TRANSPLANTE DE FÍGADO É REALIZADO EM ADOLESCENTE COM HEPATITE MISTERIOSA NO RECIFE

Adolescente com hepatite misteriosa passa por transplante em Recife; caso é investigado

Médicos afirmaram que vão continuar investigando os sintomas para tentar identificar a causa da doença

Thati Teixeira, especial para o Estadão, do Estadão Conteúdo

 

Uma adolescente de 14 anos, de Ibimirim, no sertão de Pernambuco, precisou passar por um transplante de fígado de emergência. A cirurgia foi realizada na última sexta-feira (20), no Hospital Universitário Oswaldo Cruz, no Recife.

De acordo com os médicos que fizeram o procedimento, a adolescente estava em estado de coma quando a cirurgia, de seis horas de duração, teve início. A paciente deu entrada no hospital em estado grave e, pelos sintomas apresentados, ficou claro para eles que se tratava de uma doença no fígado. Ela apresentava vômito, icterícia e urina escura.

Os médicos afirmaram que vão continuar investigando os sintomas para tentar identificar a causa da doença. Antes de chegar ao Oswaldo Cruz, a jovem já havia passado por outras duas unidades de saúde: um hospital em Arcoverde (sertão do estado) e o Hospital Mestre Vitalino, em Caruaru, no agreste pernambucano.

Durante a entrevista coletiva, realizada após a finalização da cirurgia, o médico Cláudio Lacerda, um dos especialistas responsáveis pelo procedimento, afirmou que “o quadro clínico da adolescente teve início na semana passada, evoluindo para um caso de insuficiência hepática, considerada fulminante, o que levou ao coma. Nesses casos, a solução é um transplante de fígado, sob pena do paciente não sobreviver muitos dias” se o procedimento não for realizado.

Para a realização de um transplante de fígado, alguns critérios são levados em consideração: o tamanho do órgão, o grupo sanguíneo e o grau de gravidade do paciente. A adolescente pernambucana apresentava o grau mais elevado da doença.

O doador do fígado sofreu morte cerebral por traumatismo craniano, após um acidente no Paraná. A família do homem de 30 anos autorizou a doação do órgão na madrugada desta sexta-feira, e a equipe médica local realizou a captação do órgão às 2h.

Um avião da Força Aérea Brasileira (FAB) realizou o transporte do fígado para o Recife e, às 9h, a cirurgia da adolescente teve início.

Cerca de 20 médicos especialistas estiveram envolvidos no procedimento cirúrgico para salvar a vida da adolescente. O médico Américo Gusmão relatou que, durante as próximas 48 horas, a menina deverá ficar em observação. Após este período, ela deverá ser encaminhada para um dos quartos da unidade hospitalar.

“Tudo depende da evolução do quadro. Se tudo correr bem, que é o que se espera, no máximo em 72 horas a adolescente vai para um quarto hospitalar”. Segundo Gusmão, após uma semana do procedimento deverá ser iniciado o uso dos medicamentos para evitar a rejeição ao órgão.

Em nota, a Secretaria de Saúde de Pernambuco afirmou que o Ministério da Saúde foi notificado sobre o possível caso de hepatite misteriosa no estado. Com o caso da adolescente, já são seis o número de notificações suspeitas da doença em Pernambuco. Destes, um já foi descartado e cinco seguem sendo investigados.

Até o momento, 70 casos suspeitos de hepatite misteriosa foram notificados em todo país ao Ministério da Saúde, sendo que 12 casos já foram descartados e 58 ainda estão em fase de investigação. Nenhum caso foi confirmado oficialmente pelo órgão federal.

Fonte: CNN
Continuar lendo TRANSPLANTE DE FÍGADO É REALIZADO EM ADOLESCENTE COM HEPATITE MISTERIOSA NO RECIFE

SAÚDE: GRUPO DE ALUNOS EM ESCOLA NO RECIFE TEM SURTO COLETIVO DE ANSIEDADE

Surto de ansiedade coletiva acende alerta sobre saúde mental de estudantes

Neste episódio do E Tem Mais, Carol Nogueira apresenta um panorama da preocupação com impactos psicológicos e emocionais da pandemia em crianças e adolescente

Da CNN*

Em São Paulo

Surto de ansiedade coletiva acende alerta sobre saúde mental de estudantes | CNN Brasil

Um grupo de 26 alunos de uma escola do ensino médio de Recife (PE) precisou ser atendido por profissionais de saúde no início deste mês, depois de apresentar sintomas de ansiedade. O caso de surto coletivo ocorreu na primeira semana de exames depois do retorno das aulas presenciais, após dois anos de restrições impostas pela pandemia de Covid-19.

