BIDEN ATACA REPUBLICANOS POR APROVAREM LEIS QUE BARRAM CIRURGIAS DE TRANSIÇÃO DE SEXO PARA CRIANÇA

Biden ataca leis que ‘miram crianças trans e seus pais’

Presidente emitiu comunicado em defesa do ‘Mês do Orgulho de Lésbicas, Gays, Bissexuais, Transgêneros, Queer e Intersex’

O presidente Joe Biden faz comentários sobre a redução dos custos de energia e os investimentos da Lei de Infraestrutura Bipartidária em comunidades rurais, e Iowa - 12/04/2022 | Foto: Adam Schultz/Casa Branca

O presidente Joe Biden faz comentários sobre a redução dos custos de energia e os investimentos da Lei de Infraestrutura Bipartidária em comunidades rurais, e Iowa – 12/04/2022 | Foto: Adam Schultz/Casa Branca

 

O presidente dos Estados Unidos, Joe Biden, atacou os republicanos por aprovarem leis estaduais que barram cirurgias de transição de sexo para crianças e a presença de homens trans em esportes femininos.

“Os direitos da população LGBT+ estão ameaçados”, observou Biden, em um comunicado emitido na terça-feira 31. O documento exalta junho como o “Mês do Orgulho de Lésbicas, Gays, Bissexuais, Transgêneros, Queer e Intersex”.

Segundo Biden, os LGBTs “continuam enfrentando discriminação e esforços cruéis para minar seus direitos humanos”. O democrata sustenta que os conservadores são responsáveis pelo suposto preconceito contra os LGBT.

-Publicidade-

“Um ataque de legislação anti-LGBT+ perigosa foi introduzida e aprovada em Estados de todo o país, visando crianças transgênero e seus pais e interferindo em seu acesso aos cuidados de saúde”, argumentou Biden. “Esses ataques inescrupulosos deixaram inúmeras famílias LGBTQI+ com medo e dor.”

O presidente fez um apelo aos norte-americanos para que tratem essas minorias “com amor e carinho”. “Condenamos as perigosas leis e projetos de lei que visam a juventude LGBTQI+”, comunicou. “E continuamos firmes em nosso compromisso de ajudar as pessoas a viver livres de preconceito.”

Deixe uma resposta