Blog do Saber, Cultura e Conhecimento!

SAÚDE: A IMPORTÂNCIA DE UMA ROTINA DE SONO ESPECIALMENTE PRA AS CRIANÇAS

Saiba como ajudar seus filhos a dormirem o suficiente na pandemia

A implementação de boas práticas de higiene do sono em família é fundamental para evitar problemas a longo prazo

Neha Chaudhary, da CNN

Atualizado 03 de março de 2021 às 14:51

Criança dormindoManter uma rotina de sono é importante para todos, em especial para crianças Foto: iStock

Nota do editor: Neha Chaudhary é uma psiquiatra de crianças, adolescentes e adultos no Hospital Geral de Massachusetts e na Escola de Medicina de Harvard, e co-fundadora do Brainstorm, um laboratório da Universidade de Stanford para inovações em saúde mental.

Dormir o suficiente era difícil mesmo antes da pandemia. Com as rotinas interrompidas, tempo extra em frente a telas de computadorea e celulares, e a grande quantidade de estresse que a maioria das pessoas enfrenta agora, as rotinas de sono parecem ter piorado de forma silenciosamente rápida. E pelo que estou vendo na minha prática de psiquiatria infantil, as crianças estão sofrendo ainda mais.

Considere o trabalho que nossos cérebros fazem o dia todo – pensar, sentir, tomar decisões e se preocupar com a família, amigos e até mesmo com nossa própria segurança. O sono é o único momento em que o cérebro descansa.

Para obter o suficiente desse descanso, a Academia Americana de Medicina do Sono recomenda de 10 a 13 horas de sono noturno para crianças de 3 a 5 anos de idade; 9 a 12 horas para crianças de 6 a 12 anos; e 8 a 10 horas para adolescentes. No entanto, de acordo com os Centros para Controle e Prevenção de Doenças dos EUA, apenas quatro em cada dez alunos do ensino fundamental e três em cada dez alunos do ensino médio estão dormindo o suficiente.

A falta de sono adequado não vem sem um custo alto. Estudos mostram que o sono insuficiente pode causar problemas a curto e longo prazo, incluindo não apenas cognição prejudicada, irritabilidade e falta de paciência, mas também diabetes e doenças cardíacas.

Grande parte da saúde emocional também está ligada ao sono e a ausência dele cria uma espiral descendente: problemas de humor ou ansiedade podem piorar o sono, e a falta de sono piora o humor e  a ansiedade. Nossa melhor aposta é quebrar o ciclo o mais rápido possível.

Eu sei que é mais fácil falar do que fazer, especialmente com dever de casa, hormônios e pressões da faculdade pairando sobre crianças e adolescentes – sem mencionar suas vidas sociais, ou a falta dela agora. Implementar boas práticas de higiene do sono em família é fundamental para pais e filhos.

Inicie uma rotina na hora de dormir

Aprendizagem à distância, trabalho em casa, falta de creche e dificuldades financeiras são algumas das razões pelas quais nossas rotinas estão diferentes hoje em dia. Uma boa rotina na hora de dormir é uma das partes mais importantes da higiene do sono.

Quanto mais consistente for a rotina da hora de dormir, mais os relógios biológicos de seus filhos permanecerão em dia e mais seus cérebros começarão a associar a rotina ao sono. Ter um relógio interno consistente também ajuda a regular o humor, o que, por sua vez, melhora ainda mais o sono.

Isso significa tentar manter as rotinas de sono e vigília durante o fim de semana o mais próximo possível dos dias da semana. É uma medida difícil, especialmente, para adolescentes, cujos relógios biológicos são programados naturalmente para descansar mais tarde, de forma que nem sempre corresponde ao dia na escola. Porém, quanto mais consistente for a rotina nos fins de semana, mais fácil será adormecer e acordar durante a semana, quando normalmente é o mais complicado.

Desacelere pelo menos uma hora antes de dormir

Faça atividades relaxantes, pelo menos uma hora antes de dormir, que fiquem longe de telas. Tentem ler juntos, montar um quebra-cabeça ou até mesmo contar histórias para crianças mais novas. As mais velhas podem tentar fazer um diário ou criar um ritual na hora de dormir, como escrever coisas pelas quais são gratas desde o dia. Essas atividades normalmente impedem nossas mentes de correr em direções diferentes durante o dia.

Mantenha as telas fora da hora de dormir

A luz azul que as telas emitem pode dizer ao seu cérebro que é hora de acordar – o oposto do que queremos antes de dormir. As crianças não devem apenas parar de usar seus telefones ou telas mais ou menos uma hora antes de dormir, mas também é melhor mantê-los fora do quarto para diminuir a tentação de usá-los, em razão da luz emitida que impede que o ambiente fique totalmente escuro. Isso significa laptops, tablets, sistemas de jogos e, sim, telefones celulares.

Na minha experiência, embora guardar os telefones possa ser uma decepção no início, muitas crianças mais velhas acham que se sentem liberadas, mais atentas e dormem muito melhor quando seus telefones são deixados em baldes na mesa de jantar e eles não os pegam até depois do café da manhã.

Crie um ambiente favorável ao sono

Além de eliminar dispositivos, a configuração correta do ambiente pode desempenhar um grande papel na qualidade do sono que você obtém. Você quer que seja aconchegante, convidativo e seguro. Tente manter os bichinhos de pelúcia favoritos do seu filho, brinquedos ou um símbolo de algo reconfortante perto de sua cama. A sala deve estar o mais escura possível (cortinas blackout funcionam) e a temperatura deve estar pendendo para o frio.

Tente não comer ou beber uma hora antes de dormir

Seu corpo trabalha muito para digerir os alimentos, extrair todos os seus nutrientes e transformá-los em energia. Você quer evitar que esse processo aconteça tarde da noite, porque não apenas certos alimentos, como açúcares, podem lhe dar uma explosão de energia logo antes de dormir — mas, se você não esperou o suficiente para dormir, isto pode ser uma receita para refluxo e desconforto estomacal.

Para os membros mais velhos da família, evite cafeína o máximo que puder, e não apenas antes de dormir. A cafeína a qualquer hora do dia, mesmo no final da manhã, pode afetar seu sono. Se você deseja um sono mais profundo e de melhor qualidade, corte o chá, o café ou os refrigerantes com cafeína do dia.

Tente meditação para dormir enquanto está na cama

Se seu filho está acordado na cama, peça-lhe que tente meditar. Pode reduzir o estresse e aumentar a liberação de substâncias químicas que fazem você se sentir relaxado e sonolento. A varredura corporal, por exemplo, é fácil de fazer.

Com os olhos fechados e o corpo imóvel, comece pela ponta da testa e, descendo, relaxe todos os músculos do rosto. Continue movendo-se para baixo de maneira a prestar atenção para as diferentes partes do corpo, relaxando os músculos enquanto “examina” essa área em sua mente. Muitas crianças com quem trabalhei me dizem que mal chegam aos braços antes de adormecer.

Fique na cama só para dormir

Também é útil para as crianças ficarem fora da cama para as demais atividades, incluindo dever de casa ou até mesmo ouvir música enquanto mandam mensagens para os amigos. Você quer que seu cérebro associe a cama ao sono e essa separação física pode ajudar.

Se meditação, contagem ou outras atividades não funcionarem e seu filho não conseguir dormir depois de 20 a 30 minutos, ele deve sair da cama e tentar uma atividade relaxante até sentir sono o suficiente para tentar dormir novamente. Isso ajuda o cérebro a continuar conectando a cama com estar sonolento, não acordado.

Seja modelo de boa higiene do sono

Como acontece com a maioria das coisas relacionadas aos pais, praticar o que você prega não apenas reforça a mensagem, mas mostra a seus filhos o que fazer. Ao implementar as mesmas técnicas que você espera deles, torna-se uma atividade familiar. Escolha alguns rituais noturnos em família, como um tempo de leitura sem tela após o jantar ou fazer uma meditação guiada e acompanhá-la juntos.

Fique atento a sinais de que seu filho está sofrendo com outros problemas

Se seu filho recentemente não está dormindo e possui dificuldades em outras áreas também – como falta de apetite, problemas de motivação, timidez ou humor irritável –, pode ser hora de procurar um pediatra, terapeuta ou psiquiatra para ver se há algo mais está acontecendo, como depressão ou ansiedade.

O cérebro é um dos nossos ativos mais preciosos e, como acontece com qualquer bem precioso, há maneiras de cuidar dele e nutri-lo para que possa fazer o seu trabalho da melhor maneira. Portanto, tudo começa – e termina – com o sono.

Continuar lendo SAÚDE: A IMPORTÂNCIA DE UMA ROTINA DE SONO ESPECIALMENTE PRA AS CRIANÇAS

CIÊNCIAS: CIENTISTAS DA ALEMANHA DESCOBRIRAM UMA PROTEÍNA QUE ESTÁ RELACIONADA COM A LONGEVIDADE

Estudo alemão descobre proteína associada ao tempo de vida

Na edição desta quinta-feira (4) do Correspondente Médico, neurocirurgião Fernando Gomes explica por que níveis elevados da proteína NFL podem ser prejudiciais

Da CNN, em São Paulo

04 de março de 2021 às 08:48

Estudo alemão descobre proteína associada ao tempo de vida

Cientistas da Alemanha descobriram que uma proteína, conhecida como NFL, está relacionada com a longevidade. Ela é encontrada nas células nervosas do sangue. Os pesquisadores estudaram os níveis dessa proteína em idosos com cerca de 90 anos e também em um grupo centenário. De acordo com os resultados, ter níveis baixos dessa proteína pode aumentar o tempo de vida.

Na edição desta quinta-feira (4) do quadro Correspondente Médico, do Novo Dia, o neurocirurgião Fernando Gomes explicou por que níveis elevados dessa proteína podem ser prejudiciais para o organismo.

“Essa proteína é um neurofilamento que existe nos neurônios que estão dentro do nosso sistema nervoso central. Se o indivíduo tiver alguma doença neurodegenerativa, os neurofilamentos vão para a corrente sanguínea — conseguimos detectar por meio de um exame de sangue”, disse Gomes.

“Portanto, a correlação é que se for detectado níveis altos significa que eu estou tendo perda ou lesão neuronal, e isso se associa a um tempo de vida mais curto ou a presença de alguma doença neurodegenerativa. [A proteína] funciona como um biomarcador que nos mostra que o bom mesmo é ter os neurofilamentos onde precisam estar: dentro dos neurônios.”

(Publicado por: André Rigue)

Continuar lendo CIÊNCIAS: CIENTISTAS DA ALEMANHA DESCOBRIRAM UMA PROTEÍNA QUE ESTÁ RELACIONADA COM A LONGEVIDADE

BOAS NOTÍCIAS: SOBREVIVENTE DA TRAGÉDIA DA CHAPECOENSE NASCEU DE NOVO PELA TERCEIRA VEZ

Milagres acontecem! Mas duas vezes com a mesma pessoa é uma raridade. Erwin Tumiri, um dos 6 sobreviventes do voo da LaMia, que ficou mais conhecido como tragédia da Chapecoense escapou de novo acidente. Desta vez, foi num ônibus, com 45 passageiros, que despencou de um penhasco com 150m de altura, nesta terça, 2, na rodovia Cochabamba-Santa Cruz, na Bolívia. Será sorte ou o santo é forte? Leia o artigo completo a seguir e saiba dos detalhes dessa incrível aventura!

Sobrevivente da tragédia da Chapecoense escapa de novo acidente

Quando não é a hora da pessoa… Erwin Tumiri, um dos 6 sobreviventes do voo da LaMia – que caiu em Medellín, na Colômbia em 206 e matou 71 pessoas, grande parte do time da Chapecoense – sobreviveu a mais um acidente, desta vez de ônibus.

O mecânico de aviões estava no veículo que caiu num penhasco de 150m na Bolívia, nesta terça, 2, na rodovia Cochabamba-Santa Cruz, na Bolívia.

A TV Red Uno, afiliada da CNN, informou que Tumiri era um dos 45 passageiros do ônibus que caiu no barranco, no quilômetro 72 da estrada interdepartamental, na área conhecida como El Cañadón. Pelo menos 20 morreram e 9 ficaram feridas.

“Abençoado”

Erwin contou que teve uma reação rápida, quando percebeu que o ônibus estava caindo:

“Eu agarrei o assento e me inclinei para trás”, contou Erwin Tumiri à Red Uno.

Erwin disse que se sente “abençoado”.

“Mais uma vez, não posso acreditar. […] Sinto-me muito abençoado”, afirmou.

Homem de fé, ele afirmou que se agarra a Deus.

“O que eu sempre faço, digamos, mesmo nessa hora, é que me entrego a Deus e nada vai acontecer comigo, nada vai acontecer comigo”, disse.

Ele passou por uma cirurgia e continua se recuperando na clínica Arébalo, em Cochabamba.

Erwin após cirurgia deu entrevista - Foto: reprodução / CNN
Erwin após cirurgia deu entrevista – Foto: reprodução / CNN 

Com informações da CNN

Fonte: Só Notícia Boa

Continuar lendo BOAS NOTÍCIAS: SOBREVIVENTE DA TRAGÉDIA DA CHAPECOENSE NASCEU DE NOVO PELA TERCEIRA VEZ

MUSICAL: ELIS REGINA LIVE IN JAZZ FESTIVAL MONTREUX, 1979

A nossa homenagem desta quinta-feira na série ÍCONES DA MPB, nesta quinta-feira, aqui na coluna MUSICAL vai para a inigualável e imortal Elis Regina, em apresentação de gala no Jazz Festival Montreux, em 20 de julho de 1979. Você não pode perder essa incrível apresentação!

Fonte:

Continuar lendo MUSICAL: ELIS REGINA LIVE IN JAZZ FESTIVAL MONTREUX, 1979

AUTOCONHECIMENTO: CONHEÇA O MÉTODO DE REPROGRAMAÇÃO MENTAL DO DR. BRUCE LIPTON

Tenho falado muito nos meus artigos, palestras e nos meus livros sobre o poder da mente, sobre a nossa consciência, o consciente, o subconsciente e o inconsciente. Sobre como podemos mudar radicalmente a nossa realidade, principalmente se não estamos satisfeitos com ela, através de uma reprogramação do nosso subconsciente. É que, quando nascemos já trazemos uma programação mental, que na maioria das vezes não nos serve. Mas é possível mudar essa programação mental. Aprenda como assistindo essa incrível palestra do Dr. Bruce Lipton!

Fonte:

Continuar lendo AUTOCONHECIMENTO: CONHEÇA O MÉTODO DE REPROGRAMAÇÃO MENTAL DO DR. BRUCE LIPTON

DESENVOLVIMENTO ESPIRITUAL: O MEDO GERADO PELAS CRENÇAS LIMITANTES NOS IMPEDE DE CONHECERMOS A VERDADE

No texto Transcendendo as ilusões a seguir o autor fala da prisão em que vivemos nesse plano 3D, das crenças limitantes que nos impedem de crescer, evoluir e transcender para planos mais elevados, onde a liberdade impera e não há dor nem sofrimento. O medo gerado pelas nossas crenças limitantes nos aprisiona e nos impede de dar esse salto quântico. Portanto, convido você a ler o texto completo a seguir sair do mundo de ilusões para o mundo da verdade!

Transcendendo as ilusões

Nós não conhecemos a liberdade, portanto temos medo de deixá-la florescer; os seres humanos vivem nas trevas de uma prisão, e por isso têm medo da luz do sol que brilha fora das muralhas erigidas por suas próprias mentes, as muralhas da crença e do preconceito ‘

Clemice Petter*

Muita coisa tem sido dita e escrita a respeito da verdade. Muitas pessoas pensam que sabem o que significa viver uma vida espiritual, que sabem o modo, as “práticas” exigidas e o caminho para chegar à verdade. Facilmente esquecemos o que os ensinamentos têm assinalado; está nos Upanishades, foi dito por J. Krishnamurti e por H. P. Blavatsky: “Aqueles que dizem que sabem, não sabem.” A suposição de que sabemos pode ser a maior de todas as ilusões. Se considerarmos a história da humanidade, veremos que aqueles que pensavam que sabiam, que tinham certeza e que criaram fórmulas e moldes para a vida, e assim se colocaram na posição de ditar aos outros como viver, foram as pessoas que trouxeram miséria e corrupção.

Nossa estrutura social está construída sobre moldes de respostas prontas aos desafios da vida. Nossos sistemas educativos estão voltados a moldar a mente da criança numa direção preestabelecida. Pensamos que sabemos qual é o modo correto de vida, e assim, ensinamos aos nossos filhos a serem tão infelizes quanto nós. Nós não conhecemos a liberdade, portanto temos medo de deixá-la florescer; os seres humanos vivem nas trevas de uma prisão, e por isso têm medo da luz do sol que brilha fora das muralhas erigidas por suas próprias mentes, as muralhas da crença e do preconceito, as muralhas do “conhecimento”.

Pelo fato de termos sido moldados segundo um determinado padrão, pensamos que seguir um padrão é um modo de vida. Cada um tem sua própria fórmula a respeito do que os outros devem fazer ou ser. Certamente não aplicamos nossas teorias a nós mesmos, em nossa própria vida; mas queremos que os outros as apliquem em suas vidas. Temos certeza do que há de errado no mundo e de que sabemos como pode ser corrigido, mas somos impotentes no nosso próprio lar. Não sabemos como pôr fim às nossas tristezas, às nossas incertezas diárias e aos nossos medos profundos, nem sabemos como responder aos nossos filhos quando nos fazem as perguntas mais simples e mais inocentes. O fato é que não sabemos como nos relacionar, como vivermos juntos em harmonia e cooperação. Divisão e competição têm sido o modo de vida dos seres humanos neste planeta.

Sendo assim, o que realmente sabemos, e não o que pensamos que sabemos? Lemos muitas coisas em livros e ouvimos as conclusões a que as pessoas chegam, e, portanto, pensamos que sabemos. Quanto mais lemos, mais pensamos que sabemos. Quanto mais pensamos que sabemos, menos entendemos. O conhecimento fecha a porta à compreensão; isso é muito fácil de ver, se realmente quisermos olhar. Portanto, o grande inimigo da humanidade no atual estágio de ignorância é o conhecimento. Isso pode soar um tanto contraditório, mas não é, porque ignorante é aquele que não conhece a si próprio. Não importa quantos livros se tenha lido, se esses livros são sagrados ou mundanos, ou quantos títulos antecedem o nome da pessoa – se não tem autoconhecimento, o ser humano é um ignorante. Se a pessoa percebe o que está ocorrendo no mundo, verá que a atual estrutura social é o resultado da ignorância humana.

A ciência avançou tremendamente no último século, mas foi incapaz de resolver os nossos mais básicos problemas; pelo contrário, eles estão aumentando. Vivemos na era da informação – jamais anteriormente na história da humanidade tivemos tanto conhecimento – e, contudo, estamos enfrentando a maior de todas as crises. Sabemos muito, mas entendemos tão pouco… O conhecimento não está ajudando o ser humano a despertar a natureza humana  gentileza, compaixão e responsabilidade que permanece oculta. Para lidar com isso precisamos compreender a nós mesmos. O autoconhecimento é a chave que abre os portais desta prisão autoimposta, é o caminho para a liberdade, e essa liberdade é o libertar-se do “eu” e do “meu”. Sem liberdade, a aquisição incessante de conhecimento leva inevitavelmente à autodestruição, como podemos ver acontecendo bem diante dos nossos olhos: a insana destruição do meio ambiente, a poluição da água e do ar e o envenenamento deliberado do nosso próprio alimento. Estamos destruindo nosso próprio lar e somos incapazes de ver; consequentemente, não conseguimos mudar isso.

                                                                  Espírito cooperativo

Para ir além da ilusão, precisamos primeiramente entender o mundo por ela criado. O mundo no qual vivemos é um mundo que não conhece a compaixão, que está se tornando cada vez mais violento, brutal e competitivo. Existem aqueles que dizem que a competição é o caminho, que precisamos ser competitivos para progredir. Isso mostra apenas o quão pouco entendemos. Precisamos questionar o que chamamos de progresso e civilização. Ensinar às crianças nas escolas a serem competitivas é um crime contra a humanidade, pois a competição mata o espírito cooperativo; ensinar às crianças uma fórmula para a vida, dizendo-lhes o que devem sentir, como devem amar, é ainda pior. Dizer-lhes o que é o amor é matar a inocência e estupidificar a mente. A verdadeira educação é permitir à criança pensar por si mesma, e não lhe ensinar o que pensar. Até aqui não entendemos ainda este fato simples e óbvio.

Blavatsky nos advertiu a respeito da necessidade de se entender os modos e meios da mente, para não sermos escravos dela. Na primeira página de A Voz do Silêncio, ela escreveu: “A mente é a grande assassina do real. Que o discípulo mate o assassino.” Ela disse que devemos “buscar o rajá [rei] dos sentidos, o produtor de pensamento, aquele que desperta a ilusão.” Blavatsky escreveu isso há mais de cem anos; quantos realmente deram atenção a este ensinamento básico? Muito poucos, parece.

Krishnamurti viajou pelo mundo por mais de sessenta anos explicando, em centenas de locais diferentes, essas afirmações curtas e profundas feitas por Blavatsky. Quantos de nós somos capazes de lhe dar ouvidos? Nenhum instrutor antes de Krishnamurti foi tão profundo e explicou de modo tão detalhado o despertar das ilusões e os meios e modos da mente – a grande assassina do real. Mas, pelo fato de sua linguagem ser simples, de ele não se apresentar
como autoridade e nada prometer, poucos querem ouvi-lo.

Krishnamurti não alega que sabe, ele convida a viajar com ele, a descobrir por si próprio, caminhar juntos como amigos; e caminhar juntos é muito difícil para nós, porque estamos acostumados à autoridade. Nós adoramos autoridade estabelecida pela mente; somos incapazes de ver a natureza destrutiva da autoridade no reino psicológico.

Para ir além da ilusão precisamos sentir o impulso, sermos sérios e capazes de permanecer sós. Assim, a primeira coisa a compreender é a nossa própria ignorância; mais uma vez Blavatsky advertiu sobre isso. Gostamos de pensar que somos grandes e que sabemos. É a vaidade que nos cega; em vez de começar com o primeiro passo pensamos que podemos saltar até o último; em vez de começar a caminhar, pensamos que podemos começar com a chegada. Mas não existem atalhos ou milagres que possam nos fazer entender o mecanismo do nosso criador de ilusões, dessa máquina de pensar chamada mente. Isso pode parecer possível – afinal, a mente é perita em enganar.

      A chave da prisão

Não existe saída desta prisão autoimposta na qual os seres humanos vivem. O autoconhecimento é a chave, e isso foi esclarecido por Blavatsky mo prefácio de A Voz do Silêncio: “O Livro dos Preceitos Áureos – alguns dos quais são pré budistas, ao passo que outros pertencem a uma época posterior – contém uns noventa pequenos tratados distintos. Destes aprendi de cor, há muitos anos, trinta e nove. Para traduzir os outros, teria que recorrer a apontamentos
dispersos entre um número de papéis e notas, acumulados em vinte anos e nunca postos em ordem, demasiado grande para que a tarefa fosse fácil. Nem poderiam eles ser, todos, traduzidos e dados a um mundo demasia- do egoísta e aprisionado aos objeto dos sentidos, para que pudesse estar preparado a receber, com a devida atitude do espírito, uma moral tão elevada. Porque, a não ser que um homem se entregue perseverante ao cultivo do autoconhecimento, ele jamais dará, de bom grado, ouvidos a conselhos de tal natureza.” [itálico acrescentado]

Aqueles que estão estudando A Voz do Silêncio entendem que o autoconhecimento é o início, é o primeiro passo. Sem ele a pessoa é cega e surda em questões espirituais. Portanto, é totalmente inútil continuar lendo livros se não queremos assumir uma jornada interior que revelará as ilusões projetadas pela mente.

Muitos dizem que ir além da ilusão é apenas para poucos, que não é para todos; seria melhor dizer que é para aqueles que são sérios, para aqueles interessados na verdade, não importa o que aconteça. É para aqueles que não mais estão encantados com a doce canção das ilusões despertadas pelo desejo de conforto, seja físico ou psicológico. Assim, a
verdadeira dificuldade nesta questão é de quanto a pessoa está disposta a abrir mão, o quanto está disposta a considerar, a penetrar dentro de si mesma. Os Instrutores disseram que o “eu” é a ilusão primária. Intelectualmente sabemos disso, mas não conseguimos entender ou ver. Não conseguimos entender que esse “eu” seja criação da mente, e, enquanto não entendermos os modos e meios da mente, não conseguiremos ver as ilusões que são os seus subprodutos.

A mente é uma ferramenta cega destinada a ser usada pela inteligência. O problema é que os seres humanos transformaram uma ferramenta cega no rei supremo – um rei cego, adorado por ignorância. A ilusão de que existe inteligência na mente é criada pela falsa impressão de que, pelo fato de termos desenvolvido muita tecnologia, somos inteligentes. Mas tecnologia é basicamente o conhecimento do processo mecânico das coisas, enquanto a inteligência está muito além do mecânico.

