DEPOIS DE QUASE TRÊS MESES DE ESTABILIDADE NO BRASIL TAXA DE TRANSMISSÃO DO CORONAVÍRUS VOLTOU A CRESCER NO PAÍS

Taxa de positividade para Covid-19 aumenta 18 pontos percentuais em 30 dias, diz Abramed

Último boletim InfoGripe da Fiocruz mostra que aproximadamente 48% dos registros de Síndrome Respiratória Aguda Grave (SRAG) foram decorrentes do coronavírus

Nathalie Hanna Alpaca

da CNN*

no Rio de Janeiro

Breno Esaki/Agência Saúde DF

Depois de quase três meses de estabilidade, a taxa de transmissão do novo coronavírus voltou a indicar um novo crescimento da doença no país. Uma pesquisa realizada pela Associação Brasileira de Medicina Diagnóstica (Abramed), instituição que representa os laboratórios de diagnóstico, mostra que a taxa de positividade aumentou de 10,2% para 28,8% em apenas 30 dias.

De acordo com o Boletim InfoGripe, da Fundação Oswaldo Cruz (Fiocruz), divulgado na quinta-feira (26), aproximadamente 48% dos registros de Síndrome Respiratória Aguda Grave (SRAG) foram decorrentes da doença. Além disso, 84% das mortes por SRAG também estão relacionadas ao coronavírus.

Apesar dos números serem referentes a um período de sete dias, o coordenador do InfoGripe, Marcelo Gomes, ressalta que essa tendência já vem se repetindo há algum tempo. “Essa propensão vem sendo observada desde a semana epidemiológica de 24 a 30 de abril”, explica, acrescentando que “a estimativa é de 6 mil casos de SRAG na semana epidemiológica de 15 a 21 de maio”.

“Na população adulta, a média móvel de casos semanais teve um aumento de cerca de 82% na comparação com o observado no começo de abril. Nas crianças, o vírus sincicial respiratório (VSR) continua sendo predominante. Nas demais, a Covid-19 é a principal causa entre os casos com identificação laboratorial”, ressalta.

O coordenador do boletim observa que há diversos fatores que auxiliaram no crescimento dos casos, entre eles o relaxamento com o uso de máscara, a falta de adesão à dose de reforço pela população adulta e o período desde o último pico da Covid-19, que ocorreu entre dezembro e janeiro.

“O relaxamento quase que total em relação aos cuidados, como uso de máscara, já tinha levado a esse aumento de SRAG por outros vírus respiratórios em crianças nos meses de fevereiro e março, por conta do retorno às aulas presenciais. Ao mesmo tempo, vimos que as pessoas pensavam que não era necessário ter nenhum cuidado, então tudo isso influencia”, diz.

“Adultos sem dose de reforço e o último pico do coronavírus, que ocorreu já faz 4 meses, fazem com que a imunidade já não esteja tão boa. A dose de reforço foi implementada porque os dados mostraram o quanto ela era importante, especialmente frente à variante Ômicron. É como a vacina anual da gripe, que não chamamos de reforço, mas é basicamente a mesma lógica”, diz o pesquisador.

“Não é dizer que deveríamos ter mantido todas as medidas durante todo esse tempo, mas ao menos usar máscara no transporte público, em lugares fechados ou com muita gente, especialmente no ambiente escolar”, completa.

O presidente da Sociedade Brasileira de Infectologia (SBI), Alberto Chebabo, afirma que o aumento nos casos de SRAG no período de inverno é normal, mas destaca que necessidade de vigilância para possível aumento no número de casos em comparação aos dois últimos anos.

“O aumento de casos já era esperado e a expectativa é que os casos aumentem mais nos próximos meses por conta do inverno. É natural que tenha após quatro meses da onda anterior. Associado a isso, estamos entrando no período de sazonalidade nas SRAG, que tem um aumento todos os anos, antes mesmo da Covid. A única questão que temos que observar é se o número de casos será superior ao período pré-pandemia, o que pode ser um alarde”, aponta o presidente da SBI.

Vacinação no Brasil

O Ministério da Saúde informou à CNN que mais de 83% da população se vacinou com a primeira dose e 76,7% com a segunda dose ou dose única.

De acordo com a pasta, o governo federal já distribuiu mais de 487,7 milhões de doses de vacina contra a Covid-19 e cerca de 48 milhões de pessoas estão aptas a receber a dose de reforço. O ministério também recomenda aos estados e municípios que façam a busca ativa da população para completar o esquema vacinal contra a Covid-19.

Chebabo também chama atenção para a cobertura vacinal da dose de reforço, que está baixa para o público brasileiro. Segundo ele, é esperado que tenha um aumento no número de casos de Covid-19, mas se as pessoas não se imunizarem, é possível que os casos se tornem graves.

“O que se sabe é que a subvariante que está crescendo é a BA.2. A vacinação da dose de reforço não está suficiente, o ideal é que chegue a 70% a 80% para que as pessoas não percam a proteção e que não aumentem os casos graves por falta de vacinação”, completa.

Fonte: CNN

Continuar lendo DEPOIS DE QUASE TRÊS MESES DE ESTABILIDADE NO BRASIL TAXA DE TRANSMISSÃO DO CORONAVÍRUS VOLTOU A CRESCER NO PAÍS

SAÚDE: DADOS ATUALIZADOS DO CORONAVÍRUS NO RN

RN não registra óbitos por Covid-19 nas últimas 24h; Novos casos são 84

A Secretaria Estadual de Saúde Pública (Sesap) atualizou os números do coronavírus nesta quinta-feira (26). São 505.133 casos totalizados. Novos casos nas últimas 24h são 84.

Com relação aos óbitos no Rio Grande do Norte, são 8.199. Óbitos em investigação são 1.422.

Recuperados são 496.234. Casos suspeitos somam 601 e descartados são 954.408. Estimativa de casos em acompanhamento: 700.

Continuar lendo SAÚDE: DADOS ATUALIZADOS DO CORONAVÍRUS NO RN

DADOS ATUALIZADOS DO CORONAVÍRUS NO RN

RN registra dois óbitos por Covid-19 nas últimas 24h; Novos casos são 10

A Secretaria Estadual de Saúde Pública (Sesap) atualizou os números do coronavírus nesta segunda-feira (23). São 504.587 casos totalizados. Novos casos nas últimas 24h são 10.

Com relação aos óbitos no Rio Grande do Norte, são 8.199. Dois óbitos registrados nas últimas 24h. (Angicos e Mossoró) Óbitos em investigação são 1.420.

Recuperados são 495.858. Casos suspeitos somam 245 e descartados são 953.080. Estimativa de casos em acompanhamento: 530.

Fonte: Blog do BG
Continuar lendo DADOS ATUALIZADOS DO CORONAVÍRUS NO RN

DADOS ATUALIZADOS DO CORONAVÍRUS NO RN

RN não registra óbitos por Covid-19; Novos casos são 78

 

A Secretaria Estadual de Saúde Pública (Sesap) atualizou os números do coronavírus neste sábado (21). São 504.552 casos totalizados. Novos casos nas últimas 24h são 78.

Com relação aos óbitos no Rio Grande do Norte, são 8.197. Nenhum óbito registrado nas últimas 24h. Óbitos em investigação são 1.419.

Recuperados são 495.722. Casos suspeitos somam 394 e descartados são 952.597. Estimativa de casos em acompanhamento: 583.

Fonte: Blog do BG
Continuar lendo DADOS ATUALIZADOS DO CORONAVÍRUS NO RN

DADOS ATUALIZADOS DO CORONAVÍRUS NO RN

Por g1 RN

 

Leitos vazios — Foto: DivulgaçãoLeitos vazios — Foto: Divulgação

O Rio Grande do Norte alcançou neste sábado (14) a marca de 30 dias sem nenhuma nova morte confirmada por Covid-19, segundo dados da Secretaria Estadual de Saúde Pública (Sesap).

Ao todo, desde o primeiro caso em março de 2020, o estado contabilizou 8.196 vidas perdidas para a doença. Ainda há 1.406 óbitos suspeitos.

A Sesap atribui a redução das mortes ao avanço da vacinação da população. No grupo acima dos 60 anos, por exemplo, a cobertura vacinal do estado atingiu toda a população estimada com as duas doses e está em 90% para a dose de reforço.

“Com o avanço da vacinação conseguimos uma melhora gradativa, tanto na transmissão como nos casos de internação, sendo a maioria dos internados ainda sem seu esquema vacinal completo. Reforçamos a importância da vacina em todos os públicos para continuarmos num cenário confortável e esperançoso”, afirma o secretário Cipriano Maia.

Atualmente, o estado tem 2.959.606 pessoas vacinadas com a primeira dose, o que representa 93% da população. Com a segunda dose, são 2.669.722, totalizando 84%. Com a terceira dose. 1.535.563, ou 48% da população.

Ao todo, 7,2 milhões de doses foram aplicadas em todos os municípios potiguares.

Ao longo da pandemia, a rede pública de saúde chegou a abrir 840 leitos de UTI e clínicos nos momentos mais críticos.

Neste sábado (14), a plataforma RegulaRN apontou 67 leitos de UTI reservados para pacientes acometidos pela Covid-19, sendo onze ocupados. Ainda estavam disponíveis 88 leitos clínicos, com apenas cinco pacientes internados.

Continuar lendo DADOS ATUALIZADOS DO CORONAVÍRUS NO RN

DADOS ATUALIZADOS DO CORONAVÍRUS NO RN

RN não registra mortes por Covid-19 há 30 dias

Redação/Portal da Tropical

Atualizado em:

Foto: Agência Brasil

O Rio Grande do Norte não registra mortes por Covid-19 há 30 dias, de acordo com o boletim epidemi divulgado neste sábado (14) pela Secretaria de Estado e Saúde Pública (Sesap). Segundo a faixa etária, o se dá por conta do avanço da massa principalmente todas as faixas etárias No grupo dos 60 anos, por exemplo, a proteção vacinal atingiu toda a população estimada com duas doses e está em 90% para uma dose de reforço acima.

Neste sábado, a plataforma RegulaRN aponta que 67 leitos de UTI reservados para pacientes acometidos pela Covid-19, onze estão ocupados. Já dos 88 leitos clínicos disoníveis, cinco estão com pacientes internos.

Ao longo da pandemia, o Rio Grande do Norte chegou a abrir 84 leitos de UTI e clínicos nos momentos mais críticos.

“Com o avanço planejador dos processos planejados uma concepção completa e gradativa na transmissão como nos processos ainda sem sua força”, sendo a maioria em todos os processos planejados e completos esperaso num número”, sendo a maioria em todos os processos planejados e completos para prosseguirmos. afirma o secretário do Estado da Saúde Pública, Cipriano Maia.

Atualmente o RN conta com 2.959.606 pessoas vacinadas com a primeira dose, o que representa 93% da população. Com a segunda dose são 2.669.722, totalizando 84%. Com a terceira dose são 1.535.563, 48% da população. Ao todo, 7.23.122 doses foram aplicadas em todos os municípios

Desde o início da pandemia, o Rio Grande do Norte registrou 504.270 casos confirmados e 8.196 óbitos.

Continuar lendo DADOS ATUALIZADOS DO CORONAVÍRUS NO RN

DADOS ATUALIZADOS DO CORONAVÍRUS NO RN

RN completa 27 dias seguidos sem óbitos por Covid; novos casos são 84

A Secretaria Estadual de Saúde Pública (Sesap) atualizou os números do coronavírus nesta quarta-feira (11). São 503.957 casos totalizados. Foram registrados 84 novos casos nas últimas 24h.

Com relação aos óbitos no Rio Grande do Norte, são 8.196. Nenhum óbito registrado nas últimas 24h, pelo 27º dia seguido. Óbitos em investigação são 1.405.

Recuperados são 495.230. Casos suspeitos somam 324 e descartados são 950.361. Estimativa de casos em acompanhamento: 531.

Continuar lendo DADOS ATUALIZADOS DO CORONAVÍRUS NO RN

DEVIDO O REGISTRO DE ALUNOS CONTAMINADOS PELO CORONAVÍRUS ESCOLAS DE SÃO PAULO VOLTAM A EXIGIR O USO DE MÁSCARAS

Alta de casos de Covid faz escolas de SP suspenderem aulas e exigirem máscara

Capital paulista registrou 5,6% de aumento de infectados nos últimos três dias, segundo a Secretaria Municipal de Saúde

Paulo Favero,

do Estadão Conteúdo

Atividades escolares durante a pandemia de Covid-19 na cidade de Jundiaí (SP)Atividades escolares durante a pandemia de Covid-19 na cidade de Jundiaí (SP)Pedro Amora/Prefeitura de Jundiaí

As infecções de Covid-19 vinham em queda no Brasil, mas o índice de testes positivos em farmácias e laboratórios dá sinais de uma nova alta da circulação do vírus no país. Segundo a Fundação Oswaldo Cruz (Fiocruz) e outros especialistas, há risco de novas ondas, mas a chance de agravamento é menor, por causa das elevadas taxas de vacinação. Em São Paulo, escolas já registram outra vez grupos de alunos contaminados e voltam a exigir máscaras diante do novo cenário.

