EDUCAÇÃO: ESCOLAS DA REDE PÚBLICA DO RN COMEÇARAM O PROCESSO DE RETOMADA DOS TRABALHOS PRESENCIAIS NESTA SEGUNDA-FEIRA (19)

Por G1 RN

 

Escola Estadual Berilo Wanderley em Natal (Arquivo) — Foto: Sérgio Henrique Santos/Inter TV CabugiEscola Estadual Berilo Wanderley em Natal (Arquivo) — Foto: Sérgio Henrique Santos/Inter TV Cabugi

As escolas da rede pública do Rio Grande do Norte começaram o processo de retomada do trabalho presencial nesta segunda-feira (19) e esperam cerca de 35 mil alunos para o retorno às aulas na próxima semana.

As aulas foram suspensas no dia 18 de março de 2020, por causa da pandemia da Covid-19. Mais de 16 meses, depois, apenas as escolas da rede privada e poucos municípios voltaram às aulas em formato presencial.

Após a redução na transmissibilidade, na taxa de ocupação de leitos e do início da vacinação dos trabalhadores de educação, o governo chegou a um acordo com a Justiça para dar início ao plano de retomada na rede estadual nesta segunda-feira (19).

Porém, o sindicato dos trabalhadores em educação recorreu à Justiça contra o retorno e quer que os profissionais só voltem ao trabalho presencial após tomar a segunda dose do imunizante contra a Covid.

Pela manhã, nesta segunda (19), escolas estaduais retomaram o trabalho presencial apenas com professores e demais servidores, com planejamento e reuniões com pais.

O estado conta com 586 instituições e cerca de 220 mil alunos matriculados, porém, apenas cerca de 35 mil devem voltar na primeira etapa.

As aulas deverão ser retomadas em fases e com presença de 33% dos estudantes por turma.

Na primeira etapa, serão os alunos do 1º a 5º ano, e da 3ª série do ensino médio em formato híbrido – parte deles em casa e outra parte na escola.

Duas semanas depois, serão acrescentadas as turmas do 6º e 7º ano e alunos da 2ª série do ensino médio, com aulas presenciais.

A última etapa, também duas semanas depois, será com alunos do 8º e 9º ano do ensino fundamental e 1ª série do ensino médio.

Fonte: G1 RN
Continuar lendo EDUCAÇÃO: ESCOLAS DA REDE PÚBLICA DO RN COMEÇARAM O PROCESSO DE RETOMADA DOS TRABALHOS PRESENCIAIS NESTA SEGUNDA-FEIRA (19)

SINDICATO VAI RECORRER DA DECISÃO DA JUSTIÇA QUE PROÍBE GREVE DE PROFESSORES DA REDE MUNICIPAL DE NATAL

Justiça proíbe greve de professores em Natal; sindicato vai recorrer

Redação / Portal da Tropical

Atualizado em:

Foto: Walla Santos

O desembargador Amaury de Souza Moura Sobrinho determinou, nessa sexta-feira (16), que os professores da rede municipal de Natal não podem entrar em greve. O movimento grevista foi decidido pela categoria em Assembleia, que teve participação de cerca de 500 profissionais da educação.

Em nota, o Sindicato dos Profissionais da Educação do Rio Grande do Norte (Sinte-RN) prometeu recorrer da decisão da Justiça, que fixa multa diária de R $ 10 mil para o sindicato em caso de realização de greve. O Sinte avaliou que o desembargador está impedindo o direito de greve.

“Estamos surpresos com o teor da decisão judicial, por decretar ilegal uma greve que nem foi deflagrada. Mais estranha é a velocidade da decisão, que sai em menos de 24h depois de nos pronunciarmos no processo “, afirmou o coordenador geral do Sinte-RN, Bruno Vital.

Ele ainda acrescentou que: “Queremos entender a partir de que dados o juiz diz que a Prefeitura tomar providências para o retorno quando apenas 15 CMEIs, de um total de 74, estavam em condições de retornar. Vamos recorrer da decisão e buscar um outro resultado , dentro da realidade do caos que está a educação em Natal ”.

O sindicato aponta que o magistrado desconsiderou o risco de contaminação e morte por covid-19 de professores e alunos diante de uma retomada imediata ao ensino presencial antes da aplicação da 2ª dose da vacina.

“Portanto, conforme acertado na última Assembleia, realizado em 14 de julho, nenhum educador da capital deve retornar para qualquer escola. Mas sim continuar trabalhando remotamente até 28 de julho, data em que acontecerá novo encontro da categoria em formato virtual”, frisou o Sinte-RN.

Continuar lendo SINDICATO VAI RECORRER DA DECISÃO DA JUSTIÇA QUE PROÍBE GREVE DE PROFESSORES DA REDE MUNICIPAL DE NATAL

DESEMBARGADOR DECIDE POR ILEGALIDADE NA GREVE DOS PROFESSORES DA REDE MUNICIPAL DE NARTAL

Greve dos professores da rede municipal de ensino de Natal é ilegal, decide Desembargador

Desembargador decide pela ilegalidade da greve dos professores de Natal – Justiça Potiguar

Decisão do desembargador Amaury Moura Sobrinho, do TJRN, determinou na noite desta sexta-feira (16) que a greve dos professores da rede municipal de ensino de Natal é ilegal. O descumprimento da decisão pode acarretar multa diária de R$ 10 mil.