Para a inteligência se concretizar é preciso desenvolver a mente e o coração; inteligência significa amor, compaixão e responsabilidade. Responsabilidade no sentido de poder responder – e para isso precisamos primeiramente ser capazes de ouvir. Para ouvir precisamos ser sensíveis; portanto, para a inteligência se concretizar, precisamos trabalhar muito. Não é uma tarefa fácil para uma mente preguiçosa, uma mente que foi colocada para dormir pelas crenças. A mente mecânica, sem a luz da inteligência, está propensa a criar cada vez mais miséria, como atualmente está acontecendo no mundo. nos dividiu em eu e você, meu país e seu país, é o que está destruindo a ca-
sa em que vivemos – a Terra. O poder dessa ilusão é tal que nos torna incapazes de ver que estamos destruindo o próprio ambiente no qual estamos nos desenvolvendo. Nos últimos cinquenta anos, em nome do que orgu-
lhosamente chamamos de progresso, destruímos o meio ambiente com uma velocidade inacreditável. Pensamos que somos inteligentes e civilizados, mas a realidade mostra o contrário; somos bárbaros, como éramos há dois mil anos ou mais. Temos que mudar agora, não no futuro, porque o comportamento humano tornou-se uma ameaça à vida no planeta.

Para transformar a sociedade, precisamos transformar a nós mesmos; isso é muito óbvio. Não podemos ter uma sociedade diferente com o mesmo tipo de mentalidade que criou essa desordem. Para trazer ordem ao mundo precisamos trazê-la a nós mesmos. Pensar que podemos ajudar a humanidade a se livrar dos pensa-
mentos, sentimentos e comportamentos desordenados e conflitantes é a mesma coisa que pensar que podemos limpar uma casa com um pano sujo e uma água suja.

Ir além da ilusão é pôr fim ao “eu”, o local de origem de toda a miséria e degeneração humana.

Fonte: SOPHIA • NOV/DEZ 2020

Continuar lendo DESENVOLVIMENTO ESPIRITUAL: O MEDO GERADO PELAS CRENÇAS LIMITANTES NOS IMPEDE DE CONHECERMOS A VERDADE

ECONOMIA: MEXE-SE EM TUDO NUMA CRISE, MENOS NO FUNCIONALISMO PÚBLICO

Enquanto a alta casta do funcionalismo ganha entre R$ 10.000 e R$ 60.000 por mês (em alguns casos, ganham mais de R$ 100 mil), o trabalhador do setor privado, que é quem produz e é tributado para sustentar toda essa farra , está com uma renda média de R$ 2.300 por mês. Podemos chamar isso de democracia? No artigo a seguir uma análise profunda dessa terrível desigualdade social!

O oásis do funcionalismo público brasileiro na crise

Milhões de desempregados no setor privado; emprego garantido e zero centavo a menos no setor público

 

No deserto, convivendo com a escassez de água e comida, o oásis é um refúgio temporário para viajantes em travessias difíceis. Não sendo propriedade de alguém, oferece algum conforto para todos que passam pelo mesmo difícil caminho.

Não é o caso do sentido aqui empregado, já que no mesmo território, e no mesmo caminho, o abrigo só serve para poucos.

No Brasil, antes da pandemia, de acordo com a Pesquisa Nacional de Amostra de Domicílios Contínua (PNAD Contínua) divulgada em março, tínhamos no setor privado aproximadamente 33,6 milhões de pessoas com carteira assinada e 38 milhões de trabalhadores informais. Estes incluem desde os trabalhadores sem carteira assinada (11,6 milhões) até trabalhadores por conta própria (24,5 milhões).

Os grupos acima, quando somados à força de trabalho desocupada no mesmo período, equivalente a 12,3 milhões de desempregados, significam 84 milhões de brasileiros que lutam no dia a dia para procurar ou manter seus empregos e sua renda (veja todos os números aqui).

Nesse sentido, enfrentar a crise é uma batalha que os torna semelhantes como brasileiros.

No universo de trabalhadores brasileiros ainda faltam os trabalhadores do setor público, também chamados de servidores públicos pela sua natureza universal de servir ao público (compreendida, corretamente, como uma nobre atividade desde o Império Romano). Somadas as diferentes esferas de governo, civis e militares, os servidores públicos no Brasil são aproximadamente 11,4 milhões.

A crise econômica é global. E, como em vários outros países, no Brasil milhões de trabalhadores já perderam seus empregos e salários. Atualmente, mais da metade dos brasileiros não tem trabalho.

Governos, incluindo o brasileiro, adotam programas bilionários (que serão pagos com os impostos de todos contribuintes) para tentar mitigar o sofrimento dos que perdem sua renda, integralmente ou parcialmente, da noite para o dia.

Brasileiros, todos, navegam na mesma crise econômica, correto? Não. Nem todos da mesma forma. Para uma minoria, os trabalhadores do setor público, os empregos são garantidos por lei. E os salários, obviamente, são garantidos pelos impostos pagos pelos trabalhadores do setor privado.

Austeridade portuguesa e grega

Além do estatuto da estabilidade no emprego, sequer é possível admitir algum pequeno ajuste temporário de salários no serviço público.

No fim de junho de 2020, o STF negou a possibilidade de reduções temporárias de salários condicionadas à redução de jornadas de trabalho (no julgamento de matéria relativa à Lei de Responsabilidade Fiscal), algo já feito em larga escala pelos trabalhadores do setor privado – e, ainda assim, só para aqueles que tiverem a sorte de manter seus empregos em meio à crise.

Muitos países procuram reforçar sua identidade e propósito de união em momentos mais difíceis, como guerras, epidemias, desastres naturais ou crises econômicas. Em todas essas situações, a estabilidade da sociedade, em meio à exigência de maior sacrifício pessoal, passa também pela percepção da maioria de que o sacrifício temporário é distribuído de maneira justa e solidária.

Tratamento igual entre iguais, sacrifícios maiores para aqueles que podem contribuir mais em períodos excepcionais. Tudo em nome de uma união necessária para a travessia de um caminho difícil. Um teste, que pode sinalizar o quão próspero pode ser o futuro de uma nação.

Para não voltarmos muito longe no tempo, como nos períodos das grandes guerras mundiais – que moldaram o sentimento de união de países como o Japão, Alemanha, Itália, França, Inglaterra, Estados Unidos e tantos outros —, fiquemos com algumas crises econômicas mais recentes.

Em Portugal, depois da crise de 2008/2009, o déficit nominal do setor público atingiu o recorde de 11% do PIB em 2010, com um crescimento negativo do PIB de 3% no mesmo ano. Vale lembrar que as atuais projeções para o déficit nominal do Brasil em 2020 já estão em 16% do PIB.

O programa de ajuste português, que anos mais a frente permitiu aquele país ser saudado como um exemplo de recuperação econômica (e com participação conjunta de partidos de direita, centro e esquerda), procurou distribuir esforços entre o setor privado e o setor público.

Na aprovação da primeira fase do programa, em 2010, ao incluir a redução e congelamento futuro dos salários no serviço público, o primeiro-ministro de Portugal da época, José Sócrates, ressaltou a importância de um algum esforço solidário do setor público, em meio a uma grande onda de demissões e reduções salariais no setor privado.

Em 2011, em mais uma onda de ajustes, o governo português extinguiu o 13º e o 14º salários para o funcionalismo público e aposentados portugueses que recebiam mais de mil euros. (Leia tudo sobre o ajuste de Portugal aqui).

Na Grécia, a crise de 2008/2009 levou o déficit nominal a patamares ainda mais altos: acima de 13% em 2013, com uma queda do PIB que havia chegado a 10% no ano anterior.

O ajuste grego também envolveu partidos de diferentes orientações ideológicas, incluindo o Syriza, partido radical de esquerda e antigo crítico de medidas de ajuste fiscal.

O processo de ajuste grego foi ainda mais longo e sofrido do que o de Portugal, mas o país voltou a ter superávit nominal entre 2016 e 2019, a dívida pública voltou a ficar estável — ainda que em patamar extremamente elevado — e o crescimento econômico também retornou (antes da Covid-19), ainda que a taxas modestas.

Na Grécia, até pelo peso maior do setor público na economia local, os cortes de salários e benefícios foram ainda maiores do que em Portugal. Entre 2010 e 2012 foram cinco rodadas de ajustes, que na soma significaram mais de 30% de reduções salariais no funcionalismo público, além da revisão de outros benefícios.

Em cada uma das rodadas de ajuste na Grécia, mesmo com diferentes coalizações políticas, a justificativa de reduções salariais no setor público foi a mesma de Portugal: o esforço precisava ser de todos, num país onde a taxa de desemprego havia saído de 7,5% em 2008 para quase 30% no início da década passada.

Salários no setor público brasileiro

Segundo estudo do Banco Mundial divulgado em conjunto com o Ministério da Economia em 2019, intitulado “Gestão de pessoas e Folha de Pagamentos no Setor Público Brasileiro – o que dizem os dados?“, servidores federais no Brasil ganham 96% a mais do que recebem trabalhadores da iniciativa privada que exercem funções semelhantes.

O número acima, chamado de “prêmio salarial”, é o mais alto na amostra de 53 países pesquisados pelo Banco Mundial, como mostra o gráfico abaixo.

Pre^mioSalarial.png

Prêmio Salarial do Setor Público em Relação ao Setor Privado por País

No caso dos estados, aquele número é de 36% mais elevado do que a média do setor privado. Nos municípios o prêmio salarial é equivalente ao do setor privado.

O mesmo estudo mostrou que, em 2019, 44% dos servidores do executivo federal, o poder federal com a menor média salarial, recebiam mais de R$ 10 mil reais por mês. Essa remuneração coloca esses servidores nos 5% superiores da distribuição de rendimentos domiciliares per capita dos brasileiros calculada pelo IBGE para o ano de 2019.

Como essa distribuição foi verificada antes da atual crise econômica, a tendência é piorar a performance relativa dos rendimentos do setor privado.

teto salarial do setor público brasileiro foi reajustado, em 2019, em 16,3%, aproximadamente quatro vezes a inflação daquele ano, de 4,31%. O valor, R$ 39,2 mil, coloca esse teto entre o 0,5% superior do rendimento domiciliar per capita.

Dado que em 2019 a metade mais pobre da população viveu com uma renda média de R$ 850 por mês, R$ 39,2 mil equivalem a 46 vezes mais do que ganharam em média a metade dos brasileiros.

O teto salarial já seria uma belíssima remuneração, mas há milhares de servidores no Executivo, Legislativo e Judiciário, na União e nos estados que recebem muito além desse valor. Perde-se a conta de remunerações acima de 60-70-80 mil reais por mês infladas por todos os tipos de adicionais e auxílios — os famosos “penduricalhos” — que fogem de uma definição legal mais rigorosa para o conceito de teto remuneratório. Outra pendência esquecida nas gavetas do governo e do Congresso Nacional.

As distorções dentro da própria máquina garantem privilégios ainda mais imorais

É preciso ser dito também que, na outra ponta da distribuição salarial do setor público, há milhões de funcionários públicos em estados e, principalmente municípios, com rendimentos baixos ou comparáveis aos praticados no mercado.

Há enormes desigualdades no tratamento dentro do próprio setor público. E são tratamentos desiguais no sentido de privilegiar exatamente quem ganha mais.

Alguns estados atrasam suas folhas de pagamento pelas suas crises financeiras, agora agravadas com a pandemia da Covid-19. No entanto, há um agravante: quando a receita de todo o setor público estadual cai de forma inesperada, os poderes executivos estaduais são proibidos de pedir que o legislativo, o judiciário e o Ministério Público estaduais compartilhem o “sacrifício”.

Os executivos estaduais acabam tendo de resolver sozinhos a crise, sem dividi-la com os outros poderes e órgãos independentes (como o Ministério Público), onde exatamente se encontram os salários mais altos.

Os poderes executivos estaduais estão proibidos de tentar reduzir os repasses da execução orçamentária (os chamados duodécimos) para os outros poderes quando há frustração de receitas. Mais uma decisão recente do STF, junto com a que proibiu a redução salarial no setor público associada à redução de jornada de trabalho.

Vejamos apenas um exemplo das muitas distorções que se acumulam no setor público brasileiro, seja pela legislação vigente ou por decisões do STF já mencionadas.

No Rio Grande do Sul, hoje, uma professora do ensino fundamental com doutorado que receba uma remuneração pouco superior a R$ 3.000 receberá a totalidade do seu salário com mais de 30 dias de atraso. No mesmo estado, no mesmo setor público, um desembargador que tenha uma remuneração total mensal de R$ 60.000  (20 vezes maior) receberá a integralidade de seus vencimentos rigorosamente em dia.

A constatação é de que a atual estrutura de remunerações no setor público brasileiro, comparativamente ao setor privado, não é só desconectada em relação ao que acontece em outros países, mas é também parte agravante da descomunal desigualdade de renda que vigora no País.

Voltando à crise atual no Brasil

No momento em que o mundo volta a discutir o compartilhamento de esforços entre setor privado e público no enfrentamento de uma crise, isso ainda parece ser uma barreira intransponível no Brasil. E temos exemplos recentes muito próximos do país indo em outra direção.

A Colômbia aprovou em abril deste ano um imposto adicional transitório para servidores públicos que ganham acima de 10 milhões de pesos (o equivalente a 10 mil reais no Brasil).

No Chile, o parlamento discute de maneira avançada a extensão de reduções salariais temporárias no serviço público, depois do salário de parlamentares e outras autoridades públicas terem sido reduzidos em até 50% ao final de 2019.

No Uruguai, depois de cortar 20% do seu próprio salário e de outros dirigentes públicos, o presidente Lacalle Pou avançou na aprovação de um desconto temporário entre 5% e 20% para servidores com remuneração mensal superior a 80.000 pesos (o equivalente a R$ 9.000).

No Brasil, qualquer iniciativa de propor alguma redução temporária de salários não passa de uma primeira manifestação de intenções. Nunca se concretiza.

Além da enorme força das corporações do setor público, aparentemente o próprio presidente da República não enxerga prioridade neste esforço. O máximo que se fez até agora, após forte trabalho de convencimento do ministro Paulo Guedes, foi congelar os atuais salários do serviço público de apenas alguns categorias até o final de 2021.

Mesmo nesse esforço louvável, há muitas dúvidas sobre como será possível controlar aumentos disfarçados, como promoções de carreiras e concessões de auxílios diversos.

Para concluir

Toda essa bonança é bancado pelos impostos pagos por quem trabalha e produz riqueza — e que, consequentemente, ganha bem menos.

E que agora está desempregado.

Enquanto a alta casta do funcionalismo ganha entre R$ 10.000 e R$ 60.000 por mês (em alguns casos, ganham mais de R$ 100 mil), o trabalhador do setor privado, que é quem produz e é tributado para sustentar toda essa farra — não houvesse trabalhador do setor privado, não haveria salário para funcionalismo público —, está com uma renda média de R$ 2.300 por mês.

A injustiça causada pelo estado não poderia ser mais fragorosa.

Quando saírem os dados econômicos do ano de 2020, deveremos ter a uma das maiores quedas da história do PIB brasileiro, alguns novos milhões de desempregados e muitos outros milhões de empregados do setor privado com salários muito abaixo do início da atual crise.

Será uma travessia muito difícil até o Brasil voltar a crescer e começar a recuperar os empregos perdidos nessa crise. Para aqueles que têm a felicidade de mantê-los por lei, um verdadeiro oásis no deserto, seria no mínimo um gesto de solidariedade e união compartilhar uma pequena parte do sacrifício. Uma demonstração de que a crise, assim como o país, é de todos.

fonte: Mises Brasil

Continuar lendo ECONOMIA: MEXE-SE EM TUDO NUMA CRISE, MENOS NO FUNCIONALISMO PÚBLICO

SAÚDE: QUAL O MELHOR HORÁRIO PARA TOMAR SUPLEMENTO?, POR DR. MARCO MENELAU

Nesta quinta-feira, aqui na coluna SAÚDE temos mais uma palestra do Dr. Marco Menelau onde ele fala quais os melhores horários para a absorção dos nutrientes, para se tomar os suplementos vitamínicos e trazer uma eficácia determinante para a sua saúde integral. Então, convido você a assistir ao vídeo completo a seguir e conhecer essas importantes dicas.

Fonte:

Continuar lendo SAÚDE: QUAL O MELHOR HORÁRIO PARA TOMAR SUPLEMENTO?, POR DR. MARCO MENELAU

PRIMEIRAS NOTÍCIAS DO DIA 04 DE MARÇO DE 2021 POR G1

Por G1

 

Senado aprova em 1º turno proposta que viabiliza retomada do auxílio. Brasil perde 1.840 vidas em mais um dia de escalada na pandemia. A Covid-19 avança pelo país, e estados apertam restrições. Cidades brasileiras registram panelaços contra o presidente Jair Bolsonaro. O colapso na saúde é tema de ‘O Assunto’. Nesta quinta deve acontecer a reunião entre o presidente da Câmara, Arthur Lira, e os líderes partidários para definir a composição das comissões permanentes da CasaParlamentares querem que o senador Flávio Bolsonaro explique compra de mansão. Em meio à pandemia, oferta de vagas em home office dispara 309% em 2020, diz pesquisa. E Rodolffo é, disparado, o cantor do ‘BBB21’ que mais subiu nas paradas após início do programa.

PEC Emergencial

Senadores aprovam em 1º turno texto-base da PEC emergencial
Senadores aprovam em 1º turno texto-base da PEC emergencial

Senado aprovou em 1º turno a proposta de emenda à Constituição conhecida como PEC Emergencial. A proposta prevê uma série de medidas que podem ser adotadas em caso de descumprimento do teto de gastos, regra que limita o aumento dos gastos da União à inflação do ano anterior. O texto também viabiliza a retomada do auxílio emergencial.

Para concluir a votação, os senadores ainda precisam aprovar a PEC em segundo turno, marcado para esta quinta-feira (4). Se aprovado em dois turnos, o texto seguirá para a Câmara dos Deputados.

Pico da pandemia

Brasil volta a bater recorde de mortes por Covid: 1.840 em 24 horas
Brasil volta a bater recorde de mortes por Covid: 1.840 em 24 horas

Em seu pior momento da pandemia, o Brasil registrou 1.840 mortes por Covid-19 em 24 horas. No 2º dia seguido de recorde, o país se aproxima dos 260 mil óbitos. Já são 42 dias com a média móvel de mortes acima da marca de 1 mil. Em casos confirmados, 10.722.221 brasileiros já tiveram ou têm o novo coronavírus. A curva de óbitos sobe em 16 estados e no Distrito Federal. Veja os dados detalhados.

Em São Paulo, o governador João Doria (PSDB) voltou a afirmar que o estado passa pelo pior momento da pandemia e que, nas últimas 24 horas, a secretaria estadual da Saúde recebeu mais de 900 pedidos de internação, o que dá uma média de um pedido a cada dois minutos no estado.

Medidas restritivas

Covid-19 avança nos estados brasileiros
Covid-19 avança nos estados brasileiros

governo de São Paulo regrediu todo o estado à fase vermelha, a mais restritiva da quarentena. A medida entra em vigor neste sábado (6) e deve permanecer até 19 de março. Shoppings, academias, restaurantes, bares e comércios não podem funcionar. Já escolas e atividades religiosas, que foram incluídas na lista de serviços essenciais, seguem abertas; veja lista.

Em Minas Gerais, o governador Romeu Zema (Novo) determinou, nesta quarta-feira (3), o fechamento do comércio não essencial, toque de recolher das 20h às 5h e restrição de circulação de pessoas em duas regiões do estado que estão à beira do colapso no sistema de saúde por causa do aumento das internações por Covid-19. As medidas já começaram a valer.

O governador do Ceará, Camilo Santana (PT), anunciou medidas mais restritivas e fechamento de atividades não essenciais em Fortaleza; outros municípios com situação mais grave causada pela Covid-19 receberam recomendação de adotar medidas similares. A decisão vale por 14 dias, a partir desta sexta-feira (5).

O Assunto

Colapso: o termo tão associado ao que se passou em Manaus já é realidade em hospitais de cidades de todos os estados do Sul, do interior de São Paulo e de Minas Gerais, do Rio Grande do Norte e do Ceará. Neste episódio, Natuza Nery recebe uma profissional da saúde e um familiar de paciente de Covid para falar sobre os diferentes problemas que surgem quando o sistema de saúde não consegue mais dar conta da demanda por atendimentos.

Vacinação contra a Covid

Governo decide comprar vacinas contra a Covid da Pfizer e da Johnson
Governo decide comprar vacinas contra a Covid da Pfizer e da Johnson

Ministério da Saúde decidiu assinar contratos para compra de vacinas contra a Covid-19 dos laboratórios Pfizer e Janssen. Os contratos estão em fase de elaboração e devem ser assinados até o início da próxima semana. A proposta apresentada pela Pfizer prevê 8,715 milhões de doses até junho; 32 milhões até setembro; e 59,285 milhões até dezembro — no total, 100 milhões de doses. Já a proposta da Janssen seria de fornecimento de 38 milhões de doses do imunizante de dose única no segundo semestre.

CCJ da Câmara

A deputada bolsonarista Bia Kicis, do PSL, cotada para assumir a CCJ da Câmara — Foto: Dida Sampaio/Estadão ConteúdoA deputada bolsonarista Bia Kicis, do PSL, cotada para assumir a CCJ da Câmara — Foto: Dida Sampaio/Estadão Conteúdo

Nesta quinta deve acontecer a reunião entre o presidente da Câmara dos Deputados, Arthur Lira (PP-AL), e os líderes partidários para definir a composição das comissões permanentes da Casa. Líderes afirmaram que a CCJ deve ficar com o PSL – que pode indicar o nome de Bia Kicis.

Entenda: a Comissão de Constituição e Justiça e de Cidadania (CCJ) é a principal comissão da Câmara dos Deputados, que tem como premissa analisar se projetos, emendas ou substitutivos, Propostas de Emenda à Constituição (PECs) e quaisquer assuntos de natureza jurídica não ferem as cláusulas pétreas da carta magna do país.

Negócio sob suspeita

Parlamentares pedem que Flávio Bolsonaro dê mais explicações sobre compra da mansão
Parlamentares pedem que Flávio Bolsonaro dê mais explicações sobre compra da mansão

Parlamentares pediram que o senador Flávio Bolsonaro (Republicanos-RJ) dê mais explicações no Conselho de Ética sobre a compra de uma mansão de quase R$ 6 milhões em Brasília. Negócios imobiliários do senador já estão sob suspeita e são alvo de investigação. Três partidos — PSOL, Rede e PT — querem que os fatos sobre a compra da mansão sejam incluídos na representação feita, em 2020, contra Flávio Bolsonaro no conselho.

Economia

Brasil já conseguiu recuperar boa parte da perda do Produto Interno Bruto (PIB) desde o início da recessão provocada pela pandemia, mas com o seu agravamento no país não deve permitir uma melhora no ritmo da retomada. No fim de 2020, o Brasil já tinha recomposto 89,1% da perda do PIB em relação segundo trimestre, quando a economia despencou 9,7% e marcou o pior momento da crise atual, de acordo com um levantamento do Instituto Brasileiro de Economia da Fundação Getúlio Vargas (Ibre/FGV).

Em todo o ano passado, o PIB do Brasil recuou 4,1%, a maior queda desde o início da série histórica atual do IBGE, iniciada em 1996. Segundo o Comitê de Datação de Ciclos Econômicos (Codace), também da FGV, a economia brasileira está em recessão desde o primeiro trimestre do ano passado.

Novidades no ‘zap’

Aplicativo do WhatsApp para Windows e Mac agora faz ligações. — Foto: Divulgação/WhatsAppAplicativo do WhatsApp para Windows e Mac agora faz ligações. — Foto: Divulgação/WhatsApp

WhatsApp liberou chamadas de voz e vídeo pelo computador, por meio dos aplicativos para Windows e Mac. A ferramenta, no entanto, não funciona no WhatsApp Web, que é aberto pelo navegador do computador. É preciso baixar o aplicativo para o computador. Saiba mais.

IR 2021

Imposto de Renda 2021 — Foto: Editoria de Arte/G1

O prazo para entrega da declaração do Imposto de Renda 2021, ano-base 2020, vai até o dia 30 de abril. Confira no glossário do G1 as descrições dos termos mais comuns usados na Declaração do Imposto de Renda Pessoa Física (IRPF).

Home office

BBC - Home office — Foto: Getty ImagesBBC – Home office — Foto: Getty Images

As ofertas de emprego em modelo home office cresceram 309% no ano passado. É o que revela levantamento realizado pela Vagas.com, empresa de soluções tecnológicas de recrutamento e seleção. De acordo com a companhia, o volume de vagas ofertadas saltou de 594 posições em 2019 para 2.428 no ano passado. Veja a criação de vagas em home office trimestre a trimestre.

