ANÁLISE POLÍTICA: PORQUE VOU DEBATER COM KIM KATAGUIRI, POR CAIO COPPOLLA

A nossa postagem deste sábado, aqui na coluna ANÁLISE POLÍTICA é um vídeo do espetacular Caio Coppolla sobre um debate que foi convidado a fazer com o jovem e irreverente deputado federal Kim Kataguri. Kim Kataguiri é um político a serviço do ambicioso projeto de poder do MBL, um movimento que há meses vem insultando o jornalista, difamando-o, distorcendo as declarações e mentindo sobre suas fontes de renda, em dezenas de vídeos e postagens nas redes sociais. Mesmo assim, o comentarista aceitou o convite pra debater com o jovem deputado, cuja prioridade absoluta é o Impeachment do Presidente da República. Neste vídeo Caio explica o porquê de ter aceitado o convite. Não deixe de assistir. É uma prévia do que você vai ver no debate!

Fonte:

Continuar lendo ANÁLISE POLÍTICA: PORQUE VOU DEBATER COM KIM KATAGUIRI, POR CAIO COPPOLLA

ANÁLISE POLÍTICA: LIBERDADE ESSENCIAL, POR ALEXANDRE GARCIA

Nesta segunda-feira, aqui na coluna ANÁLISE POLÍTICA, o jornalista Alexandre Garcia comenta, mais uma vez, sobre o desrespeito à Constituição e liberdades deletadas. Apesar de Dr. Ulysses Guimarães a Constituição é clara e de fácil entendimento. Mas se é assim, por que será que ela está sendo rasgada, página por página, dia a dia? Esse é o questionamento que o nosso Alexandre Garcia faz. Então convido você a assistir o vídeo completo a seguir, refletir e fazer o seu juízo de valor!

Fonte:

Continuar lendo ANÁLISE POLÍTICA: LIBERDADE ESSENCIAL, POR ALEXANDRE GARCIA

OPINIÃO: O POVO NÃO TEM QUE SAIR EM DEFESA DE BOLSONARO E SIM DA CONSTITUIÇÃO E DE SI PRÓPRIO

OPINIÃO: O POVO NÃO TEM QUE SAIR EM DEFESA DE BOLSONARO E SIM DA CONSTITUIÇÃO E DE SI PRÓPRIO
Bolsonaro anda de moto e visita deputada Bia Kicis em Brasília

Caro(a) leitor(a),

O que estamos assistindo de camarote no cenário da política brasileira é algo único, inusitado e muito estranho. Aqui podemos usar o termo popular “faca de dois gumes”. Haja vista as arbitrariedades do STF à margem da Constituição, se faz necessário uma ação firme da parte do titular do poder neste país: o Povo, como já foi dito por mim  na coluna PONTO DE VISTA. E o Povo começa a fazer a sua parte, indo às ruas como o fez no domingo passado, feriado nacional pelo dia do trabalho. O presidente Jair Bolsonaro na sua sede insaciável de poder se aproveita dessas ocasiões para protagonizar episódios como o deste domingo com os motociclistas. O Povo precisa e deve, mais do que nunca voltar às ruas, diante da situação esdruxula, bizarra e surreal pela qual estamos passando. Mas não para defender Bolsonaro de coisa nenhuma. Ele é maior de idade, raposa velha na política, conhece a Constituição de cabo a rabo, está muito bem assessorado e se vier a se dar mal é única e exclusivamente por sua decisão e culpa. Se tem algo ou alguém que precisa de defesa nesse momento é a nossa débil e frágil Constituição e em consequência o próprio Povo brasileiro. Por isso, não podemos confundir as coisas. É hora de muita responsabilidade, pois um erro pode levar o nosso país para o caos absoluto e isso está por um fio para acontecer. Neste momento sejamos patriotas e vamos compartilhar essa mensagem com força!

Motociclistas se unem a Bolsonaro em homenagem ao Dia das Mães

Este é o 2° ato consecutivo em apoio ao presidente neste mês de maio.

Publicado em 09.05.2021

Marcos Corrêa | PR

O presidente Jair Bolsonaro realizou um passeio de moto de aproximadamente 1 hora em homenagem ao Dia das Mães na manhã deste domingo (9) passando pelas ruas de Brasília.

Ele foi acompanhado por centenas de motociclistas, inclusive o deputado Hélio Lopes (PSL-RJ), que postou em suas redes sociais o trajeto percorrido pelo presidente e pelos demais motociclistas.

O passeio foi anunciado por Bolsonaro durante sua live de quinta-feira (6). Na ocasião, o presidente falou que esperava cerca que 1 mil motociclistas o acompanhassem no passeio em homenagem ao Dia das Mães.

Neste domingo, ele postou sobre o passeio em suas contas no Facebook e no Twitter.

“Esse passeio hoje aqui, com toda certeza, havendo convite, iremos para São Paulo, Rio de Janeiro e Belo Horizonte. É uma demonstração não política, uma demonstração de amor à Pátria, demonstração de todos aqueles que querem paz, tranquilidade, e liberdade acima de tudo. Pode ter certeza, nosso exército são vocês, o que vocês determinarem, nós faremos”, afirmou o mandatário.

Jornalista, professor e comentarista político. Cobre os bastidores de Brasília no Conexão Política.

Continuar lendo OPINIÃO: O POVO NÃO TEM QUE SAIR EM DEFESA DE BOLSONARO E SIM DA CONSTITUIÇÃO E DE SI PRÓPRIO

RESUMODA SEMANA: A CPI DA COVID É O CENTRO DAS ATENÇÕES

Domingo é dia de se atualizar com os principais fatos políticos nacionais, você que não teve tempo para acompanhar o desenrolar dos acontecimentos e foram muitos devido a CPI da Covid, que tomou conta de toda a mídia nacional, com os depoimentos dos ex-ministros da Saúde Henrique Mandetta e Nelson Teich, bem como do atual ministro Marcelo Queiroga. Então lhe convido a assistir o vídeocompleto  aseguir sob o comando de Vitor Brown.

Fonte:

Continuar lendo RESUMODA SEMANA: A CPI DA COVID É O CENTRO DAS ATENÇÕES

ANÁLISE POLÍTICA: FUI PRO PAU NO STF CONTRA A CENSURA, POR CAIO COPPOLLA

Neste sábado, aqui na coluna ANÁLISE POLÍTICA o Extraordinário Caio Coppolla, literalmente, VAI PRO PAU NO STF CONTRA A CENSURA bancada com dinheiro público pelo Presidente do Senado, sr. Rodrigo Pacheco. O jornalista acaba de impetrar um Mandado de Segurança no Supremo para garantir nosso direito constitucional de liberdade de expressão e de acesso à informação: ao bloquear suas redes sociais OFICIAIS pra evitar críticas e cobranças da opinião pública, o Senador Rodrigo Pacheco está discriminando e censurando o povo brasileiro. E então ele pede: Se você concorda que a “PRAÇA (VIRTUAL) É DO POVO” e que a Justiça deve obrigar o Senador Pacheco a superar sua COVARDIA POLÍTICA, que o ajude de duas formas: 👉🏼 COMPARTILHE ESTE VÍDEO (e, se possível, mande o link nos seus grupos de WhatsApp!); 👉🏼 MARQUE NOS COMENTÁRIOS uma pessoa querida que seja ESTUDANTE OU PROFISSIONAL DO DIREITO (advogados, promotores, juízes, defensores públicos, delegados…). Ele também quer saber a opinião deles sobre a tese jurídica que ele defende neste vídeo e que está embasada em votos recentes da Ministra Cármen Lúcia sobre atos de censura por autoridades públicas. Críticas são mais que bem-vindas! Portanto, se você, assim como eu, está indignado com esse abuso do presidente do congresso compartilhe com força essa postagem e ajude o Brasil a ser VERDADEIRAMENTE um país democrático!

Fonte:

Continuar lendo ANÁLISE POLÍTICA: FUI PRO PAU NO STF CONTRA A CENSURA, POR CAIO COPPOLLA

ANÁLISE POLÍTICA: #FIMDOSSUPERSALARIOS, POR CAIO COPPOLLA

Nesta quarta-feira a nossa coluna ANÁLISE POLÍTICA trás a íntegra do texto e do vídeo do comentarista político Caio Coppolla sobre o fim dos supersalários. Gente, essa é a grande oportunidade de acabarmos definitivamente com esse privilégio bilionário!

Se você apoia o #FimDosSuperSalários da elite do funcionalismo público, COMPARTILHE ESTE VÍDEO 👉🏼🇧🇷 E pra que a Câmara Federal coloque logo em pauta o Projeto de Lei (6762/16) que acaba com esses PRIVILÉGIOS BILIONÁRIOS (e já foi aprovado no senado), é simples: 1) Compartilhe este vídeo nas suas redes sociais e YouTube, e envie o link do vídeo nos seus grupos de WhatsApp; 2) SIGA O PRESIDENTE DA CÂMARA (Deputado Arthur Lira) NAS REDES SOCIAIS: * Facebook: https://www.facebook.com/arthurlirade… * Instagram: https://www.instagram.com/oficialarth… * Twitter: https://twitter.com/ArthurLira_ 3) COMENTE em qualquer postagem nas redes do Arthur Lira utilizando a hashtag #FimDosSuperSalários A elite do funcionalismo público transformou o TETO CONSTITUCIONAL em PISO SALARIAL, tanto que 65% dos juízes brasileiros recebem mais de R$39.293,32 por mês e a média mensa de remuneração de juízes e desembargadores estaduais supera R$48mil – considerando todos os penduricalhos, auxílios, benefícios etc. MAS NÃO VAMOS PERDER A ESPERANÇA NO BRASL: Assista todo o vídeo pra entender por que nós nunca estivemos tão perto de acabar com essas remunerações indevidas, fruto de distorções na interpretação da Constituição e de brechas legais imorais (especialmente em tempos de pandemia). “Por trás de todo SUPERSALÁRIO, há um HIPERPRIVILEGIADO: um funcionário público que ganha mais do que deveria e faz parte de uma ENGRENAGEM ESTATAL PERVERSA QUE CONCENTRA RENDA tirando do mais pobre para dar ao mais rico”. 👊🏼🇧🇷

Fonte:

Continuar lendo ANÁLISE POLÍTICA: #FIMDOSSUPERSALARIOS, POR CAIO COPPOLLA

ANÁLISE POLÍTICA: PENSAR EM ELEIÇÃO NA CPI É DESRESPEITAR AS VÍTIMAS, POR ALEXANDRE GARCIA

Segunda-feira é dia de ANÁLISE POLÍTICA aqui na coluna, com o brilhante Alexandre Garcia fazendo a leitura e comentando pausadamente o seu artigo publicado em 18 jornais “CPI in memorian”, onde analisa a CPI da Covid depois de implantada nesta semana. Então não perca essa oportunidade de entender quando, como e por que se formou essa comissão do desrespeito! 

Fonte:

Continuar lendo ANÁLISE POLÍTICA: PENSAR EM ELEIÇÃO NA CPI É DESRESPEITAR AS VÍTIMAS, POR ALEXANDRE GARCIA

RESUMO DA SEMANA: SEMANA DA PAN: CPI DA COVID – RENAN CALHEIROS RELATOR – 01/05/21

Você que não teve tempo de acompanhar os fatos políticos da semana assista agora, aqui na coluna RESUMODA SEMANA deste domingo tudo que rolou na política nacional, através do programa Semana da Pan sob o comando de Nicole Fusco e se atualize!

