VEÍCULOS DO SISTEMA OPERACIONAL DE TRANSPORTE PODERÃO OPERAR LINHAS ABANDONADAS OU DEVOLVIDAS PELAS EMPRESAS EM NATAL

Por g1 RN

 

Veículos do sistema opcional de transporte em Natal poderão, a partir do chamamento, operar linhas abandonadas ou devolvidas — Foto: Igor Jácome/g1Veículos do sistema opcional de transporte em Natal poderão, a partir do chamamento, operar linhas abandonadas ou devolvidas — Foto: Igor Jácome/g1

As 34 linhas de ônibus paralisadas ou devolvidas pelas empresas que operam o serviço de transporte público da capital poderão ser retomadas. Para isso, a Secretaria de Mobilidade Urbana (STTU) publicou chamamento público para que permissionários do Sistema Opcional de Transporte possam operar as linhas em caráter temporário.

O chamamento é fruto de decisão judicial da 6ª Vara da Fazenda Pública da Comarca de Natal e foi publicado no Diário Oficial de Natal nesta segunda-feira (6). O trâmite começa pela criação da Comissão de Organização do Chamamento Público, que visa ordenar o recebimento das propostas técnicas enviadas pelos operadores do serviço opcional. As propostas poderão ser encaminhadas até o dia 17 de junho, na sede da STTU.

A prefeitura quer selecionar até 144 veículos do sistema opcional para cobertura dos itinerários suspensos ou devolvidos. A linha 31 (Felipe Camarão/Pirangi), será a que poderá absorver o maior número de veículos, com a autorização para operar no itinerário para até 11 veículos do sistema opcional.

Os veículos selecionados serão remunerados exclusivamente pelo recebimento tarifa vigente no sistema de transporte público de Natal, seguindo o Decreto Municipal nº 11.733, de maio de 2019, com a cobrança de R$ 3,90 para pagamento em cartão e R$ 4 para pagamento em espécie.

Os requisitos para o envio das propostas são detalhados na portaria.

Deixe uma resposta