“Defiro a tutela de urgência postulada, a fim de determinar a manutenção integral da força de trabalho dos servidores municipais da educação do Município do Natal, nos termos fixados pelo Poder Executivo Municipal, aplicando multa diária no valor de R$ 10.000,00 (dez) mil reais por dia de descumprimento”, escreveu o Desembargador na decisão.

Continuar lendo DESEMBARGADOR DECIDE POR ILEGALIDADE NA GREVE DOS PROFESSORES DA REDE MUNICIPAL DE NARTAL

INDICATIVO DE GREVE É MANTIDO PELOS PROFESSORES DA REDE MUNICIPAL DE NATAL

Professores da rede municipal de Natal mantêm indicativo de greve e defendem continuidade das aulas em formato exclusivamente remoto

Foto: Kléber Teixeira/Inter TV Cabugi

Em assembleia virtual realizada nesta quarta-feira (14), educadores de Natal debateram o movimento grevista na Rede Municipal de Ensino. A discussão foi coordenada pelo Sindicato dos Trabalhadores em Educação Pública do Rio Grande do Norte (Sinte/ RN) e professores deliberaram por manter o indicativo de greve na capital e transferir a deflagração para 28 de julho, com paralisação de todas as atividades nos dias 16, 21 e 26 de julho.

A nova data prevista para início da greve considera o calendário letivo do município que prevê o retorno do ensino fundamental para o final do mês. Desse modo, a categoria voltará a se reunir em assembleia na quarta-feira (28).

Os trabalhadores discutiram ainda temas como como a carga suplementar; a deficiência de estrutura de algumas escolas, com falta de abastecimento de água e insegurança sanitária; a imunização contra a covid-19; e o descumprimento da Lei do Piso em Natal.

A categoria mais uma vez defendeu a continuidade das aulas em formato exclusivamente remoto, considerando a necessidade de completar o ciclo de imunização contra a covid, após as duas doses das vacinas, para que ocorra o retorno presencial.

Fonte: Blog do BG

Continuar lendo INDICATIVO DE GREVE É MANTIDO PELOS PROFESSORES DA REDE MUNICIPAL DE NATAL

EDUCAÇÃO: JUSTIÇA POTIGUAR CONFIRMOU A RETOMADA DAS AULAS PRESENCIAIS NA REDE PÚBLICA DE ENSINO NO ESTADO PARA O DIA 19 DE JULHO

Justiça do RN confirma retomada das aulas presenciais a partir do dia 19 de julho

Prazo entre as fases de abertura foi alterado para 14 dias, antecipando o que havia sido previsto no plano apresentado pelo Estado

Redação 12/07/2021 | 09:26

Justiça confirma retomada das aulas presenciais no Estado a partir do dia 19 de julho