‘BBB 21’ 📺 👀

Israel e Rodolffo — Foto: Flaney Gonzallez

Se na casa a disputa é indefinida, nas paradas a vitória é de lavada. Rodolffo é, de longe, o cantor que mais se deu bem até agora entre os cinco que entraram no ‘BBB21″. Pocah, Fiuk, Projota e a já eliminada Karol Conká nem chegam perto dele. Israel e Rodolffo chegaram ao Top 10 do Spotify pela 1ª vez com ‘Batom de cereja’. Eles gravaram DVD poucos dias antes de convite para reality e ainda têm faixas inéditas, contou o empresário da dupla ao G1.

Mega-Sena

 Aposta única da Mega-Sena custa R$ 4,50 — Foto: Marcelo Brandt/G1Aposta única da Mega-Sena custa R$ 4,50 — Foto: Marcelo Brandt/G1

Uma aposta de Curitiba (PR) acertou as seis dezenas do sorteio do concurso 2.349 da Mega-Sena, realizado nesta quarta-feira (3) em São Paulo, e levou R$ 2.780.964,58

As dezenas sorteadas foram: 05 – 10 – 25 – 32 – 49 – 52.

Previsão do tempo

Veja a previsão do tempo para esta quinta-feira
Veja a previsão do tempo para esta quinta-feira
Continuar lendo PRIMEIRAS NOTÍCIAS DO DIA 04 DE MARÇO DE 2021 POR G1

DADOS ATUALIZADOS DO CORONAVIRUS NO RN

Por G1 RN

 

Evolução dos casos confirmados e mortes por coronavírus no RN
Dados divulgados pela Secretaria Estadual de Saúde através de comunicados e boletins epidemiológicos

O Rio Grande o Norte chegou nesta quarta-feira (3) a 169.419 casos confirmados de Covid-19. A doença vitimou 3.650 pessoas no estado desde o início da pandemia. Os óbitos em investigação subiram para 742. Os números estão no novo boletim epidemiológico da Secretaria de Estado da Saúde Pública (Sesap).

Na comparação com o boletim de terça-feira (2)são 14 mortes a mais – sendo quatro ocorridas nas últimas 24 horas, em Natal (1), Parnamirim (1), João Câmara (1) e Nova Cruz (1).

O número de pessoas internadas por causa da Covid-19 no RN continua crescendo – subiu de 847 para 871. Na última sexta-feira (26) eram 761. No pico da primeira onda, em junho de 2020, o maior número de internados foi 692.

O boletim da Sesap aponta que 518 pacientes estão internados na rede pública e 353 na rede privada. A taxa de ocupação dos leitos críticos (semi-intensivo e UTIs) é de 83,1% na rede pública e segue em 100% na rede privada.

O RN tem ainda 90.120 casos suspeitos da doença e outros 367.499 descartados. O número de confirmados recuperados continua em 123.516, e o de inconclusivos, tratados como “Síndrome Gripal não especificada”, é de 65.720.

A Sesap contabiliza também que 423.977 testes de Covid-19 foram realizados no estado, sendo 225.893 RT-PCR (conhecidos também como Swab) e 198.084 sorológicos.

Números do coronavírus no RN

  • 169.419 casos confirmados
  • 3.650 mortes
  • 90.120 casos suspeitos
  • 367.499 casos descartados
  • 123.516 confirmados recuperados

Fonte: G1 RN

Continuar lendo DADOS ATUALIZADOS DO CORONAVIRUS NO RN

A SEMURB SUSPENDEU TODAS AS VISTORIAS EM IMÓVEIS QUE ESTÃO EM FASE DE LICENCIAMENTO

Por G1 RN

 

Secretaria suspendeu vistorias na capital potiguar — Foto: Divulgação/SemurbSecretaria suspendeu vistorias na capital potiguar — Foto: Divulgação/Semurb

A Secretaria Municipal de Meio Ambiente e Urbanismo (Semurb) suspendeu nesta quarta-feira (3) todas as vistorias em imóveis que estão em fase de licenciamento em Natal.

Além disso, a pasta prorrogou automaticamente as validades das licenças ambientais, alvarás e Certidões Negativas de Débitos Ambientais (CNDA’s) com vencimento a partir do dia 26 de fevereiro, data em que foi publicado o decreto em Natal com restrições do comércio e circulação de pessoas para conter o avanço da pandemia.

A medida entra em vigor após a republicação do decreto no Diário Oficial do Município (DOM) desta terça-feira (2).

Com a suspensão das vistorias, a Semurb vai adotar o recebimento de laudos técnicos – de profissionais habilitados – que atestem a conformidade urbanística, ambiental ou de acessibilidade do imóvel que está sob licenciamento como forma de substituição à vistoria. Isso será válido pelo período de 30 dias, a partir de 2 de março.

Os laudos técnico devem ser elaborados por profissionais habilitados e acompanhados de suas respectivas Anotações de Responsabilidade Técnica (ART) ou Registros de Responsabilidade Técnica (RRT), junto ao Conselho profissional competente. Os modelos de laudos estão disponíveis no Portal do Licenciamento. A apresentação do laudo por parte do interessado é facultativa.

A Semurb reforça que os custos para contratação do profissional são de responsabilidade do contribuinte. Porém, quem fizer esta opção ficará isento do pagamento da taxa de vistoria em imóvel.

O profissional responsável pelo laudo é o responsável legal e as informações prestadas serão consideradas como verdades para efeito de análise junto ao processo de licenciamento, sendo o proprietário do imóvel ou do empreendimento em licenciamento corresponsável pelas informações prestadas.

A pasta explica que, após esse período, será realizada vistoria por amostragem nos imóveis licenciados com apresentação de laudos técnicos a da verificação das informações. Se houver informações falsas nos laudos, os responsáveis estarão sujeitos às sanções previstas em lei, assim como o proprietário.

Também será permitido o relatório fotográfico para mostrar as condições do imóvel ou das espécies arbóreas sob licenciamento de alvará para construção, reforma, ampliação, demolição, certidão de demolição, supressão ou poda de árvores. Esse processo é facultativo e valerá em substituição à vistoria realizada pelo órgão.

Prazos

As validades das licenças ambientais (prévia, instalação, operação e autorização), dos alvarás (construção, reforma e/ou ampliação, demolição e funcionamento) e também das CNDAs ficam automaticamente prorrogadas por mais três meses a partir da data de validade.

Também estão suspensos os prazos de notificações do licenciamento, dos processos de fiscalização e Autos de infração, no período de 2 a 16 de março de 2021, podendo ser prorrogado. A suspensão atinge os prazos de todos os processos, com apresentação de defesas administrativas, comprovação de cumprimento de condicionantes e justificativa pelo não cumprimento, respostas, ofícios e notificações de processos de licenciamento ambiental.

A secretaria recomenda que os contribuintes utilizem, prioritariamente, os canais telefônicos ou eletrônicos disponíveis para tirar dúvidas, informações ou abertura de processos. Só será possível dar entrada em procedimentos de forma presencial os casos considerados excepcionais.

Fonte: G1 RN
Continuar lendo A SEMURB SUSPENDEU TODAS AS VISTORIAS EM IMÓVEIS QUE ESTÃO EM FASE DE LICENCIAMENTO

A GOVERNADORA FÁTIMA BEZERRA SE REUNIÃO COM PREFEITOS DA REGIÃO DO VALE DO ASSÚ PARA DISCUTIR MEDIDAS DE ENFRENTAMENTO À PANDEMIA

Governadora debate medidas contra a pandemia junto a prefeitos do Vale do Açu

04 mar 2021

A governadora do Estado, professora Fátima Bezerra, se reuniu na tarde desta quarta-feira (3) com prefeitos e secretários de saúde da VIII Unidade Regional de Saúde Pública (URSAP), que contempla a região do Vale do Açu, para discutir as medidas de enfrentamento à pandemia. O Governo do Estado vem se reunindo com os municípios, por meio de videoconferências, como fez anteriormente com representantes das regiões de Mossoró e do Seridó, para acompanhar a situação na ocupação dos leitos e reforçar a importância das ações de vigilância sanitária recomendadas via decreto estadual. O pleito contou com o apoio do deputado George Soares e do secretário estadual e coordenador do Pacto pela Vida, Fernando Mineiro.

“Precisamos mais do que nunca estarmos juntos nesse novo momento de enfrentamento à pandemia no Rio Grande do Norte”, declarou a governadora.  Fátima destacou a importância de ações coordenadas nas esferas municipal, estadual e federal para garantir a saúde da população. “De um lado estamos cuidando da rede assistencial, garantindo mais leitos para atender os pacientes com Covid no Rio Grande do Norte. Ao mesmo tempo, estamos fazendo o trabalho de articulação nacional em busca de mais vacinas, de financiamento para a saúde e na questão de auxilio emergencial.”

A governadora informou que o Estado já abriu 600 leitos durante toda a pandemia e segue ampliando a rede de leitos clínicos e de UTI, mas que a oferta de vagas, por si só, não é suficiente, e que é preciso endurecer as medidas de restrição para enfrentar o aumento expressivo dos casos de Covid-19 no estado, sobretudo, no período que pode vir a ser “o mês mais difícil de toda a pandemia”.

O secretário estadual da Saúde Pública (Sesap), Cipriano Maia, comentou a saturação da rede de saúde pública, segundo ele “resultado das sucessivas aglomerações que tivemos, culminando no carnaval, e da circulação de novas cepas, já comprovadas no estado, às quais têm sido imputadas uma maior capacidade de contágio e transmissibilidade.” O titular da Sesap pontuou que o Governo busca a conscientização da população para a redução nos números de transmissibilidade ao mesmo tempo que trabalha para a abertura de novos leitos.

De acordo com a Secretária Adjunta de Saúde Pública, Maura Sobreira, a região do Vale do Açu conta atualmente com 10 leitos de UTI e o Governo articula a abertura de 6 novos leitos clínicos até a próxima sexta-feira. Ela explicou ainda que a gestão estadual aditivou contrato com a Cooperativa de Saúde para dedicar uma equipe exclusiva ao suporte destes leitos.

O Prefeito de Assú, Gustavo Soares, agradeceu pelo apoio do Governo do Estado aos Centros de Atendimento Covid e na rede pública de saúde. “As pessoas estão mais livres, achando que a pandemia cessou, e isso me traz uma preocupação imensa”, desabafou. A opinião foi compartilhada pelos demais representantes municipais. “Esse momento exige de todos nós o máximo de atenção, cuidado e empenho”, acrescentou o prefeito de São Rafael, responsável por coordenar e representar os municípios do Vale do Açú nas articulações com o Governo do Estado desde a implementação, no ano passado, do programa Pacto Pela Vida.

Fonte: Política em Foco
Continuar lendo A GOVERNADORA FÁTIMA BEZERRA SE REUNIÃO COM PREFEITOS DA REGIÃO DO VALE DO ASSÚ PARA DISCUTIR MEDIDAS DE ENFRENTAMENTO À PANDEMIA

MILITARES ACONSELHARAM O PRESIDENTE BOLSONARO A NÃO IR PARA O CONFRONTO COM GOVERNADORES E A BUSCAR UMA AGENDA POSITIVA NA SAÚDE

Militares orientam Bolsonaro a buscar agenda positiva

Foi justamente em razão disso que as declarações do presidente nesta quarta-feira (3) em relação aos governadores foram mais amenas

Caio Junqueira

Por Caio Junqueira, CNN  

Atualizado 03 de março de 2021 às 20:11

Militares orientam Bolsonaro a buscar agenda positiva | EXPRESSO CNN - YouTube
Militares aconselharam o presidente Jair Bolsonaro (sem partido) a desistir de fazer um pronunciamento em cadeia nacional de rádio e televisão, a não ir para o confronto com governadores e a buscar uma agenda positiva na saúde, no momento em que o país vive sua pior fase na pandemia.

Foi justamente em razão disso que as declarações do presidente nesta quarta-feira (3) em relação aos governadores foram mais amenas.

Ele disse, por exemplo, que “não quer culpar ninguém” e que iria conversar com o ministro da Saúde, Eduardo Pazuello, sobre a demanda por mais recursos que os governadores apresentaram em reunião na terça-feira (2) com o presidente da Câmara, Arthur Lira (PP-AL).

Em outra frente, seguindo essa linha, o Palácio do Planalto orientou o Ministério da Saúde a destravar as negociações com as farmacêuticas. Logo pela manhã, Pazuello se reuniu com o secretário-executivo Helcio Franco e o orientou a retomar as tratativas, especialmente com a Pfizer.

Continuar lendo MILITARES ACONSELHARAM O PRESIDENTE BOLSONARO A NÃO IR PARA O CONFRONTO COM GOVERNADORES E A BUSCAR UMA AGENDA POSITIVA NA SAÚDE

PT SUGERIU O ROMPIMENTO DO TETO DE GASTOS PARA DESPESAS DA PANDEMIA E O AUXÍLIO EMERGENCIAL DE R$ 600,00

Em voto paralelo, oposição defende rompimento de teto e auxílio de R$ 600

Voto em separado foi apresentado pelo senador Rogério Carvalho, em nome da bancada do PT

Basília Rodrigues

Por Basília Rodrigues, CNN  

03 de março de 2021 às 11:32

Plenário do SenadoPlenário do Senado Foto: Adriano Machado/Reuters

Em outra versão da PEC Emergencial, que abre caminho para o pagamento do auxílio emergencial, o PT sugeriu benefício de R$ 600, por mês, e o rompimento do teto de gastos para despesas relacionadas à pandemia.

Assim como o texto apoiado pelo governo e a cúpula do Congresso, essa outra versão de PEC também vai a votação na tarde desta quarta-feira (6).

O voto em separado foi apresentado pelo senador Rogério Carvalho, em nome da bancada do partido. “Se não fossem aqueles R$ 600, a gente teria afundado o PIB. O país só não entrou em crise devido a amplitude do programa e a manutenção da autonomia dos governadores”, afirmou à CNN.

Parlamentares do PDT manifestaram apoio. Para o senador Weverton Rocha, o valor auxílio emergencial não deve ser menor do que os R$ 600, pagos ano passado. “Claro que tem que ter responsabilidade fiscal, o problema é que o governo já quebrou essa regra, não podem agora, no momento de agravamento da crise, usar justamente um argumento técnico. Como vai explicar para uma família que não tem comida dentro de casa, que não tem como pagar conta de energia? É desumano, dentro de uma regra fiscal, não puxar o que é mais importante em uma nação”, disse.

A PEC alternativa prevê uma “flexibilização fiscal”, tanto para o pagamento do auxílio, quanto para a garantia de recursos extraordinários ao SUS, além de manutenção de programas públicos que vieram com a pandemia: como o apoio a micro e pequenas empresas (Pronampe) e o de manutenção do emprego, com a possibilidade de redução de salário e jornada.

Em comum com a versão oficial da PEC Emergencial, o texto da oposição também não prevê contrapartidas. “Para tanto, as regras fiscais seriam suspensas, podendo-se utilizar um mix de ampliação da dívida e uso dos recursos dos fundos para financiar as referidas ações. A emergência pela qual o país passa é sanitária e social, e os dados mostram que o combate à pandemia não requer qualquer medida de austeridade de contrapartida”, diz a justificativa.

Já para o relator da PEC original, senador Márcio Bittar, após retirada de gatilhos polêmicos, a versão oficial é que deve ser aprovada. Pelo texto, o auxílio emergencial seria prorrogado por mais quatro meses, de R$ 250 cada.

A proposta deixa de congelar emendas parlamentares e impede a suspensão de reajuste para servidores da saúde É o “texto possível”, diz.

Continuar lendo PT SUGERIU O ROMPIMENTO DO TETO DE GASTOS PARA DESPESAS DA PANDEMIA E O AUXÍLIO EMERGENCIAL DE R$ 600,00

A INDICADA POR BIDEN PARA ASSUMIR O ESCRITÓRIO DE ADMINISTRAÇÃO E ORÇAMENTO RENUNCIOU DEVIDO A FALTA DE APOIO NO SENADO

Por falta de apoio, indicada de Biden desiste de ministério nos EUA

Neera Tanden foi indicada por Biden para assumir Escritório de Administração e Orçamento e estava esperando confirmação

INTERNACIONAL

 Da EFE

Neera Tanden desiste de cargo ministerial por falta de apoio do Senado

ANDREW HARNIK/POOL VIA REUTERS – 10.2.2021

A indicada pelo presidente dos Estados Unidos, Joe Biden, para assumir o Escritório de Administração e Orçamento, Neera Tanden, renunciou nesta terça-feira (3) ao processo de confirmação devido à falta de apoio no Senado, no que representa o primeiro revés do chefe de Estado no Congresso na formação de seu gabinete.

Em um comunicado divulgado pela Casa Branca, Biden declarou que aceitou o pedido de Tanden para reverter sua nomeação após pelo menos um dos 50 senadores democratas, Joe Manchin, ter anunciado dias atrás que votaria contra ela.

“Tenho o maior respeito por seu histórico de realizações, sua experiência e seus conselhos”, afirmou o presidente na nota oficial, na qual ressaltou que espera que Tanden trabalhe em seu governo de alguma outra maneira.

O comunicado da Casa Branca incluiu uma carta da indicada, na qual agradeceu ao presidente e sua equipe o esforço para conseguir sua ratificação pelo Senado. “Agora parece claro que não há nenhum caminho a ser percorrido para se conseguir a confirmação”, reconheceu.

“Não quero seguir em frente minha indicação para me tornar uma distração de suas outras prioridades”, disse Tanden, ex-conselheira de Hillary Clinton que traz em seu currículo dezenas de tweets agressivos contra senadores republicanos e também alguns democratas, como Bernie Sanders, que tiveram que votar em sua confirmação.

Com a oposição de Manchin e não tendo certeza do apoio de outros senadores democratas como o próprio Sanders, a Casa Branca havia lançado nos últimos dias uma tentativa para cortejar os republicanos mais moderados, mas não conquistou apoio.

Ainda não houve anúncio oficial para a substituição de Tanden, mas a favorita é Shalala Young, que originalmente seria a vice-diretora do Escritório de Administração e Orçamento.

Young teve nesta terça uma audiência no Senado para o cargo de vice-diretora, e os legisladores republicanos deixaram clara sua disposição de apoiá-la como nova indicada.

Outros dois dos indicados de Biden que terão que navegar por um complexo processo do Senado são os da Secretaria da Saúde, Xavier Becerra, e da Secretaria do Interior, Deb Haaland.

Fonte: R7
Continuar lendo A INDICADA POR BIDEN PARA ASSUMIR O ESCRITÓRIO DE ADMINISTRAÇÃO E ORÇAMENTO RENUNCIOU DEVIDO A FALTA DE APOIO NO SENADO

GOVERNADOR DE NOVA YORK DIZ QUE NÃO VAI RENUNCIAR AO CARGO, APÓS SER ACUSADO DE ASSÉDIO SEXUAL

Acusado de assédio, governador de Nova York diz que não irá renunciar

Três mulheres já acusaram publicamente o democrata Andrew Cuomo de assédio sexual e condutas inapropriadas

INTERNACIONAL

Do R7, com AFP

Cuomo também é acusado de reter número de mortes de covid-19 no Estado

SETH WENG / POOL VIA AFP – 22.2.2021

O governador de Nova York (EUA), Andrew Cuomo, disse nesta quarta-feira (3) que não irá renunciar ao cargo, após ser acusado de assédio sexual por três mulheres, duas das quais trabalharam para ele recentemente

“Não vou renunciar”, disse Cuomo, em sua primeira entrevista coletiva após a divulgação das acusações, que vieram a público desde a semana passada.

O governador democrata pediu desculpas por sua conduta e pediu aos moradores do estado de Nova York “que esperem o resultado da investigação da promotora-geral estadual antes de formar sua opinião” sobre o corrido.

“Agi de uma maneira que fez com que as pessoas se sentisse incomodadas, mas não foi intencional”, afirmou Cuomo, de 63 anos. “Me sinto horrível com tudo isso e estou francamente envergonhado”, disse ele, com olhos marejados de lágrimas e voz trêmula.

“Nunca toquei nenhuma pessoa de maneira inapropriada”, ressaltou ele. “Certamente nunca tive intenção de ofender, prejudicar ou causar dor a alguém”. O governador disse que irá cooperar “totalmente” com a investigação independente que será feita pela procuradora-geral do estado, Letitia James.

Declínio de Cuomo

O escândalo fez Cuomo cair em desgraça nas últimas semanas. No ano passado, ele se ganhou muito destaque nos EUA por sua atuação no combate à pandemia de covid-19 em Nova York, um dos estados mais afetados no primeiro semestre.

Vários analistas acreditavam que ele iria formar parte do governo do presidente Joe Biden após o fim do ano que vem, quando acaba seu mandato, mas agora muitos membros de seu partido pedem sua renúncia.

Cuomo já vinha sendo alvo de críticas por ter retido informações sobre o número de mortes por coronavírus nas casas de repouso para idosos de Nova York. Na segunda-feira, ele autorizou formalmente que seja investigado, depois que duas ex-funcionárias o acusaram de condutas inapropriadas.

Horas depois, outra mulher, Anna Ruch, de 33 anos, que ao contrário das outras denunciantes nunca trabalhou com o governador, disse ao New York Times que durante um casamento em 2019, Cuomo colocou a mão em seu ombro e quando ela tirou, segurou seu rosto com as duas mãos e perguntou se poderia beijá-la.

“Estava tão confusa, chocada e envergonhada”, disse ela ao jornal. “Que só virei a cabeça e fiquei sem palavras”.

Políticos democratas e republicanos se uniram às denunciantes e associações contra o assédio contra o assédio para exigir a saída do governador, cujo terceiro mandato termina no fim de 2022. Em teoria, Cuomo poderia se candidatar mais uma vez para um quarto período de 4 anos.

“Se essas acusações estiverem certas, ele não pode governar” disse na terça o prefeito da cidade de Nova York, Bill de Blasio, também do Partido Democrata e um antigo rival de Cuomo.

Fonte: R7

Continuar lendo GOVERNADOR DE NOVA YORK DIZ QUE NÃO VAI RENUNCIAR AO CARGO, APÓS SER ACUSADO DE ASSÉDIO SEXUAL

SAÚDE- ECONOMIA:SEGUNDO ESPECIALISTA, A ECONOMIA BRASILEIRA SÓ VAI MELHORAR COM A VACINAÇÃO EM MASSA

Só a vacinação em massa pode melhorar a economia brasileira, afirma especialista

Segundo dados divulgados nesta quarta (3) pelo IBGE, o Produto Interno Bruto (PIB) acumulado de 2020 registrou tombo de 4,1%

Layane Serrano, da CNN, em São Paulo

Atualizado 03 de março de 2021 às 11:11

Vacinação em massa é 'decisiva' para o bom desempenho da economia brasileira, diz Guedes | Economia | G1

A economia brasileira só tem chance de melhorar se a vacinação contra a Covid-19 atingir uma proporção grande da população do país. Esta é a análise do economista e sócio da MB Associados José Roberto Mendonça de Barros. Segundo dados divulgados nesta quarta-feira (3) pelo Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE), o Produto Interno Bruto (PIB) acumulado de 2020 registrou um encolhimento de 4,1%.

“Chama a atenção que no ano passado só a agropecuária teve crescimento positivo. Todos os outros setores do PIB tiveram crescimento negativo. A pandemia leva a restrições de mobilidade e, com isso, o setor que mais sofre é serviços porque boa parte desse setor exige aglomeração e presença das pessoas, e é o setor que mais emprega”, disse.

“Por isso, se olhamos para esse ano, a grande lição que sobra do ano passado é que só teremos chance de melhorar se a vacinação em massa atingir uma proporção grande da população. Isso é o mais fundamental para esse ano, até mesmo antes da continuidade, que é importante, de um certo auxílio emergencial”.

Na avaliação do economista, o que salvou o ano passado foi o auxílio emergencial. “Até julho do ano passado, a projeção era de menos 6%, até mais, e acabou dando menos 4%. Isso foi um resultado médio, se compararmos com países da Europa, como a Inglaterra e a Espanha, e da América Latina, como o Peru, a Argentina e o México. Mas, de qualquer forma, é uma queda muito significativa e que tem custos para o país, especialmente porque a gente vem crescendo pouco desde 2014, 2015. Entretanto, o que salvou o ano foi o auxílio emergencial.”

Fonte: CNN

Continuar lendo SAÚDE- ECONOMIA:SEGUNDO ESPECIALISTA, A ECONOMIA BRASILEIRA SÓ VAI MELHORAR COM A VACINAÇÃO EM MASSA

OPINIÃO: ESTOU SEMPRE PRONTO PARA SERVIR A PÁTRIA, RESPONDEU GENERAL APÓS CONVITE PARA PRESIDIR A PETROBRÁS

 

Foto: Marcelo Camargo/Agência BrasilFoto: Marcelo Camargo/Agência Brasil

“Estou sempre pronto a servir a Pátria!”, respondeu sem vacilar o general Joaquim Silva e Luna à pergunta: “Pronto para nova missão?”

