PRIMEIRAS NOTÍCIAS DO DIA 29 DE MAIO DE 2020

Por G1

O IBGE divulga o PIB no 1º trimestre, com o desempenho da economia brasileira diante da pandemia do novo coronavírus. O podcast O Assunto discute o isolamento social e a reabertura econômica: afinal, qual é o momento para afrouxar as medidas de restrição? E afinal, a crise nos deixou mais solidários ou individualistas? Uma live do G1 discute as lições que ficarão na vida em sociedade. E veja também: a Caixa conclui hoje o pagamento da 1ª parcela da ajuda de R$ 600 para novos aprovados. E a Receita paga o 1º lote do Imposto de Renda.

PIB

As medidas de isolamento social e os impactos da pandemia de coronavírus na atividade econômica vão afetar a economia do Brasil? A resposta sai hoje, com a divulgação do resultado do Produto Interno Bruto (PIB) no 1º trimestre de 2020. O PIB é a soma de todos os bens e serviços produzidos no país e serve para medir a evolução da economia. Em 2019, segundo dados do Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE), o PIB cresceu 1,1%. Foi o desempenho mais fraco em três anos.

Já o Banco Central divulga pela manhã o resultado de abril e a parcial do ano das contas do setor público,que englobam o governo federal, estados, municípios e empresas estatais. Em março, foi registrado um déficit primário de R$ 23,655 bilhões.

Pandemia

Mortes por coronavírus no Brasil em 28 de maio — Foto: Reprodução / Ministério da Saúde

Mortes por coronavírus no Brasil em 28 de maio — Foto: Reprodução / Ministério da Saúde

Pelo 3º dia consecutivo, o Brasil registrou mais de mil mortes por coronavírus. O total chega a 26.754. Foram 1.156 registros nas últimas 24 horas. Em apenas um dia o país também registrou 26,4 mil novos casos de Covid-19, o maior aumento diário desde o início da pandemia.

O assunto

Qual é a hora de afrouxar o isolamento? A curva de casos de Covid-19 no Brasil segue em ascensão, mas várias capitais e estados começaram a relaxar as medidas de isolamento social. Neste episódio, Renata Lo Prete conversa com o jornalista Raphael Faraco, da afiliada da TV Globo em Santa Catarina, que recorda o que aconteceu por lá, onde a reabertura do comércio fez o número de casos triplicar em 3 semanas. Participa também o reitor da Universidade Federal de Pelotas, Pedro Hallal. Doutor em epidemiologia, ele responde, entre outras perguntas: quais os critérios para começar a afrouxar a quarentena? Existe no Brasil alguma região onde convém fazer isso agora? Ouça:

Live do G1

Agora é Assim? A nova comunidade — Foto: G1Agora é Assim? A nova comunidade

Toda sexta-feira, o G1 vai promover um debate sobre as expectativas e as perspectivas de como será nossa realidade pós-pandemia do coronavírus. Quais novos hábitos, novas estruturas de organização, novas relações com a comunidade e com o mundo digital, entre outros, vão perdurar num futuro que todos torcemos para que chegue em breve? O que ficará de aprendizado dessa intensa experiência vivida por todos em 2020? O que nos fará questionar: agora é assim?

Nesta sexta-feira, às 19h, a live com transmissão simultânea no G1, Facebook e Twitter vai tratar de como será a nossa relação em comunidade, como o individualismo e o coletivismo vão se impor ou conviver nesse novo tempo. A repórter Paula Paiva Paulo conversa com o escritor e palestrante Clóvis de Barros Filho e a arquiteta e líder comunitária do Jardim Colombo, em São Paulo, Ester Carro.

Mande sua pergunta sobre a vida na pandemia.

Ajuda de R$ 600

 — Foto: Marcos Santos / USP Imagens

A Caixa Econômica Federal (CEF) credita nesta sexta-feira os últimos lotes do Auxílio Emergencial tanto da primeira parcela, para novos aprovados, quanto da segunda, para beneficiários do Bolsa Família. Ao todo, o benefício será pago a 2,5 milhões de trabalhadores, segundo o banco. Veja quem recebe hoje:

Os trabalhadores podem consultar a situação do benefício pelo aplicativo do auxílio emergencial ou pelo site auxilio.caixa.gov.br.

Imposto de Renda

 — Foto: Arte G1

A Receita Federal paga hoje as restituições do primeiro lote do Imposto de Renda 2020. Neste lote, serão pagos R$ 2 bilhões a 901.077 contribuintes. As consultas podem ser feitas por meio da página da Receita na internet ou pelo telefone 146, ou ainda por um aplicativo para tablets e smartphones.

PIS-Pasep

 — Foto: Reprodução / TV Globo

Termina nesta sexta-feira o pagamento do abono salarial PIS-Pasep do calendário 2019-2020, ano-base 2018, para os trabalhadores da iniciativa privada e do serviço público. O PIS é pago na Caixa Econômica Federal, e o Pasep, por meio do Banco do Brasil.

Distúrbios nos EUA

Manifestante protesta do lado de fora da prefeitura contra a morte de George Floyd, em Minneapolis, no Estados Unidos, na quinta-feira (28) — Foto: Carlos Barria / ReutersManifestante protesta do lado de fora da prefeitura contra a morte de George Floyd, em Minneapolis, no Estados Unidos, na quinta-feira (28)

Minneapolis enfrentou mais uma noite de distúrbios, a terceira seguida. Grupos invadiram uma delegacia. Os manifestantes também incendiaram carros, imóveis e ainda há registros de saques e vandalismo. Os protestos se tornaram violentos em resposta a morte de um homem negro, George Floyd, na segunda-feira (25), sob custódia da polícia.

O governador de Minnesota, Tim Walz, chamou a ajuda da Guarda Nacional para conter os saques e tumultos em Minneapolis.

As manifestações também chegaram a Nova York: 30 pessoas foram presas ontem.

G1 ouviu

Lady Gaga — Foto: Divulgação / UniversalLady Gaga

Lady Gaga volta às origens em “Chromatica”, com letras diretas e eurodance escapista. No sexto álbum da carreira, americana retorna ao pop eletrônico mais frenético do final dos anos 2000. Ela convida Ariana Grande e Blackpink em álbum sem sutilezas. Leia o “faixa a faixa” comentado e veja ainda as 15 fases da cantora em figurinhas.

Webcrentes

Veja vídeos que brincam com temas religiosos no TikTok

Veja vídeos que brincam com temas religiosos no TikTok

Webcrentes do TikTok: quem são os jovens cristãos que fazem sucesso com pregações divertidas? Tendência no app ganhou força na quarentena. Seminarista virou meme com reinterpretação da ressurreição de Jesus, mas rede também tem padre“gótica cristã” e “otaku gospel”Veja vídeos.

Lives de hoje

Felipe Araújo, Daniela Mercury e Filipe Ret fazem lives nesta sexta (29) — Foto: Divulgação / Divulgação / CeliaSantosFelipe Araújo, Daniela Mercury e Filipe Ret fazem lives nesta sexta (29) 

Se apresentam nesta sexta Felipe Araújo, Daniela Mercury, Filipe Ret, Rosa de Saron, Karina Buhr e festival com Xamã, Delacruz e outros rappers. Veja a lista completa com horários.

Volta às aulas: 10 medidas em 7 países

Alunos do ensino médio voltam à sala de aula em Wuhan, na província de Hubei, na China — Foto: AFP PhotoAlunos do ensino médio voltam à sala de aula em Wuhan, na província de Hubei, na China .

Após decretarem o afrouxamento do isolamento social para conter a transmissão do novo coronavírus, países que estão voltando às aulas adotam medidas de prevenção para evitar uma nova onda de contaminação. O G1 analisou a experiência de China, Coreia do Sul, Dinamarca, Finlândia, França, Portugal e Israel para saber quais cuidados estão sendo tomados. No Brasil, as aulas estão suspensas em todos os estados e as escolas seguem fechadas.

Achatando a curva

Estudantes com máscaras passam por higienização das mãos e checagem de temperatura na chegada para a aplicação de um exame estadual durante a pandemia do coronavírus em Kochi, no estado de Kerala, suld a Índia — Foto: R S Iyer / AP PhotoEstudantes com máscaras passam por higienização das mãos e checagem de temperatura na chegada para a aplicação de um exame estadual durante a pandemia do coronavírus em Kochi, no estado de Kerala, suld a Índia —

Um estado da Índia tem chamado atenção mundial por seu sucesso no combate à pandemia do novo coronavírus. Kerala, no sul do país, conseguiu “achatar sua curva” de infecções apesar de fatores que favoreceriam o alastramento, como suas conexões com a comunidade internacional, poucos recursos e grande densidade populacional. Veja abaixo cinco pontos que ajudam o estado indiano.

Curtas e Rápidas:

  • Carioca organiza festa beneficente online para doar cestas básicas para brasileiros em Nova York
  • Procon-SP registra alto número de reclamações relacionadas a viagens; veja cuidados com ‘promoções incríveis’
  • SUV pode ser cupê? Tendência ganha força no mundo com lançamentos de grandes marcas
Fonte: G1
Continuar lendo PRIMEIRAS NOTÍCIAS DO DIA 29 DE MAIO DE 2020

PRIMEIRAS NOTÍCIAS DO DIA 28 DE MAIO DE 2020 NO G1

Por G1

 

Uma operação da PF contra grupos que espalham fake news e atacam instituições democráticas sacudiu o país. Bolsonaristas estão na mira da polícia: ouça em ‘O Assunto’. Saiu o pacote de R$ 60 bi do governo federal para ajudar os estados e municípios durante a pandemia. Enquanto o prefeito Bruno Covas detalha a flexibilização na cidade de São Paulo, outros 62 municípios do estado vão seguirão em quarentena. Veja quem recebe mais uma parcela de R$ 600 do Auxílio Emergencial. As faltas às sessões online na Câmara dos Deputados. E as lives de hoje, que já não estão tão em alta como no início do isolamento social.

Ajuda aos estados e municípios

Bolsonaro sanciona projeto de ajuda de R$ 60 bilhões a estados e municípios

Bolsonaro sanciona projeto de ajuda de R$ 60 bilhões a estados e municípios

O presidente sancionou com vetos o projeto que prevê ajuda financeira de R$ 60 bilhões a estados e municípios. Jair Bolsonaro acolheu os vetos sugeridos pela equipe econômica do governo. Ele vetou um trecho que abria exceções em relação ao congelamento dos salários de servidores – com isso, não haverá reajustes para servidores até o final do ano que vem – e outro que permitia a estados e municípios suspender o pagamento das dívidas com bancos e organismos internacionais.

