AUTOCONHECIMENTO: RESPEITE AS LEIS UNIVERSAIS E TENHA O UNIVERSO A SEU FAVOR

Respeitar as Leis Universais é o primeiro passo consciencial que todo e qualquer ser humano precisa dar para parar de patinar no seu caminhar evolutivo. Quando tomamos consciência que ir contra os princípios das Leis Universais é pura perda de tempo e que o contrário faz o universo conspirar a nosso favor começamos a evoluir a passos largos e na direção da vida plena. Lendo o texto a seguir você vai entender melhor como funciona esse mecanismo universal.  

As Leis Universais

Mensagem de 11 de Outubro de 2021  

As Leis Universais trabalham de fato com os princípios criativos naturais, onde tudo existe e flui em coerência harmônica, como UM. Todas as formas partem e são partículas da Fonte Divina Única, portanto, a Divindade existe em Tudo. Não há necessidade de forçar nada. Tudo flui, tudo é criado e se recria numa bela sincronicidade, equilíbrio e harmonia. Amor.

Lembrem-se disto.

Quando tudo flui em harmonia, há paz. Paz interna. Equilíbrio. A sua própria alma sempre irá lhe avisar, através de seus próprios poderes intuitivos e seus próprios sentimentos, quando algo não for certo para você e quando algo estiver fora da Lei Universal e portanto, não é para o seu bem maior.

Escute-a.

Não permita a ninguém substituir o seu próprio saber intuitivo, não importa quem eles sejam. Se você SENTE que algo é errado, isso não serve para você. O instinto de rebanho é o da ovelha que segue cegamente.

Aqueles que estão conscientes e despertos e em sintonia com as Leis Divinas e com a Divindade dentro de si mesmos e com o seu saber intuitivo e orientação, possuem a habilidade de se libertar e permanecer na totalidade de sua própria Luz e assim, caminharem sozinhos se for necessário e serem verdadeiros para consigo mesmos.

De fato, eles nunca estão sozinhos, pois a Unidade interna, União, Paz e Harmonia do Divino e do Todo Universal vive dentro deles. A sua alma é uma Fagulha Divina e portanto, você é parte e partícula da Fonte Divina que o criou.

O maior presente que você pode dar a si mesmo, é a liberdade total de ser UM.

Um com Tudo o Que É.

Divindade.
Integridade.
Equilíbrio interno, amor e paz.
Viver a sua verdade.
Saber quem você é em verdade.
Saber o que você é em verdade.
Saber como servir em verdade.

EU SOU O QUE SOU

Judith Kusel — Fonte: https://www.judithkusel.com/
Roseli Giusti Zahm e Marco Iorio Júnior — Tradutora e Editor exclusivos do Trabalhadores da Luz

Fonte: Trabalhadores da Luz

Continuar lendo AUTOCONHECIMENTO: RESPEITE AS LEIS UNIVERSAIS E TENHA O UNIVERSO A SEU FAVOR

AUTOCONHECIMENTO: AMOR INCONDICIONAL ÉO TERMO CORRETO PARA O ATUAL MOMENTO

A lição que o texto a seguir nos trás, aqui na coluna AUTOCONHECIMENTO deste sábado é o controle mental para nos centrarmos em vibrar na frequência da gratidão. Não há outra saída para apaziguarmos esse momento tão tumultuado em que estamos vivendo. Se não cultivarmos o amor incondicional a evolução da humanidade estará comprometida. Por isso convido você a ler o texto completo a seguir, refletir e fazer o seu juízo de valor!

O momento pede que vibremos amor incondicional!

Página de livro fazendo um coração
Kieferpix / Getty Images Pro / Canva

Estamos passando por um período muito complicado para toda a humanidade. Há tantas coisas acontecendo ao mesmo tempo, que ficamos perdidos sobre o que fazer para auxiliar o planeta nessa jornada de transformação.

