SAIBA QUAL A PREVISÃO DO TEMPO PARA O FINAL DE SEMANA EM NATAL

Fim de semana tem previsão de chuvas em Natal

Foto: Reprodução

O fim de semana deve ser marcado por chuvas em Natal e sol com algumas nuvens nas regiões do Seridó, Alto Oeste e Oeste do Rio Grande do Norte. De acordo com o portal Clima Tempo, neste sábado (16) a temperatura deve variar entre 22 °C a 27° C  na capital potiguar com precipitações ao longo de todo o dia. Já no domingo (17), a mínima é de 23 °C e a máxima de 29°C, com chuvas acompanhadas de  sol nos períodos da manhã e tarde.

Em Caicó, no Seridó potiguar, a previsão é de sol com algumas nuvens ao longo do sábado, com temperatura podendo variar entre 22 ºC a 32 °C. No domingo, o tempo permanece ensolarado, sem incidência de chuvas e com mínima de 21 C°.

Na cidade de Pau dos Ferros, localizada no Alto Oeste do Rio Grande do Norte, o tempo deve iniciar marcado pelo sol com algumas nuvens e sem previsão de chuvas. No sábado a temperatura pode atingir a máxima de 33 °C e a mínima de 20 °C. No domingo, a temperatura mais elevada deve chegar a 34 °C e a mais baixa se repete.

Já na cidade de Mossoró, na Região Oeste do Estado, estão previstas a incidência do Sol e aumento de nuvens pela manhã de sábado, enquanto pela tarde e madrugada, a previsão é de pancadas de chuva. No domingo, o tempo deve ser caracterizado por sol com algumas nuvens, com temperatura máxima podendo atingir 35 °C e sem ocorrência de chuvas.

Continuar lendo SAIBA QUAL A PREVISÃO DO TEMPO PARA O FINAL DE SEMANA EM NATAL

CULTURA: SEGUNDO EMPARN : FESTA JUNINA ESTE ANO NO RN SERÁ ACOMPANHADA DE CHUVAS

Semana do São João tem previsão de chuvas no RN; confira

Redação/Portal da Tropical

 – Atualizado em: 

Foto: Josemir Neves

A previsão é de chuvas no Rio Grande do Norte, especialmente na região Leste Potiguar para a semana em que se comemora o Dia de São João (24/06), aponta análise do Sistema de Monitoramento da Empresa de Pesquisa Agropecuária do Rio Grande do Norte (Emparn). Chuvas estão previstas em todos os dias da semana, especialmente, nos períodos da noite, madrugada e início da manhã nos municípios que compõem a faixa litorânea e região metropolitana de Natal.

O chefe da unidade de Meteorologia da Emparn, Gilmar Bristot explica que o cenário favorável a ocorrência de chuvas decorre da atuação do sistema metereológico de leste, que são aglomerados de chuvas e que associados as condições dos oceanos estão favoráveis para a formação das precipitações sob o estado. “O oceano Pacífico apresenta condição de La Ñina e as águas superficiais do Atlântico estão aquecidas, associadas a isso tem atuação dos ventos de leste na costa do Nordeste”, completou.

O final de semana foi de poucas chuvas no RN. O maior volume registrado ocorreu em Vila Flor, no Leste Potiguar, com 32.6mm, seguido de Pedro Velho com 7.2mm e Goianinha com 17.4mm. “As instabilidades de Leste, junto com o Sistema de Brisa atingiram o leste do Estado, favorecidos pela mudança no vento que passou a soprar de leste provocando as chuvas”, disse Bristot.

Previsão da semana

20/06/22 (Segunda-feira)- Céu parcialmente nublado a claro em todas as regiões, com possibilidade de pancadas de chuvas na região Leste

21/06/22 (Terça-feira): Céu parcialmente nublado a claro em todas as regiões, com possibilidade de pancadas de chuvas na região Leste e Agreste.

22/06/22 (Quarta-feira): Céu parcialmente nublado a claro em todas as regiões, com possibilidade de pancadas de chuvas na região Leste e Alto Oeste.

23/06/22 (Quinta-feira): Céu parcialmente nublado a claro em todas as regiões.

24/06/22 (Sexta-feira): Céu parcialmente nublado a claro em todas as regiões, com possibilidade de pancadas de chuvas na região Leste, Agreste, Vale do Açu, Alto Oeste e Mossoró.

25/06/22 (Sábado): Céu parcialmente nublado a claro em todas as regiões.

Continuar lendo CULTURA: SEGUNDO EMPARN : FESTA JUNINA ESTE ANO NO RN SERÁ ACOMPANHADA DE CHUVAS

GRANDE PARTE DO PAÍS DEVE ENFRENTAR UMA SEMANA DE FRIO ATÍPICO PARA O MÊS DE MAIO

Por g1

 

Pedestres se protegem do frio em setembro de 2021. — Foto: Ronaldo Silva/Futura Press/Estadão ConteúdoPedestres se protegem do frio em setembro de 2021. — Foto: Ronaldo Silva/Futura Press/Estadão Conteúdo

Prepare o agasalho: a partir de segunda-feira (16) uma grande parte do país deve enfrentar uma semana de frio atípico para o mês de maio, com possibilidade de geada nos estados do Sul, no sul e oeste paulista, em Mato Grosso do Sul e no sul de Minas Gerais.