Entre os motivos, estão o menor uso de máscaras, que deixou de ser obrigatório na maioria dos locais, e o retorno dos eventos sociais, como festas de aniversário e confraternizações. A capital paulista, diz a Secretaria Municipal de Saúde, registrou 5,6% de aumento de infectados nos últimos três dias –considerando um cenário de baixa testagem. Esta subida também reflete efeitos das aglomerações e deslocamentos nos feriados de Semana Santa e Tiradentes, quando houve um Carnaval fora de época na cidade.

No Gracinha, que fica no Itaim Bibi, na zona sul de São Paulo, o diretor Wagner Borja explicou que as atividades chegaram a ser suspensas no ensino médio e a concentração de casos nesta faixa etária parece estar relacionada às festas realizadas aos fins de semana. “Tivemos um aumento de casos em meados de abril, chegamos a suspender as atividades presenciais por três dias, antes do feriado da Páscoa. Retomamos a obrigatoriedade do uso de máscaras em sala. Após essas medidas, houve um retorno para o patamar anterior”, explicou.

Já o Colégio Equipe, em Higienópolis, na região central, também precisou suspender alguns grupos por causa de casos de Covid. “Temos observado aumento no número de casos”, diz a diretora Luciana Fevorini. “O uso de máscara continua sendo obrigatório. Ainda mantivemos o distanciamento e bolhas controladas de estudantes”, acrescenta.

Na Grande São Paulo, o Colégio Stocco, de Santo André, diz oferecer suporte para que docentes e alunos impossibilitados de ir por causa da Covid possam ter acesso remoto aos conteúdos e às produções realizadas em sala de aula. Recentemente apenas um aluno se contaminou e precisou fazer aula online em sua casa. “A máscara não é mais obrigatória, mas boa parte da comunidade escolar prefere continuar utilizando-a. Outras ações de higiene tornaram-se habituais e continuam sendo fortalecidas, tais como o uso de álcool em gel e lavagem permanente das mãos”, afirma a direção. “As enfermeiras do colégio estão sempre atentas a qualquer sintoma que possa inspirar cuidados e as famílias são imediatamente contatadas, a fim de que possam tomar providências e realizar o exame para descartar Covid e comunicar ao colégio.”

O Colégio Agostiniano Mendel, no Tatuapé, na zona leste, não verificou crescimento de casos entre os alunos, mas mesmo assim atualizou seus protocolos com base nas orientações da equipe médica do Hospital Israelita Albert Einstein. A escola chegou a ter uma semana com nenhum caso positivo e, no momento, tem três.

Em abril, o Mendel promoveu campanha de vacinação contra gripe em parceria com uma clínica que ofereceu descontos para os alunos. Outra estratégia do colégio tem sido escalonar os horários de entrada, intervalo e saída, para evitar aglomerações.

Já o Santa Cruz, tradicional escola em Alto de Pinheiros, na zona oeste, informou que não houve alteração dos protocolos nas últimas semanas, pois o número de casos se mantém em níveis baixos. “Quanto aos cuidados em relação às síndromes respiratórias graves, a escola vacinou educadores e seus dependentes contra a gripe e recomendou que famílias e alunos sejam vacinados também.”

Continuar lendo DEVIDO O REGISTRO DE ALUNOS CONTAMINADOS PELO CORONAVÍRUS ESCOLAS DE SÃO PAULO VOLTAM A EXIGIR O USO DE MÁSCARAS

DADOS ATUALIZADOS DO CORONAVÍRUS NO RN

RN chega ao 20º dia seguido sem óbitos por Covid; novos casos são 26

A Secretaria Estadual de Saúde Pública (Sesap) atualizou os números do coronavírus nesta quarta-feira (4). São 503.504 casos totalizados .Foram registrados 26 novos casos nas últimas 24h.

Com relação aos óbitos no Rio Grande do Norte, são 8.175. Nenhum óbito registrado nas últimas 24h, pelo 20º dia seguido. Óbitos em investigação são 1.461.

Recuperados são 494.536. Casos suspeitos somam 414 e descartados são 947.931. Estimativa de casos em acompanhamento: 793.

Fonte: Blog do BG

Continuar lendo DADOS ATUALIZADOS DO CORONAVÍRUS NO RN

DESENVOLVIMENTO ESPIRITUAL: MANTER-SE CONSCIENTE EM FACE A ADVERSIDADE

Cantinho de Francisco de Assis: Eckhart Tolle sobre o coronavirus ...

CORONAVÍRUS E OS TEMPOS QUE VIVEMOS

Você inevitavelmente encontrará adversidades na vida, seja no nível pessoal ou – como estamos experimentando agora – no nível coletivo. Se você não se aprofundou o suficiente, se não encontrou nada além da mente pensante conceitual, então a adversidade, qualquer que seja (neste caso, sabemos o que é), irá devastá-lo. E mesmo se você não adoecer ou contrair o vírus, o medo o consumirá, como está consumindo milhões de humanos atualmente.Se você soubesse quem/aquilo que você é, saberia que não há nada a temer. Somente se você não conhece o seu ser, o medo surge. Torne-se consciente do seu ser, não o eu conceitual, não a sua história pessoal, mas tome consciência de si mesmo como presença consciente. Pensar não o ajuda. Pensar é um obstáculo. Portanto, vá mais fundo do que o pensamento e fique completamente desperto e presente, sem atividade mental.

Esse é o começo da realização de sua essência eterna. É uma dimensão mais profunda da consciência, mais do que aquela com a qual você normalmente se identifica. Encontre essa base inabalável que está profundamente dentro de você, dentro de todos.

A adversidade é uma oportunidade maravilhosa, porque força você a ir mais fundo. A vida se torna quase insuportável quando você vive apenas na superfície das percepções sensoriais e na sua mente conceitual, e então você ouve as notícias e lê todo tipo de coisa, e todos estão num estado de medo – devido a uma casa construída na areia.

E este é um convite para despertar para quem você é, porque se não o fizer, sofrerá desnecessariamente. 

Milhões estão num estado de ansiedade. Mas use isso como uma chance de despertar. É uma oportunidade de chegar a essa realização de que você é muito mais profundo do que conhecia antes. Você deve prestar mais atenção à sua própria consciência do que aos noticiários ou a seja lá o que for que você ouça e assista.

Use este tempo precioso, faz parte do despertar da humanidade. Os seres humanos não despertam na sua zona de conforto, eles despertam quando são retirados de sua zona de conforto, quando não aguentam mais o sofrimento ou a infelicidade.

Sinta a vitalidade, tome consciência daquela presença que é inseparável de quem você é. Essa é uma realização incrível! Há mais sobre você do que a pessoa! Essa presença é mais profunda que a pessoa. Você precisa da adversidade para encontrá-la ou aprofundar a realização.

Há um ditado que diz: ‘Quando o ego chora pelo que perdeu, o espírito se alegra com o que encontrou.’

O que parece ruim e muito negativo na superfície, como um obstáculo ao bem-estar da humanidade do ponto de vista convencional, tem uma função essencial. Portanto, este é um momento de grandes oportunidades. Use-o. Não o desperdice. Não se perca na mente. Não se perca no medo. Esteja enraizado nesta rocha que é a sua identidade essencial.

~ Eckhart Tolle

Compartilhe com Ética mantendo todos os créditos
Formatação – DE CORAÇÃO A CORAÇÃO
https://www.decoracaoacoracao.blog.br/
https://lecocq.wordpress.com
Instagram – @blogdecoracaoacoracao
Informações e Agendamentos para Mesa Quântica Estelar e Frequência de Cura Arco Iris – lecocqmuller@gmail.com
https://www.facebook.com/Eckhart-Tolle-em-portugu%C3%AAs-260587007451687/

LUZ!
STELA

Continuar lendo DESENVOLVIMENTO ESPIRITUAL: MANTER-SE CONSCIENTE EM FACE A ADVERSIDADE

DADOS ATUALIZADOS DO CORONAVÍRUS NO RN

RN não registra óbito por Covid nas últimas 24hs; Novos casos são 181

COVID-19: o que é, sintomas, transmissão, prevenção - Biologia Net

A Secretaria Estadual de Saúde Pública (Sesap) atualizou os números do coronavírus nesta terça-feira (19). São 502.170 casos totalizados. Na segunda-feira (18) eram contabilizados 501.919, ou seja, 251 novos casos em comparação com o dia anterior, destes, 181 confirmados nas últimas 24 horas.

Com relação aos óbitos no Rio Grande do Norte, são 8.168. Nenhum óbito registrado nas últimas 24h.

A Sesap não registrou óbitos após resultados de exames laboratoriais de dias ou semanas anteriores. Óbitos em investigação são 1.465.

Recuperados são 490.968. Casos suspeitos somam 401 e descartados são 942.910. Estimativa de casos em acompanhamento: 3.035.

Fonte: Blog do BG

Continuar lendo DADOS ATUALIZADOS DO CORONAVÍRUS NO RN

ANVISA AVISOU QUE VAI REVISAR ALGUMAS MEDIDAS SANITÁRIAS DEVIDO O FIM DO ESTADO DE EMERGÊNCIA DO CORONAVÍRUS

Anvisa defende vacina e uso de máscaras, após decisão do governo de acabar com emergência do coronavírus

Como muitas resoluções estavam em vigor devido à emergência do coronavírus, a agência inicia agora um pente fino para saber o que irá continua

Basília Rodrigues

da CNN

Brasília

Profissional de saúde prepara dose de vacina contra Covid-19Profissional de saúde prepara dose de vacina contra Covid-19Michele Tantussi/Reuters

A Agência Nacional de Vigilância Sanitária (Anvisa) informou nesta segunda-feira (18) que vai revisar algumas medidas sanitárias, devido ao fim do estado de emergência do coronavírus. Mas manteve firme a defesa pela continuidade da vacinação e do uso de máscaras, pelo menos, em lugares de aglomeração.

Como muitas resoluções da Anvisa estavam em vigor devido à emergência do coronavírus, a agência inicia agora um pente fino para saber o que irá continuar. Exemplo disso são as medidas que tratam do uso emergencial de medicamentos e vacinas. Atualmente, a Coronavac é a única vacina em uso no país que ainda possui registro emergencial.

Na semana passada, o Ministério da Saúde pediu à Anvisa que prorrogue a vigência das normas emergenciais por um ano, a contar do momento que acabar o estado de Emergência de Saúde Pública de Importância Nacional. A prorrogação do prazo de vigência das normas ainda depende de aprovação da Diretoria Colegiada da Anvisa e, se passar, deve permitir que vacinas e medicamentos em uso emergencial continuem em uso por um ano.

“A Anvisa destaca que a vacinação contra Covid-19 deve continuar em andamento e que a dose de reforço deve ser aplicada nos públicos indicados”, afirma a Anvisa em nota. “Cada pessoa deve continuar atenta às medidas de higienização das mãos e uso de máscara em ambientes de maior risco, com aglomerações”.

A Anvisa também demonstrou preocupação com o surgimento de novas variantes. “É necessário também que a vigilância epidemiológica sobre a doença continue por meio dos programas de testagem e mapeamento genômico do vírus em circulação no Brasil. A medida é necessária diante da possibilidade de surgimento de novas variantes”.

“Vale ressaltar que, apesar dos avanços alcançados no Brasil, muitos países ainda continuam em estado de pandemia e com índices de vacinação ainda baixos, necessitando imunizar suas populações”, afirma.

Continuar lendo ANVISA AVISOU QUE VAI REVISAR ALGUMAS MEDIDAS SANITÁRIAS DEVIDO O FIM DO ESTADO DE EMERGÊNCIA DO CORONAVÍRUS

DADOS ATUALIZADOS DO CORONAVÍRUS NO RN

Por Igor Jácome, g1 RN

 

Leitos de UTI no RN Rio Grande do Norte — Foto: Divulgação Leitos de UTI no RN Rio Grande do Norte — Foto: Divulgação

O Rio Grande do Norte completou 10 dias sem registrar nenhuma nova morte por Covid-19, nesta segunda-feira (11). A informação foi confirmada ao g1 RN pela Secretaria Estadual de Saúde Pública (Sesap).

