreverem sobre como 2020 começou, a pandemia será uma nota de rodapé minúscula comparada com eventos muito mais significativos e mudanças evolucionárias em consciência.

Começos e Finais

Esta é uma época do ano quando naturalmente pensamos sobre começos e finais – incluindo o que nós pessoalmente começamos ou iniciamos e o que finalizamos ou completamos. Muito provavelmente, a sua própria lista destes é radicalmente diferente da de anos anteriores. Tanto mudou para todos nós – nossas rotinas, atividades diárias, como fazíamos as coisas, como víamos nossa realidade e como modificamos o que valorizávamos.

Eu menciono começos e finais aqui, pois é uma excelente transição para explorar os próximos dois processos, ajudando-o a refletir e revisar.

Prepare-se para seus processos

Os dois processos são projetados para serem trabalhados quando você está sozinho, quieto, em silêncio e sem pressa.

Encontre um local calmo, longe das pessoas e do barulho do mundo. Reivindique este espaço para você. Se desejar, segure um cristal favorito ou esteja num espaço que você associa com o sagrado.

Benefícios destes Processos

  • Eleva sua frequência e melhora seu humor
  • Conexão com gratidão, que traz a você e aos outros mais alegria e abundância
  • Receber clareza sobre você mesmo, seu caminho de vida e o que você como alma verdadeiramente deseja e precisa para prosperar e viver em alegria.
  • Ter uma visão ampliada de onde você está agora e os níveis elevados do que pode criar para si mesmo e para ajudar outros

Processo – Reflita sobre este ano

Reflita sobre este ano, suas experiências, o que você aprendeu, como você e/ou a vida mudaram para melhor. Convide uma reflexão mais profunda que vai além da casualidade superficial que daqui a alguns anos não vai existir como existe agora. Reflita nos pontos abaixo, tomando tempo com cada um para se beneficiar das nuances indetectáveis quando não está olhando mais profundamente.

O que eu aprendi sobre mim (por exemplo, meus valores, talentos, recursos, aplicação de qualidades espirituais tais como paciência, aceitação, deixar ir, compaixão, amor-próprio)? O que eu descobri a respeito de minhas habilidades criativas, meu trabalho ou serviço aos outros e minha adaptabilidade a novas formas de fazer as coisas? O que eu aprendi a respeito de meu papel em relacionamentos-chave, a viabilidade destes relacionamentos e o que precisava mudar para torná-los mais sustentáveis?

Ao que sou mais grato, conforme olho para o panorama geral deste ano? Ao que sinto a maior gratidão em minha vida – e porque? Qual o meu “negócio” pessoal, financeiro ou espiritual inacabado, que precisa ser concluído agora?

Processo – Revise seu caminho de vida daqui para frente

De muitas formas não somos as mesmas pessoas que éramos quando 2020 começou. O que quer que tenhamos feito antes – em casa ou em serviço aos outros – nós começamos fazendo diferentemente conforme nos adaptávamos às novas regras. Nós mudamos de maneiras importantes a cada ano, claro, porém este ano fomos cutucados pelo universo para nos adaptar continuamente à situações que eram um trabalho em andamento em meio ao caos e incerteza. Quase que diariamente encontramos algo novo para levar em consideração em nossas vidas.

Considere isto: parte do que você se adaptou e talvez sentiu além de seu conforto, é uma parte essencial do que pode ser uma maneira mais bem-sucedida e alegre de ser.

Considere também: como um ser quântico, você não foi feito para permanecer estático, fazendo coisas mecanicamente somente porque as fazia de determinada forma. Para prosperar em 2021 e além, é essencial que você atualize regularmente sua vida e como faz as coisas simples e as complexas. Reflita nos pontos abaixo, dando a si mesmo tempo e espaço para contemplar.

O que eu percebi este ano a respeito de meus “lugares presos” – as áreas de minha vida nas quais eu me sinto bloqueado, ou que não estão progredindo? Conforme eu considero isto, quais as mudanças que eu estou resistindo que se eu as fizesse, poderiam mudar meu status quo?

Qual a visão maior de minha trajetória de vida que eu não ousei contemplar como um potencial? Porque?  O que me impede de dar o primeiro passo? O que eu preciso aprender e aplicar para trazer minha trajetória de vida em alinhamento com a visão mais elevada que o espírito tem para mim? O que me impede de receber do mundo, agora que estou percebendo que receber é um problema e eu não consigo manifestar meus sonhos sem receber?

Qual a minha lista de ações ideal para 2021 – 5 ou 10 coisas que eu identifico como necessárias para minha nova infraestrutura de vida – que podem ser colocadas em prática no novo ano? Que peças eu posso desenhar agora como preparação? Que tipo de parcerias são essenciais para melhorar minha vida em 2021? Quem eu posso começar a procurar agora e no começo de 2021 para criar essas parcerias?

Considerando minhas muitas mudanças este ano, qual é minha nova visão de mim mesmo que eu desejo personificar, manifestar e compartilhar com outros em 2021? Conforme você reflete e faz uma revisão sobre sua vida, lembre-se de que este mês temos energias de mudança de vida fundamentais ocorrendo – incluindo ciclos planetários envolvendo revolução e potenciais para um enorme e positivo novo começo.

Eles são para a humanidade, porém eles são para nós todos também! Vamos aproveitar isso em nossas vidas pessoais e conforme fazemos nossa parte em co-criar uma realidade totalmente nova e mais amorosa.

Selácia – Fonte  https://selacia.com/
Roseli Giusti Zahm e Marco Iorio Júnior – Tradutora e Editor exclusivos do Trabalhadores da Luz

Fonte: Trabalhadores da Luz

Continuar lendo REFLEXÃO: AINDA É TEMPO DE REVER OS ERROS DE 2020 E PLANEJAR UM 2021 PRÓSPERO

AUTOAJUDA: SORRIA SEMPRE, MESMO QUE NÃO ESTEJA SENDO FILMADO, POIS NÃO MACHUCA E FAZ MUITO BEM A SAÚDE

O ato de sorrir é um gesto simples, não custa nada e só faz bem a você e ao próximo. Sendo assim, rir faz bem a saúde, pois fortalece a imunidade e libera energia positiva. Então sorria sempre, em todo e qualquer lugar, mesmo que não esteja sendo filmado. O texto a seguir esclarece bem os benefícios para a saúde no ato de sorrir. Então, não deixe de ler!

Rir faz bem à saúde

Grupo de quatro amigos rindo ao ar livre.
FabioFormaggio /123RF

Bom humor é essencial para se ter uma melhor qualidade de vida, assim como a música. Sendo que partimos do princípio de tudo: o amor é incondicional. Por isso é preciso crer, ter fé; com alegria em viver. Então construa, erga um templo de paz em seu coração.

Estabeleça um propósito para a sua vida, com calma, paz interior e uma dose cavalar de paciência e outra de tolerância; além de muita tranquilidade. Pois bem, estes são os alicerces para alcançar o bem-estar existencial.

O pensamento tem poder de realizar os nossos sonhos. Acredite, creia; tenha fé na vida, em um futuro bem melhor. Cultive a autoestima, o amor-próprio. Tenha autoconfiança, busque o autoconhecimento.

Saiba que o que realmente importa é ser feliz, encarando o amor como um sentimento que leva a querer o bem; é afeição profunda, carinho, compreensão, tolerância, ternura, companheirismo, amizade. Isso porque o amor é incondicional.

Grupo de cinco amigas rindo na rua
nappy/Pexels

Acredite que o que parece ser impossível pode vir ser a mola propulsora para se atingir o possível. Aliás, o que é extraordinário, de acordo com as leis da natureza, que é mais do que depositar, crença íntima, em objetos de cera, que tendem a desaparecer nas areias do tempo.

Leve consigo, em sua “nécessaire”: uma poção de carisma, de boa vontade, além de coragem para se libertar das amarras que lhe impedem de sorrir. Pois a força vibratória de uma risada, a gargalhada, é poderosa, gera a magia da alegria.

Porque o otimista é aquele que acredita que coisas boas acontecerão. Por isso tem a plena consciência de que a felicidade é a gente que cria, então sorria. Mesmo se não estiver sendo filmado, sorrir não machuca; e faz muito bem à saúde. Isso ocorre porque o bom humor, quando compartilhados pelo riso, propicia intimidade, contribuindo para o espírito de alegria, fazendo bem à saúde, fortalecendo a imunidade, liberando energia positiva.

Carlos Pompeu
Escrito por Carlos Pompeu
Continuar lendo AUTOAJUDA: SORRIA SEMPRE, MESMO QUE NÃO ESTEJA SENDO FILMADO, POIS NÃO MACHUCA E FAZ MUITO BEM A SAÚDE

REFLEXÃO: NÃO PODEMOS TERCEIRIZAR NOSSOS VALORES OU ESCOLHA DE VIDA

Não podemos nos espelhar em ninguém a não ser em si mesmo. A sua experiência de vida é exclusivamente sua e jamais será vivida por outrem. Portanto busque, procure e encontre a si mesmo, pois não há fontes externas confiáveis que nos digam o que é ou não real. Este é o destaque da nossa coluna REFLEXÃO desta terça-feira.