Ao longo da semana, os termômetros devem ficar abaixo de 10°C em São Paulo, Florianópolis, Porto Alegre, Goiânia, Curitiba, Cuiabá, Campo Grande, Brasília e Belo Horizonte (veja abaixo a previsão completa paras as capitais).

Nos estados do Norte, Rio Branco, Porto Velho e Palmas podem registrar temperaturas abaixo de 20°C. Já as capitais do Nordeste não terão muitas surpresas: Salvador deve ter mínima de 22°C ao longo da semana.

De acordo com Cesar Soares, meteorologista da Climatempo, o grande diferencial deste frio intenso em boa parte do país é que haverá deslocamento de uma massa de ar polar muito forte que vai coincidir com a passagem de um ciclone extratropical, o que vai trazer umidade e possibilitar a ocorrência de eventos mais incomuns: queda de neve e precipitação da chamada “chuva congelante”.

Entenda a diferença neve, chuva congelante, chuva congelada e geada

Temperaturas mínimas

CapitalSegunda (16)Terça (17)Quarta (18)Quinta (19)Sexta (20)
Aracaju24°C23°C23°C23°C24°C
Belém24°C24°C23°C23°C23°C
Belo Horizonte16°C19°C15°C8°C12°C
Boa Vista23°C25°C24°C24°C24°C
Brasília16°C16°C15°C9°C11°C
Campo Grande14°C11°C7°C6°C7°C
Cuiabá19°C17°C13°C8°C10°C
Curitiba12°C7°C5°C6°C7°C
Florianópolis13°C6°C7°C11°C8°C
Fortaleza24°C28°C28°C28°C27°C
Goiânia18°C15°C11°C4°C7°C
João Pessoa24°C23°C23°C24°C24°C
Macapá25°C24°C24°C24°C24°C
Maceió23°C23°C21°C22°C23°C
Manaus23°C25°C25°C24°C24°C
Natal24°C26°C26°C26°C26°C
Palmas23°C23°C22°C20°C19°C
Porto Alegre10°C8°C10°C12°C8°C
Porto Velho23°C22°C21°C19°C19°C
Recife24°C26°C26°C26°C26°C
Rio Branco23°C20°C18°C15°C17°C
Rio de Janeiro19°C22°C20°C18°C19°C
Salvador22°C22°C22°C22°C24°C
São Luís24°C24°C23°C24°C24°C
São Paulo15°C15°C7°C8°C11°C
Teresina23°C23°C22°C23°C24°C
Vitória19°C23°C23°C19°C20°C

Neve e chuva congelante

A neve é um fenômeno já mais conhecido: os flocos são formados já na nuvem e chegam ao solo no mesmo estado, enquanto a chuva congelante é um evento mais raro em nosso país. Segundo o meteorologista César Soares, a chuva ocorre de forma normal, com a queda da gotícula na atmosfera, mas a água se congela ao tocar uma superfície.

“Quando ocorre uma chuva congelante”, você vê as gotas caindo, mas olha as pessoas na rua e as pessoas não se ‘molham’, porque a gota congela quando toca a superfície”, explica o meteorologista.

Há previsão de neve para municípios da Serra Gaúcha e algumas cidades da região central de Santa Catarina na terça-feira (17) e quarta-feira (18).

Geada em vários estados

Há previsão de geada em várias áreas entre os dias 19 e 22 de maio (quinta a domingo). A geada ocorre quando é formada uma camada de gelo nas superfícies por causa da intensa redução de temperatura quando a umidade do ar está elevada.

A possibilidade é mais forte nos estados do Sul, no sul e oeste paulista, em Mato Grosso do Sul e no sul de Minas Gerais. O meteorologista César Soares não descarta até mesmo a ocorrência de geada na capital paulista.

“Dessa vez, no Sul, não só as áreas mais altas devem registrar geada, mas até em Curitiba a chance é bastante alta”, aponta a Climatempo.

De acordo com o Inmet, as geadas poderão ser fortes em alguns pontos. Veja figura abaixo:

Ocorrência de geada prevista para Sul e trechos do Sudeste e Centro-Oeste. — Foto: InmetOcorrência de geada prevista para Sul e trechos do Sudeste e Centro-Oeste. — Foto: Inmet

Impacto no Norte do Brasil

De acordo com o Instituto Nacional de Meteorologia, a queda das temperaturas mínimas vai afetar também estados do Norte do Brasil. “No Acre e em Rondônia, o frio deve causar o segundo episódio de friagem do mês”, explica o Inmet, citando que o primeiro episódio ocorreu entre os dias 4 e 5.

