ÚLTIMAS NOTÍCIAS DESTA SEGUNDA-FEIRA

Por G1

18/11/2019 19h54  Atualizado há 39 minutos


INTERNACIONAL

Crise e escassez

Sem ter o que vender, mulher cobre banca em feira em La Paz, na Bolívia, nesta segunda-feira (18) — Foto: Natacha Pisarenko/AP PhotoSem ter o que vender, mulher cobre banca em feira em La Paz, na Bolívia, nesta segunda-feira (18) — Foto: Natacha Pisarenko/AP Photo

Em meio à crise política, os bolivianos agora sofrem com a falta de alimentos e combustíveis. Apoiadores do ex-presidente Evo Morales bloqueiam estradas, e feirantes tiveram que fechar barracas e comerciantes aumentaram os preços por causa dos protestos.

Oriente Médio

Os EUA anunciaram uma mudança de posição em relação aos assentamentos israelenses no território palestino da Cisjordânia. O país abandonou o entendimento de 40 anos atrás e agora diz que a medida não viola lei.

Violência em Hong Kong

Polícia dispara gás lacrimogêneo em manifestantes na Universidade Politécnica de Hong Kong, na segunda-feira (18) — Foto: Reuters/Athit PerawongmethaPolícia dispara gás lacrimogêneo em manifestantes na Universidade Politécnica de Hong Kong, na segunda-feira (18) — Foto: Reuters/Athit Perawongmetha

Em Hong Kong, a polícia cercou a universidade ocupada por manifestantes que virou palco de violência nos últimos dias. Após cerco que durou a noite toda e batalha com uso de barricadas e resposta dos policiais com bombas de gás, o presidente da universidade negociou trégua, mas os manifestantes pró-democracia mantiveram o controle do campus.

 

NACIONAIS

Desmatamento na Amazônia

Queimada em Rondônia — Foto: Fábio Tito/G1Queimada em Rondônia — Foto: Fábio Tito/G1

O desmatamento na Amazônia entre agosto de 2018 e julho de 2019 cresceu 29,5%, segundo o Inpe. A área devastada é de 9.762 km², e quatro estados respondem por mais de 80% desse desmatamento.

Os números divulgados hoje pelo Inpe são do Prodes, com a taxa oficial de desmatamento que é divulgada uma vez por ano, e é 42% maior do que apontava o sistema de alertas diários do instituto.

O ministro do Meio Ambiente, Ricardo Salles, disse que os números estão longe do que o governo queria, e culpou atividades econômicas ilegais.

Dólar em disparada

O dólar segue a trajetória de alta e encerrou o dia no maior valor de fechamento da história: R$ 4,20. Os investidores estão preocupados com a instabilidade política na América Latina e a guerra comercial entre China e EUA. O Ibovespa caiu 0,2%.

Dados do Coaf

O presidente do STF, Dias Toffoli, revogou a decisão de acessar dados sigilosos de 600 mil pessoas e empresas. O recuo ocorre depois que a Procuradoria-geral da República enviou parte das informações solicitadas pelo ministro no caso dos relatórios financeiros feitos pelo antigo Coaf.

O procurador-geral da República, Augusto Aras, afirmou que o órgão de combate à lavagem de dinheiro enviou espontaneamente 972 relatórios com dados fiscais de contribuintes, nos últimos 3 anos, e negou ‘devassa’.

WhatsApp nas eleições

O WhatsApp informou que baniu mais de 400 mil contas na eleição de 2018. Os números estão no documento enviado à CPI das fake news no Congresso.

Fachin X Cunha

O ministro Edson Fachi, relator da Lava Jato no STF, mandou investigar se o ex-deputado Eduardo Cunha comprou votos para se eleger presidente da Câmara em 2015. O pedido de Fachin foi feito com base na delação da J&F. O inquérito envolve outros 17 políticos. Segundo a PGR, o grupo recebeu R$ 30 milhões. Cunha já foi condenado na Lava Jato e está preso no Rio.

Morte de moradores de rua

O MP de São Paulo acompanha as investigações sobre a morte de moradores de rua no fim de semana, em Barueri. Quatro pessoas morreram e outras 4 continuam internadas. Todos tomaram uma bebida alcoólica supostamente envenenada. Um dos sobrevivente afirmou em depoimento que ganhou a bebida na região da Cracolândia, e que a garrafa estava lacrada.

Príncipe do pagode

Cantor Reinaldo, o "príncipe do pagode", morre em SP — Foto: Peter Leone/Estadão ConteúdoCantor Reinaldo, o “príncipe do pagode”, morre em SP — Foto: Peter Leone/Estadão Conteúdo

Morreu em SP, aos 65 anos, o cantor Reinaldo, conhecido como príncipe do pagode. Entre os maiores sucessos dele estão “Retrato cantado de um amor”. Ele lutava contra um câncer de pulmão, e foi enterrado nesta tarde.

Salão Duas Rodas

Yamaha NMax 160 inspirada no Homem Aranha — Foto: Fabio Tito/G1Yamaha NMax 160 inspirada no Homem Aranha — Foto: Fabio Tito/G1

Começou hoje o Salão Duas Rodas, maior evento de motos da América Latina. As supermotos inspiradas em heróis da Marvel e a nova CB 650 R roubaram a cena. Aproveite e veja mais de 30 fotos das supermáquinas que estarão no São Paulo Expo até 24 de novembro.

Salão Duas Rodas 2019: Honda 650 RSalão Duas Rodas 2019: Honda 650 R

Também teve isso…

Mancha que pesquisadores do Lapis/Ufal investigam como possível área do vazamento de óleo — Foto: Reprodução/Lapis-UfalMancha que pesquisadores do Lapis/Ufal investigam como possível área do vazamento de óleo — Foto: Reprodução/Lapis-Ufal
Fonte: G1
Por Blog do BG

Em meio à concorrência, presidente da Ambev renuncia e Jereissati Neto ocupa vaga

Foto: Ilustração/Getty

A Ambev (ABEV3) anunciou nesta segunda-feira (18) que o presidente-executivo da companhia, Bernardo Paiva, decidiu deixar a maior cervejaria da América Latina para buscar projetos pessoais.