Fonte:

Continuar lendo RESUMO DA SEMANA: SEMANA DA PAN: CPI DA COVID – RENAN CALHEIROS RELATOR – 01/05/21

ANÁLISE POLÍTICA: QUE O CHAMA DE GADO, BURRO É – POR CAIO COPPLLA

Neste sábado a coluna ANÁLISE POLÍTICA trás o comentário sempre impecável e eloquente do brilhante Caio Coppolla. Desta vez fazendo uma singela homenagem as pessoas sensatas, que estão a cada dia mais escassas no debate público. Como o próprio Caio diz: Por trás de toda ofensa gratuita e dos gritos de “GADO!”, há um “BURRO” ressentido e frustrado com a própria incapacidade de persuadir o próximo. Por isso ele pede que: 👉🏼 ENVIE O LINK DESSE VÍDEO PRA PRIMEIRA PESSOA SENSATA QUE VIER À SUA CABEÇA! Então assista a este pragmático, sensato e convincente vídeo e faça sua reflexão! 

Fonte:

Continuar lendo ANÁLISE POLÍTICA: QUE O CHAMA DE GADO, BURRO É – POR CAIO COPPLLA

ANÁLISE POLÍTICA: DE ACORDO COM BÁRBARA, O SHOW COMEÇOU – PRIMEIRO ATO

A nossa coluna ANÁLISE POLÍTICA desta quarta-feira temos Política com Humor sob o comando da competente Bárbara, que faz um resumão do que foi o primeiro ato do show que acompanharemos pelos próximos 3 meses., ou seja, a famigerada CPI da COVID, a maoir palhaçada já realizada nesse país surreal! Então assista, curta, se divirta muito, ria enquanto pode, pois depois o choro é livre!

Fonte:

Continuar lendo ANÁLISE POLÍTICA: DE ACORDO COM BÁRBARA, O SHOW COMEÇOU – PRIMEIRO ATO

OPINIÃO: SE A CORDA ARREBENTAR AS CONSEQUÊNCIAS SÃO IMPREVISÍVEIS

Caro(a) leitor(a),

A corda está esticando muito e pode arrebentar a qualquer momento. Algo que venho alertando aqui na coluna OPINIÃO há algum tempo. Até o momento as Forças Armadas têm conseguindo se manter à margem dessa celeuma política entre os três poderes da república. Também tenho alertado que Bolsonaro não é diferente de nenhum outro governante extremista, seja da esquerda ou da direita. Até porque esses polos se encontram nos extremos e o que os caracteriza é o “autoritarismo”. Lula tentou muito dar um golpe, mas nunca conseguiu a adesão das Forças Armadas. Bolsonaro não é diferente. O infindável número de postos ocupados por militares em seu governo que o diga, mas ele sabe que as Forças Armadas não o apoiariam numa ofensiva autoritária contra as instituições dos outros poderes. Entretanto, ao que parece está preparando uma cartada arriscada, mas que poderá dar certo. Ao colocar as Forças Armadas nas ruas para garantir o restabelecimento do artigo 5º da Constituição poderá provocar um clima de confronto com os poderes legislativo e judiciário que arrebentará a corda e teremos uma situação sem volta, onde as Forças Armadas finalmente serão obrigadas a se posicionar e ai, só Deus sabe o que poderá acontecer. Elas poderão se submeter a imposição de Bolsonaro ou se rebelar e destituí-lo. Então, vamos aguardar as cenas dos próximos capítulos!

Bolsonaro diz que pode colocar Forças Armadas nas ruas para “restabelecer todo o artigo 5º da Constituição”

Se aplicada, medida deve ser feita cumprindo todos os requisitos da Constituição.

Publicado em 25.04.2021

Alan Santos | PR

O presidente Jair Bolsonaro afirmou nesta sexta-feira (23) que há, sim, um plano para um eventual ‘caos no Brasil’.

Segundo ele, existe a possibilidade de as Forças Armadas irem às ruas para “restabelecer todo o artigo 5º da Constituição [que estabelece o direito da livre locomoção no território nacional em tempo de paz]“.

“O que eu me preparo? Não vou entrar em detalhes. Essa política de lockdown, fique em casa, toque de recolher, isso é um absurdo. Se tivermos problema, nós temos o plano de como entrar em casa. Eu falo ‘o meu [Exército]’ o pessoal reclama, mas eu sou o chefe supremo das Forças Armadas. Se precisar, iremos para as ruas, não para manter o povo dentro de casa, mas para restabelecer todo o artigo 5.º da Constituição”, afirmou o presidente, em entrevista à TV A Crítica, do Amazonas.

Ainda segundo o mandatário, medidas que promovem o distanciamento social extremo descumprem a Constituição e retiram as liberdades individuais do cidadão.

“Se eu decretar isso, vai ser cumprido esse decreto. As Forças Armadas podem ir para a rua sim, dentro das quatro linhas da Constituição, para fazer cumprir o artigo 5.º, direito de ir e vir, acabar com essa covardia de toque de recolher, direito ao trabalho, liberdade religiosa e de culto, para cumprir tudo aquilo que está sendo descumprido por alguns governadores e alguns poucos prefeitos, mas trabalha toda a sociedade. É um poder excessivo que lamentavelmente o Supremo Tribunal Federal delegou”, afirmou.

Por fim, garantiu à população que se tal decisão for aplicada, não haverá nenhum tipo de excesso.

“Agora, eu não posso extrapolar. Isso que alguns querem, que extrapole. Estou junto com os 23 ministros, da Damares ao Braga Netto, praticamente conversado sobre isso daí: o que fazer se um caos generalizado se implantar no Brasil. Pela fome, pela maneira covarde que alguns querem impor essas medidas restritivas para o povo ficar dentro de casa. O caldo não entornou ano passado em função do auxílio emergencial”, completou.

Jornalista, professor e comentarista político. Cobre os bastidores de Brasília no Conexão Política.

Fonte: Conexão Política

Continuar lendo OPINIÃO: SE A CORDA ARREBENTAR AS CONSEQUÊNCIAS SÃO IMPREVISÍVEIS

RESUMO DA SEMANA: CÚPULA DO CLIMA, STF FORMA MAIORIA POR SUSPEIÇÃO DE MORO

Neste domingo você que não teve tempo de acompanhar os principais fatos políticos da semana vai se atualizar sobre assuntos como: a cúpula do clima e a maioria formada pela suspeição de Sergio Moro no STF, no programa Semana da Pan, sob o comando de Nicole Fusco. Então, não perca tempo, sente na sua poltrona e comece logo a assistir o vídeo a seguir!

Fonte:

Continuar lendo RESUMO DA SEMANA: CÚPULA DO CLIMA, STF FORMA MAIORIA POR SUSPEIÇÃO DE MORO

ANÁLISE POLÍTICA: PODERES SUPREMOS, POR ALEXANDRE GARCIA

Nesta segunda-feira o extraordinário comentarista político Alexandre Garcia é o destaque da nossa coluna ANÁLISE POLÍTICA onde comenta os atos autoritários do Supremo Tribunal Federal que não param de reincidir, legislando, julgando e executando, ou seja extrapolando todas as suas atribuições e invadindo com força as atribuições dos outros poderes constituídos. Então assista esse vídeo completo, reflita e tire suas conclusões! 

Fonte:

Continuar lendo ANÁLISE POLÍTICA: PODERES SUPREMOS, POR ALEXANDRE GARCIA

ANÁLISE POLÍTICA: RESPOSTA A NANDO MOURA, POR CAIO COPPOLLA

Na coluna ANÁLISE POLÍTICA deste sábado trago mais um super vídeo do incrível Caio Coppolla que deixa o seu recado, como sempre irretocável para os SEGUIDORES do canal Nando Moura, um público majoritariamente patriota, politizado, conservador e temente a Deus – aspectos com os quais ele diz se identificar. Se você não tem “YouTuber de estimação”, exercite seu CETICISMO POLÍTICO e assista até o final. Se os fatos apresentados te convencerem que, neste caso, QUEM ESTÁ FALANDO A VERDADE SOU É O COPPOLLA, ele pede que faça o seu juízo de valor e não adote youtuber de estimação! 

Fonte:

Continuar lendo ANÁLISE POLÍTICA: RESPOSTA A NANDO MOURA, POR CAIO COPPOLLA

OPINIÃO: VAMOS HONRAR O NOSSO SENADOR KAJURU COMPARTILHANDO ESSA POSTAGEM COM FORÇA

Caro(a) leitor(a),

O que podemos dizer do senador Jorge Cajuru? Aqui no nordeste nos dizemos que um cara como ele é um “Cabra Macho”. Fazer o que ele fez é algo raríssimo na política, aqui no Brasil, merece todo o nosso respeito e aplauso. Ele não apenas protocolou o pedido de impeachment contra o ministro Alexandre de Moraes do STF, com mais de 3 milhões de assinaturas, com impetrou mandado de segurança no mesmo STF, forçando a corte a se pronunciar sobre o assunto. Coisa que jamais aconteceu antes na história republicana. Parabéns a Kajuru e o mínimo que nós, brasileiros podemos fazer é compartilhar com força essa postagem para que esse impeachment se concretize! 

Kajuru pressiona STF e impetra mandado de segurança por impeachment de Moraes (veja o vídeo)

Fotomontagem: Jorge Kajuru e Alexandre de Moraes (Reprodução - Câmara e STF)Fotomontagem: Jorge Kajuru e Alexandre de Moraes (Reprodução – Câmara e STF)

Na última sexta-feira (09), o senador Jorge Kajuru entrou com um mandado de segurança no Supremo Tribunal Federal (STF), para que a Corte agilize o impeachment aberto por ele contra o ministro Alexandre de Moraes.

O pedido de impeachment, entregue por Kajuru no final de março, foi acompanhado por um abaixo-assinado com mais de 3 milhões de assinatura.

“O pedido principal do mandado de segurança é que o ministro Barroso determine, como ele fez ontem (8), no mandado de segurança determinando a instalação de CPI, que ele também faça o mesmo, determine ao presidente do Senado que respeite o regimento interno”, informou o advogado Paulo Faria, responsável por apresentar o pedido ao STF.

“Impetramos um mandado de segurança contra o presidente do Senado e o presidente da mesa diretora do Senado para que eles adotem as medidas cabíveis necessárias de acordo com o regimento interno do Senado Federal”, explicou ele.

Em um vídeo publicado neste sábado (10), o advogado Luan Amâncio analisa esta e outras situações sobre o ministro do STF, Alexandre de Moraes:

Veja o vídeo:

Fonte: Jornal da Cidade Online

Continuar lendo OPINIÃO: VAMOS HONRAR O NOSSO SENADOR KAJURU COMPARTILHANDO ESSA POSTAGEM COM FORÇA

ANÁLISE POLÍTICA: LIBERDADE E PASSIVIDADE, POR ALEXANDRE GARCIA

O nosso Alexandre Garcia é o destaque desta segunda-feira na coluna ANÁLISE POLÍTICA, onde comenta obre o manifesto de seis presidenciáveis em 2022, que trata de “submissão arbitrária do indivíduo ao estado, respeito aos direitos individuais, excesso, abuso, intimidação”. Mas ao mesmo tempo seus decretos são totalitários. Então o nosso Alexandre Garcia diz que “Passividade rima mas não se mistura com liberdade e se estarrece com a passividade dos brasileiros diante das aberrações que estão acontecendo. Convido você a assistir a esse vídeo, refletir e tirar as suas conclusões!

Fonte:

Continuar lendo ANÁLISE POLÍTICA: LIBERDADE E PASSIVIDADE, POR ALEXANDRE GARCIA

RESUMO DA SEMANA: STF RESTRINGE CULTOS E MISSAS, BOLSONARO DESCARTA LOCKDOWN NACIONAL

Domingo é dia de RESUMO DA SEMANA aqui no Blog do Saber pra você que não conseguiu acompanhar os fatos políticos desta semana. Aproveite para se atualizar assistindo o Semana da Pan sob o comando de Vitor Brown e formar sua opinião.