Operação da PF

Operação contra fake news tem como alvo empresários aliados ao presidente Bolsonaro

Operação contra fake news tem como alvo empresários aliados ao presidente Bolsonaro

A Polícia Federal (PF) cumpriu 29 mandados de busca e apreensão como parte do inquérito que apura grupos de disseminação de fake news e ataques a instituições nas redes sociais. Entre os alvos estão aliados do presidente Jair Bolsonaro, como o ex-deputado federal Roberto Jefferson; os empresários Luciano Hang, dono da Havan, e Edgard Corona, dono das redes de academia SmartFit e BioRitmo; o humorisa Reynaldo Bianchi Júnior; e os blogueiros Allan dos Santos, Winston Lima e Sara Winter.

Horas após a operação ter sido deflagrada, o atual PGR, Augusto Aras, pediu ao STF a suspensão do inquérito das fake news.

O ministro do Supremo Tribunal Federal (STF) Alexandre de Moraes determinou a quebra dos sigilos fiscal e bancário de suspeitos, e o Planalto já teme que a medida repercuta em ações para cassação do mandato de Bolsonaro.

Eduardo Bolsonaro defende reagir energicamente contra STF

Eduardo Bolsonaro defende reagir energicamente contra STF

O deputado federal Eduardo Bolsonaro (PSL-SP), filho do presidente, cogitou a necessidade de adoção de “medida enérgica” pelo pai. Ele falou ainda em “momento de ruptura” e disse que a questão não é de “se”, mas, sim, de “quando” isto vai ocorrer.

Bolsonaro critica operação contra fake news em rede social

Bolsonaro critica operação contra fake news em rede social

Bolsonaro comentou nas redes sociais que “algo de muito grave está acontecendo com nossa democracia”.

Fake news e bolsonaristas na mira da PF

Empresários, ativistas e blogueiros que apoiam o presidente Jair Bolsonaro. Eles foram alvo de uma operação da PF, por ordem do STF, no inquérito que investiga a disseminação de fake news. Justamente uma das investigações que mais preocupam o presidente. Quem explica a investigação, os alvos, os indícios e o que acontece agora é a repórter da Globo em Brasília Camila Bomfim. Participa também Pablo Ortellado, filósofo e professor da USP que investiga a disseminação de notícias políticas, falsas ou não, na internet.

Covas detalha flexibilização em São Paulo

Plano do governo de São Paulo para flexibilização da quarentena — Foto: Governo de SP / DivulgaçãoPlano do governo de São Paulo para flexibilização da quarentena

Plano do governo de São Paulo para flexibilização da quarentena no estado — Foto: Governo de SP / DivulgaçãoPlano do governo de São Paulo para flexibilização da quarentena no estado — Foto: Governo de SP / Divulgação

O governo de São Paulo anunciou a prorrogação da quarentena no estado por 15 dias, com flexibilizações e aberturas econômicas progressivas, que serão feitas em cinco fases levando em conta as características de cada município. Na capital paulista, o prefeito Bruno Covas explica hoje os detalhes das flexibilizações.

62 cidades de SP seguirão em quarentena

Governo anuncia plano de retomada da economia

Governo anuncia plano de retomada da economia

Dos 645 municípios paulistas, ao menos 62 deles não poderão reabrir parte do comércio a partir de 1º de junho porque ainda estão na fase vermelha do plano estadual de combate ao coronavírus. As cidades que continuarão em quarentena após essa data estão nas regiões da Grande São Paulo (com exceção da capital), Baixada Santista e Registro, essas duas últimas no litoral.

Ajuda de R$ 600

 — Foto: Marcos Santos / USP Imagens Caixa Econômica Federal (CEF) credita nesta quinta-feira novos lotes do Auxílio Emergencial.

Ao todo, o benefício será pago a 2,5 milhões de trabalhadores. Veja quem recebe nesta quarta:

  • Primeira parcela: 600 mil trabalhadores do novo lote de aprovados do benefício, nascidos em novembro
  • Segunda parcela: 1,9 milhão de trabalhadores beneficiários do Bolsa Família, cujo NIS termina em 9

Os trabalhadores podem consultar a situação do benefício pelo aplicativo do auxílio emergencial ou pelo site auxilio.caixa.gov.br.

  • Veja calendário da 2ª parcela
  • Saiba tudo sobre o Auxílio Emergencial
  • Blog do Altieres Rohr: Auxílio emergencial – o que fazer quando se recebe um código não solicitado? Como conferir se o CPF foi usado em uma fraude?
  • Imigrantes enfrentam dificuldades para acessar o Auxílio Emergencial em SP
  • Sem trabalho na pandemia? Veja dicas de como conseguir uma renda extra

Rússia não convence

Médica descansa em hospital de Moscou — Foto: Maxim Shemetov / ReutersMédica descansa em hospital de Moscou

Com 370 mil casos registrados do novo coronavírus, atrás apenas dos EUA e do Brasil, o baixo número de mortes na Rússia — cerca de 4 mil, que equivalem à taxa ínfima de 27 para cada milhão de pessoas — leva a crer que o governo esteja maquiando os dados e que a situação é bem mais grave do que as estatísticas oficiais revelam. Nos EUA, a taxa de letalidade é de 305 por milhão; no Brasil, 116. Leia no blog da Sandra Cohen.

Deputados ‘faltam’ a sessões online

Plenário da Câmara vazio durante sessão — Foto: Maryanna Oliveira / Câmara dos DeputadosPlenário da Câmara vazio durante sessão

Em dois meses de sessão online durante a pandemia, apenas 13 deputados participam de todas as votações nominais da Câmara. Levantamento mostra que foram realizadas 64 votações nominais durante a quarentena. Parlamentares culpam falhas na conexão de internet e criticam sistema de votação virtual. Câmara afirma que o sistema ‘nunca apresentou qualquer falha de funcionamento contundente’. Especialista afirma que, com ‘plenário no bolso’, há poucos motivos para não votar.

Desemprego em abril

Saem hoje dados de abril do desemprego. A taxa de desemprego no Brasil subiu para 12,2% no 1º trimestre, atingindo 12,9 milhões de pessoas.

Lives

Fonte: YouTube e assessoria dos artistas — Foto: G1

O fenômeno das lives continua, mas em patamar menor do que há um mês. As principais transmissões do último final de semana tiveram menos audiência que as anteriores dos mesmos artistas. As buscas por lives também caíram.

Emicida, Supla e João Bosco e Vinícius fazem lives nesta quinta-feira (28) — Foto: DivulgaçãoEmicida, Supla e João Bosco e Vinícius fazem lives nesta quinta-feira (28) 

Hoje tem Emicida, Supla, João Bosco & Vinícius, Thaíde e festival americano Noisey Night In com Phoebe Bridgers, Finneas, Claud, Alex Lahey, Beach Bunny e Faye Webster. Veja lista e como assistir.

  • Setor da música está preocupado e sem saber o que vai acontecer, diz Paula Lima sobre pandemia
  • De Travis Scott a Pabllo Vittar: Veja quem já fez shows em games e o que está marcado
  • ‘Pesadão’ na faxina e ‘Love by grace’ para cortar cabelo: o que o Brasil ouve em casa na quarentena

Curtas e Rápidas:

Foto mostra homem como se estivesse voando em uma comunidade — Foto: Reprodução / Favelagrafia Foto mostra homem como se estivesse voando em uma comunidade

Continuar lendo PRIMEIRAS NOTÍCIAS DO DIA 28 DE MAIO DE 2020 NO G1

PRIMEIRAS NOTÍCIAS DO DIA 27 DE MAIO DE 2020 NO G1

Por G1

 

Caixa paga ajuda de R$ 600 a mais 2,8 milhões de trabalhadores. Doria detalha plano de flexibilização da quarentena em SP. Brasil ultrapassa as 24,5 mil mortes por coronavírus. Após prorrogação, novo prazo de inscrição no Enem termina hoje. Desmatamento de Mata Atlântica. A suspeita de vazamento a deputada bolsonarista sobre operação contra Witzel expõe racha na PF. A proximidade do presidente com o tão mal falado Centrão é o tema do podcast O Assunto. E o STJ julga federalização do caso Marielle.

Ajuda a estados e municípios

Termina nesta quarta-feira o prazo para Jair Bolsonaro sancionar a lei que estabelece a ajuda aos estados e aos municípios. O presidente prometeu vetar a possibilidade de aumento salarial de algumas categorias do funcionalismo para mitigar o impacto da pandemia do coronavírus.

Auxílio Emergencial

 — Foto: Marcos Santos / USP Imagens

A Caixa Econômica Federal (CEF) credita nesta quarta-feira novos lotes do Auxílio Emergencial. O benefício será pago a 2,8 milhões de trabalhadores. Veja quem recebe:

  • 2ª parcela: 1,9 milhão de trabalhadores beneficiários do Bolsa Família, cujo NIS termina em 8
  • 1ª parcela: 700 mil trabalhadores do novo lote de aprovados do benefício, nascidos em outubro

Os trabalhadores podem consultar a situação do benefício pelo aplicativo do auxílio emergencial ou pelo site auxilio.caixa.gov.br.

Recursos contra a pandemia

Dados da Instituição Fiscal Independente (IFI) e do Conselho Nacional de Saúde (CNS) mostram que o governo federal gastou 24% dos recursos autorizados para ações de combate à crise do novo coronavírus. Ao todo, segundo a IFI e o CNS, o governo gastou até agora R$ 8,4 bilhões dos R$ 35 bilhões já autorizados pelo Congresso Nacional. Isto quer dizer que, para cada R$ 4 reais autorizados, o governo gastou R$ 1. Entenda o levantamento.

Quarentena em SP

João Doria: 'Nesse momento não há perspectiva de lockdown'

João Doria: ‘Nesse momento não há perspectiva de lockdown’

O governador de São Paulo, João Doria, divulga hoje o que seu plano de “quarentena inteligente” para o estado no combate ao novo coronavírus. Na segunda-feira, ele antecipou que não pretende decretar lockdown, versão mais rígida do distanciamento social, e sinalizou flexibilização da quarentena a partir de 1º de junho para áreas menos afetadas pela pandemia. “Não será homogênea e levaremos em conta a situação de cada região”, afirmou.