Continuar lendo GRANDE PARTE DO PAÍS DEVE ENFRENTAR UMA SEMANA DE FRIO ATÍPICO PARA O MÊS DE MAIO

SEMANA SANTA NO RN TERÁ PREVISÃO DE CHUVA EM VÁRIOS PERÍODOS ENTRE A SEXTA-FEIRA DA PAIXÃO E O DOMINGO DE PÁSCOA

Por g1 RN

 

Praia de Ponta Negra, em Natal — Foto: Fernanda Zauli/g1 RNPraia de Ponta Negra, em Natal — Foto: Fernanda Zauli/g1 RN

A Semana Santa no Rio Grande do Norte terá previsão de chuva em vários períodos entre a sexta-feira da Paixão (15) e o domingo de Páscoa (17)

Em Natal, a sexta-feira (15) terá sol pela manhã e chuvas rápidas durante o dia e a noite. A chuva também aparece no sábado, com períodos nublado, e ocorrência de chuva a qualquer hora. No domingo, a previsão é de pancadas de chuva à tarde e à noite. A mínima nesse período chega a 24ºC e a máxima é de 31ºC.

Para quem pretende curtir uma praia, a previsão é a mesma para São Miguel do Gostoso e também para Tibau do Sul, onde está a praia de Pipa.

Na segunda maior cidade do RN, em Mossoró, na Região Oeste do estado, a previsão também é de ocorrência de chuvas durante todo o feriado. Na sexta, há chuva de manhã,. Já no sábado e no domingo chove rápido durante o dia e à noite.

A mínima vai ser 23ºC neste período e a máxima chega a 32ºC.

Em Currais Novos, na Região Seridó, há previsão de pancadas de chuva à noite na sexta e no sábado. No domingo, as pancadas de chuva ocorrem à tarde e à noite. A mínima nesse período chega a 20ºC e a máxima a 33ºC.

Em Macau, na Região da Costa Branca, também há previsão de chuvas em todo o feriado. Na sexta, a previsão é de chuva pela manhã. No fim de semana, chove rápido durante o dia e a noite. A mínima é de 22ºC neste período e a máxima é de 31ºC.

Para quem pretende viajar para alguma serra, a cidade de Martins tem previsão de chuvas de dia na sexta e à tarde e à noite no sábado e domingo. A mínima atinge 19ºC e máxima chega a 27ºC neste período.

Continuar lendo SEMANA SANTA NO RN TERÁ PREVISÃO DE CHUVA EM VÁRIOS PERÍODOS ENTRE A SEXTA-FEIRA DA PAIXÃO E O DOMINGO DE PÁSCOA

HOSPITAL GISELDA TRIGUEIRO EM NATAL TEM CORREDORES INVADIDOS PELA ÁGUA DA CHUVA

Água da chuva invade corredores do Hospital Giselda Trigueiro

Redação/Portal da Tropical

Atualizado em:

Foto: Reprodução

Com as fortes chuvas que caem em Natal desde a madrugada deste sábado (26), alguns transtornos também foram constatados em hospitais na capital. Em um vídeo que circula nas redes sociais, é possível ver a água invadindo os corredores do Hospital Giselda Trigueiro, no bairro das Quintas.

Em nota, a Secretaria de Estado da Saúde Pública (Sesap) confirmou os problemas identificados em algumas unidades hospitalares em ocorrência da chuva e informou que eles estão sendo contornados. As equipes das unidades estão plenas para realizar a manutenção e garantir o atendimento sem prejuízo aos pacientes”, disse a Sesap, em nota.

Fonte: Portal da Tropical _ Notícias

Continuar lendo HOSPITAL GISELDA TRIGUEIRO EM NATAL TEM CORREDORES INVADIDOS PELA ÁGUA DA CHUVA

SAIBA QUAIS OS MUNICÍPIOS DO RN QUE ESTÃO EM ALERTA DE CHUVA

110 municípios do RN estão em alerta para chuvas; confira lista

Redação/Portal da Tropical

Atualizado em:

Foto: Heilysmar Lima

O Instituto Nacional de Meteorologia (Inmet) colocou 110 municípios do Rio Grande do Norte em alerta para chuvas. Dois avisos foram divulgados para o estado, com validade até o fim da manhã desta sexta-feira (25). Um acumulado de chuvas, que se concentra no Leste Potiguar, e outro para chuvas intensas, nas regiões Central e Oeste do estado.

Segundo o pluviosidade para a chuva, os municípios podem ser atingidos por 5 milímetros por hora ou até 5 milímetros por dia. “Baixo risco de risco de risco, em cidades com tais áreas de risco”, avisado.

Já o aviso para intensas indica, além da possibilidade de chuva de até 50 milímetros elétricos por dia, ainda há um risco intenso de até 60 km/he “baixo risco de corte de energia, queda de galhos de árvores, alagamentos e de árvores descargas elétricas”, recomenda.

“Em caso de chuvadas de vento, não se abrigue debaixo de árvores, pois há risco de queda e descargas elétricas e não estacione veículos próximos a torres de transmissão e placas de propaganda”, complementa.