O último boletim que registra uma morte confirmada no período de 24 horas anteriores foi do dia 1º de abril, em Parelhas. Esse é o único óbito notificado dentro do mês de abril, de acordo com o governo.

No boletim lançado no final da manhã desta segunda (11), a pasta apontou mais um período de 24 horas sem notificações de novas mortes.

O estado teve 8.153 óbitos causados pela doença desde o início da pandemia, em março de 2020, segundo o boletim mais atualizado.

Embora haja uma diferença de 33 óbitos entre os dados oficiais do dia 1º de abril e os desta segunda (11), a Sesap afirmou que as mortes incluídas no total de óbitos ocorreram 2021 e que só foram confirmadas posteriormente.

“Os óbitos registrados neste período em boletim são referentes ao ano de 2021, identificados a partir de apurações conduzidas pelo Comitê de Investigação de Óbitos da Sesap”, disse em nota.

O estado também registra a menor taxa de ocupação de leitos, com 9,2% das UTIs com casos confirmados ou suspeitos de Covid-19. Atualmente a rede dispõe de 89 leitos de UTI e 107 leitos clínicos.

Continuar lendo DADOS ATUALIZADOS DO CORONAVÍRUS NO RN

DADOS ATUALIZADOS DO CORONAVÍRUS NO RN

RN não registra óbito por Covid nas últimas 24h; Novos casos são 377

RN registra 1.970 novos casos de Covid nas últimas 24 horas; veja boletim | Rio Grande do Norte | G1

A Secretaria Estadual de Saúde Pública (Sesap) atualizou os números do coronavírus nesta sexta-feira (8). São 499.986 casos totalizados. Na quinta-feira (6) eram contabilizados 499.500, ou seja, 486 novos casos em comparação com o dia anterior, destes, 377 confirmados nas últimas 24 horas.

Com relação aos óbitos no Rio Grande do Norte, são 8.153. Nenhum óbito registrado nas últimas 24 horas. A Sesap não registrou óbitos após resultados de exames laboratoriais de dias ou semanas anteriores. Óbitos em investigação são 1.490.

Recuperados são 487.634. Casos suspeitos somam 505 e descartados são 938.322. Estimativa de casos em acompanhamento: 4.199.

Fonte: Blog do BG

Continuar lendo DADOS ATUALIZADOS DO CORONAVÍRUS NO RN

DADOS ATUALIZADOS DO CORONAVÍRUS NO RN

RN registra 1 óbito por covid nas últimas 24 horas; Novos casos são 58

A Secretaria Estadual de Saúde Pública (Sesap) atualizou os números do coronavírus nesta segunda-feira (28). São 495.822 casos totalizados. No domingo (27) eram contabilizados 495.749, ou seja, 73 novos casos em comparação com o dia anterior, destes, 58 confirmados nas últimas 24 horas.

Com relação aos óbitos no Rio Grande do Norte, são 8.120. Um (01) óbito foi registrado nas últimas 24 horas (em Areia Branca). No domingo (27), eram 8.119 mortes. A Sesap não registrou óbitos após resultados de exames laboratoriais de dias ou semanas anteriores. Óbitos em investigação são 1.587.

Recuperados são 483.529. Casos suspeitos somam 557 e descartados são 929.519. Estimativa de casos em acompanhamento: 4.173.

Continuar lendo DADOS ATUALIZADOS DO CORONAVÍRUS NO RN

DADOS ATUALIZADOS DO CORONAVÍRUS NO RN

Por g1 RN

 

RN completa quatro dias sem internação por Covid-19 — Foto: Ariel DantasRN completa quatro dias sem internação por Covid-19 — Foto: Ariel Dantas

O Rio Grande do Norte chegou nesta quinta-feira (24) ao quarto dia consecutivo sem registro de internamento de pacientes com Covid-19.

Os dados são do Regula RN, plataforma de regularização de leitos clínicos e críticos do SUS, em todo território potiguar.

Na manhã desta sexta (25) o Rio Grande do Norte registrava taxa de ocupação de leitos críticos de Covid de 7,9%, com 10 pessoas internadas com a doença.

Outros 15 leitos de UTI Covid-19 eram ocupados por pessoas sem a doença. Segundo o governo, esses pacientes não são contabilizados para a taxa.

Durante toda a pandemia o Rio Grande do Norte registrou 494.656 casos e Covid-19, sendo 351 nas últimas 24 horas. Ao todo, o estado registrou 8.116 mortes por Covid.

Continuar lendo DADOS ATUALIZADOS DO CORONAVÍRUS NO RN

DADOS ATUALIZADOS DO CORONAVÍRUS NO RN

Por g1 RN — Natal

 

Ocupação de leitos para Covid é a menor desde o início da pandemia no RN — Foto: DivulgaçãoOcupação de leitos para Covid é a menor desde o início da pandemia no RN — Foto: Divulgação

O Rio Grande do Norte chegou nesta segunda-feira (21) ao quinto dia consecutivo sem registro de morte por Covid-19. Os dados são do governo do estado e indicam uma diminuição expressiva dos reflexos da pandemia no sistema de saúde pública.

Segundo a Secretaria de Estado da Saúde Pública (Sesap), também houve o registro do menor patamar de internação desde maio de 2020.

O sistema Regula RN apontava na manhã desta segunda-feira 29 pessoas internadas com suspeita ou confirmação de Covid, sendo 15 em leitos críticos e 14 em leitos clínicos.

O menor número de internados em UTIs da rede pública havia sido registrado em maio de 2020, quando 34 pessoas ocupavam leitos desse tipo.

Continuar lendo DADOS ATUALIZADOS DO CORONAVÍRUS NO RN

DADOS ATUALIZADOS DO CORONAVÍRUS NO RN

RN não registra óbito por covid nas últimas 24 horas; Novos casos são 304

Covid-19: veja boletim da Prefeitura de Uberaba de 18/03/2022; cidade não registra nenhuma morte | Triângulo Mineiro | G1

A Secretaria Estadual de Saúde Pública (Sesap) atualizou os números do coronavírus nesta sexta-feira (18). São 491.177 casos totalizados. Na quinta-feira (17) eram contabilizados 489.517, ou seja, 1.066 novos casos em comparação com o dia anterior, destes, 304 foram confirmados nas últimas 24 horas.

Com relação aos óbitos no Rio Grande do Norte, são 8.111 no total. Nenhum óbito foi registrado nas últimas 24 horas no RN. Na quinta-feira (17), eram 8.111 mortes.  Óbitos em investigação são 1.572.

Recuperados são 478.268. Casos suspeitos somam 479 e descartados são 923.067. Estimativa de casos em acompanhamento: 4.798.

Fonte: Blog do BG

Continuar lendo DADOS ATUALIZADOS DO CORONAVÍRUS NO RN

DADOS ATUALIZADOS DO CORONAVÍRUS NO RN

RN registra 1 óbito por covid nas últimas 24 horas; Novos casos são 62

Covid-19: Amapá registra duas mortes e 4 novos casos conhecidos da doença; óbitos somam 2.118 | Amapá | G1

A Secretaria Estadual de Saúde Pública (Sesap) atualizou os números do coronavírus neste domingo (13). São 484.832 casos totalizados. No sábado (12) eram contabilizados 484.761, ou seja, 71 novos casos em comparação com o dia anterior, destes, 62 confirmados nas últimas 24 horas.

Com relação aos óbitos no Rio Grande do Norte, são 8.097 no total. Um (01) óbito foi registrado nas últimas 24 horas no RN (em Mossoró). No sábado (12), eram 8.094 mortes. A Sesap registrou outros dois óbitos após resultados de exames laboratoriais de dias ou semanas anteriores. Óbitos em investigação são 1.573.

Recuperados são 472.322. Casos suspeitos somam 918 e descartados são 916.221. Estimativa de casos em acompanhamento: 4.413.

Fonte: Blog do BG

Continuar lendo DADOS ATUALIZADOS DO CORONAVÍRUS NO RN

ENTRETENIMENTO: GAME DA VACINA É LANÇADO NO RN

Por g1 RN

 

Game da vacina lançado no RN1 — Foto: ReproduçãoGame da vacina lançado no RN1 — Foto: Reprodução

O Game da Vacina já é sucesso entre os telespectadores do RN1 e agora também está disponível na internet. CLIQUE AQUI PARA JOGAR.

O jogo traz personagens que representam as cidades do Rio Grande do Norte. O personagem da cidade escolhida “ataca” o coronavírus com doses de vacina. Quanto mais coronavírus destruir, mais fases o jogador avança. A princípio, o game tem 24 municípios disponíveis.

O Game da Vacina foi desenvolvido pelo editor de imagens da Inter TV Alisson Lima e lançado no RN1.

De acordo com a editora-chefe do telejornal, Diana Barreto, a ideia é conscientizar as pessoas da importância da vacinação através da diversão.

“Quando começou a vacinação das crianças a gente pensou em incentivar essa imunização de uma forma lúdica e aí surgiu o Game da Vacina”, explicou.

O jogo pode ser acessado por computador, tablet ou celular através do navegador.

Continuar lendo ENTRETENIMENTO: GAME DA VACINA É LANÇADO NO RN

DADOS ATUALIZADOS DO CORONAVÍRUS NO RN

RN confirma mais 510 casos e duas mortes por covid-19 em 24 horas; ocupação de leitos é de 24%

Redação/Portal da Tropical

 – Atualizado em: 

Foto: Breno Esaki/Agência Saúde

O Rio Grande do Norte registrou nas últimas 24 horas mais 510 casos confirmados e duas mortes provocadas pela doença. Os números foram divulgados pela Secretaria de Estado da Saúde Pública (Sesap-RN), em boletim epidemiológico nesta quarta-feira (09).

Os óbitos foram registrados em Natal e em Alto do Rodrigues. Ao todo, 8.079 pessoas já perderam suas vidas para a doença, desde o início da pandemia, há dois anos.

Segundo a secretaria, ainda são considerados 1.571 óbitos como suspeitos e outros 1.115 já foram descartados para a covid-19. Os dados suspeitos seguem em análise pelas equipes da saúde do estado.

Em relação às confirmações, já são 482.421 casos confirmados no Rio Grande do Norte. De acordo com a Sesap, 701 são considerados suspeitos e 912.486 foram descartados. Além disso, o estado tem 468.593 casos recuperados e 5.749 em acompanhamento.

A plataforma Regula RN mostrava, às 16h05 desta quarta-feira (09), que o estado tinha 24,8% dos leitos críticos ocupados com pacientes em tratamento da covid-19. Na Região Metropolitana de Natal, a ocupação era de 31,6%. No Oeste Potiguar, estava em 17,6%. No Seridó, apenas 13,3% dos leitos estavam sendo utilizados.

Fonte: Portal da Tropical _ Notícias

Continuar lendo DADOS ATUALIZADOS DO CORONAVÍRUS NO RN

DADOS ATUALIZADOS DO CORORNAVÍRUS NO RN

RN completa três dias sem registrar mortes por covid-19

Redação/Portal da Tropical

Atualizado em:

Foto: Breno Esaki/Agência Saúde

O Rio Grande do Norte não tem mortes por covid-19 há três dias. A informação foi confirmada no boletim epidemiológico divulgado pela Secretaria de Estado da Saúde Pública (Sesap-RN), nesta quarta-feira (02).

Ao todo, segundo o boletim da secretaria, 8.054 pessoas morreram por causa da doença no estado. Ainda são 1.558 óbitos considerados suspeitos e outros 1.115 descartados para covid-19.

Nas últimas 24 horas, a Sesap confirmou 51 novos casos da doença no estado. O acumulado desde o início da pandemia é de 477.954. O boletim aponta 682 casos suspeitos e 906.169 casos descartados.

Ainda segundo os dados da secretaria de Saúde, o Rio Grande do Norte tem 459.767 casos recuperados e 10.133 pacientes em acompanhamento.

Com taxa de ocupação de leitos críticos em 30%, nesta quarta-feira (02), o estado reduziu em cerca de 86% as solicitações por leitos críticos de covid-19 em um mês.