24,5 mil mortes no Brasil

Enterro de vítima de coronavírus em São Paulo — Foto: REUTERS/Amanda PerobelliEnterro de vítima de coronavírus em São Paulo

O último balanço do Ministério da Saúde aponta que a pandemia matou 24,5 mil pessoas no Brasil. A Universidade dos EUA, porém, projeta mais de 125 mil mortes por Covid-19 no país até agosto. Veja os principais dados de ontem:

  • 24.512 mortes, um acréscimo de 1.039 registros em 24 horas
  • 391.222 casos confirmados, um acréscimo de 16.324 em 24 horas
  • 208.117 pacientes estão em acompanhamento (53,2% do total)
  • 158.593 pacientes estão recuperados

Enem 2020

Enem 2020 será adiado por causa da pandemia no coronavírus — Foto: André Melo Andrade/Myphoto Press/Estadão ConteúdoEnem 2020 será adiado por causa da pandemia no coronavírus

Após ter sido prorrogado na semana passada, o novo prazo de inscrição para as provas do Exame Nacional do Ensino Médio (Enem) de 2020 termina hoje, às 23h59. As datas da prova ainda estão indefinidas e deverão ser escolhidas em uma enquete com os participantes a partir de junho. Para se inscrever, o candidato deve acessar a página do participante no link https://enem.inep.gov.br/participante/#

Desmatamento de Mata Atlântica

Mata Atlântica no Parque Nacional da Serra dos Órgãos, em Petrópolis, no Rio de Janeiro. 

O desmatamento das áreas de Mata Atlântica do Brasil cresceu 27% entre 2018 e 2019, aponta o relatório “Atlas da Mata Atlântica”, divulgado pela Fundação SOS Mata Atlântica e pelo Instituto Nacional de Pesquisas Espaciais (Inpe).

14.502 hectares foram desmatados entre 1º de outubro de 2018 e 30 de setembro de 2019, comparados a 11.399 no mesmo período entre 2017 e 2018 (1 hectare equivale a 10 mil m²). Os números vinham caindo desde 2016.

Carla Zambelli e a PF

Carla Zambelli antecipou a rádio que governadores seriam alvos de operações da PF Carla Zambelli antecipou a rádio que governadores seriam alvos de operações da PF

Uma declaração da deputada do PSL Carla Zambelli, de que governadores seriam alvo de operações da Polícia Federal (PF) para investigar desvios na área de saúde, fez com que parlamentares levantassem a suspeita de que a PF esteja agindo com objetivos políticos. O vazamento já provoca rachas na corporação. A Federação de Policiais Federais defendeu uma investigação sobre um possível vazamento da operação.

A parceria entre Bolsonaro e o Centrão

Durante a campanha, Jair Bolsonaro dizia que não ia negociar cargos em troca de apoio. Com 18 meses de governo, o presidente se aproxima do boco que sempre criticou, o Centrão. Neste episódio de “O Assunto”, Renata Lo Prete conversa com Thiago Vidal, analista político da consultoria Prospectiva, e com o repórter da GloboNews Nilson Klava. Vidal esmiúça a relação entre Centrão e governo, e Klava detalha o que é esse bloco e responde ainda qual o tamanho da bancada, quem são os personagens e como estão as negociações. Ouça:

Caso Marielle

Dois anos sem Marielle e Anderson: famílias e Anistia Internacional cobram respostas

Dois anos sem Marielle e Anderson: famílias e Anistia Internacional cobram respostas

O Superior Tribunal de Justiça (STJ) começa a julgar o pedido da Procuradoria-Geral da República (PGR) para que seja federalizada a investigação sobre a morte da vereadora Marielle Franco e do motorista Anderson Gomes.

A federalização, se autorizada, permite que a apuração do assassinato saia da esfera estadual, com atuação de Polícia Civil e Ministério Público Estadual, e vá para esfera federal – onde a Polícia Federal e Ministério Público Federal darão continuidade às análises.

Atualmente, a apuração sobre o assassinato é comandada pela Polícia Civil e pelo MP do Rio de Janeiro. A família da vereadora é contra a mudança nos responsáveis pela apuração

Brazil at Silicon Valley

Brazil at Silicon Valley discute nesta quarta-feira a transição da China como um ecossistema econômico de imitação para um ecossistema de inovação, sobretudo por meio do uso de inteligência artificial e plataformas mobile. O evento começa às 20h30 e terá transmissão do G1.

Os participantes do debate desta quarta serão o CEO da Globo Ventures, Roberto Marinho Neto, e o presidente e CEO da Sinovation Ventures, Kai-Fu Lee.

Notas e cores contra o vírus

Governo da cidade de Hangzhou quer controlar saúde dos moradores com aplicativo — Foto: Reprodução / Comissão Municipal de Saúde de Hangzhou

Governo da cidade de Hangzhou quer controlar saúde dos moradores com aplicativo — Foto: Reprodução / Comissão Municipal de Saúde de Hangzhou

A prefeitura de Hangzhou, cidade no leste da China, vai sofisticar um aplicativo para smartphone que permitiu, durante a pandemia do novo coronavírus, rastrear os passos dos 10 milhões de cidadãos e saber com quem tiveram contato para evitar a disseminação da doença. A nova versão vai além disso e estende-se à vida cotidiana, estabelecendo um ranking de pessoas menos e mais saudáveis, com notas e cores para controlar saúde de moradores. Entenda no Blog da Sandra Cohen.

Lives

Alceu Valença — Foto: Leonardo MascaroAlceu Valença 

Hoje tem Alceu Valença, Joelma, Sepultura, Fábio Brazza e banda de heavy metal recebe Billy Gould, baixista do Faith No More. Veja os horários.

Mega-Sena

 Aposta única da Mega-Sena custa R$ 4,50 e apostas podem ser feitas até às 19h — Foto: Marcelo Brandt / G1Aposta única da Mega-Sena custa R$ 4,50 e apostas podem ser feitas até às 19h

O concurso 2.265 da Mega-Sena pode pagar um prêmio de R$ 33 milhões para quem acertar as seis dezenas. O sorteio ocorre às 20h, no Espaço Loterias Caixa, no terminal Rodoviário Tietê, em São Paulo. A aposta mínima custa R$ 4,50 e pode ser realizada pela internet.

Vida na Pandemia

Feirantes em Ceiândia tentam sobreviver à pandemia

Feirantes em Ceiândia tentam sobreviver à pandemia

Veja como feirantes do DF encaram o medo de contaminação entre corredores interditados e controle de entrada e como uma mulher e 12 pessoas que vivem em favela de Belo Horizonte.

“Não dá para se isolar”, diz mulher.

Família de 13 pessoas divide casa de cinco cômodos em favela da Região Leste de BHFamília de 13 pessoas divide casa de cinco cômodos em favela da Região Leste de BH

SpaceX

Foguete Falcon 9 com a nave Crew Dragon, da SpaceX, durante preparação — Foto: Steve Nesius / ReutersFoguete Falcon 9 com a nave Crew Dragon, da SpaceX, durante preparação

A SpaceX, do magnata Elon Musk, marcou para hoje o primeiro voo tripulado partindo de solo dos Estados Unidos, com dois astronautas da Nasa. A partida está prevista para as 17h33 (de Brasília), do Centro Espacial Kennedy, na Flórida — se o tempo permitir. A cápsula Crew Dragon transportará os astronautas Doug Hurley e Bob Behnken rumo à Estação Espacial Internacional (ISS) a partir do foguete Falcon 9.

Curtas e Rápidas:

  • Home office deixa profissionais mais ansiosos e estressados, revela pesquisa do LinkedIn
  • Claudia Raia mantém pagamento da equipe de teatro e critica falta de plano do governo para cultura
  • Um quinto dos brasileiros diz que usa celular ao volante, e um em cada dez afirma beber antes de dirigir, mostra pesquisa
  • Ruy Ennes, ‘ator em Hollywood’: a história do homem que enganou jornalistas e inventou filmografia
Fonte: G1
Continuar lendo PRIMEIRAS NOTÍCIAS DO DIA 27 DE MAIO DE 2020 NO G1

PRIMEIRAS NOTÍCIAS DO DIA 26 DE MAIO DE 2020

Por G1

 

Pesquisa indica que número de casos de coronavírus no Brasil é 7 vezes maior que o oficial. Partidos na Câmara articulam ampliar o prazo e manter valor de R$ 600 da ajuda emergencial. Hoje, mais 7,6 milhões de trabalhadores devem receber o benefício. Procuradores avaliam que Bolsonaro fez pressão indevida ao visitar Aras ontem. Paulo Marinho depõe no inquérito que apura se o presidente interferiu na PF. E o podcast O Assunto discute o isolamento do Brasil diante do mundo depois de Trump barrar entrada de brasileiros nos EUA. Após dor abdominal, o governador do Distrito Federal, Ibaneis Rocha, passou por cirurgia de emergência. E a Latam pediu recuperação judicial nos EUA.

Pandemia: 7 vezes maior no Brasil

Brasil teria sete vezes mais infectados pelo coronavírus do que mostram dados oficiaisBrasil teria sete vezes mais infectados pelo coronavírus do que mostram dados oficiais

O Brasil tem sete vezes mais casos de coronavírus do que apontam as estatísticas oficiais, mostra a primeira etapa nacional de uma pesquisa coordenada pela Universidade Federal de Pelotas (UFPel). O levantamento foi realizado durante uma semana, entre 14 e 21 de maio, para testar a presença da doença na população. enteda os números e a pesquisa.

Compare SP e a Espanha

Algumas pessoas praticam atividade física na ciclovia da Avenida Paulista — Foto: Antônio Molina / AEAlgumas pessoas praticam atividade física na ciclovia da Avenida Paulista

A taxa de casos e de mortes por Covid-19 a cada 100 mil habitantes é maior em São Paulo atualmente do que a registrada na Espanha quando o país decretou medidas de lockdown.

De acordo com dados, São Paulo tem 187 casos confirmados de coronavírus a cada 100 mil habitantes, segundo a Fundação Seade, e cerca de 13,9 mortes a cada grupo de 100 mil pessoas. Já a Espanha tinha 166 casos por 100 mil habitantes e 13,76 mortes por 100 mil habitantes no dia 29 de março, quando decretou a restrição de circulação de pessoas em todo o país.

Ajuda de R$ 600

 — Foto: Marcos Santos / USP ImagensFoto: Marcos Santos / USP Imagens

Líderes partidários na Câmara dos Deputados articulam a votação de uma proposta para ampliar o prazo e manter o valor do auxílio emergencial de R$ 600. O benefício é pago a autônomos, trabalhadores informais e famílias mais impactadas economicamente pela pandemia do coronavírus.