Veja os municípios em alerta de chuvas intensas:

Acari
Assú
Água Nova
Alexandria
Almino Afonso
Antônio Martins
Apodi
Augusto Severo
Bodó
Caicó
Caraúbas
Carnaúba dos Dantas
Coronel João Pessoa
Cruzeta
Currais Novos
Doutor Severiano
Encanto
Equador
Felipe Guerra
Florânia
Francisco Dantas
Frutuoso Gomes
Ipueira
Itajá
Itaú
Janduís
Jardim de Piranhas
Jardim do Seridó
João Dias
José da Penha
Jucurutu
Lagoa Nova
Lucrécia
Luís Gomes
Principais Vendas
Marcelino Vieira
Martins
Messias Targino
Olho d’Água do Borges
Ouro Branco
Paraná
Paraú
Parelhas
Patu
Pau dos Ferros
Pilões
Portalegre
Rafael Fernandes
Rafael Godeiro
Riacho da Cruz
Riacho de Santana
Rodolfo Fernandes
Santana do Matos
Santana do Seridó
São Fernando
São Francisco do Oeste
São João do Sabugi
São José do Seridó
São Miguel
São Rafael
São Vicente
Serra Negra do Norte
Serrinha dos Pintos
Severiano Melo
Taboleiro Grande
Tenente Ananias
Tenente Laurentino Cruz
Timbaúba dos Batistas
Triunfo Potiguar
Umarizal
Upanema
Venha-Ver
Viçosa

Veja os municípios em alerta para acumulado de chuvas:

Arez
Baía Formosa
Brejinho
Canguaretama
Ceará-Mirim
Espírito Santo
Extremoz
Goianinha
Ielmo Marinho
Januário Cicco
Jundiá
Lagoa de Pedras
Lagoa Salgada
Macaíba
Maxaranguape
Montanhas
Monte Alegre
Natal
Nísia Floresta
Nova Cruz
Parnamirim
Passagem
Pedro Velho
Pureza
Rio do Fogo
Santo Antônio
São Gonçalo do Amarante
São José de Mipibu
São Pedro
Senador Georgino Avelino
Serrinha
Taipu
Tibau do Sul
Touros
Várzea
Vera Cruz
Vila Flor

Continuar lendo SAIBA QUAIS OS MUNICÍPIOS DO RN QUE ESTÃO EM ALERTA DE CHUVA

ECOLOGIA E MEIO AMBIENTE: O CICLO DA ÁGUA ESTÁ ALTERANDO MAIS RÁPIDO POR CAUSA DO AQUECIMENTO GLOBAL

Por causa do aquecimento global o ciclo da água está alterando mais rápido do que se imaginava, ou seja, as regiões secas estão ficando mais secas e as regiões mais chuvosas estão recebendo mais inundações. O artigo a seguir explica como e porque isso está acontecendo. Leia e se atualize.

REDAÇÃO GALILEU

 ATUALIZADO EM 

Aquecimento global está alterando ciclo da água mais rápido que o esperado (Foto: Vlad Chețan/Pexels)Aquecimento global está alterando ciclo da água mais rápido que o esperado (Foto: Vlad Chețan/Pexels)

Uma pesquisa publicada em fevereiro na Nature indica que a alteração do ciclo da água está evoluindo mais rápido que o esperado. Com intuito de monitorar esse fenômeno, estudiosos da Universidade de Nova Gales do Sul (UNSW), na Austrália, escolheram observar um conjunto de dados históricos sobre as áreas com maior quantidade de água salgada do globo.

O ciclo da água é muito importante para nossa sobrevivência e para nosso planeta, já que ele é responsável por transportar, em forma de chuva, a água doce do oceano para o solo, fertilizando-o. Contudo, por conta do aumento da temperatura global, esse ciclo pode desencadear consequências severas para o meio ambiente. Uma delas é que as altas temperaturas fazem a chuva se mover de regiões secas para regiões úmidas.

Isso ocasiona, por exemplo, a falta de chuva em locais secos e a abundância de preciptação em locais suscetíveis a inundações e outros desastres hídricos. “O ciclo da água leva essa água doce para regiões mais frias onde cai como chuva”, explica Jan Zika, coautor do estudo e professor associado do UNSW.

Para entender melhor o impacto dessas altas temperaturas no ciclo da água, os estudiosos averiguaram três conjuntos de dados históricos sobre o sal presente na água entre 1970 e 2014. A escolha de colher essas informações se dá pelo fato de que, em áreas mais quentes, a água doce é preciptada e a salgada é deixada no oceano.

Acompanhamento da migração de afloramentos para o norte de superfícies de temperatura fixa e percentil de temperatura. (Foto: Nature)

Acompanhamento da migração de afloramentos para o norte de superfícies de temperatura fixa e percentil de temperatura. (Foto: Nature)

Após a análise dos dados, os estudiosos estimam que um acréscimo de 46 mil a 77 mil quilômetros cúbicos de água doce foram transportados da linha do Equador para os pólos, cerca de 123 vezes a quantidade de água no porto de Sidney. Esse número é entre três a quatro vezes maior do que o esperado e estimado por modelos climáticos atuais.

Ao comparar os resultados com 20 modelos climáticos existentes sobre o assunto, os pesquisadores concluíram que esses protótipos subestimaram a real mudança na transferência de água doce quente e fria causada pelas altas temperaturas.

“Cada nova geração de modelagem adapta modelos anteriores com dados reais, encontrando áreas que podemos melhorar em modelos futuros. Esta é uma evolução natural na modelagem climática”, explica o coautor Taimoor Sohail. Para os cientistas, o estudo publicado na Nature pode ajudar projeções e pesquisas futuras sobre o assunto.