Encontre a si mesmo

 em 

 

“Nos tempos atuais, precisamos ser capazes de tomar decisões a partir de nossa sabedoria superior. Para isso é preciso resistir à inevitável tentação de reagir a partir de nosso ego. Ahhh… não é fácil, gente!

Estamos cercados de todo tipo de pessoas, sendo diariamente provocados, desrespeitados, chamados a reagir como fazem os animais, que são puro instinto e partem para a briga após alguns rosnados. Todos somos livres para acreditar e expressar aquilo que faz sentido para nossa alma. É inútil tentarmos convencer uns aos outros de que a nossa visão é melhor, a mais correta. Há imensa arrogância nisso.

Quer saber? Exponha suas crenças, é sua colaboração para o todo, mas não as imponha a ninguém. Você tem certeza absoluta de que a visão que você tem deste nosso momento de vida é a correta? Eu lhe digo. Se você respondeu que sim, está em meio a uma ilusão. Por mais que tenhamos nossas opiniões, podemos, todos nós, estar equivocados, e é muito provável que essa seja a verdade maior. Saber disso nos manteria abertos ao menos para ouvir opiniões diferentes das nossas, aprender, crescer. Não se iludam. Não há fontes externas confiáveis que nos digam o que é ou não real, nem mesmo aquelas que atualmente se nomeiam dessa maneira (pesquisem sobre essas fontes, vejam se tem respaldo técnico e sabedoria espiritual para se colocarem na posição de selecionar o joio do trigo).

Não podemos terceirizar nossos valores ou escolhas de vida. Cada um de nós precisa encontrar, através de buscas mais profundas, e, principalmente, dentro de si mesmos, o caminho que parece mais em sintonia com nossa alma. Evitem gastar sua energia em embates que apenas fazem todos se sentirem mal, e alimentam a sombra e a separatividade. Foque sua energia em si mesmo. Mergulhe em direção à verdade. Permita que cada um creia no que quiser.

Se sua busca por verdade for maior do que o respeito pelos outros, saiba, você está perdido .Encontre a si mesmo. Busque sua luz. Não precisamos temer nada. Encontre seu centro e tudo ficará bem.” (Patricia Gebrim)

Luz e Paz!

Fonte: Sabedoria Universal

Continuar lendo REFLEXÃO: NÃO PODEMOS TERCEIRIZAR NOSSOS VALORES OU ESCOLHA DE VIDA

ARTIGO: ÉTICA, MORAL E CARÁTER, VALORES RAROS! POR QUE?

Ética, Moral e Caráter

Por Wagner Braga

Caro leitor, como já havia dito no início deste livro, essa é uma leitura recomendada para as mais diversas pessoas independentemente de seu credo, religião ou até mesmo para quem não acredita em Deus. Um indivíduo bem-educado e culturalmente evoluído tem como valores primordiais o amor, o respeito, a ética e o caráter. Consegue se colocar facilmente no lugar do próximo percebendo que o que não deseja para si não pode ser bom para aquele.

Hipocrisia é a atitude do homem que tem atrasado a evolução da humanidade ao longo dos séculos, por não ter coragem de olhar para dentro de si. Essa atitude, sim, levaria a humanidade a caminhar bem mais rápido na sua evolução se o homem olhasse para si, para suas atitudes, para seu comportamento, para seus direitos e deveres, sinceramente, respeitando a moral e a ética antes de tomar qualquer atitude ou ação contra o próximo ou mesmo contra a coletividade.

Ética é a forma que o homem deve se comportar no seu meio social.

Moral é um conjunto de normas que regulam o comportamento do homem em sociedade, e estas normas são adquiridas pela educação, pela tradição e pelo cotidiano.

No contexto filosófico, ética e moral possuem diferentes significados. A ética está associada ao estudo fundamentado dos valores morais que orientam o comportamento humano em sociedade, enquanto a moral são os costumes, regras, tabus e convenções estabelecidas por cada sociedade.

Uma pessoa de boa índole pauta suas atitudes segundo as normas da moral do local e época em que vive. Uma pessoa de caráter tem firmeza e coerência de atitudes, tem firmeza nas suas escolhas. O contrário é o indivíduo mau-caráter.

Esses costumes, regras e tabus, permeiam e povoam o habitat do inconsciente coletivo. Por isso, inconscientemente, muitas vezes nos comportamos não segundo a nossa própria índole, nosso próprio caráter, mas sim segundo os vícios comportamentais impregnados na memória do nosso inconsciente coletivo. Por isso, é importante que tenhamos esse conhecimento e essa consciência, para assim obtermos o controle da nossa vida e para que possamos quebrar paradigmas, conseguindo, desta forma, melhorar e aperfeiçoar os nossos hábitos, costumes e tradições, que ficarão impregnados no inconsciente coletivo das futuras gerações. Desta forma, teremos uma humanidade evoluindo, não com passo de formiga e sem vontade, mas a passos largos, firmes e determinados.

Escrito por: Wagner Braga

Continuar lendo ARTIGO: ÉTICA, MORAL E CARÁTER, VALORES RAROS! POR QUE?

DESENVOLVIMENTO PESSOAL: TRABALHANDO O PERDÃO – COMO LIDAR COM A MÁGOA – AULA 2, POR ROSSANDRO KLINJEY

Nesta segunda-feira, aqui na coluna DESENVOLVIMENTO PESSOAL, nós vamos assistir a 2ª palestra do renomado psicólogo Rossandro Klinjey sobre o perdão. Na sua primeira aula sobre o assunto ele identificou a Mágoa que está dentro de cada um de nós, mas que muitas vezes nem sabemos disso. Na aula de hoje ele fala sobre como lidar com a mágoa. Então, aproveite e não deixe de assistir ao vídeo completo a seguir para aprender a lidar com essa situação!

Fonte:

Continuar lendo DESENVOLVIMENTO PESSOAL: TRABALHANDO O PERDÃO – COMO LIDAR COM A MÁGOA – AULA 2, POR ROSSANDRO KLINJEY

REFLEXÃO: A DIFÍCIL TAREFA DE FORMAR CIDADÃOS CONSCIENTES

iniciando essa última semana do ano na nossa coluna REFLEXÃO temos um texto inspirador sobre a educação dos filhos, que muitas vezes deixa muito a desejar, principalmente quando não temos a devida paciência de explicar aos pequenos o porquê de certas atitudes que os deixam com muitas interrogações. Então, lhe convido a ler o texto completo a seguir, refletir e fazer o seu juízo de valor.

O que afinal é formar um cidadão crítico? | Ponto Didática

Formando cidadãos conscientes…

O garoto de não mais de cinco anos entrava na igreja, puxado pela mãe. Percebia-se que ele estava contrariado. E demonstrando a razão da sua contrariedade, o ouvimos perguntar:

Se Deus me aceita como eu sou, então, me diga: por que eu precisei tomar banho para vir à igreja?

Pode-se levar a indagação à conta dessas coisas de criança. Ou podemos realizar uma profunda reflexão, a respeito dos nossos métodos de educação que, diga-se, insistimos em afirmar não dão os resultados excelentes que desejamos.

A criança pensa e faz perguntas inteligentes, coerentes. O que, de um modo geral, ocorre é que, sem argumentos na hora da indagação, respondemos de forma autoritária ou sem fundamento.

Isso, naturalmente, vai levar nosso pequeno a concluir que não temos razão, ou que somos tolos.

Quase sempre, quando a criança nos pergunta por que deve fazer alguma coisa, desejando nos vermos livres, de imediato, da questão, utilizamos a tradicional frase: Eu estou mandando. Ponto final.

Isso não educa, nem estimula nossa criança a voltar a indagar, em outras situações. É possível que, no futuro, ela se torne uma pessoa que simplesmente aguarda e obedece ordens.

Afinal, foi assim que a educamos na infância.

Melhor seria, embora nos exija investir um certo tempo, sempre explicar os porquês.

Por que deve tomar banho, escovar os dentes? – É uma questão de higiene, de saúde.

Por que deve guardar os brinquedos? – Para cooperar com a organização do lar, para não ter a desagradável possibilidade de alguém pisar em um deles e quebrá-lo, ou se machucar.

Por que deve dormir cedo? – Porque ele deve também se levantar cedo para ir para a creche, para a escola.

Mas, convenhamos, para isso, é preciso que, ao exigirmos ou pedirmos que algo seja feito, tenhamos a consciência do porquê assim procedemos.

Necessitamos de decisões conscientes, não mecânicas. Nem disposições como: Eu fui criado assim e tem que ser assim, o que não é resposta aceitável.

Se fui criado assim e deu certo para mim, então a indagação deve ser: por que deu certo?

Porque era a forma acertada de orientar, de disciplinar ou porque eu simplesmente me resignei, aceitei, sem maiores questionamentos?

Pensemos nisso e invistamos na educação dos nossos filhos, se os desejamos cidadãos conscientes, ativos.

Assim, eles irão à escola e não serão joguetes de ninguém.

Conquistarão seu espaço, estabelecerão os seus limites e exigirão o respeito dos demais. Porque isso eles aprenderam no lar.