Decisão da 2ª vara da Fazenda Pública de Natal foi publicada neste domingo 11. Foto: Ney Douglas Após um pedido de cumprimento de sentença feito pelo Ministério Público do Rio Grande do Norte (MPRN), a Justiça potiguar confirmou a retomada das aulas presenciais na rede pública de ensino do Estado para o próximo dia 19 de julho. A decisão da 2ª vara da Fazenda Pública de Natal foi publicada neste domingo 11. A Justiça, também acatando pedido formulado pelo MPRN, alterou o prazo entre as fases de abertura proposto no Plano de Retomada apresentado pelo Governo do Estado, que caiu para 14 dias. Esse retorno às aulas será de forma híbrida, gradual e segura. O pedido de cumprimento de sentença foi proposto pelo MPRN em desfavor do Estado devido ao não cumprimento do acordo homologado pela 2ª vara da Fazenda Pública de Natal. Pela decisão publicada neste domingo, os professores retornam às atividades presenciais na próxima segunda-feira (19), tendo a semana de acolhimento. Sobre a antecipação do tempo estabelecido para avanço das fases previstas no plano, a Justiça acatou o pedido do MPRN “tendo em vista o estado avançado de vacinação, em termos etários – atualmente em 39 anos ou com tendência a diminuir a idade da população geral – e da própria recomendação expedida pela Secretaria de Estado da Saúde Pública, em Nota Informativa nº 16/2021, de 2 de julho”. A Justiça já determinou a intimação do Estado do Rio Grande do Norte, por meio da Procuradoria Geral do Estado, da governadora do Estado e do secretário estadual da Educação, da Cultura, do Esporte e do Lazer para cumprimento da decisão. Contexto histórico O MPRN vem acompanhando a questão da educação durante a pandemia desde o seu início. O Governo do Estado, desde março de 2020, vem expedindo decretos estabelecendo obrigações e restrições, para os setores público e privado, com o objetivo de enfrentar a situação de emergência da saúde pública. Assim, em 17 de março do ano passado, foi expedido o Decreto Estadual 29.524, estabelecendo em seu art. 2º a suspensão das atividades escolares presenciais nas unidades da rede pública e privada de ensino, no âmbito do ensino infantil, fundamental, médio, superior, técnico e profissionalizante. Seis meses depois, com a melhora da situação epidemiológica do Estado, por meio do Decreto 29.989, de 18 de setembro de 2020, foi autorizada a retomada das atividades escolares presenciais da rede privada de ensino. Naquela oportunidade, no art. 1º do Decreto, restou determinada a suspensão das aulas presenciais na rede pública de ensino do Rio Grande do Norte, no ano de 2020, diante da criação do Comitê de Educação para Gestão das Ações de combate da Covid-19 no âmbito do Sistema Estadual de Ensino do Rio Grande do Norte, através do Decreto Estadual nº 29.973, de 9 de setembro de 2020, com o objetivo de construir diretrizes para orientar as redes de ensino na elaboração de protocolos e normas para o enfrentamento da crise sanitária provocada pelo novo coronavírus, com desdobramentos e tomadas de decisões para a Educação. Ou seja, o Estado decidiu não reabrir as atividades escolares presenciais na rede pública de ensino no ano inteiro de 2020 com o fito de construir e implementar os protocolos sanitários para a reabertura gradual e segura das escolas da rede pública no ano de 2021. Em 1º de janeiro de 2021, sem qualquer impedimento normativo para a retomada das aulas de forma presencial na rede pública, seja do estado ou dos municípios, as escolas públicas em todo o estado permaneceram fechadas, sem a oferta de atividade presencial, com a previsão de retomada de alguns municípios no período de março a abril de 2021, tempo suficiente para concluir a implementação dos protocolos necessários nas unidades escolares. Ocorre que, diante do aumento de casos de infecção pelo coronavírus, foi editado o Decreto 30.388, de 5 de março de 2021, suspendendo as aulas presenciais nas unidades das redes pública estadual e privada de ensino, excepcionando as escolas e instituições de ensino fundamental das séries iniciais e do ensino fundamental I (sem fazer distinção da rede pública e privada). Com o agravamento da situação epidemiológica no estado, o decreto seguinte, de nº 30.419, de 17 de março de 2021, suspendeu todas as atividades presenciais da rede pública e privada de ensino, em seu art. 7º, com vigência até 2 de abril de 2021, mantendo em funcionamento todos os serviços considerados essenciais Diante desse decreto não ter considerado o serviço de educação como de natureza essencial, o Ministério Público Estadual expediu, em 31 de março passado, a Recomendação Conjunta n. 01/2021 ao Estado do Rio Grande do Norte, representado pela governadora de Estado, para que adotasse as medidas legais pertinentes para incluir as atividades/serviços educacionais presenciais, em todas as etapas da educação básica, das redes de ensino pública e privada, no rol das atividades/serviços essenciais nos decretos estaduais a serem expedidos acerca das medidas para o enfrentamento do novo coronavírus no âmbito do Estado e que confira às atividades educacionais presenciais o mesmo tratamento normativo em relação aos demais serviços essenciais quando da aplicação de medidas sanitárias restritivas. Mesmo após a exposição de argumentos jurídicos e científicos ao Governo do Estado acerca da necessidade de se corrigir tamanha distorção, desproporcionalidade e ilegalidade em não considerar a educação como serviço essencial e impor às atividades educacionais medidas restritivas de funcionamento enquanto não se impõe medidas tão severas a outros serviços de natureza essencial. Ainda assim, não houve retorno das aulas presenciais na rede estadual de ensino público. Leia a decisão judicial na íntegra, cllicando aqui. NOTÍCIAS RELACIONADAS Aulas presenciais na rede pública serão retomadas dia 19, diz Governo do RN.

Fonte: Agora RN

Continuar lendo EDUCAÇÃO: JUSTIÇA POTIGUAR CONFIRMOU A RETOMADA DAS AULAS PRESENCIAIS NA REDE PÚBLICA DE ENSINO NO ESTADO PARA O DIA 19 DE JULHO

SESAP ABRE SELEÇÃO PARA PESQUISADORES BOLSISTAS ATUAREM NO PROJETO DE MODERNIZAÇÃO DA REDE DE ATENÇÃO PSICOSSOCIAL DO RN

Por G1 RN

 

Sesap abre seleção para pesquisador bolsistas para Rede de Atenção Psicossocial — Foto: Getty ImagesSesap abre seleção para pesquisador bolsistas para Rede de Atenção Psicossocial — Foto: Getty Images

A Secretaria Estadual da Saúde Pública (Sesap) abriu seleção para 23 pesquisadores-bolsistas para atuarem no Projeto de Modernização da Rede de Atenção Psicossocial do Rio Grande do Norte. As inscrições podem ser feitas pela internet de 8 a 11 de julho.

O valor da bolsa é de R$ 2.700,00 com vigência de até 24 meses, para uma carga horária presencial de 30 horas semanais. É assegurado às pessoas com deficiência (PcD) o percentual de 5% das vagas.