Em São Paulo, um levantamento realizado com estudantes da rede estadual de ensino fundamental e médio apontou que cerca de dois terços das crianças e adolescentes apresentaram sintomas de depressão e ansiedade.

Neste episódio do E Tem Mais, Carol Nogueira apresenta um panorama da preocupação com novos casos de transtornos de ansiedade em crianças e adolescentes. Para descrever as possíveis explicações para esse cenário e os caminhos para cuidar melhor da saúde mental dos jovens brasileiros, participam deste episódio o professor de psiquiatria da infância e adolescência Guilherme Polanczyk, da USP, e a psicóloga Marilene Kehdi.

Continuar lendo SAÚDE: GRUPO DE ALUNOS EM ESCOLA NO RECIFE TEM SURTO COLETIVO DE ANSIEDADE

PREFEITO DE RECIFE ACREDITA QUE SERÁ POSSÍVEL REALIZAR CARNAVAL EM 2022, MAS DECISÃO CABERÁ AS AUTORIDADES SANITÁRIAS

Se houver autorização sanitária, faremos Carnaval, diz prefeito do Recife

Em entrevista à CNN, João Campos (PSB) disse que, até o fim de setembro, todos com mais de 18 anos terão tomado a primeira dose na cidade

Produzido por Layane Serrano, Da CNN, em São Paulo

10 de julho de 2021 às 16:44

Se houver autorização sanitária, faremos Carnaval, diz prefeito do Recife

O prefeito do Recife, João Campos (PSB), acredita que será possível realizar o carnaval em 2022 na cidade, mas a decisão caberá às autoridades sanitárias. Em entrevista à CNN na tarde deste sábado (10), ele conta também as medidas adotadas para evitar que a população recuse se vacinar por querer escolher o tipo de imunizante.

“A autorização para a realização ou não [do Carnaval] será das autoridades sanitárias. Vamos deixar tudo feito como se pudesse ter e, as autoridades sanitárias autorizando, faremos o maior Carnaval da história. Não vai depender apenas de um desejo nosso”, diz.

Depois da medida que pune com proibição de reagendamento da vacinação por 60 dias a quem se recusar a tomar a dose por querer escolher o fabricante, o número de imunizados cresceu, afirma Campos.

“Na cidade o sistema é 100% digital, toda pessoa que se vacina escolhe o dia, local e horário, só não pode escolher a vacina que vai tomar. Publiquei um decreto regulamentando, dando direito inclusive à defesa caso a pessoa tenha o cadastro bloqueado. A gente percebe uma elevada redução de pessoas que deixaram de se vacinar”.

Recife também está com um ritmo acelerado de vacinação, conta o prefeito. “Batemos essa semana 1 milhão de pessoas vacinadas, 60% de quem tem mais de 18 anos já tomou a primeira dose, isso é maior que a média nacional, que é em torno de 40%. O esquema vacinal está bastante acelerado e todo mundo que está agendado para o dia tem a vacina à disposição”, afirma.

Há uma previsão de quando todos os maiores de 18 anos terão recebido pelo menos a primeira dose. “Estamos vacinando desde o início dessa semana pessoas com 37 anos ou mais, além dos grupos prioritários. O gargalo é a entrega de vacinas por parte do Ministério da Saúde. Se o calendário original for mantido, até o final de setembro garantimos a primeira dose para todos maiores de 18 anos”.

Continuar lendo PREFEITO DE RECIFE ACREDITA QUE SERÁ POSSÍVEL REALIZAR CARNAVAL EM 2022, MAS DECISÃO CABERÁ AS AUTORIDADES SANITÁRIAS

PREFEITURA DO RECIFE É INVESTIGADA POR COMPRA DE MATERIAL HOSPITALAR QUE ATENDERIA DEMANDA DE ATÉ 723 ANOS

Tribunal investiga suspeita de superfaturamento em kit intubação no Recife

A soma dos produtos estocados e sem uso na Secretaria Municipal de Saúde da capital de Pernambuco é de R$ 17 milhões

Marcos Guedes, da CNN, em São Paulo

Atualizado 21 de maio de 2021 às 19:23

Tribunal investiga suspeita de superfaturamento em kit intubação no Recife

A Prefeitura do Recife é investigada por suspeita de ter comprado em 2020 material hospitalar com dispensa de licitação, indícios de sobrepreço e que poderiam atender demanda de até 723 anos, segundo projeção com base no consumo médio do ano passado. O processo de compra durante o primeiro ano de pandemia está sendo investigado pelo Tribunal de Contas do Estado de Pernambuco (TCE-PE). A soma dos produtos estocados e sem uso nos almoxarifados da Secretaria Municipal de Saúde é de R$ 17 milhões.

