UTILIDADE PÚBLICA: SERÁ REALIZADA EM NATAL NESTE DOMINGO (11) A MARCHA DA FAMÍLIA CRISTÃO PELA LIBERDADE

Marcha da Família Cristã pela liberdade acontece neste domingo em Natal

Foto: Divulgação

Marcha da Família Cristã pela Liberdade será realizada em Natal neste domingo Com apoio de quase 60 agrupamentos conservadores. O evento acontecerá neste domingo em mais de cinco países

A Marcha da Família Cristã pela Liberdade será realizada neste domingo 11 em vários países, entre eles, Alemanha, Estados Unidos, Portugal, Israel e Brasil.

Em Natal, o evento está marcado para as 9h00 com concentração na frente do Midway Mall, localizado no cruzamento das avenidas Salgado Filho e Bernardo Vieira.

Com valores alicerçados nos conceitos de Deus, Família e Liberdade, a Marcha reúne mais de 60 entidades conservadoras de todo o país.

No Brasil, o evento está confirmado em todas as capitais e os organizadores garantem o cumprimento de todos os protocolos de saúde e segurança preconizados pelo Ministério da Saúde.

Continuar lendo UTILIDADE PÚBLICA: SERÁ REALIZADA EM NATAL NESTE DOMINGO (11) A MARCHA DA FAMÍLIA CRISTÃO PELA LIBERDADE

SERÁ REALIZADO ENTRE OS DIAS 15 E 19 DE MARÇO O MUTIRÃO VIRTUAL DO CONSUMIDOR PELA DEFENSORIA PÚBLICA DO RN

Defensoria Pública do RN realiza mutirão virtual do consumidor entre os dias 15 e 19 de março

12 mar 2021

Defensoria Pública do RN realiza mutirão virtual do consumidor entre os dias 15 e 19 de março - Tribuna de Noticias

A Defensoria Pública do Estado do Rio Grande do Norte (DPE/RN) irá realizar um mutirão de atendimento virtual para demandas do consumidor. A ação irá acontecer entre os dias 15 e 19 de março, das 8h às 14h, em alusão ao Dia Nacional do Consumidor, celebrado no dia 15 de março. O mutirão será realizado através da Central de Whatsapp da DPE/RN pelo telefone 84 99814.1118, selecionando a opção “Mutirão do Consumidor”.

Durante o período, o Núcleo de Defesa do Consumidor irá reforçar a atuação na Central de Whatsapp com vistas a prestar orientação jurídica aos consumidores. Os casos que demandem atuação judicial ou extrajudicial serão encaminhados para abertura da demanda. Os defensores e defensoras poderão atuar, por exemplo, em casos de relações de consumo envolvendo financeiras e planos de saúde.

Fonte: Política em Foco
Continuar lendo SERÁ REALIZADO ENTRE OS DIAS 15 E 19 DE MARÇO O MUTIRÃO VIRTUAL DO CONSUMIDOR PELA DEFENSORIA PÚBLICA DO RN

DONALD TRUMP E JOE BIDEN TROCAM ACUSAÇÕES, EM PRIMEIRO DEBATE TENSO EM OHIO

 

Em 1º debate tenso, Donald Trump e Joe Biden trocam acusações

Falta de propostas e ofensas entre os candidatos à presidência dos EUA ditaram o ritmo do encontro realizado na Universidade de Cleveland, em Ohio

INTERNACIONAL

Do R7

Trump e Biden irão se enfrentar em mais dois debates

Brian Snyder/REUTERS/29-09-2020

O primeiro debate entre os candidatos à presidência dos Estados Unidos realizado nesta terça-feira (29) foi marcado pela troca de acusações entre Donald Trump (Republicano) e Joe Biden (Democrata). Durante uma hora e meia, os adversários discutiram sobre o combate ao coronavírus, saúde pública, economia, conflitos étnicos e o processo eleitoral.

No começo do debate, questionado pelo mediador Chris Wallace sobre a indicação de Amy Coney Barrett para a Suprema Corte, Donald Trump elogiou a juíza e afirmou que tem o direito de indicar um novo nome já que ainda tem mais três meses de mandato. Joe Biden disse que a indicação deveria ser feita pelo próximo presidente e que teme que Amy Barrett contribua para o fim do programa Obamacare, que amplia o serviço de saúde pública e é contestado pelo Partido Republicano. Após essa declaração, os dois candidatos tiveram forte discussão sobre a questão de saúde pública e tiveram que ser interrompidos pelo mediador.