Serão selecionados 23 pesquisadores supervisores para os graduados nas áreas da saúde e de humanas com experiência em políticas públicas de saúde, sendo 7 vagas para as regiões de Mossoró, Pau dos Ferros e Assú; 4 vagas para regiões de Caicó e Santa Cruz; e, 12 vagas para região metropolitana, São José de Mipibú e João Câmara.

Além de comprovar formação na área, o pesquisadores supervisor deve ter disponibilidade para se dedicar integralmente às atividades previstas no projeto, comprovar que não está inadimplentes com qualquer órgão ou entidade da Administração Pública Estadual (direta ou indireta), não possuir vínculo empregatício e não ser beneficiário de bolsa de qualquer outra organização.

O processo seletivo será realizado em quatro etapas: análise de documentos (eliminatória), análise curricular (classificatória), análise do pré-projeto de inovação e entrevista. O resultado final está previsto para ser publicado no dia 30 de julho e, a partir desta data, será realizada a convocação e contratação dos bolsistas aprovados.

Continuar lendo SESAP ABRE SELEÇÃO PARA PESQUISADORES BOLSISTAS ATUAREM NO PROJETO DE MODERNIZAÇÃO DA REDE DE ATENÇÃO PSICOSSOCIAL DO RN

REALIZAÇÃO DE EXAME PSA GRATUITO NA REDE PÚBLICA PARA HOMENS É APROVADO PELA COMISSÃO DE SAÚDE DA ASSEMBLÉIA LEGISLATIVA DO RN

Comissão de Saúde aprova realização do exame PSA gratuito na rede pública

04 jun 2021

Comissão de Saúde aprova realização do exame PSA gratuito na rede pública - Tribuna de Noticias

Sob a justificativa de que o câncer de próstata é uma doença que pode surgir com o envelhecimento do homem, a partir dos 40 anos, o deputado Vivaldo Costa (PSD) elaborou o Projeto de Lei 1/2020, que foi relatado na reunião desta manhã (2) pelo deputado Galeno Torquato (PSD) e foi aprovado por unanimidade na Comissão de Saúde da Assembleia Legislativa.

O projeto dispõe sobre o exame de PSA – Antígeno Prostático Específico – na rede pública de Saúde do Rio Grande do Norte. Em seu parágrafo 1° a propositura torna obrigatório a todos os hospitais da rede pública, realizar, gratuitamente o teste PSA com indicação de exame de elucidação diagnóstica para todo homem, com idade igual ou superior a 40 anos.

“À medida que o homem vai envelhecendo, a incidência dessa doença vai aumentando. Quanto mais cedo essa doença atinge o indivíduo, mais grave ela será. Quanto mais tarde se fizer o diagnóstico, mais difícil será a cura. Nos Estados Unidos, é o câncer mais diagnosticado em homens e a segunda causa principal de todas as mortes por câncer. No Brasil, apesar das estatísticas não serem muito confiáveis, o câncer de próstata é apontado como a principal causa de todas as mortes por câncer em homens”, justifica ainda o deputado Vivaldo.

Dois outros projetos foram aprovados. Um de iniciativa do deputado Coronel Azevedo (PSC), que Institui a Política de Atendimento Multidisciplinar Acolhedor e Terapêutico para Mulheres que sofreram Mastectomia e fazem Quimioterapia e Radioterapia em Virtude do Câncer. O outro, de autoria da deputada Eudiane Macedo (Republicanos) que dispõe sobre a obrigatoriedade de afixação de cartaz informativo em estabelecimentos de saúde que menciona.

Um projeto de iniciativa do Governo do Estado que dispõe sobre o Conselho Estadual de Saúde, teve pedido de vista solicitado pelo deputado Galeno Torquato.

A Comissão também aprovou dois ofícios. Um encaminhado pela Fundação de Apoio à Pesquisa do Rio Grande do Norte e outro do Governo do Estado sobre o Plano de Contingência Estadual para Infecção Humana pelo novo Coronavírus.

Participaram da reunião os deputados Getúlio Rêgo (DEM), Dr. Bernardo (MDB), Vivaldo Costa, Galeno Torquato e Cristiane Dantas (SDD).

Fonte: Política em Foco
Continuar lendo REALIZAÇÃO DE EXAME PSA GRATUITO NA REDE PÚBLICA PARA HOMENS É APROVADO PELA COMISSÃO DE SAÚDE DA ASSEMBLÉIA LEGISLATIVA DO RN

DEFENSORIA PÚBLICA E MPRN ENTRAM NA JUSTIÇA PEDINDO QUE O GOVERNO AUTORIZE VOLTA ÀS AULAS PRESENCIAS NO ESTADO

Defensoria Pública e MPRN pedem na Justiça que Estado autorize retomada imediata de aulas presenciais na rede estadual de ensino

27 maio 2021

MPRN e Defensoria pedem retomada imediata de aulas presenciais na rede estadual de ensino

A Defensoria Pública do Estado do Rio Grande do Norte (DPE/RN) e o Ministério Público do Rio Grande do Norte (MPRN) e a entraram com pedido junto à Justiça potiguar para que o Governo do Estado autorize a retomada imediata das aulas presenciais em toda a rede estadual de ensino. Essas aulas devem ser de forma híbrida, gradual e facultativa nos Municípios em que não vigorem decretos restritivos de funcionamento das atividades escolares presenciais, tendo em vista que, no Decreto nº 30.596/2021, a restrição alcançou apenas os Municípios da Região Oeste.