Fonte: Revista Galileu

Continuar lendo ECOLOGIA E MEIO AMBIENTE: O CICLO DA ÁGUA ESTÁ ALTERANDO MAIS RÁPIDO POR CAUSA DO AQUECIMENTO GLOBAL

INMET EMITE ALERTA DE CHUVAS COM PERIGO POTENCIAL PARA 84 CIDADES DO RN

 

Inmet alerta para chuvas intensas em 84 cidades do Rio Grande do Norte; veja lista

 

Por g1 RN

 

Ao todo, 84 cidades do RN serão atingidas pelas chuvas intensas, segundo Inmet — Foto: Divulgação/InmetAo todo, 84 cidades do RN serão atingidas pelas chuvas intensas, segundo Inmet — Foto: Divulgação/Inmet

O Instituto Nacional de Meteorologia (Inmet) emitiu um alerta de chuvas com perigo potencial para 84 cidades do Rio Grande do Norte. O aviso vale desta terça-feira (11) até 10h da quarta-feira (12).

Os municípios atingidos, principalmente, no litoral potiguar, desde a Costa Branca, aos litorais Norte e Sul do estado. (veja lista abaixo).

A chuva de perigo potencial é a segunda numa escala de quatro níveis do órgão. Nesse nível, são previstas chuvas entre 20 e 30 milímetros por hora ou até 50 mm por dia, além de ventos intensos – de 40 a 60 km/h.

Segundo o Inmet, há baixo risco de corte de energia elétrica, queda de galhos de árvores, alagamentos e de descargas elétricas..

O órgão recomenda, em caso de rajadas de vento, que as pessoas não se abriguem debaixo de árvores por haver um leve risco de queda e descargas elétricas. Também é recomendado não estacionar veículos próximos a torres de transmissão e placas de propaganda, além de evitar usar aparelhos eletrônicos ligados à tomada.

O alerta também é válido para cidades de outros estados do Nordeste, do Norte, do Sudeste, do Norte e do Centro-Oeste.

Cidades do RN afetadas

  1. Assú
  2. Afonso Bezerra
  3. Alto do Rodrigues
  4. Apodi
  5. Areia Branca
  6. Arez
  7. Baía Formosa
  8. Baraúna
  9. Barcelona
  10. Bento Fernandes
  11. Bom Jesus
  12. Brejinho
  13. Caiçara do Norte
  14. Caiçara do Rio do Vento
  15. Canguaretama
  16. Carnaubais
  17. Ceará-mirim
  18. Espírito Santo
  19. Extremoz
  20. Felipe Guerra
  21. Galinhos
  22. Goianinha
  23. Governador Dix-Sept Rosado
  24. Grossos
  25. Guamaré
  26. Ielmo Marinho
  27. Ipanguaçu
  28. Jandaíra
  29. Januário Cicco
  30. Jardim de Angicos
  31. João Câmara
  32. Jundiá
  33. Lagoa D’Anta
  34. Lagoa de Pedras
  35. Lagoa de Velhos
  36. Lagoa Salgada
  37. Lajes
  38. Macaíba
  39. Macau
  40. Maxaranguape
  41. Montanhas
  42. Monte Alegre
  43. Mossoró
  44. Natal
  45. Nísia Floresta
  46. Nova Cruz
  47. Parazinho
  48. Parnamrim
  49. Passa e Fica
  50. Passagem
  51. Pedra Preta
  52. Pedro Avelino
  53. Pedro Velho
  54. Pendências
  55. Poço ranco
  56. Porto do Mangue
  57. Pureza
  58. Riachuelo
  59. Rio do Fogo
  60. Ruy Barbosa
  61. Santa Maria
  62. Santo Antônio
  63. São Bento do Norte
  64. São Gonçalo do Amarante
  65. São José de Mipibu
  66. São José do Campestre
  67. São Miguel do Gostoso
  68. São Paulo do Potengi
  69. São Pedro
  70. Senador Elói de Souza
  71. Senador Georgino Avelino
  72. Serra Caiada
  73. Serra de São Bento
  74. Serra do Mel
  75. Serrinha
  76. Sítio Novo
  77. Taipu
  78. Tangará
  79. Tibau
  80. Tibau do Sul
  81. Touros
  82. Upanema
  83. Várzea
  84. Vera Cruz
Continuar lendo INMET EMITE ALERTA DE CHUVAS COM PERIGO POTENCIAL PARA 84 CIDADES DO RN

BOAS NOTÍCIAS: CORRENTE DO BEM DOS ARTISTAS ATENUA SOFRIMENTO E DOR DOS BAIANOS

A calamidade pública no estado da Bahia é o destaque desta edição da coluna BOAS NOTÍCIAS. A solidariedade e a compaixão dos artistas comovidos com a situação do povo do sul da Bahia depois da enxurrada que já matou 21 pessoas e desabrigou milhares está reunindo muitos recursos para atenuar a dor e o sofrimento desse povo tão sofrido. Leia o artigo completo a seguir e saiba dos detalhes das ações dos artistas engajados na campanha.

Artistas fazem corrente de ajuda para vítimas da chuva na Bahia

Famosos de todas as áreas estão numa corrente do bem para ajudar as vítimas da chuva do extremo sul da Bahia com doações, cobertores, colchões, alimentos entre outros.