Fonte:

Continuar lendo RESUMO DA SEMANA: STF RESTRINGE CULTOS E MISSAS, BOLSONARO DESCARTA LOCKDOWN NACIONAL

ANÁLISE POLÍTICA: CONTRA BOLSONARO, PONDÉ DECLARA VOTO “CONSERVADOR” EM LULA, POR CAIO COPPOLLA

Não poderia deixar passar o brilhante comentário político do jovem, competente e preciso Caio Coppolla, sobre o que escreveu o filósofo Luiz Felipe Pondé, quanto a sua escolha para presidente da república em 2022, caso a disputa no 2º turno se dê entre Bolsonaro e Lula. Que ele, Pondé, afirma, votaria em Lula. Sensacional a análise desse brilhante comentarista político, que coloca todas as coisas nos seus devidos lugares. Assista, veja o resumo a seguir, reflita e tire suas conclusões!

Em artigo na Folha de S. Paulo, PONDÉ DECLAROU VOTO EM LULA no 2º turno contra Bolsonaro. Ele argumenta que o governo petista foi melhor que o atual. Até aí, é só uma opinião (fácil de refutar). Mas o filósofo “filosofou” e foi além: “a SENSIBILIDADE CONSERVADORA indica que o Lula seria a opção menos ruim. Muitos subirão pelas paredes. SE ISSO ACONTECER COM VOCÊ É PORQUE VOCÊ É SIMPLESMENTE IGNORANTE acerca do assunto”. Ensinando que “a vida não é para iniciantes”, o professor arremata: “A nossa história recente aponta para LULA COMO O CANDIDATO CONSERVADOR EM 2022”. 👉🏼 Com a devida vênia, DISCORDO TOTALMENTE. E aproveito o ensejo da divergência pra CONVIDAR @lf_ponde PRA UM DEBATE sobre o tema: “Lula ou Bolsonaro: o Conservadorismo no 2º turno”. Se você quiser que esse encontro de ideias aconteça, COMPARTILHE ESSE VÍDEO usando a hashtag #PondeXCoppolla 👉🏼 A eleição de 2022 está muito distante, mas embarcando na reflexão provocada pelo prof. Pondé, EU GOSTARIA DE SABER A SUA OPINIÃO: se o 2º turno fosse hoje, você votaria Lula, Bolsonaro ou nulo? 👀 Escreva sua escolha nos COMENTÁRIOS e aproveite pra MARCAR UMA PESSOA QUERIDA (de preferência uma “em cima do muro” 🤷🏻‍♂‍) pra ela assistir ao vídeo e dar a sua opinião também!

Fonte:

Continuar lendo ANÁLISE POLÍTICA: CONTRA BOLSONARO, PONDÉ DECLARA VOTO “CONSERVADOR” EM LULA, POR CAIO COPPOLLA

ANÁLISE POLÍTICA: GOVERNADORES EM APUROS, MAIS NARRATIVAS CAINDO E O DESESPERO TUCANO, POR BÁRBARA

Segunda-feira é dia de ANÁLISE POLÍTICA e hoje é com Bárbara que comenta sobre o quão trancados devem estar Alguns governadores com os avanços do MP, das narrativas caindo, de dinheiro sobrando para parlamentares e o quanto os tucanos estão se agarrando para não afundar, no abraço dos afogados.Então se você gosta de política com bastante humor, prepare a pipoca, senta ai e divirta-se!

Fonte:

Continuar lendo ANÁLISE POLÍTICA: GOVERNADORES EM APUROS, MAIS NARRATIVAS CAINDO E O DESESPERO TUCANO, POR BÁRBARA

RESUMO DA SEMANA: REFORMA MINISTERIAL, TROCA NO COMANDO DAS FORÇAS ARMADAS

Neste domingo você vai ver, aqui na coluna RESUMO DA SEMANA as principais notícias e tudo que rolou na política nacional, no programa Semana da Pan, sob o comando de Vitor Brown. Então, se você não conseguiu acompanhar os fatos da semana, aproveite e se atualize agora! 

Fonte:

Continuar lendo RESUMO DA SEMANA: REFORMA MINISTERIAL, TROCA NO COMANDO DAS FORÇAS ARMADAS

ANÁLISE POLÍTICA: A CRONOLOGIA DA REAÇÃO, POR BÁRBARA

Na coluna ANÁLISE POLÍTICA de hoje, muito humor e irreverência. Vamos comentar a movimentação do xadrez, somando as baixas, entendendo os peões que foram entregues e a estratégia para a vitória, com a inteligente e competente comentarista política, Bárbara. Portanto, separa a pipoca, fica confortável e bora lá!

Continuar lendo ANÁLISE POLÍTICA: A CRONOLOGIA DA REAÇÃO, POR BÁRBARA

ANÁLISE POLÍTICA: POLÍTICOS RADICAIS E O FECHAMENTO DE SUPERMERCADOS, PORCAIO COPPOLLA

Segunda-feira é dia de ANÁLISE POLÍTICA e nesta segunda o destaque é o comentário competente e preciso de Caio Coppolla sobre os políticos radicais e o fechamento de supermercados. Medida que está ganhando corpo pelas cidades país a fora e que está causando grande prejuízo aos pequenos empresários, que são a coluna vertebral da economia. Assista ao vídeo completo a seguir, reflita, tire suas conclusões e se achar que deve  divulgue ao máximo de pessoas que você puder!

Compartilhe o vídeo e MARQUE O PREFEITO E/OU UM VEREADOR DA SUA CIDADE AQUI NOS COMENTÁRIOS – nosso objetivo é impactar 10% das Prefeituras do país com este conteúdo: 557 Municípios 👊🏼🇧🇷 Este é um APELO CONTRA MEDIDAS RADICAIS E INEFICIENTES QUE AUMENTAM AGLOMERAÇÕES e potencializam a circulação do vírus, em especial o FECHAMENTO DE MERCADOS & SUPERMERCADOS – uma iniciativa que infelizmente já foi implementada em grandes cidades como Araraquara e São José do Rio Preto. Analiso esses “cases de fracasso” no vídeo e, no final, ofereço DUAS SUGESTÕES EFICAZES BASEADAS NA CIÊNCIA pra reduzir o risco de transmissão nesses ambientes de atividade essencial. ***ESTE VÍDEO TAMBÉM É UMA HOMENAGEM AOS CORAJOSOS CAIXAS E TRABALHADORES DOS MERCADOS – Deus abençoe vocês com toda a saúde, muito obrigado pelos serviços prestados, ainda mais na pandemia! 🙏🏼***

Fonte: 

Continuar lendo ANÁLISE POLÍTICA: POLÍTICOS RADICAIS E O FECHAMENTO DE SUPERMERCADOS, PORCAIO COPPOLLA

OPINIÃO: JÁ ESTAMOS VIVENDO UM ESTADO DE EXCEÇÃO, POR WAGNER BRAGA

Caro(a) leitor(a),

Quando foi a última vez que você viu ou ouviu falar alguém ou algum jornalista pudesse ir preso por causa das suas palavras? Particularmente eu só vi isso acontecer durante os governos militares. Lembro de Juca Chaves ter ido preso por ter dito a célebre frase: Sabe como se reconhece um ladrão? Médici dos pés a cabeça! Em pleno governo do General Emílio Garrastazu Médici, uma ditadura. Depois disso nunca mais ouvi falar em coisas desse tipo. Recentemente tivemos o episódio do Oswaldo Eustáquio, preso porque falou a verdade e depois apareceu paraplégico, numa cadeira de rodas, dentro da cadeia numa circunstância muito tenebrosa, ainda sem uma explicação plausível. Quando um jornalista, como Caio coppolla vem a público dizer que corre risco de ser censurado, investigado e preso, algo de muito estranho está acontecendo num país que se diz democrático. São tempos muito estranhos o que estamos vivendo e não pode continuar assim. Temos de fazer alguma coisa. Temos que pelo menos apoiar o Caio Coppolla nessa empreitada do Impeachment. Dar as mãos a ele e deixar bem claro para todos os poderes que a sociedade brasileira está de acordo com ele. Mais de 3 milhões já fizeram isso. Desta forma para colocar Caio Coppolla na cadeia será necessário colocar todos os 3 milhões de abaixo assinados. Quero ver quem vai ser o cabra macho!

Caio Coppolla diz que corre o risco de ser censurado, investigado e preso

Redação

Publicado em

Por  

 

Reprodução | CNN Brasil

Bacharel em direito e comentarista político da CNN Brasil, Caio Coppolla voltou a dizer que ele pode ser censurado pelo Supremo Tribunal Federal, alvo de investigações da Polícia Federal e até mesmo preso arbitrariamente após criar, no dia 15 deste mês, um abaixo-assinado virtual para pressionar o presidente do Senado, Rodrigo Pacheco (DEM-MG), a pautar o impeachment do ministro Alexandre de Moraes, do STF.

O analista decidiu gravar um vídeo comentando uma matéria publicada pelo jornal Folha de S. Paulo, assinada pela jornalista Mônica Bergamo, em que juristas e advogados rebateram argumentos que foram apresentados por ele em críticas ao ministro Alexandre de Moraes.

“Eu tenho fundadas razões para acreditar que estou prestes a ser censurado pelo STF, investigado pela Polícia Federal e até preso arbitrariamente. Até o final do vídeo vocês vão entender porque estou correndo esses riscos”, disse.

“No dia 22 de março, a Folha de S. Paulo, que vive publicando informações falsas a meu respeito, quebrou o seu silêncio constrangedor e se manifestou sobre o abaixo-assinado pela análise do pedido impeachment contra o ministro Alexandre de Moraes. Para surpresa de ninguém, a Folha ficou do lado errado e publicou uma coluna difamatória contra mim, defendendo a coluna do ministro Alexandre de Moraes (…) Eis o título do texto, assinado por Mônica Bergamo: ‘Juristas e advogados defendem Alexandre de Moraes contra ‘ataques’ de Caio Coppolla, da CNN. Comentarista tem feito mobilização pelo impeachment do magistrado’”, questionou.

Para Caio, a Folha serve de “assessoria de imprensa de imprensa de advogados milionários e juristas militantes que são bajuladores do STF”.

“(…) É uma iniciativa legitima, republica e pacífica que engajou milhões de brasileiros. Mas a Folha de S. Paulo optou por não noticiar essa mobilização histórica em defesa da Constituição e da liberdade de expressão. Preferiu servir de assessoria de imprensa de advogados milionários e juristas militantes que são bajuladores do STF, onde os seus clientes mais poderosos são julgados. E, para fazer o serviço sujo, esses profissionais do direito utilizaram os serviços da jornalista Mônica Bergamo”, prosseguiu o comentarista.

Coppolla fez questão de confrontar as entidades que assinaram o documento, considerando que essas, segundo ele, servem de ‘peso artificial’ no debate público.

“Perceberam o perfil de quem me ataca gratuitamente? (…) Essa manifestação contra mim e contra o abaixo-assinado é nitidamente política. Não deveria ter nenhuma credibilidade jurídica (…) Por serem reputados como especialistas no direito, essas entidades ganham peso artificial no debate público, mesmo que os fatos narrados sejam flagrantemente falsos. (…) Percebam a quantidade de mentiras que a Folha de S. Paulo veiculou a meu respeito, usando como pretexto a publicação de manifestação militante. Se a senhora Mônica Bergamo tiver um pingo de decência jornalística (…) Ela vai me conceder direito de resposta (…) Eu faço aqui um apelo à sua ética profissional. Me conceda esse justo direito de resposta na sua coluna”, acrescentou.

Por fim, ele lamentou a seletividade no âmbito jurídico, frisando grupos de esquerda. Segundo ele, a Folha de S. Paulo tem gerado desinformação para resultar numa eventual ação de censura contra ele, além de uma possível prisão.