Parlamentares ouvidos pelo G1 disseram que a ideia é construir um texto de consenso nas próximas semanas. A votação em plenário deve ocorrer em meados de junho.

Auxílio Emergencial: 7,6 milhões recebem hoje

Caixa Econômica Federal (CEF) credita hoje novos lotes do Auxílio Emergencial, tanto da primeira parcela, para novos aprovados, quanto da segunda, para quem recebeu a anterior até 30 de abril. Ao todo, o benefício será pago a 7,6 milhões de trabalhadores, segundo o banco. Veja quem recebe:

  • 2ª parcela: 5 milhões trabalhadores inscritos no Cadastro Único ou que se cadastraram através do aplicativo e do site, e que receberam a primeira parcela até 30 de abril, nascidos em novembro e dezembro
  • 2ª parcela: 1,9 milhão de trabalhadores beneficiários do Bolsa Família, cujo NIS termina em 7
  • 1ª parcela: 0,7 milhões de trabalhadores do novo lote de aprovados do benefício, nascidos em setembro

Os trabalhadores podem consultar a situação do benefício pelo aplicativo do auxílio emergencial ou pelo site auxilio.caixa.gov.br.

Bolsonaro pressiona

Bolsonaro se encontra em evento com procurador Augusto Aras

Bolsonaro se encontra em evento com procurador Augusto Aras

A visita inesperada de Jair Bolsonaro à sede da Procuradoria-Geral da República (PGR) causou grande desconforto entre integrantes do Ministério Público Federal. A presença do presidente no mesmo dia em que soltou uma nota na qual disse esperar o arquivamento natural do inquérito que apura se ele tentou interferir politicamente na Polícia Federal foi interpretada por procuradores como uma espécie de pressão indevida sobre o procurador-geral da República, Augusto Aras. Caberá a Aras decidir se, com base nas informações do inquérito, denuncia Bolsonaro ao Supremo Tribunal Federal (STF).

Depoimento de empresário

Paulo Marinho será ouvido em inquérito que apura suposta interferência de Bolsonaro na PFPaulo Marinho será ouvido em inquérito que apura suposta interferência de Bolsonaro na PF

O empresário Paulo Marinho será ouvido nesta terça, na Superintendência da PF no Rio de Janeiro, no inquérito que apura se o presidente Jair Bolsonaro tentou interferir na PF. O ministro Celso de Mello, do Supremo Tribunal Federal (STF), decidiu impor sigilo no depoimento e ainda negou acesso do senador Flávio Bolsonaro e seus advogados ao depoimento.

Um dos principais aliados de Bolsonaro na campanha eleitoral de 2018, Paulo Marinho disse ao jornal “Folha de S.Paulo” que o senador Flávio Bolsonaro (Republicanos-RJ), filho de Bolsonaro, foi avisado com antecedência por um delegado da PF sobre a deflagração da Operação Furna da Onça.

Ibaneis internado

Ibaneis Rocha — Foto: Reprodução / NBRIbaneis Rocha

O governador do Distrito Federal, Ibaneis Rocha, passou por uma cirurgia de emergência na madrugada desta terça-feira. Ele deu entrada em um hospital particular de Brasília com uma dor abdominal aguda. A previsão é de que um boletim médico do governador seja divulgado às 8h de hoje.

O ‘centrão’ como base do governo

Liderança do governo na Câmara faz reunião da base de apoio de BolsonaroLiderança do governo na Câmara faz reunião da base de apoio de Bolsonaro

Pela primeira vez desde que Jair Bolsonaro assumiu a presidência, a liderança do governo na Câmara dos Deputados reuniu líderes de partidos que integram uma base formal de apoio. O líder Major Vitor Hugo recebeu representantes dos partidos que formam o chamado “centrão”. Estavam presentes líderes, como Arthur Lira, do Progressistas, Jhonatan de Jesus, do Republicanos, além de líderes de outros partidos do grupo, como PRB, PATRIOTA, PSC, PP, PTB, PSD e PROS. Apesar de não estarem presentes, os líderes do PL e do Avante também apoiam a iniciativa. Juntos, eles representam 183 deputados. Leia no blog do Gerson Camarotti.

O Brasil isolado do mundo

O que significa, na prática, a decisão de Trump de barrar viajantes que estiveram em território brasileiro? Como o Brasil está sendo visto lá fora? Para responder a estas e outras perguntas, Renata Lo Prete conversa com o diplomata e ex-ministro Rubens Ricupero e com o jornalista da GloboNews Marcelo Lins. Ricupero explica a mudança de rumo da diplomacia brasileira, como o governo Bolsonaro adotou uma posição “autoexcludente” em várias questões – e as consequências que isso pode ter. Lins fala da relação Trump-Bolsonaro e da linha divisória entre os dois presidentes. Ouça:

Latam em recuperação judicial

Avião da Latam no Aeroporto Marechal Hugo da Cunha Machado, em São Luís (MA) — Foto: DivulgaçãoAvião da Latam no Aeroporto Marechal Hugo da Cunha Machado, em São Luís (MA)

O grupo Latam e suas afiliadas no Chile, Peru, Colômbia, Equador e Estados Unidos entraram com pedido de recuperação judicial nos Estados Unidos. As unidades do grupo no Brasil, Argentina e Paraguai não estão envolvidas no processo de recuperação.

Educação à distância

Acesso limitado à internet e falta de equipamentos dificultam ensino remoto no Brasil. — Foto: Reprodução / PixabayAcesso limitado à internet e falta de equipamentos dificultam ensino remoto no Brasil.

Desde que as aulas presenciais foram suspensas, por causa da pandemia do novo coronavírus, as redes de ensino buscam alternativas de educação remota. Pesquisas mostram, no entanto, que há obstáculos para o ensino à distância, principalmente pelas limitações de acesso a tecnologias. Entre crianças e adolescentes de 9 a 17 anos, 66% não se conectam à internet em ambientes privados – seja na própria residência ou na de amigos e familiares. Veja números que mostram dificuldades no ensino à distância.

Chile em risco de novo

Moradores do bairro de Puente Alto, em Santiago protestam e pedem cestas básicas em meio ao lockdown decretdo na capital chilena — Foto: Ivan Alvarado / ReutersMoradores do bairro de Puente Alto, em Santiago protestam e pedem cestas básicas em meio ao lockdown decretdo na capital chilena

A pandemia põe Chile sob ameaça de nova convulsão social. Recorde de cinco mil novos casos diários e distúrbios violentos em bairros carentes desafiam governo de Sebastián Piñera. Veja no Blog da Sandra Cohen.

Lives de hoje

Dupla Munhoz e Mariano

Curtas e Rápidas:

Frank já soma títulos mundiais no Jiu Jitsu, esporte que transformou sua vida — Foto: Reprodução/FacebookFrank já soma títulos mundiais no Jiu Jitsu, esporte que transformou sua vida

Fonte: G1
Continuar lendo PRIMEIRAS NOTÍCIAS DO DIA 26 DE MAIO DE 2020

PRIMEIRAS NOTÍCIAS DO DIA 25 DE MAIO DE 2020

Por G1

 

O Monitor da Violência mostra que houve aumento nos assassinatos no Brasil mesmo em meio à pandemia. O ex-ministro da Justiça Sergio Moro dá entrevista exclusiva ao Fantástico e diz que faltou apoio do presidente Jair Bolsonaro ao combate à corrupção. O número de vítimas da Covid-19 no país passou de 22,6 mil. O podcast O Assunto conta a história de uma delas, um médico que estava na linha de frente da luta contra o novo coronavírus. O secretário nacional de Vigilância em Saúde, Wanderson de Oliveira, deixará hoje o cargo. E a Caixa credita nesta segunda-feira (25) o auxílio emergencial a mais 7,8 milhões de brasileiros.

Monitor da Violência

novo selo monitor da violência 02 — Foto: Amanda Paes/G1novo selo monitor da violência 02 

O número de assassinatos no Brasil cresceu 11% em março deste ano em comparação com o mesmo mês de 2019. É o que mostra o índice nacional de homicídios criado pelo G1, com base nos dados oficiais dos 26 estados e do Distrito Federal. Segundo a ferramenta, houve 4.146 mortes violentas em março de 2020, contra 3.729 em março do ano passado. A alta ocorre mesmo em meio à pandemia da Covid-19. Veja no Monitor da Violência os dados mês a mês.

Moro x Bolsonaro

O ex-ministro da Justiça Sergio Moro disse, em entrevista exclusiva ao Fantástico, que faltou apoio do presidente Jair Bolsonaro ao combate à corrupção e criticou a aproximação do governo com os partidos do Centrão. Neste domingo (24), completou um mês que o ex-juiz deixou o comando do Ministério da Justiça e Segurança Pública, acusando Bolsonaro de tentar interferir politicamente nas investigações da Polícia Federal.

Moro critica aliança com 'Centrão' e diz que Bolsonaro não apoiou o combate à corrupção

Moro critica aliança com ‘Centrão’ e diz que Bolsonaro não apoiou o combate à corrupção

Vidas perdidas

Enterro em cemitério de São Paulo em meio à pandemia de coronavírus — Foto: Reuters/Amanda PerobelliEnterro em cemitério de São Paulo em meio à pandemia de coronavírus

O Brasil chegou a 22.666 mortes por coronavírus neste domingo. Foram 653 vidas perdidas em 24 horas. É o que aponta os últimos dados do Ministério da Saúde. No total, já são 363.211 casos confirmados.

Proibição de entrada nos EUA de viajantes vindos do Brasil

O presidente dos EUA, Donald Trump, fala a jornalistas na Casa Branca, em Washington, na terça-feira (19) — Foto: Reuters/Yuri Gripas O presidente dos EUA, Donald Trump, fala a jornalistas na Casa Branca, em Washington, na terça-feira (19)

Os Estados Unidos anunciaram neste domingo que vão barrar a entrada de pessoas vindas do Brasil por causa da pandemia de coronavírus, através de um decreto assinado pelo presidente Donald Trump. A entrada passa a ser proibida a partir do dia 29 de maio.

Mais de 100 médicos já morreram no Brasil de Covid-19. O Rio de Janeiro lidera essa triste estatística, seguido pelo Pará. No episódio desta segunda, o podcast O Assunto relata a história do médico Danilo dos Santos Silva, que une a realidade dos dois estados. Nascido em Belém, Danilo atendia pacientes no Rio. Quem conta a história de Danilo é a mãe dele, Francisca, e o marido dele, o biólogo e estudante de medicina Gilberto Amaral. Ouça:

Saída de Wanderson de Oliveira

Secretário Wanderson de Oliveira — Foto: GloboNewsSecretário Wanderson de Oliveira .