 

Continuar lendo DADOS ATUALIZADOS DO CORORNAVÍRUS NO RN

DADOS ATUALIZADOS DO CORONAVÍRUS NO RN

Com 33,1% dos leitos ocupados, RN não registra mortes por covid-19 nas últimas 24 horas

Redação/Portal da Tropical

– Atualizado em:

Foto: Wilson Moreno/Prefeitura Municipal de Mossoró

O Rio Grande do Norte não registrou mortes por covid-19 nas últimas 24 horas. O número de casos no período foi de 208. Os dados estão no boletim epidemiológico divulgado pela Secretaria de Estado da Saúde Pública (Sesap-RN), nesta segunda-feira de carnaval.

Segundo o documento, o RN 477.672 casos e 8.050 óbitos provocados pela doença. Os casos suspeitos são 1.435 e os descartados somam 905.555. Além disso, são considerados 457.605 casos recuperados e 12.017 pacientes em acompanhamento.

Ainda em relação às mortes, a secretaria indica que são 1.558 óbitos em investigação e 1.114 que já tiveram uma relação com a covid-19 descartada.

O número baixo nos dados das últimas 24 horas pode ser justificado pelo feriadão de carnaval. Tradicionalmente, os dados são mais inferiores às segundas-feiras.

De acordo com o Regula RN, 33,1% dos leitos críticos para o tratamento da covid-19 estavam ocupados por volta das 12h30 desta segunda-feira. Na Região Metropolitana de Natal, a taxa era a maior, com 36,6%. No Oeste, o índice era de 30,4%. No Seridó, de apenas 20%.

Fonte: Portal da Tropical _ Notícias

Continuar lendo DADOS ATUALIZADOS DO CORONAVÍRUS NO RN

DADOS ATUALIZADOS DO CORONAVÍRUS NO RN

Por g1 RN

 

Cemitério do Bom Pastor, em Natal (Arquivo) — Foto: Ayrton Freire/Inter TV CabugiCemitério do Bom Pastor, em Natal (Arquivo) — Foto: Ayrton Freire/Inter TV Cabugi

O Rio Grande do Norte passou a marca de 8 mil mortes por Covid-19 nesta segunda-feira (21), segundo dados divulgados pela Secretaria Estadual de Saúde Pública. A marca foi registrada 1 ano, 10 meses e 20 dias após o óbito do professor universitário Luiz Di Souza, de 61 anos – o primeiro provocado pela doença no estado.

O estado chegou a 8.002 mortes após a confirmação de quatro óbitos ao longo das últimas 24 horas, entre o domingo (20) e a manhã desta segunda (21). Dois deles foram em Natal, um ocorreu em Parnamirim e outro em Felipe Guerra, segundo a Sesap.

O boletim da pasta também apontou que o estado registrou 469.833 casos confirmados de pessoas infectadas com a da doença ao longo de todo o período da pandemia, sendo 188 novas notificações nas últimas 24 horas.

A marca de 8 mil mortes foi alcançada 217 dias após o estado ter atingido os 7 mil óbitos por covid-19, em 19 de julho de 2021. Esse foi o maior espaço de tempo, desde o início da pandemia do coronavírus, para o estado contabilizar novas mil mortes. A média foi de 4,6 mortes por dia.

O governo e pesquisadores da UFRN atribuem a redução do número de óbitos à vacinação da população do Rio Grande do Norte. Embora o estado tenha atingido a maior taxa de transmissibilidade da doença em janeiro, também registrou a menor mortalidade no período.

O estado havia chegado às 7 mil mortes 54 dias depois de ter atingido os 6 mil óbitos, em 25 de maio de 2021. Quando o estado pulou das primeiras 1 mil mortes registradas, em 30 de junho de 2020, para as 2 mil, em 11 de agosto de 2020, foram 43 dias.

Até então, o maior espaçamento tinha acontecido entre 11 de agosto de 2020 e 3 de janeiro do ano passado, quando se passaram 187 dias para o estado avançar de 2 mil para 3 mil mortes.

Das 3 mil mortes para as 4 mil, houve uma nova aceleração e se passaram 73 dias. Das 4 mil para as 5 mil mortes, foram 29 dias de diferença, o menor tempo. Das 5 mil às 6 mil mortes, se passaram 40 dias.

De acordo com o sistema RN Mais Vacina, usado na administração da imunização da população do Rio Grande do Norte, 90% do público potiguar tomou a primeira dose da vacina contra a Covid-19 e 78% também recebeu a segunda dose. No entanto, apenas 34% procurou os postos de vacinação para ter acesso à dose de reforço.

Continuar lendo DADOS ATUALIZADOS DO CORONAVÍRUS NO RN

DADOS ATUALIZADOS DO CORONAVÍRUS NO RN

RN registra 03 óbitos por covid nas últimas 24 horas; Novos casos são 917

 

A Secretaria Estadual de Saúde Pública (Sesap) atualizou os números do coronavírus nesta sexta-feira (18). São 467.279 casos totalizados. Na quinta-feira (17) eram contabilizados 465.764, ou seja, 1.515 novos casos em comparação com o dia anterior, destes, 917 confirmados nas últimas 24 horas.

Com relação aos óbitos no Rio Grande do Norte, são 7.978 no total. Três óbitos foram registrados nas últimas 24 horas no RN (Natal, Mossoró e Areia Branca). Na quinta-feira (14), eram 7.971 mortes. Óbitos em investigação são 1.542

Recuperados são 435.478. Casos suspeitos somam 2.847 e descartados são 895.024. Estimativa de casos em acompanhamento: 23.823

Fonte: Blog do BG

Continuar lendo DADOS ATUALIZADOS DO CORONAVÍRUS NO RN

DADOS ATUALIZADOS DO CORONAVÍRUS NO RN

RN registra 6 óbitos por covid nas últimas 24 horas; Novos casos são 995

Blog de AssisSecretaria Estadual de Saúde Pública (Sesap) atualizou os números do coronavírus neste domingo (13). São 457.476 casos totalizados. No sábado (12) eram contabilizados 456.349, ou seja, 1.127 novos casos em comparação com o dia anterior, destes, 995 confirmados nas últimas 24 horas.

Com relação aos óbitos no Rio Grande do Norte, são 7.898 no total. Seis (06) óbitos foram registrados nas últimas 24 horas no RN (Lagoa Salgada, Coronel Ezequiel, Brejinho, Mossoró, Currais Novos, Assú). No sábado (12), eram 7.889 mortes. A Sesap registou outros 03 óbitos após resultados de exames laboratoriais de dias ou semanas anteriores. Óbitos em investigação são 1.522.

Recuperados são 419.959. Casos suspeitos somam 5.048 e descartados são 885.866. Estimativa de casos em acompanhamento: 26.619.

Fonte: Blog do BG

Continuar lendo DADOS ATUALIZADOS DO CORONAVÍRUS NO RN

NÚMEROS ATUALIZADOS DO CORONAVÍRUS NO RN

RN registra 06 óbitos por covid nas últimas 24 horas; Número de casos são 1.448

A Secretaria Estadual de Saúde Pública (Sesap) atualizou os números do coronavírus nesta sexta-feira (11). São 453.703 casos totalizados. Na quinta-feira (10), eram contabilizados 450.878 , ou seja, 2.825 novos casos em comparação, destes, 1.448 confirmados nas últimas 24 horas.

Com relação aos óbitos no Rio Grande do Norte, são 7.873 no total. Seis (06) óbitos foram registrados nas últimas 24 horas no RN (Parnamirim, São rafael, Baraúna, Mossoró, Tibau do Sul e Severiano Melo).

Recuperados são 412.601. Casos suspeitos somam5.473 e descartados são 883.313. Estimativa de casos em acompanhamento: 33.229

Fonte: Blog do BG

Continuar lendo NÚMEROS ATUALIZADOS DO CORONAVÍRUS NO RN

DADOS ATUALIZADOS DO CORONAVÍRUS NO RN

Com sistema fora do ar, RN registra apenas três óbitos em 24 horas

Redação/Portal da Tropical

 Atualizado em:

Foto: Célio Duarte/PMM

O Rio Grande do Norte registrou três mortes por covid-19 nas últimas 24 horas. No período, não houve atualização de novos casos. De acordo com a Secretaria de Estado da Saúde Pública (Sesap-RN), os sistemas utilizados estão disponíveis para o ar.

“Hoje, não foi possível a atualização dos casos, pois os sistemas estão disponíveis para o ar. Atualizados apenas os números dos óbitos”, informou a Sesap.

As mortes foram registradas em Natal, Parnamirim e Santo Antônio. Ao todo, o RN já perdeu 7.793 vidas para o coronavírus desde o início da pandemia. A Sesap investiga ainda 1.540 óbitos e já descartou 1.064.

Sem atualização, o estado segue com 440.390 casos confirmados, mesmo número registrado neste sábado (05). Além disso, são casos suspeitos 7.717 suspeitos, 872.095 descartados, 394.268 recuperados e 38.332 em acompanhamento.

Fonte: Portal da Tropical _ Notícias

Continuar lendo DADOS ATUALIZADOS DO CORONAVÍRUS NO RN

OMS DISCUTIU COM A CHINA A NECESSIDADE DE COLABORAÇÃO SOBRE AS ORIGENS DO CORONAVÍRUS

OMS volta a pressionar China para investigar origem do coronavírus

Cobranças para que país aprofunde investigações já estremeceu relação dos chineses com o Ocidente

INTERNACIONAL

 por Reuters

Tedros (foto) se reuniu com o primeiro-ministro chinês

DENIS BALIBOUSE/REUTERS

O chefe da OMS (Organização Mundial da Saúde) disse neste sábado (5) que discutiu com o primeiro-ministro da China, Li Keqiang, a necessidade de uma colaboração mais forte sobre as origens do coronavírus Sars-CoV-2, causador da Covid-19, um assunto de controvérsia que prejudicou as relações de Pequim com o Ocidente.

Tedros Adhanom Ghebreyesus já havia pressionado a China a ser mais aberta com dados e informações relacionadas à origem do vírus.

“Prazer em conhecer o primeiro-ministro Li Keqiang”, tuitou Tedros. “Discutimos a Covid-19 e a necessidade de um esforço agressivo no VaccinEquity este ano para vacinar 70% de todas as populações”, disse ele, referindo-se à campanha da OMS por acesso justo a vacinas em todo o mundo.

“Também discutimos a necessidade de uma colaboração mais forte nas origens do vírus Covid-19, enraizada na ciência e nas evidências”, acrescentou.

A OMS estabeleceu no ano passado o Grupo Consultivo Científico sobre as Origens de Novos Patógenos e pediu à China que forneça dados brutos para ajudar em qualquer nova investigação. A China recusou, citando regras de privacidade do paciente.

A China negou consistentemente as alegações de que o vírus vazou de um laboratório especializado na cidade de Wuhan, onde o Covid-19 foi identificado pela primeira vez no final de 2019.

Um estudo conjunto da China e da OMS publicado no ano passado praticamente descartou a teoria de que o Sars-CoV-2 se originou em um laboratório, dizendo que a hipótese mais provável era que ele infectasse humanos naturalmente, provavelmente através do comércio de animais selvagens.

Em novembro passado, a China afirmou que um relatório de inteligência dos EUA desclassificado dizendo que era plausível que a pandemia tenha se originado em um laboratório não era científico e não tinha credibilidade.

Fonte: R7

Continuar lendo OMS DISCUTIU COM A CHINA A NECESSIDADE DE COLABORAÇÃO SOBRE AS ORIGENS DO CORONAVÍRUS

DADOS ATUALIZADOS DO CORONAVÍRUS NO RN

Por g1 RN

 

Evolução dos casos confirmados e mortes por coronavírus no RN
Dados divulgados pela Secretaria Estadual de Saúde através de comunicados e boletins epidemiológicos
Casos confirmadosCasos

O Rio Grande do Norte registrou 8 mortes por Covid nas últimas 24 horas. Os dados estão no boletim epidemiológico da doença publicado nesta quinta-feira (3) pela Secretaria de Estado da Saúde Pública (Sesap).

Os óbitos aconteceram em: Ouro Branco (1), Natal (1), Parnamirim (1), São Gonçalo do Amarante (1), Umarizal (1), São Miguel (1), Janduís (1) e Angicos(1).

Foram notificados 2.448 novos casos da doença em 24 horas.

No total, o Rio Grande do Norte contabiliza 434.608 casos confirmados de Covid e 7.768 óbitos provocados pelo coronavírus.

Outros 1.526 óbitos estão sob investigação. O RN tem ainda 6.137 casos suspeitos e 868.246 descartados.

