POLÍTICA: MORO SE DEMITE E DEIXA ACUSAÇÕES GRAVES CONTRA O PRESIDENTE

Segundo Moro, Bolsonaro está preocupado com os ‘inquéritos’

Redação

Publicado em 24.04.2020

Por  

 

Marcelo Camargo | Agência Brasil

Segundo ele, trata-se dos inquéritos referentes ao Supremo Tribunal Federal (STF).

“O presidente também me informou que tinha preocupação com inquéritos em curso no Supremo Tribunal Federal e que a troca também seria oportuna da Polícia Federal.”

Ainda de acordo com Moro, isso ainda assim não justificaria a substituição do diretor-geral da PF.

“Por esse motivo, também não é uma razão que justifique a substituição. Até é algo que gera uma grande preocupação.”

E completou:

“Enfim, eu sinto que eu tenho o dever de tentar proteger a instituição, a Polícia Federal. E por todos esses motivos, eu busquei uma solução alternativa, para evitar uma crise política durante uma pandemia. Acho que o foco deveria ser o combate à pandemia. Mas entendi que eu não podia deixar de lado esse meu compromisso com o estado de direito.”

Redação

Conexão Política

Alegando interferência políticas na PF, Moro confirma saída do governo Bolsonaro

Redação

Publicado    em      24.04.2020

Por  Redação

Valter Campanato | Agência Brasil

O ministro da Justiça e Segurança Pública, Sergio Moro, anunciou a demissão nesta sexta-feira (24).

A demissão, segundo ele, foi motivada pela decisão de Bolsonaro de trocar o diretor-geral da Polícia Federal, Maurício Valeixo.

“O grande problema é por que trocar e permitir que seja feita interferência política ano âmbito da PF. O presidente me disse que queria colocar uma pessoa dele, que ele pudesse colher informações, relatórios de inteligência. Realmente, não é papel da PF prestar esse tipo de informação”, disse Moro.

Ainda de acordo com Moro, ele disse para Bolsonaro que a troca de comando na PF seria uma interferência política na corporação.

Ainda assim, segundo ele, o presidente da República insistiu.

“Falei para o presidente que seria uma interferência política. Ele disse que seria mesmo”, revelou Moro.

Deixe uma resposta