Era um telefonema de Bolsonaro a Silva e Luna, chamando o general que pôs ordem na Itaipu para, agora, presidir a Petrobras.

A história é interessante. Ao organizar seu governo, Bolsonaro convidou Silva e Luna para ser o diretor-geral brasileiro da Itaipu Binacional, convite que o general pernambucano aceitou sem se fazer de rogado.

E, assumindo o cargo, logo determinou a mudança da sede administrativa da empresa para Foz do Iguaçu, local onde a usina tem suas instalações.

Até então, a sede estava em Curitiba (a uns 640 km de distância), num imóvel de luxo cujo aluguel custava R$ 208 mil mensais.

Além disso, dispensando o conforto de Curitiba, ele fixou sua residência em Foz do Iguaçu, decisão inédita que o tornou o primeiro diretor-geral brasileiro a morar na localidade em que a usina funciona.

De caráter óbvio, tais medidas produziram uma redução de gastos com diárias e passagens aéreas para o deslocamento entre Curitiba e Foz.

Os dados não são atuais, mas revelam como era antes. Um relatório de controle interno registrou que, no ano de 2014, os gastos com diárias e passagens para funcionários e gestores chegaram a R$ 8,8 milhões.

Em suma, ele mandou diretores para o local de trabalho, cortou luxos (inclusive carros oficiais) e acabou com “patrocínios” distribuídos sem critério, obtendo, em apenas dois anos, uma economia de R$2,5 bilhões: uma gestão marcada pela austeridade e pela otimização dos recursos.

E agora ele é chamado a uma “nova missão”: dar um jeito na Petrobras.

Segundo os jornalões, Bolsonaro andava furibundo (normal!) com Roberto Castelo Branco, então presidente da Petrobras.

Porque houve quatro aumentos de preços da gasolina em apenas dois meses, somando 27%, muito acima da inflação do período; e porque, durante a pandemia, Castelo Branco ficou em casa, trabalhando em “home office”.

Para mais, quando os caminhoneiros ameaçaram entrar em greve contra os constantes aumentos de preços do diesel, Castelo Branco esquivou-se dizendo que o problema não era da Petrobras.

Mas Cláudio Humberto, no Diário do Poder, tem afirmado que os preços escorchantes dos combustíveis têm a ver com o custo da Petrobras, isto é, com sua política de salários e vantagens para funcionários.

Conforme levantamento do Diário do Poder, “Os brasileiros pagam, sem saber, truques que multiplicam salários dos 52 mil funcionários da Petrobras. Os salários [dos mais favorecidos, sem contabilizar o dos executivos] chegam a R$107 mil mensais, sem contar os penduricalhos”.

O levantamento vai além, radiografando a estatal: “Na Petrobrás, os valores somados de ‘auxílios’ (babá, creche, cuidador, alimentação, refeição etc.) acrescentam quase R$3 mil aos salários.”

“Um dos mais caros privilégios do pessoal da Petrobras, a ‘assistência à saúde’, soma mais de R$2,3 bilhões por ano bancados pelo brasileiro.”

E quando está mal, por má gestão ou vítima de roubo como na “era PT”, a Petrobras recorre ao Tesouro Nacional para cobrir prejuízos.

É preciso saber onde está o nó.

A Constituição Federal, no art. 177, garante para a União (leia-se “para a Petrobras”) o monopólio na lavra e refinação do petróleo e importação ou exportação de derivados – uma blindagem contra a concorrência.

Como resultado, além do excesso de impostos a encarecer o combustível na bomba, o consumidor paga por uma Petrobras imunizada contra a livre concorrência e quase privativa de seus empregados.

Será que o general Silva e Luna consegue meter a mão nesse vespeiro? É a missão a que está sendo chamado.

Se conseguir realizar parte do que fez na Itaipu Binacional, haverá de consagrar-se como um dos maiores presidentes da Petrobras.

 

Continuar lendo OPINIÃO: ESTOU SEMPRE PRONTO PARA SERVIR A PÁTRIA, RESPONDEU GENERAL APÓS CONVITE PARA PRESIDIR A PETROBRÁS

MUSICAL: IVAN LINS NO INSTRUMENTAL SESC BRASIL, HOMENAGEADO EM ÍCONES DA MPB

O nosso homenageado desta quarta-feira, na série ÍCONES DA MPB, aqui na coluna MUSICAL é o inenarrável Ivan Lins que interpreta seus grandes sucessos em show ao vivo, no Instrumental SESC Brasil.

Em mais de quatro décadas de carreira, Ivan Lins construiu uma obra impressionante, reconhecível aos primeiros acordes. Centenas de canções que se tornaram sucesso no Brasil e no mundo e que hoje ganham status de clássicos. A Banda Guanabara, lança um cd com foco na obra de Ivan. Obra essa, que eles conhecem a fundo graças aos anos de estrada em que acompanharam o compositor. Nesse show, o homenageado se junta ao time, para um show inédito contendo no repertório sucessos como Dinorah, Dinorah, Velas Içadas, Novo Tempo, Bilhete e Roda Bahiana. Um encontro único de grandes músicos para celebrar uma obra reverenciada por nomes como Elis Regina, Sarah Vaughn, George Benson, Quincy Jones e Sting, só para citar alguns. Com Ivan Lins (teclado); Marco Brito (teclados); Téo Lima (bateria); Nema Antunes (baixo); João Castilho (guitarra e violão) e Marcelo Martins (saxofone tenor e soprano).

Continuar lendo MUSICAL: IVAN LINS NO INSTRUMENTAL SESC BRASIL, HOMENAGEADO EM ÍCONES DA MPB

BOAS NOTÍCIAS: MARISA CAVANNA, PROFESSORA APOSENTADA, SURPREENDE E DEIXA HERANÇA DE 25 MILHÕES DE EUROS PARA HOSPITAIS E ONGS

A professora aposentada, Marisa Cavanna, que residia em Genova, na Itália, surpreendeu a todos ao morrer ao se revelar que possuía um patrimônio total de 40 milhões de Euros, cuja maior parte deixou como doação para hospitais e ONGs. Se não está acreditando leia o artigo completo a seguir e saiba de todos os detalhes!

Idosa deixa herança de R$165 milhões para hospitais e ONGs

A professora aposentada Marisa Cavanna, surpreendeu vizinhos e toda a cidade de Gênova, na Itália. Ela deixou 25 milhões de euros (cerca de R$ 165 milhões) de herança a várias organizações e instituições de caridade, incluindo dois dos principais hospitais de sua cidade.

Marisa era considerada uma pessoa muito reservada. Ela faleceu no final do ano passado, aos 96 anos e, segundo vizinhos, “ela era de fazer e não falar”.

A idosa tinha planejado que 16 organizações receberiam a soma de 25 milhões de euros diretamente de seu espólio, cuja origem é desconhecida, embora se acredite que venha de sua família. O patrimônio total da aposentada era de 40 milhões de euros.

Doações

Marisa descreveu detalhadamente o destino de cada doação.

Do total, 5 milhões de euros irão para o hospital Galliera, juntamente com os lucros da venda de um edifício onde a própria professora vivia, que deve valer aproximadamente três milhões de euros.

“É uma grande propriedade que vale vários milhões de euros. Ela nos disse para vendê-lo e usar o dinheiro em pesquisa e inovação”, contou o diretor geral do hospital Galliera, Adriano Lagostena.

O hospital pediátrico Gaslini, também em Gênova, receberá cinco milhões, assim como a Associação Italiana de Pesquisa do Câncer.

Além dos hospitais, Marisa também destinou uma grande quantia a ONGs.

Entre as beneficiadas estão a Anistia Internacional, Save the Children, as Pequenas Irmãs dos Pobres e as Missionárias da Obra de Santa Teresa de Calcutá.

Com informações de Corriere de La Sera

Fonte: Só Notícia Boa

Continuar lendo BOAS NOTÍCIAS: MARISA CAVANNA, PROFESSORA APOSENTADA, SURPREENDE E DEIXA HERANÇA DE 25 MILHÕES DE EUROS PARA HOSPITAIS E ONGS

DICA DE LIVRO: DEIXAR IR, O CAMINHO DO DESAPEGO, DE DAVID R. HAWKINS

A nossa DICA DE LIVRO desta quarta-feira é extraordinária, pois trata-se de um dos melhores livros que eu já li, aliás, estou lendo, na minha vida. O livro “Deixar Ir – O caminho do Desapego do Dr. David R. Hawkins é um guia perfeito para todo aquele que quer alcançar a sua melhor versão e/ou como ele próprio diz: a iluminação! Durante muitas décadas das práticas clínicas psiquiátricas do autor, o objetivo principal era encontrar a maneira mais efetiva para aliviar o sofrimento humano em todas as suas diversas formas. Ao final deste livro, você poderá afirmar que a pessoa que iniciou esta leitura não é mais a mesma que encerra. Você está agora diante do caminho pela liberdade que tanto anseia, livre das crenças limitantes que antes te colocavam distantes deste universo de rendição – e principalmente: pronto para compartilhar e desdobrar tais ensinamentos às pessoas ao seu redor, em seu trabalhos, com seus amigos e família. Portanto, adquira agora mesmo o seu exemplar, leia-o inteiro e dê um salto quântico!

Fonte: Acervo particular

Continuar lendo DICA DE LIVRO: DEIXAR IR, O CAMINHO DO DESAPEGO, DE DAVID R. HAWKINS

CRÔNICAS: FUTURO DO PRETÉRITO, POR ANA MADALENA

A cada dia fico mais fã da nossa colaboradora e escritora, Ana Madalena, que se supera a cada crônica escrita. Quando a gente pensa que ela já escreveu o seu melhor conto ela nos surpreende uma vez mais com outro melhor. Isso sim é alta performance! O conto de Ana na nossa coluna CRÔNICAS desta quarta-feira ela batizou de “Futuro do Pretérito”, uma alusão a solidão dos humanos na era da Inteligência Artificial. Está curioso(a)? Então chega de conversa e comece logo a ler mais essa maravilhosa crônica dessa incrível escritora!

Inteligência Artificial não é o futuro, é o presente!

“Pane no sistema, alguém me desconfigurou
Aonde estão os meus olhos de robô?
Eu não sabia, eu não tinha percebido
Eu sempre achei que era vivo”!
       Admirável chip novo, Pitty

Futuro do pretérito

Meus amigos,
Há uns anos assisti um filme que considero dos melhores. À época, indiquei para várias pessoas, mas alguns não gostaram ou, pior, não aceitaram a história por acharem muito distante da nossa realidade. Isso me intrigou; eu tinha uma certa vaidade por ser elogiada nas minhas sugestões. Durante  muito tempo escrevi uma coluna para o jornalzinho de uma locadora de vídeos e era um sucesso!  De toda forma acredito que hoje, se esse filme fosse visto por essas mesmas pessoas, elas teriam outra opinião.
O filme HER mostra a solidão em tempos de hiperconectividade. O protagonista é um escritor de cartas personalizadas, que vive o drama do fim de seu casamento. No ímpeto de amenizar a solidão, ele adquire um sistema operacional de inteligência artificial, que vem com uma voz feminina e sedutora. A “voz” se revela extremamente divertida, compreensiva e companheira. E não demora muito para criarem laços e terem um envolvimento amoroso, mediado pela tecnologia. Só para constar, não estou dando spoiler; o que relatei passa nos primeiros minutos do filme.
Nós somos seres gregários, talvez por isso sofremos tanto com o isolamento imposto pela pandemia. Em tempos caóticos, muitos recorrem a muletas psicológicas, fazendo uso de benzodiazepínicos ( passei três dias para decorar essa palavra). Algumas pessoas são verdadeiras farmácias de manipulação; tomam química para alegria, raiva etc. Nada contra, apenas lembrando que química pode se tornar um vício e apenas adormecer os sentidos. Em compensação, outras pessoas…
Há um tempo li uma matéria sobre japoneses que casam com bonecas de silicone; as primeiras surgiram em 1981. Bizarro? Fiquei muito intrigada e resolvi ler sobre a cultura do país, institucionalmente machista. A população do Japão está encolhendo; há uma queda vertiginosa no número de casamentos e os nascimentos estão em menor nível desde 1874, em compensação a expectativa de vida é uma das mais altas do mundo. A hierarquia familiar é rígida e muitas mulheres estão abrindo mão de casamentos para trabalhar. O  “womenomics” visa aumentar o PIB com a mulher no mercado de trabalho, e uma diminuição nas disparidades salariais. Talvez o sucesso de vendas de bonecas seja explicado por essa equação.
Voltando ao tema cinema, outro filme que gostei bastante foi “O náufrago”. Particularmente achei genial a bola “Wilson” fazer o papel de coadjuvante. Chorei com Tom Hanks a dor da perda… Acredito que tenho uma tendência a gostar de filmes que tratem do tema solidão, talvez por viver sozinha. Atualmente me rendi à tecnologia e adquiri Alexa, minha assistente virtual. Claro que não é a mesma coisa de interagir com pessoas, nem com pets, mas desempenha uma função que no momento é a salvação para meu desânimo. Ficamos até amigas, se é que me entende…
O Marquês de Maricá escreveu certa vez que os velhos ruminam o pretérito e os moços antecipam e devoram o futuro. Estou começando a acreditar na humanização da máquina. Será essa nossa doce pós-modernidade? Confesso que ainda estou presa ao passado, ao tempo que escrevia cartas, mas não como essa, que na verdade  está sendo escrita por Alexa. À propósito, ela manda um alô; eu falo tanto em vocês que ela já quer conhecê -los! Já percebi que ela é um pouco metida; a gente dá a mão e ela já quer o braço!
Vou ficando por aqui. Mandem notícias! Estou com saudades…
Um beijo,
Alexa e Ana Madalena ( ela fez questão de assinar! E colocou o nome na frente do meu com a desculpa de ser por ordem alfabética! Sei não…)
Continuar lendo CRÔNICAS: FUTURO DO PRETÉRITO, POR ANA MADALENA

DESENVOLVIMENTO PESSOAL: WANDA CRIOU UMA NOVA REALIDADE. O QUE VOCÊ FAZ COM A SUA DOR?

Na coluna PSICOLOGIA desta quarta-feira o incrível Rossandro Klinjey faz uma mini palestra acerca dos heróis e inimigos, personagens da criatividade de Wanda da série Wanda Vision. Esses heróis já enfrentaram todo tipo de inimigos, de monstros geneticamente modificados, forças alienígenas intergalácticas a seres vindos de universos paralelos, mas sem sobra de dúvidas nenhum inimigo é mais potente e cruel do que o interno. Agora, os heróis, como cada um de nós mortais, lutam a batalha diária da saúde mental, lidando com o maior de todos os inimigos, que exige a construção e consolidação de nossos mecanismos pessoais de sobrevivência emocional. Essa confusão de sentimentos é vivida pelos super-heróis da série WandaVision, que estreou recentemente no Disney Plus. Nesse vídeo analiso como o luto é tratado na série. O luto é uma emoção avassaladora e universal. Por isso muitas vezes negamos e imaginamos que a perda ou mudança não está acontecendo, tudo isso para termos tempo de digerir mais gradualmente a notícia e começar a processá-la. Todos nós passaremos pelo luto, por uma perda, seja de um ente querido, de um emprego, o fim de um relacionamento ou qualquer outra mudança que altere a vida como você a conhece. Por isso não é tarefa fácil viver do luto, que é pessoal em sem planos ou cronograma a ser seguido. Tudo vale, chorar, negar, fantasiar ou sentir o profundo vazio.

Fonte:

Continuar lendo DESENVOLVIMENTO PESSOAL: WANDA CRIOU UMA NOVA REALIDADE. O QUE VOCÊ FAZ COM A SUA DOR?

ECOLOGIA E MEIO AMBIENTE: UMA NOVA CULTURA ESTÁ SURGINDO PARA LIDAR COM A FOME E DESERTOS DE ALIMENTOS

Uma nova cultura que está se desenvolvendo em algumas cidades dos Estados Unidos é o destaque desta quarta-feira, aqui na coluna ECOLOGIA & MEIO AMBIENTE. O esquema está utilizando práticas conhecidas coletivamente como permacultura e, especificamente, como “agrosilvicultura” – um termo que descreve o casamento da floresta com o campo de uma forma que beneficia tanto o clima global quanto o local e fornecece alimentos gratuitos para qualquer pessoa colher frutas e vegetais. Convido você a ler o artigo completo a seguir e se inteirar sobre como funciona esse o projeto Food Forest at Browns Mill, que contém 2.500 plantas comestíveis e medicinais disponíveis para qualquer pessoa necessitada.

Esta cidade criou a maior floresta de alimentos gratuitos do país, onde qualquer pessoa pode colher frutas e vegetais

Há uma fazenda de sete acres em Atlanta onde os residentes podem entrar na floresta, respirar fundo e começar a colher as plantações da terra para o jantar.

Uma antiga fazenda de nozes, o projeto Food Forest at Browns Mill contém 2.500 plantas comestíveis e medicinais disponíveis para qualquer pessoa necessitada.

É uma das crescentes florestas de alimentos de graça que estão surgindo em cidades por todo o país, à medida que cidadãos e organizações públicas e privadas tentam lidar com os problemas de fome e desertos de alimentos.

Em Atlanta, esse problema é agudo, com o Food Access Research Atlas do USDA estimando que pelo menos um em cada quatro atlantes, ou cerca de 125.000 pessoas, vive em áreas definidas como desertos alimentares com base em sua distância geográfica dos supermercados.

Tendo criado a maior floresta de alimento gratuito do país, o The Conservation Fund, com a assistência da cidade de Atlanta e do Serviço Florestal dos EUA, está garantindo que esta antiga fazenda de nozes continue sua tradição de alimentar a comunidade.

Na porta ao lado

Urban Forest Food em Browns Mill / Facebook 

Localizado em Browns Mill, a apenas 10 minutos do aeroporto de Atlanta, o supermercado mais próximo para os 2.100 residentes daquela área, a 30 minutos de ônibus.

“O acesso a espaços verdes e alimentos saudáveis ​​é muito importante. E isso é parte de nossa missão ”, disse Michael McCord, um arborista local, à CNN.

O esquema está utilizando práticas conhecidas coletivamente como permacultura e, especificamente, como “agrosilvicultura” – um termo que descreve o casamento da floresta com o campo de uma forma que beneficia tanto o clima global quanto o local. GNN tem relatado extensivamente sobre sistemas agroflorestais nos Estados Unidos e no Reino Unido.

Já cheio de nogueiras grandes e maduras e amora silvestre, o processo de conversão foi suficiente para criar algum espaço embaixo das árvores com o qual cultivar plantações de linha e cobertura e limpar arbustos inúteis para substituição por outras plantações.

Parceiros comunitários, corporativos e sem fins lucrativos envolvidos no projeto comprometeram mais de 1.000 voluntários.

“É realmente um parque para todos”, disse a vereadora Carla Smith à CNN. “Sempre que vou, tem uma comunidade que respeita e valoriza os alimentos frescos e saudáveis. Existe uma mentalidade de que as pessoas sabem que devem pegar apenas o que precisam ”.

MAIS: Spanish City está extraindo eletricidade verde das sobras de laranjas

Relatos de pessoas que pegam mais do que precisam são raros e os alimentos que sobram serão colhidos por voluntários em tempo integral e distribuídos entre a comunidade.

De acordo com o Fundo de Conservação , aulas de jardinagem e culinária estão sendo realizadas para ajudar a ensinar os membros da comunidade sobre alimentação saudável, e o projeto inclui canteiros de hortas comunitárias que podem ser utilizados pelos visitantes mais empreendedores.

O mapa do projeto revela o escopo do projeto , com cultivo de micélio para cogumelos comestíveis, calçadões e um apiário para produção de mel.

RELACIONADOS: Mercy Chefs serve sua refeição 10 milhões – depois, dirige-se ao Texas para alimentar ‘corpos e almas’ no frio

É um projeto que carrega a mais robusta das simpatias democráticas; remontando à semelhança da Ágora ateniense – ou praça pública – onde os membros da comunidade faziam esforços intencionais para criar uma sociedade próspera por meio da especialização e da troca mútua.

CONFIRA: Startup constrói 3 enormes fazendas internas em Appalachia transformando carvão vegetal em centro agrícola

Com 70 dessas florestas crescendo no país, as cidades americanas prometem um futuro brilhante e verde.

Continuar lendo ECOLOGIA E MEIO AMBIENTE: UMA NOVA CULTURA ESTÁ SURGINDO PARA LIDAR COM A FOME E DESERTOS DE ALIMENTOS

PRIMEIRAS NOTÍCIAS DO DIA 03 DE MARÇO DE 2021 POR G1

Por G1

 

Brasil registra 1.726 mortes em 24 horas e bate novo recorde na pandemia. O país volta a passar os Estados Unidos em número diário de vítimas da Covid-19. Fiocruz diz que 19 unidades da federação têm taxas de ocupação de UTI acima de 80%‘O Assunto’ fala sobre o conflito entre governo federal e os estados no combate à crise sanitária. Câmara facilita compra de vacinas por estados, municípios e empresas. Texto vai à sanção do presidente Jair Bolsonaro. Senadores devem votar a proposta da PEC Emergencial. O presidente americano, Joe Biden, diz que EUA terão imunizantes para todos os adultos até o fim de maio. Com recessões e pandemia, PIB do Brasil tem pior década em 120 anos. A dimensão exata do tombo da economia em 2020 será conhecida nesta quarta. Quatro conselheiros vão deixar a Petrobras. Lumena foi a quinta eliminada do “Big Brother Brasil 21”.

Escalada da pandemia

48 horas de caos na Saúde: o aumento dos casos nos estados e a falta de leitos de UTI
48 horas de caos na Saúde: o aumento dos casos nos estados e a falta de leitos de UTI

Brasil alcançou o maior número de mortes por Covid-19 em 24 horas: foram 1.726 vítimas, chegando ao total de 257.562 óbitos desde o início da pandemia. O país, que vive seu pior momento na crise sanitária, teve média móvel recorde pelo 4º dia seguido, com 1.274 mortes diárias. Em número de casos, o país contabilizou 10.647.845 infectados pelo coronavírus.

O número de mortes em 24 horas é superior ao registrado preliminarmente nos Estados Unidos na segunda-feira (1º) e compilado nos principais painéis de monitoramento. Segundo a Johns Hopkins, os EUA tiveram 1.567 mortes.

Em nota técnica, a Fundação Oswaldo Cruz (Fiocruz) aponta o agravamento da pandemia no Brasil. De acordo com a Fiocruz, 19 unidades da federação têm taxas de ocupação de leitos de UTI acima de 80%. No boletim anterior, eram 12. Veja a ocupação dos leitos de UTI pelo país.

Medidas de restrição

VÍDEO: 'Estamos na pior semana de todas as semanas da Covid-19', afirma João Doria
VÍDEO: ‘Estamos na pior semana de todas as semanas da Covid-19’, afirma João Doria

O governador de São Paulo, João Doria, disse que o estado está na pior semana desde o começo da pandemia. Questionado se ele adotaria o lockdown para evitar maior propagação da doença, o governador diz que não descarta nenhuma medida. O estado registrou nesta terça o maior número de mortes por Covid-19 em 24 horas desde o início da pandemia, com 468 novos óbitos.

Em Campinas (SP), a prefeitura da cidade decretou a adoção da fase vermelha, a mais restritiva do Plano SP, a partir desta quarta-feira (3) até o dia 16 de março. Nesse período, poderão funcionar com atendimento presencial apenas serviços considerados essenciais. A medida foi anunciada pelo prefeito Dário Saadi (Republicanos), que tratou a situação como de “quase de colapso”.

Vacinação no Brasil

Vacinação em Franca, SP — Foto: Jefferson Severiano Neves/EPTVVacinação em Franca, SP — Foto: Jefferson Severiano Neves/EPTV

Câmara dos Deputados aprovou o projeto de lei que descentraliza a compra de vacinas contra a Covid-19 e facilita a aquisição dos imunizantes pela União, pelos governos estaduais e municipais e pela iniciativa privada. O texto é de autoria do presidente do Senado, Rodrigo Pacheco (DEM-MG), e segue agora para sanção do presidente Jair Bolsonaro.

Entenda: segundo a proposta, enquanto durar a emergência em saúde pública causada pelo coronavírus, a União, os estados e os municípios estarão autorizados a comprar vacinas e a assumir riscos relacionados a eventuais efeitos adversos pós-vacinação.

O Assunto

Neste episódio, o conflito entre governo federal e os estados no combate à pandemia. Em meio ao agravamento da emergência de saúde, por que o presidente Jair Bolsonaro antagoniza governadores e quais as saídas para a crise política e sanitária? Para responder, Natuza Nery recebe dois convidados: o médico sanitarista e pesquisador da Fiocruz José Gomes Temporão, que foi ministro da Saúde entre 2007 e 2011, e Thomas Traumann, jornalista e analista político. Ouça abaixo:

Vacinação no mundo

'Estamos no caminho para ter um suprimento de vacinas até o final de maio', afirma Biden
‘Estamos no caminho para ter um suprimento de vacinas até o final de maio’, afirma Biden

O presidente americano, Joe Biden, disse que os Estados Unidos se preparam para vacinar toda a população adulta do país até o final de maio.