A Defensoria Pública e o Ministério Público pedem a intimação pessoal da governadora do Estado e do secretário de Educação para, no prazo de 48 horas, instituam por ato normativo específico o Plano de Retomada Gradual das Atividades Presenciais da Rede Estadual do Rio Grande do Norte. A partir da data da publicação desse ato normativo, o Governo do Estado deve dar início às fases e estágios estabelecidos no Plano de Retomada, operacionalizando a sua implementação e observância do cumprimento dos Protocolos Gerais de Biossegurança para a Retomada Gradual das Atividades Escolares no Sistema Estadual de Ensino do RN.

O documento foi protocolado junto à 2ª vara da Fazenda Pública nesta terça-feira (25). No dia 21 de maio passado, a Defensoria Pública e o MPRN buscaram, mais uma vez, a resolução consensual da demanda em audiência extrajudicial com a Secretaria da Educação e com a Procuradoria do Estado. Nessa reunião, o secretário de Educação afirmou que ainda não existia calendário de retomada das aulas presenciais na rede estadual de ensino por não ter sido possível iniciar no dia 24 de maio deste ano a vacinação dos professores da educação básica.

No documento, a DPE/RN e o MPRN destacam que o plano de vacinação dos trabalhadores da Secretaria de Educação, inserto no Plano de Retomada Gradual das Atividades Presenciais da Rede Estadual de Ensino do Rio Grande do Norte, não é condicionante para o início das atividades presenciais, de forma híbrida e gradual, na rede estadual de ensino e não integra as obrigações pactuadas no termo de acordo firmado judicialmente, bem como que existe decisão judicial em ação civil pública que determina a observância da ordem dos grupos prioritários na forma prevista no Plano Nacional de Imunização.

A Defensoria e o MPRN também ressaltaram que “o fato do Estado do Rio Grande do Norte possuir competência concorrente para o estabelecimento de medidas restritivas para prevenção, controle e enfrentamento da Covid-19 não lhe autoriza, sem respaldo técnico, científico e epidemiológico, manter suspensas as aulas presenciais apenas para rede estadual de ensino, não se afigurando legítima e consentânea com os princípios constitucionais o tratamento diferenciado entre as redes de ensino”.

Como não houve consenso na reunião ocorrida no dia 21 de maio passado, a Defensoria Pública e o MPRN decidiram pedir o cumprimento dessa obrigação prevista no termo de acordo extrajudicial homologado judicialmente como forma de se resguardar o direito fundamental à educação dos mais de 220 mil alunos matriculados na rede estadual de ensino do Estado do Rio Grande do Norte.

Fonte: Política em Foco
Continuar lendo DEFENSORIA PÚBLICA E MPRN ENTRAM NA JUSTIÇA PEDINDO QUE O GOVERNO AUTORIZE VOLTA ÀS AULAS PRESENCIAS NO ESTADO

COMEÇAM NESTA QUARTA-FEIRA (19) AS MATRÍCULAS NA REDE MUNICIPAL PARA O ANO LETIVO DE 2021

Matrículas da Rede Municipal de Ensino começam nesta quarta para ano letivo de 2021

19 maio 2021

Matrículas na rede municipal de Jaboatão para ano letivo de 2021 começam nesta segunda-feira (11) - Folha PE

O calendário oficial da Rede Municipal de Ensino para o ano letivo de 2021 define o início das matrículas para esta quarta-feira (19) e seguem até o dia 25 de junho, para os estudantes da Educação Infantil (creche e pré-escola) e do Ensino Fundamental (Anos Iniciais e Finais e da Educação de Jovens e Adultos – EJA). O ano letivo de 2020 se encerra neste primeiro semestre de 2021.

Organizado pelo Setor de Normas e Organização Escolar, do Departamento de Gestão Escolar da Secretaria Municipal de Educação de Natal, o calendário de matrículas 2021 segue um cronograma dividido, entre renovação da matrícula de estudantes da Rede; encaminhamento de alunos para outra unidade de ensino ou transferências; solicitação de matrícula dos novatos; sorteio das vagas para a etapa de creche e efetivação da matrícula na unidade de ensino.

Matrícula antecipada
A primeira etapa, que ocorre de 19 a 25 de maio, vai priorizar os estudantes com deficiência, transtornos do espectro autista e altas habilidades ou superdotação. Os novatos devem solicitar a vaga, por meio do Sistema de Matrícula on-line, no endereço eletrônico: https://natal.rn.gov.br/sme/matriculaonline/index.php . A matrícula deve ser realizada pelo responsável ou pelo próprio estudante, se maior de idade, que deverá estar de posse de todos os documentos necessários ao preenchimento completo e correto das informações solicitadas.