Saberão perguntar, questionar, indagar, conscientes de que é o seu direito serem informados do porquê as coisas devam ocorrer dessa ou daquela maneira.

E saberão respeitar normas, diretrizes, disciplinados que os educamos.

Pensemos nisso e iniciemos o investimento de luz nesse patrimônio excelente que são as jóias celestes que o Pai nos confiou, para guarda, crescimento e progresso.

Redação do Momento Espírita

Continuar lendo REFLEXÃO: A DIFÍCIL TAREFA DE FORMAR CIDADÃOS CONSCIENTES

AUTOCONHECIMENTO: QUANDO PERDEMOS UM DOS SENTIDOS OS OUTROS SE SOBRESSAEM PARA COMPENSAR A PERDA. ASSIM TAMBÉM ACONTECE NO PLANO ESPIRITUAL!

Quando perdemos um dos nossos sentidos, como por exemplo a visão, os outro sentidos se desenvolvem e as habilidades com cada um desses sentidos aumentam como compensação do que foi perdido. Assim acontece com o nosso estado de quase completa impotência com relação a esse ano desafiador onde, depois de 10 meses de pandemia ainda temos um futuro incerto, às escuras, mas desenvolvemos essa incrível habilidade da introspecção, do autoconhecimento e o fato de não enxergamos para onde estamos indo não é mais primordial, pois aprendemos a lidar com a intuição e estamos aptos a encarar o que virá sem medo. Então lhe convido a ler o texto esclarecedor a seguir, refletir e tirar suas conclusões!

Qualquer sentido diminuído sempre serve a um propósito – Trabalhadores da Luz

Qualquer sentido diminuído sempre serve a um propósito

Mensagem de 1 de Dezembro de 2020

Um tipo diferente de mensagem diária hoje…

Eu estava conversando com uma querida amiga na semana passada e ela mencionou o quão difícil é estar deste lado do véu onde não se consegue ver tudo o que está acontecendo. Assim que ela disse isso, Gabriel enviou esta imagem em minha consciência. Ela lembrava a caixa de madeira que era colocada sobre as mãos dos alunos nas minhas aulas de datilografia, caso você não parasse de olhar para as teclas.

No início era realmente estranho não ser capaz de ver nada. Você tinha que trabalhar com o tato e lembrando o desenho do teclado. No começo era demorado, desajeitado e esquisito, mas pouco a pouco você ficava mais confortável acreditando em sua habilidade de saber onde as teclas estavam e como até algumas delas davam um solavanco que você podia sentir para ajudá-lo a se orientar.

E antes que percebesse, você ficava cada vez melhor em navegar pelo tato, até que se tornava automático e você não precisava mais pensar sobre isso. Na verdade, não depender de seus olhos melhorava sua habilidade de sentir e saber, o que no final tornava você um datilógrafo muito melhor do que quando confiava apenas nos seus olhos.

Eu acho que isto resume esta fase de nossa jornada de iluminação. Quando não temos que usar um dos sentidos, todos os outros se tornam realçados. Qualquer sentido diminuído sempre serve o propósito de fortalecer os outros.

Estar num estado prolongado de não saber durante este ano transformador de 2020, possibilitou que desenvolvêssemos nossos dons de sentir e nos conectar com nosso saber interno. Uma vez que ficamos mais confortáveis em depender de nossos sentimentos e conhecimento, não sermos capazes de ver onde estamos indo não terá mais utilidade e nossa habilidade de navegar através de todos os sentidos vai retornar de uma maneira nova, mais equilibrada.

Uma combinação de Shelley e Gabriel

Shelley Young – Fonte: https://goldenageofgaia.com/
Roseli Giusti Zahm e Marco Iorio Júnior — Tradutora e Editor exclusivos do Trabalhadores da Luz

Continuar lendo AUTOCONHECIMENTO: QUANDO PERDEMOS UM DOS SENTIDOS OS OUTROS SE SOBRESSAEM PARA COMPENSAR A PERDA. ASSIM TAMBÉM ACONTECE NO PLANO ESPIRITUAL!

AUTOCONHECIMENTO: COMO EU CONSIGO TER FÉ NAS COISAS QUE NÃO CONSIGO ENXERGAR?

A fé no abstrato segundo os ensinamentos budista é o tema central de hoje, aqui na coluna AUTOCONHECIMENTO com a Monja Coen. Ela expõe o pensamento budista sobre ter ou não ter fé nas coisas que não conseguimos enxergar. Segundo a física quântica 90% das coisas que estão ao nosso redor nós não conseguimos enxergar ou sentir com os nosso 5 sentidos. Refletir sobre isso é importante e vai fazer você expandir a sua consciência. Então vá em frente e ouça a Monja Coen!

Fonte:

Continuar lendo AUTOCONHECIMENTO: COMO EU CONSIGO TER FÉ NAS COISAS QUE NÃO CONSIGO ENXERGAR?

DESENVOLVIMENTO PESSOAL: FINALIZE 2020 EM UMA NOVA FREQUÊNCIA ATRAVÉS DE LIMPEZA ENERGÉTICA

A limpeza energética é necessária periodicamente para que nos libertemos de energias negativas que podem estar cerceando o nosso campo energético e nos fazendo vibrar em baixas frequências. Então, lhe convido a ler o artigo completo a seguir com dicas poderosas de limpeza energética para encerrar 2020 em uma nova e mais alta frequência.

Dicas de limpeza energética para encerrar 2020 em uma nova frequência

Mulher trabalhando a limpeza de energia com cristal nas mãos
Microgen / 123rf

Você sabia que muitas sensações de peso, falta de energia e até mesmo angústia podem ser sinais de impregnações no seu campo energético?

Numa visão holística, somos muito mais do que o corpo físico. Cada filosofia ou linha espiritual enumera e nomeia uma série de outros corpos além deste que vemos. Provavelmente você já tenha ouvido termos como corpo emocional, corpo mental, corpo astral ou algo semelhante. Estes corpos formam o que chamaremos aqui de campo energético.

Somos formados de energia, como tudo no universo. E sendo energia possuímos determinada vibração. Essa vibração que cada um de nós emana entra em sintonia com outros seres desta e de outras dimensões. Por afinidade, muitos deles se aproximam de nós e permanecem acoplados ao nosso campo energético. Mesmo que a maioria das pessoas não consiga vê-los, pode-se perceber sua presença ou manifestar sintomas como:

  • cansaço sem motivo;
  • sensação de ter a energia sendo sugada;
  • sensação de que os pensamentos repetitivos em sua mente não são seus;
  • angústia, medo ou tristeza repentinos e sem motivo.

Por isso é tão necessário fazer limpezas energéticas frequentes. Ainda mais neste momento de pandemia em que estamos vivendo, em que o medo e a apreensão coletivas nos tornam ainda mais suscetíveis a impregnações energéticas.

No início de qualquer atendimento, por exemplo, eu realizo limpezas energéticas no cliente utilizando o thetahealingTM, técnica energética de reprogramação mental. Pois assim temos a certeza de trabalharmos na sessão somente emoções e memórias da pessoa que está sendo atendida e não as captadas do exterior.

Esse processo de limpeza aumenta também a disposição, traz sensação de paz e relaxamento e ajuda a pessoa a ter maior percepção de sua própria energia.

Pessoas que trabalham com terapias vibracionais ou com práticas espirituais tendem a ter o campo energético ainda mais amplo e devem tomar cuidado redobrado com a própria energia, fazendo no mínimo uma limpeza por semana.

Energia passando pelas mãos de uma pessoa
NikkiZalewski / Getty Images / Canva

Numa limpeza energética profunda, podemos retirar do campo de uma pessoa, dentre outras coisas:

  • Formas pensamento: nossos pensamentos repetitivos criam formas que ocupam espaço em nosso campo energético. Dependendo do tempo e intensidade em que alimentamos essas formas, elas se tornam entidades com vida própria e que em momentos de inconsciência podem dominar parte de nossa mente;
  • Fragmentos de alma: resquícios da energia de outra pessoa que ficam acoplados ao nosso campo energético quando temos relações sexuais ou nutrimos emoções intensas por ela;
  • Excesso de energia eletromagnética: energia proveniente de aparelhos eletrônicos (celulares, modens, roteadores etc.) que são prejudiciais para nossa saúde física;
  • Laços energéticos: quando convivemos muito com alguém (família e parceiros afetivos principalmente), criamos laços que unem alguns de nossos chakras aos deles. Isso faz com que, muitas vezes, nos mantenhamos em estados anteriores de consciência quando estamos na presença dessas pessoas, como, por exemplo, o filho adulto que se comporta de maneira infantilizada na casa dos pais. Esses laços fazem também com que nos sintamos presos a uma pessoa mesmo depois de anos que o relacionamento terminou;
  • Ganchos energéticos: frestas no campo que permitem que pessoas nos suguem. Esse vampirismo pode ocorrer intencionalmente ou não;
  • Ataques psíquicos: sabe aquele xingamento que você recebeu quando fechou sem querer um carro no trânsito? Ou uma crítica e julgamento feitos por alguém? Isso também tem energia e cria uma forma no seu campo energético;
  • Espíritos errantes: desencarnados que perderam o portal de acesso à quarta dimensão. Muitos deles não tem a consciência de que faleceram e permanecem vagando até serem encaminhados à luz.
  • Espíritos caídos: seres que vivem intencionalmente na Terra, causando interferências negativas e se alimentam de emoções e pensamentos de baixa frequência, tais como raiva, ódio, medo, culpa.