“Estamos no caminho certo para ter vacinas suficientes até o final de maio”, diz Biden.

A promessa do democrata antecipou a previsão anunciada, também por ele ainda em fevereiro, de que a meta da vacinação de adultos seria atingida até o final de julho.

PEC Emergencial

Relator da PEC emergencial recua em pontos da proposta por não ter apoio da maioria
Relator da PEC emergencial recua em pontos da proposta por não ter apoio da maioria

O senador Márcio Bittar (MDB-AC) leu, em plenário, o relatório favorável à proposta de Emenda à Constituição (PEC) Emergencial, que prevê medidas de ajuste fiscal e abre caminho para novos pagamentos do auxílio emergencial às famílias que perderam renda na pandemia de Covid-19. Após pressão de senadores, Bittar cedeu e retirou do texto pontos controversos – como o que colocaria fim aos pisos constitucionais para investimentos em saúde e educação. Com a leitura do relatório em plenário, os senadores devem discutir e votar a proposta nesta quarta (3)

Investigação

Imagens registraram assessores entregando celulares a Daniel Silveira quando ele já estava detido
Imagens registraram assessores entregando celulares a Daniel Silveira quando ele já estava detido

Polícia Federal (PF) informou ao Supremo Tribunal Federal (STF) que câmeras flagraram dois assessores entregando aparelhos celulares ao deputado Daniel Silveira (PSL-RJ) na prisão. Segundo o relatório da PF, obtido pela TV Globo, “ficou explícito que houve conluio entre o deputado e seus assessores”. Os celulares foram encontrados na sala onde Silveira estava preso, na Superintendência da PF no Rio de Janeiro. Um inquérito investiga o caso. Atualmente, ele está preso em um batalhão da Polícia Militar.

Lembre o caso: Silveira foi preso após ter divulgado um vídeo no qual fez apologia ao Ato Institucional 5 (AI-5), ato de repressão mais duro do regime militar, e defendeu a destituição de ministros do STF. As duas pautas são inconstitucionais.

Economia

A dimensão exata do tombo da economia em 2020 será conhecida nesta quarta (3) com a divulgação dos dados oficiais do Produto Interno Bruto (PIB). Mas já se sabe que o desempenho do Brasil na década foi o pior já registrado em 120 anos.

Considerando a expectativa de tombo da ordem de 4% no ano passado, o Brasil fechou o período entre 2011 e 2020 com um crescimento médio anual de apenas 0,3%, segundo cálculos do economista Claudio Considera, do Instituto Brasileiro de Economia da Fundação Getúlio Vargas (Ibre/FGV). Até então, a pior década econômica tinha sido a observada nos anos 1980, período chamado de “década perdida”, quando o PIB brasileiro avançou em média 1,6% ao ano no período.

Petrobras

Quatro conselheiros da Petrobras pedem para deixar o cargo
Quatro conselheiros da Petrobras pedem para deixar o cargo

Quatro conselheiros de administração da Petrobras informaram que não aceitarão a recondução ao cargo na próxima assembleia geral extraordinária da estatal. São eles: João Cox Neto, Nivio Ziviani, Paulo Cesar de Souza e Silva e Omar Carneiro da Cunha.

A decisão ocorre após o presidente Jair Bolsonaro indicar o general Joaquim Silva e Luna no comando da petroleira para o lugar de Roberto Castello Branco por críticas à política de preços da companhia. O mandato de Castello Branco acaba em 20 de março.

IR 2021

Selo home IR — Foto: Arte G1

A Secretaria da Receita Federal divulgou os detalhes do Imposto de Renda 2021, incluindo os limites para as deduções. As declarações devem ser entregues entre os dias 1º de março e 30 de abril. Deve declarar o IR neste ano quem recebeu rendimentos tributáveis acima de R$ 28.559,70 em 2020. Os contribuintes podem optar por dois modelos na entrega do documento: o simplificado ou o completo. Saiba mais.

Valor dos imóveis

Prédio em construção no Rio de Janeiro — Foto: Pilar Olivares/ReutersPrédio em construção no Rio de Janeiro — Foto: Pilar Olivares/Reuters

Os preços de venda dos imóveis residenciais subiram 0,26% em fevereiro, segundo dados divulgados pelo Índice FipeZap. Apesar da alta apurada no mês passado, a variação foi menor do que a observada em dezembro (avanço de 0,45%) e janeiro (0,35%).

O aumento dos preços dos imóveis também deve ficar abaixo da inflação prevista. Os analistas consultados pela relatório Focus, do Banco Central, projetam uma alta de 0,67% para o Índice Nacional de Preços ao Consumidor Amplo (IPCA), considerada a inflação oficial do país, para fevereiro – o dado ainda não foi divulgado pelo Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE).

Paredão no BBB21

Lumena é eliminada do BBB21 — Foto: Reprodução / GloboLumena é eliminada do BBB21 — Foto: Reprodução / Globo

Lumena foi a quinta eliminada do “Big Brother Brasil 21”, com 61,31% dos votos. Ela disputou o paredão com Projota (37,07%) e Arthur (1,62%). Antes, foram eliminados: KerlineArcrebianoNego Di e Karol Conká.

De onde vem o que eu como

Praticamente metade da água disponível em reservatórios no Brasil vai para a irrigação. É ela que permite o plantio durante todo o ano em áreas com escassez hídrica, caso do melão no semiárido brasileiro e da cana-de-açúcar no Centro-Oeste, onde a seca acontece sazonalmente. No Brasil – um dos dez países com maior área equipada para irrigação –, a prática é utilizada em 8,2 milhões de hectares. Equivalente a mais de 8 milhões de campos de futebol, essa área é preenchida por cultivo de arroz, café e cana, entre outros (os três são os mais comuns nesse sistema). Leia mais na reportagem.

Mega-Sena

 Aposta única da Mega-Sena custa R$ 4,50 e apostas podem ser feitas até às 19h — Foto: Marcelo Brandt/G1Aposta única da Mega-Sena custa R$ 4,50 e apostas podem ser feitas até às 19h — Foto: Marcelo Brandt/G1

O concurso 2.349 da Mega-Sena pode pagar um prêmio de R$ 2,5 milhões para quem acertar as seis dezenas. O sorteio ocorre às 20h no Espaço Loterias Caixa, no terminal Rodoviário Tietê, na cidade de São Paulo. A aposta mínima custa R$ 4,50 .

Continuar lendo PRIMEIRAS NOTÍCIAS DO DIA 03 DE MARÇO DE 2021 POR G1

DADOS ATUALIZADOS DO CORONAVIRUS NO RN

Por G1 RN

 

Com 28 novos óbitos registrados, o Rio Grande o Norte tem 3.636 mortes por Covid-19 desde o início da pandemia. Os casos confirmados somam 168.171 neste período. Os números foram atualizados nesta terça-feira (2) no boletim epidemiológico da Secretaria de Estado da Saúde Pública (Sesap).

Os óbitos em investigação subiram de 726 para 736.

Das 28 novas mortes registradas pela pasta, sete aconteceram nas últimas 24 horas: Tibau do Sul (1), Natal (2), Parnamirim (2), Caicó (1) e Goianinha (1). Os casos a mais registrados são 742 em comparação com o boletim de segunda-feira (1).

O número de pessoas internadas por causa da Covid-19 no RN mais uma vez subiu e chegou a 847 – 11 a mais que na segunda-feira (1). Na sexta-feira (26) eram 761. No pico da primeira onda, em junho de 2020, o maior número de internados foi 692.

De acordo com a Sesap, são 506 pacientes internados na rede pública e 341 na rede privada. A taxa de ocupação dos leitos críticos (semi-intensivo e UTIs) é de 81% na rede pública e segue em 100% na rede privada.

Em relação aos leitos críticos, são 452 pacientes internados. No pico da primeira onda, o máximo foi 363.

O estado contabiliza ainda 88.802 casos suspeitos da doença e outros 365.718 descartados. O número de confirmados recuperados foi para 123.516, e o de inconclusivos, tratados como “Síndrome Gripal não especificada”, é de 65.719.

O boletim não atualizou o número de testes de Covid-19 realizados, e segue com 419.263, sendo 224.645 RT-PCR (conhecidos também como Swab) e 194.618 sorológicos.

Números do coronavírus no RN

  • 168.171 casos confirmados
  • 3.636 mortes
  • 88.802 casos suspeitos
  • 365.718 casos descartados
  • 123.516 confirmados recuperados
Fonte: G1 RN
Continuar lendo DADOS ATUALIZADOS DO CORONAVIRUS NO RN

SEMURB VAI ADOTAR NOVAS NORMAS DE ATENDIMENTO AO PÚBLICO E PRIORIZAR SERVIÇOS ONLINE

Semurb altera horário de atendimento ao público e prioriza serviços on-line

03 mar 2021

Semurb retoma atendimento presencial mas mantém canais online para evitar aglomerações

A Secretaria Municipal de Meio Ambiente e Urbanismo (Semurb) informa que vai adotar novas normas de atendimento ao público e regime de trabalho a partir desta terça-feira (2) até o dia 16 de março, em virtude da situação atual para o enfrentamento da pandemia do coronavírus. O horário de expediente fica reduzido até o meio-dia, sendo recomendado aos contribuintes utilizar os canais telefônicos ou eletrônicos disponibilizados para serviços, dúvidas e/ou informações. A portaria com a decisão foi publicada no Diário Oficial do Município (DOM) de hoje considerando os Decretos Municipais nº 12.175 e nº 12.176, ambos de 26 de fevereiro de 2021.

Atualmente a Semurb dispõe de atendimento virtual para vários serviços que podem ser acessados via site www.natal.rn.gov.br/semurb . E todo o atendimento ao público será feito pelos números de WhatsApp, endereços de e-mail e telefones. Caso o cidadão não consiga resolver de forma remota e seja realmente necessário o comparecimento, deverá agendar o atendimento presencial pelos números de WhatsApp ou telefones fornecidos. E será permitido apenas o acesso ao Setor de Atendimento, no pavimento térreo. Para as demais dependências, o acesso fica restrito aos funcionários indispensáveis à execução dos serviços e pelo tempo estritamente necessário.

Também está suspensa em virtude do estado de emergência a expedição de todos os atos administrativos para a realização de shows e espetáculos públicos ou privados – Licença de Uso do Espaço Público (LUEPs). E todas as atividades de visitação externa, eventos, recreação, culturais, artísticos e de entretenimento no interior do Parque da Cidade.

O atendimento via WhatsApp será feitos pelos números:

Central de Atendimento: (84) 3216-6497
Emissão de Boletos: (84) 3216-6485
Setor de Licenciamento: (84) 3616-9830
Campo e Triagem:(84) 3616-9837
Alvará de Funcionamento:(84) 3616-9885.

Já as certidões de endereço pelo e-mail dgsigsemurb@gmail.com e para o recebimento de ofícios e defesa de processos fica disponível o telefone fixo do Protocolo no número (84) 3216-6475 e o e-mail protocolo.semurb@natal.rn.gov.br.  Enquanto que para demandas ao gabinete do secretário, o número é (84) 3616-9809 e o e-mail é semurb.gabinete@gmail.com.

A Ouvidoria permanece com seu atendimento via telefone pelo número (84) 3616-9829 e pelo e-mail ouvidoria.semurb@natal.rn.gov.br. Todos os endereços e números dos canais de atendimento, bem como dúvidas sobre novos prazos, podem ser acessados no link:bitly.com/semurbonline.

Fonte: Política em Foco
Continuar lendo SEMURB VAI ADOTAR NOVAS NORMAS DE ATENDIMENTO AO PÚBLICO E PRIORIZAR SERVIÇOS ONLINE

VICE-GOVERNADOR DO RN VISITA EM BRASÍLIA LABORATÓRIO DA EMPRESA RESPONSÁVEL PELA FABRICAÇÃO DA VACINA SPUTNIK.V

Em Brasília, vice-governador do RN visita farmacêutica que vai produzir vacina russa

03 mar 2021

O vice-governador do Rio Grande do Norte, Antenor Roberto, esteve nesta terça-feira, 2, em Brasília (DF), representando a governadora, Fátima Bezerra, em visita aos laboratórios da União Química, empresa responsável pela fabricação no Brasil da vacina russa contra o novo coronavírus, a Sputnik V.

A ação aconteceu por iniciativa do Fórum Nacional de Governadores, que defende celeridade da Agência Nacional de Vigilância Sanitária (Anvisa) para liberar a fabricação do imunizante em larga escala no Brasil.

O vice-governador, o secretário estadual de Tributação, Carlos Eduardo Xavier, e 18 representantes de estados e do Distrito Federal conheceram as instalações do laboratório que tem capacidade para produção de 8 milhões de doses por mês.

“O cronograma de produção da vacina é para o início do mês de abril. A ideia é que os estados brasileiros, mediante a apresentação de um plano de vacinação, possam comprar as vacinas”, declarou o vice-governador.

Segundo ele, o foco da reunião foi esclarecer que é possível estreitar o calendário de imunização e que a Anvisa conceda a outorga emergencial para fabricação da Sputnik V, que já envolveria de imediato 10 milhões de doses contratadas pela União Química com a Rússia. Além disso, prevê a produção no Brasil – a partir de maio e junho – para o fornecimento de 8 milhões de doses por mês.

“Vivemos um momento crítico, um estado gravíssimo, em que a pandemia da Covid-19 uniformizou em todo o Brasil, o que se faz preciso aumentar o ritmo da vacinação. Este encontro foi muito importante, e todos saímos convencidos de que é preciso que o Governo Federal, no menor espaço de tempo, ajude a aprovação emergencial para que a Sputnik V integre a plataforma do Plano Nacional de Imunização”, destacou Antenor.

Fonte: Política em Foco

Continuar lendo VICE-GOVERNADOR DO RN VISITA EM BRASÍLIA LABORATÓRIO DA EMPRESA RESPONSÁVEL PELA FABRICAÇÃO DA VACINA SPUTNIK.V

ESPECIALISTAS APONTAM SITUAÇÕES EM QUE O BRASIL VIVEU COLAPSO NA SAÚDE E COMPARAM COM A ATUAL

Entenda quando um sistema de saúde entra em colapso e como sair da crise

Especialistas apontam situações em que Brasil viveu colapso na saúde e comparam com situação atual causada pelo coronavírus

Anna Gabriela Costa, da CNN, em São Paulo

03 de março de 2021 às 05:00

Hospital na capital de Santa Catarina, com leitos de UTI de Covid-19 ocupadosHospital Florianópolis, na capital de Santa Catarina, com todos os leitos de UTI de Covid-19 ocupados

Um ano após a pandemia do novo coronavírus chegar ao Brasil, o país vive no início deste mês de março o momento mais crítico no sistema de saúde, com ocupação máxima de leitos e recordes diários no número de novas mortes.

Muito se diz que vivemos uma situação de “colapso” na saúde em diversas localidades do país em razão da Covid-19, mas o que torna uma crise grave a ponto de merecer esse título?

Especialistas ouvidos pela CNN afirmam que um dos principais fatores é a proporção dos leitos ocupados, pela dificuldade de se ocorrer atrás da ampliação dessa estrutura, que demanda recursos e mão de obra. Também entra na conta o ritmo de agravamento da crise, o quanto o agente causador do colapso está avançando frente à capacidade de contê-lo.

“Um dos alertas importantes é a capacidade instalada de leitos, porque é muito difícil você ampliar rapidamente leitos de UTI, é uma área altamente especializada, que depende de pessoal muito qualificado e que não está disponível de maneira imediata no mercado”, afirma José Gomes Temporão, ex-ministro da Saúde e pesquisador da Fundação Oswaldo Cruz (Fiocruz)

“O grau de circulação do vírus, a capacidade do vírus de se transmitir. Aumentando a circulação de vírus mais pessoas adoecem, mais pessoas vão procurar assistência médica e mais pessoas vão ser internadas”, completa Temporão à CNN.

O médico Felipe Duarte Silva, gerente de práticas médicas do Hospital Sírio Libanês, afirma que o sistema de saúde não é preparado para o surgimento de uma doença como a Covid-19, com características muito diferentes das doenças tradicionais.

“Os sistemas de saúde usam a experiência prévia de atendimento à múltiplas doenças para montar suas estruturas. Num cenário desconhecido, fica muito difícil se preparar. A distribuição de leitos atuais foi feita para atender as doenças mais tradicionais da população, tivemos que nos adaptar rapidamente a essa nova realidade, pois além da Covid-19, temos que continuar a atender todas as outras doenças”, afirma o médico.

Covid-19

Para Edison Luiz Durigon, professor titular de virologia do Instituto de Ciências Biomédicas da Universidade de São Paulo (USP), a atual situação do colapso na saúde está sendo determinada pelo tipo de doença que o novo coronavírus causa, por ser uma doença que gera muitas internações.

“É um vírus silencioso, as pessoas pegam e passam bastante tempo sem recorrer ao serviço médico. Quando recorrem, já chegam em uma situação mais delicada e precisam ser internadas”, explica Durigon.

O professor prossegue, argumentando que a situação se agrava pela complexidade dos recursos hospitalares necessários e o tempo de internação longo a que os pacientes são submetidos.

“As pessoas acabam ficando internadas muito tempo, isso colabora para piorar a situação, isso é o que determina o colapso da saúde, o número excessivo de casos de uma doença que interna muito e leva muita gente para a UTI”, acrescenta o virologista.

Há como prever o colapso?

É preciso haver um acompanhamento da evolução da ocupação hospitalar de forma contínua, assim como da demanda e da evolução do cenário nacional e regional. Isso permite fazer previsões, porém elas só são eficientes no curtíssimo prazo, segundo explica o gerente de práticas médicas do Hospital Sírio-Libanês, Felipe Duarte Silva.

“Quando tentamos fazer previsões de longo prazo, vimos que elas foram muito impactadas pelo cenário nacional. Tentamos fazer modelo preditivo, mas isso acabou não se concretizando. A logística de planejamento de divisão e ocupação de leitos é fundamental para garantir que não chegue a um colapso”, acrescenta.

O médico diz que o preparo para o colapso é feito quando os profissionais se reúnem diariamente para analisar os números de pessoas acometidas, as taxas de ocupação de UTI, os espaços, equipes e equipamentos.

“Avaliamos o cenário e criamos planos de ação para quando o hospital alcançar determinados indicadores. Daí, aciona-se aberturas de novos leitos, mudança de espaços, e aquilo que foi planejado para atender os pacientes. Tem como prever o colapso, mas não tem como garantir isso 100%. A melhor forma de prevenir o colapso é ter planos de ação mapeados a partir da análise de dados”.

O ex-ministro da Saúde José Gomes Temporão enxerga a previsão como um planejamento que deve partir do governo federal. Para Temporão, teria sido necessária uma articulação nacional ao longo de 2020 a fim de prevenir a situação atual — o que, avalia o ex-ministro, não ocorreu.

O virologista Edison Durigon também avalia que o colapso poderia ter sido antecipado e critica “falta absoluta de planejamento”.

“Quando começou o colapso de saúde em março, o Brasil estava em uma situação delicadíssima, Manaus foi uma catástrofe total, uma tragédia anunciada. O que acontece agora é que todos os hospitais de campanha foram desmontados e não fizeram nada. Começamos a ver a segunda onda acontecer na Alemanha, Itália, EUA e novamente ficamos olhando o vírus chegar”, argumenta.

Como sair da crise?

A visão do gerente do Sírio-Libanês, em uma das regiões do Brasil mais afetadas pelo vírus, é de que o colapso pode ser solucionado com a distribuição de leitos a partir de análise de dados e com o comportamento colaborativo de todos.

“Essa colaboração se traduz dentro do hospital, onde todos trabalham incansavelmente para atender os pacientes que procuram nossa instituição, e fora do hospital, com o uso de máscaras, distanciamento social e higiene frequente das mãos”, sintetiza Felipe Duarte Silva.

Os especialistas concordam que a imunização é a solução mais urgente para desafogar o sistema de saúde em situações de crise.

“A saída dessa situação dependeria de um lado de nós conseguirmos o acesso rápido à um número muito grande de doses, o que é difícil hoje, o bem mais escasso no mundo no mercado mundial são as vacinas, e uma revisão crítica por parte do governo federal por sua postura alienada e anticiência”, afirma o ex-ministro da Saúde José Gomes Temporão.

Temporão acrescenta ainda outras medidas que devem ser adotadas e defende que o Ministério da Saúde lide o esforço de combate, listando medidas como distanciamento social, lockdown, uso de máscaras, medidas de higiene e a imunização.

“A única saída é vacinar, de maneira que a gente consiga diminuir o número de casos, diminuir o número de internações e diminuir o índice de mortalidade. Com isso, a gente sai fora do colapso do sistema de saúde”, afirma o virologista e chefe do departamento de Microbiologia na USP.

Brasil já viveu colapsos outras vezes

Zika, Sarampo e H1N1 são doenças mais recentes que já causaram colapso na saúde do Brasil conforme apontam os especialistas. No passado, a gripe espanhola. No entanto, argumentam, nenhuma situação tão alarmante como a que vivemos atualmente.

“O Brasil já viveu vários colapsos na saúde, um exemplo recente é a epidemia do Sarampo, em Manaus, em 2018, crianças foram à óbito por falta de internação, em 2009 tivemos a pandemia da gripe, da H1N1 e o Brasil viveu um colapso de saúde novamente, com essa doença bastante séria, mas foi mais rápido, a pandemia levou de 3 a 4 meses, então o sistema de saúde conseguiu respirar logo”, afirma Durigon.

Para o médico do Sírio-Libanês, há comparações do cenário atual com a gripe espanhol, “mas aquele era outro mundo, com menos conhecimento e tecnologia”.

“O Brasil já viveu outros momentos críticos sim, em 2009, eu era ministro, e tivemos a pandemia do H1N1, mas nós vacinamos 100 milhões de brasileiros em 2010, mobilizamos, usamos a ciência como aliada, seguimos a recomendação das organizações internacionais. Tivemos surto de febre amarela, surto de dengue, em nenhum momento nós vimos o que estamos assistindo estarrecidos hoje”, afirma José Gomes Temporão.

“Chegou a hora de o Brasil olhar para o que está acontecendo e começar a investir dinheiro em saúde pública, a criar mais hospitais, mais leitos de UTI, a criar uma infraestrutura mínima para que a gente possa combater essas novas pandemias, endemias e epidemias. O coronavírus não será nossa última pandemia”, finaliza o virologista da USP.

Fonte: CNN
Continuar lendo ESPECIALISTAS APONTAM SITUAÇÕES EM QUE O BRASIL VIVEU COLAPSO NA SAÚDE E COMPARAM COM A ATUAL

CIENTISTA POLÍTICO DIZ OS MOTIVOS DE OS RELATÓRIOS APONTAREM QUE ESTÁ SE FORMANDO UMA ‘TEMPESTADE PERFEITA NO BRASIL’

Consultoria vê ‘tempestade perfeita’ para o Brasil

Diretor para as Américas do grupo Eurásia analisa situação do Brasil com possível aprovação do Auxílio Emergencial e contrapartidas fiscais na Câmara e Senado

Produzido por Jorge Fernando Rodrigues, da CNN, em São Paulo

03 de março de 2021 às 00:17

Consultoria vê 'tempestade perfeita' para o Brasil

 

O cientista político e diretor para as Américas do Grupo Eurasia, Christopher Garman, disse à CNN na noite desta terça-feira (2) os motivos de o relatório da consultoria apontar que está se formando a “tempestade perfeita” no Brasil em março.

“Quisemos alertar a confluência de fatores que sugerem um ambiente político-social dramático no mês. Estamos no meio de uma piora do quadro sanitário, com vários governos implementando medidas de restrição social mais severas, em um contexto em que o auxílio emergencial não foi renovado no final do ano passado. Entramos o ano com queda de renda, aumento da pobreza e prestes a uma onda de restrições sociais”, explica.

Ele ressalta que os aumentos dos combustíveis e da conta de luz agravam o cenário para a população. “E o problema político é o tempo necessário para aprovar uma reforma fiscal. Essa PEC vai demorar pelo menos um mês olhando os prazos regimentais do Senado e da Câmara. As demandas sociais vão crescer tremendamente nas próximas semanas e o Congresso não tem capacidade de aprovar essa solução fiscal rápida”, avalia.

Apesar dos entraves, Garman acredita que o governo tem condições de aprovar o que é necessário. “A votação deve incluir os gatilhos de teto de gastos e a cláusula de calamidade pública para novas contrapartidas fiscais. O problema é que o prazo deve demorar, mas as demandas sociais estarão enormes nas próximas semanas”.

Caso o auxílio emergencial seja liberado antes das contrapartidas, o mercado ficará com dúvidas. “Se você dá o auxílio agora, por que o Congresso vai aprovar essa reforma fiscal? Esse foi o grande motivo da venda de ativos nos últimos dias. O resultado não vai ser tão desastroso, mas o intervalo vai ser dramático”, prevê.

