DADOS ATUALIZADOS DO CORONAVIRUS NO RN

Por G1 RN

 

Evolução dos casos confirmados e mortes por coronavírus no RN
Dados divulgados pela Secretaria Estadual de Saúde através de comunicados e boletins epidemiológicos

O Rio Grande do Norte registra 79.908 casos confirmados de Covid-19 desde o início da pandemia. O número de mortes neste mesmo período é de 2.563. Os dados estão no boletim epidemiológico da Secretaria de Estado da Saúde Pública (Sesap) divulgado nesta segunda-feira (26).

Em comparação com o boletim anterior, divulgado no sábado (24), são 205 novos casos confirmados e uma morte a mais registrada – ela não aconteceu nas últimas 24 horas, segundo a Sesap. Ao todo, 359 óbitos ainda seguem em investigação.

A Sesap apontou ainda que os casos suspeitos são 30.082 e os casos descartados atualmente são 187.835. O número de confirmados recuperados se manteve em 43.148 e o de inconclusivos, tratados como “Síndrome Gripal não especificada”, aumentaram para 73.865.

Atualmente, segundo a pasta, 176 pessoas estão internadas por causa da Covid-19 no estado, sendo 134 na rede pública e 42 na rede privada. A taxa de ocupação dos leitos críticos (semi-intensivo e UTIs) é de 39,92% na rede pública e de 11,1% na rede privada.

O número de testes feitos para coronavírus não foram atualizados e seguem em 253.621, sendo 148.018 RT-PCR (conhecidos também como Swab) e 105.603 sorológicos.

Números do coronavírus no RN

  • 79.908 casos confirmados
  • 2.563 mortes
  • 43.148 confirmados recuperados
  • 30.082 casos suspeitos
  • 187.835 casos descartados

Fonte: G1 RN

Continuar lendo DADOS ATUALIZADOS DO CORONAVIRUS NO RN

SEGUNDO IBGE, POR CAUSA DA PANDEMIA 65 MIL PESSOAS NO RN ESTÃO AFASTADAS DO TRABALHO

Por G1 RN

 

Carteira de trabalho — Foto: Mauro Pimentel/AFP/ArquivoCarteira de trabalho — Foto: Mauro Pimentel/AFP/Arquivo

O número de pessoas afastadas do trabalho para ficarem em distanciamento social diminuiu no Rio Grande do Norte. Ao todo, 65 mil trabalhadores permaneceram fora do cargos no mês de setembro no estado.

O dado está na Pesquisa Nacional por Amostra de Domicílios (PNAD) Covid-19, divulgada nesta sexta-feira (23) pelo Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE).

O número tem caído desde maio, quando começou a pesquisa. No mês anterior, agosto, esse número era de 84 mil. Em julho, eram 140 mil trabalhadores. Em maio, na maior marca, 272 mil pessoas estavam nessa condição.

Segundo o IBGE, esses trabalhadores são apenas os que estão afastados oficialmente dos cargos do trabalho, seja com remuneração ou não. Os funcionários em home office não integram esse grupo.

Apesar da diminuição, esse número de trabalhadores afastados em função da pandemia representa 5,5% das pessoas ocupadas no RN. Essa é a segunda maior proporção entre os estados do Nordeste e uma das cinco maiores do Brasil.

Na região Nordeste, são 773 mil trabalhadores afastados – 4,2% da população ocupada. No Brasil, 3,6% da população ocupada estavam nessa condição em setembro, ou seja, 3 milhões de pessoas.

238 mil desocupados

O Rio Grande do Norte também registrou no mês de setembro 238 mil pessoas desocupadas – termo dado àquelas que buscam emprego, mas não encontram. A taxa de desocupação é de 16,8%, número estável em comparação ao mês de agosto. A taxa é considerada “alta” pelo IBGE.

Também permaneceram estáveis no mês de setembro no RN a informalidade, a média de rendimento proveniente de auxílios emergenciais governamentais e o percentual dos domicílios que receberam auxílios emergenciais governamentais.

População testada contra Covid-19

Segundo o IBGE, 10,7% da população do RN fez teste para Covid-19, o que representa 377 mil pessoas. O estado está ao lado da Paraíba e da Bahia com a terceira maior testagem do Nordeste. Apenas Piauí (17%) e Sergipe (12%) testaram mais, proporcionalmente, a própria população.