“Sabem quais os objetivos dessas entidades e da Folha de S. Paulo ao veicular esse tipo de desinformação? É criar um contexto jurídico e midiático para ensejar medidas judiciais de censura, de investigação e de prisão contra mim com base na Lei de Segurança Nacional (…) Preparei uma série de conteúdos que serão publicados por outros influenciadores, inclusive no exterior, caso eu seja preso injustamente e minhas contas nas redes sociais sejam bloqueados por uma ordem judicial censora (…) O mais triste é perceber que espírito democrático dos advogados e juristas da esquerda é muito seletivo. Eles só defendem os direitos de quem pensa como eles”, finalizou.

Fonte: Conexão Política

Continuar lendo OPINIÃO: JÁ ESTAMOS VIVENDO UM ESTADO DE EXCEÇÃO, POR WAGNER BRAGA

ANÁLISE POLÍTICA: LULA LIVRADO! POR CAIO COPPOLLA

URGENTE #LulaLivrado *** LIVRE é quem desfruta da sua liberdade sem depender de ninguém; LIVRADO é quem desfruta da sua liberdade por causa de alguém. LULA NÃO É LIVRE; LULA FOI LIVRADO. Numa ação de suspeição presidida por um MINISTRO SUSPEITO, um TRIBUNAL DESMORALIZADO decidiu – fazendo menção explícita a PROVAS ILÍCITAS – anular atos processuais da Lava Jato contra Lula, nosso ex-Presidente, ex-condenado, ex-criminoso e ex-corrupto. Da mesma forma que João Cabral de Melo Neto criou a “morte morrida” e a “morte matada”, os sequestradores da Constituição no STF criaram a “LIBERDADE LIVRADA”: o direito que só o criminoso brasileiro tem de ficar livre apesar dos seus crimes (e até das suas condenações). Se isso também ofende o seu SENSO DE JUSTIÇA, não deixe de se posicionar: COMPARTILHE ESSE VÍDEO COM A HASHTAG #LulaLivrado . Desconstruindo narrativas falaciosas (como “Lula Livre”) no debate público, transformaremos essa vitória da impunidade no Tribunal em uma derrota definitiva nas urnas – não percam a esperança no Brasil 👊🏼🇧🇷

ERRATA: no vídeo, troquei a palavra “presidida” por “relatada” 🤦🏻‍♂️ O Ministro suspeito, obviamente, é o Ministro Presidente da 2a Turma (Gilmar Mendes), que já se referiu publicamente à Lava Jato como uma organização criminosa e, portanto, não pode ser considerado um juiz imparcial.

Fonte:

Continuar lendo ANÁLISE POLÍTICA: LULA LIVRADO! POR CAIO COPPOLLA

OPINIÃO: O CHORO É LIVRE DE MAJU PRECISA SER COMBATIDO COM VEEMÊNCIA

Caro(a) leitor(a),

É simplesmente incrível como as pisadas de bola da imprensa marrom não têm nem de longe a repercussão de um mero comentário que venha de uma personalidade de direita, como é o caso de Bolsonaro. “O choro é livre” da bela, porém cabeça oca da Maju, foi a maior piada de mau gosto dos últimos tempos, principalmente num momento delicadíssimo como o que estamos passando, onde as mortes por covid/dia quase triplicaram. É realmente totalmente e completamente desproporcional e até covarde o que essa imprensa faz. Precisamos reagir e fazer a nossa parte esclarecendo os fatos e desmascarando essas fake news e descontextualizações espalhadas por essa imprensa marrom. Vamos em frente espalhar a verdade! 

O choro é livre, Maju? A fome, o desemprego e a depressão também são!

Filipe Altamir

Publicado em

Filipe Altamir

Divulgação | Conexão Política

Em apoteose da insensibilidade e completamente desprovida de empatia, a apresentadora Maju Coutinho manda um “o choro é livre” diante das medidas radicais de isolamento após um enorme lapso temporal. O Brasil está sentindo os fortes efeitos da pandemia? Sim, mas existe uma grande janela de oportunidade para investir em mais leitos e aprimorar a estrutura hospitalar como medida preventiva. O choro parece ser livre, mas o cidadão de bem continua preso no desemprego; preso diante da fome e completamente desprovido de liberdade para colocar comida na despensa. Não resta mais liberdade individual para o cidadão brasileiro a não ser chorar e lamentar os impropérios provenientes da classe artística, do jornalismo militante e dos falsos profetas da falsa ciência.

Não posso evitar fazer aquele velho jogo imaginativo e hipotético em cima disso: e se fosse Bolsonaro proferindo um “o choro é livre” diante de um recorde de mortos por coronavírus anunciado diante dele? Isso provavelmente moveria toda a estrutura narrativa e militante cibernética, com elevação ostensiva de hashtags nas redes sociais, pronunciamentos e notas de repúdio, além de manchetes lacradoras e mais uma campanha por impeachment.

Não vai demorar muito também para a esquerda militante iniciar sua operação de passar pano invocando as cartas do baralho do vitimismo. Vão ignorar a insensibilidade da Maju e com certeza vão operar com a retórica de que ela está sofrendo ataques racistas e misóginos, pois é assim que a esquerda responde quando um dos seus cometem os erros. As maiores barbaridades dos seus bajuladores são atenuadas com uma retórica vitimista que adorna todo o sentimentalismo tóxico característico no modus operandi da militância e do virtuosismo retórico da esquerda.

A Maju vomitou um “o choro é livre” como se a medida de isolamento radical fosse a única resposta diante de um caos generalizado cujas proporções só alcançaram esse patamar graças à leniência difuso de governadores e prefeitos. Avisamos aqui que as eleições e o estranho silêncio catacumbal sobre o aumento de contaminações durante as carreatas, aglomerações durante as votações e comícios promoveriam. Essa janela silenciosa foi crucial para uma nova onda de contaminação que se alastrou pelo país inteiro, transmutando-se na sua forma mais agressiva e contagiosa. Enquanto isso os nossos ilustres governadores e prefeitos receberam aportes econômicos estrondosos do governo federal e em nada investiram.

lockdown defendido com tanto afinco pela Maju como uma medida ‘necessária e inevitável’ segue completamente desprovido de comprovação de eficácia, ao contrário do que ela tenta passar. A Argentina passou pelo mais longo e radical lockdown da história e continuou enfrentando picos e recordes de contaminação e óbitos por covid-19. Reino Unido, Itália, Bélgica e outros países também aplicaram o bloqueio total de atividades e são recordistas em contaminação e óbitos por milhão de habitantes.

Suécia, Taiwan, Japão, Coreia do Sul e até mesmo países africanos resolveram adotar um caminho mais sensato: encarar o vírus como um gigantesco problema de saúde pública sem sacrificar a economia. Os resultados são incomparavelmente melhores que os países mais desenvolvidos líderes em lockdown.

O vocabulário militante é bastante claro. Quando falam em ‘ciência’, eles querem dizer que vale apenas os cientistas preferidos, num esquema de cherry peacky, daqueles estudos e pesquisadores que estão mais alinhados à visão de mundo do intelectual ungido e da classe iluminada do “fique em casa”. No mundo pseudocientífico dessa turma, não existe confrontação de teses, falseabilidade e plena dissonância com inúmeros estudos sendo publicados. Só aqueles favoritos são escolhidos para embasar a visão de mundo encantada do isolamento radical.

Fonte: Conexão Política

Continuar lendo OPINIÃO: O CHORO É LIVRE DE MAJU PRECISA SER COMBATIDO COM VEEMÊNCIA

RESUMO DA SEMANA: QUEIROGA NO MINISTÉRIO DA SAÚDE E RECORDE DE MORTES POR COVID

Domingo é dia de RESUMO DA SEMANA aqui no Blog do Saber. Para quem não conseguiu acompanhar os fatos da política nacional tem a oportunidade de se atualizar agora, assistindo ao vídeo com o conteúdo do SEMANA DA PAN sob o comando de Vitor Brown. Então, senta ai e fique por dentro de tudo!

Fonte:

Continuar lendo RESUMO DA SEMANA: QUEIROGA NO MINISTÉRIO DA SAÚDE E RECORDE DE MORTES POR COVID

ANÁLISE POLÍTICA: LAVA JATO MORRE E JUIZ MORO NÃO VAI PARA O CÉU, POR JOSIAS DE SOUZA

Nesta segunda-feira, vamos iniciar a semana com o comentário sério, equilibrado e sóbrio do colunista da UOL, Josias de Souza que faz um resumo da trajetória da Lava Jato, do nascimento ao sepultamento: “A morte é anterior a si mesma. Começa bem antes do sepultamento. É todo um lento processo. A Lava Jato, por exemplo, começou a morrer no final de 2018, quando Sergio Moro trocou o altar de Curitiba pelo serpentário de Brasília. O velório acontece agora na Segunda Turma do Supremo Tribunal Federal. Já está entendido que Sergio Moro não vai para o céu”, analisa o colunista do UOL, Josias de Souza. Não deixe de assistir, vale a pena!

Fonte:

Continuar lendo ANÁLISE POLÍTICA: LAVA JATO MORRE E JUIZ MORO NÃO VAI PARA O CÉU, POR JOSIAS DE SOUZA

ANÁLISE POLÍTICA: O RESUMO DA SEMANA POR BÁRBARA COM MUITO HUMOR

Domingo é dia de RESUMO DA SEMANA, por isso, neste domingo teremos em dose dupla, pois não podia deixar de publicar o último vídeo da irreverente Bárbara aqui na coluna ANÁLISE POLÍTICA. Começando pela opinião sobre a manifestação de Moro acerca da atitude de Fachin anulando todos os processos contra Lula. Depois ela vai contar pra você onde estava a princesa do fique em casa. Em seguida ela fala sobre a grande mídia que perdeu o óleo de peroba de vez do muso de São Paulo e do pupilo de BH E também, como não podia deixar de ser vai falar de STF e Marco Aurélio inovando no vocabulário e muito mais. Então prepare a pipoca, se acomode na poltrona e divirta-se a valer!

Fonte:

Continuar lendo ANÁLISE POLÍTICA: O RESUMO DA SEMANA POR BÁRBARA COM MUITO HUMOR

RESUMO DA SEMANA: FACHIN ANULA CONDENAÇÕES DE LULA E DECISÃO SUSPEIÇÃO DE MORO É ADIADA

Neste domingo temos a maior bomba que já explodiu em meio apolítica brasileira. A anulação de todas as condenações de Lula por Fachin, o próprio relator da Lava Jato e em seguida o julgamento sobre suspeição de Moro. Dois assuntos bombásticos e de muito pano pra manga, pra tomar o seu tempo neste fim de semana. Então, falta de distração e tédio não são pautas pra sua vida, aproveite! 

Fonte:

Continuar lendo RESUMO DA SEMANA: FACHIN ANULA CONDENAÇÕES DE LULA E DECISÃO SUSPEIÇÃO DE MORO É ADIADA

ANÁLISE POLÍTICA: O ESTRANHO MUNDO DO SUPREMO

O estranho mundo do Supremo é o título do comentário político do extraordinário Alexandre Garcia, aqui na coluna ANÁLISE POLÍTICA, nesta quarta-feira. Ele aborda a estranhíssima e esdruxula decisão monocrática tomada pelo Ministro Fachin ao anular todas as sentenças dos três processos de Lula. Acompanhe a interpretação deste experiente jornalista e tire suas conclusões!