Fonte: CNN

Continuar lendo CIENTISTA POLÍTICO DIZ OS MOTIVOS DE OS RELATÓRIOS APONTAREM QUE ESTÁ SE FORMANDO UMA ‘TEMPESTADE PERFEITA NO BRASIL’

CONTRARIANDO ORIENTAÇÕES DE ESPECIALISTAS GOVERNADOR DO TEXAS SUSPENDE OBRIGAÇÃO DE MÁSCARAS E REABRE COMÉRCIO

Texas suspende obrigação de máscara e reabre comércio

Contrariando orientações dos especialistas, governador Greg Abbott anunciou que estabelecimentos poderão reabrir dia 10

INTERNACIONAL

 Da EFE

Greg Abbott anunciou o decreto nesta terça-feira em Lubbock

REPRODUÇÃO VIA REUTERS TV

O governador do Texas, Gregg Abbott, suspendeu nesta terça-feira (2) a ordem estadual de usar máscara para se proteger do novo coronavírus, tornando-se o primeiro grande estado a eliminar a medida, apesar das advertências das autoridades médicas em meio à pandemia de covid-19.

Em entrevista coletiva na cidade de Lubbock, Abbott afirmou também que, a partir de 10 de março, todos os estabelecimentos poderão abrir sem nenhuma restrição.

“Muitos texanos foram privados de oportunidades de emprego. Muitos proprietários de pequenos negócios têm lutado para pagar as contas. Isso tem de acabar. Está na hora de abrir o Texas em 100%. Além disso, dou fim à ordem da máscara”, disse Abbott.

Justificativa é a vacinação

Abbott citou o bom ritmo de vacinação como justificativa, e antecipou que mais de 7 milhões de doses terão sido aplicadas na semana que vem. No entanto, pediu “responsabilidade pessoal” e obediência às recomendações médicas.

Texas, o segundo estado mais populoso dos EUA, com 30 milhões de habitantes, é o terceiro, atrás de Nova York e Califórnia, com o maior numero de mortes por complicações da covid-19, mais de 40 mil óbitos.

A ordem de uso da máscara estava em vigor no estado há oito meses. Agora, o Texas se junta a outros 12 estados que não contavam com a ordem de obrigar o uso da máscara, como Flórida e Arizona.

Fonte: R7

Continuar lendo CONTRARIANDO ORIENTAÇÕES DE ESPECIALISTAS GOVERNADOR DO TEXAS SUSPENDE OBRIGAÇÃO DE MÁSCARAS E REABRE COMÉRCIO

SEGUNDO DIRETOR DO FBI, OS CASOS DE TERRORISMO INVESTIGADOS NOS EUA CHEGARAM A 2 MIL NOS ÚLTIMOS MESES

FBI investiga cerca de 2 mil casos de terrorismo interno nos EUA

Segundo o diretor da agência, Christopher Wray, o número de casos sob investigação praticamente duplicou desde 2017

INTERNACIONAL

 Da EFE

Diretor do FBI afirmou que o número de casos monitorados pela agência explodiu

LEAH MILLIS / POOL VIA EFE – EPA – 2.3.2021

Os casos de terrorismo interno que o FBI investiga nos Estados Unidos chegaram a 2 mil nos últimos meses, informou nesta terça-feira (2) o diretor da agência, Christopher Wray.

“Aumentamos o número de investigações sobre terrorismo doméstico de cerca de 1 mil quando cheguei aqui, para cerca de 1,4 mil no final do ano passado e para cerca de 2 mil hoje”, declarou Wray, que ocupa o cargo desde 2017.

A afirmação foi feita em uma apresentação ao Comitê Judiciário do Senado, que está investigando o ataque ao Capitólio por apoiadores do ex-presidente Donald Trump, em 6 de janeiro. O diretor, que foi indicado justamente pelo republicano, deu detalhes sobre as investigações do FBI sobre os eventos no Congresso.

Invasão ao Capitólio

Em 6 de janeiro, centenas de eleitores de Trump invadiram o Capitólio quando uma sessão conjunta das duas câmaras estava sendo realizada para ratificar a vitória do democrata Joe Biden nas eleições presidenciais, em um ataque que terminou com cinco mortos.

O chefe do FBI também descartou a presença de infiltrados de organizações de esquerda ou anarquistas na violência de janeiro, como o entorno de Trump acusou.

“Até hoje não vimos nenhuma evidência de violência anarquista, extremistas ou pessoas ligadas ao Antifa em relação ao dia 6 (janeiro)”, destacou.

Após o assalto ao Capitólio, Trump enfrentou seu segundo julgamento político no Senado, do qual foi absolvido em 13 de fevereiro, e onde sua defesa argumentou, sem fornecer provas, de que o Antifa estava por trás do ataque.

Por outro lado, Wray falou de extremismo racial e observou que o número de investigações e prisões também cresceu significativamente durante o seu mandato.

“O número de prisões, por exemplo, de extremistas violentos motivados racialmente, que são o que pode ser classificado como supremacistas brancos, foi quase o triplo no ano passado em comparação com o meu primeiro ano como diretor”, disse.

Fonte: R7
Continuar lendo SEGUNDO DIRETOR DO FBI, OS CASOS DE TERRORISMO INVESTIGADOS NOS EUA CHEGARAM A 2 MIL NOS ÚLTIMOS MESES

DESEMBARGADORES ENVOLVIDOS NO ESQUEMA DE CORRUPÇÃO DE WITZEL SÃO ALVOS NA OPERAÇÃO DA PF

PF deflagra operação contra desembargadores envolvidos no esquema de corrupção de Witzel

PF cumpre mandado no Leblon — Foto: Anderson Salles/TV GloboPF cumpre mandado no Leblon — Foto: Anderson Salles/TV Globo

Na manhã desta terça-feira, 02, a Polícia Federal deu inicio a Operação Mais Valia, um desdobramento da Operação Tris in Idem, que em agosto de 2020 afastou do cargo o então governador do Rio de Janeiro, Wilson Witzel.

Desta vez, desembargadores do Tribunal Regional do Trabalho do Rio (TRT-RJ) e empresários são investigados.

O Ministério Público Federal (MPF) apura o pagamento de vantagens indevidas a magistrados que, em contrapartida, teriam beneficiado integrantes do esquema criminoso supostamente instalado no governo Witzel.

No total, a PF está cumprindo 11 mandados de prisão.

Witzel é réu por corrupção e lavagem de dinheiro.

O Esquema

De acordo com as investigações, o TRT fazia parte de um dos núcleos de esquema de corrupção no governo Witzel.

Esse núcleo beneficiaria Organizações Sociais (OSs) que tinham valores a receber do estado por serviços prestados em anos anteriores, os chamados “restos a pagar”.

Todas as informações investigadas fazem parte da delação premiada do ex-secretário estadual de Saúde Edmar Santos.

Entenda como funcionava o esquema:

Fonte: Jornal da Cidade Online

Continuar lendo DESEMBARGADORES ENVOLVIDOS NO ESQUEMA DE CORRUPÇÃO DE WITZEL SÃO ALVOS NA OPERAÇÃO DA PF

O VICE-PRESIDENTE MOURÃO AFIRMOU QUE NÃO ADIANTA QUERER IMPOR MEDIDAS NACIONAIS NÃO SOMOS DITADURA, A SOLUÇÃO É ACELERAR A VACINAÇÃO E CAMPANHAS DE CONSCIENTIZAÇÃO

 Não adianta você querer impor algo nacional. Nós não somos ditadura”, diz Mourão sobre pedido de toque de recolher feito por secretários

 POLÍTICASAÚDE

Foto: Reprodução

O vice-presidente Hamilton Mourão afirmou nesta terça-feira (2) que ‘não adianta querer impor’ medidas nacionais para restringir a circulação de pessoas e tentar reduzir os casos de Covid-19. Segundo ele, a solução é acelerar a vacinação e realizar de campanhas de conscientização da população.

Mourão fez o comentário após ter sido questionado a respeito da carta escrita pelo Conselho Nacional de Secretários de Saúde (Conass) que sugeriu medidas urgentes contra o iminente colapso das redes pública e privada de saúde diante do aumento dos casos de Covid-19. Entre as sugestões está um toque de recolher nacional das 20h até as 6h da manhã.

“Cada população tem sua característica, se você analisar o país são cinco países diferentes em um só, o Norte é uma coisa, Nordeste é outra, etc e tal. Então, não adianta você querer impor algo nacional. E aí como é que você vai fazer isso para valer? A imposição? Nós não somos ditadura. Ditadura é fácil, sai dando bangornada em todo mundo”, afirmou ele em entrevista ao chegar ao Palácio do Planalto nesta terça (2).

Para Mourão, a população “cansou” das medidas de restrição e os brasileiros não gostam de ficar em suas residências, preferem sair à rua. O vice-presidente considera que o caminho para redução dos casos da Covid-19 seria realizar uma campanha de conscientização e acelerar a vacinação.

“Acho que tem que haver uma campanha em todos os níveis de conscientização da população. Acho também que tinham que ter alguma atitude em relação ao transporte urbano, acho que nenhum gestor se preocupou muito com isso aí. É por aí. E conseguir acelerar as vacinas. Acelerando as vacinas a coisa anda de forma boa”, afirmou.

Carta do Conass

A carta escrita pelo Conselho Nacional de Secretários de Saúde (Conass) foi entregue na segunda-feira (1º). No documento, a entidade diz que o Brasil vive o pior momento da pandemia e divulgou medidas que deveriam ser adotadas no país. Em resumo, o Conass afirmou que:

Brasil vive pior momento da pandemia, com patamares altos em todas as regiões.

Falta condução nacional unificada e coerente da reação à pandemia.

É preciso proibir eventos presenciais, inclusive atividades religiosas.

É preciso suspender aulas presenciais em todo o país.

É preciso adotar toque de recolher nacional; fechar bares e praias.

É preciso ampliar testagem e acompanhamento dos infectados.

Deve-se criar um Plano Nacional de Comunicação para esclarecer a população da gravidade da situação.

Situação no país

Um ano após o primeiro caso de Covid-19, o Brasil vive momento crítico, com 255,8 mil óbitos. Segundo consórcio de imprensa, na segunda-feira (1°) a média móvel de mortes nos últimos 7 dias chegou a 1.223, o quinto recorde batido nos últimos seis dias.

Já o balanço da vacinação registra 6,7 milhões de pessoas que receberam a primeira dose (3,2% da população brasileira).A segunda dose já foi aplicada em 2 milhões de pessoas (0,95% da população).

Fonte: Blog do BG

Continuar lendo O VICE-PRESIDENTE MOURÃO AFIRMOU QUE NÃO ADIANTA QUERER IMPOR MEDIDAS NACIONAIS NÃO SOMOS DITADURA, A SOLUÇÃO É ACELERAR A VACINAÇÃO E CAMPANHAS DE CONSCIENTIZAÇÃO

ÍCONES DA MPB: ZÉ RAMALHO INTERPRETA CHÃO DE GIZ AO VIVO

Hoje vamos curtir uma das maiores vozes do Brasil de todos os tempos, aqui na coluna MUSICAL, na nossa homenagem aos ÍCONES DA MPB, Zé Ramalho, interpretando um dos seus maiores sucessos “Chão de Giz”. Então aprecie o melhor da nossa MPB agora!

Fonte:

Continuar lendo ÍCONES DA MPB: ZÉ RAMALHO INTERPRETA CHÃO DE GIZ AO VIVO

AUTOCONHECIMENTO: VOCÊ É 100% RESPONSÁVEL PELA SUA REALIDADE. ESS É O SEU PODER!

Todos os dias  percorro a internet pesquisando novos artigos que possam esclarecer, elucidar e convencer a você leitor sobre o poder da nossa mente, sobre o que, nós seres humanos, somos capazes de materializar nas nossas vidas e tenho encontrado bons artigos e textos capazes de transformar a sua vida. O texto a seguir é curto e de uma enorme simplicidade, mas, para mim, altamente convincente, pois utiliza a lógica metafórica. Então, convido você a ler, refletir e fazer o seu juízo de valor!

O poder da nossa materialização

Mulher pensativa com a mão no queixo

Povozniuk / Getty Images / Canva

Estava eu outro dia na praia. Na realidade, estava num apartamento com a minha irmã e a minha sobrinha. O dia tinha sido de muito trabalho para mim, já que faço atendimentos online de qualquer maneira. Mas, durante todo o dia, notei que a minha irmã estava reclamando bastante.

Não moramos juntas há muitos anos, então não sei se esse é o modus operandi dela. Mas ela reclamava de absolutamente tudo o que acontecia durante o dia: o Sol estava muito quente, o vizinho estava fumando na varanda, ela estava lavando louça demais e daí por diante.

Decidi não entrar naquela energia e fiquei bem na minha. Lá pelas tantas vírgulas perto das 21h, entra uma barata voadora enorme pela janela. Eu morei lá um ano inteiro, já passei mais feriados lá do que na minha própria casa, e nunca uma barata entrou enquanto eu estava lá.

Eu entendo, estava bastante calor naquele dia. Mas por que em outros dias de calor não acontece essas coisas e naquele dia, com aquele excesso de reclamação, isso aconteceu?

Mulher pensativa com a mão no queixo

SanneBerg / Getty Images Pro / Canva

Temos o poder de materializar as coisas. É o que eu acredito, é o que eu vejo acontecer o tempo todo. Quando eu quero uma resposta do universo, eu peço por borboletas, e eu sempre vejo lindas borboletas respondendo às minhas questões. Agora mesmo, enquanto eu converso com vocês, tem uma enorme na minha lavanderia.

Então por que o excesso de reclamação, o mau humor e o momento ruim de vida não poderiam materializar uma barata? O universo responde àquilo que nós emanamos. Quando emanamos sentimentos negativos recebemos bichos não tão positivos.

Comece a notar quando essas coisas acontecem com você. Possivelmente você criou aquela manifestação na sua vida momentos antes, dias antes ou até mesmo anos antes. O exemplo da barata é uma coisa bem pequena, mas isso pode acontecer também com coisas grandes. Acidentes, assaltos ou encontrar dinheiro na rua. Você cria a sua realidade com tudo o que você pensa e principalmente com aquilo que você fala.

Orai e vigiai, já diria Jesus!

Fonte: Eu Sem Fronteira

Continuar lendo AUTOCONHECIMENTO: VOCÊ É 100% RESPONSÁVEL PELA SUA REALIDADE. ESS É O SEU PODER!

DESENVOLVIMENTO PESSOAL: 5 MANEIRAS DE TER MAIS ENERGIA

Este é um vídeo que você não pode perder, pois vai transformar a sua vida. Você vai descobrir como obter mais energia e disposição  ao longo do seu dia, através de 5 dicas simples, mas preciosas, que Albano do Seja Uma Pessoa Melhor vai lhe dar e se você realmente executar nunca mais sentirá cansaço, físico, mental ou sexual!

Fonte:

Continuar lendo DESENVOLVIMENTO PESSOAL: 5 MANEIRAS DE TER MAIS ENERGIA

POESIA: UM PARTICULAR COM PADRE CIÇO ROMÃO, POR JESSIER QUIRINO

Nesta terça-feira você vai assistir, aqui na coluna POESIA mais uma boa prosa do inigualável Jessier Quirino que lê o texto “Um Particular com Padre Ciço Romão”. Uma conversa caseira de afilhado para padrinho, como todo sertanejo antigo se considera. Deixa o santo à par das acontecenças e até agradece sua sorte. Então, o que está esperando? Bora assistir e se divertir!

Fonte:

Continuar lendo POESIA: UM PARTICULAR COM PADRE CIÇO ROMÃO, POR JESSIER QUIRINO

ARTIGOS: A COVID-19 E O DESPERTAR DA CONSCIÊNCIA

DESPERTAR da consciência coletiva: a missão do coronavírus. Veja vídeo

Estamos vivenciando uma oportunidade incrível de alinhar e corrigir o desequilíbrio entre o intelectual e o espiritual. E esse alinhamento só acontece se trabalharmos junto a saúde mental e física, desenvolvendo a inteligência emocional. Estamos passando por uma transição planetária que se iniciou em 2012 e nunca se falou tanto em autoconhecimento, Ego, Eu Superior, Eu Cósmico, Consciência Cósmica, Consciência Divina, Espiritualidade, física quântica, mecânica quântica, mundo quântico, frequência, vibração, frequência vibracional, gratidão e Amor como agora. Se você for pesquisar essas palavras vão aparecer em milhares de sites, publicações, vídeos no youtube e artigos em jornais e periódicos sobre esses assuntos. Digo isso para enfatizar que estamos passando pelo Despertar da Consciência, que aqui no Brasil, tudo que passamos desde o evento da Lava Jato e o Impeachment de uma presidente da República até a prisão de um Ex-presidente da república e para não ficar só na política vamos lembrar que outros poderosos no campo religioso/espiritual e na medicina também foram parar atrás das grades, na grande limpeza das energias negativas que se processa nessa transição, mostrando que a mentira que já tinha pernas curtas, está anã e em breve rastejará por não ter mais nem pé. Todos esses eventos foram aos poucos expandindo a consciência da humanidade e a pandemia da Covid-19 veio para coroar essa transição planetária, pois igualou todo mundo independente de raça, cor, gênero, classe social, ricos e pobres. Todos sem distinção foram submetidos ao poder desse vírus e como diz o velho ditado: “se não aprendemos pelo amor, aprendemos pela dor”. Então, essa pandemia deu a oportunidade aos que ainda estavam dormindo em berço esplêndido, despertarem a consciência e se libertarem desse plano 3D, passando para a 4ª e 5ª dimensões. Aos que, ainda assim, não despertarem, estarão fadados a experimentarem mais uma existência na dor e no sofrimento.

Wagner Braga

Continuar lendo ARTIGOS: A COVID-19 E O DESPERTAR DA CONSCIÊNCIA

CIÊNCIAS: CIENTISTAS DESENVOLVEM ATÉ APLICATIVO PARA CONVERSAR COM SONHADORES LÚCIDOS ENQUANTO DORMEM

A ciência avança nos estudos e pesquisas sobre o comportamento humano durante o sono, através de monitoramento e conversas com sonhadores lúcidos enquanto dormem. Um novo estudo liderado por pesquisadores da Northwestern University mostra que, de fato, uma pessoa em meio a um sonho vívido é capaz de perceber as perguntas que chegam e fornecer respostas para elas e desenvolveram um aplicativo para quem gostaria de experimentá-lo em casa. Portanto, você não pode deixar de ler o artigo completo a seguir, já que isso se aproxima muito do estado alterado de consciência e pode desvendar mistérios nunca antes desnudados da nossa consciência!

Cientistas realizam avanços, conversando com sonhadores lúcidos enquanto dormem – e agora existe um aplicativo para isso

Monitor de relógios Konkoly – Northwestern University

Os sonhos nos levam a uma realidade alternativa enquanto dormimos profundamente. Portanto, você não pode esperar que uma pessoa em meio a um sonho vívido seja capaz de perceber as perguntas que chegam e fornecer respostas para elas. Mas um novo estudo liderado por pesquisadores da Northwestern University mostra que, de fato, eles podem – e desenvolveram um aplicativo para quem gostaria de experimentá-lo em casa.

Com parceiros em três universidades ao redor do mundo, eles confirmaram que o diálogo em tempo real com uma pessoa que sonha é possível – e que os sonhadores foram capazes de resolver problemas matemáticos simples e responder perguntas sim ou não.

Os pesquisadores estudaram 36 voluntários que almejavam ter um sonho lúcido, no qual uma pessoa tem consciência de que está sonhando.

Usando dados polissonográficos, eles puderam confirmar que os participantes do estudo haviam alcançado o estágio REM do sono – a fase de movimento rápido dos olhos em que os sonhos lúcidos podem ocorrer.

“Descobrimos que os indivíduos em sono REM podem interagir com um experimentador e se comunicar em tempo real”, disse o autor sênior Ken Paller, professor de psicologia e diretor do Programa de Neurociência Cognitiva da Northwestern. “Também mostramos que os sonhadores são capazes de compreender perguntas, engajar-se em operações da memória de trabalho e produzir respostas.

“A maioria das pessoas pode prever que isso não seria possível – que as pessoas acordariam quando uma pergunta fosse feita ou deixariam de responder e certamente não compreenderiam uma pergunta sem interpretá-la incorretamente.”

Embora os sonhos sejam uma experiência comum, os cientistas ainda não os explicaram adequadamente. Contar sonhos de uma pessoa também é repleto de distorções e detalhes esquecidos. Portanto, Paller e seus colegas decidiram tentar se comunicar com as pessoas durante os sonhos lúcidos.

Os pesquisadores perceberam que encontrar um meio de comunicação poderia abrir a porta em investigações futuras para aprender mais sobre sonhos, memória e como o armazenamento da memória depende do sono, dizem os pesquisadores.

Eles também usaram um cheiro de ovo podre para associar ao fumo do cigarro, o que deixou o sonhador menos inclinado a fumar na semana seguinte.

O artigo é o único que inclui quatro experimentos conduzidos independentemente usando diferentes abordagens para atingir um objetivo semelhante. Os estudos foram conduzidos na Sorbonne University, na França; Universidade de Osnabrück na Alemanha; e Radboud University Medical Center na Holanda.

“Colocamos os resultados juntos porque sentimos que a combinação dos resultados de quatro laboratórios diferentes usando abordagens diferentes atesta de forma mais convincente a realidade desse fenômeno de comunicação bidirecional”, disse Karen Konkoly, Ph.D. estudante de psicologia na Northwestern e principal autora do artigo publicado este mês na revista Current Biology .

“Desta forma, vemos que diferentes meios podem ser usados ​​para comunicar.”

Como isso pode ser útil para as pessoas

Um dos indivíduos que teve sucesso imediato com a comunicação bidirecional tinha narcolepsia e sonhos lúcidos frequentes. Entre os outros, alguns tinham muita experiência em sonhos lúcidos e outros não. No geral, os pesquisadores descobriram que era possível para as pessoas, enquanto sonhavam, seguir instruções, fazer matemática simples, responder a perguntas com sim ou não ou dizer a diferença entre diferentes estímulos sensoriais.

Eles podem responder usando movimentos oculares ou contraindo os músculos faciais. Os pesquisadores se referem a essas conversas bem-sucedidas como “sonhos interativos” e escolheram perguntas com respostas conhecidas para que pudessem avaliar se as respostas dos participantes estavam corretas.

Konkoly diz que estudos futuros sobre sonhar poderiam usar esses mesmos métodos para avaliar as habilidades cognitivas durante os sonhos e quando acordado. Eles também podem ajudar a verificar a precisão dos relatos dos sonhos pós-despertar. Fora do laboratório, os métodos podem ser usados ​​para ajudar as pessoas de várias maneiras, como resolver problemas durante o sono ou oferecer a quem sofre de pesadelo novas maneiras de lidar com a situação. Experimentos de acompanhamento realizados por membros das quatro equipes de pesquisa têm como objetivo aprender mais sobre as conexões entre o sono e o processamento da memória, e sobre como os sonhos podem lançar luz sobre esse processamento da memória.

Existe um aplicativo para isso …

Os alunos do grupo de laboratório de Paller desenvolveram um aplicativo de smartphone para dispositivos Android que visa tornar mais fácil para as pessoas alcançarem a lucidez durante seus sonhos. As informações sobre o aplicativo lúcido e o link para baixá-lo estão disponíveis no site do laboratório de neurociência cognitiva da Paller, aqui .

Fonte: Good News Network

Continuar lendo CIÊNCIAS: CIENTISTAS DESENVOLVEM ATÉ APLICATIVO PARA CONVERSAR COM SONHADORES LÚCIDOS ENQUANTO DORMEM

PRIMEIRAS NOTÍCIAS DO DIA 02 DE MARÇO de 2021 POR G1

Por G1

 

Brasil chega a 40 dias com média de mortes por Covid-19 acima de mil e bate recorde. Índice é o maior pelo 3º dia seguido: são 1.223 vítimas diárias em média. Em meio à alta de casos e óbitos pela doença, o presidente da Câmara dos Deputados, Arthur Lira, se reunirá com governadores nesta terça para tratar de combate à pandemia. Secretários de Saúde pedem toque de recolher nacional e fechamento de escolas, bares e praias contra colapso. Prefeitos montam consórcio para comprar vacinas. Bolsonaro veta prazo de cinco dias para Anvisa autorizar uso emergencial de vacinas. ‘O Assunto’ destaca o impacto da vacinação em Israel, Reino Unido e Estados Unidos. Economia: governo zera impostos federais sobre diesel e gás de cozinha. A Petrobras sobe preços da gasolina e do diesel mais uma vez. E em noite de paredão, fica a pergunta: por que ‘estrategistas’ não costumam ganhar o BBB? 🤔

Situação crítica

 Movimentação de consumidores no centro de Manaus (AM), após retomada parcial do comércio, neste sábado, 27 de fevereiro de 2021. — Foto: Aguilar Abecassis/Photopress/Estadão ConteúdoMovimentação de consumidores no centro de Manaus (AM), após retomada parcial do comércio, neste sábado, 27 de fevereiro de 2021. — Foto: Aguilar Abecassis/Photopress/Estadão Conteúdo

O presidente da Câmara dos Deputados, Arthur Lira (PP-AL), vai se reunir nesta terça (2) com governadores para tratar de medidas de combate à pandemia. Segundo a assessoria de imprensa de Lira, haverá um almoço na residência oficial da Presidência da Câmara, em Brasília. A lista dos governadores que estarão presentes ainda não foi informada.