O aluno que informar ser estudante com deficiência, transtorno do espectro autista e altas habilidades ou superdotação, terá sua vaga concedida na rede municipal, entretanto deverá comprovar por meio de documentação a deficiência, transtorno, as altas habilidades informadas na inscrição.

Esse período (19 a 25 de maio) também é destinado para a renovação da matrícula dos estudantes com deficiência que já integram a Rede Municipal, ou para os casos de encaminhamento para outra unidade e transferências. Já no período de 27 de maio a 07 de junho, os pais ou responsáveis devem procurar a unidade de ensino, portando todos os documentos necessários para a efetivação da matrícula dos estudantes desta etapa.

Matrícula geral
De 08 a 14 de junho, ocorrerá a solicitação de matrícula dos estudantes novatos para Educação Infantil (crianças com 06 meses a 05 anos e 11 meses) e do Ensino Fundamental (1º ao 9º ano e EJA). O processo de solicitação de vaga de estudantes novos também vai acontecer pelo Sistema de Matrícula on-line (https://natal.rn.gov.br/sme/matriculaonline/index.php) Enquanto que o sorteio das vagas disponíveis para a etapa de creche (crianças de 06 meses a 03 anos e 11 meses) será realizado no dia 17 de junho. A efetivação da matrícula desses estudantes ocorrerá no período de 17 a 25 de junho.

Segundo a chefe do Setor de Normas e Organização Escolar da SME, Danielly Kelly de Oliveira, após a publicação do resultado das vagas concedidas, no Sistema de Matrícula on-line, o estudante deverá comparecer à unidade de ensino no prazo de sete dias úteis para a efetivação da matrícula e apresentação da documentação. “Caso a matrícula não seja efetivada dentro do prazo, a solicitação será cancelada e a vaga disponibilizada à comunidade”, disse.

De acordo com o documento de orientações das matrículas, o Sistema estará disponível para solicitação de vagas a partir das 10h; o estudante poderá escolher até três opções, seja por turno de funcionamento ou unidade de ensino; na impossibilidade de acesso dos responsáveis à internet, as unidades de ensino deverão realizar a solicitação de matrícula para os estudantes, cumprindo os protocolos sanitários de controle da pandemia da Covid-19 e em casos de dúvidas entrar em contato pelo email: matriculasmenatal@gmail.com ou pelo telefone (84) 3232-5139.

Documentação 
Certidão de Nascimento ou Casamento; CPF do estudante e do responsável; comprovante de residência; laudo, parecer, relatório médico ou de outro profissional da saúde que comprove a deficiência ou a alta habilidade do estudante e telefones para contato.

Fonte: Política em Foco
Continuar lendo COMEÇAM NESTA QUARTA-FEIRA (19) AS MATRÍCULAS NA REDE MUNICIPAL PARA O ANO LETIVO DE 2021

SISTEMA DE COMUNICAÇÃO DA MAIOR REDE DE DISTRIBUIÇÃO DE OLEODUTO DOS EUA VOLTA A CAIR

Sistema de empresa de oleoduto nos EUA volta a cair

Dias após o ciberataque que afetou a distribuição de combustível em várias regiões, empresa teve problemas novamente

INTERNACIONAL

 Da EFE

Ciberataque na semana passada comprometeu a distribuição de combustíveis nos EUA

JEMAL COUNTESS / POOL VIA EFE – EPA – 14.5.2021

O sistema de comunicação dos oleodutos da Colonial Pipeline, a maior rede de distribuição dos Estados Unidos, caiu nesta terça-feira (18), dias após a empresa ter retomado as operações, passado o ciberataque que causou uma crise de abastecimento no país.

A companhia descartou no Twitter que o novo problema esteja relacionado com o ciberataque sofrido no dia 7 de maio, que a obrigou a interromper o fluxo de combustível durante seis dias.

A Colonial Pipeline, sediada no estado da Geórgia, explicou que o servidor interno que gerencia o sistema de comunicação registrou “interrupções intermitentes” nesta terça-feira, devido aos esforços de fortalecimento que estão sendo realizados no processo de restauração.

O sistema afetado é o que conecta os fornecedores de combustível com o oleoduto e vice-versa, o que impede o planejamento das entregas.

Ataque cibernético descartado

A empresa foi alvo de um ciberataque com ransomware, como é conhecido o sequestro de dados em troca de um resgate, sob a ameaça de divulgá-los. O presidente dos EUA, Joe Biden, responsabilizou hackers que operam na Rússia, mas disse que o governo russo não está por trás do ataque.

De acordo com a empresa, os problemas desta terça-feira não estão vinculados a um ransomware e nem houve novos ciberataques. A Colonial Pipeline declarou que trabalha “com diligência” para que o sistema de comunicação volte a funcionar.