Fonte:

Continuar lendo ANÁLISE POLÍTICA: O ESTRANHO MUNDO DO SUPREMO

OPINIÃO: O MAL AVANÇA PRINCIPALMENTE PORQUE OS QUE PODIAM LUTAR ABANDONAM OCAMPO DEBATALHA OU SE VENDEM AO INIMIGO

O autor do artigo a seguir, aqui na coluna OPINIÃO desta segunda-feira é Murray N. Rothbard (1926-1995). Ele foi um decano da Escola Austríaca e o fundador do moderno libertarianismo. Também foi o vice-presidente acadêmico do Ludwig von Mises Institute e do Center for Libertarian Studies. O artigo que publico hoje, de sua autoria, nunca esteve tão atual, já que as forças do mal estão avançando com muita velocidade, não só no nosso pobre e débil país, mas também a nível mundial. Estamos vendo o politicamente correto avançar por todas as partes e isso está acontecendo justamente porque muitos que podiam lutar contra esse avança estão se retirando do campo de batalha ou se vendendo ao inimigo. Convido você a ler o artigo completo a seguir que analisa esse comportamento em detalhes. 

Sobre como resistir ao mal — há os que se vendem, e há os que se retiram da luta

Os últimos são ainda piores que os primeiros

Como pode alguém, encontrando-se cercado por uma crescente maré de transgressões, de desrespeito à liberdade mais básica, e de maldade, não lutar até suas últimas forças contra ela?

Há tempos estamos sendo submergidos por uma inundação de perversidades na forma de coletivismo, socialismo, igualitarismo, niilismo e autoritarismo.

Sempre foi muito óbvio para mim que temos uma imperiosa obrigação moral de lutar contra esses males – para o nosso próprio bem, para o de nossos entes queridos, de nossa prosperidade, de nossos amigos, de nossos vizinhos e de nosso país.

Sendo assim, sempre foi um mistério para mim por que as pessoas que enxergaram e identificaram estes males – e, consequentemente, foram convocadas a combatê-lo – abandonam esta luta, aos poucos ou de uma vez. Como pode alguém enxergar a verdade, entender seu premente dever, e, então, simplesmente desistir e até mesmo ir além e trair a causa e seus companheiros de luta?

E, no entanto, nos dois movimentos e em suas variantes aos quais já estive associado — libertário e conservador —, isto acontece o tempo todo.

Conservadorismo e libertarianismo, no fim, são movimentos “radicais”, ou seja, eles se opõem radical e fortemente a todas as tendências de estatismo e imoralidade. Logo, como pode alguém que se juntou a um movimento destes — seja como ideólogo, ativista ou financiador – simplesmente abandonar a luta?

Recentemente, perguntei a um perspicaz amigo por que um conhecido nosso abdicou da luta. Ele respondeu que “ele é o tipo de pessoa que deseja uma vida tranquila, que só quer se sentar à frente da TV e não quer ouvir falar de nenhum problema”. Ok, mas, neste caso, disse eu angustiado, “por que então estas pessoas se tornaram ‘radicais’? Por que elas orgulhosamente se proclamam ‘conservadores’ ou ‘libertários’?” Infelizmente não obtive nenhuma resposta.

E o fato é que, se você quer realmente mudar o estado das coisas — tanto moral quanto economicamente —, esqueça qualquer tipo de vida tranquila ou sossegada. Não vai acontecer.

Em algumas ocasiões, as pessoas desistem da luta porque, dizem elas, trata-se de uma causa perdida. Perdemos, elas dizem. A derrota é inevitável. O grande economista Joseph Schumpeter escreveu em 1942 que o socialismo é inevitável, e que o capitalismo está condenado não por suas falhas, mas pelo seus próprios êxitos, os quais deram origem a um grupo de intelectuais invejosos e malignos que iria subverter e destruir o capitalismo por dentro. Os críticos acusaram Schumpeter de pregar o derrotismo aos defensores do capitalismo. Schumpeter respondeu que, se alguém disser que um barco está inevitavelmente afundando, seria isto a mesma coisa de dizer: “não faça o melhor que pode para salvar o barco”?

Da mesma maneira, assuma por um minuto que a luta contra os malefícios estatais seja uma causa perdida: por que isto implica abandonar a batalha?

Em primeiro lugar, por pior que as coisas estejam, lutar significa que o inevitável pode ao menos ser adiado. Por que isto não valeria a pena? Não é melhor perder daqui a trinta anos do que perder agora?

Em segundo lugar, na pior das hipóteses, é muito divertido provocar e irritar o inimigo; deixar o monstro incomodado. Por si só, isto já vale a pena.

Não se deve pensar no processo de luta contra o inimigo como um tormento sério e melancólico. Ao contrário: é altamente inspirador e revigorante ir à guerra contra um oceano de problemas em vez de simplesmente se render passivamente. E, ao oferecer essa oposição, há a chance de alguns ganhos; no mínimo, haverá alguma resistência e não se estará entregando ao inimigo a vitória gratuitamente.

E, por fim, ora!, se você de fato luta contra o inimigo, você pode sim vencê-lo! Pense nos bravos que lutaram contra o comunismo na Polônia e na União Soviética e que nunca desistiram, que enfrentaram adversidades aparentemente impossíveis de serem superadas. Ninguém acreditava neles; todas as chances estavam contra eles. E então, do nada, bingo!, um dia o comunismo sucumbiu.

Com certeza as chances de vencer são bem maiores se você lutar do que se você simplesmente desistir.

Os que se corrompem e os que abandonam

Nos movimentos conservador e libertário foram duas as principais formas de desistência, de abandono da causa.

A forma mais comum e mais patentemente óbvia é aquela com a qual todos nós estamos bem familiarizados: vender-se.

O jovem libertário ou conservador entra no governo – ou no Executivo, ou no Congresso, ou em um cargo administrativo – ansioso e pronto para a batalha de reduzir o estado em prol de sua estimada causa radical. E então alguma coisa acontece: às vezes, gradualmente; outras, com uma impressionante rapidez. Esse jovem começa a frequentar alguns coquetéis frequentados pelo alto escalão, descobre que o inimigo parece ser muito agradável, começa a se envolver com a marginália, começa a fazer concessões e, sem perceber, já está dando extrema importância a alguma comissão ordinária, ou a algum insignificante corte de imposto ou emenda. E, com o tempo, ele se mostra disposto a abandonar totalmente a batalha em troca deum pomposo cargo no governo ou de um bom contrato no setor privado ganho em decorrência de suas conexões políticas.

E, à medida que esse processo de corrompimento continua, ele descobre que a coisa que mais o incomoda não é o inimigo estatista, mas sim os seus antigos aliados que se transformaram em meros “resmungões e criadores de caso”, que não param de fazer cobranças, vivem fazendo sermões sobre princípios e até mesmo o atacam por ter traído a causa.

E, assim, rapidamente, esse jovem e O Inimigo se tornam indistinguíveis.

Todos nós conhecemos bem este roteiro de corrompimento, e é fácil e correto ficar indignado com esta traição moral a uma causa que é justa — a batalha contra o mal — e aos seus antes estimados camaradas.

Mas existe outra forma de abandono que não é tão evidente e é ainda mais insidiosa – e não me refiro à simples perda de forças e entusiasmo. Nesta forma, que tem ocorrido bastante no movimento libertário e também em setores do conservadorismo, o militante simplesmente decide que a causa é perdida e, então, desiste de tudo, abandonando resolutamente este mundo corrupto e imoral, refugiando-se em alguma comunidade pura e nobre formado exclusivamente por semelhantes. Para os randianos, este seria o “Vale de Galt”, do romance de Ayn Rand A Revolta de Atlas.

Outros libertários seguem tentando formar alguma comunidade underground, com o intuito de “capturar” uma pequena cidade, ou de ficar “underground” em um floresta ou em plataformas marítimas, ou até mesmo construir um novo país libertário em uma ilha, nas montanhas ou onde quer que seja.

Já os conservadores têm seu próprio jeito de isolamento e retirada. Em cada caso, surge o apelo de abandonar o mundo perverso, e de formar uma pequena comunidade alternativa em algum refúgio isolado.

Muito tempo atrás, rotulei este posicionamento de “isolacionismo”. Poderiam chamar esta estratégia de “neo-Amish”, exceto pelo fato de que os Amish são fazendeiros produtivos, e recuo que estes grupos jamais chegariam a este estágio.

A justificativa para este isolacionismo sempre vem acompanhado de uma Moral Superior, e também de termos pseudo-psicológicos. Estes “puristas”, por exemplo, dizem que eles – ao contrário de nós, combatentes incautos – estão “vivendo a liberdade”, que eles estão enfatizando “o positivo” em vez do “negativo”, que estão “vivenciando a liberdade” e vivendo uma “vida libertária pura”, enquanto que nós, pobres almas, ainda estamos vivendo no corrupto e apodrecido mundo real.

Há anos tenho respondido para estes grupos de isolacionistas que o mundo real, no fim das contas, é bom; que nós libertários podemos ser anti-estado, mas que não somos categoricamente anti-sociedade ou contrários ao mundo real, por mais contaminado que ele possa estar. Propomos continuar a luta para salvar valores, princípios e pessoas que estimamos, mesmo que o campo de batalha fique lamacento. Igualmente, eu citaria o grande libertário Randolph Bourne, que proclamou que nós somos patriotas, não no sentido de patriotas adeptos ao estado, mas ao país, à nação, a nossas gloriosas tradições e cultura que estão sob vil ataque (de políticos, de progressistas, de parasitas, de desarmamentistas e de demais tipos de degenerados autoritários).

Nossa atitude deveria ser, nas famosas palavras de Dos Passos (apesar de ele tê-las dito como um marxista), “tudo bem, somos duas nações”. Sim, nosso país, como existe hoje, são duas nações; uma é a nação deles, a nação do inimigo corrupto, de seu sistema de educação pública de lavagem cerebral deles, de toda a sua burocracia estatal, de sua grande mídia, e de todo o seu autoritarismo; e a outra é a nossa nação, muito maior, formada pela maioria; uma nação muito mais nobre que representa o antigo e mais verdadeiro país. Nós somos a nação que irá vencer, que irá retomar o país, não importa quanto tempo isto leve. É na verdade um grave pecado abandonar esta nação necessitada de vitórias.

Mas estaríamos então enfatizando “o negativo”? Em certo sentido, sim; mas o que mais deveríamos destacar quando nossos valores, nossos princípios, nossos próprios seres estão sob ataque de um adversário insaciável?

Porém, primeiro temos que entender que no próprio ato de acentuar o negativo também estamos enfatizando o positivo. Por que lutamos contra – e, sim, até mesmo odiamos – o mal? Somente porque amamos o bem, e nossa ênfase no “negativo” é apenas o outro lado da moeda, a consequência lógica de nossa devoção ao bem, aos princípios e valores positivos que prezamos. Não há razão para não podermos enfatizar e espalhar nossos valores positivos ao mesmo tempo em que lutamos contra nossos inimigos. Na realidade, os dois andam juntos.

No fim, há uma diferença crucial entre os dois

O que é realmente fascinante e crucial é que estes dois caminhos – mesmo que pareçam ser diametralmente opostos – acabam inexoravelmente no mesmo lugar.

Os corrompidos abandonam a causa e traem seus camaradas por dinheiro e status; os isolacionistas, compreensivelmente abominando os vendidos, concluem que o mundo real é impuro e se retiram dele.

Em ambos os casos, seja em nome do “pragmatismo” ou em nome da “pureza”, a causa, a luta contra o mal no mundo real, é abandonada.

No entanto, há claramente uma grande diferença moral nos dois caminhos.

O vendido é moralmente mal; já o isolacionista, por sua vez, é – dizendo com educação – extremamente equivocado. É perda de tempo tentar convencer um corrompido; não vale a pena tentar dialogar com eles. Já os isolacionistas têm que entender que lutar contra o mal não significa trair a causa, longe disso. E abandonar o mundo real não ajuda em nada a luta pela liberdade.

O isolacionista, em sua atitude, se torna indiferente ao poder e à opressão, gosta de relaxar e mostrar que não liga para o autoritarismo à sua volta se a sua “alma interior está livre”.