Mas a nossa missão agora é simples, porque apenas o ato de elevar as nossas vibrações e emanar essas energias elevadas para todo o mundo já é um ato maravilhoso e transformado

Vibrar o amor incondicional é sobre emanar essa pura energia para todos, sem distinção, visualizando que até mesmo as pessoas vistas como “más” sejam envolvidas nessa energia curativa.

Para fazer isso, comece por si, perdoe o seu passado, acolha suas dores, ame incondicionalmente o ser maravilhoso que habita em ti. Gradativamente vá expandindo esse perdão, acolhimento e amor para seus familiares, amigos, pessoas que você conheceu ao longo da vida, depois para desconhecidos, para as cidades, Estados e assim em diante até alcançar o mundo todo!

Casal fazendo um coração com as mãos

Stokpic / Pexels / Canva

Além de emanar amor, caso sinta no coração, em tudo que fizer aja com amor incondicional. Ajude pessoas que estejam precisando de auxílio da forma que você puder.

Emanar amor é também sobre agir. Emanar amor é sobre praticar a escuta ativa, auxiliar pessoas que estejam impossibilitadas de fazer uma série de coisas para manter-se nessa fase desafiadora. Também tem a ver com proferir palavras acolhedoras e tudo aquilo o que pulsar em seu coração para alcançar corações aflitos.

Estamos todos aqui para evoluir. Quanto maior for o nosso senso de união e harmonia entre todos os seres, mais elevada será a nossa evolução aqui neste plano.

Vamos juntos nessa missão de cobrir o mundo com amor incondicional?

Carla Marçal
Escrito por Carla Marçal
Continuar lendo AUTOCONHECIMENTO: AMOR INCONDICIONAL ÉO TERMO CORRETO PARA O ATUAL MOMENTO

CLIPES NACIONAIS: JOSÉ AUGUSTO- SÁBADO

Na coluna clipes nacionais deste sábado nada mais sugestivo do que SÁBADO COM JOSÉ AUGUSTO. Que, aos 8 anos começou a estudar piano, harmonia e solfejo no conservatório nacional de música do Rio de Janeiro. Logo depois ganha um piano de presente do pai para praticar em casa. Com 12 anos ganhou o primeiro violão, e aprende a tocar o básico. Aos 14 anos participou do festival de música de Santa Teresa quando recebeu o seu primeiro prêmio como melhor interprete do festival. Dos 14 aos 17, fez testes em quase todas as gravadoras do Brasil sendo reprovado em todas. A carreira do cantor e compositor começou em 1972, Augusto continuou lançando discos no Brasil e compondo para vários artistas.afastado do cenário musical, resolve se dedicar as composições até que em 2006 com a Música “Cuba” ele retorna com a sua turnê pelo exterior e decide morar em Miami até o final de 2007 quando retornou ao Brasil para gravar o CD-DVD “Agüenta coração” Ao vivo.

Fonte:

Continuar lendo CLIPES NACIONAIS: JOSÉ AUGUSTO- SÁBADO

AUTOCONHECIMENTO: A GRATIDÃO É A CHAVE QUE ABRE A PORTA PARA SUA LIBERDADE

Vibrar na gratidão é a chave para abrir a porta que te leva à liberdade, objetivo maior de todos os seres humanos no rela sentido da palavra. Aquela liberdade que Jesus Cristo tanto pregou: “Conhecereis a verdade e ela vos libertará”. Portanto lhe convido a ler o texto completo a seguir e entender como isso se processa no seu interior!

A chave que abre porta para tudo

Mensagem canalizada em 11 de Outubro de 2020 – Arcanjo Gabriel

Amado,

Quando você sente o amor de Deus, há um senso de paz e harmonia em seu interior. Este sentimento permite a você se afastar do drama em sua vida e deixar o amor de Deus fluir em cada situação. Quando o amor divino está fluindo livremente através de você, curas milagrosas ocorrem.

Há um lugar onde você sempre pode ir para sentir o amor de Deus e este é em seu coração. Gratidão é a atitude que irá levá-lo ao seu coração. Não importa se você não vê nada em sua vida pelo qual sentir gratidão, apenas o ato de colocar sua mão em seu coração e agradecer abre uma porta em seu coração para permitir que o amor de Deus entre.