Além disso, a empresa disse que continua a distribuir produtos refinados através do oleoduto, como planejado com os seus agentes de abastecimento.

A Colonial Pipeline opera uma rede de oleodutos com 5.500 milhas (cerca de 8.851 quilômetros) e transporta 45% do abastecimento de combustível no leste dos Estados Unidos.

Embora a situação tenha melhorado desde a semana passada, ainda há falta de combustível em muitas bombas de gasolina no sul e no leste do país.

Fonte: R7
Continuar lendo SISTEMA DE COMUNICAÇÃO DA MAIOR REDE DE DISTRIBUIÇÃO DE OLEODUTO DOS EUA VOLTA A CAIR

PROFISSIONAIS DE EDUCAÇÃO DA REDE PÚBLICA DO RN SÃO PRIOZADOS PELO GOVERNO PARA VACINAÇÃO, AO CONTRÁRIO DOS DAS REDES PRIVADAS

Governo do Estado prioriza vacinação de profissionais de educação da rede pública; rede privada ficará para depois

Foto: Sandro Menezes

A Comisão Intergestores Bipartite-CIB aprovou a prioridade de vacinação de profissionais da educação da rede pública. Aqueles que atuam na rede privada ficarão para depois. A comissão é formada pela Secretaria Saúde Pública-RN, a Sesap e o COSEMS-RN (Conselho de Secretarias Municipais de Saúde do RN).

Pela proposta, serão utilizadas 12.355 doses da reserva técnica do Estado, considerando as fases D1 e D2, da vacina Oxford/Astrazeneca.  A previsão da Secretaria Estadual de Saúde (Sesap) é de que a vacinação seja iniciada na segunda-feira, 24 de maio.

Segundo o governo, “inicialmente terão prioridade os trabalhadores da educação da rede pública municipal e estadual, compreendendo professores e professoras que atuam em sala de aula, seguindo o escalonamento por idade de forma decrescente. Posteriormente serão contempladas as demais categorias laborais que exercem atividades nas dependências das unidades escolares públicas, tais como merendeira, pessoal administrativo, porteiros e ASG. Na etapa seguinte serão imunizados os trabalhadores da rede privada.”

Entre as justificativas para priorizar a vacinação dos trabalhadores e trabalhadoras da educação da rede pública está “a dificuldade da rede de avançar nas ações do ensino EAD (Ensino a Distância)”, segundo a deliberação da Comisão Intergestores Bipartite-CIB.

Mas a pergunta que fica no ar e que não quer calar é:

A vida do professor e demais profissionais que atuam na rede pública de ensino vale mais do que a daqueles que trabalham na rede privada

Fonte: Blog do BG

Continuar lendo PROFISSIONAIS DE EDUCAÇÃO DA REDE PÚBLICA DO RN SÃO PRIOZADOS PELO GOVERNO PARA VACINAÇÃO, AO CONTRÁRIO DOS DAS REDES PRIVADAS

O LAIS RECOMENDA A RETOMADA DAS ATIVIDADES ESCOLARES DE FORMA HÍBRIDA NA REDE PÚBLICA DO ESTADO DO RN

Relatório do LAIS recomenda retorno no ensino público no RN

LAIS (HUOL) - LAIS (HUOL) updated their profile picture.

A retomada das atividades escolares da rede pública de ensino, em todo o estado, de forma híbrida. Essa é uma das sete recomendações constantes no mais recente relatório elaborado pelos pesquisadores do Laboratório de Inovação Tecnológica e Saúde (LAIS/UFRN).

O documento, elaborado pelos pesquisadores Carlos Alberto P. de Oliveira, Fernando Lucas de Oliveira Farias, Juciano Lacerda, Higor Morais, Ion de Andrade, Leonardo J. Galvão de Lima, Nícolas Veras, Ricardo Valentim, Ricardo Arrais e Rodrigo Silva, faz uma análise do cenário pandêmico no RN, após o feriado da Semana Santa.

O relatório recomenda também que as escolas devem estar estruturadas segundo protocolos estabelecidos pelas
autoridades sanitárias estaduais e locais, iniciativa a ser adotada tanto para a rede pública quanto a rede privada.

Fonte: Blog do BG

Continuar lendo O LAIS RECOMENDA A RETOMADA DAS ATIVIDADES ESCOLARES DE FORMA HÍBRIDA NA REDE PÚBLICA DO ESTADO DO RN

FACULDADE DE NATAL OFERECE OFICINA DE CAPACITAÇÃO PARA PROFESSORES E ALUNOS DA REDE PÚBLICA QUE ENFRENTAM DIFICULDADES COM USO DE TECNOLOGIA NO ENSINO REMOTO

A Faculdade de Natal oferece oficinas de capacitação para professores auxiliares com tecnologias do ensino remoto

Redação / Portal da Tropical

 – Atualizado em: 

Foto: Divulgação

Com o objetivo de auxiliar a comunidade ao seu redor, a Estácio Zona Norte oferece oficinas de capacitação para professores e alunos da rede pública que enfrentando as dificuldades com o uso de tecnologias no ensino remoto. Por meio do projeto de extensão Capacita Edu, uma coordenadora do curso de Pedagogia, Bruna Braga, junto aos alunos da instituição, realização palestras e monitorias em escolas selecionadas.