Desse total de testados, 36% têm rendimento médio real entre meio salário mínimo a menos de um salário mínimo. Já as pessoas com rendimento médio de quatro ou mais salários mínimos representam 9,4% – a menor parte dos testados.

PNAD

Elaborada para acompanhar o período de pandemia, a PNAD Covid-19 apresenta dados sobre saúde, trabalho e outros tópicos relacionados ao período. Mensalmente, o IBGE divulga os resultados da pesquisa para Brasil, grandes regiões e unidades da federação.

Fonte: G1 RN

Continuar lendo SEGUNDO IBGE, POR CAUSA DA PANDEMIA 65 MIL PESSOAS NO RN ESTÃO AFASTADAS DO TRABALHO

DADOS ATUALIZADOS DO CORONAVIRUS NO RN

Por G1 RN

 

Evolução dos casos confirmados e mortes por coronavírus no RN
Dados divulgados pela Secretaria Estadual de Saúde através de comunicados e
boletins epidemiológicos

O Rio Grande do Norte tem 79.371 casos confirmados de Covid-19 desde o início da pandemia. As mortes pela doença são 2.558. Os dados foram atualizados nesta quinta-feira (22) no boletim epidemiológico da doença divulgado pela Secretaria do Estado de Saúde Pública (Sesap). O documento aponta que 323 óbitos ainda seguem sob investigação.

Em comparação com o boletim de quarta-feira (21), o estado teve um aumento de 45 novos casos duas mortes a mais, sendo uma nas últimas 24 horas.

Segundo a Sesap, os casos suspeitos subiram para 26.278 e os casos descartados são 186.122. O número de confirmados recuperados se manteve em 43.148 e o de inconclusivos, tratados como “Síndrome Gripal não especificada”, também segue em 67.452.

A pasta também informou que 176 pessoas estão internadas por causa da Covid-19 no estado, sendo 140 na rede pública e 36 na rede privada. A taxa de ocupação dos leitos críticos (semi-intensivo e UTIs) é de 42,01% na rede pública e de 8,4% na rede privada.

O número de testes feitos para coronavírus não foram atualizados e seguem em 253.621, sendo 148.018 RT-PCR (conhecidos também como Swab) e 105.603 sorológicos.

Números do coronavírus no RN

  • 79.371 casos confirmados
  • 2.558 mortes
  • 43.148 confirmados recuperados
  • 26.278 casos suspeitos
  • 186.122 casos descartados

Fonte: G1 RN

Continuar lendo DADOS ATUALIZADOS DO CORONAVIRUS NO RN

SUSPEITA DE RECEPTAÇÃO E POSSE ILEGAL DE ARMAS, CANDIDATA À VICE-PREFEITA EM CIDADE DO RN É PROCURADA PELA POLÍCIA

Por G1 RN

 

Damária Jácome é candidata a vice-prefeita no município de João Dias, no RN — Foto: Divulgação/Polícia CivilDamária Jácome é candidata a vice-prefeita no município de João Dias, no RN — Foto: Divulgação/Polícia Civil

A candidata a vice-prefeita na cidade de João Dias, Região Oeste do RN, Damária Jácome de Oliveira (PP), de 31 anos, está sendo procurada pela Polícia Civil após um mandado de prisão preventiva ter sido expedido pela Justiça contra ela.

Segundo a Divisão Especializada em Investigação e Combate ao Crime Organizado (Deicor), Damária Jácome é suspeita de integrar milícia privada, e de receptação e posse ilegal de arma de fogo. Quatro irmãos dela e um cunhado também estão foragidos.

O pai dela, Laete Jácome (PP), de 64 anos, candidato à reeleição como vereador também no município de João Dias, foi preso em flagrante no dia 17 de outubro, também por posse ilegal e receptação de armas. Desde o dia 19, a Polícia Civil faz diligências em busca da candidata.

Além de Damária Jácome, são procurados os irmãos e o cunhado dela. Eles são investigados pelos crimes de tráfico de drogas internacional e associação para o tráfico.

Prisão do pai

A Deicor cumpriu mandados de busca e apreensão no sábado passado (17) no município de João Dias para desarticular uma organização criminosa da região. A operação terminou com a prisão de Laete Jácome de Oliveira, pai de Damária Jácome, e outras seis pessoas.