Quando nada mais houver, você pode agradecer simplesmente por estar vivo. É uma dádiva estar num corpo humano, que é um instrumento milagroso. Você pode agradecer por seu coração bater, pela sua respiração e processos digestivos continuarem sem sua direção consciente.

Se sua vida parece uma constante luta, você pode agradecer pelas lições que está aprendendo. Do outro lado da luta está a liberdade. Você pode agradecer antecipadamente por tal liberdade.

A oração altera nossa perspectiva, assim podemos ver um quadro maior do que está acontecendo em nossas vidas. Orações de agradecimento são muito poderosas e estimulam um crescente fluxo da energia de Deus em cada situação. Esta energia pode criar mudanças milagrosas para sempre. Pode requerer um certo esforço encontrar algo para se sentir agradecido quando você está desanimado, mas quando você fizer, isso vai criar uma bela mudança em sua mente. Esta mudança é a porta para uma nova consciência da verdade maior em sua vida.

A verdade maior é que você nunca está sozinho e de que está aqui na Terra para lembrar de sua conexão com a Presença Divina em sua vida. Você foi feito para viver uma vida feliz, abundante, com profunda realização. Para fazer isto, é necessário sair dos problemas que a vida apresenta e entrar no fluxo do amor de Deus, que irá trazer soluções criativas. É como se você passasse por uma porta direto para a ação correta, confiança e consciência amorosa.

Gratidão é a chave que abre a porta para tudo o que você procura – uma coisa simples que traz milagres em sua vida. Lembre-se da mensagem de hoje do Arcanjo Gabriel:

Gratidão abre a porta para sentir o amor de Deus.

Continuar lendo AUTOCONHECIMENTO: A GRATIDÃO É A CHAVE QUE ABRE A PORTA PARA SUA LIBERDADE

REFLEXÃO: A HARMONIA É UM CONTATO PROFUNDO COM A EXPERIÊNCIA

Nesta segunda-feira a nossa REFLEXÃO é sobre os delicados e sutis fios da HARMONIA. Uma sensação gostosa de estar no lugar certo, na hora adequada. Ela está em nós, em tudo e em todos. Só precisamos observar tudo o que já conhecemos por outra perspectiva. Então lhe convido a refletir sobre isso e fazer o seu juízo de valor!

Harmonia

 em 

harmonia-marla

Nunca se fez tão necessário mantermos o equilíbrio e a harmonia quanto agora. Estamos vivendo um momento conturbado, e precisamos estar atentos para não deixarmos de perceber as belezas de tudo o que existe. Se por acaso você não estiver conseguindo perceber, talvez seja interessante olhar para o mesmo de outro ângulo. É como subir na mesa de sua sala e observar tudo o que você já conhece, só que de outra perspectiva. Ou então se deitar no chão e olhar para cima e para os lados. Sempre haverá um novo ângulo. A harmonia está em nós, em tudo e em todos. Basta nos conectarmos com olhar de boa vontade. O lindo texto de  Marla de Queiroz nos convida a refletir.

“São delicados e sutis os fios da harmonia.  Ao contrário da alegria, do entusiasmo, ela é uma das sensações mais discretas. Sua voz é quase imperceptível, feito outra qualidade de silêncio. Ela não é uma gargalhada, é aquele sorriso por dentro, uma sensação gostosa de estar no lugar certo, na hora adequada. Feito um arco-íris depois da tempestade, sua beleza é adornada pelo equilíbrio dentro do derramamento. É um adestramento dos fantasmas internos. A possibilidade de aprimorar os pensamentos. É quase como não pensar.

Simplesmente, sentimos uma ligação profunda com tudo, um denso bem-estar. Como se tivéssemos uma secreta intimidade com o mundo, certa cumplicidade com o tempo. É como se observássemos descompromissados, ela é uma descontração. Como se o coração batesse pelo corpo todo, mas sem extremada euforia. Uma tranquilidade dilatada no peito, o olhar satisfeito, a mente entendendo que já nem precisa entender o que é prosa ou poesia. E o mundo inteiro cabendo num abraço. E uma firmeza na carícia, a maturidade que perdeu o cansaço, uma confiança que preenche a existência.