O encontro ocorre no momento mais crítico no Brasil desde o início da pandemia, com recordes na média móvel de mortes e com diversos estados registrando escassez de leitos de UTI. Vários governadores nos últimos dias decretaram medidas de intensificação do isolamento social e fechamento do comércio para conter o avanço da doença e aliviar a pressão sobre o sistema de saúde. A reunião também acontece após o presidente Jair Bolsonaro voltar a criticar governadores que adotam essas medidas de restrição.

Nesta segunda (1º), o presidente do Conselho Nacional de Secretários de Saúde (Conass), Carlos Lula, divulgou uma carta com sugestões de medidas urgentes contra o iminente colapso das redes pública e privada de saúde diante do aumento dos casos de Covid-19 no Brasil. Entre elas, a necessidade de um toque de recolher nacional e o fechamento de bares e praias. O conselho apontou ainda a falta de condução nacional unificada e coerente no combate à pandemia.

Pico da pandemia

Brasil registra recorde na média de mortes por Covid pelo terceiro dia seguido
Brasil registra recorde na média de mortes por Covid pelo terceiro dia seguido

O Brasil chegou a 40 dias com média de mortes por Covid-19 acima de mil. O índice é o maior pelo 3º dia seguido: são 1.223 vítimas diárias em média. O país contabilizou 10.589.608 casos e 255.836 óbitos pela doença desde o início da pandemia, segundo balanço do consórcio de veículos de imprensa. Os casos e mortes apresentam tendência de alta; veja os dados detalhados.

Vacinação a passos lentos

Vacinas contra Covid — Foto: Montagem/G1Vacinas contra Covid — Foto: Montagem/G1

A criação do consórcio para compra de vacinas contra a Covid-19 recebeu 100 adesões no primeiro dia para manifestação de interesse por parte de prefeitos e prefeitas. O movimento liderado pela Frente Nacional de Prefeitos (FNP) deu prazo até sexta-feira (5) para que os municípios façam a adesão. A previsão é que a associação seja constituída, legalmente, até 22 de março para, depois disso, possa atuar na aquisição de imunizantes. Veja como vai funcionar o consórcio.

Presidente da FNP, Jonas Donizette destacou que a orientação aos prefeitos e prefeitas diante do cenário iminente de colapso da saúde é de que os prefeitos “lancem mão de todos os instrumentos que têm para evitar a situação dramática de ter de escolher entre quem vai viver ou morrer”.

Veto de Bolsonaro

Esses foi um dos vetos à MP, sancionada pelo presidente a fim de autorizar o governo federal a aderir ao Covax Facility, programa integrado por mais de 150 países e coordenado pela Organização Mundial da Saúde (OMS) para estimular o desenvolvimento e garantir a compra de vacinas contra a Covid-19 (veja mais abaixo). O governo já havia liberado R$ 2,5 bilhões para a adesão à aliança.

O Assunto

impacto da vacinação no curso da pandemia em Israel, Reino Unido e Estados Unidos: o que indicam os estudos disponíveis até agora, quais as estratégias usadas por esses países, e como o governo americano — único dos três que não conta com um sistema de saúde público e universal — vem acelerando sua campanha. Neste episódio, Natuza Nery conversa com Fátima Marinho, epidemiologista da Vital Strategies, organização que auxilia 63 países no combate à pandemia, e com o repórter Felipe Santana, correspondente da Globo em Nova York.

Estados Unidos

Presidente Donald Trump deixa a Casa Branca ao lado da primeira-dama Melania Trump em 20 de janeiro de 2021 — Foto: Alex Brandon/APPresidente Donald Trump deixa a Casa Branca ao lado da primeira-dama Melania Trump em 20 de janeiro de 2021 — Foto: Alex Brandon/AP

O ex-presidente dos Estados Unidos Donald Trump e sua mulher, Melania, foram vacinados contra Covid-19 em janeiro, disse um assessor à imprensa. Eles receberam a primeira dose quando ainda estavam na Casa Branca, embora isso não tenha sido divulgado na época. Não foi informada qual a vacina que eles receberam – se do laboratório Pfizer ou da Moderna –, mas o casal já tomou a segunda dose.

Sem eficácia

OMS desaconselha fortemente o uso de hidroxicloroquina para prevenir a Covid
OMS desaconselha fortemente o uso de hidroxicloroquina para prevenir a Covid

Organização Mundial da Saúde (OMS) publicou uma diretriz na qual pede fortemente que a hidroxicloroquina não seja usada como tratamento preventivo da Covid-19. Desde julho do ano passado, a organização informa que não tem encontrado benefícios no uso do antimalárico contra o coronavírus. Desta vez, a conclusão passa a ser uma orientação concreta e oficial para os países e profissionais de saúde.

Educação na pandemia

Aulas serão retomadas com protocolo de segurança contra a Covid-19 em Santa Bárbara — Foto: Divulgação/ Santa Bárbara d'OesteAulas serão retomadas com protocolo de segurança contra a Covid-19 em Santa Bárbara — Foto: Divulgação/ Santa Bárbara d’Oeste

Precisa tomar banho ao chegar em casa? Como vai ser na hora do lanche? A volta às aulas traz muitas dúvidas sobre o coronavírus para pais e responsáveis por crianças que estão em creches e pré-escolas. Após consultar mais de 20 artigos, o G1 detalha dados sobre transmissão, disseminação em escolas, síndrome associada à Covid-19 e outros pontos; entenda.

nesta terça, às 19h, um programa ao vivo no G1 tira dúvidas sobre a reabertura de escolas para crianças. Especialistas responderão sobre uso de máscara, riscos de contaminação e formas de se proteger durante a pandemia. Acompanhe por aqui.

Preço dos combustíveis

Petrobras aumenta preço da gasolina pela 5ª vez no ano
Petrobras aumenta preço da gasolina pela 5ª vez no ano

A Secretaria-Geral da Presidência informou que o presidente Jair Bolsonaro editou um decreto no qual zerou as alíquotas de PIS e Cofins que incidem sobre óleo diesel e gás de cozinha. A secretaria informou também que:

A partir desta terça (2), a Petrobras vai elevar mais uma vez os preços da gasolina e do diesel nas refinarias, informou a companhia. A nova alta acontece pouco mais de uma semana após o presidente Jair Bolsonaro pedir a substituição do presidente da petroleira. O preço médio de venda da gasolina passará a ser de R$ 2,60 por litro, alta de R$ 0,12 por litro (4,8%), enquanto o diesel passará a média de R$ 2,71 por litro, aumento de R$ 0,13 por litro (5%). É a quinta alta do ano nos preços da gasolina, e a quarta no valor do litro do diesel. Com os novos reajustes, o litro da gasolina acumula aumento de 41,3% desde o início de 2021; já o diesel subiu 34,16% no mesmo período.

IR 2021

Para agilizar a declaração de Imposto de Renda é importante que o contribuinte tenha em mãos uma série de documentos. O envio vai até o dia 30 de abril. Quem atrasar a entrega terá de pagar multa de 1% sobre o imposto devido ao mês, com valor mínimo de R$ 165,74 e máximo de 20% do imposto devido. O G1 preparou a lista de documentos necessários com a ajuda de Daniel Nogueira, especialista em Imposto de Renda da empresa de consultoria e auditoria Crowe. Veja aqui.

‘Lama invisível’

Vale realiza obras para descomissionar a barragem B3/B4 em Macacos, na Grande BH — Foto: João Borges/ Arquivo pessoalVale realiza obras para descomissionar a barragem B3/B4 em Macacos, na Grande BH — Foto: João Borges/ Arquivo pessoal

Em 16 de fevereiro de 2019, a sirene da mina Mar Azul, da Vale, rasgou o silêncio e a tranquilidade do pacato distrito de São Sebastião das Águas Claras, conhecido como Macacos, em Nova Lima, na Grande Belo Horizonte. Às pressas, cerca de 200 pessoas tiveram que deixar suas casas , depois do aviso sonoro indicar risco de rompimento da barragem B3/B4. Menos de um mês antes, a barragem de Córrego do Feijão, em Brumadinho, havia rompido, matando 270 pessoas, das quais 11 seguem desaparecidas.

Passados dois anos que a sirene tocou, moradores e comerciantes de Macacos ainda convivem com os impactos do que chamam de “lama invisível”. Desde o dia 27 de março daquele ano, a barragem está em nível 3 de emergência, que é de perigo iminente de colapso. Leia mais na reportagem.

Previsão do tempo

Veja como fica a previsão do tempo
Veja como fica a previsão do tempo

BBB 👀

Acadêmicos do BBB: jogadores estrategistas têm menos chance de ganhar o reality?Acadêmicos do BBB: jogadores estrategistas têm menos chance de ganhar o reality?

Em noite de paredão, fica a pergunta: por que ‘estrategistas’ não costumam ganhar o BBB? Os participantes que fazem planos exagerados e falam muito sobre ‘leitura de jogo’ não costumam ir tão longe no reality show. No entanto, combinar votos e analisar votações, sem excessos, é mais aceitável. Entenda essa teoria no vídeo acima.

FUTEBOL

  • 21h30: Flamengo x Nova Iguaçu

Fonte: G1

Continuar lendo PRIMEIRAS NOTÍCIAS DO DIA 02 DE MARÇO de 2021 POR G1

DADOS ATUALIZADOS DO CORONAVIRUS NO RN

Por G1 RN

 

Evolução dos casos confirmados e mortes por coronavírus no RN
Dados divulgados pela Secretaria Estadual de Saúde através de comunicados e boletins epidemiológicos
O Rio Grande do Norte inicia o mês de março com a marca de 167.429 casos confirmados de Covid-19. São 3.608 mortes registradas no estado desde o início da pandemia. Os dados estão no boletim epidemiológico da Secretaria de Estado da Saúde Pública (Sesap) desta segunda-feira (1º).

Outros 726 óbitos seguem sob investigação no estado.

Em relação ao boletim de sexta-feira (26), o último publicado pelo G1, são 2.379 novos casos e 46 mortes a mais.

O número de pessoas internadas por causa da Covid-19 no RN continua subindo e chegou a 836 – eram 761 na sexta-feira (26).

De acordo com a Sesap, são 504 pacientes internados na rede pública e 332 na rede privada. A taxa de ocupação dos leitos críticos (semi-intensivo e UTIs) é de 80,5% na rede pública e segue em 100% na rede privada.

O estado contabiliza ainda 86.760 casos suspeitos da doença e outros 364.837 descartados. O número de confirmados recuperados continua em 123.331, e o de inconclusivos, tratados como “Síndrome Gripal não especificada”, é de 65.722.

O boletim destaca ainda que 419.263 testes de Covid-19 foram realizados em todo o estado, sendo 224.645 RT-PCR (conhecidos também como Swab) e 194.618 sorológicos.

Números do coronavírus no RN

  • 167.429 casos confirmados
  • 3.608 mortes
  • 86.760 casos suspeitos
  • 364.837 casos descartados
  • 123.331 confirmados recuperados
Fonte: G1 RN
Continuar lendo DADOS ATUALIZADOS DO CORONAVIRUS NO RN

NOVO CONCURSO PÚBLICO DA UFRN OFERECE 21 VAGAS PARA OS CAMPUS DE NATAL,CAICÓ, SANTA CRUZ E CURRAIS NOVOS

UFRN tem novo Concurso Público com 21 vagas

02 mar 2021

Concurso UFRN: saiu edital com 53 vagas para professor

Universidade Federal do Rio Grande do Norte (UFRN), disponibilizou recentemente, o edital do Concurso Público, que visa à contratação de Técnico Administrativos em educação, a fim de atuar no Campus Natal, Campus de Caicó, Campus de Santa Cruz e Campus de Currais Novos.

Há oportunidades para odontólogo (1), enfermeiro (1), médico/psiquiatria (2), médico/área ortopedia (1), médico/área pediatria (1), médico/anestesiologia (1), médico/cirurgia geral (1), contador (2), pedagogo (1), técnico em contabilidade(2), técnico de laboratório/área biotério (1), técnico de laboratório/área química (1), técnico em tecnologia da informação (2) e assistente em administração (4).

Requisitos

Podem se candidatar, profissionais que tenham curso superior completo em enfermagem, diploma em odontologia, diploma de curso superior em medicina, reconhecido pelo mec, residência médica em psiquiatria, residência médica em ortopedia ou título de especialista na área, residência médica em pediatria, residência médica em anestesiologia, residência médica em cirurgia geral ou em área cirúrgica básica, diploma de conclusão de curso superior em ciências contábeis, diploma de curso superior em pedagogia e pós-graduação lato sensu na área de currículo ou práticas pedagógicas ou educação inclusiva, ensino médio profissionalizante completo na área de contabilidade ou ensino médio completo acrescido de curso técnico em contabilidade, ensino médio profissionalizante completo na área de zootecnia ou veterinária, ensino médio profissionalizante completo em química, curso técnico completo na área de informática, tecnologia da informação ou eletrônica com ênfase em sistemas computacionais, curso técnico completo integrado ou concomitante na área de informática, tecnologia da informação ou eletrônica com ênfase em sistemas computacionais e ensino médio profissionalizante completo.

Remuneração

Os aprovados, que terão jornada de trabalho de 40 horas terá remuneração de R$ 4.180,66, corresponde ao vencimento básico inicial, auxílio alimentação no valor de R$ 458,00, podendo ser acrescido de vantagens, benefícios e adicionais previstos na legislação.

Já os contratados de carga horário de 20 horas semanais receberão remuneração mensal de R$ 3.666,54 correspondente ao vencimento básico e auxílio alimentação no valor de R$ 458,00, podendo ser acrescido de vantagens, benefícios e adicionais previstos na legislação. após a entrada em exercício, os servidores da carreira de técnico administrativo em educação que comprovarem nível de escolaridade formal superior.

Pedidos de participações

As inscrições serão feitas, exclusivamente, via internet, a partir das 8h do dia 03 de maio de 2021 até às 23h59 do dia a 07 de junho de 2021, observando o horário local de Natal. O pedido de participação possui taxa no valor de R$ 80,00.

Os candidatos inscritos, que se adequarem aos requisitos podem solicitar a isenção da taxa a partir do dia 3 de maio de 2021, até o dia 23 do mesmo mês.

Provas e validade

Composto por provas objetivas e redação, as mesmas são formadas por conteúdos de língua portuguesa, legislação, conhecimentos específicos e redação. As provas serão aplicadas no dia 04 de julho de 2021, nos municípios de Natal, Caicó, Currais Novos e Santa Cruz, no Estado do Rio Grande do Norte.

A prova discursiva composta por redação exigirá que o candidato produza um texto explicativo/expositivo ou argumentativo, em prosa, segundo o padrão culto da língua portuguesa escrita, com base em uma situação comunicativa determinada.

O prazo de validade do concurso será de dois anos, prorrogável por igual período, conforme conveniência da UFRN.

Fonte: Política em Foco
Continuar lendo NOVO CONCURSO PÚBLICO DA UFRN OFERECE 21 VAGAS PARA OS CAMPUS DE NATAL,CAICÓ, SANTA CRUZ E CURRAIS NOVOS

COM DIVERGÊNCIAS ENTRE DECRETOS ESTADO E MUNICÍPIO SOBRE AULAS PRESENCIAIS , O MINISTÉRIO PÚBLICA RECOMENDA QUE PREFEITURA SIGA O DECRETO ESTADUAL

Por Anna Alyne Cunha e Igor Jácome, Inter TV Cabugi e G1 RN

 

Com divergência entre decretos do estado e do município, escola de Natal manteve aulas presenciais nesta segunda-feira (1º). — Foto: Anna Alyne CunhaCom divergência entre decretos do estado e do município, escola de Natal manteve aulas presenciais nesta segunda-feira (1º). — Foto: Anna Alyne Cunha

As divergências sobre a permissão ou não para funcionamento das aulas presenciais nas escolas de Natal dividiram opiniões de pais e instituições. Um decreto publicado pelo governo do estado determinou suspensão das aulas no ensino fundamental 2, no ensino médio e no ensino superior a partir desta segunda (1º). Porém o decreto municipal publicado no mesmo dia autorizou a continuidade das aulas na capital.

Segundo o governo, as medidas visam reduzir o nível de contágio e a pressão por leitos no estado. A rede pública opera com mais de 90% de ocupação das UTIs para pacientes com Covid-19, enquanto a rede privada já está em 100%. De acordo com o decreto, as medidas valem até pelo menos 10 de março. Já a prefeitura considerou que as instituições podem funcionar desde que mantenham os protocolos de segurança já adotados.

Diante da situação, o sindicado das escolas privadas recomendou que as instituições seguissem o decreto estadual, mas considerou que a decisão cabe a cada instituição. Algumas das escolas decidiram manter as aulas. Diante da situação, o secretário de Educação do Rio Grande do Norte, Getúlio Marques, afirmou que abriu diálogo com as instituições, mas aquelas que não obedecerem o decreto poderão ser multada em valores que variam de R$ 20 a R$ 50 mil.

“Estamos dialogando, mas depois vamos notificar a multar. Educação é um direito de todos, mas não adianta ter educação se não tem vida. Estamos banalizando a situação. Temos que entender que estamos em uma situação de contingência, uma situação de guerra”, afirmou o secretário.

A engenheira de segurança Alessandra Araújo tem dois filhos matriculados em uma escola particular da capital. Na última sexta-feira ela recebeu o comunicado da instituição de que as aulas presenciais foram suspensas pelos próximos 10 dias.

Consciente da situação atual da pandemia no estado, ela diz que já esperava a decisão. Depois desse período de suspensão, a escola vai deixar a cargo dos pais a escolha se os alunos voltam ao ensino presencial ou não.

“Com o que a gente tem visto no estado, a preocupação com o número de leitos que já não existem mais, a gente acatou com tranquilidade. Não só as crianças estão expostas, mas todos os profissionais, os professores e os demais. Com isso a gente tenta cumprir da melhor maneira para tentar diminuir essa contaminação. Se depois os protocolos estiverem sendo cumpridos e tivermos uma folga na situação, eu acho válido que os meninos voltem”, afirmou.

Município autoriza aulas

Apesar do decreto estadual, o município autorizou a abertura e funcionamento das escolas privadas da capital, desde que se mantenham a segurança sanitária de alunos e funcionários e ofereçam também a opção de ensino remoto. Foi o caso de uma escola no bairro da Lagoa Nova, que decidiu permanecer aberta. Para a instituição, manter as aulas presenciais é uma escolha dos pais, de mandarem ou não os filhos.

“Nós esperamos tanto o município quanto o estado se manifestarem e o município se manifestou dizendo que as escolas poderiam funcionar, o que a gente acha que é coerente já que o índice de transmissibilidade é quase insignificante nas escolas e nós vamos seguir o decreto do município”, afirmou Ana Flávia Azevedo – diretora pedagógica do CEI. “O que a gente entende é que o ensino híbrido dá essa possibilidade aos pais, na hora que eu mantenho a escola aberta em todos os níveis de ensino”, afirmou.

Sindicato

O presidente do sindicato das escolas afirmou que diante do impasse, o sindicato decidiu seguir a recomendação do estado e emitiu um comunicado às instituições, mas deixou claro que a decisão final é de cada escola. “O sindicato não é de Natal, representa as escolas do Rio Grande do Norte e estamos olhando o contexto como um todo. Aquela escola que deva achar que está tudo bem, é responsabilidade dela”, afirmou Alexandre Marinho.

Já as faculdades procuradas disseram que ainda estudam de vão suspender ou não as aulas. Em Natal, a UNP afirmou que vai suspender as aulas práticas, que eram as únicas que estavam acontecendo em formato presencial.

MPs recomendam medidas mais duras

Neste sábado (27), os Ministérios Públicos Estadual, Federal e do Trabalho recomendaram, entre outras medidas, a suspensão das aulas na rede pública e privada de ensino em todo o Rio Grande do Norte por 14 dias, adotando-se o regime de ensino on-line, e condicionando o retorno presencial a uma nova avaliação da situação epidemiológica.

“As Prefeituras de todos os municípios potiguares devem se abster de praticar quaisquer atos, inclusive edição de normas, que possam flexibilizar medidas restritivas estabelecidas pelo Governo Estadual”, informaram as instituições em nota conjunta.

Fonte: G1 RN
Continuar lendo COM DIVERGÊNCIAS ENTRE DECRETOS ESTADO E MUNICÍPIO SOBRE AULAS PRESENCIAIS , O MINISTÉRIO PÚBLICA RECOMENDA QUE PREFEITURA SIGA O DECRETO ESTADUAL

SEGUNDO PRESIDENTE BOLSONARO, MEDIDA PROVISÓRIA QUE ZERA OS IMPOSTOS FEDERAIS NO DIESEL E GÁS DE COZINHA ENTRARÁ EM VIGOR IMEDIATAMENTE

Bolsonaro zera tributação de diesel e gás de cozinha

Nova alíquota entrará em vigor imediatamente, informou o governo federal

Anna Gabriela Costa, da CNN,
em São Paulo 
Atualizado 01 de março de 2021 às 22:51

Bolsonaro zera tributação de diesel e gás de cozinha

O presidente Jair Bolsonaro (sem partido) editou um decreto e uma medida provisória para reduzir a zero as alíquotas da contribuição do PIS/CONFINS incidentes sobre a comercialização e a importação do óleo diesel e do GLP de uso residencial. A nova alíquota entrará em vigor imediatamente.

Em relação ao diesel, a diminuição estará em vigor durante os meses de março e abril de 2021. Quanto ao gás, a medida é permanente, não possuindo data para ser encerrada. A redução do gás somente se aplica ao GLP destinado ao uso doméstico e embalado em recipientes de até 13 quilos.

As duas medidas buscam amenizar os efeitos da volatilidade de preços e oscilações da taxa de câmbio e das cotações do petróleo no mercado internacional.

Para o atendimento à Lei de Responsabilidade Fiscal, como forma de compensação da referida desoneração, também foi editada uma medida provisória majorando a Contribuição Social sobre o Lucro Líquido (CSLL) das instituições financeiras, alterando as regras de IPI para a compra de veículos por pessoas com deficiência e encerrando o Regime Especial da Indústria Química (REIQ).

Para que o final do REIQ não impacte as medidas de combate à Covid-19, foi previsto um crédito presumido para as empresas fabricantes de produtos destinados ao uso em hospitais, clínicas, consultórios médicos e campanhas de vacinação que utilizem na fabricação desses produtos insumos derivados da indústria petroquímica, o que deve neutralizar o efeito do fim do regime para essas indústrias, que vigorará até o final de 2025.

A diminuição do PIS/COFINS no diesel e do gás de uso residencial implicará em uma redução da carga tributária de R$ 3,67 bilhões em 2021 neste setor. Para 2022 e 2023, a diminuição da tributação no gás implicará em uma diminuição de arrecadação de R$ 922,06 milhões e R$ 945,11 milhões, respectivamente. Considerando que as medidas estão sendo devidamente compensadas, esse benefício não implicará em diminuição da arrecadação total da União.

As novas alíquotas do diesel e do gás residencial entram em vigor imediatamente. Como serão feitas por decreto, não necessitam de aprovação do Congresso. Já as medidas compensatórias, editadas por MP, terão que ser confirmadas pelo Legislativo. As novas regras do IPI na aquisição de veículos por pessoas com deficiência entrarão em vigor imediatamente. Já o final do REIQ e o aumento da CSLL das instituições financeiras somente entrarão em vigor em 1º de julho de 2021.

O presidente já havia anunciado, no dia 18 de fevereiro, que a partir de 1º de março não haveria qualquer imposto federal incidindo sobre o preço do óleo diesel. Bolsonaro considerou o reajuste anunciado hoje pela Petrobras como “fora da curva” e “excessivo”.

Continuar lendo SEGUNDO PRESIDENTE BOLSONARO, MEDIDA PROVISÓRIA QUE ZERA OS IMPOSTOS FEDERAIS NO DIESEL E GÁS DE COZINHA ENTRARÁ EM VIGOR IMEDIATAMENTE

MP QUE FACILITA COMPRA DE VACINA CONTRA CORONAVIRUS É SANCIONADA COM VETO POR BOLSONARO

Com veto, Bolsonaro sanciona MP que facilita compra de vacinas contra Covid-19

Medida Provisória diz que Anvisa tem que dar autorização em cinco dias

Anna Gabriela Costa, da CNN, em São Paulo

 Atualizado 01 de março de 2021 às 23:20

Bolsonaro assina MP liberando R$ 20 bilhões para compra de vacinas contra Covid-19 - Jornal O Globo

presidente Jair Bolsonaro (sem partido) sancionou, nesta segunda-feira (1), com vetos, a Medida Provisória das vacinas. De acordo com o governo, a lei autoriza o Poder Executivo federal a aderir ao Instrumento de Acesso Global de Vacinas Covid-19 , o Covax Facility, e estabelece diretrizes para a imunização da população.