A atual administração, comandada pelo prefeito João Campos (PSB), informou que as contratações e compras feitas em caráter de emergência por conta da pandemia foram realizadas dentro da legalidade e que toda a documentação exigida por lei foi entregue pelos fornecedores. Segundo a prefeitura, os preços na época da compra estavam de acordo com os praticados no mercado e que os materiais estão sendo usados.

O ex-secretário de Saúde de Recife, Jailson Correia, disse que seguiu trâmites legais na compra dos equipamentos e que presta todos os esclarecimentos solicitados pelo Tribunal de Contas do Estado.

CNN teve acesso aos relatórios do TCE-PE, que detalham as aquisições feitas entre março e abril de 2020. Os documentos mostram que a pasta municipal pagou valores acima da média em diversos itens médicos, entre eles: seringas, luvas cirúrgicas e insumos que fazem parte do “kit intubação”. Segundo uma apuração prévia da corte de contas, os valores estariam superfaturados em mais de R$ 10 milhões.

Uma denúncia motivou a investigação do Ministério Público de Contas. “A denúncia mencionava alguns itens cujo estoque comprado para a pandemia poderia abastecer por anos e anos a rede de saúde de Recife. Os auditores estiveram no estoque da Secretaria de Saúde de Recife constataram, sim, que alguns itens foram adquiridos em grandes quantidades”, explica o procurador Cristiano Pimentel.

No documento, também é apontado que a secretaria não teria seguido abordagem mais adequada para a dispensa de licitação, que seria adquirir itens para necessidades de curto prazo e, que a compra, da forma como ocorreu, resultou em estoque excessivo.

Para Walter Cintra, médico sanitarista e professor de Gestão e Saúde da Fundação Getúlio Vargas (FGV), o caso apresentado pela reportagem apresenta indícios de exagero nas compras emergenciais mesmo em um momento de pandemia.

“Toda a gestão de materiais, ela funciona para você trabalhar pra não faltar material, mas também para você manter um estoque o menor possível, esse estoque entre um processo de compra e outro, mas o estoque de segurança ele deve ser o menor possível porque estoque parado é dinheiro parado”, disse.

Empresas que teriam sido criadas somente para atender a demanda da Prefeitura também são alvo da investigação. A Saúde Brasil Comércio de Materiais Médicos, que foi fornecedora da Prefeitura nas compras emergenciais, tinha dois funcionários registrados à época do processo e capital social incompatível com o serviço oferecido.

Além disso, o relatório também apontou que, desde o ano de 2017, todos os contratos firmados entre Secretaria de Saúde do Recife e a empresa Saúde Brasil teriam como base a dispensa de licitação. A CNN procurou a empresa em dois endereços, mas ninguém foi localizado para comentar. Por e-mail, a empresa informou que não foi criada para atender a prefeitura, que a maior parte dos funcionários é terceirizada e negou o superfaturamento.

Kit intubação

Os tubos endotraqueais, usado em pacientes que precisam de ventilação artificial, foram comprados nos processos de dispensa de licitação 74/2020 e 95/2020 com valores 175% superiores ao preço de mercado.

Com base em respostas de pedidos feitos pela Lei de Acesso à Informação, a reportagem verificou os estoques de insumos médicos que a Secretaria de Saúde do Recife tinha até o início do mês de março de 2021 e também uma média de consumo desse item no ano de 2020. As projeções apontam que seriam necessários mais cinquenta e nove anos para os tubos comprados de forma emergencial acabarem.

A cânula de traqueostomia é usada quando o paciente já está há algum tempo intubado, como explica Fernando Tallo, diretor da Associação Médica Brasileira: “depois de algum tempo com o paciente intubado é necessário a retirada do tubo e a colocação de um outro meio do paciente ao ventilador”.

O uso desse item é mais restrito do que o uso do tubo endotraqueal, de forma que a compra com sobrepreço, feita sob o processo de dispensa de licitação n° 123/2020, gerou um estoque excessivo de dezessete mil unidades. Essa quantidade que estava guardada, pelo menos até março deste ano, poderia ser utilizada sem a necessidade de reposição por mais cinco anos, levando em consideração o consumo médio em 2020.