Na casa do vereador, foram encontradas duas espingardas calibre 12 com 100 munições, dois rifles calibre 38 com 103 munições, e três pistolas calibre 380 com 80 munições. Também foi encontrado R$ 15.535 em dinheiro

Os policiais precisaram arrombar a porta da casa para cumprir o mandado de busca e apreensão, após o vereador ter se negado a abri-la.

Armamento foi encontrado na casa do vereador — Foto: DIvulgação/Polícia CivilArmamento foi encontrado na casa do vereador — Foto: DIvulgação/Polícia Civil

Fonte: G1 RN

Continuar lendo SUSPEITA DE RECEPTAÇÃO E POSSE ILEGAL DE ARMAS, CANDIDATA À VICE-PREFEITA EM CIDADE DO RN É PROCURADA PELA POLÍCIA

CONSÓRCIO INTERFEDERATIVO DA SAÚDE PROPOSTO PELO GOVERNO DO RN É APROVADO PELA ALRN

Assembleia aprovou os consórcios interfederativos de saúde propostos pelo governo do RN

Redação / Portal da Tropical

 – Atualizado em: 

Leitos hospitalares do RN |Foto: Elisa Elsie/Ascom RN

O Governo do Rio Grande do Norte deu um importante passo rumo à melhoria da assistência em saúde da população potiguar. A proposta do governo estadual que institui os Consórcios Interfederativos de Saúde foi aprovada pela Assembleia Legislativa nesta quarta-feira (21). O modelo de gestão visa a ampliar o acesso aos serviços oferecidos aos usuários do Sistema Único de Saúde (SUS) de todos os municípios potiguares.

“A criação dos consórcios é um compromisso do governo para melhoria dos serviços de saúde pública do Rio Grande do Norte. A aprovação da lei garante mais um passo em direção à efetivação do programa, que será muito importante dentro do fortalecimento da regionalização do SUS. Agradecemos aos deputados estaduais pela sensibilidade em reconhecer a importância desse projeto”, destacou a governadora Fátima Bezerra.

O governo informou que os consórcios envolvem as gestões estadual e municipais, funcionando como um espaço articulador de parcerias, convênios, contratos e outros instrumentos similares, facilitando o financiamento e a gestão compartilhada dos serviços públicos de saúde numa perspectiva territorial. Entre os serviços que podem ser consorciados estão os de urgência e emergência hospitalar, pré-hospitalar, unidades de pronto atendimento de natureza regional e centros de especialidades odontológicas (CEOS), e demais serviços relacionados à saúde, em consonância com o Plano de Regionalização (PRD) do Estado.

“Essa aprovação constitui um marco institucional do SUS no Estado. Aproveitamos para reconhecer o apoio da Assembleia Legislativa, da Federação dos Municípios e do Conselho Estadual de Saúde nessa luta. Essa conquista possibilitará um arranjo organizacional em cada região de saúde que vai ser um diferencial na gerência e organização dos serviços ofertados em cada região, sejam eles especializados, hospitalares ou de transporte sanitário, por exemplo, porque o consórcio pode abranger serviços diversos em sua organização”, afirmou o secretário de Estado da Saúde Pública, Cipriano Maia.

Regionalização da Saúde

O principal objetivo dos consórcios é efetivar a regionalização da saúde, para que os problemas de atendimento sejam resolvidos mais próximo de onde as pessoas moram. Os consórcios possibilitam a união de esforços e racionalização de recursos dos entes federativos, a partir de uma gestão compartilhada, organizando os serviços de forma integralizada e ampliada.

A estratégia de cooperação é uma solução prática e efetiva em situações em que uma única esfera da federação não consegue atuar sob uma ou mais demandas relacionadas a serviços e programas para a sua população. Além disso, uma importante vantagem do consórcio é a possibilidade de superar a descontinuidade de governos, já que consiste num instrumento do SUS do Estado, permanecendo mesmo com as mudanças de gestão.

Após a aprovação do projeto de lei, continua o trabalho para a efetivação dos consórcios. O próximo passo é regulamentar a lei e buscar a adesão dos municípios. Para isso, serão realizados estudos técnicos que demonstrem a viabilidade e os custos da implantação e manutenção, para dar base ao contrato de programa, que define os serviços que serão consorciados, bem como o contrato de rateio, que especifica como será rateado o custeio e investimento necessários às ações, o que será realizado de forma democrática, por meio de pactuação em assembleia entre o ente estadual e os municipais.