Continuar lendo DADOS ATUALIZADOS DO CORONAVÍRUS NO RN

DADOS ATUALIZADOS DO CORONAVÍRUS NO RN

Por g1 RN

 

Evolução dos casos confirmados e mortes por coronavírus no RN
Dados divulgados pela Secretaria Estadual de Saúde através de comunicados e boletins epidemiológicos
Casos confirmadosCasos

O Rio Grande do Norte registrou 14 mortes por Covid nas últimas 24 horas. É o que aponta o boletim epidemiológico da doença publicado nesta quarta-feira (2) pela Secretaria de Estado da Saúde Pública (Sesap).

Os óbitos aconteceram em Patu (1), Pendências (1), Parnamirim (1), Mossoró (3), Natal(5), Ouro Branco (1), Angicos (1) e Caraúbas (1).

Já os casos conhecidos de Covid registrados em 24 horas foram 2.275 novos, de acordo com a pasta.

O número de mortes e casos têm crescido nos últimos dias. Na terça, por exemplo, foram 11 óbitos em 24 horas. Como comparativo, em outubro o estado chegou a ficar seis dias sem registrar vítimas pela doença.

A doença, no entanto, voltou a circular forte após a chegada a variante ômicron no estado. Atualmente, segundo o Laboratório de Inovação Tecnológica em Saúde (Lais), o estado tem a maior taxa de transmissão desde o início da pandemia, mas a menor letalidade baseado no número de pessoas infectadas.

Dados do boletim

O boletim aponta mais 2.504 novos casos conhecidos de Covid – os demais, além dos confirmados nas últimas 24 horas, foram registros somados de casos de dias anteriores.

Da mesma forma, o boletim registrou mais 19 mortes – sendo as 14 nas últimas 24 horas e as demais de dias anteriores que entraram nos dados nesta quarta.

Ao todo, o estado tem, desde o início da pandemia, 431.134 casos conhecidos de Covid e 7.758 mortes.

O estado ainda tem 1.525 óbitos suspeitos de Covid, que podem ser confirmados da doença ou descartados.

Momento atual

O estado atualmente tem o momento de maior transmissibilidade da Covid desde o início da pandemia, mas com a menor taxa de letalidade na proporção do comparativo com a quantidade de contaminados. Os dados foram levantados pelo Laboratório de Inovação Tecnológica em Saúde (Lais) da UFRN.

estado teve um aumento de 603% novos casos conhecidos de Covid em janeiro em comparação com o mês de dezembro. O número de mortes aumentou 78%.

O crescimento de casos também fez crescer o número de internações, fazendo o estado abrir novos leitos clínicos e críticos. Na maior UTI do estado, 95% do pacientes não tem a vacinação completa contra Covid.

Continuar lendo DADOS ATUALIZADOS DO CORONAVÍRUS NO RN

PESQUISADORES DA UFRN REPRESENTAM O BRASIL NA PESQUISA SOBRE O AUMENTO SIGNIFICATIVO DE PESADELOS EM PESSOAS INFECTADAS PELO CORONAVÍRUS

Por g1 RN

 

Pesquisa aponta que pessoas que tiveram covid-19 relataram maior aumento de pesadelos na comparação com quem não se contaminou. — Foto: Getty Images via BBCPesquisa aponta que pessoas que tiveram covid-19 relataram maior aumento de pesadelos na comparação com quem não se contaminou. — Foto: Getty Images via BBC

Pessoas que foram contaminadas com a covid-19 tiveram um “aumento significativo” de pesadelos na comparação com as que não foram diagnosticadas com a doença. Isso é o que aponta o resultado de um estudo internacional que contou com participação de pesquisadores da Universidade Federal do Rio Grande do Norte (UFRN).

Publicado pela revista Nature and Science of Sleep, o artigo cujo título pode ser traduzido “Pesadelos em pessoas com covid-19: o coronavírus infectou nossos sonhos?” foi resultado do trabalho de 22 cientistas vinculados a 26 instituições em 13 países.

O Brasil – único país da América Latina a integrar a pesquisa – foi representado pela UFRN por meio do Departamento de Psicologia, com a estudante de iniciação científica Tainá Macedo, e do Instituto do Cérebro (ICe), com o pós-doutorando Sérgio Arthuro.

De acordo com Arthuro, o trabalho publicado agora foi o primeiro a observar um aumento significativo de pesadelos especificamente nas pessoas infectadas pelo vírus SARS-CoV-2, quando comparadas àquelas que não foram contaminadas.

“Vários artigos já mostraram que tanto o sono como os sonhos se alteraram na pandemia. Com relação ao sono, houve piora na qualidade, aumento de despertares, insônia, etc… com relação aos sonhos, vários trabalhos encontraram um aumento na lembrança dos sonhos. Encontrou-se também aumento de sonhos relacionados a estresse e ansiedade, que podem ter a ver ou não com a pandemia, direta ou indiretamente. No entanto, todos esses trabalhos são relacionados com a pandemia, e não especificamente com as pessoas que pegaram covid”, explicou o pesquisador, responsável pela coleta de dados no Brasil.

No caso da nova pesquisa, foi feita uma comparação entre os participantes que tiveram a doença e aqueles que não foram contaminados.

“Também identificamos que os sintomas de ansiedade, depressão e transtorno de estresse pós-traumático (TEPT) foram maiores nos participantes com covid-19 que nos controles (pessoas que não se contaminaram) e que os escores de qualidade de vida, saúde, e bem-estar foram significativamente maiores nos controles que nos participantes com covid-19. Dessa forma, podemos concluir que nosso trabalho mostra que houve um aumento de pesadelos naqueles que relataram ter tido a doença”, apontou.

Ainda de acordo com o pesquisador, o resultado aponta que quanto mais as pessoas forem afetadas pela covid-19, maior será o impacto na atividade dos sonhos e na qualidade de vida da população.

Continuar lendo PESQUISADORES DA UFRN REPRESENTAM O BRASIL NA PESQUISA SOBRE O AUMENTO SIGNIFICATIVO DE PESADELOS EM PESSOAS INFECTADAS PELO CORONAVÍRUS

DADOS ATUALIZADOS DO CORONAVÍRUS NO RN

Com 71% dos leitos ocupados, RN confirma mais de mil casos da covid-19 em um dia

Redação/Portal da Tropical

 Atualizado em:

Foto: Breno Esaki/Agência Saúde DF

O Rio Grande do Norte registra, neste domingo (30), um aumento de 1.128 novos casos notificados e confirmados da covid-19, elevando para 424.807 o número acumulado de pessoas que já se infectaram pela doença no estado potiguar. Há ainda 7.041 casos suspeitos suspeitos.

Os dados divulgados pela Secretaria de Estado da Saúde Pública (Sesap) também ocorreram que, em um dia, houve aumento de sete mortes causadas pela covid-19. Dessas duas horas acontecerão nas últimas 24 horas nas cidades de Santo Antônio e Ielmo Marinho. Ao todo, o estado potiguar contabiliza 7.703 pessoas que usarão a vida em decorrência do coronavírus. Há ainda 1.515 óbitos em investigação para constatar se a causa tem relação ou não com a doença.

Sobre a situação dos hospitais, uma plataforma Regulamentar RN mostrou que, neste domingo, uma taxa de ocupação geral de leitos críticos está em 71,6%. Especificando por região, esse índice se apresenta da seguinte forma: metropolitana (70,5%), oeste (77,8%) e seridó (60%).

Ainda de acordo com o RegulaRN, esse cenário de ocupação representa um total de 158 pessoas internadas. Desse total, 239 tratam a covid-19, sendo 106 em leitos críticos e 133 em leitos clínicos. Enquanto isso, 85 estão internados tratando de outras patologias, sendo 23 em leitos críticos e 62 em leitos clínicos clínicos.

Fonte: Portal da Tropical _ Notícias

Continuar lendo DADOS ATUALIZADOS DO CORONAVÍRUS NO RN

DADOS ATUALIZADOS DO CORONAVÍRUS NO RN

Por g1 RN

 

Evolução dos casos confirmados e mortes por coronavírus no RN
Dados divulgados pela Secretaria Estadual de Saúde através de comunicados e boletins epidemiológicos
Casos confirmadosCasos

Rio Grande do Norte registrou 386.570 casos confirmados de Covid desde o início da pandemia. A doença provocou a morte de 7.570 pessoas no estado. O boletim epidemiológico da Secretaria de Estado da Saúde Pública (Sesap) desta quarta-feira (29) aponta que outros 1.406 óbitos estão sob investigação.

A Sesap notificou 198 novos casos da doença nas últimas 24 horas. Não houve aumento de mortes em relação ao boletim do dia anterior.

O RN tem ainda 110.598 casos suspeitos e 812.032 casos descartados de Covid.

Atualmente, 98 pessoas estão internadas no RN por causa da Covid-19 – sendo 65 na rede pública e 33 na rede privada (apenas 8 dos 10 hospitais privados atualizaram os dados, de acordo com a Sesap). Com 35 pacientes, a taxa de ocupação dos leitos críticos (semi-intensivo e UTIs) é de 23,4% na rede pública; com 26 internados, a rede privada tem 17% de ocupação.

Números do coronavírus no RN

  • 386.570 casos confirmados
  • 7.570 mortes
  • 110.598 casos suspeitos
  • 812.032 casos descartados

Fonte: G1 RN

Continuar lendo DADOS ATUALIZADOS DO CORONAVÍRUS NO RN

DADODS ATUALIZADOS DO CORONAVÍRUS NO RN

Por g1 RN

 

Evolução dos casos confirmados e mortes por coronavírus no RN
Dados divulgados pela Secretaria Estadual de Saúde através de comunicados e boletins epidemiológicos
Casos confirmadosCasos

Rio Grande do Norte registrou 386.069 casos confirmados de Covid desde o início da pandemia. A doença vitimou 7.566 pessoas no estado. Os dados estão no boletim epidemiológico da Secretaria de Estado da Saúde Pública (Sesap) desta segunda-feira (27). Outros 1.405 óbitos estão sob investigação.

A Sesap notificou seis novos casos da doença nas últimas 24 horas.

O RN tem ainda 187.400 casos suspeitos e 809.532 casos descartados de Covid.

Atualmente, 91 pessoas estão internadas no RN por causa da Covid-19 – sendo 59 na rede pública e 32 na rede privada (apenas 8 dos 10 hospitais privados atualizaram os dados, de acordo com a Sesap). Com 38 pacientes, a taxa de ocupação dos leitos críticos (semi-intensivo e UTIs) é de 25,3% na rede pública; com 23 internados, a rede privada tem 15% de ocupação.

Números do coronavírus no RN

  • 386.069 casos confirmados
  • 7.566 mortes
  • 187.400 casos suspeitos
  • 809.532 casos descartados

Fonte: G1 RN

Continuar lendo DADODS ATUALIZADOS DO CORONAVÍRUS NO RN

BOAS NOTÍCIAS: VACINA CONTRA COVID SEM AGULHA ESTÁ SENDO TESTADA NO REINO UNIDO

O destaque desta terça-feira, aqui na nossa coluna BOAS NOTÍCIAS é a nova vacina da Dios-CoVax que começou a ser testada em humanos no Reino Unido. Para pessoas que têm medo de agulhas é a mais recomendada. Leia o artigo completo a seguir e conheça éssa nova versão de vacina contra a Covid-19.

Vacina contra Covid-19 sem agulha começa a ser testada no Reino Unido

Uma vacina inovadora contra a Covid-19 pode ajudar em breve todas as pessoas que têm medo de agulha. É que a Dios-CoVax começou a ser testada em humanos no Reino Unido.

Sem fazer uso de agulha, o imunizante é aplicado por meio de um jato de ar, que injeta o composto na pele. Além disso, a vacina usa como alvo várias estruturas comuns de coronavírus Beta, e não a proteína spike, que vem sofrendo mutações.

Para os cientistas, a Dios-CoVax é uma resposta promissora para novas variantes do coronavírus e pode proteger contra novas pandemias do vírus.

“A resposta das comunidades científica e médica ao desenvolvimento e à entrega das vacinas tem sido incrível, mas, conforme surgem novas variantes e a imunidade começa a diminuir, precisamos de tecnologias mais novas”, disse Jonathan Heeney, professor da Universidade de Cambridge e responsável pelo desenvolvimento da vacina.

Como funciona a Dios-CoVax

A Dios-CoVax funciona de uma maneira diferente das vacinas convencionais. Enquanto a maioria desses imunizantes usam a sequência do RNA para atingir a proteína spike do coronavírus, a nova tecnologia usa métodos que codificam os antígenos mais amplos, que aparecem em variados tipos de coronavírus. Dessa forma, a proteção é muito maior também.