Conhecendo um pouco dessas impregnações, percebe-se a importância da limpeza energética se tornar um hábito que contribuirá para uma vida mais leve, livre e equilibrada.

Mesmo que você não faça uma sessão terapêutica para limpeza do seu campo neste momento, existem práticas simples que você mesmo pode fazer em casa. Elas ajudarão a aumentar sua consciência a respeito da sua energia, elevar a frequência e proteger-se das impregnações.

Mulher meditando
Poike / Getty Images Pro / Canva

Consciência sobre os próprios pensamentos e emoções

O autoconhecimento é a base para o bem-estar e evolução. Então é muito importante que você pratique autopercepção. Pelo menos 90% dos pensamentos que reproduzimos não são nossos, têm origem nos ambientes que frequentamos, nos conteúdos que consumimos e no inconsciente coletivo.

Portanto, questione-se sempre que estiver se sentindo pesado: “Este pensamento é meu mesmo?”, “Essa emoção é minha?”, “Quem em mim está falando nesse momento?”, “Essa dor é minha?”.

Perceba a resposta em seu próprio corpo. Com um pouco de prática, a resposta ficará cada vez mais clara. Se a resposta for negativa, intencione devolver o pensamento ou sentimento à origem. Você pode visualizar essa energia sendo retirada do seu campo energético, encoberta de luz e entregue a quem pertence.

Banhos

Sal grosso e flor de lavanda

Cmfotoworks / Getty Images / Canva

O banho de sal grosso funciona como uma espécie de radiestesia natural, ele descarrega as energias densas do seu campo. Importante que faça em um momento de tranquilidade, intencionando a limpeza das energias percebidas.

Para isso, dissolva 3 colheres de sopa de sal em 1 litro de água fervente. Tome o banho higiênico de costume e depois despeje a água com sal morna sobre todo o corpo. Pode ser feito a cada 15 dias.

Na sequência, você pode realizar banhos de ervas para recarregar seu campo com energias positivas. Algumas das ervas mais indicadas são alecrim, manjericão e louro. Faça a infusão de 1 colher de sopa da erva escolhida para 1 litro de água. Despeje o líquido em todo o corpo após o banho higiênico. Pode ser utilizado por até 7 dias após o banho de sal grosso.

Elevação da frequência energética com aromaterapia

Canela, flores diversas e essências

Anna-Ok / Getty Images Pro / Canva

Os óleos essenciais, base da aromaterapia, possuem uma frequência vibracional muito mais alta do que a humana. A maioria dos óleos essenciais vibra entre 70 e 180 MHz, sendo que o óleo essencial de rosas chega a 320 MHz. Por outro lado, um ser humano saudável possui frequência em torno de 62 a 68 Mhz, mensurados pelo aurameter.

Por isso, ao utilizar os óleos essenciais, somos harmonizados, temos uma elevação imediata na frequência do nosso campo energético. Com a frequência elevada, seres de frequência mais baixa não entrarão em sintonia conosco.

Os óleos essenciais mais indicados para limpeza são: melaleuca, eucalipto, capim-limão e junípero.

Além de utilizarmos os óleos em banhos, semelhante ao que fazemos com as ervas, sugiro a utilização em massagens corporais, principalmente dos ombros e costas. Para isso, misture 3 gotas do óleo essencial escolhido diluído em 1 colher de sopa do óleo vegetal da sua escolha (amêndoas, coco, linhaça, macadâmia, azeite etc.). Repita a aplicação sempre que se sentir pesado e sem energia.

Depois é possível utilizar outros óleos essenciais, como alecrim, laranja, limão ou hortelã-pimenta no colar aromático ou difusor ambiental para manter sua frequência elevada.

Placas radiônicas em casa

Uma maneira muito prática de cuidar da nossa energia e do nosso ambiente é a utilização de placas radiônicas na cama.

Placas radiônicas são gráficos que emanam energia com uma finalidade específica. Elas ajudam não só a limpar as contaminações energéticas já mencionadas, como também a bloquear as energias telúricas patogênicas. E mais do que isso, colaboram na manutenção do equilíbrio mental e aumento da vitalidade.

Pessoa praticando radiestesia com pêndulo e placa
NikkiZalewski / Getty Images / Canva

O conjunto de placas radiônicas para se utilizar embaixo do colchão é composto de 8 gráficos:

  • Na região da cabeça: SCAP, Yoshua e Pentagrama;
  • Na região do tórax: Pirâmide TAO e Desenho de Luxor;
  • Na região do quadril: Alta Vitalidade e Antidor;
  • Nos pés: Keiti

As placas têm eficiência pelo período médio de 6 meses. Depois devem ser substituídas por novas.

Para concluir, quero lembrar você que nos acostumamos com o peso, a dor e com a falta de energia. Nem por isso este é nosso estado normal. O ser humano se adapta a muitas situações que o adoecem. E antes de uma doença se manifestar fisicamente, ela dá sinais em níveis mais sutis.

Pode ser que você se sinta cansado, sem disposição, triste ou com a mente turbulenta. Isso não significa que esse estado vá permanecer para sempre. A mudança é sempre possível e pode ser mais fácil do que você supõe.

2021 bate à nossa porta. Vamos nos preparar para que ele seja mais leve, alegre e cheio de prosperidade? Estar consciente o máximo de tempo possível sobre o que você emana com seus pensamentos e emoções e fazer da limpeza energética um hábito de autocuidado podem ser o primeiro passo para a criação de uma nova realidade individual no ano que virá.

Então experimente uma das práticas propostas e depois compartilhe com a gente como se sentiu.

Juliana Bernardo
Escrito por Juliana Bernardo

 

Fonte: Eu Sem Fronteiras

 

Continuar lendo DESENVOLVIMENTO PESSOAL: FINALIZE 2020 EM UMA NOVA FREQUÊNCIA ATRAVÉS DE LIMPEZA ENERGÉTICA

AUTOCONHECIMENTO: ALCANÇAR A ILUMINAÇÃO É O NOSSO PROPÓSITO MAIOR

Neste dia de Natal trago um texto de profunda reflexão, para você que é buscador(a), para você que quer conhecer a verdade, para você que quer se libertar de toda opressão, para você que acredita que é um ser cósmico.  Esse texto é para você que acredita que estamos numa caminhada celestial de aprendizado, de conscientização, de expansão da consciência e de iluminação. Então, se você é assim, você precisa ler esse texto completo, refletir e expandir sua consciência!

AUTOCONHECIMENTO: CONSCIÊNCIA ESPIRITUAL E ILUMINAÇÃO SÃO ETAPAS DA EXPANSÃO DA CONSCIÊNCIA - Blog do Saber

ILUMINAÇÃO OU CONSCIÊNCIA ESPIRITUAL

Em muitos homens, a mente espiritual se revela lenta e gradualmente, e ainda que a pessoa possa sentir um constante aumento de conhecimento e consciência espiritual, pode não haver experimentado uma notada e repentina mudança.

 

Outros têm tido momentos do que é conhecido como iluminação, nos quais se acreditavam elevados quase fora do seu estado normal, e lhes parecia passar a um plano de existência ou de consciência mais elevado, que os deixava mais adiantados do que antes, ainda que não pudessem trazer à sua consciência uma clara recordação do que haviam experimentado, enquanto se encontravam nesse exaltado estado da mente. Essas experiências têm-se dado com muitas pessoas, em diferentes formas e graus, de todas as crenças religiosas, e têm sido geralmente associadas a algum aspecto da crença religiosa particular, professada pela pessoa que experimenta a iluminação. Mas os ocultistas adiantados reconhecem todas essas experiências como diferentes formas de uma só e mesma coisa – o amanhecer da consciência espiritual – o desenvolvimento da mente espiritual.

Alguns escritores têm chamado a esta experiência consciência cósmica, nome muito apropriado, pois a iluminação – pelo menos em seus aspectos mais elevados – põe o indivíduo em contato com a totalidade de Vida, fazendo sentir um sensação de parentesco com toda a Vida, alta ou baixa, grande ou pequena, boa ou má.

Essas experiências, como é natural, variam materialmente conforme o grau de desenvolvimento individual, sua preparação prévia, seu temperamento etc.; mas certas características são comuns a todas. O sentimento mais comum é o da posse quase completa do conhecimento de todas as coisas – quase onisciência. Esse sentimento existe apenas por um momento e nos deixa, a princípio, submersos em profunda pena pelo que chegamos a ver e que perdemos. Outro sentimento comumente experimentado é o da certeza da imortalidade, – uma sensação de atual ser – a certeza de haver sido sempre e a de estar destinado a sempre ser. Outro sentimento é o do desaparecimento de todo temor e da aquisição de um sentimento de certeza, segurança e confiança, e que estão além da compreensão daqueles que jamais o experimentaram. Então, um sentimento de amor nos inunda – um amor que abarca a Vida toda , desde os mais próximos a nós, na carne, até aos das mais longínquas partes do Universo – desde aquilo que nós consideramos puro e santo, até aquilo que o mundo considera vil, malvado e completamente indigno. Esse sentimento de retidão própria, que induz a condenar os outros, desaparece, e o amor, como a luz do sol, derrama-se sobre tudo que vive, sem ter em conta o seu grau de desenvolvimento ou bondade.