Em comunicado ao mercado, a Ambev afirma que o posto será ocupado pelo atual diretor de vendas e marketing, Jean Jereissati Neto, que acumulará a função, a partir de 1 de janeiro de 2020.

Benardo Paiva, engenheiro, está na Ambev há 28 anos. Ele começou a trabalhar na cervejaria em 1991 como gerente trainee e ocupava a presidência-executiva da companhia desde 2015.

Jereissati Neto é administrador formado pela Fundação Getúlio Vargas e ingressou na Ambev em 2000. Ele já ocupou funções de diretor geral para América Central e Caribe e diretor geral da Ásia e Pacífico Norte na Anheuser-Busch InBev, controladora da Ambev.

Valor

Comments

‘Serei uma avó moderna’, diz Gretchen sobre filho de Thammy com Andressa

Foto: Reprodução/Instagram

Aos 60 anos, Gretchen, ou a rainha da internet (como ela se autodenomina), vai ganhar dois novos netos. Entre eles, o primeiro filho do vereador Thammy Miranda (PR-SP) com Andressa Ferreira. O novo herdeiro se chamará Bento, e deve nascer entre o Natal e o Ano Novo de 2019, em Orlando, nos Estados Unidos, onde o casal optou por ter o bebê. Em conversa com VEJA, a cantora exultava de alegria. “Eu vou ser uma avó moderna. Para cima e toda para frente. Mas garanto que irei estragá-los um pouco”, diz.

A dona do rebolado mais famoso do país já é avó de Beatriz (14 anos) e Enrico (2), com quem ela tem pouco contato. Há duas semanas nasceu Samantha, filha de Décio. E ainda este mês a família espera a chegada de Allya, primeira filha de Gabriel, caçula de Gretchen. “Estou amando esta nova fase avó. Estou ansiosa e curtindo muito.”

(mais…)

Comments

WhatsApp diz ter banido 400 mil contas por violar termos na eleição de 2018

Foto: Ilustração/Getty

O WhatsApp afirma ter banido mais de 400 mil contas do Brasil nas eleições de 2018 depois de identificar violações a seus termos de uso, entre eles disparos em massa de mensagens.

A informação está em ofício enviado nesta segunda (18) pela empresa ao senador Angelo Coronel (PSD-BA), presidente da CPMI (comissão parlamentar mista de inquérito) das Fake News.

Segundo a empresa, as mais de 400 mil contas foram banidas entre 15 de agosto e 28 de outubro de 2018, quando ocorreu o segundo turno das eleições vencidas pelo presidente Jair Bolsonaro (PSL).

No documento enviado ao WhatsApp, o senador solicitou que a empresa fornecesse dados não criptografados, incluindo números de telefones e nomes de perfis de todas as contas suspeitas banidas pelo aplicativo por uso potencial de robôs, por fazer disparos de massa e disseminar notícias falsas e discurso de ódio durante as eleições de 2018.

O WhatsApp diz armazenar seis meses de registros de acesso para contas da rede social associadas a um número de telefone celular registrado no Brasil.

Folha de SP

 

URGENTE: Toffoli recua em acesso a dados bancários sigilosos de 600 mil

Foto: Agência Brasil

O presidente do Supremo Tribunal Federal, ministro Dias Toffoli, voltou atrás da decisão que determinou que o antigo Coaf lhe enviasse cópias de todos os relatórios de inteligência financeira (RIFs) feitos nos últimos três anos.

O Coaf, rebatizado de UIF (Unidade de Inteligência Financeira), enviou a Toffoli uma chave de acesso ao seu sistema eletrônico para que o ministro pudesse consultar 19.441 RIFs elaborados de outubro de 2016 a outubro de 2019.

A UIF fez um alerta sobre as informações, de caráter sigiloso, que envolvem cerca de 600 mil pessoas, físicas e jurídicas. A justificativa de Toffoli era entender como os relatórios eram feitos e transmitidos às autoridades de investigação, como o Ministério Público.

Na sexta (15), o procurador-geral da República, Augusto Aras, havia pedido ao magistrado que revogasse a decisão. No mesmo dia, Toffoli negou a solicitação e pediu novos dados à UIF.

Toffoli intimou a UIF a entregar até as 18h desta segunda-feira (18) as seguintes informações: quais instituições são cadastradas para receber os RIFs (relatório de inteligência financeira); por instituição, quais são os agentes cadastrados e desde quando estão cadastrados no sistema; quantos desses relatórios foram disponibilizados por instituição de ofício, por iniciativa da UIF; quantos foram disponibilizados por agentes cadastrados e respectivas instituições, de ofício, por iniciativa da unidade; quantos foram solicitados por instituições e quais são elas; quais agentes solicitaram RIFs, respectivas instituições e suas respectivas quantidades.

Agora, em posse dos novos dados, voltou atrás.

“Diante das informações satisfatoriamente prestadas pela UIF, em atendimento ao pedido dessa corte, em 15/11/19, torno sem efeito a decisão na parte em que foram solicitadas, em 25/10/19, cópia dos Relatórios de Inteligência Financeira (RIFs), expedidos nos últimos três anos”, afirmou Toffoli em nova decisão, desta segunda-feira (18).

“Ressalto que esta corte não realizou o cadastro necessário e jamais acessou os relatórios de inteligência”, escreveu.

Folha de SP

Comments

Ô LOUCO! Faustão se irrita e chama funcionário da Globo de ‘imbecil’ ao vivo no programa

Foto: Reprodução/TV Globo

Faustão se irritou no final do “Domingão” deste final de semana. O apresentador tentou anunciar a classificação final da “Dança dos Famosos” mas o resultado desapareceu do telão. Faustão não se conteve e xingou um funcionário ao vivo.

“O imbecil tirou de lá, pra variar, de novo”, reclamou o apresentador, enquanto agradecia aos participantes eliminados da competição. A atitude do apresentador foi criticada nas redes sociais.

“Quem o Faustão chamou de imbecil ao vivo? Pensa num patrão grosso”, disse uma pessoa no Twitter. “Faustão chamando alguém de imbecil. Merece processo”, disse outro internauta.

