PONTO DE VISTA: AGORA A VERDADE VIRÁ A TONA EM DOSES HOMEOPÁTICAS

Caro(a) leitor(a),

Há bastante tempo eu venho afirmando, aqui na coluna PONTO DE VISTA do Blog do Saber, que essas pesquisas de intenção de voto para presidente da república em hipótese alguma reflete a vontade do povo brasileiro e que, assim que o ano de 2022 se iniciasse iríamos observar uma mudança nos números, já que até então não havia a obrigatoriedade do registro da pesquisa no TSE, com todos os cálculos e planilhas. Eis que as primeiras pesquisas desse ano começam a mudar tais números, apontando uma queda das intenções de votos do candidato bandido, ladrão Lula e uma ascensão do candidato Bolsonaro. Também começa a mostrar o aumento da rejeição do candidato meliante, como se estivesse preparando o espírito da população para a real situação. Porque ficaria muito feio sustentar esse teatro por muito mais tempo para na reta final houvesse uma virada homérica sem uma explicação plausível. A não se a mentira!

A maior obviedade é que o meliante das duas vezes em que foi eleito precisou ir para o 2º turno brigar para se eleger, numa época em que se dizia a alma mais honesta desse país. Como é que depois de tudo que sabemos que aconteceu podemos acreditar que o povo enlouqueceu e vai eleger esse corrupto, bandido, ladrão e mentiroso em primeiro turno?

Não. Não há como, qualquer cidadão com pelo menos 2 neurônios na cabeça acreditar numa imbecilidade como essa. Por isso, vamos continuar fazendo a nossa parte, denunciando esse tipo de cerceamento às informações e a verdade.

Rejeição a Lula cresce e chega a 43%, aponta pesquisa

Sondagem também aponta rejeição de Bolsonaro e Moro em alta.

Reprodução | YouTube

Em um período de 1 mês, a distância entre Lula e Bolsonaro caiu 5 pontos, conforme registrou o Conexão Política. Os dados mais recentes são do levantamento do PoderData.

O petista tem visto sua vantagem diminuir sobre os seus adversários.

Inclusive, a rejeição contra o esquerdista tem aumentado. Segundo os números da mesma pesquisa, 43% dos entrevistados garantem que não votariam em Lula “de jeito nenhum”.

O ex-presidente do Brasil tem sido alvo de críticas, especialmente de quem questiona a falta de adesão popular nas ruas.

A pesquisa do PoderData foi realizada entre os dias 13 a 15 de fevereiro de 2022, por meio de ligações para celulares e telefones fixos.

Ao todo, 3 mil pessoas foram entrevistadas em 243 municípios, cobrindo as 27 unidades da Federação.

A sondagem já está protocolada no Tribunal Superior Eleitoral, o TSE, sob registro BR-06942/2022.

FALE COMIGO: raul@conexaopolitica.com.br — diretor de redação do Conexão Política e natural de Recife (PE).

Fonte: Conexão Política

Deixe uma resposta