ANÁLISE POLÍTICA: STF A SERVIÇO DE ADVOGADOS RICOS DE CRIMINOSOS MILIONÁRIOS DO COLARINHO BRANCO

Nesta sexta-feira temos o comentário sempre ácido e crítico, na coluna POLÍTICA, do inenarrável José Nêumanne Pinto sobre a jurisprudência que autoriza juiz a mandar condenado em segunda instância a começar a cumprir pena. Ele relata que nos últimos dez anos, o STF tem tentado mudar. A banda que se diz “garantista” dos direitos individuais à plena defesa ganhou a parada em 2009 e perdeu três vezes em 2016. Gilmar Mendes, que defendia com ardor a opção vencedora mudou de posição para o lado oposto depois que a Operação Lava Jato começou a investigar propinas pagas aos tucanos, sob cujo domínio fez carreira no palácio. Como confirmam estatísticas do CNJ, só 0,006% dos processos que sobem do STJ para a última instância têm seus termos corrigidos. Nenhum por inocência do réu, mas só por erros processuais. Ou seja, os ministros prestam serviços a advogados ricos de criminosos milionários do colarinho-branco. Assista ao vídeo e tire suas conclusões!

Fonte:

 

Deixe uma resposta