O Dia

Comments

Deputado Girão idealiza homenagem aos 124 anos do Flamengo no Congresso

Foto: Reprodução/Twitter

A Câmara dos Deputados fará nesta terça-feira, 19, a partir das 13h30, uma sessão solene para homenagear os 124 anos do Clube de Regatas do Flamengo, finalista da Copa Libertadores da América e atual líder do Campeonato Brasileiro de Futebol. A equipe carioca fez aniversário na sexta-feira passada, dia 15 de novembro.

A homenagem é uma proposição conjunta de cinco deputados federais, entre eles o potiguar General Girão (PSL). Os outros idealizadores da sessão solene são os deputados Carlos Jordy (PSL-RJ), Delegado Pablo (PSL-AM), Luiz Lima (PSL-RJ) e Hélio Lopes (PSL-RJ).

(mais…)

Comments

Ministra anuncia canal de denúncia, após professor do 6º ano pedir redação sobre “boquete e 69”

Foto: Divulgação/Agência Brasil

Um professor do 6º ano do Centro de Ensino Fundamental (CEF) 104, da Asa Norte, foi desligado da unidade educacional após ensinar sobre sexo anal e oral durante aula de português, na última quarta-feira (13/11/2019). Na ocasião, ele também pediu aos seus alunos que escrevessem uma redação improvisada sobre o tema.

Segundo denúncia recebida pelo Metrópoles, as crianças fotografaram o conteúdo escrito pelo docente na lousa e gravaram áudios durante a aula.

Damares Alves

@DamaresAlves

Essas crianças têm 10 anos!!!

Às famílias brasileiras informo que em breve o governo disponibilizará canal para o recebimento de denúncias de casos como este.

A escola deve ensinar. A educação é direito e dever da família.https://www.metropoles.com/distrito-federal/educacao-df/df-professor-e-afastado-apos-pedir-redacao-sobre-boquete-e-69 

DF: professor é afastado após pedir redação sobre “boquete e 69”

Secretaria de Educação informou que educador é temporário e foi devolvido preventivamente pela Coordenação Regional de Ensino da região

metropoles.com

 

Comments

Um mês após desabamento de edifício, fachada de prédio desaba sobre carros em Fortaleza

Foto: Divulgação/Redes Sociais

Parte da fachada de um prédio na Rua Lígia Monte, no Bairro Cocó, em Fortaleza, desabou e fez um buraco no subsolo do edifício, atingindo veículos que estavam estacionados no local. O imóvel foi interditado, e ninguém ficou ferido. Defesa Civil, Corpo de Bombeiros e Polícia Militar estão no local.

“O prédio já tem uma idade bem considerável e necessitava de manutenção. A gente observou que a fachada de um dos apartamentos veio a cair e veio a comprometer a parte do subsolo e atingiu dois veículos”, disse o coronel Marcos Gomes, do Corpo de Bombeiros.

Todos os moradores foram retirados do prédio. Segundo o coronel Gomes, pelo menos seis famílias moravam no edifício.

O local vai permanecer interditado para ser avaliado por técnicos da Defesa Civil de Fortaleza.

A queda da fachada ocorreu um mês após o desabamento do Edifício Andrea, também em Fortaleza, tragédia que matou nove pessoas. Sete pessoas foram resgatadas com vida sob os escombros da estrutura.

G1CE

CommentsCOMENTAR (1)

OPINIÃO DOS LEITORES:
  1. Luciana Morais Gama

    Parabéns ao CREA do Ceará pelo padrão de construções.

Dólar rompe a barreira dos R$ 4,20 e fecha no maior valor da história

Foto: Ilustração/Getty

A escalada do valor do dólar comercial frente ao real iniciada na última semana, cujas principais razões são a instabilidade política em vizinhos como a Bolívia e o Chile, e a lentidão nas negociações do acordo comercial entre China e Estados Unidos, levou a moeda americana a registrar nesta segunda-feira, 18, a sua maior cotação da história. O dólar teve pequena alta de 0,3%, o suficiente para atingir 4,21 reais para a venda e se tornar o valor mais elevado desde o início do Plano Real. O recorde anterior era de 4,1957 reais, atingido em 13 de setembro de 2018.

A escalada da moeda foi influenciada principalmente pelas turbulências vividas por países sul-americanos. “O mercado está muito preocupado com os conflitos políticos e econômicos na Argentina, Bolívia e Chile. Houve um pé no freio por parte dos investidores, que não dispostos a injetar recursos no Brasil. Dentre alguns fatores, a libertação do Lula foi encarada como um fator de insegurança jurídica pelo mercado, que teme que o país enfrente a mesma situação dessas outras nações” afirma Mauriciano Cavalcante, diretor de câmbio da Ourominas.

Além disso, o julgamento do plenário do Supremo Tribunal Federal (STF) sobre uma decisão que determinou o envio à corte de relatórios elaborados pelo antigo Conselho de Controle de Atividades Financeiras (Coaf), atual Unidade de Inteligência Financeira do Banco Central, foi ponto de atenção dos investidores.

O presidente do STF, Dias Toffoli, havia determinado que o BC enviasse à Corte todos os Relatórios de Inteligência Financeira (RIF) e das Representações Fiscais para Fins Penais (RFFP) realizados nos últimos três anos, medida que pode colocar em risco informações privadas de mais de 600.000 pessoas.

No cenário internacional, logo ao início do dia, houve otimismo dos investidores em relação às negociações comerciais entre Estados Unidos e China, após a agência estatal chinesa Xinhua informar que os dois lados mantiveram “negociações construtivas” sobre o comércio entre os países.

Contudo, a CNBC, canal de televisão americano que cobre notícias sobre o mundo dos negócios, relatou que o humor em Pequim sobre o acordo comercial com os Estados Unidos é pessimista, devido à relutância do presidente norte-americano, Donald Trump, em retirar tarifas.

