REFLEXÃO: O OLHAR TEM DE SER BOM E DE BENÇÃO PARA TRANSFORMAR VIDAS

Um olhar que abençoa diz: “Quando olho para ti, não te possuo, não te critico, não te julgo, não vou pedir nada nem te dar nada, só me comunico contigo. Se você olhar assim para as pessoas que conhece ou com quem deveria se relacionar, sua vida mudará. Então te convido a ler o texto completo a seguir, refletir e fazer o seu juízo de valor!

Abençoe tudo com seu olhar

 em 

 

“Diz-se que monges iluminados abençoam tudo o que veem. Você pode fazer este exercício ao longo do dia, abençoe o que você vê, sejam seres vivos ou não.

Quando o olhar se transforma em bênção constante, chega-se ao olhar mágico. Este olhar diz: “Quando olho para ti, não te possuo, não te critico, não te julgo, não vou pedir nada nem te dar nada, só me comunico contigo.

Você precisa de mim? Eu não estou aqui, mas o Ser essencial está! ” Não há nada de pessoal nesse visual. Quem olha e o olhar se comunicam de alma a alma. Se você olhar assim para as pessoas que conhece ou com quem deveria se relacionar, sua vida mudará.

Vá para casa e olhe todos os objetos com os quais você vive, olhe todas as memórias que eles contêm, olhe para todos os seus parentes e, acima de tudo, olhe para o olhar que eles tem, e veja até que ponto seus olhos veem e o que eles são seus limites.

Coloque-se no lugar deles, procure entendê-los e aceitar que eles sofrem. Qualquer tipo de olhar que não seja mágico nos faz mergulhar no sofrimento. Não se preocupe se descobrir sentimentos agressivos em seus olhares. Se você se libertou do ego artificial, saberá como transformar as agressões em manifestações de amor.

Existem aparências que são paredes que encerram mentes em masmorras. Quando seu olhar se abrir, conceda aos prisioneiros uma luz de liberdade.” (fonte: eterquintessência)

Luz e Paz!

Deixe uma resposta