A harmonia é um contato profundo com a experiência. E o tempo do dia não é mais composto por esperas, ele é vivido. E já não se fala, palavras passeiam pela boca. E já não se escreve, as frases coreografam as paisagens. E já não se ama, o amor vigora em nós.

A harmonia tem fios muito delicados e sua trama faz a ligação mais suave entre todas as urgências já sentidas. E o chão do sonho é macio, e tudo parece estar alinhavado, numa ligação sem sufocamentos. E a poesia não deseja mais ser nada, vira o afago de um momento. E nas letras a textura de um veludo, como se ao correr pela página, os olhos pudessem ser acariciados. E você tem todas as coisas sem precisar tomar posse delas. Você ama o amor, não o delírio de estar apaixonado.

Sinto a harmonia como uma espécie de fascínio pela vida. É quase uma perda de outros apetites, porque se está tão nutrido pela própria companhia. E a gente tem aquela vontade súbita de andar pela noite: não apenas para olhar as estrelas, mas também para por elas sermos vistos. Harmonia é como se fôssemos inundados pelo mar onde antes só havia um precipício.”

Luz e Paz!

Fonte: Sabedoria Universal

Continuar lendo REFLEXÃO: A HARMONIA É UM CONTATO PROFUNDO COM A EXPERIÊNCIA

REFLEXÃO: A HARMONIA É O CONTATO PROFUNDO COM A EXPERIÊNCIA

Nesta terça-feira temos um verdadeiro compêndio sobre a ‘Harmonia’ na coluna REFLEXÃO. O belíssimo e profundo texto a seguir, publicado pela maravilhosa Beth Michepud é de autoria de Marla de Queiroz. Então lhe convido a ler o texto completo, refletir sobre esse contato profundo com a experiência!

Harmonia

 em 

harmonia-marla

Nunca se fez tão necessário mantermos o equilíbrio e a harmonia quanto agora. Estamos vivendo um momento conturbado, e precisamos estar atentos para não deixarmos de perceber as belezas de tudo o que existe. Se por acaso você não estiver conseguindo perceber, talvez seja interessante olhar para o mesmo de outro ângulo. É como subir na mesa de sua sala e observar tudo o que você já conhece, só que de outra perspectiva. Ou então se deitar no chão e olhar para cima e para os lados. Sempre haverá um novo ângulo. A harmonia está em nós, em tudo e em todos. Basta nos conectarmos com olhar de boa vontade. O lindo texto de  Marla de Queiroz nos convida a refletir.

“São delicados e sutis os fios da harmonia.  Ao contrário da alegria, do entusiasmo, ela é uma das sensações mais discretas. Sua voz é quase imperceptível, feito outra qualidade de silêncio. Ela não é uma gargalhada, é aquele sorriso por dentro, uma sensação gostosa de estar no lugar certo, na hora adequada. Feito um arco-íris depois da tempestade, sua beleza é adornada pelo equilíbrio dentro do derramamento. É um adestramento dos fantasmas internos. A possibilidade de aprimorar os pensamentos. É quase como não pensar.

Simplesmente, sentimos uma ligação profunda com tudo, um denso bem-estar. Como se tivéssemos uma secreta intimidade com o mundo, certa cumplicidade com o tempo. É como se observássemos descompromissados, ela é uma descontração. Como se o coração batesse pelo corpo todo, mas sem extremada euforia. Uma tranquilidade dilatada no peito, o olhar satisfeito, a mente entendendo que já nem precisa entender o que é prosa ou poesia. E o mundo inteiro cabendo num abraço. E uma firmeza na carícia, a maturidade que perdeu o cansaço, uma confiança que preenche a existência.

A harmonia é um contato profundo com a experiência. E o tempo do dia não é mais composto por esperas, ele é vivido. E já não se fala, palavras passeiam pela boca. E já não se escreve, as frases coreografam as paisagens. E já não se ama, o amor vigora em nós.