Em relação à pandemia do novo coronavírus, Trump defendeu a sua gestão, voltou a acusar a China de espalhar o vírus e afirmou que tomou a atitude certa de fechar as fronteiras, mesmo sendo acusado de xenófobo pelos democratas. Segundo Donald Trump, se ele não tivesse fechado as fronteiras, os EUA teriam dois milhões de mortos. Joe Biden acusou Trump de não ter um plano para proteger as pessoas e as empresas, que o presidente sabia da gravidade da situação desde fevereiro, mas não tomou nenhuma atitude.

Trump também defendeu a reabertura da economia, a volta às aulas e acusou governadores democratas de fecharem a economia em seus Estados por interesse político. Biden disse que é preciso ter um protocolo de segurança sanitária para que os pequenos empresários possam voltar a trabalhar e lembrou da declaração de Trump pedindo que as pessoas ingerissem água sanitária para evitar a contaminação.

PAGAMENTO DE IMPOSTOS

Questionado sobre a reportagem do jornal The New York Times que o acusa de ter pago apenas 750 dólares em impostos no ano de 2016, Trump rebateu a publicação e afirmou que pagou milhões em impostos nos últimos anos. Biden disse que o presidente paga menos impostos do que um professor norte-americano e afirmou que irá mudar a tributação nos EUA para favorecer os mais pobres.

QUESTÃO RACIAL

Um dos temas mais quentes do debate foi a situação das minorias étnicas e os protestos no país após a morte de pessoas negras. Biden acusou Trump de ser racista, disse que é preciso ter igualdade e justiça social para diminuir a tensão nos EUA. Segundo o candidato democrata, há um desequilíbrio na sociedade norte-americana no tratamento aos negros e minorias étnicas e relembrou a defesa do presidente a supremacistas brancos em 2017. Trump disse que Biden já deu declarações contra os negros, que é o republicano mais avaliado pela comunidade negra e acusou o adversário de não defender a lei e a ordem por ter medo de perder o apoio da extrema-esquerda. Ainda dentro deste bloco, Trump também atacou a família do democrata ao acusar um dos filhos de Biden de ter sido expulso do exército pelo uso de drogas.

MUDANÇAS CLIMÁTICAS

Os incêndios florestais que têm atingido Estados da Costa Oeste também foram tema do debate. Trump afirmou que seu governo tem feito um trabalho ‘fenomenal’ na questão climática, mas que não pode destruir as empresas do país. Segundo o presidente, o Acordo de Paris foi um desastre para os Estados Unidos. Trump disse que tem um projeto de plantar um bilhão de árvores e que é preciso ter uma gestão melhor nas florestas dos EUA. Biden afirmou que é possível criar empregos e diminuir a emissão de poluentes ao mesmo tempo. O candidato democrata afirmou que as florestas tropicais no Brasil estão sendo destruídas e que os EUA deveriam ajudar no combate ao desmatamento com um pacote de 20 bilhões de dólares.

ELEIÇÕES

O último ponto do debate foi sobre o processo eleitoral e a polêmica votação pelo correio. Joe Biden pediu que as pessoas votem, disse que é preciso ter medidas de segurança sanitária para os eleitores que quiseram votar presencialmente e que não há evidências de que o voto por correio possa ser fraudado. O democrata também acusou o adversário de não aceitar o resultado da eleição caso seja derrotado e afirmou que se preocupa com a possibilidade da eleição parar na Suprema Corte. Trump voltou a contestar o sistema eleitoral, disse que a votação por correio será um desastre, que haverá manipulação na contagem e criticou o fato dos votos serem apurados até o dia 10 de novembro, uma semana após a eleição. De acordo com o Trump, há três dias foram encontradas cédulas de votação no lixo.

PRÓXIMOS ENCONTROS

Donald Trump e Joe Biden irão se encontrar em mais dois debates nas próximas semanas: no dia 15 de outubro, em Miami, na Flórida, e em 22 de outubro, na cidade de Nashville, no Tennessee. No dia de 7 outubro haverá um debate entre os candidatos a vice Mike Pence (Republicano) e Kamala Harris (Democrata) em Salt Lake City, em Utah.

Fonte: R7

 

Continuar lendo DONALD TRUMP E JOE BIDEN TROCAM ACUSAÇÕES, EM PRIMEIRO DEBATE TENSO EM OHIO

Fim do conteúdo

Não há mais páginas para carregar