Sim, claro, é bom ter liberdade para nossa alma interior. Sou bem familiarizado com os velhos clichês sobre como a mente é livre e como o prisioneiro também é livre no fundo de seu coração.

Porém, podem me chamar de vil materialista, mas acredito, e creio que todos os libertários e conservadores também acreditam sinceramente, que o homem merece mais do que isso, que nós não temos que nos contentar com a liberdade interior do prisioneiro em uma cela, que devemos entonar o bom e velho coro de “Liberdade e Propriedade”, que devemos exigir liberdade em nosso mundo real externo de dimensão e espaço. Eu acredito que é disso que se trata a luta. E que sempre foi disso que se tratou.

Coloquemos dessa forma: não temos que deixar nossas vidas, nossas propriedades, nosso país, o mundo real, para os bárbaros. Nunca. Vamos agir no espírito daquele magnífico poema que James Russel Lowell criou para a bela melodia Welsh:

Uma vez para cada homem e nação chega o momento de decidir/na contenda entre a verdade e a falsidade, se para o lado do bem ou do mal deve ir.

Alguma grande causa, o novo Messias de Deus, oferecendo a cada um o flagelo ou o florir.

E a escolha vale para a eternidade entre aquela escuridão e a luz que há de vir.

Embora a causa do mal prospere, ainda é a verdade sozinha forte; embora sua parcela seja o cadafalso, e ainda que aquele cadafalso distorça o futuro, por trás do sombrio desconhecido, Deus se ergue firme em meio às sombras mantendo os olhos sobre os Seus filhos.

autor
Murray N. Rothbard
Continuar lendo OPINIÃO: O MAL AVANÇA PRINCIPALMENTE PORQUE OS QUE PODIAM LUTAR ABANDONAM OCAMPO DEBATALHA OU SE VENDEM AO INIMIGO

RESUMO DA SEMANA: BOLSONARO CRITICA RESTRIÇÕES; PETROBRAS REAJUSTA PREÇO DA GASOLINA E DO DIESEL

Domingo é dia de atualização para quem não teve tempo de acompanhar os fatos e notícias da política nacional durante a semana. Então você acessa a nossa coluna RESUMO DA SEMANA e assiste o SEMANA DA PAN sob o comando de Vitor Brown, que trás os principais destaques pra você. Ai você assiste e se transforma em um formador de opinião!

Fonte:

Continuar lendo RESUMO DA SEMANA: BOLSONARO CRITICA RESTRIÇÕES; PETROBRAS REAJUSTA PREÇO DA GASOLINA E DO DIESEL

ANÁLISE POLÍTICA: BOLSONARO DIZ ASNEIRAS PARA ESCONDER FILHO, POR JOSÉ NÊUMANNE PINTO

O nosso José Nêumanne Pinto está mais afiado do que nunca no seu comentário desta quinta-feira, que publico aqui na coluna ANÁLISE POLÍTICA desta sexta-feira com a seguinte pauta: 1 – No dia em que a covid matou 1.840 brasileiros, recorde absoluto na pandemia, o presidente mandou as vítimas pararem de “frescura”, usando o estratagema de dizer barbaridades para desviar a atenção da compra de mansão de R$ 6 milhões por seu primogênito. 2 – Luciano Mattos, procurador-geral de Justiça do Rio, desmontou o Gaecco, que investigou o mesmo Flávio, 3 – O ex-presidente da França Sarkozy foi condenado e preso por haver tentado obter informações do juiz que o julgava em troca de uma promoção, bem diferente do que acontece aqui no Brasil. 4 – O MEC avisou em ofício que manifestações políticas nas universidades federais serão punidas, mordaça vil. Mais quente do que nunca, assista e fique bem informado(a)!

Fonte:

Continuar lendo ANÁLISE POLÍTICA: BOLSONARO DIZ ASNEIRAS PARA ESCONDER FILHO, POR JOSÉ NÊUMANNE PINTO

ANÁLISE POLÍTICA: SUPREMO E CÂMARA NEGAM A CONSTITUIÇÃO, POR ALEXANDRE GARCIA

Começamos esta semana com o comentário de Alexandre Garcia, que faz uma comparação do que está acontecendo aqui, no Brasil, com o que aconteceu lá na Venezuela, depois que a Câmara dos deputados confirmou a prisão preventiva do deputado Daniel Diniz imposta por unanimidade no STF e da PEC votada as pressas para aumentar a “impunidade” dos parlamentares. Esse e outros assuntos super interessantes você vai ver ao assistir ao vídeo completo a seguir.

Fonte:

Continuar lendo ANÁLISE POLÍTICA: SUPREMO E CÂMARA NEGAM A CONSTITUIÇÃO, POR ALEXANDRE GARCIA

RESUMO DA SEMANA: TROCA NA PETROBRAS,MORAES X DANIEL SILVEIRA E TOMBO DE CAROL CONKÁ

Neste domingo você que não teve tempo de acompanhar os fatos políticos da semana vai poder se atualizar assistindo o RESUMO DA SEMANA, com apresentação de Vitor Brown no SEMANA DA PAN que trás os principais destaques do cenário político nacional. Então, o que está esperando? Acomode-se na poltrona e fique por dentro!

Fonte:

Continuar lendo RESUMO DA SEMANA: TROCA NA PETROBRAS,MORAES X DANIEL SILVEIRA E TOMBO DE CAROL CONKÁ

OPINIÃO: A ESQUERDA PODE TUDO, JUSTIFICA TUDO E FICA POR ISSO MESMO?

Caro(a) leitor(a),

É muito interessante como a esquerdopatia tem justificativa para tudo que passa pelo miolo mole dessa gente e o pior é que conseguem convencer as autoridades que avaliam e filtram o que pode e o que não pode ser livremente veiculado nas mídias em geral. Essa trupe consegue emplacar coisas como “Precisamos Matar o Presidente”, uma peça teatral que pretende incentivar o assassinato do presidente Bolsonaro. É algo surreal e bizarro. Não a ideia, não a vontade, mas a possibilidade de isso ser liberado livremente. A ideia, avontade e o pensamento existe em qualquer lugar do mundo. O que assusta e é de arrepiar é justamente essa possibilidade já citada. É incrível, mas é iminentemente real!

Grupo brasileiro vai estrear peça teatral ‘Precisamos Matar o Presidente’

Redação

Publicado em 26.02.2021

Por  

 

Reprodução

O grupo carioca Blabonga Cia Teatral, segundo o portal Diário do Rio, vai lançar a peça teatral “Precisamos matar o presidente”, do diretor e ator Davi Porto.

De acordo com o site, os organizadores do evento visam expandir um modelo de encenação virtual para apresentar ao público, a partir do dia 06 de março.

O conteúdo será transmitido online através da plataforma Doity.

Dessa vez, sob pretexto de manifestação artística e cultural, o grupo mira no atual governo, sob comando do presidente Jair Bolsonaro.

O espetáculo assim como qualquer outra arte nasce de uma necessidade. Seja ela financeira, romântica ou existencial. A pandemia acabou unindo todas essas necessidades que juntas ultrapassaram toda a relutância que existia de levar o teatro para o mundo virtual. Somada a necessidade surgiu o descaso do governo atual, que ainda transformou cada artista em inimigo do estado”, disse o diretor da obra, Davi Porto, ao Diário do Rio.

E acrescentou:

Eu acredito que na vida política tem muito aquela coisa de você repudiar as pessoas, de você discordar das pessoas. Isto é uma ordem natural, mas de repente tudo que restou foi o ódio. Entender esse ódio, esse sentimento e a relação com a vida dos artistas foi algo que me cativou. A ideia não é matar o presidente. A ideia não é matar ninguém. A ideia é transformar essa força, esse ódio, esse sentimento motriz em algo como o teatro.”

Reação

O secretário nacional de Fomento à Cultura do governo federal, André Porciúncula, usou as redes sociais para repudiar a peça teatral. Segundo ele, esse tipo de conteúdo tem sido promovido por ausência de dinheiro público, que em gestões anteriores eram disponibilizadas sem tanto rigor fiscal.

“Eis o tipo de ‘peça’ que uma elite militante doentia (agora desesperada com a perda do dinheiro público) promoveu na cultura nas últimas décadas. O resgate cultural será lento e trabalhoso, mas devolveremos a cultura a sanidade dos valores do homem comum”, declarou.

Lei de Segurança Nacional 

A exposição da peça teatral ‘Precisamos Matar o Presidente’ deve reacender um debate ainda mais aprofundado sobre Lei de Segurança Nacional (LSN).

Recentemente, o ministro Alexandre de Moraes, do Supremo Tribunal Federal (STF), usou como base a LSN para ordenar a prisão de Daniel Silveira, deputado federal, detido no dia 16 deste mês após publicar um vídeo em que tece críticas e xingamentos aos integrantes da Corte. No conteúdo divulgado em suas redes sociais, o parlamentar disse que os onze ministros do Supremo deveriam ser destituídos do cargo.

Um dos artigos citados da lei, citado por Moraes, foi o 18, que classifica como crime o ato de “tentar impedir, com emprego de violência ou grave ameaça, o livre exercício de qualquer dos Poderes da União ou dos estados”.

Conexão Política é um jornal digital inteiramente compromissado com a cobertura e análise das principais pautas sobre política nacional e internacional | contato@conexaopolitica.com.br

Continuar lendo OPINIÃO: A ESQUERDA PODE TUDO, JUSTIFICA TUDO E FICA POR ISSO MESMO?

RESUMO DA SEMANA: ELEIÇÕES NO CONGRESSO, FIM DA LAVA JATO? E YOUTUBE X TERÇA-LIVRE

Neste domingo, como sempre, você que não viu nada de política esta semana vai poder se atualizar, aqui na coluna RESUMO DA SEMANA, assistindo ao vídeo com os principais destaques da política nacional, sob o comando de Vitor Brown do Semana da Pan, da Jovem Pan. Então, não perca tempo, comece logo a se atualizar!

Fonte:

Continuar lendo RESUMO DA SEMANA: ELEIÇÕES NO CONGRESSO, FIM DA LAVA JATO? E YOUTUBE X TERÇA-LIVRE

PODCASTS: NATUZA NERY FALA SOBRE AMEAÇA DE MAIA COM PEDIDO DE IMPEACHMENT

Segunda-feira é dia de PODCASTS, aqui no Blog do Saber, com Natuza Nery, que hoje comenta sobre a ameaça de Rodrigo Maia com o Impeachment contra Bolsonaro após o DEM anunciar o desembarque da candidatura de Baleia Rossi. Então, não perca e se atualize!

SEGUNDA, 01/02/2021, 08:51Conversa de Política – Natuza Nery

Maia ameaça aceitar pedido de impeachment

Em reunião tensa na noite de domingo, Rodrigo Maia disse que poderia aceitar pedido de impeachment depois de o DEM ter anunciado o desembarque da candidatura de Baleia Rossi. Em consequência ao anúncio do partido, legendas de esquerda também ameaçaram abandonar Rodrigo Pacheco na disputa do Senado.

O presidente da Câmara dos Deputados, Rodrigo Maia. Foto: Marcelo Camargo/Agência Brasil (Crédito: )O presidente da Câmara dos Deputados, Rodrigo Maia. Foto: Marcelo Camargo/Agência Brasil

Fonte: CBN

Continuar lendo PODCASTS: NATUZA NERY FALA SOBRE AMEAÇA DE MAIA COM PEDIDO DE IMPEACHMENT

RESUMO DA SEMANA: POLÊMICA DO LEITE CONDENSADO, ISOLAMENTO EM DISCUSSÃO E BOLSONARO X MOURÃO

Domingo é dia de ficar bem informado e sendo assim convido você a assistir o vídeo a seguir com o que rolou de mais relevante na política nacional nesta semana, sob o comando de Vitor Brown da Jovem Pan. Então, comece já a se atualizar!