O secretário Nacional de Vigilância em Saúde do Ministério da Saúde, Wanderson de Oliveira, deixará o cargo nesta segunda. Ele chegou a pedir demissão no dia 15 de abril, mas o então ministro da Saúde, Henrique Mandetta, não permitiu sua saída. O nome de seu substituto ainda não foi divulgado.

Auxílio de R$ 600

A Caixa Econômica Federal credita novos lotes do auxílio emergencial de R$ 600. Serão pagos tanto a primeira parcela, para novos aprovados, quanto a segunda, para quem recebeu a anterior até 30 de abril. Ao todo, o benefício será pago a 7,8 milhões de trabalhadores, segundo o banco. Veja quem recebe nesta segunda.

Governo estuda prorrogar auxílio emergencial, mas com valor menor

Governo estuda prorrogar auxílio emergencial, mas com valor menor

2ª parcela do 13º para aposentados e pensionistas

O Instituto Nacional do Seguro Social (INSS) começa a pagar nesta segunda a segunda parcela do 13º salário para aposentados e pensionistas. O pagamento, que em geral costumava ocorrer em novembro, foi antecipado neste ano como uma medidas para reduzir o impacto da pandemia do novo coronavírus no país.

Lives da semana

Garota Sertaneja — Foto: DivulgaçãoGarota Sertaneja

A semana começa com uma live nesta segunda da banda alagoana Garota Sertaneja. Até o domingo (31), artistas como Daniela Mercury, Zezé Di Camargo e Luciano, Alexandre Pires e Emicida se apresentarão pela internet. Veja a agenda com a programação completa.

Curtas e rápidas

Continuar lendo PRIMEIRAS NOTÍCIAS DO DIA 25 DE MAIO DE 2020

PRIMEIRAS NOTÍCIAS DO DIA 22 DE MAIO DE 2020 NO G1

Por G1

 

Coronavírus já matou 20 mil pessoas no Brasil. O Assunto: Covid-19 avança pelo interior do Brasil. Ministro Celso de Mello decide hoje sobre o sigilo do vídeo da reunião ministerial de 22 de abril. A Receita Federal abre consultas ao primeiro lote do IR. Mais 7,9 milhões de pessoas recebem hoje auxílio emergencial. As inscrições para o Enem terminam hoje. E veja quais shows você poderá curtir.

Pior dia da pandemia no Brasil

Mortes causadas por Covid-19 no Brasil — Foto: Arte/G1

Mortes causadas por Covid-19 no Brasil

Brasil conta agora 20.047 mortos por Covid-19. Ontem, foram registrados mais 1.188 mortes, incluídos no balanço em 24 horas, sendo que 311 óbitos ocorreram nos últimos 3 dias. O país tem agora 310.087 casos confirmados. 125.960 pacientes se recuperaram.

O país tinha registrado o marco de 10 mil mortes no dia 9 deste mês. O número dobrou em um intervalo de 12 dias. Antes disso, o marco com 5 mil mortes foi registrado em 28 de abril, e o tempo para alcançar os 10 mil foi de 11 dias.

Covid-19 avança pelo interior do Brasil

coronavírus chegou a mais de 60% das cidades do país. O número de municípios com casos confirmados aumentou 12 vezes em menos de 2 meses. Helyn Thami, pesquisadora do Instituto de Estudos para Políticas Públicas de Saúde (IEPS) e integrante da plataforma CoronaCidades, explica ao “O Assunto” os desafios dos municípios no combate à Covid-19. Helyn detalha os perigos da interiorização da doença, em um país onde 15% da população que depende do SUS está em regiões que não têm leitos de UTI. Participa também Alan Severiano, repórter e apresentador da Globo, que fala como a doença se espalhou de metrópoles como São Paulo e Manaus para o interior dos Estados.

Vdeo de reunião ministerial

Ministro Celso de Mello, do Supremo, deve decidir até às 17 horas desta sexta-feira sobre o sigilo do vídeo da reunião ministerial de 22 de abril. Segundo o ex-ministro Sergio Moro, a gravação da reunião é prova de que o presidente Jair Bolsonaro tentou interferir politicamente na Polícia Federal (PF) para evitar investigação de familiares. O vídeo é parte do inquérito, a pedido da Procuradoria Geral da República (PGR), para apurar a acusação de Moro.

A Receita Federal abre hoje as consultas ao primeiro lote do Imposto de Renda de Pessoa Física 2020, relativo ao ano-base 2019. As consultas poderão ser feitas a partir das 9h por meio da página da Receita na internet ou pelo telefone 146. O órgão disponibiliza, ainda, um aplicativo para tablets e smartphones para consultar as informações sobre a restituição do IR e a situação cadastral no CPF.

Ajuda de R$ 600

 — Foto: Marcos Santos / USP Imagens

A Caixa Econômica Federal (CEF) credita hoje novos lotes do Auxílio Emergencial, tanto da primeira parcela, para novos aprovados, quanto da segunda, para quem recebeu a anterior até 30 de abril. Ao todo, o benefício será pago a 7,9 milhões de trabalhadores, segundo o banco. Veja quem recebe.

E entenda como trabalhadores informais de São Paulo tiveram o auxílio negado porque são dados como mortos pela Caixa.

Enem: último dia

Enem 2020 será adiado por causa da pandemia no coronavírus — Foto: André Melo Andrade / Myphoto Press / Estadão ConteúdoEnem 2020 será adiado por causa da pandemia no coronavirus 

As inscrições para o Exame Nacional do Ensino Médio (Enem) serão aceitas até as 23h59 desta sexta-feira, pela página do participante. Veja o passo a passo.

Secretário exonerado

O governo exonerou o secretário de Ciência, Tecnologia, Inovação e Insumos Estratégicos em Saúde do Ministério da Saúde, Antonio Carlos Campos de Carvalho. A exoneração aconteceu “a pedido”, segundo decreto assinado pelo Ministro da Casa Civil, general Walter Souza Braga Netto.

Carvalho, que ficou no cargo por 18 dias, havia declarado a outros veículos de imprensa que era contra o novo protocolo para uso da cloroquina em pacientes com primeiros sintomas de Covid-19.

Troca no comando da PRF e Depen

O governo trocou os comandos da Polícia Rodoviária Federal (PRF) e do Departamento Penitenciário Nacional (Depen). Foram exonerados os diretores-gerais Adriano Marcos Furtado, da PRF, e Fabiano Bordignon do Depen. Foram nomeados Eduardo Aggio de Sá, para o cargo cargo de diretor-geral da PRF, e Tânia Maria Matos Ferreira Fogaça, paro o cargo de diretora-geral do Depen

Lives de hoje

Gusttavo Lima, Ludmilla, Pabllo Vittar e Anavitória fazem lives nesta sexta-feira (22) — Foto: Divulgação; Divulgação/Danilo Borges; Divulgação/Clarisse DareGusttavo Lima, Ludmilla, Pabllo Vittar e Anavitória fazem lives nesta sexta-feira (22)

Curtas e Rápidas:

  • Pesquisadores do Senegal testam exame para Covid-19 que custa US$ 1 e fica pronto em 10 minutos
  • Transporte de carga aérea despenca 48% em abril no país, diz CNI
  • Blog do Altieres Rohr: Ucrânia prende hacker suspeito de criar ‘coleção’ de dados de 773 milhões de usuários
Fonte: G1
Continuar lendo PRIMEIRAS NOTÍCIAS DO DIA 22 DE MAIO DE 2020 NO G1

PRIMEIRAS NOTÍCIAS DO DIA 21 DE MAIO DE 2020 NO G1

Por G1

 

O ator Mário Frias pode ser confirmado no comando da Secretaria de Cultura. Bolsonaro discute ajuda aos estados, enquanto governadores esperam veto de reajuste de servidores. O Assunto fala que a realidade do socorro à economia é outra, diferente do discurso oficial. Veja quem recebe novo lote do auxílio emergencial. 81% dos estabelecimentos que buscaram crédito não conseguiram. Ano letivo perdido: estudantes, pais e professores narram um “apagão” do ensino público. STF segue análise da MP que livra servidores de responsabilidade durante a pandemia. As mortes por coronavírus nas favelas do Rio. E as lives de hoje.

Secretário de Cultura

Mario Frias — Foto: Reprodução / InstagramMario Frias

Jair Bolsonaro se reuniu com o ator Mário Frias, cotado para assumir a Secretaria de Cultura do governo federal no lugar de Regina Duarte, que vai para para a Cinemateca Basileira. O presidente fez convite para o ator assumir a secretaria, e Mário Frias aceitou e seu nome pode ser confirmado hoje.

Videoconferência com governadores

O presidente Jair Bolsonaro fará uma videoconferência com governadores hoje de manhã, para discutir o projeto que prevê ajuda financeira a estados e municípios. Os governadores esperam que o presidente vete o trecho da lei que abre espaço para reajuste salarial de servidores públicos.

Governo, pessoas e empresas

Auxílio emergencial de R$ 600, complemento salarial pago pelo governo e crédito para empresas. A realidade do socorro à economia é muito diferente do discurso oficial. Filas, juros altos, o dinheiro que não cai na conta… Neste “O Assunto”, Renata Lo Prete conversa com Juliana Rosa, repórter especial de economia da GloboNews, que explica o fiasco dos programas de crédito e onde está o nó para a ajuda chegar a quem mais precisa. Participa também Manoel Pires, economista pesquisador do Instituto Brasileiro de Economia da FGV, que fala como a incerteza sobre o futuro prejudica empréstimos a microempresários e como a falta de ação agora pode comprometer a economia brasileira ainda mais no pós-crise. Ouça:

Ajuda de R$ 600

 — Foto: Marcos Santos / USP Imagens

A Caixa Econômica Federal (CEF) credita hoje novos lotes do Auxílio Emergencial, tanto da primeira parcela, para novos aprovados, quanto da segunda, para quem recebeu a anterior até 30 de abril. Veja quem recebe:

  • Segunda parcela: 5,3 milhões trabalhadores inscritos no Cadastro Único ou que se cadastraram através do aplicativo e do site, e que receberam a primeira parcela até 30 de abril, nascidos em março e abril
  • Segunda parcela: 1,9 milhão de trabalhadores beneficiários do Bolsa Família, cujo NIS termina em 4
  • Primeira parcela: novo lote de aprovados do benefício, nascidos em março

Bares e restaurantes em apuros

Donos de bares e restaurantes relatam dificuldade em acessar linhas de créditoDonos de bares e restaurantes relatam dificuldade em acessar linhas de crédito

Com as portas fechadas e trabalhando apenas com entregas em boa parte do país, bares e restaurantes lutam para não fechar definitivamente. E assim como diversos setores, têm encontrado dificuldades para conseguir crédito e manter as contas em dia, apesar dos programas de financiamento já lançados pelo governo. Associação aponta 81% dos estabelecimentos que buscaram crédito não conseguiram. Abrasel indica ainda que 78% das empresas do setor precisaram renegociar o contrato de aluguel, e 62% estão com dificuldades para repor os estoques.