Nomes como Alok, Wesley Safadão, João Gomes, Whindersson Nunes, Anitta, Emicida, Pabllo Vittar, Duda Beat, Preta Gil, Ivete Sangalo, Luisa Sonza, Caetano Veloso, Gilberto Gil, Virgínia Fonseca, Marina Sena, Daniela Mercury, Juliette e muitos outros famosos compartilharam informações e incentivaram campanhas de doação para ajudar as pessoas desabrigadas pelas enchentes.

Alok escreveu – Estou doando 100 mil reais através do @AlokInstituto para ajudar a socorrer as famílias atingidas pelas enchentes no sul da Bahia.

O recurso foi transferido para a instituição Ações da Cidadania contra a Fome que está atuando na linha de frente.

Cachês de shows doados

O cantor Wesley Safadão doou 100 por cento do seu cachê do show em Barra grande, an
Bahia, para ajudar. “Vamos juntos nessa corrente de fé e amor. Ajude você também omo puder”, disse o músico.

Já a ex-BBB e influenciadora digital Rafa Kalimann anunciou, através de uma rede social, a doação de 10 toneladas de alimentos para as vítimas das fortes chuvas que atingiram diversas cidades na Bahia.

“Mandando 10 tonelaas de alimentos para a Bahia. Vamos gente, de mãos dadas. É urgente, eles estão precisando agora. Ajudem com o que puder. #SoSBahia, escreveu a influencer.

Outro que abriu mão do cachê em shows pela Bahia foi o cantor João Gomes.

O humorista piauiense Whindersson Nunes anunciou que vai liberar um site para leiloar peças marcantes de sua carreira.

O dinheiro arrecadado será doado para aldeias indígenas atingidas pelas fortes chuvas na Bahia.

A cantora baiana Ivete Sangalo também pediu ajuda pelas redes, compartilhando a campanha de doações (post abaixo).

E é urgente! Toda ajuda é bem vinda! Colabore também! Um salve a todos que estão nessa onda de solidariedade aos irmãos da Bahia!

Subiu para 20 o número de pessoas mortas em decorrência das fortes chuvas que atingiram o sudoeste, sul e extremo sul da Bahia. Em todo o estado, mais de 430 mil pessoas foram afetadas pelo temporal.

 

Com informações do Jornal O Dia

Fonte: Só Notícia Boa

Continuar lendo BOAS NOTÍCIAS: CORRENTE DO BEM DOS ARTISTAS ATENUA SOFRIMENTO E DOR DOS BAIANOS

UTILIDADE PÚBLICA : SEGUNDO CLIMATEMPO, VERÃO DE 2021/2022 SERÁ DE MUITA CHUVA E CALOR MAIS AMENO PARA ESTAÇÃO

Por g1

 

Marinha, através da Capitania dos Portos, dá início a Operação Verão 2021-2022 no RN. nesta segunda-feira (20) — Foto: CedidaMarinha, através da Capitania dos Portos, dá início a Operação Verão 2021-2022 no RN. nesta segunda-feira (20) — Foto: Cedida

O verão de 2021/2022 será de muita chuva e calor mais ameno para a estação, informou o Climatempo. O motivo é a La Niña — caracterizada pelo resfriamento das águas do Oceano Pacífico. O período começa oficialmente nesta terça-feira (21) às 12h59 (horário de Brasília).

Para a maior parte do país, o verão vai trazer temperaturas mais altas, mas não exageradas, e volumes de chuvas bem elevados na maior parte do país, segundo o Instituto Nacional de Meteorologia (Inmet).

A estação é caracterizada pela elevação da temperatura em todo país em função da posição relativa à Terra em relação ao Sol mais ao sul, fazendo com que os dias sejam mais longos que as noites e as mudanças climáticas sejam mais bruscas, descreveu o instituto.

Fenômeno La Niña — Foto: ClimatempoFenômeno La Niña — Foto: Climatempo

Segundo César Soares, meteorologia do Climatempo, as primeiras semanas do verão serão de calor e de fortes pancadas de chuva em grande parte do Brasil, principalmente na região Sudeste (destaque para Minas Gerais).

“De maneira geral, a gente não vai ter aquele vai baita calor neste verão. Teremos momentos quentes e com temperaturas mais baixas por causa da La Niña. Não haverá uma estação exageradamente quente”, afirmou o especialista.

Soares destaca que, ao contrário do restante do país, o Sul deve registrar menor índice de chuva, o que pode prejudicar a produção agrícola e o volume dos reservatórios da região. Em geral, a temperatura do ar nos estados sulistas deve permanecer acima da média histórica na estação.

Na avaliação de Franco Villela, meteorologista do Inmet, as temperaturas devem subir por conta da própria estação, mas as pancadas de chuva ajudarão a refrescar e aliviar a sensação de abafamento do clima.

“Vai ventar bastante também para aliviar o calor”, disse.

Chuvas no Norte e Nordeste

O meteorologista do Climatempo chama atenção para as fortes chuvas que devem ocorrer ainda esta semana no Norte e Nordeste e podem gerar novos deslizamentos e alagamentos, como as que ocorreram no Sul da Bahia.

“As pancadas de chuva que ocorreram no fim da primavera devem se estender até o fim desta semana”, alertou ele.