Fonte:

Continuar lendo RESUMO DA SEMANA: POLÊMICA DO LEITE CONDENSADO, ISOLAMENTO EM DISCUSSÃO E BOLSONARO X MOURÃO

OPINIÃO: DA CARTEIRADA AO FURA-FILA ESSA DE LEVAR VANTAGEM EM TUDO TEM QUE ACABAR

Caro(a) leitor(a),

A elite brasileira não se emenda mesmo. Parece que vamos ter de esperar muito tempo ainda para ver as pessoas respeitando os direitos individuais dos cidadãos e agindo com honestidade e transparência. É incrível, mas depois de tudo que passamos nesse país esses indivíduos que se valem dos cargos públicos e do poder ainda não aprenderam a lição. O texto a seguir do nosso colaborador Ricardo Paz diz tudo e representa a indignação de uma grande parcela da população brasileira.

FLAGRANTE DE HIPOCRISIA

Não tem cabimento a quantidade de VIPs no Brasil, incluindo políticos, altos assessores e endinheirados em geral, que está furando a fila para receber a vacina do coronavírus. E o povo simplesmente não se revolta! A atitude elitista, desrespeitando os grupos de prioridade, expõe o (mau) caráter de quem se acha mais importante do que os outros (algumas autoridades tentam justificar o “primeiro eu” com a conversa mole de que é para incentivar as pessoas a tomar a vacina). Essa atitude lembra as cenas do filme Titanic, quando os riquinhos se achavam no direito de passar na frente dos demais passageiros para adentrar os barcos salva-vidas. É isso que está acontecendo em várias cidades do país. E o povo, historicamente condicionado a se sentir inferior aos “doutores” da aristocracia brasileira (como diria o antropólogo Roberto Damatta), assiste passivamente a mais uma sabotagem pelos compatriotas abastados. Não fossem os MPEs (nos estados onde os promotores de justiça realmente atuam em prol do bem de todos!) e o MPF, não haveria qualquer possibilidade de consequência a esses canalhas furadores de fila. Até quando o povo brasileiro terá o governo, e as elites, que (não) merece?
Ricardo Paz
Trabalhador
Continuar lendo OPINIÃO: DA CARTEIRADA AO FURA-FILA ESSA DE LEVAR VANTAGEM EM TUDO TEM QUE ACABAR

ANÁLISE POLÍTICA: PROGRAMAS DE TRANSFERÊNCIA DE RENDA SÃO MEDIDAS PALIATIVAS, POR CAIO COPPOLLA

Ao ser questionado por um apoiador, o presidente Jair Bolsonaro (sem partido) negou mais uma vez a possibilidade de retomar o auxílio emergencial. No quadro Liberdade de Opinião do Visão CNN desta terça-feira (26), o comentarista Caio Coppolla avaliou a retomada da economia brasileira em meio à pandemia de Covid-19.

Fonte:

Continuar lendo ANÁLISE POLÍTICA: PROGRAMAS DE TRANSFERÊNCIA DE RENDA SÃO MEDIDAS PALIATIVAS, POR CAIO COPPOLLA

ANÁLISE POLÍTICA: ARAS, JANAÍNA BOTANDO PONTO FINAL, MAIA, XOICE SENDO XOICE, ISENTOÂNDIA, POR BÁRBARA

Segunda-feira é dia de política com humor, aqui na coluna ANÁLISE POLÍTICA com a irreverente Bárbara. E hoje, os personagens principais do seu comentário são Augusto Aras, Janaina, Maia e Joice Hasselmann. Você vai se divertir e se atualizar com a política nacional! 

Fonte:

 

Continuar lendo ANÁLISE POLÍTICA: ARAS, JANAÍNA BOTANDO PONTO FINAL, MAIA, XOICE SENDO XOICE, ISENTOÂNDIA, POR BÁRBARA

RESUMO DA SEMANA: POSSE DE BIDEN, PAZUELLO X TRATAMENTO PRECOCE E FURA-FILAS DA VACINA

No RESUMO DA SEMANA deste domingo você vai ver os principais fatos da política nacional desta semana sob o comando de Vitor Brown, dentre eles: a posse de Biden, a polêmica da fala do ministro da saúde, Eduardo Pazuello, sobre tratamento precoce e os fura-filas da vacinação contra a Covid-19 em todo o país. Então não saia dai, se acomode na poltrona e se atualize!

Fonte:

Continuar lendo RESUMO DA SEMANA: POSSE DE BIDEN, PAZUELLO X TRATAMENTO PRECOCE E FURA-FILAS DA VACINA

PONTO DE VISTA: O GRANDE DITADOR CONTINUA NA CONTRAMÃO DA HISTÓRIA

Caro(a) leitor(a),

Cumprindo a minha promessa de acompanhar de perto todos os passos desse impostor chamado João Dória, vulgo Ditadoria, não poderia deixar passar essa oportunidade de trazer a baila um fato importantíssimo que a grande imprensa da esquerda não fala nada. Um levantamento feito pela Revista Oeste que considera o estado de São Paulo um país fictício para elaborar uma lista das nações com o maior número de mortes por milhão de habitantes, com base nos dados da Organização Mundial da Saúde (OMS). Mostrou um ranking liderado pela Bélgica, seguida por Eslovênia, República Tcheca, Itália, Bósnia e Herzegovina, Reino Unido, Macedônia, Bulgária, Hungria, Estados Unidos, Peru, Espanha, Croácia, São Paulo, Panamá, México, França, Suécia, Armênia, Argentina e Brasil (desconsiderando o estado paulista). Segundo a publicação, São Paulo teria 1.137 mortes por milhão de habitantes, ante 973 do Brasil. Diante destes números, qual a explicação do Ditadoria , que falou tanto em ciência, em fique em casa, que provocou rigorosas quarentenas no Estado de São Paulo e que a partir de segunda-feira pretende decretar uma rigorosa restrição, com toque de recolher, como ocorreu e ainda ocorre, nas grandes ditaduras. Portanto, está mais do que claro que este impostor nunca se baseou na ciência para manter São Paulo sob o seu total controle, inclusive com a obrigatoriedade da vacinação. O que você acha disso? Se concorda e gostou, por favor divulgue esta postagem!

Doria coloca todo o estado de SP na Fase Vermelha durante noite e finais de semana

Publicado em 22.01.2021

Por  

 

Arquivo | Governo do Estado de São Paulo

Com as taxas de ocupação de unidades de terapia intensiva (UTI) acima de 71% por causa do vírus chinês, o governo de São Paulo decidiu colocar todo o estado em quarentena aos finais de semana, feriados e no período noturno, sempre após as 20h nos dias úteis. A medida passa a valer na segunda-feira (25). A quarentena deve durar, pelo menos, até o dia 7 de fevereiro.

Aos sábados, domingos, feriados e após as 20h nos dias úteis, só poderão funcionar os serviços considerados essenciais das áreas de logística, saúde, segurança e abastecimento. O restante das atividades econômicas, tal como o comércio, terá que ser fechado nesses dias e horários.

A quarentena já vale para o feriado do dia 25 de janeiro, aniversário da cidade de São Paulo.

Essa foi a terceira reclassificação do Plano São Paulo somente neste mês de janeiro. A primeira ocorreu no dia 8 de janeiro e a expectativa do governo era de que a próxima seria somente no dia 5 de fevereiro. No entanto, o governo acabou fazendo uma nova reclassificação no plano na última sexta-feira (15).

Na última reclassificação, apenas a região de Marília havia ficado na fase 1-vermelha. Agora, com a nova alteração no Plano São Paulo, sete regiões vão ficar na fase 1-vermelha e só poderão reabrir os serviços considerados essenciais. São elas: Marília, Presidente Prudente, Bauru, Sorocaba, Taubaté, Franca e Barretos.

As demais regiões do estado, incluindo a Grande São Paulo e a capital paulista, vão ficar na fase 2-laranja. Na fase 2-laranja, academias, salões de beleza, restaurantes, cinemas, teatros, shoppings, concessionárias, escritórios e parques estaduais podem funcionar por oito horas diárias, com atendimento presencial limitado a 40% e encerramento às 20h. O consumo local em bares está proibido nessa fase.

O governo determinou ainda que nenhuma região passará para as fases 3-amarela ou 4-verde até o dia 8 de fevereiro.

Sem essas mudanças no Plano São Paulo, restringindo mais a circulação das pessoas, e com o atual ritmo de crescimento de infecções pela covid-19, o governador João Doria (PSDB) acredita que em 28 dias o estado poderia ter um esgotamento dos leitos de unidades de terapia intensiva (UTI), segundo informações da Agência Brasil.

Editor-chefe do Conexão Política; residente e natural de Campo Grande/MS | FALE COMIGO: marcos@conexaopolitica.com.br

Fonte: Conexão Política

Continuar lendo PONTO DE VISTA: O GRANDE DITADOR CONTINUA NA CONTRAMÃO DA HISTÓRIA

ANÁLISE POLÍTICA: NARRATIVA, PRESIDENCIÁVEIS, MANAUS -DESABAFO

Um desabafo contundente da nossa comentarista política Bárbara com relação ao caos em Manaus é o destaque da nossa coluna ANÁLISE POLÍTICA desta segunda-feira. Por isso, no vídeo de hoje não vai dar pra rir da situação. Quanto mais eles falam, mais claro fica. Narrativas são o novo normal, pelo menos é o que eles querem que nós acreditemos. Então assista ao vídeo completo a seguir e se Atualize!

Continuar lendo ANÁLISE POLÍTICA: NARRATIVA, PRESIDENCIÁVEIS, MANAUS -DESABAFO

OPINIÃO: UMA ESQUERDA CONSCIENTE E RESPONSÁVEL NÃO PODE CONCORDAR COM ESSA CENSURA SOBRE TRUMP

Caro(a) leitor(a),

Qualquer ativista político consciente e responsável sabe que o principal alicerce da Democracia é a liberdade, no seu mais amplo sentido e a liberdade de expressão é não apenas um símbolo disso, mas o seu maior legado. Mas não podemos confundir “liberdade” com libertinagem. Libertinagem tem vários sentidos e um deles é depravação. A depravação no seu mais amplo sentido é falta de limites. Então, a “liberdade” para ser plenamente exercida, quando em sociedade, possui seus limites, que estão expressos em uma legislação. Ao tomar a decisão de bloquear Donald Trump em suas redes sociais seus diretores excederam ou extrapolaram essa legislação e cometeram o crime de cerceamento da liberdade de expressão do líder americano. E qualquer que seja o crime cometido por um cidadão, seja aqui, na China ou no Japão deve ser punido dentro da lei. Portanto, apesar de ser uma contumaz esquerdista, até mesmo a líder alemã, Angela Merkel, não poupou os responsáveis pelos ataques a Donald Trump de cometerem um desatino à liberdade de expressão, mostrando claramente a ameaça ditatorial se insurgindo sempre que tem uma oportunidade e isso nós não podemos permitir! 

O repúdio de Angela Merkel aos ataques sofridos por Donald Trump

Publicado em 

Reuters

Conforme registramos mais cedo, a censura sofrida pelo presidente dos Estados Unidos, Donald Trump, está gerando debates entre autoridades globais.

Angela Merkel foi uma das líderes que criticou duramente a decisão do Twitter de banir o republicano.

Para a chanceler alemã, as medidas contra Trump trata-se de uma ‘problemática’ do ‘direito fundamental à liberdade de expressão’.

“É possível interferir na liberdade de expressão, mas de acordo com os limites definidos pela legislação”, afirmou o porta-voz da chanceler, Steffen Seibert, em entrevista coletiva nesta segunda-feira (11).

“Não baseando-se na decisão da direção de uma empresa”, prosseguiu.