Vantagens

·   Melhoria do acesso aos serviços de saúde de maior complexidade, ampliando a oferta, com maior resolutividade e qualidade.
·   Redução dos custos operacionais, ampliando a eficiência e a eficácia na aplicação dos recursos financeiros.
·   Fortalecimento das instâncias locais e regionais e do processo de descentralização, formando vínculos de cooperação e de gestão compartilhada.
·  Integração de diferentes realidades locais, preservando suas peculiaridades, na busca da solução de problemas comuns.

Continuar lendo CONSÓRCIO INTERFEDERATIVO DA SAÚDE PROPOSTO PELO GOVERNO DO RN É APROVADO PELA ALRN

DADOS ATUALIZADOS DO CORONAVIRUS NO RN

Por G1 RN

 

Evolução dos casos confirmados e mortes por coronavírus no RN Dados divulgados pela Secretaria Estadual de Saúde através de comunicados e
boletins epidemiológicos

O Rio Grande do Norte soma 79.326 casos confirmados e 2.556 mortes por Covid-19 desde o início da pandemia. Os dados estão no boletim epidemiológico da doença e foram divulgados pela Secretaria do Estado de Saúde Pública (Sesap) nesta quarta-feira (21). Além disso, 323 óbitos ainda seguem sob investigação.

Em comparação com o boletim do dia anterior, quarta-feira (20), o estado tem 622 novos casos três mortes a mais, sendo uma nas últimas 24 horas.

O boletim também aponta que os casos suspeitos subiram para 24.958 e os casos descartados são 185.573. O número de confirmados recuperados se manteve em 43.148 e o de inconclusivos, tratados como “Síndrome Gripal não especificada”, também segue em 67.452.

Segundo a Sesap, atualmente 181 pessoas estão internadas por causa da Covid-19 no estado, sendo 145 na rede pública e 36 na rede privada. A taxa de ocupação dos leitos críticos (semi-intensivo e UTIs) é de 37,03% na rede pública e de 9,1% na rede privada.

O boletim da pasta aponta que o RN segue ainda com 253.621 testes feitos para coronavírus, sendo 148.018 RT-PCR (conhecidos também como Swab) e 105.603 sorológicos.

Números do coronavírus no RN

  • 79.326 casos confirmados
  • 2.556 mortes
  • 43.148 confirmados recuperados
  • 24.958 casos suspeitos
  • 185.573 casos descartados

Fonte: G1 RN

Continuar lendo DADOS ATUALIZADOS DO CORONAVIRUS NO RN

NOVOS PRAZOS PARA REFIS COM TRIBUTOS ESTADUAIS SÃO APROVDOS POR DEPUTADOS DO RN

Deputados aprovam Refis com novos prazos para tributos estaduais

21 out 2020

Deputados aprovam Refis com novos prazos para tributos estaduais | Política em Foco

A Assembleia Legislativa do Rio Grande do Norte aprovou na sessão desta quarta-feira (21) dois projetos de lei que tratam da regularização fiscal (Refis) – o primeiro destinado aos tributos estaduais e o segundo que amplia o parcelamento de débitos tributários de 60 para 84 meses para empresas em recuperação judicial. As duas propostas – enviadas pelo Executivo – foram aprovadas por unanimidade dos deputados presentes.

O deputado José Dias (PSDB) reconheceu a importância da iniciativa diante da difícil situação econômica registrada atualmente em todo o País. “Muitas empresas estão quebradas e precisam de incentivos para buscar alguma recuperação, isso é indiscutível. Seus débitos precisam ser honrados de forma suave, como a lei determina”, disse o tucano.

Hermano Morais (PSB) elogiou as propostas e disse que as matérias permitem que os empreendedores possam manter crédito para seus negócios. “Contribui ainda com a regularização dos devedores, cujas finanças se encontram abaladas com a recessão econômica agravada pela pandemia. Então, elogio a iniciativa do governo em dar oportunidade aos que geram emprego e renda e que se encontram em dificuldades”, completou.

