AUTOCONHECIMENTO: SAIBA QUAL A RELAÇÃO ENTRE SIMPATIA, EMPATIA E COMPAIXÃO

Confesso que só agora, depois de ler o texto que lhes trago agora, consegui entender o verdadeiro significado, a diferença e a relação entre Simpatia, Empatia e Compaixão. Dai a fundamental importância da leitura, do estudo e do conhecimento diários. Com certeza, depois que você ler o texto a seguir irá dar um salto quântico na sua evolução espiritual e jamais será o(a) mesmo(a), pois ao aprender o significado e a relação entre esses três sentimentos e passar a colocar em prática esses ensinamentos sua vida tomará um novo rumo. Então, não perca essa oportunidade!

Simpatia, empatia e compaixão – entenda a relação entre elas

Mensagem de 21 de Janeiro de 2021

Os chakras tridimensionais operam como barômetros de equilíbrio ou desequilíbrio. Se você souber o que eles fazem, terá a oportunidade de reorientar sua atenção e começar a se realinhar. Todos os sete chakras principais nos apoiam, mas para a maioria de nós, os três chakras inferiores guiam a vida que experimentamos.

Primeiro chakra: Sobrevivência

O primeiro trabalho do chakra é mantê-lo seguro para que você possa cumprir seu propósito nesta vida. Se você estiver ameaçado e não for o ponto de saída de sua vida, o primeiro chakra sobrepõe tudo para mantê-lo seguro. Ele ativará o mecanismo de fuga ou luta e fará com que você volte para a calçada antes que o ônibus o atinja. O primeiro chakra está localizado na ponta mais baixa de sua coluna vertebral.

Segundo chakra: Emoções

O segundo chakra trata das emoções mais baixas (carência, ciúme, ressentimento, vícios e tristeza) mais a sexualidade e a sensualidade. Este chakra está localizado a dois dedos abaixo do umbigo e voltado para a coluna vertebral.

Terceiro chakra: Poder, Controle, Julgamento e Resistência

Se você encontrar sua região do plexo solar em dor, ela pode não ser uma indigestão ácida. Este chakra está lhe dizendo que você está desequilibrado, em uma situação de “empurrar e empurrar” (poder e controle). Se você estiver resistindo ou julgando algo em grau suficientemente alto, a área do terceiro chakra será bloqueada e/ou com dor.

Juntos, os três chakras inferiores apoiam a simpatia e a empatia. Estas duas reações tridimensionais são baseadas em experiências passadas. Elas lhe dizem onde você está em relação à sua segurança e ao seu encaixe emocional, bem como em relação ao seu bem-estar, e como você é aceito pelos outros. Este é o trabalho de empatia e simpatia.

Empatia

A empatia é a capacidade de sentir a dor emocional e física que outros estão experimentando. Muitos trabalhadores da luz da nova era têm grande orgulho e são glamorizados por sua capacidade de sentir a dor física dos outros. Eles veem isso como uma forma útil de ler a energia dos outros e de curá-los. Eventualmente, ao continuar a optar por trazer dor ao seu corpo, você vai prejudicar sua saúde e bem-estar. O transporte da dor aumentará seu processo de envelhecimento e o desgastará.

A empatia é um segundo chakra, um meio tridimensional de determinar se a pessoa que está diante de você está segura para interagir com você. O segundo chakra lê a energia da outra pessoa para determinar seu humor, atitude, estabilidade emocional/mental, e para determinar se estar perto dela é seguro. É o trabalho de seu primeiro chakra, não seu segundo, manter você e seu corpo a salvo. Usar seu segundo chakra para este trabalho (empatia) torna-se um fardo e interfere no seu bem-estar e equilíbrio.

Simpatia

A simpatia é a reação interna, tridimensional e emocional à observação da dor do outro. Você se sente arrependido, preocupado, triste, e perturbado com o que eles estão passando. Simpatia não é sentir a dor deles em seu corpo; é uma reação de segundo chakra inferior a ela, sentida dentro de seu corpo emocional. O hábito da simpatia destruirá seu equilíbrio emocional e eventualmente também seu bem-estar físico.

Nem a simpatia nem a empatia beneficiarão seu amigo em dor. A dor em seu caminho existe para que eles possam alavancar para seu próprio maior domínio pessoal. Nada com que você possa se preocupar, sentir ou assumir por eles afetará positivamente sua jornada.