CommentsCOMENTAR (2)

OPINIÃO DOS LEITORES:
  1. Mane

    Efeito bolsanaro

  2. Carlos Medeiros

    Ui ui ui …..hahahaha é o mundinho dando suas capotadas…o choro tá liberado….hahahaha

Bretas frustra tentativa de Temer de passar uma semana na Espanha

Foto: Agência Brasil/Divulgação

Chefe da Lava Jato no Rio, Marcelo Bretas indeferiu nesta segunda mais um pedido de Michel Temer para viajar à Europa, registra a Veja.

Convidado para eventos na Espanha, o ex-presidente pediu seu passaporte diplomático para poder deixar o país entre os dias 25 de novembro e 1º de dezembro.

“A situação do requerente não é igual a de um indivíduo em plena liberdade. O acusado responde por acusações gravíssimas que inclusive ensejaram sua custódia preventiva na primeira e na segunda instâncias desta Justiça Federal, em decisões posteriormente revogadas pelo egrégio Superior Tribunal de Justiça”, escreveu o juiz.

O Antagonista

 

CommentsCOMENTE AQUI

Scheila Carvalho dança funk com cadela e irrita seguidores nas redes sociais

Foto: Divulgação/Instagram

A apresentadora e ex-dançarina do É o Tchan! Scheila Carvalho gravou um vídeo dançando a música ‘Chama Ela’, um feat de Lexa e Pedro Sampaio. Nas imagens, a dançarina aparece rebolando muito e trocando de tênis a cada novo passo. O que chamou atenção, porém, não foi o vídeo editado.

Nos Stories do Instagram, a bailarina mostrou os bastidores da gravação quando apareceu dançando com sua cachorra. Os seguidores de Scheila adoraram o vídeo e começaram a compartilhar na internet. A coreografia foi parar até no perfil oficial de Lexa. “Maravilhosa”, comentou a cantora.

Thiago Pasqualotto

@thiago_p

A Scheila Carvalho crente que o cachorro tava dançando kkkkkkkkkkk

Vídeo incorporado

Poderoso da Globosat deixa o grupo Globo após demissões em massa

Foto: Divulgação/Teletime

Na última semana, os funcionários da Globo foram surpreendidos com algumas demissões na emissora. Desta vez, o diretor-geral da Globosat, Alberto Pecegueiro, é quem deixará seu cargo a partir de janeiro após 25 anos de trabalho.

Esse corte é mais um resultado do projeto “Uma Só Globo”, que deve unir todas as empresas do Grupo Globo em uma só.

A notícia da saída de Alberto Pecegueiro foi anunciada por meio de uma nota pelo presidente do Conselho de Administração da emissora, Roberto Irineu Marinho, e o presidente-executivo, Jorge Nóbrega.

“Após 25 anos à frente da Globosat, construindo a maior programadora de TV por assinatura da América Latina, o diretor-geral Alberto Pecegueiro decidiu encerrar suas atividades executivas na empresa, em janeiro de 2020. A vida profissional de Alberto se confunde com a história da TV paga no Brasil. Todos os movimentos relevantes da indústria, desde o seu nascedouro, contaram com a sua participação e liderança. Pecegueiro implementou o nosso modelo de programação baseado em parcerias nacionais e internacionais.”

De acordo com a nota, Pecegueiro vai continuar ligado ao Grupo Globo como representante do grupo nos conselhos administrativos das “joint ventures” do qual faz parte.

Meia Hora

 

Setor de infraestrutura no país tem feito “mais com menos”, diz secretário

Foto: Divulgação/PPI.Gov.Br

O secretário executivo do Ministério da Infraestrutura, Marcelo Sampaio, disse nesta segunda-feira (18) que a pasta tem conseguido driblar as restrições orçamentárias por meio de parcerias com o setor privado e pela otimização de recursos públicos. A afirmação foi feita após a veiculação de notícias pela imprensa que apontam queda nos investimentos públicos feitos no setor.

De acordo com o jornal Folha de S.Paulo, os investimentos na construção e recuperação de rodovias feitos entre janeiro e outubro deste ano registraram o menor patamar desde 2014. “Essas matérias disseram que os investimentos diminuíram. O que acontece, na verdade, é que temos feito mais com menos”, disse Sampaio durante a abertura do 1º Simpósio Internacional Brasil Ferroviário, em Brasília.

“De fato passamos por uma restrição orçamentária muito grande, mas o governo tem investido muito nas parcerias com o setor privado. Quando se compara o investimento privado com o dos outros anos, tem-se um investimento pujante”, disse Sampaio à Agência Brasil, ao deixar o local.

Segundo o ministério, a solução adotada para a restrição orçamentária foi a otimização dos recursos públicos, tendo por base três premissas: obras estratégicas, em função do seu impacto social e econômico; obras em andamento e que, portanto, precisam ser concluídas; e obras com necessidade de manutenção.

“Hoje, a visão de investimento em infraestrutura não está vinculada a apenas ao que o setor público está investindo, mas ao que o setor misto, público e privado investem. E essa parceria traz um crescimento muito grande nos investimentos dentro do país. Quando olhamos o investimento público, vemos uma eficiência maior, pela dinâmica que temos junto aos órgãos vinculados ao ministério. Além disso, a gente tem mais entregas do que nos anos anteriores, em especial no setor rodoviário e ferroviário”, argumentou o secretário.

Dessa forma, a pasta buscou transferir o máximo de ativos para a iniciativa privada, para que os investimentos necessários sejam feitos de forma mais rápida. Neste ano, já foram concedidos 27 empreendimentos de infraestrutura, entre portos, aeroportos, ferrovias e rodovias. Até 2022, serão concedidos ativos que vão atrair R$ 217 bilhões em investimentos privados nas próximas três décadas, informou a assessoria do ministério.

Segundo a pasta da Infraestrutura, 27 leilões foram realizados neste ano, o que deverá resultar em um montante de R$ 9,4 bilhões em investimentos e em R$ 5,8 bilhões apenas com outorgas.

Agência Brasil

Cientista planeja criar ‘super-humanos’ ao editar genes com DNA de tardígrados

Os tardígrados são minúsculos animais de menos de 1 milímetro, capazes de sobreviver dez dias sob os efeitos da radiação cósmica do espaço e suportar temperaturas de 100 a 272°C . Interessado na impressionante resistência dessas criaturas, o pesquisador Chris Mason, da Universidade Cornell, nos Estados Unidos, anunciou em uma conferência de genética que aconteceu em Nova York no fim de outubro que pretende estudar meios de usar o DNA desses animais para criar humanos resistentes contra os riscos de viagens espaciais.