O Refis permite parcelar em até 60 vezes os débitos com ICMS e IPVA até julho de 2020, com 60% de desconto nos juros e multas. E 95% de redução de juros e multas para pagamento a vista. A adesão tem que ocorrer até o dia 31 de dezembro deste ano.

Formação de consórcios 

Ainda na sessão desta quarta-feira (21), gerou polêmica a votação da matéria que dispõe sobre a participação do RN nos consórcios interfederativos de saúde. No final, a matéria foi aprovada por 13 votos a 6. O deputado Francisco do PT demonstrou a importância da iniciativa, por permitir que o Estado possa atuar em conjunto com prefeituras a favor da saúde.

Já o deputado Getúlio Rêgo (DEM) disse que o Governo “demonstra claramente sua intenção de fugir da responsabilidade de gerir a saúde do RN”. O parlamentar disse haver uma campanha de desmonte da rede hospitalar, que “assusta” a população.

Antes deles, os deputados Gustavo Carvalho e José Dias fizeram referência à participação do RN no Consórcio Nordeste, alvo de recente polêmica por causa da compra de respiradores por quase R$ 50 milhões que jamais chegaram aos Estados compradores.

Na sessão, os deputados ainda aprovaram o projeto – também enviado pelo Executivo – que autoriza a alienação de bem imóvel desapropriado para fins de criação do núcleo urbano intitulado “Nova Barra de Santana”, que será necessário a partir do avanço das obras da barragem de Oiticica.

De iniciativa da deputada Cristiane Dantas (SDD), foi aprovada a criação do Fundo Estadual de Amparo às Mulheres Vítimas de Violência no RN. Já apresentado por Francisco do PT, a Casa aprovou o projeto que institui a Medalha do Mérito em Direitos Humanos Marcos Dionísio às pessoas ou entidades da área dos direitos humanos que tenham prestado relevante serviço no RN.

Apresentado pela deputada Isolda Dantas (PT), os parlamentares aprovaram a instituição da Política Estadual de Assistência Estudantil. Já o deputado Sandro Pimentel (Psol) teve dois projetos aprovados na mesma sessão. O primeiro proíbe a nomeação para cargos em comissão de pessoas que tenham sido condenadas pela Lei Maria da Penha, e o segundo altera pontos da legislação potiguar, que permitiam que desmatamentos possam ter a pena substituída por indenizações.

Fonte: Política em Foco
Continuar lendo NOVOS PRAZOS PARA REFIS COM TRIBUTOS ESTADUAIS SÃO APROVDOS POR DEPUTADOS DO RN

SEGURANÇA: VIOLÊNCIA NO RN CRESCE ASSUSTADORAMENTE, APONTA FÓRUM BRASILEIRO DE SEGURANÇA PÚBLICA

Violência cresce no RN no (des)governo da petista Fátima Bezerra

LER NA ÁREA DO ASSINANTE

Fátima BezerraFátima Bezerra

O estado do Rio Grande do Norte está sob uma onda de violência crescente no (des)governo de Fátima Bezerra, segundo aponta o Anuário Brasileiro da Segurança Pública, do Fórum Brasileiro de Segurança Pública.

Subiu assustadoramente o número de estupro de vulneráveis, com a vítima sendo mulher, que chegou a 61% e no quesito violência contra mulheres, o aumento foi de 13%.

O número de homicídios aumentou 12% e os latrocínios, 21%.

Já o número de roubos a estabelecimentos teve um crescimento de 81,5%. Os roubos a residências também tiveram aumento significativo, 67,3%.

O estado ainda registrou aumento de 57% nos casos de tráfico de drogas.

Mesmo com as poucas condições oferecidas pelo Estado, o esforço dos policiais militares é louvável, mas acaba sendo insuficiente para suprir o desgoverno de Fátima.

Se os índices continuarem aumentando, como parece ser a tendência, só mesmo uma intervenção federal para salvar a população potiguar.

Fonte:Jornal da Cidade Online

Continuar lendo SEGURANÇA: VIOLÊNCIA NO RN CRESCE ASSUSTADORAMENTE, APONTA FÓRUM BRASILEIRO DE SEGURANÇA PÚBLICA

DADOS ATUALIZADOS DO CORONAVIRUS NO RN

Por G1 RN

 

Evolução dos casos confirmados e mortes por coronavírus no RN
Dados divulgados pela Secretaria Estadual de Saúde através de comunicados e boletins epidemiológicos

O Rio Grande do Norte registra 78.704 casos confirmados de Covid-19 desde o início da pandemia. As mortes pela doença são 2.552 em todo o estado no mesmo período. Os dados foram atualizados nesta terça-feira (20) pela Secretaria do Estado de Saúde Pública (Sesap) no boletim epidemiológico.