5 milhões de casos

Mundo registra 5 milhões de casos de novo coronavírus, aponta universidade — Foto: Reprodução / Site Johns Hopkins University (JHU)Mundo registra 5 milhões de casos de novo coronavírus, aponta universidade

Os casos de coronavírus no mundo superaram os 5 milhões, de acordo com o monitoramento da Universidade Johns Hopkins. O marco representa uma nova fase na disseminação do vírus, que atingiu um pico na China em fevereiro e depois se espalhou em surtos de grande escala na Europa e nos Estados Unidos. O portal mostra ainda 328.172 mortos em todo o planeta.

Educação ‘faz de conta’

Sala de aula vazia em escola pública de Alagoas — Foto: Valdir RochaSala de aula vazia em escola pública de Alagoas

Alunos da rede pública de todo o Brasil vivem a sensação de que 2020 será um ano perdido em suas trajetórias escolares. Estudantes, pais e professores narram um “apagão” do ensino público em meio à pandemia. Em 7 estados e no DF, aula remota não vai contar para o ano letivo. Redes estaduais e municipais relatam improviso com aulas via WhatsApp e em outras ferramentas. Alunos sofrem com falta de internet e equipamentos. Entenda o drama de quem quer estudar.

  • Ensino à distância faz desigualdade ficar ‘escandalosa’, diz avó de aluno que não consegue estudar por falta de equipamentos em SP
  • ‘Desanimado mesmo tendo adiamento’, diz aluno do RJ sem computador, celular e internet para estudar para o Enem

Transparência em tempos de pandemia

Os governos de Roraima e São Paulo são os menos transparentes na divulgação dos contratos emergenciais feitos durante a pandemia de Covid-19, mostra ranking inédito divulgado pela Transparência Internacional. Entre as capitais, o pior índice é o da Prefeitura de Belém. Espírito Santo, Distrito Federal, Goiás e Paraná aparecem com uma avaliação ótima. Veja o estudo.

Responsabilidade de agente público

STF julga ações que questionam MP que limita punição a agentes públicos no combate à CovidSTF julga ações que questionam MP que limita punição a agentes públicos no combate à Covid

O Supremo Tribunal Federal (STF) continua hoje a análise das sete ações que questionam a medida provisória que, na prática, pode livrar de responsabilidade agente público sobre eventuais equívocos ou omissões nas ações de combate à pandemia do novo coronavírus. A sessão deve ser retomada com o voto do ministro Alexandre de Moraes. Ontem, o relator, ministro Luís Roberto Barroso, votou por manter a validade da MP.

Mortes nas favelas

Painel de grafite informativo feito em residência do Complexo da Maré — Foto: Divulgação / Frente de Mobilização da MaréPainel de grafite informativo feito em residência do Complexo da Maré

As 174 mortes por coronavírus de moradores de favelas da cidade do Rio, segundo dados reunidos pelo Voz das Comunidades até ontem, já ultrapassam o número de óbitos por Covid-19 de 15 estados. O estado do Rio é o segundo da federação com mais mortes, num total de 3.237, de acordo com dados da Secretaria Estadual de Saúde (SES), atrás apenas de São Paulo.

Lives de hoje

Iza, Manu Gavassi e Ferrugem fazem lives nesta quinta-feira (21) — Foto: DivulgaçãoIza, Manu Gavassi e Ferrugem fazem lives nesta quinta-feira (21)

Show para ver em casa nesta quinta-feira: Iza, Manu Gavassi, Ferrugem, César Menotti & Fabiano, Letrux, Jau, Joanna com Padre Reginaldo Manzotti e Mart’nália com Celso Fonseca. Veja a lista e como assistir.

E mais:

Entrevista ao G1: Iza lança ‘Be the one’, música de campanha da ONU, e fala sobre primeira live e planos para segundo álbum.

  • Lives da nostalgia: 5 reencontros de elencos que emocionaram fãs na quarentena

Curtas e Rápidas:

  • Blog da Sandra Cohen: Uruguai, o oásis na pandemia na América do Sul
  • Médico de Nova York que adiou aposentadoria para atuar em pandemia morre de Covid-19
  • Familiares e amigos rezam por 40 dias em frente a hospital em SC para apoiar mulher com Covid-19
  • Museus automotivos pelo mundo têm visitas virtuais durante a pandemia; veja como acessar
  • Blog do Altieres Rohr: como funciona a fraude que usa e-mail falso dos Correios?
Fonte: G1
Continuar lendo PRIMEIRAS NOTÍCIAS DO DIA 21 DE MAIO DE 2020 NO G1

PRIMEIRAS NOTÍCIAS DO DIA 20 DE MAIO DE 2020

Por G1

 

Senado aprova adiamento do Enem por causa da pandemia do coronavírus; proposta ainda precisa passar pela Câmara. Começa o ‘megaferiado’ em SP pelo isolamento, e a Justiça autoriza bloqueios no acesso ao litoral. Caixa paga a 2ª parcela da ajuda de R$ 600 a quem está fora do Bolsa Família. A corrida pela vacina contra a Covid-19 é o tema do podcast O Assunto. Com empresas endividadas, recuperação da economia pós-pandemia deverá ser lenta.

Senadores participam de sessão remota nesta terça (19) — Foto: Waldemir Barreto / Agência SenadoSenadores participam de sessão remota nesta terça (19) — ENEM

O Senado aprovou o projeto que adia automaticamente as provas que dão acesso aos cursos de graduação, entre as quais o Exame Nacional do Ensino Médio (Enem). A aprovação não resulta automaticamente no adiamento do Enem. Isso porque o texto ainda precisa ser analisado pela Câmara dos Deputados para, então, ser enviado para a sanção do presidente Jair Bolsonaro. O presidente poderá sancionar o texto, integral ou parcialmente, ou vetar.

Megaferiado em SP

Prefeitura de Itanhaém, SP, faz bloqueio a moradores e turistas durante feriado — Foto: Divulgação / Prefeitura de Itanhaém Prefeitura de Itanhaém, SP, faz bloqueio a moradores e turistas durante feriado

Começa hoje o ‘megaferiado’ em São Paulo pelo isolamento, uma das formas de prevenção contra o surto de coronavírus. Mas se você está pensando em viajar saiba que haverá bloqueios nos acessos ao litoral, especialmente à praias de Itanhaém, Mongaguá, Peruíbe, Pedro de Toledo e Itariri.

Ajuda de R$ 600

 — Foto: Marcos Santos / USP Imagens

A Caixa Econômica Federal (CEF) credita a segunda parcela do Auxílio Emergencial para os beneficiários do programa que não fazem parte do Bolsa Família (que fazem parte do Cadastro Único ou que se inscreveram pelo aplicativo ou site), e que receberam a primeira parcela até 30 de abril.

Também nesta quarta a Caixa paga a segunda parcela do Auxílio a outros 1,9 milhão de trabalhadores que também são beneficiários do Bolsa Família, cujo NIS é terminado em 3. Além disso, também será liberado o pagamento da primeira parcela do benefício para um novo grupo de trabalhadores, que fazem aniversário em fevereiro.

Os trabalhadores podem consultar a situação do benefício pelo aplicativo do auxílio emergencial ou pelo site auxilio.caixa.gov.br.

A corrida por uma vacina contra a Covid-19

Quanto vai demorar para termos uma vacina contra o novo coronavírus? Quem está mais à frente nesta corrida? Neste episódio de “O Assunto”, Renata Lo Prete conversa com o biólogo e doutor em imunologia Gustavo Cabral e também com o repórter do Fantástico Álvaro Pereira Júnior. Ouça:

Paulo Maurinho

Paulo Marinho diz ter ‘elementos que comprovam' relato sobre suposto vazamento da PF a FlaPaulo Marinho diz ter ‘elementos que comprovam’ relato sobre suposto vazamento da PF a Fla

O empresário Paulo Marinho deve falar à Polícia Federal (PF) nesta quarta-feira, no Rio de Janeiro. Na semana passada, ele afirmou, em entrevista, que Flávio Bolsonaro foi avisado por um delegado da PF da Operação Furna da Onça, que deixaria Fabrício Queiroz, seu ex-assessor, em evidência. Ontem, o empresário disse que tem “elementos que comprovam” seu relato. Marinho foi um dos principais apoiadores da campanha presidencial que elegeu Jair Bolsonaro e é suplente de senador de Flávio.

Economia

A recuperação da economia brasileira – quando vier – deverá ser lenta. Endividadas, as empresas caminham para sair da crise provocada pelo coronavírus com o caixa ainda mais comprometido e sem fôlego para investir, uma combinação que reduz a possibilidade de uma volta acelerada da atividade econômica.

Brazil at Silicon Valley

Brazil at Silicon Valley discute hoje o futuro do empreendedorismo e do venture capital (capital de risco) na América Latina. G1 transmite ao vivo a partir das 18h30. Participam do debate o CEO do SoftBank International, Marcelo Claure, e a presidente da IBM na América Latina, Ana Paula Assis. Eles vão discutir como os empresários podem agir durante a pandemia de coronavírus.

Será o terceiro painel da edição deste ano do Brazil at Silicon Valley. O primeiro discutiu como as grandes empresas de tecnologia reagiram à crise gerada pela pandemia, e o segundo debateu educação online e filantropia.

Regularização fundiária

A Câmara dos Deputados deve votar nesta quarta-feira o projeto de lei 2.633, que trata da regularização de ocupações de terras públicas da União, a chamada regularização fundiária. O texto substitui a Medida Provisória 910, que perdeu validade ontem por falta de acordo entre ruralistas e ambientalistas.

Bolsonaro publica MP que limita punição a agentes públicos no combate à Covid-19Bolsonaro publica MP que limita punição a agentes públicos no combate à Covid-19

MP foi editada no último dia 14, e seis ações contra a medida foram apresentadas ao STF. O relator das ações é o ministro Luís Roberto Barroso, que decidiu levar o tema diretamente para o plenário, para que os 11 ministros do Supremo possam analisar o caso.