A alguns, essas experiências chegaram como um profundo sentimento de reverência que tomou completa posse deles, por alguns momentos ou mais tempo, enquanto que a outros se afigurava que se achavam num sonho e chegaram a ser conscientes de uma exaltação espiritual, acompanhada de uma sensação de estar circundando os compenetrados por uma luz brilhante.

A alguns, certas verdades se têm revelado sob a forma de símbolos, cujo significado não se tornou evidente senão muito tempo depois.
Essas experiências produzem uma mudança na mente daquele que passa por elas e que depois nunca torna a ser o mesmo homem que de antes. Ainda que a recordação vívida desapareça, fica ali certa reminiscência que, por longo tempo, será para ele um manancial de bem estar e de força, especialmente quando a sua fé vacila e se sente agitado, como uma cana, pelos ventos de opiniões em conflito e especulações do intelecto. A lembrança de tal experiência é uma fonte de renovada energia – um porto de refúgio, ao qual as almas fatigadas acodem para amparar-se do mundo externo que não as compreende.
Tais experiências são também usualmente acompanhadas de uma sensação de intensa alegria; de fato, a palavra e o pensamento de alegria parecem ser o que predomina na mente, nesta época. Mas não é uma alegria de experiência ordinária – é alguma coisa que não pode ser sonhada senão depois de havê-la experimentado – uma alegria cuja lembrança estimulará o sangue e fará palpitar o coração, todas as vezes que a mente relembrar a experiência.
Como já dissemos, também se experimenta a sensação de um conhecimento de todas as coisas, uma iluminação intelectual impossível de descrever. Nos escritos dos antigos filósofos de todas as raças, nos cantos dos grandes poetas de todos os povos, nas prédicas dos profetas de todas as religiões e tempos, podemos encontrar rasgos desta iluminação experimentada por eles – esse desenvolvimento da consciência espiritual. Não temos espaço para detalhar esses numerosos exemplos. Uns disseram-nos de um modo, outros de outro, mas todos dizem praticamente a mesma história. Todos os que têm experimentado essa iluminação, ainda que fosse em débil grau, reconhecem a mesma experiência na relação, canto ou prédica de outro, ainda que entre eles hajam decorridos séculos. É o canto da alma que, uma vez ouvido, jamais é esquecido. Ainda que seja expresso pelos toscos instrumentos das raças semi-bárbaras ou pelos mais aperfeiçoados talentos musicais da atualidade, seus tons são claramente reconhecidos.

Vem o canto do velho Egito, – da Índia de todas as idades – da antiga Grécia e Roma, – dos primitivos santos cristãos – dos Quarkers Friends, – dos mosteiros católicos – das mesquitas maometanas – do filósofo chinês – das lendas do índio americano, herói profeta, – é sempre o mesmo tom, elevando-se mais e mais alto, à proporção que muitos mais o entoam e agregam suas vozes ou dos sons de seus instrumentos ao grande coro.
Aquele tão mal compreendido poeta ocidental, Walt Whitman, sabia o que dizia (como compreendemos nós), quando prorrompia e expressava em singular verso a sua estranha experiência. Lêde o que ele diz e verificai se já foi alguma vez melhor expresso:

“Como num desmaio, um instante,
Outro sol inefável me deslumbra,
E todos os orbes conheci, e orbes mais brilhantes desconhecidos,
Um instante da futura terra, terra do céu.”

E quando sai do seu êxtase, exclama:

“Não posso estar acordado, porque nada me olha como antes,
Ou então estou acordado por primeira vez, e tudo de antes foi simples sonho.”

E nós devemos concordar com ele, quando declara a inabilidade do homem para descrever inteligentemente isso, nestas palavras:
“Quanto melhor quero expressar-me, menos posso,
Minha língua não se move sobre sua ponta,
Meu alento não obedece aos seus órgãos,
E fico mudo.”

Que essa grande alegria da iluminação seja vossa, queridos estudantes. E vossa será no seu tempo oportuno. Quando ela chegar, não vos alarmeis, e quando vos abandonar, não lamenteis sua perda – voltará outra vez. Vivei elevando-vos acessíveis à sua influência. Estais sempre dispostos a escutar a voz do silêncio, prontos sempre a responder ao toque da Mão Invisível.

Não torneis a temer, porque convosco tendes sempre o Ser Real que é uma chispa da Chama Divina, e o qual será como uma lâmpada que iluminará o caminho a vossos pés.

A paz seja convosco.

– Por Iogue Ramacháraca –

(Texto extraído do livro “Catorze Lições de Filosofia Iogue”, do Iogue Ramacháraca; Editora Pensamento)

Nota de Wagner Borges: Esse texto foi distribuído originalmente para uma turma de alunos num curso sobre projeção da consciência (Viagem astral). Na ocasião, eu comentava com eles sobre as expansões da consciência (samadhi, satori, consciência cósmica). Para ilustrar o tema, passei o brilhante texto de Ramacháraca para a turma estudar.

É um texto do início do século 20, editado originalmente na Inglaterra. Seu autor é o escritor William Walker Atikinsons (que usava o pseudônimo de Iogue Ramacháraca). Fala do estado de consciência cósmica e de suas repercussões no ser humano.

Parece estranho falar de um assunto desses no meio de tanta encrenca que acontece no viver diário da maioria das pessoas. Mas é melhor falar de algo assim do que compactuar com as pesadas vibrações do pessimismo e da falta de alegria.

Textos assim mantém a chama acesa em nosso coração e nos levam a reflexões profundas, típicas de quem almeja a ampliação da lucidez, do amor e do brilho em todas as dimensões.

Continuar lendo AUTOCONHECIMENTO: ALCANÇAR A ILUMINAÇÃO É O NOSSO PROPÓSITO MAIOR

REFLEXÃO: NÃO SUPORTAR O INEVITÁVEL É APENAS UMA CRENÇA LIMITANTE DO NOSSO SUBCONSCIENTE

Acreditar que não temos condições de suportar o inevitável é uma crença limitante que está gravada no nosso subconsciente. É o mesmo de achar que não somos capazes de executar determinada atividade, exercício ou trabalho. Esse limite está apenas na nossa mente, no nosso pensamento. Sem mudarmos a crença, se fizermos uma reprogramação mental o insuportável passa a ser plenamente suportável. Então, convido você a ler o texto completo a seguir, refletir e fazer o seu juízo de valor!

Jr Grings: Deixe seu filho se Frustrar

Suportar o inevitável

Eu poderia suportar todos os males que a vida me impusesse, menos uma coisa: a cegueira. Isso jamais eu poderia aguentar.

Estas foram palavras do famoso novelista e dramaturgo americano, Booth Tarkington, vencedor do prêmio Pulitzer.

Cada um de nós poderia então questionar: dos males, das provas da vida, qual seria aquela ou aquelas que não suportaríamos?

Todos temos limites e medos é certo. Então, até quando, ou, até o quê podemos, cada um de nós, suportar?

O Sr Tarkington viveu uma experiência muito especial neste sentido.

Um dia, quando já estava com seus sessenta e poucos anos, olhou o tapete que cobria o assoalho.

As cores estavam confusas, opacas. Não podia distinguir o desenho.

Foi a um especialista. Soube então da trágica verdade: estava perdendo a vista. Um olho já estava quase inutilizado; o outro seguia o mesmo caminho.

Acontecera-lhe o que ele mais temia.

E como foi que Tarkington reagiu diante do pior dos desastres? Será que pensou: Aí está! Eis o fim de minha vida…

Não, absolutamente. Para sua própria surpresa, sentiu-se quase alegre. Lançou mão até mesmo do seu senso de humor.

Pequenas manchas flutuantes perturbavam lhe a visão, passavam-lhe pelos olhos e impediam-no de ver.

Contudo, quando a maior delas passava pelos olhos, costumava dizer: Olá! Lá está o vovô de novo! Para onde será que vai nesta bela manhã?

De que modo poderia o destino dominar tal Espírito? A resposta é: não poderia de maneira nenhuma.

Quando a cegueira total o envolveu, ele comentou: Verifiquei que podia suportar a perda de meus olhos exatamente como o homem pode suportar qualquer outra coisa.

Se perdesse todos os meus cinco sentidos, sei que poderia viver dentro da minha mente, pois é através do cérebro que vemos, e é nele que também vivemos, quer saibamos disso ou não.

Na esperança de recuperar a vista, submeteu-se, nos anos seguintes, a mais de doze operações, delicadas, incômodas.

Revoltou-se, por acaso, contra isso? Não. Sabia que isso precisava ser feito. Compreendia que não lhe era possível escapar de tal contingência. Aceitava tudo com extrema dignidade.