A ideia de editar genes humanos é algo muito polêmico, sendo uma prática questionada por comitês de ética e pela comunidade científica internacional. Ainda estão em andamento discussões para a regulamentar e estabelecer limites para os experimentos. Por isso, segundo Mason, o experimento da aplicação do DNA de tardígrados em humanos ainda deve demorar décadas para acontecer.

“Se tivermos mais 20 anos de mapeamento, descobertas e validação funcional do que nós achamos que sabemos, eu espero que possamos alcançar o estágio em que seremos capazes de dizer que podemos criar um humano que possa ser melhor em sobreviver em Marte”, disse o cientista.

O pesquisador pretende, junto a uma equipe de cientistas, aprimorar as descobertas de um estudo feito em 2016, por um outro time de pesquisadores. Na época, os especialistas localizaram a proteína que está por trás da habilidade dos tardígrados resistirem contra a radiação do espaço. A capacidade de aguentar essa radiação depois foi transferida para células humanas.

Segundo Mason, se a técnica for implementada no futuro, a edição genética feita com os tardígrados pode servir não só para o espaço, mas também para aprimorar a medicina na Terra. Seria possível, por exemplo, fazer células humanas resistentes para que os pacientes suportem mais facilmente a radiação emitida durante tratamentos contra o câncer.

Galileu

 

Advogados pedem à OAB impeachment de Toffoli por abuso de autoridade

Foto: Nelson Jr / STF / BBC News Brasil

O Instituto Nacional de Advocacia (Inad) — representado pelos advogados Rodrigo Salgado Martins e Pierre Lourenço –, apresentou um ofício à Ordem dos Advogados do Brasil (OAB) denunciando “conduta arbitrária e possivelmente criminosa” de Dias Toffoli no caso do pedido de acesso a relatórios sigilosos do Coaf e da Receita Federal.

Os advogados querem que o Conselho Federal da OAB “delibere a propositura de ação judicial em defesa da sociedade, objetivando a destruição imediata dos dados obtidos pelo STF” e proponha processo de impeachment do presidente do Supremo junto ao Senado Federal.

O Conselho Federal está reunido nesta tarde, em Brasília. Cabe ao presidente, Felipe Santa Cruz, pautar o ofício.

O Antagonista teve acesso a uma cópia do ofício. Confira a íntegra clicando AQUI.

Os pedidos sobre os quais a OAB terá de se posicionar

Eis os pedidos feitos pelo Instituto Nacional de Advocacia (Inad), em ofício antecipado por O Antagonista, ao presidente da OAB, Felipe Santa Cruz, após a decisão de Dias Toffoli de requerer uma montanha de relatórios sigilosos do Coaf e da Receita Federal:

— “que seja deliberado pelo Conselho Pleno da OAB a possibilidade de propositura de Mandado de Segurança, com pedido liminar, ou outra ação que entender pertinente, objetivando a destruição imediata das informações bancárias e financeiras de todas as mais de 600 mil pessoas atingidas pela quebra de sigilo determinado pelo presidente do STF”;

— “que seja deliberado pelo Conselho Pleno da OAB a possibilidade de propositura de pedido de impeachment no Senado Federal contra o presidente do STF pela possível prática de crime de responsabilidade e de abuso de autoridade, dentre outros crimes que possam ser identificados pelo Conselho”;

— “que seja deliberado pelo Conselho Pleno da OAB a possibilidade de propositura de representação no Conselho Nacional de Justiça contra o presidente do STF”;

— “que seja deliberado pelo Conselho Pleno da OAB a possibilidade de propositura de representação a Procuradoria Geral da República para instauração de procedimento criminal em face do ministro presidente do STF”.

O Antagonista

 

CNH digital ganha recurso de vencimento e mais novidades; veja

Foto: Reprodução/Paulo Alves

O Denatran anunciou novas funcionalidades para o app Carteira Digital de Trânsito (CDT). Em breve, o aplicativo para Android e iPhone (iOS) passará a alertar quando a CNH está próxima do vencimento, além de avisar o condutor em caso de recall do automóvel para que ele adote as devidas providências. Segundo o órgão, vinculado ao Ministério da Infraestrutura, o app também permitirá consultar infrações registradas no nome do usuário.

O CDT é um aplicativo que reúne as versões digitais tanto da habilitação quanto do Certificado de Registro e Licenciamento de Veículo (CRLV), conhecido popularmente como “documento do veículo”. Desenvolvido pelo Serpro, o app grátis substitui as versões em papel dos dois documentos e está disponível em todos os estados e no Distrito Federal para qualquer pessoa que já tenha a documentação no formato tradicional.

Entre as vantagens do aplicativo está a possibilidade de substituir a versão impressa, já que tem o mesmo valor legal. Os documentos ficam sempre offline e podem ser usados em blitz, o que pode salvar o usuário de pagar multa de R$ 88,38, tomar três pontos na carteira e ter o veículo retido por dirigir sem portar a habilitação.

A autenticidade pode ser verificada pelo aplicativo Vio (antes chamado de Lince), que é capaz de ler o QR Code gerado pelo app Carteira Digital de Trânsito. A CDT também pode gerar uma versão em PDF dos documentos do motorista e do veículo assinados digitalmente e que têm a mesma validade de uma cópia física autenticada em cartório.

Globo, via Techtudo

 

LOCAIS

Fechamento do Hiper Bompreço da Prudente gera demissão de pelo menos 100 funcionários

Foto: Arquivo/Blog do BG

O fechamento do Hiper Bompreço da avenida Prudente de Morais levou para o auxílio desemprego cerca de 100 trabalhadores. Poucos funcionários foram aproveitados na loja da Avenida Ayrton Senna. A informação é da colunista da Tribuna do Norte, Rosalie Arruda.