Sabemos que o coronavírus está em constante mutação. Isso faz com que a própria proteína spike do vírus mude. Para contornar esse problema, a equipe de pesquisadores buscou novos tipos de antígenos, que são os mesmos em coronavírus que ocorrem na natureza, incluindo em animais que os carregam, como morcegos.

Quando aplicada, as células imunológicas do nosso corpo captam o vetor, decodificam o antígeno da vacina e apresentam as informações ao sistema imunológico.

É após esse processo que nosso sistema imunológico passa a produzir anticorpos neutralizantes, que bloqueiam a infecção pelo vírus.

Testes

Os testes estão sendo realizados pelo NIHR Southampton Clinical Research Facility.

Os candidatos são pessoas de 18 a 60 anos, saudáveis e que possam se disponibilizar para serem acompanhadas em um período de 12 meses.

A aplicação é feita através de um aparelho próprio e não causa dor.

Outra vacina também está em desenvolvimento na Carolina do Norte, Estados Unidos. O imunizante é um adesivo produzido a partir de um polímero que tem microagulhas na composição. Quem tem medo de agulhas também vai gostar de saber dessa novidade! Confira a matéria completa aqui no Só Notícia Boa!

Os testes iniciaram no Reino Unido - Foto: reprodução
Os testes iniciaram no Reino Unido – Foto: reprodução

Com informações de Revista Oeste

Fonte: Só Notícia Boa

Continuar lendo BOAS NOTÍCIAS: VACINA CONTRA COVID SEM AGULHA ESTÁ SENDO TESTADA NO REINO UNIDO

DADOS ATUALIZADOS DO CORONAVÍRUS NO RN

Por g1 RN

 

Evolução dos casos confirmados e mortes por coronavírus no RN
Dados divulgados pela Secretaria Estadual de Saúde através de comunicados e boletins epidemiológicos
Casos confirmadosCasos

Rio Grande do Norte registrou 385.166 casos confirmados de Covid desde o início da pandemia. A doença vitimou 7.545 pessoas no estado. Os dados estão no boletim epidemiológico da Secretaria de Estado da Saúde Pública (Sesap) desta segunda-feira (20). Outros 1.383 óbitos estão sob investigação.

A Sesap não notificou nenhum caso da doença nas últimas 24 horas.

O RN tem ainda 189.231 casos suspeitos e 805.754 casos descartados de Covid.

Atualmente, 111 pessoas estão internadas no RN por causa da Covid-19 – sendo 81 na rede pública e 30 na rede privada (apenas 8 dos 10 hospitais privados atualizaram os dados, de acordo com a Sesap). Com 49 pacientes, a taxa de ocupação dos leitos críticos (semi-intensivo e UTIs) é de 30,6% na rede pública; com 18 internados, a rede privada tem 12% de ocupação.

Números do coronavírus no RN

  • 385.166 casos confirmados
  • 7.545 mortes
  • 189.231 casos suspeitos
  • 805.754 casos descartados

Fonte: G1 RN

Continuar lendo DADOS ATUALIZADOS DO CORONAVÍRUS NO RN

DESENVOLVIMENTO ESPIRITUAL: SAIBA COMO SER POSITIVO APESAR DA TRAGÉDIA DA PANDEMIA

O texto a seguir é uma dose cavalar de injeção de ânimo e positividade numa época de tanto sofrimento e dor para toda a humanidade, diante da nova e cruel realidade do coronavírus e da quarentena, que não poupa ninguém, independente de classe social, riqueza, cor, raça, sexo, idade ou religião. Ele foca no lado bom de toda essa tragédia e nos mostra que temos uma imensa oportunidade de transformação, amadurecimento, crescimento e evolução espiritual.

CORONAVÍRUS E QUARENTENA: COMO SER POSITIVO NESTA NOVA REALIDADE

Apesar de toda dor e sofrimento, temos uma grande oportunidade de transformação

Coronavírus e quarentena: como ser positivo nesta nova realidade

 

O mundo em que vivemos não é mais o mesmo e não há nada que possamos fazer para mudar isso. No entanto, me pergunto como posso interagir com esta nova realidade de forma positiva? Apesar de toda dor e sofrimento, digo que nem tudo é tão ruim quanto parece e é possível ser positivo.

Você, por acaso, conhece a expressão idiomática inglesa “Always look on the bright side of life”? Na livre tradução, significa que podemos sempre escolher “ver o lado positivo da vida”. E isso não é ser Poliana.

Reflita:

  • Você já parou para pensar na grande oportunidade que os habitantes da Terra estão tendo de poder respirar um ar mais puro?
  • Já se deu conta como os animais estão felizes por poder circular livremente sem que nós, seres humanos ADULTerados, sigamos interferindo em seu habitat?
  • Já imaginou quando foi que a última geração de chineses pôde observar o céu azul em Pequim?

TEMPO DE TRANSFORMAÇÃO E CRESCIMENTO PESSOAL

Pode parecer um contrassenso, mas sinto que a Terra está feliz em respirar novamente. Percebo que ela nos convida a uma grande transformação para que nós, enquanto corpo da Terra, possamos também respirar neste novo tempo.

Tudo está em transformação – e para melhor, ainda que nós, por hora, não consigamos perceber isso. É assim com tudo o que nos acontece.

Tudo o que chega até nós é para o nosso crescimento pessoal e isso não sou eu quem está dizendo, mas Vishen Lakhiani, fundador da Mindvalley, uma empresa inovadora de educação do nova era.

“Tudo na vida deve ser um veículo para o seu crescimento pessoal!”. É simples assim.

Porém, faço uma importante ressalva. Este ‘crescimento pessoal’ não tem NENHUMA aliança com o Ego, pois, em última instância, como sabiamente nos conta Neale Donald Walsch, autor do best-seller “Conversando com Deus”:

“O propósito da sua vida não é você. O propósito da sua vida são todos aqueles a quem você toca”.

QUAL O PROPÓSITO DA EXISTÊNCIA

Te convido a refletir sobre isso. Te convido a refletir sobre o propósito da existência!

  • Qual será a empresa ou profissional que terá espaço neste novo tempo?
  • Será que são aqueles que só olham para seu próprio umbigo?
  • Ou será que são aqueles que estão genuinamente comprometidos e atentos ao seu semelhante?

Particularmente, acredito que estamos sendo convidados a reconhecer a raça humana enquanto UNIDADE consciencial. Somos um só corpo com o Planeta Terra, assim como demonstrado no filme Avatar.

Essa é a grande transformação a que estamos sendo convidados. Nos reconhecermos como um só corpo e passar a cooperar com o todo. Nosso Planeta está cansado dessa voracidade que a tudo consome.

  • Para que serve isso tudo?
  • Quem seremos nós neste novo mundo?
  • Quem você escolhe ser neste novo tempo?
  • Será que você está pront@ para se despedir do seu antigo eu?

Como nos diz Lakhiani, nesta realidade, somos acometidos por momentos Kensho e momentos Satori, em que Satori implica em crescimento por ideias repentinas e Kensho, crescimento por dor momentânea.

É assim que esta realidade funciona. Estamos sendo convidados a nos despedir amorosamente dela. Sem sofrimento. Sem dor.

Apenas para pontuar, a dualidade não é assim. Ela segrega, divide, intriga.

A coisa é que, para o Ser, tudo é unidade. E dualidade não é unidade, pois a consciência nada exclui. Ela na realidade tudo inclui sem julgamentos. Quando algo é leve pra você. Na total permissão.

Traga com suavidade e expansão para o seu corpo essa escolha natural. Uma escolha totalmente espontânea tal qual uma criança sem traumas. Não há qualquer complicação ou motivo para dúvidas. É simples assim.

VOCÊ ESTÁ PRONTO PARA TRANSFORMAR-SE?

Agora, por favor, levante-se e dê um passo a frente rumo ao seu novo eu. Baixe todas as barreiras e se pergunte:

  • Como será a minha vida daqui cinco anos se eu escolher este novo tempo?
  • Se meu corpo expandir, será leve para atualizar minha própria vida?
  • Como me sinto quanto a essas transformações?

Se você sentir alegria, você está pronto para dar esse passo. Logo, é só escolher conscientemente e entregar para o Universo.

Agora, volte-se para seu antigo eu, sem sair do lugar, e diga a primeira coisa que seu antigo eu precisa reconhecer acerca desse processo de transformação.

Para mim, por exemplo, a palavra que surgiu foi ENTREGA.

Finalizo essa reflexão com duas constatações curiosas. A primeira delas é um texto atribuído ao poeta, jurista e teólogo sufi persa do século XIII, Rumi:

“Quando eu corro atrás do que acho que quero, meus dias se tornam uma fornalha de angústia e ansiedade. Se eu sento em meu lugar de paciência, o que eu preciso flui até mim, e sem dor nenhuma. Com isso, eu descubro que o que eu quero também me quer, me procura, e me atrai. Há um grande segredo nisso, para qualquer um que possa compreendê-lo.”

Agora, vamos à segunda e última exposição. O Google divulgou recentemente, que seus melhores funcionários não eram alunos de universidades de renome, mas jovens que tiveram uma grande perda em suas vidas, e que foram capazes de transformar essa experiência em crescimento.

Fé na vida acima de tudo!!! Gratidão pela sua existência! _/|\_

Fonte: Personare

Continuar lendo DESENVOLVIMENTO ESPIRITUAL: SAIBA COMO SER POSITIVO APESAR DA TRAGÉDIA DA PANDEMIA

DADOS ATUALIZADOS DO CORONAVÍRUS NO RN

Por g1 RN

 

Evolução dos casos confirmados e mortes por coronavírus no RN
Dados divulgados pela Secretaria Estadual de Saúde através de comunicados e boletins epidemiológicos

Rio Grande do Norte tem 384.791 casos confirmados de Covid desde o início da pandemia. A doença vitimou 7.533 pessoas no estado. Os dados estão no boletim epidemiológico da Secretaria de Estado da Saúde Pública (Sesap) desta quinta-feira (16). Outros 1.379 óbitos estão sob investigação.

A Sesap notificou dois novos casos da doença nas últimas 24 horas.

O RN tem ainda 190.234 casos suspeitos e 809.622 casos descartados de Covid.

Atualmente, 135 pessoas estão internadas no RN por causa da Covid-19 – sendo 100 na rede pública e 35 na rede privada (apenas 8 dos 10 hospitais privados atualizaram os dados, de acordo com a Sesap). Com 51 pacientes, a taxa de ocupação dos leitos críticos (semi-intensivo e UTIs) é de 30% na rede pública; com 25 internados, a rede privada tem 16,3% de ocupação.

Números do coronavírus no RN

  • 384.791 casos confirmados
  • 7.533 mortes
  • 190.234 casos suspeitos
  • 809.622 casos descartados

Fonte: G1 RN

Continuar lendo DADOS ATUALIZADOS DO CORONAVÍRUS NO RN

DADOS ATUALIZADOS DO CORONAVÍRUS NO RN

Por g1 RN

 

Evolução dos casos confirmados e mortes por coronavírus no RN
Dados divulgados pela Secretaria Estadual de Saúde através de comunicados e boletins epidemiológicos
Casos confirmado

Rio Grande do Norte tem 383.729 casos confirmados de Covid desde o início da pandemia. São 7.509 mortes provocadas pela doença no estado. Os dados estão no boletim epidemiológico da Secretaria de Estado da Saúde Pública (Sesap) desta quarta-feira (8). Outros 1.369 óbitos estão sob investigação.

A Sesap notificou 117 novos casos da doença nas últimas 24 horas.

O RN tem ainda 189.452 casos suspeitos e 799.344 casos descartados de Covid.

Atualmente, 141 pessoas estão internadas no RN por causa da Covid-19 – sendo 105 na rede pública e 36 na rede privada (apenas 8 dos 10 hospitais privados atualizaram os dados, de acordo com a Sesap). Com 55 pacientes, a taxa de ocupação dos leitos críticos (semi-intensivo e UTIs) é de 32,3% na rede pública; com 22 internados, a rede privada tem 14,3% de ocupação.

Números do coronavírus no RN

  • 383.729 casos confirmados
  • 7.509 mortes
  • 189.452 casos suspeitos
  • 799.344 casos descartados

Fonte: G1 RN

Continuar lendo DADOS ATUALIZADOS DO CORONAVÍRUS NO RN

DADOS ATUALIZADOS DO CORONAVÍRUS NO RN

Por g1 RN

 

Evolução dos casos confirmados e mortes por coronavírus no RN
Dados divulgados pela Secretaria Estadual de Saúde através de comunicados e boletins epidemiológicos
Casos confirmadosCasos

Rio Grande do Norte tem 382.351 casos confirmados de Covid desde o início da pandemia. A doença vitimou 7.501 pessoas no estado. O boletim epidemiológico da Secretaria de Estado da Saúde Pública (Sesap) desta quinta-feira (2) aponta ainda que outros 1.365 óbitos estão sob investigação.