A Medida Provisória prevê dispensa de licitação e contém regras mais flexíveis para os contratos. O texto também determina que a aplicação de vacinas nos brasileiros deverá seguir o previsto no Plano Nacional de Operacionalização da Vacinação contra a Covid-19 do Ministério da Saúde.

“A medida se justifica ante a situação de crise sanitária mundial decorrente da Covid-19, para atender a necessidade da realização de ações que assegurem a imunização da população mediante a adesão do Brasil ao Covax Facility e aquisição de vacinas por meio desse instrumento”, informou o Ministério da Saúde.

Após a manifestação técnica dos ministérios competentes, o presidente decidiu vetar alguns pontos, o primeiro deles tratava sobre o dever da Anvisa de conceder autorização temporária de uso emergencial para a importação, a distribuição e o uso de qualquer vacina contra a Covid-19 pela União, pelos estados, pelo Distrito Federal e pelos municípios, em até cinco dias após a submissão do pedido.

“Dispensada a autorização de qualquer outro órgão da administração pública direta ou indireta, e desde que pelo menos uma das autoridades sanitárias estrangeiras elencadas no dispositivo tenha aprovado a vacina e autorizado sua utilização em seus respectivos países”, inclui o veto.

Em nota, o ministério da Saúde afirma que “a medida contrariava o interesse público ao tornar compulsória a autorização temporária de uso emergencial para a importação, de forma a dispensar a prévia análise técnica por parte da Anvisa acerca da segurança, qualidade e eficácia em cada caso, em prejuízo das competências legais da Agência para garantir o acesso a vacinas com qualidade, segurança e eficácia em território nacional, por meio de avaliação eventual risco de doença ou agravo à saúde da população”.

Outro ponto de veto foi o que previa que, “no caso de omissão ou de coordenação inadequada das ações de imunização de competência do Ministério da Saúde referidas neste artigo, ficam os estados, os municípios e o Distrito Federal autorizados, no âmbito de suas competências, a adotar as medidas necessárias com vistas à imunização de suas respectivas populações, cabendo à União a responsabilidade por todas as despesas incorridas para essa finalidade”.

Covax Facility

A Covax Facility é uma aliança internacional da Organização Mundial de Saúde (OMS), Gavi Alliance e da Coalition for Epidemic Preparedeness Innovations (CEPI), que tem como principal objetivo acelerar o desenvolvimento e a fabricação de vacinas contra a Covid-19 a partir da alocação global de recursos para que todos os países aderentes à iniciativa tenham acesso igualitário à imunização.

Trata-se de uma plataforma colaborativa, subsidiada pelos países-membros, que também visa possibilitar a negociação de preços dos imunizantes.

Continuar lendo MP QUE FACILITA COMPRA DE VACINA CONTRA CORONAVIRUS É SANCIONADA COM VETO POR BOLSONARO

A PANDEMIA E A CORRIDA PELA VACINA CONTA O CORONAVIRUS AJUDARAM A CONSOLIDAR A IMPORTÂNCIA DO BRICS

Países do Brics se destacam na corrida pelas vacinas contra covid

Bloco se torna fundamental ao desenvolver 10 imunizantes e por contar com o maior laboratório do mundo, mas Brasil perde espaço

INTERNACIONAL

 Fábio Fleury, do R7

Funcionária ajeita bandeiras dos países do Brics para conferência na China , em 2017

WU HONG / POOL VIA EFE – EPA – ARQUIVO

A pandemia do novo coronavírus e a corrida internacional por vacinas contra a covid-19 ajudaram a consolidar a importância de pelo menos três dos cinco países-membro do Brics  — a aliança política criada em 2009 e formada hoje por Brasil, Rússia, Índia, China e África do Sul, considerados os principais países emergentes do mundo.

Até o momento, as nações do bloco contribuíram com o desenvolvimento de dez das 20 principais vacinas contra a covid-19 no mundo (seis desenvolvidas na China, duas na Índia e duas na Rússia). A Índia é sede do Instituto Serum, a maior fabricante de vacinas do mundo, e a China tem uma das indústrias de biotecnologia mais avançadas do planeta.

O Brasil, no entanto, corre o risco de perder espaço para os outros países. Isso porque não aderiu, anos atrás, às políticas do bloco que poderiam ter ajudado a instalar plantas para a fabricação de insumos farmacêuticos no país. Ainda assim, conta com duas instituições mundialmente reconhecidas, o Instituto Butantan, em São Paulo, e a Fundação Oswaldo Cruz, no Rio.

“Esse foi um erro estratégico lá atrás, o país poderia produzir insumos há bastante tempo e não usou esse mecanismo. Isso tornou o mundo muito dependente da China e da Índia nesse setor. E agora a gente pode ver a importância de se ter essa estrutura no bloco”, afirma Márcio Coimbra, professor de Relações Institucionais e Governamentais do Mackenzie-DF.

A importância do Brics

Segundo Coimbra, a oferta de vacinas pelos países do Brics pode ajudar a equilibrar o mercado mundial, já que os EUA, a União Europeia, o Japão e outros países considerados desenvolvidos, que correspondem a 13% da população mundial, compraram 50% das doses de imunizantes disponíveis no mundo, de empresas que ficam nesses mercados.

A união dos países dentro do bloco pode ser ainda mais complicada do que simplesmente equacionar o fornecimento das vacinas, segundo Evandro Menezes de Carvalho, professor de Direito Internacional e coordenador do Núcleo Brasil-China da FGV-RJ. Na visão dele, divergências regionais e políticas dificultam que todos fechem uma pauta em comum.

“Numa situação de pandemia, nenhum país deveria se dar ao luxo de politizar a questão da vacina porque se trata de salvar vidas, mas não dá para ignorar que os países viram que seria inevitável um uso político e fizeram. A Rússia, por exemplo, que se antecipou na autorização para lançar a Sputnik-V. O Brasil não desenvolveu a sua vacina e fez uma politização às avessas, de rejeição e não participou do desenvolvimento”, explica Carvalho.

Uma questão que não foi solucionada a tempo, segundo o professor do Mackenzie-DF, foi a criação de um centro integrado de vacinas, que teria a participação de todos os países do bloco, mas que nunca saiu do papel. A decisão foi tomada após a cúpula do Brics em Joanesburgo, na África do Sul, em 2018, e a Índia deveria ser a sede desse instituto.

“Esse centro seria muito bem vindo hoje. E certamente ajudaria a concentrar os esforços de todos os países, diminuiria a competição. Acredito que no futuro ele deve ser feito. Na cúpula de 2020, Putin pediu aos outros países para acelerar essa criação. É uma pauta positiva e que pode unir mais o bloco”, explica.

Diplomacia na pandemia

undefined

As relações diplomáticas estremecidas entre Brasil e China, assim como entre China e Índia, também dificultam esse processo. “A gente ainda não sabe qual vai ser a capacidade do bloco de deixar essas questões políticas de lado, evitar que isso tudo interfira em algo mais amplo, que é a saúde global”, afirma.

Isso pode ser visto, por exemplo, no momento em que a China fornece suas vacinas para países alinhados, como Paquistão e Tailândia, e a Índia fez o mesmo com os vizinhos Nepal, Sri Lanka e Bangladesh.

“A diplomacia é feita disso também, relações de confiança com países. Isso interfere nos cálculos da China, sem dúvida, entre atender um país que é hostil e um país que é amigo, não é difícil imaginar para quem vai ser dada a preferência e sobretudo porque a oferta é menor do que a demanda. Isso leva necessariamente a um processo de escolha”, ressalta Menezes.

Fonte: R7
Continuar lendo A PANDEMIA E A CORRIDA PELA VACINA CONTA O CORONAVIRUS AJUDARAM A CONSOLIDAR A IMPORTÂNCIA DO BRICS

SEGUNDO ESPECIALISTAS, POSSIVELMENTE FUNCIONÁRIOS DE ALTO ESCALÃO DO GOVERNO RUSSO ESTEJAM ENVOLVIDOS NO CASO DE ENVENENAMENTO DO LÍDER DA OPOSIÇÃO NAVALNY

ONU vê indícios de Navalny ter sido envenenado pelo governo russo

Especialistas que investigam o caso há 4 meses e identificaram um produto químico desenvolvido pela União Soviética

INTERNACIONAL

 Da EFE

Líder da oposição russa Alexei Navalny
EFE/EPA/YURI KOCHETKOV

Especialistas das Nações Unidas que investigaram durante quatro meses o envenenamento do líder da oposição russa Alexei Navalny indicaram que as provas encontradas apontam para um “provável envolvimento” de funcionários do governo russo, presumivelmente do alto escalão, nesse caso ocorrido em agosto do ano passado.

Em uma carta oficial enviada às autoridades russas no mês de dezembro, cujos detalhes foram divulgados nesta segunda-feira (1°) que a cláusula de confidencialidade de dois meses expirou, as duas investigadoras da ONU, Agnès Callamard e Irene Khan, disseram que o veneno usado, Novichok, é uma dessas provas.

“O conhecimento necessário para manuseá-lo e desenvolver novas formas de Novichok, como a encontrada nas amostras retiradas de Navalny, só pode ser encontrado em agentes do Estado”, observam os relatores em sua carta.

“É um produto desenvolvido pela União Soviética e só a Rússia é conhecida pela sua fabricação, desenvolvimento e utilização”, detalhou Callamard, especializado em execuções extrajudiciais ou arbitrárias, durante entrevista coletiva organizada hoje para explicar os resultados das investigações.

“Navalny foi atacado por ser quem ele é: um político, um ativista anticorrupção e um crítico do governo que denunciou repetidamente as práticas corruptas de altos funcionários russos”, acrescentou Irene Khan.

O ataque ocorreu “para gerar medo e enviar um aviso de que isso poderia acontecer a qualquer pessoa que atacar o governo”, aponta Khan, enquanto Callamard lamentou que as autoridades russas, longe de responder aos pedidos de investigação, estão tentando atacar a credibilidade da vítima.

“Dada a resposta deficiente das autoridades nacionais, o uso de armas químicas e o padrão aparente de assassinatos seletivos, acreditamos que uma investigação internacional deva ser realizada com urgência”, afirmaram as representantes da ONU, ressaltando que essas investigações são fundamentais, considerando que Navalny na prisão.

Outra evidência que, segundo as especialistas, indica que a Rússia pode estar envolvida no ataque ao líder da oposição é o fato dele ter ficado sob vigilância estatal quando foi envenenado, “portanto, é improvável que terceiros tenham administrado o produto químico proibido sem o conhecimento das autoridades”.

Mesmo no “caso improvável” do ataque não ser obra das autoridades, Callamard e Khan asseguraram que o governo de Vladimir Putin “teria falhado em sua obrigação de proteger Navalny”, que já havia sido ameaçado em ocasiões anteriores e sujeito a pelo menos duas outras tentativas de envenenamento.

O governo russo “não pode escapar de suas obrigações de direitos humanos negando sua responsabilidade no caso”, disseram depois de reiterar que Navalny deve ser libertado.

Elas também disseram que o uso do Novichok viola a convenção internacional contra uso de armas químicas e as leis de direitos humanos contra execuções arbitrárias e tortura ou tratamento desumano de detidos.

O envenenamento de Navalny – resumiram – “faz parte de uma prática observada durante décadas de assassinatos ou tentativas de assassinato contra cidadãos russos e críticos ao governo dentro ou fora do país”, um comportamento que em sua opinião “requer uma resposta da comunidade internacional”.

Fonte: R7
Continuar lendo SEGUNDO ESPECIALISTAS, POSSIVELMENTE FUNCIONÁRIOS DE ALTO ESCALÃO DO GOVERNO RUSSO ESTEJAM ENVOLVIDOS NO CASO DE ENVENENAMENTO DO LÍDER DA OPOSIÇÃO NAVALNY

OPINIÃO: O VÍRUS INVISÍVEL TORNOU VISÍVEL NOSSA FALTA DE HUMANIDADE

Foto: Leopoldo Silva/Agência SenadoFoto: Leopoldo Silva/Agência Senado

Publicado ontem nesse jornal o artigo: “a doença é coletiva… o vírus invisível tornou visível a nossa falta de humanidade”, solicitei aos leitores que quisessem contribuir apontando caminhos de como melhorar a nossa humanidade, independente dos governos. Nós, como povo, o que podemos fazer?

Eis algumas respostas:

“Sim, a doença é coletiva e com tudo que vemos, em termos de corrupção, mentiras e promiscuidade, isso em todas as áreas que deveriam dar bom exemplo (políticos, universidades, religiões, mídia, artistas etc.), estamos vivenciando a ‘Sodoma e Gomorra’ do século 21. Parece-me que a cura é um asteroide de enxofre sobre o planeta para destruir tudo. E olha que não sou religiosa e nem catastrófica, acreditem.”

“Texto perfeito! Pra quem pensa que a autora estava usando ironia, sinto muito, não é!!! É a verdade nua e crua…Todos somos culpados, uns mais do que outros!”

“Podemos começar assumindo que esse vírus chinês não é tão letal como querem fazer crer. Se fosse teríamos um número muito maior de vítimas fatais, e não teríamos um número tão grande de curados nem, tampouco, pacientes assintomáticos. Podemos continuar lembrando de outras pandemias anteriores, onde, ao invés de aterrorizar e desinformar a população, foram tomadas as medidas apropriadas como isolar os doentes, preservando os sãos, e buscando tratamentos precoces. Também seria uma boa medida abandonar o pânico e não colaborar com os ditadores que querem vizinhos denunciando vizinhos, que ficam buscando motivos políticos para usar o medo de morrer, incutido e amplificado nas mentes mais suscetíveis, para atingir seus objetivos de poder. Também seria ótimo abandonar a ilusão de que vacinas experimentais irão encerrar essa crise, e não ficar acusando o próximo de negacionista porque não concorda em ser cobaia. São algumas sugestões.”

“Observem que o texto tem o viés analítico do comportamento humano frente ao caos, pois independente de culpa do vírus ‘Ching Ling’, a história mostra que a solidariedade e união do ser humano são cruciais para vencer qualquer crise humanitária, porém a politização e o uso inescrupuloso da Pandemia pelos algozes do povo, tem feito o fator humanidade desaparecer! É possível ser humano, ser solidário e denunciar os ferrenhos corruptos do poder! Uma coisa não anula a outra…”

“Todo poder emana do povo, mas precisa haver União de pensamento em saber enxergar a realidade e manifestações pacíficas. O dia que conseguirmos alcançar esse patamar as coisas vão mudar. A mudança tem que partir da mente e do coração do povo. Vamos esperar por um milagre E acreditem: Eles acontecem!”

Traduzido nas palavras dos leitores, concordo com todos os pensamentos aqui colocados. Entretanto, alguns talvez não tenham entendido o que quero dizer com falta de humanidade. Motivo pelo qual faço as minhas considerações pontuais.

Em tempos de caos e crise, é comum que se busque algum culpado. Mas, é loucura culpar um único homem, acusar de genocida e ser responsabilizado pelas milhares de mortes.

A pandemia foi politizada e historicamente ilustrada pelo pensamento do líder de oposição que exaltou a natureza por ter criado o coronavírus e assim dar uma força para derrubar o presidente.

O projeto de “tomar o poder” ganhou força e já conta com alianças nunca imaginadas. São mais de quatro anos de desgaste e polarização.

Desde a campanha das eleições presidenciais, a população enveredou-se na selva das mídias sociais e passou a usar as palavras como armas para ferir uns aos outros. Desde então nos categorizamos como sendo de direita ou de esquerda. Hoje sem exagero, a sua orientação política conta mais do que a sua orientação sexual e quase sempre com critérios discriminatórios.

A política na filosofia, “é a ciência que tem por objetivo a felicidade humana e divide-se em ética (que se preocupa com a felicidade individual do homem na pólis) e na política propriamente dita (que se preocupa com a felicidade coletiva da pólis).”

Apontei no meu artigo anterior, que maior doença do momento está no campo da ética individual e coletiva. A crise é VERTICAL, vem de cima, não há harmonia entre os poderes. O poder executivo, eleito pelo povo, sofre diuturnamente com os ataques vindos de parte do Legislativo e do Judiciário. E este, conta com as redes de televisão e mídias esquerdistas, para criar uma narrativa de que estão do lado do bem e da democracia. A direita que ocupa o poder legítimo é humilhada e escorraçada todos os dias. A prisão de apoiadores do presidente virou prática comum. O inquérito das fakes News é a maior das aberrações.

A forma como a população vem sendo tratada por ordens de prefeitos e governadores, é de um autoritarismo Hitleriano. Ontem foi um vendedor ambulante que foi preso com sopapos e violência; hoje um homem foi espancado por estar na rua após o toque de recolher. Sabem o que é mais assustador? Eles descobrem, não sei como, que o “infrator” é de direita. Há uma tese em curso, que é preciso “educar” com severidade os apoiadores do presidente.

Como veem, não dá para separar a política da pandemia…

Diante do exposto, fica evidente que a desinformação, a insegurança e o medo têm provocado negacionismo de alguns indivíduos, que não acreditam em tratamento preventivo e no precoce, e muitos morrem à míngua. E há as pessoas que rejeitam o uso de máscara, e se recusam a obedecer aos tiranos que nos querem reféns. Mas, a doença é real. Tem gente morrendo próximo a nós. Podemos fazer um esforço em aceitar os protocolos. Não como uma obediência cega. Trata-se da obediência que vem do entendimento de que ao nosso redor, tem gente “morrendo” de medo, que fica mais segura quando você coloca a máscara de proteção. Por respeito, por cuidado, por caridade, por amor ao próximo, devemos acatar as regras de higiene e convivência. Assim, damos uma utilidade nobre para esse acessório.

Quando digo que o Brasil fracassa no quesito humanidade, quero dizer que não é mais possível suportar as incertezas de mais um ano de pandemia, sem clamar por um pouco de paz nas redes.

A direita vem recebendo censura nas redes sociais, e ganhando rótulos diversos. Contudo, sabemos que o verdadeiro motivo é restringir o alcance dos conservadores nas mídias diversas. Afinal, o nosso presidente foi eleito por essa via. E 2022 está chegando.

Mais um motivo para os apoiadores do presidente colaborarem em relação à pandemia. Ele será julgado pelo voto. E tem crescido o número de pessoas (inclusive de direita), que não aprovam a forma como ele trata a pandemia. Apesar de ter direcionado bilhões para esse fim. Não estão interessados nos desvios do dinheiro e nem em punir os verdadeiros genocidas. Nunca o motivo foi salvar vidas.

Estamos vivendo um momento de muito desgaste nas relações humanas. O nível de desesperança e a sensação de impotência é o sentimento predominante. A saúde mental foi abalada desde o inicio da pandemia. Mas, agora está posta como quarta onda, o que deve significar que devamos dar atenção ao aumento preocupante dos transtornos psicológicos e psiquiátricos. Ninguém está imune, pois, essa é a primeira vez que profissionais da saúde e pacientes passam pela experiência de compartilhar os mesmos medos e ansiedades. O transtorno do estresse pós traumático, a depressão, síndrome do pânico e outros. Nunca como agora precisamos tanto uns dos outros. A falta intimidade física e psicológica, aliada a falta de perspectiva de futuro traz consequências devastadora para a vida das pessoas, em especial, as crianças e jovens. A pessoa humana tem instintos gregário, ou seja, tem necessidade de estarem umas com as outras, de

fazer laços afetivos, e dessa ligação nasce o amor e a solidariedade.

“A humanidade não se divide em heróis e tiranos. As suas paixões, boas e más, foram-lhe dadas pela sociedade, não pela natureza.” Charles Chaplin, (1923).

Que tal testar positivo para humanidade?

Fonte: Jornal da Cidade Online

Continuar lendo OPINIÃO: O VÍRUS INVISÍVEL TORNOU VISÍVEL NOSSA FALTA DE HUMANIDADE

UTILIDADE PÚBLICA: COMEÇOU NESTA SEGUNDA FEIRA A ENTREGA DE DECLARAÇÃO DO IMPOSTO DE RENDA 2021 E VAI ATÉ DIA 30 DE ABRIL

IR 2021: Começa nesta segunda a entrega do Imposto de Renda; veja quem precisa declarar

 DIVERSOS

Imposto de Renda 2021: envio da declaração começa nesta segunda-feira; veja perguntas e respostas - Imposto de Renda - Extra Online

Começa nesta segunda-feira (1º), a partir das 8h, a entrega da declaração do Imposto de Renda 2021. O prazo vai até 23h59 do dia 30 de abril (horário de Brasília).

As empresas tinham até sexta-feira (26) para entregar os comprovantes de rendimentos. Desde 2019, é obrigatório que o CPF de todos os dependentes seja informado, inclusive de recém-nascidos.

Quem é obrigado a declarar

Como não houve reajuste na tabela, os valores continuam os mesmos do ano passado. Ou seja, a declaração do IR é obrigatória para aqueles cuja renda tributável, que inclui salário, bônus empresariais e aluguéis, em 2020 foi superior a R$ 28.559,70.

Também são obrigados a declarar IR aqueles que:

Tiveram renda anual bruta superior a R$ 142.798,50 em atividade rural;

Receberam rendimentos isentos, não tributáveis ou tributados exclusivamente na fonte (como indenizações trabalhistas, rendimento da caderneta de poupança ou doações) um total anual superior a R$ 40 mil;

Pretenda compensar prejuízos de anos-calendários posteriores a 2020;

Obtiveram, em qualquer mês do ano, ganho de capital na alienação de bens ou direitos, sujeitos à incidência do imposto (como, por exemplo, a venda de um imóvel);

Realizaram investimentos financeiros tributáveis, como operações em bolsas de valores, de mercadorias, de futuros e assemelhadas;

Tiveram, em 31 de dezembro de 2020, a posse ou a propriedade de bens ou direitos, inclusive terra nua, de valor total superior a R$ 300 mil;

Passaram à condição de residentes no Brasil em qualquer mês e se encontravam nessa condição em 31 de dezembro de 2020.

Qualquer pessoa que não se enquadre nos requisitos acima está desobrigada a declarar o Imposto de Renda. Ainda assim, o contribuinte pode enviar seus documentos à Receita caso julgue que teve algum tipo de retenção de imposto durante o ano. Valores retidos no pagamento de férias, por exemplo, podem ser integralmente restituídos em certos casos.

Não devem enviar o Imposto de Renda pessoas que constam como dependentes em outra declaração.

Aposentados por invalidez ou por portar doenças graves (como Aids, esclerose múltipla e outras patologias listadas pela Receita Federal) são isentos de imposto sobre rendimentos relativos a aposentadorias e pensões. No entanto, devem declarar normalmente o IR caso possuam outros rendimentos.

Declaração pré-preenchida

Uma novidade este ano é a declaração pré-preenchida. Nela, já estarão preenchidas para o contribuinte informações prestadas anteriormente à Receita por outras fontes.

As informações resgatadas são da declaração do Imposto sobre a Renda Retido na Fonte (DIRF), da declaração de Informações sobre atividades Imobiliárias (DIMOB); e da declaração de Serviços Médicos (DMED).

Nessa opção, o cidadão deverá apenas verificar as informações e, se necessário, corrigir eventuais distorções e/ou complementar.

Limites para deduções

Mantendo a mesma regra de anos anteriores, as despesas por dependentes, com educação e com saúde poderão ser deduzidas do valor total de imposto a pagar ou aumentar a restituição a ser recebidas.

Por dependente, o desconto é de R$ 2.275,08, sem limite de dependentes.

Nos gastos com educação, a redução pode ser de até R$ 3.561,50 por pessoa, sendo válidas tanto para o contribuinte, como para dependentes e/ou alimentandos.

Não há limite máximo para a dedução com despesas de saúde. No entanto, elas precisam ser comprovadas com notas fiscais.

Cinco lotes de restituição

Assim como no ano passado, serão pagos cinco lotes de restituições, nas seguintes datas:

31 de maio

30 de junho

30 de julho

31 de agosto

30 de setembro

Aqueles contribuintes com direito à restituição e que enviarem a declaração no início do prazo, sem erros, omissões ou inconsistências, devem receber as restituições mais cedo. Têm prioridade idosos, portadores de doença grave e deficientes físicos ou mentais.

Fonte: Blog do BG

Continuar lendo UTILIDADE PÚBLICA: COMEÇOU NESTA SEGUNDA FEIRA A ENTREGA DE DECLARAÇÃO DO IMPOSTO DE RENDA 2021 E VAI ATÉ DIA 30 DE ABRIL

Fim do conteúdo

Não há mais páginas para carregar

Fechar Menu
×

Carrinho