A harmonia tem fios muito delicados e sua trama faz a ligação mais suave entre todas as urgências já sentidas. E o chão do sonho é macio, e tudo parece estar alinhavado, numa ligação sem sufocamentos. E a poesia não deseja mais ser nada, vira o afago de um momento. E nas letras a textura de um veludo, como se ao correr pela página, os olhos pudessem ser acariciados. E você tem todas as coisas sem precisar tomar posse delas. Você ama o amor, não o delírio de estar apaixonado.

Sinto a harmonia como uma espécie de fascínio pela vida. É quase uma perda de outros apetites, porque se está tão nutrido pela própria companhia. E a gente tem aquela vontade súbita de andar pela noite: não apenas para olhar as estrelas, mas também para por elas sermos vistos. Harmonia é como se fôssemos inundados pelo mar onde antes só havia um precipício.”

Luz e Paz!

Fonte: Sabedoria Universal

Continuar lendo REFLEXÃO: A HARMONIA É O CONTATO PROFUNDO COM A EXPERIÊNCIA

LIVES: ENCONTRO DE FENÔMENOS COM PARANGOLÉ, HARMONIA E LÉO SANTANA

No LIVES desta sexta-feira temos um mega e estrondoso ENCONTRO DE FENÔMENOS reunindo Parangolé, Harmonia e Léo Santana, no Fique em Casa e Cante Comigo, pra você iniciar o fim de semana com muita animação. Portanto curta, dance, cante e se divirta a valer!

Fonte:

Continuar lendo LIVES: ENCONTRO DE FENÔMENOS COM PARANGOLÉ, HARMONIA E LÉO SANTANA

FILOSOFIA: COMO OBTER A TRANQUILIDADE EM MEIO AO CAOS SOB O PRISMA DO ESTOICISMO

O destaque da nossa coluna FILOSOFIA desta terça-feira é, mais uma vez, o ESTOICISMO. No texto a seguir você vai aprender o passo a passo para alcançar a tranquilidade em meio ao caos através do manual de sobrevivência da filosofia estoica. Mergulhe nessa poço de sabedoria e expanda sua consciência!

O manual de sobrevivência da filosofia estoica: a tranquilidade em meio ao caos em 4 passos

Imagem panorâmica de pedras empilhadas , ao lado de uma flor branca, em um lago, representando a harmonia e tranquilidade.

Estudar todos aqueles livros enormes de difícil leitura e interpretação pode ser cansativo e entediante para alguns, mas solucionar problemas contemporâneos sem a ajuda da filosofia, é como querer escapar de um labirinto onde todas as paredes mudam continuamente.“A filosofia nos ensina a agir, não a falar”. Sêneca

escola estoica foi fundada no século III a.C em Atenas pelo grego Zenão de Cítio. A ideia principal do estoicismo é basicamente a sabedoria do bom viver e/ou conviver. Mesmo firmada há centenas de anos, os pensadores estoicos nos deixaram uma herança enorme de conteúdo. Nós, gerações nascidas no ventre das metrópoles, dos vícios e das doenças modernas, podemos encontrar nesta filosofia um manual de sobrevivência para seguir os anos caóticos do século XXI com mais sabedoria e tranquilidade.

Citarei aqui o estoico Sêneca, que foi ministro de Nero, Marco Aurélio, um grande líder e imperador romano, e Epicteto, um escravo aleijado. Estes são os três protagonistas que tiveram vidas completamente diferentes, mas com apenas uma filosofia: o bom uso da racionalidade para encontrar o cerne da felicidade. Os principais conceitos dos pensadores serão compilados e divididos em 4 passos para que você consiga digeri-los com mais facilidade:

ENTENDENDO A NATUREZA E A HARMONIA

natureza em harmonia

O estudo da filosofia para os estoicos é, sobretudo, eliminar as angústias a partir da autorresponsabilidade. Mas, antes de chegarmos a este núcleo, voltemos ao princípio de tudo: a natureza. Contemplar o Universo e todas as partículas milagrosas que regem o mesmo, é reconhecer nossa pequenez e miserabilidade. Cafona, né? Mas pensemos melhor: enquanto não entendermos que há um mundo de infinidades, onde há mutações diversas das quais somos incapazes de ter controle, não entenderemos o básico. Este seria o pensamento macro de onde se extrai o micro: concentre sua mente no que você pode controlar e esqueça todos aqueles problemas sem soluções que te atordoam. Se o tempo é vida que escoe, é preciso encontrar o equilíbrio entre dois vícios: não nos entregar às emoções destrutivas, mas também não fazer da mente um corpo inerte. Veja bem, a natureza nunca foi inerte. Se fazemos parte dela, temos que aceitar o movimento, seguir o fluxo harmonicamente e entender o propósito da vida humana que é, basicamente, exercer nossas virtudes.

“O universo é transformação, a vida é opinião”. Marco Aurélio

QUAL É O NOSSO PAPEL?

Se somos parte da natureza, qual é o nosso propósito como espécie? Cada ser vivo tem o seu papel, assim como o da planta é o de fazer a fotossíntese, o do ser humano é o de desempenhar seus valores. Não há como negar que o que nos move é a convivência social, o dar e receber, a caridade genuína; são essas as virtudes que trazem a verdadeira paz de espírito e sensação de pertencimento. Mas, a partir do momento em que a sociedade começou a dar prioridade para as coisas e não pessoas, começamos também a nos transformar em objetos, e os valores foram se perdendo pela troca de interesses.

ajudar o próximo

“Fazer o bem aos outros é parte da natureza humana, assim como correr para os cavalos, fazer mel para as abelhas ou produzir uvas para as videiras”. Marco Aurélio

Como faço para exercer meus valores em um mundo de guerras, de fome e de corrupção se não devo dar importância para aquilo que não está sob o meu controle? Um exemplo didático e clichê que muito ouvimos é: “não podemos, individualmente, acabar com a fome no mundo, mas podemos minimizá-la fazendo a nossa parte”.

E como podemos nos sentir membros desse Universo que preza a perfeita harmonia se não estamos em harmonia com a nossa própria essência? No filme ‘O Grande Ditador’, que retrata os avanços da segunda guerra mundial e a dureza dos governantes, Charles Chaplin revela como as virtudes foram tomadas pela ganância. Ele encerra a narrativa com o discurso: “Não se influencie por homens-máquina, com mentes de aço e corações de pedra. Não sois máquina! Não sois gado! Homens é que sois!”.

“Pois saiba que não é fácil manter a sua mente em harmonia com a natureza e ao mesmo tempo manter o controle das coisas externas. Se você dá atenção a uma, você necessariamente tem de negligenciar a outra.” Epicteto

RETIRE DOS OMBROS O PESO DAS EXPECTATIVAS E VENÇA A ANSIEDADE

Nos deparamos com pessoas que têm expectativas muito fantasiosas sobre a vida, e essa é uma das maiores causas da irracionalidade humana.

“Nós estamos, normalmente, mais assustados do que machucados; e sofremos mais na imaginação do que na realidade”. Sêneca

homem frustrado

Não crie expectativas! Veja, a maior razão de nossos sofrimentos é a esperança de que algo dará certo ou errado. Vivemos sempre em função do que ainda não aconteceu. A resposta do processo seletivo, a reciprocidade em um relacionamento e a aposentadoria que não sai. Entenda que todas essas questões também estão fora de nossa alçada como seres humanos. Nutrir expectativas é dar vida a uma das doenças mais comuns do mundo moderno: a ansiedade. Se vivermos apenas em função de tudo o que desejamos, perderemos o nosso presente e viveremos pelo futuro.

O indivíduo que vive em espera pode ser identificado por um dos seguintes perfis: aquele que é positivo, mas se torna um idealista inerte que se vê no centro do mundo; e aquele que enxerga tudo de forma negativa, se entregando à angústia e aos infortúnios da vida em uma crise existencial.