A Sesap notificou 107 novos casos da doença nas últimas 24 horas. Em relação ao boletim do dia anteriorsão duas mortes a mais.

O RN tem ainda 188.361 casos suspeitos e 791.924 casos descartados de Covid.

Atualmente, 150 pessoas estão internadas no RN por causa da Covid-19 – sendo 114 na rede pública e 36 na rede privada (apenas 8 dos 10 hospitais privados atualizaram os dados, de acordo com a Sesap). Com 67 pacientes, a taxa de ocupação dos leitos críticos (semi-intensivo e UTIs) é de 39,4% na rede pública; com 20 internados, a rede privada tem 13% de ocupação.

Números do coronavírus no RN

  • 382.351 casos confirmados
  • 7.501 mortes
  • 188.361 casos suspeitos
  • 791.924 casos descartados

Fonte: G1 RN

Continuar lendo DADOS ATUALIZADOS DO CORONAVÍRUS NO RN

DADOS ATUALIZADOS DO CORONAVÍRUS NO RN

Por g1 RN

 

Evolução dos casos confirmados e mortes por coronavírus no RN
Dados divulgados pela Secretaria Estadual de Saúde através de comunicados e boletins epidemiológicos
Casos confirmadosCasos

Rio Grande do Norte contabiliza 381.703 casos confirmados de Covid desde o início da pandemia. A doença vitimou 7.496 pessoas no estado. Os dados estão no boletim epidemiológico da Secretaria de Estado da Saúde Pública (Sesap) desta terça-feira (30). Outros 1.363 óbitos estão sob investigação.

A Sesap notificou 153 novos casos da doença nas últimas 24 horas. Em relação ao boletim do dia anteriorsão quatro mortes a mais.

O RN tem ainda 187.967 casos suspeitos e 789.139 casos descartados de Covid.

Atualmente, 135 pessoas estão internadas no RN por causa da Covid-19 – sendo 106 na rede pública e 29 na rede privada (apenas 8 dos 10 hospitais privados atualizaram os dados, de acordo com a Sesap). Com 63 pacientes, a taxa de ocupação dos leitos críticos (semi-intensivo e UTIs) é de 37% na rede pública; com 17 internados, a rede privada tem 11% de ocupação.

Números do coronavírus no RN

  • 381.703 casos confirmados
  • 7.496 mortes
  • 187.967 casos suspeitos
  • 789.139 casos descartados

Fonte: G1 RN

Continuar lendo DADOS ATUALIZADOS DO CORONAVÍRUS NO RN

DADOS ATUALIZADOS DO CORONAVÍRUS NO RN

Por g1 RN

 

Evolução dos casos confirmados e mortes por coronavírus no RN
Dados divulgados pela Secretaria Estadual de Saúde através de comunicados e boletins epidemiológicos

Rio Grande do Norte tem 381.408 casos confirmados de Covid desde o início da pandemia. A doença vitimou 7.492 pessoas no estado. Os dados estão no boletim epidemiológico da Secretaria de Estado da Saúde Pública (Sesap) desta segunda-feira (29). Outros 1.363 óbitos estão sob investigação.

A Sesap notificou 16 novos casos da doença nas últimas 24 horas.

O RN tem ainda 187.263 casos suspeitos e 787.747 casos descartados de Covid.

Atualmente, 141 pessoas estão internadas no RN por causa da Covid-19 – sendo 111 na rede pública e 30 na rede privada (apenas 8 dos 10 hospitais privados atualizaram os dados, de acordo com a Sesap). Com 66 pacientes, a taxa de ocupação dos leitos críticos (semi-intensivo e UTIs) é de 38,8% na rede pública; com 17 internados, a rede privada tem 11% de ocupação.

Números do coronavírus no RN

  • 381.408 casos confirmados
  • 7.492 mortes
  • 187.263 casos suspeitos
  • 787.747 casos descartados

Fonte: G1 RN

Continuar lendo DADOS ATUALIZADOS DO CORONAVÍRUS NO RN

CIÊNCIAS: SAIBA TUDO QUE JÁ SE SABE SOBRE A NOVA VARIANTE DO SARS-CO-V-2, ÔMICRON

Diante de uma nova variante do Sars-coV-2, mais conhecida por Ômicron, cientistas de universidades e institutos da África do Sul foram questionados sobre o poder de contaminação, de causar doenças graves, o quanto as vacinas já aplicadas podem proteger a população contra essa variante e outras dúvidas que o artigo a seguir tenta esclarecer. Então leia o artigo completo e tire suas dúvidas!

  • *PROF. WOLFGANG PREISER, CATHRINE SCHEEPERS, JINAL BHIMAN, MARIETJIE VENTER E TULIO DE OLIVEIRA | THE CONVERSATION

 ATUALIZADO EM 

Ômicron: 5 perguntas e respostas sobre a nova variante do Sars-CoV-2 (Foto: NIAID)Ômicron: 5 perguntas e respostas sobre a nova variante do Sars-CoV-2 (Foto: NIAID)

Desde o início da pandemia de Covid-19, a Rede de Vigilância Genômica na África do Sul tem monitorado as mudanças no Sars-CoV-2. Essa foi uma ferramenta valiosa para entender melhor como o vírus se espalhou. No final de 2020, a rede detectou uma nova linhagem de vírus, 501Y.V2, que mais tarde ficou conhecida como a variante beta. Agora, uma nova variante do Sars-CoV-2 foi identificada — B.1.1.529.

A Organização Mundial da Saúde [OMS] declarou que é uma variante de preocupação e atribuiu a ela o nome de ômicron. Para nos ajudar a entender melhor, Ozayr Patel, do The Conversation África, pediu a cientistas que compartilhassem o que sabem.

A busca por variantes requer um esforço concentrado. A África do Sul e o Reino Unido foram os primeiros grandes países a implementar esforços nacionais de vigilância genômica para o Sars-CoV-2, já em abril de 2020.

A caça de variantes, por mais empolgante que pareça, é realizada por meio do sequenciamento do genoma inteiro de amostras que deram positivo para o vírus. Esse processo envolve verificar todas as sequências obtidas em busca de diferenças em relação ao que sabemos que está circulando na África do Sul e no mundo. Quando vemos várias diferenças, isso imediatamente levanta uma bandeira vermelha e investigamos mais para confirmar o que notamos.

Felizmente, a África do Sul está bem preparada para isso. E graças a um repositório central de resultados de laboratórios do setor público no Serviço Nacional de Laboratório de Saúde (NGS-SA), além de boas ligações com laboratórios privados, o Centro Provincial de Dados de Saúde da Província do Cabo Ocidental e a expertise com o estado da arte em modelagem.

Além disso, a África do Sul tem vários laboratórios que podem cultivar e estudar o vírus real e descobrir até que ponto os anticorpos, formados em resposta a vacinação ou infecção anterior, são capazes de neutralizar o novo vírus. Esses dados nos permitirão caracterizá-lo.

A variante beta se espalhou com muito mais eficiência entre as pessoas em comparação com o “tipo selvagem” ou “ancestral” do Sars-CoV-2 e causou a segunda onda pandêmica na África do Sul. Portanto, foi classificada como uma cepa de preocupação. Durante 2021, outra variante de preocupação, chamada delta, se espalhou por grande parte do mundo, incluindo a África do Sul, onde causou uma terceira onda pandêmica.

]Proteína spike da superfície das células do Sars-CoV-2 causa alterações nas células dos vasos sanguíneos do coração (Foto: British Heart Foundation )77 amostras coletadas em meados de novembro de 2021 na província de Gauteng continham a variante ômicron (Foto: British Heart Foundation )

Muito recentemente, o sequenciamento de rotina pelos laboratórios membros da Rede para Vigilância Genômica detectou uma nova linhagem de vírus, chamada B.1.1.529, na África do Sul. Setenta e sete amostras coletadas em meados de novembro de 2021 na província de Gauteng continham esse vírus. [A variante] Também foi relatada em pequenos números em Botswana e Hong Kong. O caso de Hong Kong é supostamente um viajante da África do Sul.

A Organização Mundial da Saúde deu a B.1.1.529 o nome de Ômicron e classificou-a como uma variante de preocupação, como beta e delta.

Por que a África do Sul está gerando variantes preocupantes?

Não sabemos com certeza. Certamente parece ser mais do que apenas o resultado de esforços conjuntos para monitorar o vírus circulante. Uma teoria é que pessoas com sistema imunológico altamente comprometido e que apresentam infecção ativa prolongada porque não conseguem eliminar o vírus podem ser a fonte de novas variantes virais.

O pressuposto é que algum grau de “pressão imunológica” (o que significa uma resposta imunológica que não é forte o suficiente para eliminar o vírus, mas exerce algum grau de pressão seletiva que “força” o vírus a evoluir) cria as condições para o surgimento de novas variantes .

Apesar de um programa de tratamento antirretroviral avançado para pessoas que vivem com HIV, muitos indivíduos na África do Sul têm a doença por HIV em estágio avançado e não estão em um tratamento eficaz. Vários casos clínicos foram investigados que suportam essa hipótese, mas ainda há muito a ser aprendido.

Por que essa variante é preocupante?

A resposta curta é: não sabemos. A resposta longa é, B.1.1.529 carrega certas mutações que são preocupantes. Elas não foram observadas nessa combinação antes, e a proteína spike [de pico] sozinha tem mais de 30 mutações. Isso é importante porque a proteína de pico compõe a maioria das vacinas.

Também podemos dizer que B.1.1.529 tem um perfil genético muito diferente de outras variantes circulantes de interesse e preocupação. Não parece ser “filha da delta” ou “neta da beta”, mas representa uma nova linhagem do Sars-CoV-2.

Algumas de suas alterações genéticas são conhecidas a partir de outras variantes e sabemos que podem afetar a transmissibilidade ou permitir a evasão imunológica, mas muitas são novas e ainda não foram estudadas. Embora possamos fazer algumas previsões, ainda estamos estudando até que ponto as mutações influenciarão seu comportamento.

Queremos saber sobre a transmissibilidade, a gravidade da doença e a capacidade do vírus de “escapar” da resposta imune em pessoas vacinadas ou recuperadas [da Covid-19]. Estamos estudando isso de duas maneiras.

Em primeiro lugar, estudos epidemiológicos cuidadosos procuram saber se a nova linhagem apresenta alterações na transmissibilidade, capacidade de infectar indivíduos vacinados ou previamente infectados, e assim por diante.

Estudo nos EUA mostrou que proteção de vacinas contra Covid-19 caiu em 8 meses (Foto: World Health Organization )Estudos epidemiológicos procuram saber se a nova linhagem apresenta alterações na transmissibilidade, capacidade de infectar indivíduos vacinados ou previamente infectados (Foto: World Health Organization )

Ao mesmo tempo, estudos de laboratório examinam as propriedades do vírus. Suas características de crescimento viral são comparadas com as de outras variantes e é determinado quão bem o vírus pode ser neutralizado por anticorpos encontrados no sangue de indivíduos vacinados ou recuperados.

No final, o significado total das mudanças genéticas observadas em B.1.1.529 se tornará aparente quando os resultados de todos esses diferentes tipos de estudos forem considerados. É um empreendimento complexo, exigente e caro, que se estenderá por meses, mas indispensável para entender melhor o vírus e traçar as melhores estratégias para combatê-lo.

As primeiras indicações indicam que esta variante cause sintomas diferentes ou doença mais grave?

Não há evidências de quaisquer diferenças clínicas ainda. O que se sabe é que os casos de infecção B.1.1.529 aumentaram rapidamente em Gauteng, onde a quarta onda pandêmica do país parece estar começando. Isso sugere uma fácil transmissibilidade, embora em um contexto de intervenções não farmacêuticas muito relaxadas e baixo número de casos. Portanto, não podemos realmente dizer ainda se B.1.1.529 é transmitida de forma mais eficiente do que a variante de preocupação antes prevalente, a delta.

Covid-19 tem maior probabilidade de se manifestar como doença grave, muitas vezes com risco de vida, em idosos e indivíduos com doenças crônicas. Mas os grupos populacionais mais expostos a um novo vírus em geral são os mais jovens, que circulam mais e geralmente são saudáveis. Se B.1.1.529 se espalhar ainda mais, levará um tempo antes que seus efeitos, em termos de gravidade da doença, possam ser avaliados.