O Hiper Bompreço passa por uma reinvenção na Região Nordeste. O plano, lançado no final de 2016, chegará ao seu término em 2019 – quando todas as lojas da bandeira Hiper Bompreço se tornarão Walmart.

Segundo o Walmart Brasil, que administra as bandeiras, o objetivo da mudança de formato é ter uma loja mais amigável, produtiva e com destaque para os perecíveis. Entre as ações adotadas na mudança estão a redução dos toques dos funcionários nos produtos, que reduz desgastes e perdas – os produtos chegam em pallets e permanecem em pallets nas lojas -; levar as caixas até os displays, sem manipulação dos itens; rebaixamento das gôndolas, para mais visibilidade dos corredores; e iluminação em LED.

 

Transferência de empregados da Petrobras do RN para Sudeste preocupa Governo do Estado

Foto: Sandro Menezes

Com o intuito de debater a situação dos empregados da Petrobras no Rio Grande do Norte, o governador em exercício, Antenor Roberto, reuniu-se na manhã desta segunda-feira, 18, com o representante da Associação dos Engenheiros da Petrobras – AEPET, João Rocha, e com integrantes da Diretoria do SINDIPETRO-RN. O encontro atendeu a um apelo feito pela procuradora do Trabalho, Ileana Neiva, e pela deputada federal Natália Bonavides, que também participaram da agenda.

No último dia 28 de outubro, o SINDIPETRO-RN apresentou denúncia ao Ministério Público do Trabalho (MPT-RN) para tentar barrar transferências compulsórias de empregados impostas pela Petrobras. Devido ao novo plano estratégico, recentemente divulgado pela empresa, com foco no desenvolvimento de atividades na região Sudeste, tem-se a iminência do encerramento das atividades da companhia aqui no RN e em outros estados do Nordeste.

Diante deste impasse, o Ministério Público Trabalho, por meio da procuradora Ileana Neiva, quer apurar se as transferências estão dentro do poder diretivo da empresa ou se ele está sendo extrapolado. Considerando os aspectos políticos e as repercussões para a sociedade norte-rio-grandense, a deputada federal Natália Bonavides deverá levar a discussão do tema para a Câmara dos Deputados.

De acordo com o SINDIPETRO-RN, a retração de investimentos da Petrobras nas atividades de exploração e produção, nos últimos anos, já provocou a perda de mais de uma dezena de milhares de empregos diretos e indiretos no RN. Além do impacto na cadeia produtiva de óleo e gás, outros segmentos, como os da hotelaria, alimentação e transporte, foram e estão sendo duramente afetados.

O Governo do Estado se soma às preocupações manifestadas pelos trabalhadores, solidarizando-se com os seus pleitos, ao mesmo tempo em que se opõe aos movimentos de encerramento das atividades que vêm sendo adotados da companhia, em território potiguar e em outros estados do Nordeste. A Petrobrás é patrimônio do povo brasileiro e constitui um importante instrumento de fomento ao desenvolvimento econômico e de redução das desigualdades regionais.

 

CREF informa que em 10 meses, 187 pessoas foram flagradas no RN trabalhando ilegalmente como educadores físicos

Foto: Cref/Divulgação

O Conselho Regional de Educação Física no Rio Grande do Norte divulgou que fiscais flagraram 187 pessoas exercendo ilegalmente a profissão de Educador Físico no estado entre os meses de janeiro e outubro de 2019.

Segundo o CREF, a maior parte dos flagrados é formada por estudantes que ainda não terminaram a graduação em educação física e sem registro no Conselho. Não bastasse, além de trabalhar na função de personal trainer, muitas dessas pessoas também ofereciam serviços de consultoria pela internet.

O CREF informa que essa atividade ilegal pode causar problemas à saúde dos clientes e é considerada contravenção penal, podendo resultar em prisão. Pessoas identificadas atuando ilegalmente como Profissional de Educação Física são denunciadas ao Ministério Público e podem ser punidas pela justiça. O exercício ilegal da profissão é considerado contravenção penal prevista no artigo 47 da lei das contravenções penais, decreto de lei número 3688/41, com pena de prisão de 15 dias a três meses ou multa.

O CREF, por fim, destaca que uma forma fácil de identificar um Profissional de Educação Física devidamente habilitado é pedindo que ele apresente a Cédula de Identidade Profissional, um documento emitido pelos Conselhos Regionais de Educação Física.

 

Frente Parlamentar em Defesa das mulheres faz homenagem na Câmara Municipal de Parnamirim e repudia assassinato de enfermeira

Foto: Divulgação

A Frente Parlamentar em Defesa dos Direitos das Mulheres, através de sua presidente, a vereadora Ana Michele, realizou na manhã desta segunda-feira18), no plenário da Câmara Municipal de Parnamirim, uma mobilização intitulada “Dayana, vive! Dayana, presente!”.

O ato foi uma homenagem à técnica de enfermagem do Samu e enfermeira Dayana Deyse Oliveira de Lima, assassinada no último dia 11, na porta de sua casa, na Zona Norte de Natal. A jovem que deixa dois filhos pequenos foi aluna da vereadora Ana Michele durante sua graduação.

Ana Michele ocupou a tribuna e fez um discurso emocionante. “Dayana não era uma estranha, era minha aluna. Sempre dedicada e determinada, vivia sorrindo. O mínimo que podia fazer, era não me calar. Nós mulheres, não podemos nos calar! É muito difícil estar aqui, mas é necessário! Trago aqui o meu repúdio, a minha solidariedade, a minha voz. Nós enquanto frente parlamentar, temos que estar atentos às políticas públicas e que possamos fazer mais, mobilizações ou movimentos e que sejam permanentes”, disse.

Demais vereadores também se manisfestaram

As vereadoras Kátia Pires e Rhalessa Freire, além dos vereadores Pastor Alex e Abidene Salustiano apartearam o discurso de Ana Michele e também se solidarizaram à família da vítima. “Inadmissível que o homem, que não é Deus, resolva tirar a vida de uma mulher. Não podemos deixar que o caso de Dayana não seja mais um no meio de centenas de vidas de mulheres assassinadas por homens que ainda veem a figura feminina como única e exclusivamente objeto de posse”, enfatizou a vereadora Kátia Pires.

