Blog do Saber, Cultura e Conhecimento!

CÚPULA DO SETOR ELEÉTRICO VOLTA AO TRABALHO, APÓS GOVERNO REVETER DECISÃO

Governo reverte decisão e cúpula do setor elétrico volta ao trabalho

Por Basília Rodrigues, CNN  

Atualizado 20 de novembro de 2020 às 18:00

Governo reverte decisão e cúpula do setor elétrico volta ao trabalho | CNN Brasil

A diretoria da Agência Nacional de Energia Elétrica e do Operador Nacional do Sistema, que estava afastada por decisão da justiça, vai voltar ao cargo. O Tribunal Regional Federal da 1ª região acolheu o pedido do governo federal, nesta tarde, e derrubou a decisão liminar que exigia o afastamento dos diretores por causa do apagão no Amapá.

A decisão foi do presidente do tribunal, Ítalo Fioravanti Sabo Mendes. O desembargador entendeu que o afastamento apenas poderia ser determinado em “caráter excepcional, cujo escopo é a necessidade de
garantia da instrução processual, quando a atuação concreta do agente público, no exercício de suas funções, puder comprometer ou prejudicar a produção de provas no processo” – o que não observou no caso.

Fontes do governo avaliaram à CNN que o problema da falta de luz no estado precisa ser resolvido antes de qualquer decisão sobre a permanência dos diretores nos cargos – o que poderá ficar para um segundo momento. A Advocacia Geral da União alegou que sem a diretoria nos cargos não haveria quem pudesse adotar medidas necessárias para contornar a falta de energia no Amapá.

O desembargador cita em sua decisão o argumento usado pela AGU sobre os riscos para todo sistema elétrico. “A manutenção da decisão impugnada, portanto, envolve danos imediatos e potenciais aos investidores, empresas, usuários e sociedade em geral, que não podem ficar em compasso de espera assistindo à inoperância da ANEEL por tão largo período de tempo”.

Fonte: CNN
Continuar lendo CÚPULA DO SETOR ELEÉTRICO VOLTA AO TRABALHO, APÓS GOVERNO REVETER DECISÃO

CIÊNCIAS: PESQUISADORES DA UNIVERSIDADE DE CALGARY FIZERAM UMA DESCOBERTA COM O POTENCIAL DE PREVENIR E REVERTER OS EFEITOS DE ALZHEIMER

Já publiquei muita matéria aqui, na coluna CIÊNCIAS e na coluna SAÚDE também sobre Alzheimer e os progressos da ciência na luta contra essa doença tão devastadora. E nessa área a ciência não para de avançar, a cada dia se aproximando mais e mais de sua cura. No artigo a seguir os pesquisadores deram um grande passo rumo a cura definitiva do Alzheimer, através da prevenção. Quem não conhece alguém que sofre dessa doença? Então lhe convido a ler o artigo completo a seguir a fim de conhecer os detalhes dessa nova descoberta!

Pesquisadores descobrem um avanço com estudos em animais que tem potencial para prevenir o mal de Alzheimer

Wayne Chen, Britton Ledingham para o Libin Cardiovascular Institute

Uma equipe de pesquisa da Universidade de Calgary fez uma descoberta emocionante com o potencial de prevenir e reverter os efeitos da doença de Alzheimer.

A equipe, liderada pelo Dr. Wayne Chen, descobriu que limitar o tempo de abertura de um canal chamado receptor de rianodina, que atua como uma porta de entrada para células localizadas no coração e no cérebro, reverte e previne a progressão da doença de Alzheimer em modelos animais. Eles também identificaram um medicamento que interrompe o processo da doença.

O efeito de dar a droga a modelos animais foi notável: após um mês de tratamento, a perda de memória e deficiências cognitivas nesses modelos desapareceram.

“A importância de identificar uma droga usada clinicamente que atua em um alvo definido para fornecer benefícios anti-doença de Alzheimer não pode ser exagerada”, disse Chen. 

Os resultados deste estudo inovador foram publicados recentemente na revista  Cell Reports .

Este trabalho é potencialmente altamente impactante, pois milhões em todo o mundo vivem com a doença de Alzheimer e outras demências, sofrendo perda de memória e outras deficiências cognitivas com um impacto negativo na qualidade de vida.

A ciência por trás das descobertas

Pesquisas anteriores mostraram que a progressão da doença de Alzheimer é conduzida por um ciclo vicioso da proteína amilóide β (Aβ) induzindo hiperatividade no nível dos neurônios. No entanto, o mecanismo por trás disso não foi totalmente compreendido nem havia tratamentos eficazes para interromper o ciclo.

A equipe de Chen usou uma parte de uma droga existente usada em pacientes cardíacos, o carvedilol, para tratar modelos de ratos com sintomas de Alzheimer. Após um mês de tratamento, os pesquisadores testaram modelos animais com resultados muito promissores.

“Nós os tratamos por um mês e o efeito foi incrível”, disse Chen, explicando que a droga foi bem-sucedida em reverter os principais sintomas da doença de Alzheimer. “Não podíamos diferenciar os modelos de doenças tratadas com drogas dos modelos saudáveis.”

Chen, um pesquisador altamente citado da Clarivate, está otimista sobre o futuro desta pesquisa, no entanto, há muitos passos a serem tomados antes que esta descoberta leve a um ensaio clínico.

Fonte: goodnewsnetwork.org/

Continuar lendo CIÊNCIAS: PESQUISADORES DA UNIVERSIDADE DE CALGARY FIZERAM UMA DESCOBERTA COM O POTENCIAL DE PREVENIR E REVERTER OS EFEITOS DE ALZHEIMER

Fim do conteúdo

Não há mais páginas para carregar

Fechar Menu
×

Carrinho