Felizmente, parece que todos os testes de diagnóstico verificados até agora são capazes de identificar o novo vírus. Melhor ainda, alguns ensaios comerciais amplamente usados mostram um padrão específico: duas das três sequências do genoma alvo são positivas, mas a terceira não. É como se a nova variante marcasse consistentemente duas das três caixas no teste existente.

Isso pode servir como um marcador para B.1.1.529, o que significa que podemos estimar rapidamente a proporção de casos positivos devido à infecção por B.1.1.529 por dia e por área. Isso é muito útil para monitorar a propagação do vírus quase em tempo real.

As vacinas atuais podem proteger contra a nova variante?

Novamente, não sabemos. Os casos conhecidos incluem indivíduos vacinados. No entanto, aprendemos que a proteção imunológica fornecida pela vacinação diminui com o tempo e não protege tanto contra infecções, mas sim contra doenças graves e morte. Uma das análises epidemiológicas iniciadas está analisando quantas pessoas vacinadas foram infectadas com B.1.1.529.

A possibilidade de que B.1.1.529 possa escapar da resposta imune é desconcertante. A expectativa é que as altas taxas de soroprevalência — pessoas que já foram infectadas — encontradas por vários estudos forneçam um grau de “imunidade natural” por pelo menos um período.

Em última análise, tudo o que se sabe sobre B.1.1.529 até agora destaca que a vacinação universal ainda é nossa melhor aposta contra a Covid-19 grave e, juntamente com intervenções não farmacêuticas, contribuirá muito para ajudar o sistema de saúde a lidar com a próxima onda.

*Prof. Wolfgang Preiser é chefe da Divisão de Virologia Médica da Universidade de Stellenbosch; Cathrine Scheepers é cientista médica sênior da Universidade de Witwatersrand; Jinal Bhiman é cientista médica principal do Instituto Nacional de Doenças Transmissíveis (NICD); Marietjie Venter é chefe do Programa de Zoonoses, Arbo e Vírus Respiratórios e professora do Departamento de Virologia Médica da Universidade de Pretória; e Tulio de Oliveira é diretor do KRISP – Plataforma de Sequenciamento de Inovação e Pesquisa KwaZulu-Natal, da Universidade de KwaZulu-Natal

Fonte: Revista Galileu
Continuar lendo CIÊNCIAS: SAIBA TUDO QUE JÁ SE SABE SOBRE A NOVA VARIANTE DO SARS-CO-V-2, ÔMICRON

NOVA CEPA DO CORONAVÍRUS ESTÁ PROVOCANDO ISOLAMENTO MUNDIAL DO SUL DA ÁFRICA

Mundo tenta se proteger da contagiosa variante Ômicron

Nova cepa do coronavírus está provocando o isolamento mundial do sul da África, que diz estar sendo ‘castigada’

INTERNACIONAL

 Da AFP

Passageiros são testados para Covid-19 no Aeroporto Internacional de Johanesburgo

KIM LUDBROOK/ EPA / EFE – 27/11/2021

A Holanda anunciou neste sábado (27) que está analisando se 61 pessoas procedentes da África do Sul que deram positivo à Covid-19 estão afetadas pela nova variante Ômicron, que está provocando o isolamento mundial do sul da África, cujos líderes lamentaram estarem sendo “castigados”.

Além disso, na Alemanha as autoridades informaram que já existe um possível primeiro caso dessa variante nova e muito contagiosa, em uma pessoa que retornava da África do Sul. Seria o segundo país europeu a confirmar a presença da Ômicron em seu território, depois da Bélgica.

Na sexta-feira (26), o Centro Europeu de Prevenção e Controle de Doenças (ECDC) afirmou que o risco de que a nova variante da covid-19 se espalhe pela Europa é “de alto a muito alto”.

A Organização Mundial da Saúde (OMS) declarou que essa variante é “preocupante” assim como a atualmente dominante delta e as detectadas anteriormente, alfa, beta e gama.

Segundo as autoridades de saúde holandesas, os 61 passageiros que deram positivo viajaram em dois aviões procedentes da África do Sul, nos quais havia outros 531 passageiros que deram negativo. Por enquanto, estão em quarentena em um hotel nos arredores do aeroporto de Amsterdã.

“Os resultados positivos serão examinados rapidamente para ver se estão relacionados com a nova e preocupante variante”, explicaram.

Na Alemanha, o ministro para Assuntos Sociais da região de Hesse (oeste), Kai Klose, disse que é “muito possível que a variante Ômicron tenha chegado” ao país, já que os testes realizados na sexta-feira com este viajante revelaram “várias mutações típicas da Ômicron”.

“Essa pessoa foi isolada em seu domicílio devido a esses grandes indícios. O sequenciamento ainda não foi concluído”, acrescentou.

Fonte: R7
Continuar lendo NOVA CEPA DO CORONAVÍRUS ESTÁ PROVOCANDO ISOLAMENTO MUNDIAL DO SUL DA ÁFRICA

DADOS ATUALIZADOS DO CORONAVÍRUS NO RN

Por g1 RN

 

Evolução dos casos confirmados e mortes por coronavírus no RN
Dados divulgados pela Secretaria Estadual de Saúde através de comunicados e boletins epidemiológicos

Rio Grande do Norte contabiliza 380.839 casos confirmados de Covid desde o início da pandemia. São 7.484 mortes provocadas pela doença no estado. Os dados estão no boletim epidemiológico da Secretaria de Estado da Saúde Pública (Sesap) desta sexta-feira (26). Outros 1.356 óbitos estão sob investigação.

A Sesap notificou 126 novos casos da doença nas últimas 24 horas. Em relação ao boletim do dia anteriorsão três mortes a mais.

O RN tem ainda 187.521 casos suspeitos e 784.931 casos descartados de Covid.

Atualmente, 136 pessoas estão internadas no RN por causa da Covid-19 – sendo 109 na rede pública e 27 na rede privada (apenas 8 dos 10 hospitais privados atualizaram os dados, de acordo com a Sesap). Com 61 pacientes, a taxa de ocupação dos leitos críticos (semi-intensivo e UTIs) é de 35,6% na rede pública; com 12 internados, a rede privada tem 8% de ocupação.

Números do coronavírus no RN

  • 380.839 casos confirmados
  • 7.484 mortes
  • 187.521 casos suspeitos
  • 784.931 casos descartados

Fonte: G1 RN

Continuar lendo DADOS ATUALIZADOS DO CORONAVÍRUS NO RN

DADOS ATUALIZADOS DO CORONAVÍRUS NO RN

Por g1 RN

 

Evolução dos casos confirmados e mortes por coronavírus no RN
Dados divulgados pela Secretaria Estadual de Saúde através de comunicados e boletins epidemiológicos
Casos confirmadosCasos

Rio Grande do Norte registrou 380.459 casos confirmados de Covid desde o início da pandemia. São 7.481 mortes provocadas pela doença no estado. Os dados estão no boletim epidemiológico da Secretaria de Estado da Saúde Pública (Sesap) desta quinta-feira (25). Outros 1.356 óbitos estão sob investigação.

A Sesap notificou 66 novos casos da doença nas últimas 24 horas. Em relação ao boletim do dia anteriorhouve o registro de uma morte a mais.

O RN tem ainda 187.372 casos suspeitos e 783.590 casos descartados de Covid.

Atualmente, 139 pessoas estão internadas no RN por causa da Covid-19 – sendo 109 na rede pública e 30 na rede privada (apenas 8 dos 10 hospitais privados atualizaram os dados, de acordo com a Sesap). Com 64 pacientes, a taxa de ocupação dos leitos críticos (semi-intensivo e UTIs) é de 37,4% na rede pública; com 15 internados, a rede privada tem 10% de ocupação.

Números do coronavírus no RN

  • 380.459 casos confirmados
  • 7.481 mortes
  • 187.372 casos suspeitos
  • 783.590 casos descartados

Fonte: G1 RN

Continuar lendo DADOS ATUALIZADOS DO CORONAVÍRUS NO RN

DADOS ATUALIZADOS DO CORONAVÍRUS NO RN

Por g1 RN

 

Evolução dos casos confirmados e mortes por coronavírus no RN
Dados divulgados pela Secretaria Estadual de Saúde através de comunicados e boletins epidemiológicos
Casos confirmadosCasos

Rio Grande do Norte tem 380.211 casos confirmados de Covid desde o início da pandemia. A doença vitimou 7.480 pessoas no estado. Os dados estão no boletim epidemiológico da Secretaria de Estado da Saúde Pública (Sesap) desta quarta-feira (24). Outros 1.354 óbitos estão sob investigação.

A Sesap notificou 119 novos casos da doença nas últimas 24 horas. Em relação ao boletim do dia anteriorsão quatro mortes a mais.

O RN tem ainda 186.704 casos suspeitos e 782.334 casos descartados de Covid.

Atualmente, 147 pessoas estão internadas no RN por causa da Covid-19 – sendo 118 na rede pública e 29 na rede privada (apenas 8 dos 10 hospitais privados atualizaram os dados, de acordo com a Sesap). Com 69 pacientes, a taxa de ocupação dos leitos críticos (semi-intensivo e UTIs) é de 40,1% na rede pública; com 17 internados, a rede privada tem 11,1% de ocupação.

Números do coronavírus no RN

  • 380.211 casos confirmados
  • 7.480 mortes
  • 186.704 casos suspeitos
  • 782.334 casos descartados

Fonte: G1 RN

Continuar lendo DADOS ATUALIZADOS DO CORONAVÍRUS NO RN

DADOS ATUALIZADOS DO CORONAVÍRUS NO RN

Por g1 RN

 

Evolução dos casos confirmados e mortes por coronavírus no RN
Dados divulgados pela Secretaria Estadual de Saúde através de comunicados e boletins epidemiológicos
Casos confirmadosCasos

Rio Grande do Norte registrou 379.560 casos confirmados de Covid desde o início da pandemia. A doença provocou a morte de 7.476 pessoas no estado. Os dados estão no boletim epidemiológico da Secretaria de Estado da Saúde Pública (Sesap) desta terça-feira (23). Outros 1.353 óbitos estão sob investigação.

A Sesap notificou 109 novos casos da doença nas últimas 24 horas. Em relação ao boletim do dia anteriorsão cinco óbitos a mais.

O RN tem ainda 186.380 casos suspeitos e 780.575 casos descartados de Covid.

Atualmente, 144 pessoas estão internadas no RN por causa da Covid-19 – sendo 117 na rede pública e 27 na rede privada (apenas 8 dos 10 hospitais privados atualizaram os dados, de acordo com a Sesap). Com 64 pacientes, a taxa de ocupação dos leitos críticos (semi-intensivo e UTIs) é de 37,2% na rede pública; com 18 internados, a rede privada tem 11,7% de ocupação.

Números do coronavírus no RN

  • 379.560 casos confirmados
  • 7.476 mortes
  • 186.380 casos suspeitos
  • 780.575 casos descartados
Continuar lendo DADOS ATUALIZADOS DO CORONAVÍRUS NO RN

DADOS ATUALIZADOS DO CORONAVÍRUS NO RN

Por g1 RN

 

Evolução dos casos confirmados e mortes por coronavírus no RN
Dados divulgados pela Secretaria Estadual de Saúde através de comunicados e boletins epidemiológicos
Casos confirmadosCasos

Rio Grande do Norte tem 379.423 casos confirmados de Covid desde o início da pandemia. A doença vitimou 7.471 pessoas no estado. O boletim epidemiológico da Secretaria de Estado da Saúde Pública (Sesap) desta segunda-feira (22) informa ainda que outros 1.350 óbitos estão sob investigação.

A Sesap notificou 19 novos casos da doença nas últimas 24 horas.

O RN tem ainda 185.886 casos suspeitos e 779.237 casos descartados de Covid.

Atualmente, 149 pessoas estão internadas no RN por causa da Covid-19 – sendo 120 na rede pública e 29 na rede privada (apenas 8 dos 10 hospitais privados atualizaram os dados, de acordo com a Sesap). Com 66 pacientes, a taxa de ocupação dos leitos críticos (semi-intensivo e UTIs) é de 38,3% na rede pública; com 16 internados, a rede privada tem 10,4% de ocupação.

Números do coronavírus no RN

  • 379.423 casos confirmados
  • 7.471 mortes
  • 185.886 casos suspeitos
  • 779.237 casos descartados

Fonte: G1 RN

Continuar lendo DADOS ATUALIZADOS DO CORONAVÍRUS NO RN

Fim do conteúdo

Não há mais páginas para carregar