O conjunto de drenagem torácica, ainda mais restrito nos procedimentos que envolvem o aparelho respiratório, também foi adquirido no processo de dispensa de licitação n°  123/2020. Os indícios de superfaturamento para esse item alcançam 96% e os estoques são desproporcionais, levando em consideração a média de uso no ano de 2020. As 39 mil unidades em estoque poderiam atender as demandas da prefeitura recifense por 723 anos.

O Tribunal de Contas de Pernambuco não prevê prazo para o julgamento do caso.

Fonte: CNN

Continuar lendo PREFEITURA DO RECIFE É INVESTIGADA POR COMPRA DE MATERIAL HOSPITALAR QUE ATENDERIA DEMANDA DE ATÉ 723 ANOS

JUSTIÇA: EX-PATRÕES DA MÃE DE MIGUEL (GAROTO QUE CAIU DO PRÉDIO NO RECIFE) SÃO CONDENADOS PELA JUSTIÇA DO TABALHO

Caso Miguel: Patrões são condenados a pagar R$ 386 mil à ex-empregada, cujo filho morreu dentro de prédio

Foto: Reprodução/InternetFoto: Reprodução/Internet

A Justiça do Trabalho, em Pernambuco, condenou Sarí Corte Real e Sérgio Hacker, ex-patrões de Mirtes Renata de Souza, genitora de Miguel Otávio, de 5 anos, morto em junho do ano passado ao cair do prédio em que a mãe trabalhava, depois que a patroa permitiu que o menino saísse sozinho para procurar onde a mãe estava. O caso aconteceu no Recife e, agora, o casal é condenado a indenizar a ex-empregada no valor de R$ 386.730,40 por danos morais coletivos.

“A forma de prestação de serviços trouxe consigo a tragédia da morte do filho de uma das domésticas o que reflete o tratamento discriminatório. Não teria a ré o mesmo comportamento com Miguel, se ao seu lugar estivesse um parente ou filho de mesma idade de uma de suas amigas”, escreveu o juiz substituto José Augusto Segundo Neto, da 21ª Vara do Trabalho, na sentença.

A decisão veio após o Ministério Público do Trabalho (MPT) abrir ação civil pública. No Instagram, Mirtes comemorou a decisão judicial:

“Deus é especialista em reviravoltas”.

O garoto acompanhava a mãe em um dia de trabalho no apartamento dos patrões, já que as creches estavam fechadas, em Recife, por conta da pandemia. A doméstica teve que descer para passear com o cachorro da família e deixou o filho aos cuidados da patroa. Porém, quando o menino começou a chorar, Sarí, que fazia as unhas, permitiu que ele entrasse no elevador do prédio, no 5º andar, para procurar a mãe.

Imagens do circuito de câmeras de segurança mostram que Sarí consentiu que a criança entrasse no elevador e apertasse um dos botões. Segundo aponta a investigação, Miguel desceu no 9º andar, escalou uma grade e caiu do prédio.

Sarí Côrte Real foi presa em flagrante e indiciada pelo crime de homicídio culposo, quando não há intenção de matar, mas pagou a fiança de R$ 20 mil reais e responde às acusações em liberdade.

Fonte: Jornal da Cidade Online

Continuar lendo JUSTIÇA: EX-PATRÕES DA MÃE DE MIGUEL (GAROTO QUE CAIU DO PRÉDIO NO RECIFE) SÃO CONDENADOS PELA JUSTIÇA DO TABALHO

PRÓXIMA SEGUNDA- FEIRA SERÃO RETOMADOS OS VOOS ENTRE MOSSORÓ E RECIFE

Voos entre Mossoró e Recife serão retomados na próxima segunda-feira

Redação / Portal da Tropical

 – Atualizado em: 

Foto: Luis Neves

Segunda maior cidade do Rio Grande do Norte, Mossoró terá voo a Recife a partir de 1º de março deste ano. O anúncio foi promovido pela Azul Linhas Aéreas, que definiu pela retomada do voo quando a comitiva do Governo do RN, liderada pela Governadora Fátima Bezerra, esteve em São Paulo para visitas como companhias aéreas. A comercialização do voo, que prioriza concessões de turismo e negócio do RN, já acontece desde dezembro de 2020.

O voo de Mossoró para Recife foi suspenso desde março de 2020, em razão do agravamento da pandemia no país. O retorno é fruto de uma agenda de articulação da Governadora do Rio Grande do Norte, Fátima Bezerra, em conjunto com a Secretaria de Turismo (Setur), a Empresa de Promoção Turística (Emprotur) e a Secretaria de Tributação (SET), junto ao CEO da Azul Linhas Áereas em outubro de 2020, em São Paulo / SP.