Recusou o quarto particular que lhe reservaram no hospital e foi para uma enfermaria comum, onde pudesse estar em companhia de outras pessoas que também sofriam reveses.

Quando teve que se submeter às repetidas operações, procurava se lembrar do quanto era afortunado:

É maravilhoso! É maravilhoso ver-se como a ciência pode agora realizar operações numa coisa tão delicada quanto os olhos humanos!

Muitos outros, passando por tudo que ele passou, teriam se transformado em trapos humanos e desistido de tudo, porém, Tarkington mostrou que é possível, que é sempre possível suportar o inevitável.

* * *

Suportar o inevitável significa ter resignação, esta aceitação do coração ao que a vida nos impõe pelas leis naturais do Universo.

Sabendo que Deus é soberanamente justo e bom, e que Suas Leis são perfeitas, não há o que temer.

Os fardos que carregamos sempre são proporcionais à nossa capacidade de suportá-los.

Os fardos sempre nos fazem mais fortes, mais esclarecidos e maduros, quando suportados com resignação e coragem.

Redação do Momento Espírita com base no cap. 9 do livro Como evitar preocupações e começar a viver, de Dale Carneggie. ed. Companhia Editora Nacional.

Continuar lendo REFLEXÃO: NÃO SUPORTAR O INEVITÁVEL É APENAS UMA CRENÇA LIMITANTE DO NOSSO SUBCONSCIENTE

DESENVOLVIMENTO PESSOAL: EXERCÍCIO DE REPROGRAMAÇÃO MENTAL PARA O DINHEIRO

Na nossa caminhada do AUTOCONHECIMENTO, nesta quinta-feira trago para você, aqui na coluna DESENVOLVIMENTO PESSOAL um Exercício de Reprogramação Mental para o Dinheiro, que a May Andrade vai nos ensinar, através dos ensinamentos do sensacional Best Seller Joseph Murphy no livro “Como atrair o dinheiro”. Aqui você vai aprender quantas vezes você precisa repetir uma frase para que seu subconsciente mude o padrão mental. Então, o que está esperando? Assista logo esse vídeo altamente esclarecedor e mude a sua realidade!

Fonte:

Continuar lendo DESENVOLVIMENTO PESSOAL: EXERCÍCIO DE REPROGRAMAÇÃO MENTAL PARA O DINHEIRO

DESENVOLVIMENTO PESSOAL: O QUE HÁ POR TRÁS DE QUEM DEU CERTO NA VIDA

Nesta quarta-feira , aqui na coluna DESENVOLVIMENTO PESSOAL, vamos assistir a uma mini palestra do Professor, escritor, historiador e um dos maiores pensadores da atualidade, Leandro Karnal, sobre “O que há por trás de quem deu certo na vida”. Nesta palestra ele afirma que sua felicidade depende de você. Portanto, não perca essa oportunidade de descobrir o que há por trás de quem deu certo na vida!

Fonte:

Continuar lendo DESENVOLVIMENTO PESSOAL: O QUE HÁ POR TRÁS DE QUEM DEU CERTO NA VIDA

REFLEXÃO: QUAL A SUA VERDADE?

Nesta quarta-feira, aqui na coluna REFLEXÃO temos mais um conto budista, na interpretação de Camila Zen, que fala sobre o dia em que Buda explicou quem estava certo e quem estava errado, em uma grande discussão que acontecia na cidade. Vamos assistir ao vídeo completo a seguir e tirar as lições necessárias para o nosso crescimento espiritual.

Fonte:

Continuar lendo REFLEXÃO: QUAL A SUA VERDADE?

ARTIGOS: DEUS ESPERA MUITO MAIS DE NÓS E NÃO APENAS MEDIOCRIDADE, POR WAGNER BRAGA

Pausa para se reconectar com quem somos e com nossos sonhos - Infográficos - Estadão

Artigo

Questionamentos, busca e curiosidade é o mínimo que o divino espera de nós “centelhas divinas”

Tenho lido muito e profundamente a respeito de DEUS, Religião, Espiritualidade e acima de tudo sobre Cristo nos últimos vinte anos. Esses são assuntos que sempre me atraíram e que acho deveriam atrair a atenção, senão, pelo menos a curiosidade, de todo ser humano. Questionamentos como:

– Quem ou o que é DEUS?

– Somos realmente a sua imagem e semelhança?

– De onde viemos?

– Estamos realmente sozinhos nesse universo infinito?

– Por que estamos aqui?

– Por que nascemos no lugar e na família que nos concebeu?

– Por que somos do jeito que somos?

– Por que sofremos tanto?

– Por que alguém nasce deficiente físico ou mental?

– Existe reencarnação?

– Se existe, qual a nossa missão ou objetivo em cada uma delas?

E tantos outros questionamentos passam pelas nossas mentes ao longo da vida, mas não nos preocupamos em buscar as respostas, uma vez que estamos sempre muito ocupados com trabalho, família, amigos, estudos, amor e tantas outras coisas que fazem parte do nosso cotidiano. E até nos preocupamos, mas, na maioria das vezes, procuramos no lugar ou à hora errada. Além do fato de que não são perguntas fáceis de se responder. Como já mencionei, estou buscando essas respostas, dia após dia, há pelo menos vinte anos, através de leituras e consultas das mais diversas correntes filosóficas e dos livros oficiais de várias religiões. Enfim, através da busca incansável por todos os meios e métodos ao meu alcance. Obtive algumas respostas, outras estão a caminho de serem respondidas e ainda restam muitas interrogações. Mas percebo que o mais importante de tudo isso é que não passemos por esta vida sem questionarmos os porquês, pois o conhecimento nos liberta e traz as soluções para os nossos problemas, os nossos males, as nossas fraquezas e tantas outras coisas que podemos melhorar e resolver nessa breve estada.

Esses questionamentos são importantes para todas as pessoas, mesmo sem considerar o seu credo religioso. Por exemplo, é importante tanto para os que acreditam como os que não acreditam em reencarnação. Para os que nela acreditam, é importante porque o aprofundamento nessas questões levará a pessoa a descobrir quantas vezes já reencarnou, em que estágio de consciência re-encarnacional ela se encontra e o que fazer para na próxima ser alguém melhor. Para aqueles que não acreditam, é importante porque podem questionar afirmações dogmáticas como: Já que eu só tenho essa vida, se eu for uma boa pessoa e fizer o bem serei salvo e entrarei no reino dos céus, apesar de todos os meus defeitos, fraquezas e pecados? Onde é o Reino dos Céus, como se chega lá, e depois de chegar o que acontece? E se eu não conseguir ser um bom indivíduo, vou para o purgatório ou para o inferno? E onde fica o purgatório? Onde fica o inferno? O que realmente acontece quando eu chegar lá? Estarei perdido para todo o sempre? Será que DEUS é tão cruel assim que não me dará uma nova chance?

Muitas e muitas pessoas apenas seguem os ensinamentos da bíblia ou de qualquer que seja o livro sagrado das mais diversas religiões sem questionarem absolutamente nada. Como se fôssemos literalmente ovelhas conduzidas por um pastor. Ora, se somos imagem e semelhança de DEUS e fomos os únicos agraciados com o maior presente do Pai, o “livre-arbítrio”, então temos não apenas o direito, como também a obrigação, de levantar esses questionamentos. Afinal de contas, somos seres inteligentes e segundo a ciência atual só utilizamos 5% da capacidade total do nosso cérebro. Portanto, se não o fizermos, estaremos nos igualando às ovelhas, seres irracionais. Acho que não é isso que DEUS quer de nós. Ele espera muito mais de seus filhos, assim como um pai que coloca seu filho no melhor colégio para estudar e ser alguém culto, sábio e vencedor.

Autor: Wagner Braga

Continuar lendo ARTIGOS: DEUS ESPERA MUITO MAIS DE NÓS E NÃO APENAS MEDIOCRIDADE, POR WAGNER BRAGA

DESENVOLVIMENTO ESPIRITUAL: ANIMAL DE PODER, QUAL O SEU?

Na nossa coluna DESENVOLVIMENTO ESPIRITUAL desta terça-feira temos um artigo muito interessante sobre “Animal de Poder”. Algo que poucas pessoas se preocupam ou pensam sobre, mas que tem o fulcro num profundo simbolismo em nosso subconsciente. Tais símbolos são capazes de ativar informações existentes no mais profundo do nosso ser. Então, vale a pena tentar descobrir qual é o seu animal de poder no texto a seguir de autoria da May Andrade!

Como descobrir meu animal do Poder?

Como descobrir qual é o seu animal de poder?

Animal de Poder

No curso da existência humana as pessoas desenvolveram uma relação muito específica e especial com os animais, com algumas espécies mais do que com outras. Nós começamos a nos relacionar de forma simbiótica com os animais, por exemplo, nós começamos a viver e a interagir com animais como gatos e cachorros, começamos a montar cavalos e usá-los como um meio de transporte, etc.

Com alguns desses animais desenvolvemos uma relação mais próxima, enquanto que com outros, estabelecemos uma relação mais antagônica por percebê-los como uma ameaça, como cobras e mosquitos.