“Embora agora alguns professores já selecionados mais habituados para realizar a aula remota, há quem ainda tenha dificuldades para lidar com recursos adicionais e complementares ao ensino à distância. Ouço muitos relatos de professores que não estavam preparados para uma mudança tão repentina e que ainda precisa se atualizar ”, explica Bruna, que já oferece palestras sobre o assunto antes da realização do projeto.

Dentre as oficinas, o projeto Capacita Edu trabalha temas como segurança da informação nas mídias digitais, softwares on-line gratuitos como Google Classroom, Google Forms, Canva, redes sociais e a criação de podcasts para fins educativos.

A pedagoga, que também é mestre em Inovação em Tecnologias Educacionais, acredita que após a pandemia, a utilização desses recursos on-line vai permanecer no retorno ao ensino presencial. “É algo que já vinha sendo adotado por outras áreas no mercado de trabalho, mas a educação ainda caminhava a passos lentos. Com o cenário da pandemia e a obrigatoriedade das aulas remotas, não havia mais como evitar essa prática ”, explica.

Bruna relata que as alternativas tecnológicas fazem com que as aulas se tornem mais dinâmicas, oferecendo metodologias de ensino em que o aluno é protagonista do processo e o professor um mediador. “Muitos professores relatam que os alunos sabem mais do que eles quanto a essas tecnologias, porque são todos nativos digitais – já nascem familiarizados com a internet, mas não há problema nenhum nisso. Porque não é que a tecnologia vai substituir o professor, ela vai auxiliar no processo de aprendizagem e o professor precisa estar atualizado, porque é ele que tem o olhar pedagógico ”, afirma.

Inicialmente, as oficinas serão realizadas pela professora, alunos de Pedagogia e outros cursos de licenciaturas em três escolas: uma em Extremoz, na região metropolitana, e duas na zona Norte de Natal. Entretanto, outras escolas públicas em receber as formações devem entrar em contato através do Instagram do projeto (@capacitaedu) ou pelo telefone 9 8705-2573.

Continuar lendo FACULDADE DE NATAL OFERECE OFICINA DE CAPACITAÇÃO PARA PROFESSORES E ALUNOS DA REDE PÚBLICA QUE ENFRENTAM DIFICULDADES COM USO DE TECNOLOGIA NO ENSINO REMOTO

1.336 PROFESSORES SERÃO CONVOCADOS PELO GOVERNO DO RN PARA REDE ESTADUAL DE ENSINO

Governo convoca 1.336 professores para a rede estadual de ensino

31 dez 2020

Governo convoca 1.336 professores para a rede estadual de ensino - Tribuna de Noticias

“Neste momento, vemos como o Governo está comprometido com a Educação do Rio Grande do Norte”. A frase é da governadora Fátima Bezerra e refere-se à convocação de novos 1.336 educadores para a rede pública estadual de ensino, em uma solenidade nesta quarta-feira (30), no auditório da Governadoria, em Natal. A lista com todos os profissionais convocados será publicada na edição ordinária desta quinta-feira (31), do Diário Oficial do Estado (DOE).

Do total de profissionais que serão nomeados amanhã, 593 serão efetivos e 743 temporários. Os professores temporários substituirão educadores afastados por motivo de doença, como, por exemplo, aqueles acometidos pela COVID-19, licença para estudo e nos casos em que o professor titular assume função de direção, deixando a vaga em sala de aula.

A governadora expressou claramente sua vontade de convocar muitos outros professores para compor o quadro de docentes do Estado. Mas, o desejo esbarra em impedimentos legais. “Não é falta de vontade, nem de prioridade, mas, infelizmente a legislação não nos permite”, pontuou.

O secretário de Educação e Cultura do RN, Getúlio Marques, disse que “ainda não conseguimos levar a nossa educação aonde queríamos. Mas, este será nosso desafio em 2021”. Getúlio também falou sobre a importância de valorização dos professores. “Sem professores não chegamos a lugar nenhum”.

“É um desafio imenso para nós avançarmos no campo da educação; ainda mais enfrentando uma crise sanitária, a maior deste século”, frisou a governadora, professora Fátima Bezerra. Porém, após um entendimento com o Ministério Público, a chefe do Executivo estadual anunciou que o calendário letivo de 2021 está previsto para iniciar em 1º de fevereiro de 2021.

A governadora ainda adiantou que, até o fim de janeiro do próximo ano, o governo pretende anunciar um grande investimento na área da Educação. Serão mais de R$ 260 milhões em áreas como a Educação de Jovens e Adultos (EJA), 12 novos centros de formação técnica, entre outros.

Fonte: Política em Foco
Continuar lendo 1.336 PROFESSORES SERÃO CONVOCADOS PELO GOVERNO DO RN PARA REDE ESTADUAL DE ENSINO

Fim do conteúdo

Não há mais páginas para carregar