O aumento em comparação com o boletim do dia anterior foi de 156 casos confirmados a mais e uma nova morte. O número de óbitos em investigação segue em 323.

O documento da Sesap aponta ainda que os casos suspeitos subiram para 24.551 e os casos descartados são 183.396. O número de confirmados recuperados se manteve em 43.148 e o de inconclusivos, tratados como “Síndrome Gripal não especificada”, está em 67.452.

De acordo com a pasta, o número de pessoas atualmente internadas por causa da Covid-19 no estado é de 178, sendo 146 na rede pública e 32 na rede privada. A taxa de ocupação dos leitos críticos (semi-intensivo e UTIs) é de 39,58% na rede pública e de 11,1% na rede privada.

O boletim da Sesap aponta que o RN mantém o número de 253.621 testes para coronavírus, sendo 148.018 RT-PCR (conhecidos também como Swab) e 105.603 sorológicos.

Números do coronavírus no RN

  • 78.704 casos confirmados
  • 2.553 mortes
  • 43.148 confirmados recuperados
  • 24.551 casos suspeitos
  • 183.396 casos descartados
Fonte: G1 RN
Continuar lendo DADOS ATUALIZADOS DO CORONAVIRUS NO RN

GOVERNO DO RN SE REÚNE COM GRUPO ITAPEMIRIM PARA INCLUIR O ESTADO EM SUA ROTA DE VOOS

Governo se reúne com dirigentes da Itapemirim

21 out 2020

O Governo do RN mantém entendimentos em São Paulo com o grupo Itapemirim para incluir o estado na rota de voos que a empresa começa a operar no Brasil. A Itapemirim é um grupo tradicional no transporte nacional de cargas e passageiros por meio rodoviário e está iniciando operações no transporte aéreo que é restrito a três grandes companhias: Latam, Gol e Azul. A Ita Linhas Aéreas começa a operar com dez aviões e tem previsão de adquirir outras 50 aeronaves nos próximos anos.

Por orientação da governadora Fátima Bezerra um grupo de trabalho composto por representantes da Secretaria de Estado do Turismo (Setur) e da Empresa de Promoções Turísticas do RN (Emprotur) para manter contatos com a Itapemirim. Como resultado dos entendimentos iniciais, a governadora se reuniu com a direção da companhia em São Paulo nesta terça-feira (20). “O Rio Grande do Norte possui localização estratégica, grande potencial competitivo, rede hoteleira de qualidade e um Centro de Convenções recentemente reformado. E foi o primeiro estado brasileiro a ter certificação internacional dos protocolos de segurança sanitária exigidos contra a pandemia da Covid-19”, afirmou Fátima Bezerra para justificar a destinação de um voo para o estado.

O presidente da empresa, Sidnei Piva confirmou que o RN vai integrar a malha aérea da Itapemirim e também as linhas rodoviárias. “Estamos ampliando a nossa atuação e o Rio Grande do Norte vai sim ter voos regulares da nossa empresa. Não só Natal, mas outras cidades no interior, como Mossoró, passarão a incluir nossa malha de mobilidade viária”, declarou.

Fátima Bezerra também destacou aos dirigentes da Itapemirim as medidas de incentivo implementadas pelo Governo voltadas ao fortalecimento e ampliação da malha aérea estadual como a modernização da legislação e redução do ICMS do QAv da aviação. A reunião contou ainda com a participação do diretor operacional Adilson Furlan e do integrante do conselho de administração, Jean Pejo. Acompanham a governadora os secretários de Estado Ana Maria Costa (Setur) e Carlos Eduardo Xavier (SET) e o presidente da Emprotur, Bruno Reis.

Continuar lendo GOVERNO DO RN SE REÚNE COM GRUPO ITAPEMIRIM PARA INCLUIR O ESTADO EM SUA ROTA DE VOOS

Fim do conteúdo

Não há mais páginas para carregar