Em geral, nossos animais favoritos carregam características que mais valorizamos. Por exemplo: o valor que damos ao companheirismo e à lealdade nos fizeram amar os cães. Enquanto que, o valor que damos ao poder nos fizeram, de certa forma, admirar e respeitar os grandes predadores como leões e tigres.

Os animais carregam um profundo simbolismo em nosso subconsciente, esses símbolos são capazes de ativar informações existentes no mais profundo do nosso ser. Muitas culturas, como as indígenas, em especial os indígenas norte-americanos, reconheceram essa ligação dos humanos com os animais num nível inconsciente e até espiritual.

Através da tradição indígena do Xamanismo, pode-se identificar que cada pessoa tem uma relação espiritual com um ou mais animais, e a conexão com o simbolismo desse animal pode nos ajudar no autoconhecimento e desenvolvimento pessoal.

O animal de poder, em inglês chamado de “spirit animal”, ou animal espiritual, é aquele cuja vibração é a mais parecida com a vibração da sua única e específica essência de ser. Cada pessoa é única, e suas características específicas fazem parte da sua assinatura energética, do seu DNA espiritual contido em sua essência. O animal de poder, ou animal espiritual, é aquele cuja vibração é mais parecida com essas características da sua essência única.

Porque é nossa assinatura energética que define a forma física que assumimos, posto que, as formas materiais são energias não-físicas materializadas. Nas tradições ancestrais, acredita-se também que o animal de poder foi uma de nossas muitas e antigas encarnações, e que alguns desses traços podem ser percebidos em nossas características físicas e comportamentais.

Quando se descobre qual é seu animal de poder, ele pode servir como um guia espiritual e um protetor para a pessoa, conforme a conexão com ele se intensifica. É possível também ativar as qualidades do animal de poder na pessoa, ajudando-a a lidar com as questões da vida cotidiana.

Mas como descobrir qual é seu animal de poder?

Preparamos algumas dicas que podem ser úteis na sua jornada de autoconhecimento e conexão com animal espiritual, são elas:

Sincronicidades: preste atenção em qual animal sempre aparece na sua frente. Você vai perceber que desde sua infância tem um animal que parece estar sempre presente em sua vida e pelo qual você sente alguma ligação.

Estabeleça a intenção: estabeleça a intenção de descobrir qual é seu animal de poder e se conectar com a energia dele. Você pode dizer para o universo algo como: eu desejo descobrir qual é meu animal de poder.

Preste atenção: fique atento nas coisas à sua volta. Seu animal de poder pode aparecer em uma imagem na internet, em um livro, em uma visão ou mesmo na sua frente. Quando aparecer você vai sentir algo especial.

Sonhos: antes de dormir, você pode dar um comando ao seu subconsciente pedindo que te mostre em sonho qual é o seu animal de poder. Você pode dizer antes de dormir: esta noite eu quero sonhar com meu animal de poder.

Medite: durante a prática da meditação, você pode se conectar com a sua Centelha Divina e pedir que ela te indique qual é o seu animal de poder. Nem sempre a resposta virá naquele momento. Fique atento, a resposta pode surgir a qualquer momento do seu dia a dia.

Significado: quando aparecer, pense sobre como se sente conectado a esse animal, quais sentimentos e emoções te vêm à mente. Pesquise o significado e as características que esse animal representa e compare com as suas próprias características.

Animal favorito: Acredita-se que, não somos nós que escolhemos nosso animal de poder, mas é ele que nos escolhe! Então, pense em qual é o seu animal favorito e o porquê você gosta tanto dele. Pode ser que este seja o seu animal de poder e você já foi escolhido por ele.

Por: May Andrade

Fonte: Temporariamente Humana

Continuar lendo DESENVOLVIMENTO ESPIRITUAL: ANIMAL DE PODER, QUAL O SEU?

REFLEXÃO: O RITUAL DE PASSAGEM DA CULTURA INDÍGENA E A CRENÇA EM ANJOS DA GUARDA

O belo texto a seguir, destaque da nossa coluna REFLEXÃO desta terça-feira é sobre a possibilidade da existência de “anjos da guarda”, figura presente na maioria das religiões, no espiritismo e até mesmo em ciências como a conscienciologia. Cada uma dessas crenças utiliza um nome diferente para representar essa figura mística. Na cultura indígena também existe essa criatura e o texto a seguir fala do Ritual de Passagem, que trata da transformação do jovem em um homem. Convido você a ler o brilhante texto a seguir, refletir e fazer o seu juízo de valor!

Ritual de Passagem

 em 

 

Há uma bela lenda dos índios Cherokee sobre o “ritual de passagem” que nos lembra que somos protegidos o tempo todo, ainda que não possamos enxergar com os olhos físicos.

“O pai leva o filho para a floresta, coloca uma venda em seus olhos e o deixa lá, sozinho. O jovem deve permanecer sentado em um tronco a noite toda, sem remover a venda até que os raios do sol o avisem que é de manhã.

Ele não pode e não deve pedir ajuda a ninguém. Se ele sobreviver à noite, sem se desmoronar, será um homem. Não pode contar a sua experiência aos amigos ou a ninguém, porque cada jovem tem que se tornar um homem sozinho.

O jovem está claramente aterrorizado … ele ouve muitos barulhos estranhos ao seu redor. Certamente existem feras ferozes por perto. Talvez até homens perigosos que o machuquem. O vento sopra forte a noite toda balançando as árvores, mas ele continua corajosamente, sem tirar a venda dos olhos. Afinal, é a única maneira de se tornar um homem!

Finalmente, depois de uma noite assustadora, o sol aparece e ele tira a venda dos olhos. E é nesse momento que ele percebe que o pai está sentado no tronco, perto dele. Esteve de guarda toda a noite protegendo o filho de qualquer perigo. O pai estava lá, embora o filho não soubesse.”

Nós também nunca estamos sozinhos. Na noite mais assustadora, no escuro mais profundo, na solidão mais completa, mesmo quando não nos damos conta disso, estamos sendo protegidos.

Luz e Paz!

Fonte: Sabedoria Universal

Continuar lendo REFLEXÃO: O RITUAL DE PASSAGEM DA CULTURA INDÍGENA E A CRENÇA EM ANJOS DA GUARDA

DESENVOLVIMENTO ESPIRITUAL: SAIBA O QUE É ESPIRITUALIDADE E A DIFERENÇA PARA RELIGIOSIDADE

O texto de hoje, aqui na coluna DESENVOLVIMENTO ESPIRITUAL é justamente sobre espiritualidade. Você vai saber o que é espiritualidade, o que é religiosidade e quais as diferenças. O fato é que a maioria das pessoas confundem uma com a outra e muitas vezes não sabem mesmo o que significa cada uma. Então, não perca essa oportunidade de esclarecer suas dúvidas e expandir sua consciência!

ESPIRITUALIDADE – O que é; qual a importância; e como desenvolvê-la. – Camila Schmidt

O que é espiritualidade?

Mensagem de 15 de Novembro de 2020

Talvez você já tenha ouvido falar de espiritualidade, mas não tem certeza do que é. Bem, é diferente da religião, e você pode praticá-la mesmo que não seja religioso. Descubra sobre diferentes tipos de espiritualidade e as razões pelas quais algumas pessoas decidem viver vidas espirituais.

Isto pode ajudar se:

Você está se perguntando o que significa espiritual
Você está curioso sobre os diferentes tipos de espiritualidade
Você quer saber como você pode ser espiritual, mas não religioso.
Garota lendo livro em uma biblioteca

O que é espiritualidade?

Espiritualidade é algo muito falado, mas muitas vezes mal compreendido. Muitas pessoas pensam que espiritualidade e religião são a mesma coisa, e por isso trazem suas crenças e preconceitos sobre religião para as discussões sobre espiritualidade. Embora todas as religiões enfatizem o espiritualismo como sendo parte da fé, você pode ser ‘espiritual’ sem ser religioso ou membro de uma religião organizada.

Qual é a diferença entre religião e espiritualidade?

Há algumas formas bastante claras de diferença entre religião e espiritualidade.

Religião: Este é um conjunto específico de crenças e práticas organizadas, geralmente compartilhadas por uma comunidade ou grupo.

Espiritualidade: Esta é mais uma prática individual, e tem a ver com ter um senso de paz e propósito. Também está relacionado ao processo de desenvolvimento de crenças em torno do sentido da vida e da conexão com os outros, sem nenhum valor espiritual definido.

Organizado vs. forma livre

Uma maneira de entender a relação entre espiritualidade e religião é imaginar um jogo de futebol. As regras, árbitros, outros jogadores e as marcas de campo ajudam a guiá-lo enquanto joga o jogo de uma forma semelhante à que a religião pode guiá-lo a encontrar sua espiritualidade.

Chutar a bola em um parque, sem ter que jogar no campo ou com todas as regras e regulamentos, também pode lhe dar realização e diversão e ainda expressar a essência do jogo, semelhante à espiritualidade na vida.

Você pode fazer um ou ambos

Você pode identificar como sendo qualquer combinação de religioso e espiritual, mas ser religioso não o torna automaticamente espiritual, ou vice versa.

