SEGUNDO DEFESA CIVIL DO PERNAMBUCO, HÁ MUNICÍPIOS COM 70% DE ÁREA DE RISCO

Há municípios com 70% do território em área de risco, diz Defesa Civil de PE

Em entrevista à CNN, secretário-executivo da Defesa Civil de Pernambuco, Leonardo Rodrigues, alertou para continuidade das chuvas em junho no estado

Lucas Rocha

da CNN

em São Paulo

Leonardo Rodrigues, secretário-executivo da Defesa Civil-PELeonardo Rodrigues, secretário-executivo da Defesa Civil-PEReprodução/ CNN Brasil (03.jun.22)

O número de vítimas em Pernambuco devido aos impactos das fortes chuvas que atingem o estado chegou a 128. O Corpo de Bombeiros de Pernambuco localizou, nesta sexta-feira (3), o corpo de uma vítima, que estava soterrada no município de Camaragibe, no Grande Recife.

Em entrevista à CNN, o secretário-executivo da Defesa Civil de Pernambuco, Leonardo Rodrigues, afirmou que há preocupação com mais chuvas em junho e julho no estado e que o monitoramento acontece forma constante.

“A Região Metropolitana do Recife e toda a região litorânea têm um risco geológico alto, moderado e, algumas áreas, muito alto, por conta da formação do relevo do nosso território. Existem municípios que têm 70% do seu território constituído em área de risco. Esses municípios de Jaboatão, Camaragibe, Recife, Paulista e Olinda são os que mais têm esse grau de vulnerabilidade”, disse Rodrigues.

O secretário afirmou que novas chuvas podem atingir a região ao longo do mês de junho.

“As chuvas aqui continuam; a ação é constante e dinâmica. Estamos iniciando um período muito critico aqui no nosso estado que as chuvas mais significativas ocorrem no mês de junho. De acordo com nosso órgão técnico, a Agência Pernambucana de Águas e Clima, o mês de junho tem 23 dias chuvosos. Então há uma possibilidade de um evento dessa magnitude vir a ocorrer”, alertou.

De acordo com o secretário, um total de 126 abrigos estão distribuídos em 26 municípios pernambucanos. De 57 municípios afetados, 34 declararam situação de emergência.

Deixe uma resposta