REFLEXÃO: SABER VIVER E SER RECONHECIDO É UMA ARTE

O texto escolhido para REFLEXÃO de hoje aborda “a arte da sobrevivência” e com uma pequena história contada pelo velho sábio podemos entender como é difícil sobreviver e principalmente ser reconhecido pelos nossos méritos, pois sobreviver é uma arte. Convido você a ler o texto completo a seguir, refletir e fazer o seu juízo de valor.

A arte da sobrevivência

Um fazendeiro colecionava cavalos e só faltava uma determinada raça.

Um dia ele descobriu que o seu vizinho tinha este determinado cavalo. Assim, ele atazanou seu vizinho até conseguir comprá-lo.

Um mês depois o cavalo adoeceu, e ele chamou o veterinário:

-Bem, seu cavalo está com uma virose, é preciso tomar este medicamento durante 3 dias, no terceiro dia eu retornarei e caso ele não esteja melhor, será necessário sacrificá-lo.

Neste momento, o porco escutava toda a conversa.

No dia seguinte deram o medicamento e foram embora. O porco se aproximou do cavalo e disse:

– Força amigo! Levanta dai, senão você será sacrificado!!!

No segundo dia, deram o medicamento e foram embora. O porco se aproximou do cavalo e disse:

– Vamos lá amigão, levanta senão você vai morrer! Vamos lá, eu te ajudo a levantar… Upa! Um, dois, três.

No terceiro dia deram o medicamento e o veterinário disse:

-Infelizmente, vamos ter que sacrificá-lo amanhã, pois a virose pode contaminar os outros cavalos.

Quando foram embora, o porco se aproximou do cavalo e disse:

– Cara é agora ou nunca, levanta logo! Coragem! Upa! Upa! Isso, devagar! ótimo, vamos, um, dois, três, legal, legal, agora mais depressa vai… Fantástico! Corre, corre mais! Upa! Upa! Upa!!!
Você venceu, Campeão!!!

Então de repente o dono chegou, viu o cavalo correndo no campo e gritou:

– Milagre!!! O cavalo melhorou. Isso merece uma festa…”Vamos matar o porco!!!”

Isso acontece muito dentro de uma empresa e ninguém percebe, quem é o funcionário que merece o mérito pelo sucesso. Saber viver e ser reconhecido é uma arte.

Fonte: Velho Sábio

Continuar lendo REFLEXÃO: SABER VIVER E SER RECONHECIDO É UMA ARTE

ARTIGO: A ESPIRITUALIDADE É O ÚNICO CAMINHO PARA SOBREVIVER ÀS AMEAÇAS QUE NOS CERCAM

Tenho visto tanta gente adoecendo e morrendo de graça que fico pensando! O mundo está realmente muito perigoso, agressivo, ácido e difícil de sobreviver, com tantas bactérias e vírus espalhadas aos milhões e até bilhões ou será que o ser humano está a cada dia mais frágil apesar de todo o avanço da ciência e da tecnologia? Quando olhamos para o passado e vemos o quão era difícil a sobrevivência do homem num mundo tão hostil e cercado de grandes feras por todos os lados e mais adiante a ameaça saiu do mundo macro, das feras, para o mundo microscópico, os grandes surtos pandêmicos como a peste negra, a peste bubônica, a gripe espanhola e tantas outras  de  facilmente percebemos que as ameaças a que o homem foi submetido ao longo de sua trajetória terrestre nunca ultrapassaram a sua capacidade de dominá-las ou bani-las da face da terra, ou seja, os meios para combater e exterminar essas ameaças sempre estiveram ao alcance do intelecto e dos recursos materiais. Mas sempre foi muito difícil e custoso para a humanidade alcançar essas vitórias sobre essas ameaças. Isso ocorre justamente por causa do desequilíbrio evolutivo mente-corpo-espírito. A humanidade sempre deu ênfase ao desenvolvimento  intelectual e material e ignoraram o desenvolvimento espiritual. Neste plano, infelizmente, ainda estamos na idade da pedra. O desenvolvimento espiritual não requer 5% do esforço e consumo de energia que o desenvolvimento intelectual e material necessitam, pois envolve apenas o esforço pessoal, o conhecimento, a leitura, a meditação, os exercícios mentais, exercícios físicos e uma alimentação saudável. A autocura é algo palpável, real e iminente. Ela está no nosso DNA. Só falta assumirmos o comando e aprendermos a vibrar em altas frequências e nada, absolutamente nada, que vibre em baixa frequência jamais nos atingirá.