Deputado morre no RJ

Deputado estadual Gil Vianna, de 54 anos, estava internado em hospital de Campos, RJ, mas não resistiu à Covid-19 — Foto: Reprodução FacebookDeputado estadual Gil Vianna, de 54 anos, estava internado em hospital de Campos, RJ, mas não resistiu à Covid-19 — 

deputado estadual Gil Vianna (PSL), de 54 anos, morreu com Covid-19 por volta das 22h de ontem, em um hospital particular de Campos dos Goytacazes, no Norte Fluminense. A informação foi confirmada pela assessoria do parlamentar, que era pré-candidato à Prefeitura de Campos, onde também já atuou como vereador.

Dança fitness e o vírus

Como se proteger na academia de ginástica? É melhor evitar? E esportes?

Como se proteger na academia de ginástica? É melhor evitar? E esportes?

Pesquisadores do Hospital Universitário Dankook, da Coreia do Sul, identificaram que 112 casos de Covid-19 estão associados a aulas de dança fitness na cidade de Cheonan ocorridas em fevereiro. A pesquisa acende um alerta sobre a reabertura precoce de atividades intensas em academias de ginástica .

Voltando às aulas

Monitores medem temperatura corporal de estudantes — Foto: Ed Jones / AFP PhotoMonitores medem temperatura corporal de estudantes —

Centenas de milhares de estudantes da Coreia do Sul voltaram às aulas nesta quarta-feira, quando as instituições de ensino começaram a reabrir após serem fechadas por mais de dois meses após a pandemia de coronavírus. Os alunos fizeram fila para verificações de temperatura corporal e receberam desinfetantes para lavar as mãos ao entrar nas instalações da escola, onde os professores esperavam e acenavam ocasionalmente com toques no cotovelo.

Isolado na Rússia

Universitário Mateus Oliveira de Andrade aguarda em um alojamento estudantil em Moscou a reabertura das fronteiras russas — Foto: Arquivo pessoalUniversitário Mateus Oliveira de Andrade aguarda em um alojamento estudantil em Moscou a reabertura das fronteiras russas

Brasileiro que divide alojamento com 60 estudantes relata apreensão na quarentena na Rússia. Fronteiras russas estão fechadas desde 30 de março e ainda não há previsão de reabertura.

Morte nos presídios no RJ

Presídio no Rio de Janeiro — Foto: Divulgação/Thathiana Gurgel/Arquivo DPRJPresídio no Rio de Janeiro

O Rio de Janeiro tem 48 mortes em presídios durante quarentena da Covid-19, o maior número em 6 anos. Levantamento revela aumento de 33% no número de óbitos entre os dias 11 de março, quando foi decretado isolamento social no estado, e 15 de maio, comparado com o mesmo período de 2019.

Lives de hoje

Dave Matthews Band faz show no palco Mundo durante terceiro dia do Rock in Rio 2019 — Foto: Marcelo Brandt/G1Dave Matthews Band faz show no palco Mundo durante terceiro dia do Rock in Rio 2019

Dave Matthews Band, Br’oz, Sepultura, banda As Bahias e a Cozinha Mineira fazem transmissão nesta quarta-feira. Veja os horários.

Curtas e Rápidas:

 Fonte: G1
Continuar lendo PRIMEIRAS NOTÍCIAS DO DIA 20 DE MAIO DE 2020

PRIMEIRAS NOTÍCIAS DO DIA 19 DE MAIO DE 2020 NO G1

Por G1

 

A falta de política clara do governo para conter a pandemia é o maior entrave para a retomada da economia brasileira, segundo empresários. Eles alertam: enquanto ministros caem e Bolsonaro briga com governadores, o país perde credibilidade e investimentos. Bolsonaro sanciona, com vetos, a lei que cria linha de crédito para auxiliar micro e pequenas empresas. Saiba quem tem direito à nova leva de pagamentos do auxílio de R$ 600 hoje. No Rio, deputados votam projeto que autoriza lockdown no estado. A presença do coronavírus nas prisões do Brasil é tema do podcast O Assunto. E quem é o advogado investigado por ‘rachadinha’ e suspeito de presenciar suposto vazamento da PF para Flávio Bolsonaro.

E a retomada da economia?

Executivos dão mostras de desconforto com a falta de coordenação entre o Ministério da Saúde e a Presidência da República. A falta de política clara do governo para conter a pandemia é, segundo empresários, um grande entrave para a retomada da economia brasileira. Eles alertam que o país está perdendo credibilidade e investimentos, enquanto o Jair Bolsonaro briga com governadores e derruba ministros.

Micro e pequenas empresas

Donos de pequenos negócios não conseguem acesso ao crédito prometido

Donos de pequenos negócios não conseguem acesso ao crédito prometido

O presidente Jair Bolsonaro sancionou, com vetos, a lei que cria linha de crédito para auxiliar micro e pequenas empresas durante a crise do novo coronavírus. O valor dos empréstimos será de até 30% da receita bruta anual da empresa em 2019. O montante máximo do benefício é de R$ 108 mil para microempresas e de R$ 1,4 milhão para pequenas empresas.

Bolsonaro vetou da proposta a carência de oito meses para o pagamento do empréstimo e também a prorrogação, por 180 dias, dos prazos para pagamento de parcelamentos da Receita Federal e da Procuradoria-Geral da Fazenda Nacional.

A lei entra em vigor com a sanção, e os vetos terão de ser analisados pelo Congresso. Os parlamentares podem manter ou derrubar a decisão de Bolsonaro.

Auxílio emergencial

 — Foto: Marcos Santos / USP Imagens

A Caixa Econômica Federal (CEF) começa a pagar a primeira parcela do Auxílio Emergencial para um novo grupo de pessoas aprovadas para receber o benefício. Os primeiros a receber, já nesta terça, serão os trabalhadores nascidos nascidos em janeiro. Os pagamentos vão até 29 de maio, em dias escalonados por mês de nascimento.

Lockdown no RJ

A Assembleia Legislativa do Rio de Janeiro (Alerj) deve votar um projeto de lei que autoriza o governo a adotar o lockdown como forma de enfrentamento ao coronavírus. Se aprovada, a proposta ainda precisa ser sancionada pelo governador Wilson Witzel (PSC).

Lockdown no Amapá

Barreira sanitária em Macapá, durante pandemia do novo coronavírus — Foto: Marcelo Loureiro / Governo do AmapáBarreira sanitária em Macapá, durante pandemia do novo coronavírus — Foto: Marcelo Loureiro / Governo do Amapá

Começa a valer hoje o “lockdown” no Amapá. O decreto, válido em todo estado, prevê restrições mais severas de circulação de pessoas e funcionamento somente de atividades essenciais. A medida deve seguir até 28 de maio.

O Assunto: a Covid-19 nas prisões do Brasil

Cartas enviadas por presos retratam o cenário de superlotação, uma realidade incompatível com o isolamento social. Neste episódio, Renata Lo Prete conversa com Eduardo Matos de Alencar, sociólogo e autor de um livro sobre o desafio de governar uma prisão no Brasil. Alencar fala como a infraestrutura das prisões contribui para a transmissão da Covid-19. Participa também Renato de Vitto, defensor público e ex-diretor do Departamento Penitenciário Nacional (Depen), que avalia a eficácia das medidas de prevenção na população carcerária e as recomendações do Conselho Nacional de Justiça para liberação temporária de parte dos presos. Ouça:

Tecnologia nacional

Veja como funciona o oxímetro

Veja como funciona o oxímetro

A Biologix, startup de São Paulo, criou, há cinco anos, um oxímetro que capta os dados de oxigenação do paciente e, com a ajuda de um aplicativo de celular, monitora esses dados e os envia para um banco de dados. Lá, uma equipe médica tem acesso às informações.

Delírios na pior fase

Médico cuida de paciente com Covid-19 em UTI do Hospital Scripps Mercy, em Chula Vista, na Califórnia, em 12 de maio — Foto: Reuters/Lucy Nicholson Médico cuida de paciente com Covid-19 em UTI do Hospital Scripps Mercy, em Chula Vista, na Califórnia, em 12 de maio

Um estudo publicado pelo diário Lancet Psychiatry afirma que pacientes com quadros graves de Covid-19 podem sofrer delírios, confusão e agitação como resultado da infecção pelo coronavírus. O problema, entretanto, seria registrado em um número pequeno de doentes. Entenda a crise.

Advogado e a ‘rachadinha’

Advogado que foi a encontro de suposto vazamento da PF é investigado por rachadinha

Advogado que foi a encontro de suposto vazamento da PF é investigado por rachadinha

Investigado no caso das chamadas “rachadinhas’ pelo Ministério Público estadual, o advogado Victor Granado Alves é suspeito de participar do encontro em que, segundo o empresário Paulo Marinho, vazou a operação Furna da Onça ao senador Flávio Bolsonaro.

A operação foi uma das fases da Lava Jato no Rio de Janeiro. A investigação deflagrada em 8 de novembro de 2018 prendeu deputados estaduais da Assembleia Legislativa do Rio de Janeiro.

Victor Alves é citado no relatório do Conselho de Controle de Atividades Financeiras (Coaf) que apontou movimentações dele e do gabinete do então deputado estadual Flávio Bolsonaro.

Medo em Portugal

Após elogio da OMS, Portugal inicia reabertura gradual

Após elogio da OMS, Portugal inicia reabertura gradual

Apontado como modelo de gestão da pandemia do novo coronavírus entre seus vizinhos europeus, Portugal inicia a segunda fase do desconfinamento, reabrindo escolas e restaurantes. O fim da quarentena, contudo, que começou no dia 3, revela-se complexo e esbarra no medo e na resistência dos portugueses de voltar à normalidade. Entenda no blog da Sandra Cohen.

Ignorando o distanciamento social

Um estudo realizado nos Estados Unidos aponta que locais no país onde os governos não decretaram medidas de distanciamento social podem ter até 35 vezes mais casos de Covid-19, a doença provocada pelo coronavírus. Além disso, quanto mais tempo as políticas ficaram em vigor, mais lento foi o crescimento diário do número de casos.

Garantindo a comida

Trabalhadores do ramo alimentício no DF mudam rotina na pandemia

Trabalhadores do ramo alimentício no DF mudam rotina na pandemia

Do campo à mesa, trabalhadores mudam rotina na pandemia para garantir alimentos. G1 conversou com profissionais que mantêm expediente enquanto parte da família precisa ficar em casa. Na indústria de frango, empresa e granjas do DF incorporam novas medidas.