A sessão ordinária também contou com a presença de representantes do Conselho Regional de Enfermagem do Rio Grande do Norte (COREN-RN),SAMU Metropolitano, e amigos de Dayana.

A Câmara Municipal de Parnamirim reitera que repudia qualquer ato de violência, independente de gênero, idade, raça ou religião. E que a casa do povo Parnamirinense estará sempre atuante, para que medidas sejam sempre tomadas em prol da sociedade.

 

Por G1 RN

18/11/2019 16h18  Atualizado há 5 horas


Governadora Fátima Bezerra (PT) está com o Consórcio Nordeste na Europa para tentar conseguir investimentos — Foto: Elisa ElsieGovernadora Fátima Bezerra (PT) está com o Consórcio Nordeste na Europa para tentar conseguir investimentos — Foto: Elisa Elsie

Os governadores dos estados nordestino iniciaram, nesta segunda-feira (18), a missão na Europa. Durante evento em Paris, o grupo apresentou a 40 empresários franceses um mapa de oportunidades de investimentos no Nordeste. A governadora Fátima Bezerra (PT) destacou o potencial eólico e turístico do Rio Grande do Norte.

“O RN lidera o ranking de energia eólica no país, a riqueza em petróleo, o sal, os minérios, além do grande potencial turístico. Saímos daqui com uma data para a realização de um próximo encontro no Brasil a fim de continuarmos as tratativas aqui iniciadas. Quero que elas resultem em investimentos para o nosso estado, trazendo o que o povo mais precisa: emprego e renda”, declarou a chefe do Executivo.

Essa é a primeira articulação internacional do Consórcio Interestadual de Desenvolvimento Sustentável do Nordeste (Consórcio Nordeste). Para ampliar o fluxo de negócios com investidores europeus e fortalecer as relações de cooperação, o consórcio destaca o potencial de consumo e de desenvolvimento da região nordestina, que reúne 57,1 milhões de habitantes e tem um Produto Interno Bruto (PIB) de R$ 898,1 bilhões, equivalente a 14% do PIB brasileiro.

Durante o encontro, Fátima Bezerra reforçou que almeja “um estado produtivo, inclusivo, onde se possa avançar no sentido de garantir melhorias, qualidade e acesso dos serviços públicos que são prestados à população”.

Na viagem à Europa, o objetivo dos governadores é atrair recursos para áreas integradoras, como sustentabilidade, infraestrutura, turismo, saúde, segurança pública, saneamento e energias limpas, inclusive com a perspectiva de abertura de parcerias público-privadas (PPP).

O governador da Bahia e presidente do Consórcio Nordeste, Rui Costa, mostrou aos franceses as oportunidades em segmentos como energia, conectividade, segurança, além da preservação de rios e nascentes. “Queremos com essa visita aumentar os números de nossa relação comercial com a Europa. O Nordeste é a região do Brasil que tem crescido acima da média. Temos 33 projetos para licitar em PPPs, representando R$ 27 bilhões em investimentos”.

O diretor-geral do tesouro francês, Cristophe Bories, disse que vê oportunidades no Nordeste. “A França investe mais no Brasil do que na China. O Nordeste é uma região que tem três vezes a superfície da França e tem desafios e oportunidades para nossas empresas. As autoridades francesas estão mobilizadas para apoiar projetos no Brasil através de financiamentos. Podemos fazer vários tipos de cooperação entre a França e os estados do Nordeste”, afirmou.

Para Luis Cesar Gasser, representante do Itamaraty presente na reunião, o Governo Federal vê muito potencial nessa parceria do Nordeste com a Europa e está interessado em aprimorar o que for preciso para atrair mais investimentos estrangeiros.

O membro do Movimento das Empresas da França (Medef), Gérard Wolf, se mostrou interessado em dar andamento às negociações e sugeriu uma reunião nos próximos meses em Salvador para aprofundar as discussões com as empresas francesas.

Organizado pelo Medef, o evento ocorreu na sede do Ministério da Economia e Finanças da França. Após a apresentação e conversa com os empresários, os governadores se reuniram com o ministro francês Bruno Le Maire. Além de Paris, o grupo estará em Roma, na quarta-feira (20), e em Berlim, na quinta (21) e sexta-feira (22).

Fonte: G1RN

Por G1 RN

18/11/2019 13h09  Atualizado há 8 horas


 Disque 100 recebe 17 mil denúncias de violência sexual contra crianças e adolescentes. — Foto: Kilvia Muniz/SVMDisque 100 recebe 17 mil denúncias de violência sexual contra crianças e adolescentes. — Foto: Kilvia Muniz/SVM

Um fórum sobre violência sexual na infância e adolescência vai discutir o combate aos crime e o acolhimento às vítimas deste tipo de crime nesta terça-feira (19) em Macaíba, na região metropolitana de Natal. O evento acontece em alusão ao Dia Internacional de Prevenção à Violência Sexual contra Crianças e Adolescentes e é aberto ao público.

O fórum acontece no Centro de Educação e Pesquisa em Saúde Anita Garibaldi (CEPS), das 8h às 12h, e é promovido pela Universidade Federal do Rio Grande do Norte (UFRN), através do Departamento de Tocoginecologia e da Maternidade Escola Januário Cicco (MEJC), e pelo Instituto Santos Dumont (ISD).

De acordo com o ISD, a ideia é congregar diversos setores e agentes da sociedade para discutir e encontrar formas de melhorar os serviços de acolhimento a vítimas de violência sexual no estado.

Desde 2016 o Centro Anita Garibaldi atua como serviço de referência no atendimento às vítimas de violência sexual no município de Macaíba, através do projeto Fazendo Direito(s).

O Instituto mantém um serviço de atenção às pessoas em situação de violência sexual e um trabalho permanente de enfrentamento à violência contra a mulher em Macaíba, também com atividades de educação permanente em saúde sobre a violência de gênero, em parceria com instituições e entidades da região metropolitana.

No Brasil, crianças e adolescentes são vítimas em mais de 76 mil denúncias recebidas pelo Disque 100, sendo 17.093 dos registros referentes à violência sexual, de acordo com dados divulgados em maio de 2019 pelo Ministério da Mulher, da Família e dos Direitos Humanos.