O batismo da aeronave está confirmado para 1º de março, com pouso previsto para às 14h. A Azul prevê, boletim, três frequências semanais (às segundas-feiras, quartas-feiras e sextas-feiras) para o voo, que sai às 12h55 de Recife e chega às 14h20 em Mossoró, decolando às 15h a fim de regressar à capital pernambucana .

“O retorno do voo entre Mossoró e Recife representa um esforço coletivo alinhado ao processo de retomada turística e econômica do nosso Estado. Sabemos a importância deste voo da Azul Linhas Aéreas para Mossoró e região, conectando nossos parceiros em Recife”, aponta a secretária da Setur, Aninha Costa.

“Já planejávamos o retorno de nossas operações em Mossoró no início do próximo ano e antecipamos a volta em função de um pedido do governo do estado. Sabemos da importância da ligação aérea para Mossoró e região e vivemos um período de retomada do turismo, seja a lazer ou a trabalho. A reconexão com Recife permitirá que nossos clientes se desloquem para qualquer destino doméstico e internacional operado pela Azul, o que proporcionará conveniência e comodidade aos viajantes ”, destaca Marcelo Bento Ribeiro, diretor de relações institucionais da Azul.

Continuar lendo PRÓXIMA SEGUNDA- FEIRA SERÃO RETOMADOS OS VOOS ENTRE MOSSORÓ E RECIFE

PREFEITURA DO RECIFE É ALVO DE MANDADO DE BUSCA E APREENSÃO E UM DE PRISÃO PELA PF

PF amanhece na prefeitura de Recife, do PSB, com um mandado de prisão

LER NA ÁREA DO ASSINANTE

A Polícia Federal cumpre nesta terça-feira (16), 21 mandados de busca e apreensão e um mandado de prisão, em Recife.

Apura desvios em contratos firmados na pandemia. Os contratos dizem respeito à contratação de uma Organização Social de Saúde.

A bagatela de 57 milhões de reais foi afanada pela bandidagem. O dinheiro deveria ser utilizado na combate ao Coronavírus.

O prefeito de Recife é Geraldo Júlio, do PSB.

O PSB, por sinal, é o partido que ingressou no Supremo Tribunal Federal (STF) com uma ação para impedir operações policiais nas favelas do Rio de Janeiro, durante a pandemia.

O STF concedeu a medida, com os votos dos seguintes ministros: Edson Fachin, Marco Aurélio Mello, Ricardo Lewandowski, Rosa Weber, Cármen Lúcia e Gilmar Mendes.

Fonte: Jornal da Cidade Online
Continuar lendo PREFEITURA DO RECIFE É ALVO DE MANDADO DE BUSCA E APREENSÃO E UM DE PRISÃO PELA PF

COBRA É ATROPELADA POR AVIÃO DURANTE POUSO NO AEROPORTO DE RECIFE

Por G1 PE

 

Aeroporto Internacional do Recife/Guararapes - Gilberto Freyre, na Zona Sul do Recife — Foto: Pedro Alves/G1Aeroporto Internacional do Recife/Guararapes – Gilberto Freyre, na Zona Sul do Recife

O atropelamento de uma cobra por um avião provocou a suspensão das aterrissagens no Aeroporto Internacional do Recife/Guararapes – Gilberto Freyre, na Zona Sul da cidade, por 11 minutos. Segundo a Aena Brasil, que controla o terminal, a ocorrência foi registrada por volta das 15h deste sábado (22).

A suspensão das aterrissagens, segundo a Aena, foi feita para que o animal pudesse ser removido e para que fossem adotados procedimentos de segurança. A empresa não informou qual era a companhia da aeronave que atropelou a cobra.

Durante esse tempo, duas aeronaves sobrevoaram o aeroporto aguardando a liberação da pista. “Eu percebi que um avião estava sobrevoando a mesma área várias vezes. Por um aplicativo que monitora voos, vi que era o mesmo avião”, afirmou o supervisor de logística Rubem Cavalcanti.

Por meio de nota, a Aena informou que as aeronaves aguardaram a liberação da pista para o pouso. Após a autorização, as aterrissagens aconteceram sem intercorrências.

Fonte: G1

Continuar lendo COBRA É ATROPELADA POR AVIÃO DURANTE POUSO NO AEROPORTO DE RECIFE

Fim do conteúdo

Não há mais páginas para carregar