Compaixão

A compaixão, por outro lado, é uma expressão superior quarta-dimensional. Ela opera no momento presente e permite que você observe de forma neutra e objetiva a situação que está diante de você. Ela não julga a situação. É permitir e aceitar as coisas exatamente como elas são. O ato de estar em sua Mente Superior e cercado por seu Octaedro lhe oferece a capacidade de ser compassivo. Enfrentar seu amigo que está sofrendo enquanto você está neste espaço compassivo, lhe dá o espaço para ver e oferecer as informações sábias e úteis de que eles podem se beneficiar se assim o desejarem.

Por outro lado, quando você está nas reações tridimensionais de simpatia e empatia, é impossível para você guiar e orientar seu amigo. A compaixão permite que você observe sem se enredar no drama, nas reações emocionais e na dor física dos outros. Este lugar de poder então permite que você seja de maior utilidade. Você pode ajudar os outros a liberar seus padrões, crenças e hábitos pouco benéficos de maneira maior – se eles assim o desejarem.

Reação versus resposta

Para muitos, os próximos meses e anos da Mudança serão muito confusos e emocionais. Aqueles que confiam em padrões reacionários de simpatia e empatia para compreender ou ajudar os outros experimentarão uma atração carregada, emocional e física, eletromagnética para os sentimentos, pensamentos e dor dessas pessoas. Digamos isso novamente: Como o ímpeto da Mudança continua a aumentar, se você optar por confiar na empatia e simpatia, você encontrará esses padrões eletromagnéticos carregados puxando você para dentro dos sentimentos, pensamentos e dramas erráticos, sem foco e dolorosos daqueles que estão diante de você.

A maioria de nós pode se lembrar claramente onde estávamos e o que estávamos fazendo quando ouvimos falar dos eventos do 11 de setembro. À medida que o evento se desenrolou, duas ondas de energia se moveram ao redor do mundo:

Uma reação tridimensional mergulhada no medo

Uma resposta em quarta dimensão que se intensificou e perguntou: “O que eu posso fazer? Como posso ajudar?”

As pessoas na área de Nova York experimentaram primeiro a reação tridimensional de medo, seguida pela segunda resposta, que moveu muitos para uma vibração da quarta dimensional de compaixão, que envolveu nenhum pensamento e nenhuma condição. Alguns amigos nossos penduraram seu telefone fixo pela janela para que outros pudessem ligar para casa e oferecer seu banheiro para os bombeiros. Tudo o que importava era que o bem-estar fosse trazido de volta ao equilíbrio. As comunidades se uniram para servir e ajudar. Outros ao redor do mundo também foram afetados por estes eventos. Muitos que não estavam diretamente envolvidos sentiam empatia e simpatia e optaram por sentir desconforto físico e emocional, o que também incluía medo, lágrimas e preocupação. Muitos outros escolheram a compaixão e, à sua própria maneira, se intensificaram para ajudar. Como você reagiu na época?

Tanto a reação quanto a resposta são escolhas muito disponíveis durante este tempo de Turno. Você tem esta escolha a cada momento. Lembrar e usar suas ferramentas para se manter concentrado, observador, claro e objetivo permitirá que você mantenha um tom vibracional que o mantém bem acima das reações dos três chakras inferiores e fora do medo tridimensional.

Trecho do livro do Kindle: “O que você quer dizer com a terceira dimensão está se afastando?( What Do You Mean the Third Dimension is Going Away)”

Fonte: https://eraoflight.com/
Rafaella Dourado e Marco Iorio Júnior — Tradutora e Editor exclusivos do Trabalhadores da Luz

Continuar lendo AUTOCONHECIMENTO: SAIBA QUAL A RELAÇÃO ENTRE SIMPATIA, EMPATIA E COMPAIXÃO

FILOSOFIA: OS CONCEITOS DE EMPATIA, SIMPATIA E ANTIPATIA POR LEANDRO KARNAL

 

Na nossa coluna FILOSOFIA desta segunda-feira temos mais uma mini-palestra do extraordinário Leandro Karnal sobre os conceitos de Empatia, Antipatia e Simpatia com muito humor e metáforas incríveis. Um vídeo que ensina, diverte e relaxa.

Fonte:

Continuar lendo FILOSOFIA: OS CONCEITOS DE EMPATIA, SIMPATIA E ANTIPATIA POR LEANDRO KARNAL

Fim do conteúdo

Não há mais páginas para carregar