Serviço

  • Fórum sobre Violência Sexual na Infância e Adolescência
  • Terça-feira, 19/11/19, das 8h às 12h
  • Local: Centro de Educação e Pesquisa em Saúde Anita Garibaldi, Instituto Santos Dumont
  • Endereço: Rodovia RN 160 (Estrada de Jundiaí), 2010, Macaíba-RN (vizinho à UPA Aluízio Alves)

Fonte: G1RN

 

Por G1 RN

18/11/2019 13h09  Atualizado há 8 horas


 Disque 100 recebe 17 mil denúncias de violência sexual contra crianças e adolescentes. — Foto: Kilvia Muniz/SVMDisque 100 recebe 17 mil denúncias de violência sexual contra crianças e adolescentes. — Foto: Kilvia Muniz/SVM

Um fórum sobre violência sexual na infância e adolescência vai discutir o combate aos crime e o acolhimento às vítimas deste tipo de crime nesta terça-feira (19) em Macaíba, na região metropolitana de Natal. O evento acontece em alusão ao Dia Internacional de Prevenção à Violência Sexual contra Crianças e Adolescentes e é aberto ao público.

O fórum acontece no Centro de Educação e Pesquisa em Saúde Anita Garibaldi (CEPS), das 8h às 12h, e é promovido pela Universidade Federal do Rio Grande do Norte (UFRN), através do Departamento de Tocoginecologia e da Maternidade Escola Januário Cicco (MEJC), e pelo Instituto Santos Dumont (ISD).

De acordo com o ISD, a ideia é congregar diversos setores e agentes da sociedade para discutir e encontrar formas de melhorar os serviços de acolhimento a vítimas de violência sexual no estado.

Desde 2016 o Centro Anita Garibaldi atua como serviço de referência no atendimento às vítimas de violência sexual no município de Macaíba, através do projeto Fazendo Direito(s).

O Instituto mantém um serviço de atenção às pessoas em situação de violência sexual e um trabalho permanente de enfrentamento à violência contra a mulher em Macaíba, também com atividades de educação permanente em saúde sobre a violência de gênero, em parceria com instituições e entidades da região metropolitana.

No Brasil, crianças e adolescentes são vítimas em mais de 76 mil denúncias recebidas pelo Disque 100, sendo 17.093 dos registros referentes à violência sexual, de acordo com dados divulgados em maio de 2019 pelo Ministério da Mulher, da Família e dos Direitos Humanos.

Serviço

  • Fórum sobre Violência Sexual na Infância e Adolescência
  • Terça-feira, 19/11/19, das 8h às 12h
  • Local: Centro de Educação e Pesquisa em Saúde Anita Garibaldi, Instituto Santos Dumont
  • Endereço: Rodovia RN 160 (Estrada de Jundiaí), 2010, Macaíba-RN (vizinho à UPA Aluízio Alves)

Fonte: G1RN

 

Por G1 RN

18/11/2019 17h04  Atualizado há 4 horas


Café Arábico 2019 comemora 10 anos da Cia. Al Hanna em Natal — Foto: DivulgaçãoCafé Arábico 2019 comemora 10 anos da Cia. Al Hanna em Natal — Foto: Divulgação

O Café Arábico 2019 acontecerá neste sábado (23) e no domingo (24) em Natal, com apresentações de dança, workshops e palestra. O evento comemora nesta 5ª edição os 10 anos da Cia Al Hanna e tem por objetivo contar a trajetória da companhia de dança.

Os ingressos para o espetáculo de dança e para a palestra, que ocorrerão entre as 18h e as 22h na Casa da Ribeira, na Zona Leste, estão à venda em pontos fixos (confira abaixo) e também no Sympla. As entradas custam R$ 25 até as 15h do sábado. Os workshops são fechados com os integrantes da companhia.

A abertura do Café Arábico vai acontecer com a palestra “A Dança e As Tribos – Os Perfis de Grupo na Dança do Ventre”, da escritora e bailarina Aline Gurgel.

O espetáculo “Maktub” ocorre em seguida, e conta os 10 anos de história da Cia. Al Hanna. Haverá apresentações da própria companhia, alunas e convidadas de outras escolas da capital potiguar: Tuareg Kasa do Oriente, Cia Nawar, Hercí Maciel, Zhair Espaço de danças árabes , Thaynah Gracindo, El Hobb, Ingrid Souza e Shaman Tribal.

De acordo com a organização, o evento terá também participação do percussionista derbakista Bruno Braga, da rainha de bateria Graça Almeida e da bateria da escola de samba Batuque Ancestral. “Todos farão uma retrospectiva dos trabalhos mais memoráveis dessa década de história com a dança oriental e suas fusões, a maior marca da Al Hanna”, diz a organização do evento.

Ao final das apresentações, haverá degustação de petiscos árabes e bebidas não alcoólicas.

Locais físicos de venda do ingresso do espetáculo:

  • Tuareg Kasa do Oriente
  • Espaço Nawar
  • Casa da Ribeira
  • Al Hanna Espaço Cultural
  • Alunas da Al Hanna

* Os pagamentos podem ser feitos por transferência bancária, depósito ou PicPay

Workshops

No domingo (24), a companhia vai promover quatro workshops no Al Hanna Espaço Cultural, na Ribeira, Zona Leste de Natal. Os cursos serão comandados pelas representantes das escolas de dança oriental e tribal da capital potiguar. São eles:

  • Soltura de quadril e movimentos percussivos – Brunno Zhair ( 9h às 10h30)
  • Street Shaabi – Ana Paula Souza da Cia Nawar (10h45 às 12h15)
  • Uso dos deslocamentos em cena – Laras Vasconcelos (14h às 15h30)
  • Dinamismo Coreográfico – Cibelle Souza (15h45 às 17h15)

Workshop completo:

  • R$ 115 à vista
  • R$ 130 no cartão

Um turno (manhã ou tarde)

  • R$ 70 à vista
  • R$ 85 no cartão

Fonte: G1RN

 

 

Deixe uma resposta