Fonte: G1

Continuar lendo UTILIDADE PÚBLICA : SEGUNDO CLIMATEMPO, VERÃO DE 2021/2022 SERÁ DE MUITA CHUVA E CALOR MAIS AMENO PARA ESTAÇÃO

CONFIRA A PREVISÃO DO TEMPO PARA O FIM DE SEMANA NO RN

Por G1 RN

 

Noites de sábado (21) e domingo (22) devem ser de chuva em Natal. — Foto: Heloísa Guimarães/Inter TV CabugiNoites de sábado (21) e domingo (22) devem ser de chuva em Natal. — Foto: Heloísa Guimarães/Inter TV Cabugi

A previsão do tempo aponta períodos de chuvas em algumas cidades do estado e temperaturas abaixo de 20°C em alguns municípios.

Na capital Natal e nas praias de São Miguel do Gostoso, no litoral Norte, e Pipa, no litoral Sul, a previsão é de sol com nuvens pela manhã e pancadas de chuva durante a tarde e a noite no sábado (21) e no domingo (22).

A mínima chega a 22°C e a máxima é de 30°C em todo o fim de semana.

Mossoró

Em Mossoró, na Região Oeste, a mínima é de 22°C no sábado e 21°C no domingo. Já a máxima chega a 36°C no sábado e 35°C no domingo. A previsão do tempo aponta sol com algumas nuvens e sem chuvas no município.

Caicó

Em Caicó, na Região Seridó, a previsão também é de sol com algumas nuvens, sem chuvas. A mínima é de 23°C no sábado e 22°C no domingo. A máxima chega a 35° nos dois dias.

Martins

Na serra de Martins, não há previsão de chuva no fim de semana e a mínima chega a 18°C no sábado e 17°C no domingo. A máxima atinge 31°C no sábado.

Jaçanã

No município de Jaçanã, a mínima vai chegar a 17°C no fim de semana, com máxima de 30°C no sábado. Não há previsão de chuva.

Tenente Laurentino Cruz

Em Tenente Laurentino Cruz, a mínima atinge 17°C no sábado e 16°C domingo. A máxima chega a 29°C nos dois dias, sem previsão de chuva.

Guamaré

No município de Guamaré não há previsão de chuva. A mínima é de 22°C no sábado e 21°C no domingo. A máxima é de 36°C no sábado e 35°C no domingo.

Nova Cruz

Em Nova Cruz, a previsão é de sol com nuvens pela manhã e pancadas de chuva durante a tarde e a noite no sábado e no domingo. A mínima é de 22°C e a máxima chega a 30°C nos dois dias.

São Rafael

Em São Rafael, a previsão também é sol com nuvens pela manhã e pancadas de chuva durante a tarde e a noite no sábado e no domingo. A mínima é de 24°C no sábado e 23°C no domingo. A máxima chega a 36°C em todo o fim de semana.

As informações meteorológicas são fornecidas pelo Climatempo.

Fonte: G1 RN

Continuar lendo CONFIRA A PREVISÃO DO TEMPO PARA O FIM DE SEMANA NO RN

PREVISÃO DO TEMPO PARA O FIM DE SEMANA APONTA RN VAI TER SOL E CHUVA EM ALGUMAS CIDADES E TEMPERATURA BAIXA EM ALGUMAS SERRAS

Por G1 RN 

 

Rio Grande do Norte vai ter fim de semana com sol e chuvas em algumas cidades - Foto de arquivo — Foto: Kleber Teixeira/Inter TV CabugiRio Grande do Norte vai ter fim de semana com sol e chuvas em algumas cidades – Foto de arquivo — Foto: Kleber Teixeira/Inter TV Cabugi

A previsão do tempo aponta que o Rio Grande do Norte vai ter um fim de semana com sol e chuvas em algumas cidades e temperaturas abaixo de 20°C em algumas serras.

Em Natal, o sábado será de tempo aberto com sol e nuvens, com chuva rápida durante o dia e à noite. O domingo reserva muitas nuvens e chuva a qualquer hora. A mínima no fim de semana é de 22°C e chega a 30°C. A previsão é a mesma para São Miguel do Gostoso, no litoral Norte. Em Tibau do Sul, no litoral Sul, a mínima também é de 22°C, mas a máxima fica em 28°C.

Mossoró

Em Mossoró, na Região Oeste, a mínima é de 22°C nos dois dias e a máxima chega a 36° no domingo (8). A previsão do tempo aponta sol com algumas nuvens e sem chuvas no município.

Caicó

Em Caicó, na Região Seridó, também não há nenhuma previsão de chuvas e o sol deve aparecer durante todo o fim de semana, com temperaturas muito quentes. A mínima prevista é de 21°C e a máxima chega a 35°C.

Apodi

No município de Apodi, também será um fim de semana de sol, com temperaturas variando de 21°C a 36°C.

Pau dos Ferros

Em Pau dos Ferros, na Região do Alto Oeste, a previsão também aponta para um fim de semana de sol e sem possibilidade de chuvas. A mínima será de 23°C e a máxima de 35°C.

Martins

Na serra de Martins, o fim de semana também será de sol e o município terá momentos de temperaturas mais baixas. A mínima é de 18°C com máxima de 31°C.

Monte das Gameleiras

Já em Monte das Gameleiras, a mínima chega a 19°C com máxima de 30°C. O município deve ter chuva rápida no sábado e pancadas de chuva durante a tarde e à noite do domingo.