E completou: “É por isso que a chanceler considera problemático que as contas do presidente dos Estados Unidos nas redes sociais sejam fechadas definitivamente”.

Donald Trump foi banido permanentemente do Twitter na última sexta-feira, 8, dois dias após os conflitos que ocorreram no edifício do Capitólio.

A empresa disse que suspendeu a conta do líder norte-americano por temer que ele pudesse incitar mais violência.

O Facebook, por sua vez, suspendeu a conta do presidente por alguns dias.

A previsão é que o bloqueio prevaleça até a posse de Joe Biden, marcada para 20 de janeiro.

Porém, para Merkel, o governo dos EUA deveria seguir o exemplo da Alemanha na adoção de leis que restringem o incitamento online, em vez de deixar que plataformas como Twitter e Facebook definam suas próprias regras.

Professor, cristão, colunista, e redator. Amo ciências políticas, sou conservador e nordestino com orgulho.

Fonte: Conexão Política

Continuar lendo OPINIÃO: UMA ESQUERDA CONSCIENTE E RESPONSÁVEL NÃO PODE CONCORDAR COM ESSA CENSURA SOBRE TRUMP

OPINIÃO: ESTÁ MUITO CLARO QUE O CONGRESSO NACIONAL NÃO REPRESENTA OS INTERESSES DO POVO BRASILEIRO

Caro(a) leitor(a),

A Consultoria Metapolítica fez um levantamento e concluiu que o ministro da Economia, Paulo Guedes, solicitou ao Congresso Nacional 19 medidas a fim de blindar a economia brasileira contra os efeitos da pandemia do vírus chinês. Entretanto, o Congresso Nacional só aprovou apenas 3 delas. No final dessa postagem você pode verificar a lista completa das medidas, com o status da tramitação e a possibilidade de deliberação no curto prazo. Isso mostra que o governo tomou várias iniciativas para solucionar os mais diversos problemas e que se não conseguiu êxito não foi culpa do próprio governa, mas sim do Congresso Nacional que coloca os seus interesses particulares acima dos interesses da nação. É muito importante explicitar esse tipo de coisa para que o povo brasileiro tenha noção do quão errado votou nas últimas eleições e perceber que tudo começa no voto, nas urnas. Portanto, precisamos ampliar a nossa consciência para mudar essa triste realidade, que se repete eleição após eleição. Isso precisa mudar. O povo brasileiro precisa aprender a votar. E a mídia, com suas redes sociais e a informação cada vez chegando mais rápido aos usuários está facilitando esse processo de cognição e decisão do eleitor. Então, caro(a) leitor(a) se interesse mais por política, pois só assim conseguiremos deixar de ser um país terceiro mundista!

Projetos de Guedes para destravar economia durante pandemia empacam no Congresso

Marcos Rocha

Publicado em 07.01.2021

Por  

 

Cristiano Mariz

Levantamento da consultoria Metapolítica, a pedido do jornal digital Poder360, aponta que o ministro da Economia, Paulo Guedes, solicitou ao Congresso Nacional 19 medidas a fim de blindar a economia brasileira contra os efeitos da pandemia do vírus chinês.

Contudo, até o fim de 2020, somente 3 propostas haviam sido aprovadas pelo Parlamento.

São elas: Marco Legal do Saneamento Básico – conjunto de regras que tratam da regulação do setor, abrindo espaço para a iniciativa privada; Lei de Falências – altera os procedimentos de falência e recuperação judicial; Plano de Equilíbrio Fiscal – repassa R$ 60 bilhões para estados e municípios, além de vetar o reajuste do funcionalismo até dezembro de 2021.

De acordo com o diretor da Metapolítica, Jorge Ramos Mizael, os avanços nos projetos dependerão da definição das novas presidências da Câmara e do Senado.

Na Câmara, por exemplo, há uma forte disputa entre os blocos dos deputados Arthur Lira (PP-AL) e Baleia Rossi (MDB-SP).

Lira se aproximou do governo federal ao longo de 2020 e é tido como o favorito de Bolsonaro para o posto.

Baleia, por sua vez, já foi oficializado como o nome apoiado por Rodrigo Maia (DEM-RJ) e partidos de esquerda.

“Se o Arthur Lira for o eleito, ele tem condições de imprimir um ritmo mais forte para essas matérias do governo e do Paulo Guedes, em especial”, opinou Mizael.

O levantamento completo você confere clicando AQUI.

Continuar lendo OPINIÃO: ESTÁ MUITO CLARO QUE O CONGRESSO NACIONAL NÃO REPRESENTA OS INTERESSES DO POVO BRASILEIRO

OPINIÃO: ATÉ PALHAÇADA PRECISA DE UM LIMITE. MESMO NUM PAÍS SURREAL COMO O BRASIL

Caro(a) leitor(a),

Confesso que ainda me impressiona ver e ouvir notícias como essa a seguir. Eu fico me perguntando como é que alguém, nos dias atuais, pode achar que o que o comportamento de um servidor público, como Dória é normal. Como alguém em sua sã consciência pode achar que as coisas que o governador Doria faz pode ser normal e fazer bem à sociedade? Para mim é surreal. Eu jamais daria o meu voto para alguém que se comportasse dessa maneira. Eu já disse aqui, que iria acompanhar todos os movimentos desse psicopata e estou acompanhando, A cada dia o rastro de sujeira que ele deixa é mais  explicito. Infelizmente vivemos no país de Alice das maravilhas, no país das bizarrices, onde tudo, absolutamente tudo é normal. Ai até perdemos a noção do que é certo ou errado, do que é aceitável ou não e do que é deglutível ou não. Um país onde um palhaço, como João Doria faz, desfaz e fica por isso mesmo. Sem falar no pior, quando chegar 2022 se candidatar a presidente da república e ainda correr o risco de ser eleito. Que país é esse?

O agro se une e amanhã é o dia de grande manifestação contra o “ditador da calça apertada” (veja o vídeo)

Fotomontagem: João DoriaFotomontagem: João Doria

Produtores rurais de São Paulo organizam um grande protesto para a esta quinta-feira (7) contra o fim da isenção de 4,14% sobre o ICMS dos produtos agrícolas, mais uma aberração do governador João Doria.

O movimento convocado pelas redes sociais, denominado “tratoraço”, irá ocorrer preferencialmente perto de supermercados, com o intuito de que a população receba a mensagem de que quem irá “pagar a conta dos impostos é o povo”.

Mais de 150 municípios de diversas regiões paulistas já confirmaram participação no tratoraço.

Os organizadores do movimento divulgaram uma lista de produtos que devem ter o preço aumentado com o fim da isenção do ICMS. Veja quais são:

– Leite longa vida: 8,4%

– Carnes: 8,9%

– Medicamentos para Aids e Câncer na rede privada:14%

– Cadeira de rodas e equipamentos para pessoas com deficiência: 5%

– Têxteis, couros e calçados: 7,3%

– Energia elétrica para estabelecimento rural: 13,6%

Doria caminha a passos largos para a plena desmoralização.

Veja o vídeo:

Fonte: Jornal da Cidade Online

Continuar lendo OPINIÃO: ATÉ PALHAÇADA PRECISA DE UM LIMITE. MESMO NUM PAÍS SURREAL COMO O BRASIL

OPINIÃO: BATE BOCA ENTRE COMENTARISTAS DA GLOBONEWS SÓ MOSTRA FALTA DE FUNDAMENTAÇÃO NOS ARGUMENTOS

Caro(a) leitor(a),

Estamos de volta com a coluna OPINIÃO, nesta primeira segunda-feira do ano de 2021, aproveitando para opinar sobre o bate boca entre dois comentaristas da Globo News, Demétrio Magnoli e Gerson Camarotti, que já começaram o ano se estranhando e como não poderia deixar de ser, sobre pandemia, aglomeração e ciência. A hipocrisia dos esquerdopatas, como Camarotti, é de dar vergonha a qualquer um que tenha um mínimo de cognição. Quer dizer que só há contaminação ou propagação do coronavírus em aglomerações de laser? Quando o trabalhador se aglomera no vagão do metrô ou do trem para ir ao trabalho o vírus não atua? Que ciência é essa? Me explica ô Camarotti! Deixa de ser hipócrita cara e cai na real que seus argumentos são totalmente infundados. Fazer oposição só por fazer é puro enchimento de bucha. Eu não entendo como a Globo paga um salário altíssimo para um imbecil como esse. Sinceramente, há coisas que são incompreensíveis, mesmo partindo de uma emissora do porte e da audiência de uma GLOBO!

“Funcionários” da Globo brigam ao vivo, em pleno ar (veja o vídeo)

Imagem em destaque

O programa “Em pauta”, atração da Globonews, não teve um bom começo de ano. Pelo menos, não no sentido de harmonia e paz entre os seus colaboradores.

Logo na primeira edição ao vivo de 2021, os comentaristas Demétrio Magnoli e Gerson Camarotti se estranharam na TV; enquanto debatiam sobre as aglomerações nas praias durante o réveillon.

Com posições bem opostas, o clima esquentou entre os colegas de profissão e a apresentadora, Cecília Flesch, precisou intervir para acalmar os ânimos.

Magnoli defendeu os banhistas que decidiram ir às praias no final de ano, depois de passarem 2020 inteiro confinados em casa. E completou que muitos estavam indo a trabalho e que isso não deveria ser julgado.

“Você diria que ele (banhista) é execrável, depois de passar um ano inteiro se aglomerando nos trens para trabalhar em setores essenciais, porque agora ele se aglomerou na Praia Grande?”, questionou Magnoli a Camarotti.

Ao passo que o colega respondeu:

“Demétrio, você que está colocando essa palavra ‘execrável’. Você que tem que responder essa pergunta! Você tem a recomendação da ciência e a ciência tem que ser pra todos”, despistou, sem responder, Camarotti.

Camarotti ainda disse:

“Agora, a ciência tem que ser seguida. Não dá pra ter exceção. É incompreensível a situação social do país. Uma coisa é trabalho e sobrevivência. Outra coisa é festividade. É preciso ter bom senso, Demétrio”, rebateu, sem informar se o vírus da Covid-19 era disseminado apenas em lugares de lazer.

A apresentadora Cecília bem que tentou interromper a fala sem fundamento de Camarotti algumas vezes, mas o jornalista continuou argumentando sobre “ciência”.

E Demetrio fulminou:

“Com certeza, é preciso ter bom senso. Não existe só uma ciência chamada epidemiologia. Existe uma outra ciência chamada Sociologia e outra chamada Antropologia”.

E Cecília interviu:

“Mas, Demétrio, infelizmente, não somos nós que vamos resolver esse dilema aqui, né? Existe muita reclamação”, finalizou Flesch.

Confira o vídeo da briga:

ATENÇÃO! Agora você tem a opção de assinatura do JCO com boleto!

Continuar lendo OPINIÃO: BATE BOCA ENTRE COMENTARISTAS DA GLOBONEWS SÓ MOSTRA FALTA DE FUNDAMENTAÇÃO NOS ARGUMENTOS

ANÁLISE POLÍTICA: 2021 NÃO SERÁ TÃO FÁCIL, MAS COM MUITO HUMOR

A nossa primeira análise de 2021 na coluna ANÁLISE POLÍTICA é da irreverente e sempre muito humorada Bárbara, que tem a sensação que 2020 foi um intensivão para o resto de nossas vidas. Do momento que você faz escola, você aprende. Após adquirir conhecimento, não é mais pego de surpresa. Eles tenham certeza, irão tentar, mas em 2021 vai ser muito mais difícil conseguir… Então, não perca tempo, prepare a pipoca e divirta-se muito!

Fonte:

Continuar lendo ANÁLISE POLÍTICA: 2021 NÃO SERÁ TÃO FÁCIL, MAS COM MUITO HUMOR

Fim do conteúdo

Não há mais páginas para carregar