 

Continuar lendo ARTIGO: A ESPIRITUALIDADE É O ÚNICO CAMINHO PARA SOBREVIVER ÀS AMEAÇAS QUE NOS CERCAM

MENINO DE 10 ANOS QUE FOI LAVADO PELA MARÉ SEGUIU OS CONSELHOS QUE VIU NA TV, CONSEGUIU SOBREVIVER ATÉ A CHEGADA DO RESGATE

Levado pela maré, menino de 10 anos sobrevive graças a conselhos que viu na TV

O menino passou uma hora boiando de costas no mar, até ser resgatado por barco salva-vidas. Recomendações fazem parte de campanha nacional para prevenir afogamentos

INTERNACIONAL

por 

BBC NEWS BRASIL

O menino foi levado pelo vento e pela maré para o outro lado da baía sul de ScarboroughO menino foi levado pelo vento e pela maré para o outro lado da baía sul de Scarborough

A tripulação de barco salva-vidas ficou “impressionada” com um garoto de 10 anos que sobreviveu por mais de uma hora no mar, ao seguir os conselhos que ele viu em um documentário da BBC.

O menino havia desaparecido após entrar no mar em Scarborough, no norte da Inglaterra, na sexta-feira (31/07).

Ele foi achado pelos salva-vidas boiando na água de costas, com os braços e as pernas abertos, gritando por socorro.

Estas são as recomendações feitas pela Royal National Lifeboat Institution (RNLI), organização sem fins lucrativos britânica dedicada a prestar auxílio a banhistas, para quem enfrentar dificuldades ao nadar.

‘Aterrorizante e estressante’

Os salva-vidas foram chamados quando o menino sumiu após ser levado pela maré e pelo vento. Ele foi resgatado próximo a um pier, do outro lado da baía sul de Scarborough.

Segundo Lee Marton, tripulante do barco salva-vidas, o garoto seguiu as instruções dadas pelo documentário da BBC Saving Lives at Sea (Salvando Vidas no Mar, em tradução livre

Com o calor, as praias ficam lotadas — e aumentam os incidentes no mar

As recomendações fazem parte da campanha nacional de prevenção de afogamentos da RNLI, “Respeite a Água”.

A organização diz que qualquer pessoa que esteja passando apuros no mar deve tentar conter o instinto de nadar mais forte ou se debater — isso pode levar alguém a aspirar água e se afogar.

Em vez disso, deve-se relaxar e boiar de costas até recuperar o controle da respiração.

“Estamos muito impressionados com esse rapaz incrível, que conseguiu manter a calma e seguir os conselhos de segurança, em circunstâncias terríveis e estressantes. Se não tivesse feito isso, o resultado poderia ter sido muito diferente”, disse Marton.

O garoto reencontrou sua família no posto salva-vidas antes de ser levado para fazer exames em um hospital.

A sexta-feira foi o dia mais quente do ano e o terceiro mais quente já registrado no Reino Unido, o que levou milhares de pessoas às praias do país.

A Guarda Costeira britânica disse que registrou seu maior número de chamadas diárias em mais de quatro anos, com 329 incidentes registrados, incluindo pessoas levadas por correntezas e relatos de crianças desaparecid

Fonte: R7

Continuar lendo MENINO DE 10 ANOS QUE FOI LAVADO PELA MARÉ SEGUIU OS CONSELHOS QUE VIU NA TV, CONSEGUIU SOBREVIVER ATÉ A CHEGADA DO RESGATE

Fim do conteúdo

Não há mais páginas para carregar