São Paulo do Potengi

O município de São Paulo do Potengi terá um sábado com sol e chuva rápida durante o dia e à noite. O domingo deve ter sol com chuva a qualquer momento. A mínima atinge 21°C e a máxima chega a 30°C.

As informações meteorológicas foram fornecidas pelo Climatempo.

Fonte: G1 RN
Continuar lendo PREVISÃO DO TEMPO PARA O FIM DE SEMANA APONTA RN VAI TER SOL E CHUVA EM ALGUMAS CIDADES E TEMPERATURA BAIXA EM ALGUMAS SERRAS

APÓS UMA FORTE CHUVA NA MANHÃ DE DOMINGO, PARTE DO TELHADO DA MATERNIDADE ESCOLA JANUÁRIO CICCO CAIU

Por G1 RN

 

Parte do teto da Maternidade Escola Januário Cicco cai; ninguém fica ferido — Foto: CedidaParte do teto da Maternidade Escola Januário Cicco cai; ninguém fica ferido — Foto: Cedida

Uma parte do telhado da Maternidade Escola Januário Cicco, em Natal, caiu na manhã deste domingo (18), após a forte chuva registrada na capital potiguar. Apesar do incidente, ninguém ficou ferido e nenhum veículo foi danificado.

A parte que desabou fica na área externa, na fachada do prédio. Os destroços caíram na sacada da unidade hospitalar que é vinculada à Universidade Federal do Rio Grande do Norte (Mejc-UFRN) e à Rede Ebserh.

Em nota, a maternidade informou que “foi feita uma revisão de cobertura recente na instituição. Tendo em vista que o ocorrido não ocasionou maiores problemas estruturais, a Divisão de Logística e Infraestrutura Hospitalar (DLIH) da MEJC realizará um estudo mais aprofundado na manhã desta segunda-feira (19)”.

Continuar lendo APÓS UMA FORTE CHUVA NA MANHÃ DE DOMINGO, PARTE DO TELHADO DA MATERNIDADE ESCOLA JANUÁRIO CICCO CAIU

BOAS NOTÍCIAS: CHUVA CAI PELO 2º DIA NA AUSTRÁLIA E AMENIZA INCÊNDIOS

Uma providencial chuva é o destaque da nossa coluna BOAS NOTÍCIAS deste sábado. Pelo segundo dia chuva cai na Austrália e ajuda bombeiros a apagar fogo. Leia a reportagem completa a seguir e saiba como foi.

Chuva cai pelo 2º dia e ajuda bombeiros a apagar fogo na Austrália

Foto: reprodução

Foto: reprodução

As chuvas fortes que caíram na Austrália nesta sexta, 17, pelo segundo dia seguido, estão ajudando os bombeiros a vencer o fogo dos incêndios que devastam o sul do país.

As chuvas mais intensas em dez anos caíram em algumas das regiões próximas aos incêndios mais importantes, uma “excelente notícia”, segundo o Corpo de Bombeiros Rural de Nova Gales do Sul.

A perspectiva de um clima mais úmido dá esperanças para a equipe no resgate de coalas no leste e no sul do país.

Muitos dos animais afetados tiveram seus habitats destruídos. Desta forma, especialistas alertam para o risco de extinção de algumas espécies.

Os coalas concentram grande parte da atenção do mundo, e as fotos desses animais salvos das chamas se espalharam rapidamente pelas redes sociais.

Do fogo para água

Na manhã desta sexta-feira, alguns coalas e outros animais do parque de répteis da Austrália, na costa leste de Nova Gales do Sul, tiveram de ser resgatados das águas.

“É incrível, na semana passada tivemos reuniões diárias sobre o perigo iminente dos incêndios. Hoje, toda equipe está no terreno, encharcada, lutando para proteger os animais e proteger o parque da água. Não temos inundações assim há 15 anos”, disse o diretor do parque, Tim Faulkner.

Incêndios

Apesar disso ainda há pelo menos 30 incêndios fora de controle. Dezenas estão ativos no estado vizinho de Victoria.

A chuva não caiu na Ilha Kangaroo, um verdadeiro santuário para uma fauna e flora excepcionais, localizada ao sul, na costa de Adelaide.

As chamas devastaram o parque nacional desta ilha, matando grande parte da população de coalas e ameaçando erradicar completamente algumas espécies de pássaros e marsupiais.

A temporada de incêndios na Austrália foi agravada pelo clima particularmente quente e pela ausência de chuva nos últimos meses neste imenso país, devido às mudanças climáticas.

Os incêndios começaram em setembro e foram sem precedentes pela magnitude e duração.

Deixaram 28 mortos, destruíram centenas de casas e mataram mais de 1 bilhões de animais.

Além disso, a Austrália perderá bilhões de dólares em receitas de turismo.

Por causa dos incêndios, muitos visitantes estrangeiros cancelaram suas viagens ao país.

Com informações da Isto É

Fonte: Só Notícia Boa

Continuar lendo BOAS NOTÍCIAS: CHUVA CAI PELO 2º DIA NA AUSTRÁLIA E AMENIZA INCÊNDIOS

Fim do conteúdo

Não há mais páginas para carregar