“A principal tarefa na vida é simplesmente esta: identificar e separar questões de modo que eu possa dizer claramente para mim mesmo quais são externas, fora do meu controle, e quais têm a ver com as escolhas sobre as quais eu, de fato, tenho controle”. Epicteto

NÃO PERMITA QUE O EXTERNO ABALE SEUS ALICERCES INTERNOS

Este é o tópico que julgo ser o centro de todo o pensamento.

Os estoicos falam muito sobre a paz de espírito e a consciência, falam também sobre a raiva e o rancor. Acreditam que o verdadeiro sábio é imune às causas externas, pois a sua paz de espírito é a sua fiel armadura, e tudo o que a ameaça é rejeitado. Isso também serve para ofensas, julgamentos e críticas sem embasamento. Algumas vezes, agimos como se tivéssemos assinado um termo onde autorizamos quem pode ou não nos ferir.

“Qualquer pessoa capaz de irritar você se torna seu mestre; ele só pode te irritar quando você se deixa perturbar por ele”. Epicteto

Jovem mulher abalada

Sêneca, complementa que: ‘’Não é sobre o que acontece com você, mas é como você reage que importa’’. Saiba que você é o único responsável pela sua evolução pessoal, e o que você alimenta dentro si é, de fato, quem tu és.

“A felicidade da sua vida depende da qualidade de seus pensamentos”. Marco Aurélio

O conceito de inteligência emocional dos estoicos é o mesmo que é estudado e disseminado hoje pelos maiores nomes da neurociência e da psicologia comportamental. Reconhecer as emoções e saber discerni-las para só depois reagir, te faz livre das tribulações que estão sempre cutucando e desejando a instabilidade emocional. É preciso eliminar nossos impulsos que são fruto da irracionalidade e dar lugar à lucidez da sabedoria, da ponderação, da prudência e da sensatez.

“Quando alguma coisa acontece a você; recorde sempre de voltar-se para dentro de si próprio e perguntar com qual faculdade você tem de lidar. Se você vê um belo rapaz ou uma bela garota, você irá descobrir que o autodomínio é a faculdade a ser usada. Se problemas lhe são colocados às costas, você irá encontrar a resignação e a perseverança; se observar a grosseria e obscenidade, você irá encontrar a paciência”. Epicteto

Mulher com inteligência emocional

Em algumas circunstâncias da vida, somos obrigados a conviver com pessoas que nos desagradam, seja no ambiente de trabalho ou até mesmo no núcleo familiar. Nestes casos, nem sempre a demissão e o desvinculo são escolhas viáveis. Por isso, Epicteto deixa claro que: “Se o seu irmão lhe causa problemas, tome o cuidado de manter a relação que você estabeleceu com ele e não considere o que ele faz, mas o que você deve fazer se o seu propósito é o de manter-se em harmonia com a natureza. Porque ninguém irá lhe causar mal sem o seu consentimento”.

O estoicismo defende, com fundamento, que nada tem o poder sobre a nossa paz e harmonia, senão nós mesmos. Se usufruirmos de nossas virtudes e esquecermos os vícios externos, seremos os verdadeiros autores da nossa jornada. A virtude, para eles, nada mais é que a racionalidade humana dividida em quatro valores: sabedoria, justiça, coragem e autodisciplina.

“Um bom caráter é a única garantia de eterna e despreocupada felicidade”. Sêneca

Os estoicos dizem que não é possível atingir a perfeição, mas o ideal é estar em constante processo de evolução e viver de acordo com o curso natural do Universo.

“Não questione se os eventos deveriam acontecer tal como você desejaria, mas deixe que sua vontade seja a de que os eventos devam acontecer tal como eles ocorrem, e você terá paz”. Epicteto

Fonte: Eu Sem Fronteiras

Continuar lendo FILOSOFIA: COMO OBTER A TRANQUILIDADE EM MEIO AO CAOS SOB O PRISMA DO ESTOICISMO

Fim do conteúdo

Não há mais páginas para carregar