Blog do Saber, Cultura e Conhecimento!

POESIA: CAUSO HOJE CHOVE POR JESSIER QUIRINO

O palestrante desta sexta-feira na nossa coluna POESIA é o inenarrável Jessier Quirino que define o ato de palestrar assim: O “palestrar” no meio rural é aquela conversa despretensiosa em porta de bodega, ou acocorado à sombra dum pé de juá, riscando o chão com um graveto. Há também há aquelas palestras em forma de visita familiar. Danado é quando o matuto é caipora e quer se livrar da visita a todo custo. Aí vira causo.

Fonte:

Continuar lendo

POESIA: JESSIER QUIRINO E CHICO CESAR EM “CABOCA DA BORBOREMA”

Sábado é dia de lazer e diversão! Então vamos nos divertir até umas horas como o grande Jessier Quirino na coluna POESIA na companhia do irreverente Chico Cesar de Catolé do Rocha com o causo musical “Caboca da Borborema”. Assista, você vai se divertir a valer!

“Caboca da Borborema” é um samba de latada que surge na casca das músicas de gafieira estilo Rosil Cavalcanti, Zito Borborema, Jacinto Silva, Gordurinha… contemporâneos do Rei do Ritmo Jackson do Pandeiro – o nosso grande homenageado – na passagem dos seus Cem Anos. Dei de garra da memória afetiva de minha Campina Grande, com olhos para a Rua 15 de Novembro próxima da minha casa, e fiz versos de exaltação a uma suposta caboca nota 10. Para sedimentar ainda mais nossa homenagem, convidamos grandes músicos e o amigo irmão Chico César, sertanejo de Catolé do Rocha, que imprime estilo próprio em tudo que faz. O resultado é só alegria. Coisa que Jackson produzia de carrada, botando ritmo e malabarismo até em balancete de banco.

Fonte:

Continuar lendo

Fim do conteúdo

Não há mais páginas para carregar

Fechar Menu
×

Carrinho