“Precisamos garantir a comida da população , a sobrevivência e os empregos, em função disso, nossa atividade é essencial.”

Lives de hoje

Alanis Morissette — Foto: Caio Kenji / G1Alanis Morissette

Alanis Morissette, Tiê, Teatro Mágico e mais shows para ver em casa. Cantora canadense é o grande destaque em live que relembra o disco ‘Jagged Little Pill’. Veja horários.

Torneio de pipa

Campeonato de pipa em comunidade reúne cerca de 200 pessoas e revolta moradores

Campeonato de pipa em comunidade reúne cerca de 200 pessoas e revolta moradores

Um torneio de pipa reuniu cerca de 200 pessoas e revoltou moradores no litoral de São Paulo. Campeonato ocorreu no bairro Jardim Vicente de Carvalho, em Bertioga. Falta de respeito com quarentena gerou indignação nas redes sociais.

Curtas e Rápidas:

  • Devo ou não colocar no currículo que perdi meu emprego por causa da pandemia?
  • Ciclistas querem ciclovias temporárias em SP durante pandemia; OMS recomenda bicicleta para evitar aglomeração
  • Blog do Altieres Hors: hackers atacaram supercomputadores para minerar criptomoedas
Fonte: G1
Continuar lendo PRIMEIRAS NOTÍCIAS DO DIA 19 DE MAIO DE 2020 NO G1

PRIMEIRAS NOTÍCIAS DO DIA 18 DE MAIO DE 2020 NO G1

Por G1

 

segunda parcela de R$ 600 de ajuda do governo está chegando. Celso de Mello, do STF, assistirá ao vídeo com a gravação da reunião ministerial de 22 de abril, e depois decidirá sobre divulgação. A PF afirmou que investigará se houve vazamento de informações para o filho do presidente Bolsonaro. Um alerta e a volta do tradicional rodízio em São Paulo. “O Assunto” fala sobre o futuro das relações entre China e EUA após a pandemia. O retorno à telinha do “Conversa com Bial” e a reabertura da Basílica de São Pedro no Vaticano. E os concursos em andamento no país.

Ajuda de R$ 600: 2ª parcela

 — Foto: Marcos Santos / USP Imagens Foto: Marcos Santos / USP Imagens

Começa a ser paga hoje a segunda parcela do Auxílio Emergencial de R$ 600. Os primeiros a receber serão os beneficiários do Bolsa Família cujo NIS termina em 1. Amanhã, serão pagos os recursos aos beneficiários do bolsa com NIS terminado em 2.

Trabalhadores que estão no Cadastro Único e não recebem o Bolsa Família, assim como os que se inscreveram através do site ou aplicativo, começam a receber a parcela na quarta-feira (20).

O calendário da segunda parcela vale apenas para quem recebeu a primeira parcela até 30 de abril. O governo não informou quando vai pagar a segunda parcela para quem receber a primeira depois desta data.

Vídeo de reunião ministerial

O ministro Celso de Mello, do STF — Foto: Carlos Moura / SCO / STFO ministro Celso de Mello, do STF — Foto: Carlos Moura / SCO / STF

O ministro Celso de Mello, do Supremo Tribunal Federal (STF), vai assistir nesta segunda-feira ao vídeo com a gravação da reunião ministerial de 22 de abril, no Palácio do Planalto. Depois, vai decidir se autoriza a divulgação. O ex-ministro Sérgio Moro aponta o encontro como uma prova da interferência do presidente Jair Bolsonaro na Polícia Federal (PF). Depois, Mello decide se autoriza a divulgação total ou em partes da gravação.

Um inquérito foi aberto pelo STF, a pedido da Procuradoria Geral da República (PGR), para investigar as acusações de Moro. Bolsonaro nega ter interferido na corporação.

Vazamento de informações

PF afirma que investigará se houve vazamento de informações a Flávio Bolsonaro

PF afirma que investigará se houve vazamento de informações a Flávio Bolsonaro

A PGR pediu ontem que a PF colha o depoimento do empresário Paulo Marinho no âmbito do inquérito no STF que apura se o presidente Jair Bolsonaro tentou interferir na PF. Em entrevista ao jornal “Folha de S. Paulo”, o empresário afirmou que o senador Flávio Bolsonaro (PSL) foi avisado com antecedência por um delegado da PF sobre a deflagração da Operação Furna da Onça, que culminou na prisão de diversos parlamentares do estado do Rio em novembro de 2018. A PF afirmou que investigará se houve vazamento de informações ao filho do presidente.

Alerta em SP

Curva de mortes no estado de SP — Foto: Arte / G1

Curva de mortes no estado de SP — Foto: Arte / G1

Pesquisadores que acompanham a evolução do novo coronavírus no estado de São Paulo alertam que a curva de mortes causadas pela doença, que chegou a entrar em processo de achatamento, teve forte aceleração nos últimos 15 dias. Os cientistas admitem a possibilidade de que o vírus não cause um pico de contaminação, mas sim um “platô”, como os especialistas classificam uma situação de pico contínuo, que demora a cair. Nesse caso, o número de novos casos por dia se mantém alto por várias semanas seguidas e a capacidade da rede hospitalar se esgota, levando ao colapso do sistema. Entenda a preocupação dos cientistas.

Rodízio em São Paulo

Trânsito na região do Vale do Anhangabaú, no Centro de SP, na manhã de quarta (13) — Foto: Uriel Punk / Futura Press / Estadão ConteúdoTrânsito na região do Vale do Anhangabaú, no Centro de SP, na manhã de quarta (13)

O rodízio tradicional volta a vigorar às 7h desta segunda-feira em São Paulo. O prefeito Bruno Covas (PSDB) anunciou que o rodízio ampliado e mais restritivo não surtiu efeito no índice de isolamento da cidade, que se manteve abaixo do esperado pela gestão municipal.

Com o novo decreto, o rodízio volta a restringir a circulação de veículos de acordo com o número final da placa e o dia da semana, apenas no centro expandido e nos horários de pico, como era realizado anteriormente:

  • Segunda-feira: final de placa 1 e 2
  • Terça-feira: final de placa 3 e 4
  • Quarta-feira: final de placa 5 e 6
  • Quinta-feira: final de placa 7 e 8
  • Sexta-feira: final de placa 9 e 0

Basília de São Pedro reaberta

Turistas em fila no vaticano — Foto: Vincenzo Pinto / AFP PhotoTuristas em fila no vaticano .

Basílica de São Pedro no Vaticano, fechada desde 10 de março, reabriu ao público com medidas de precaução após a pandemia de Covid-19. Na presença de numerosos policiais com máscaras, visitantes (também com máscaras), respeitaram a distância de dois metros um do outro para entrar no templo. Todos têm que medir a temperatura e desinfetar as mãos.

Visitantes têm que manter distância de dois metros uns dos outros — Foto: Vincenzo Pinto / AFP PhotoVisitantes têm que manter distância de dois metros uns dos outros

Estudo

Mulher observa máscaras à venda em mercado de rua em Berlim, na Alemanha, no sábado (25) — Foto: Annegret Hilse / Reuters Mulher observa máscaras à venda em mercado de rua em Berlim, na Alemanha, no sábado (25)

Um levantamento sobre ações de combate à pandemia do coronavírus em 24 países apontou que 83% deles adotaram “lockdown” e 13% o isolamento vertical para frear o aumento no número de casos. Entenda o estudo.

A relação China-EUA após a pandemia

Maiores economias, maiores parceiros comerciais, maiores inimigos… China e EUA travaram uma guerra comercial nos últimos anos, e ensaiaram um acordo nos últimos meses. Mas chegou a pandemia de Covid-19 e com ela nova troca de acusações e disputa entre os dois lados. Renata Lo Prete conversa com Rubens Barbosa, ex-embaixador do Brasil em Washington, e Tatiana Prazeres, ex-secretária de Comércio Exterior do Brasil. Os dois falam como fica a relação entre as duas potências no pós-pandemia, quais os impactos da disputa entre os dois países para a economia e, principalmente, para o Brasil. Ouça:

Conversa com Bial

Gloria Maria estreia o 'Conversa com Bial' — Foto: Reprodução / TV GloboGloria Maria estreia o ‘Conversa com Bial’ —

Em clima de isolamento social, o “Conversa com Bial” retorna à grade da TV Globo adaptado à quarentena necessária à prevenção ao coronavírus. O programa vai ao ar nesta segunda-feira à noite, após o Jornal da Globo. De sua casa, Pedro Bial inicia a quarta temporada em um papo com uma das jornalistas mais queridas da história, Gloria Maria.

“Graças a Deus eu não cubro mais política: ou já teria apanhado, ou já teria batido”, disse Gloria Maria

O caminho das doações

Doações distribuídas pela Cufa em Curitiba; a instituição é uma das campeãs de arrecadação em lives da quarentena — Foto: Reprodução / Facebook / CufaDoações distribuídas pela Cufa em Curitiba; a instituição é uma das campeãs de arrecadação em lives da quarentena —

No modelo de live adotado por artistas durante a quarentena, eles cantam e fazem estripulias para divertir o público, enquanto pedem doações para instituições que ajudam a combater os prejuízos causados pelo coronavírus. Shows já arrecadaram mais de R$ 7 milhões. Mas, depois qual é o caminho do dinheiro? Conheça também projetos que mais receberam ajuda.

Transtorno Obsessivo-Compulsivo (TOC)

 — Foto: Divulgação / iStock Photos Foto: Divulgação / iStock Photos

O Transtorno Obsessivo-Compulsivo (TOC) pode ser diagnosticado a partir de diferentes sintomas. Com a pandemia do novo coronavírus, alguns pacientes com TOC ligados à contaminação ou à limpeza, podem sofrer com as formas de prevenção e com a ideia de que o vírus possa estar em qualquer lugar.

“Comecei a lavar muito as mãos a ponto de feri-las”, diz bancária.

Concursos

 — Foto: Divulgação

Pelo menos 107 órgãos estão com inscrições abertas para vagas em concursos públicos. Ao todo, são mais de 15 mil oportunidades em disputa em todo o país. Há vagas para todos os níveis de escolaridade.

Fonte: G1

Continuar lendo PRIMEIRAS NOTÍCIAS DO DIA 18 DE MAIO DE 2020 NO G1

Fim do conteúdo

Não há mais páginas para carregar