Por que as pessoas praticam a espiritualidade?

A vida pode ser cheia de altos e baixos, de bons e maus momentos. Muitas pessoas veem a espiritualidade como uma ótima maneira de buscar conforto e paz em suas vidas. Muitas vezes ela pode ser praticada ao lado de coisas como a Yoga, que finalmente se concentra no alívio do estresse e na liberação da emoção.

Espiritualidade é uma forma de ganhar perspectiva

A espiritualidade reconhece que seu papel na vida tem um valor maior do que o que você faz todos os dias. Ela pode aliviá-lo da dependência de coisas materiais e ajudá-lo a compreender o propósito maior de sua vida. A espiritualidade também pode ser usada como uma forma de lidar com as mudanças ou incertezas.

Fonte: https://eraoflight.com/
Rafaella Dourado e Marco Iorio Júnior — Tradutora e Editor exclusivos do Trabalhadores da Luz

Fonte: Trabalhadores da Luz

Continuar lendo DESENVOLVIMENTO ESPIRITUAL: SAIBA O QUE É ESPIRITUALIDADE E A DIFERENÇA PARA RELIGIOSIDADE

REFLEXÃO: DOAR DESDE A MAIS TENRA INFÂNCIA É O CAMINHO NATURAL PARA O DESAPEGO

O exercício da doa ção que devemos fazer desde muito pequenos é o tema da nossa REFLEXÃO deste domingo, aqui na comuna. Uma das maiores lições é o ato de doar e se doar. E quando criança devemos ser ensinados pelos pais a doar aquilo que não nos serve mais, mas sem influenciar a criança, deixando-a livre para escolher o que deseja doar naquele momento. O texto a seguir nos instrui nesse sentido e eu lhe convido a ler, refletir e fazer o seu juízo de valor!

14 DICAS PARA DESAPEGAR E DOAR TUDO O QUE NÃO SERVE MAIS

A lição da doação

Comumente ouvimos falar a respeito da necessidade de nos desapegarmos das coisas materiais, desde que somos passageiros nesta vida, sendo a verdadeira a vida espiritual.

Ao esboçarmos tal conceito, o que temos em mente é de repassá-lo para adultos, isto é, pessoas maduras.

É que nutrimos a ilusão de que os mais idosos é que partem primeiro, o que nem sempre é verdadeiro, embora possa parecer a lei natural.

Dessa forma, é bastante importante que comecemos a ministrar a lição da doação, do desapego aos pequeninos.

Excelente exercício é convidá-los a doar alguns dos seus brinquedos para outras crianças. Afinal, para os pequenos, o que existe de mais precioso, senão os seus brinquedos?

A experiência tem demonstrado que, assim convidadas, as crianças normalmente escolhem diversos brinquedos, em especial se lhes for dito que eles se destinam a outras crianças que não têm com que brincar.

É comovente se observar como elas separam bonecas, bolas, bichinhos de pelúcia, e vão afirmando: Com este, eu já não brinco mais. Este eu posso dar.

Mais comovente ainda é observá-las entregar, de boa vontade, os seus brinquedos a outras crianças.

Mas o que se tem registrado em momentos tais é a interferência dos pais, separando, dentre os escolhidos pela criança para doação, aqueles brinquedos que reputam de muito valor para irem parar nas mãos de uns pequenos carentes.

É que os adultos olhamos para os brinquedos com olhos de valores comerciais, enquanto a criança tem olhos de utilidade.

Muitas vezes, o brinquedo caro não é o seu preferido.

Quando, como pais, assim procedemos, estamos demonstrando o quanto somos apegados às coisas materiais e o quanto nos falta ainda exercitar para nos libertarmos em definitivo de tais conceitos.

Urgente que aprendamos a não interferir nas decisões das nossas crianças, quando a generosidade se lhes estampa nos gestos. Pois é nas lições do cotidiano que se forma o caráter dos pequenos. E, de um modo geral, somos nós mesmos, os pais, que podamos com nossas atitudes aquilo que é espontâneo nos nossos pequenos.

Dar coisas, e mormente aquelas que consideramos como preciosas, é a verdadeira lição da doação.

Lição que os pequenos demonstram em abundância, nas quais nós, os adultos, nos devemos espelhar.

É que, normalmente, buscamos dar daquilo que nos sobra, que nos é supérfluo, que não mais desejamos.

Quando assim agimos, não estamos nos doando verdadeiramente, pois que nada mais fazemos que atender a um gesto de fraternidade, algo que se espera de qualquer ser humano em relação a outro carente.

* * *

O sinal de que Jesus está conosco e nós com Ele é exatamente o que nos dispomos dar, em nome Dele.

Doemos, pois, o pão da esperança, da alegria e do bom ânimo para todos os que encontremos em nosso caminho, desesperançados, tristes e acabrunhados.

Engrandeçamo-nos nas pequenas doações, crescendo nos deveres que nos cabem realizar.

Redação do Momento Espírita, com pensamento final extraído do verbete Doação, do livro Repositório de sabedoria, v.2, pelo Espírito Joanna de Ângelis , psicografia de Divaldo Pereira Franco, ed. Leal

Fonte: Momento de Reflexão

Continuar lendo REFLEXÃO: DOAR DESDE A MAIS TENRA INFÂNCIA É O CAMINHO NATURAL PARA O DESAPEGO

DESENVOLVIMENTO PESSOAL: SUPERE DEFINITIVAMENTE SEUS MEDOS

Neste sábado vamos assistir, aqui na coluna DESENVOLVIMENTO PESSOAL a mais um resumo animado de Albano, do Seja uma pessoa melhor, sobre como superar definitivamente os seus medos. Como vencer seus medos e anseios por meio de uma técnica comprovada cientificamente e já usada mundo afora. Então, não perca tempo, se acomode em sua poltrona e assista ao vídeo completo a seguir e liberte-se definitivamente dos seus medos!

Fonte:

Continuar lendo DESENVOLVIMENTO PESSOAL: SUPERE DEFINITIVAMENTE SEUS MEDOS

DESENVOLVIMENTO PESSOAL: IDENTIFICANDO A MÁGOA – SEMANA DO PERDÃO – AULA 1

A partir de hoje, aqui na coluna DESENVOLVIMENTO PESSOAL, nós vamos assistir as palestras do renomado psicólogo Rossandro Klinjey sobre o perdão. Na sua primeira aula sobre o assunto ele vai identificar a Mágoa que está dentro de cada um de nós, mas que muitas vezes nem sabemos disso. Então, aproveite e não deixe de assistir ao vídeo completo a seguir para descobrir quais as mágoa que você tem e não sabe!

Fonte:

Continuar lendo DESENVOLVIMENTO PESSOAL: IDENTIFICANDO A MÁGOA – SEMANA DO PERDÃO – AULA 1

REFLEXÃO: CAMINHAR COM LEVEZA É COMO SER CRIANÇA

O destaque da nossa coluna REFLEXÃO desta sexta-feira é mais um texto fantástico publicado por Beth Michepud que fala da nossa criança interna, lembrando que chegamos aqui como criança e partiremos também da mesma forma. Por isso não podemos nunca desprezar nem fazer pouco caso da nossa querida e inseparável criança, pois como disse o mestre Jesus: “Deixem vir a mim as crianças e não as impeçam; pois o Reino dos céus pertence aos que são semelhantes a elas”.

Caminhar com leveza

 em 

O texto de Patricia Gebrim nos relembra que, já que estamos vivendo a experiência de existir aqui e agora, porque não nos permitimos resgatar a de outrora? Certamente nosso caminhar será mais confortável e a viagem muito mais prazerosa.

“Eu não sei por quê, mas conforme vamos envelhecendo, começamos a levar tudo tão a sério, você já percebeu isso?

Quando éramos crianças, o brincar era a nossa divertida forma de aprender. Brincávamos de andar de bicicleta, e quando caíamos, ríamos de nós mesmos. Não nos considerávamos fracassados quando não sabíamos pular corda. Apenas nos divertíamos, e assim, seguíamos aprendendo.

Então crescemos e começamos a achar que tínhamos que fazer tudo certo, e que antes de fazer algo era necessário dominar aquele assunto por completo. Paramos de nos divertir, de experimentar .Perdemos a leveza. Nos tornamos viciados em cursos e estudos, e nunca achamos que estamos prontos.

A vida ficou dura e sem graça. Ouçam. Não precisa ser assim. Esta vida é uma experiência . Sua alma sabe disso. Sabe que não há certos e errados. Há sim, escolhas que nos fazem bem e outras que nos fazem mal. Mas aprendemos com ambas, então nada é de verdade errado.

Permita-se olhar dessa forma para a vida. Tudo passa tão rápido. Caminhe pela vida com mais leveza. Nunca permita que a criança em você morra. Brinque nesse palco chamado vida. Calce tênis confortáveis e desfrute da sua jornada. Somos todos crianças da luz em nosso caminho de volta para casa.”

Luz e Paz!

Fonte: Sabedoria Universal

Continuar lendo REFLEXÃO: CAMINHAR COM LEVEZA É COMO SER CRIANÇA

Fim do conteúdo

Não há mais páginas para carregar