REFLEXÃO: A LIBERDADE É FRUTO DO APRENDIZADO E DO DESENVOLVIMENTO DO AMOR INCONDICIONAL

O texto a seguir, que estamos publicando na coluna REFLEXÃO desta terça-feira com o título de “Unindo amor e liberdade” vem nos chamar para refletir sobre o verdadeiro sentido da liberdade, que só pode existir como fruto do amor. O amor incondicional, o qual todos viemos para aprender. Por isso te convido a ler o texto completo a seguir, refletir e fazer o seu juízo de valor.

Unindo amor e liberdade

 em 

 

“Tudo é transitório nesta existência, e nada, absolutamente nada, nos pertence. Se você anseia por relaxar confortavelmente à sombra das suas conquistas, terá por companhia a frustração ou o tédio. A única maneira de nós mantermos cheios de vida é fazendo as pazes com o movimento. Para isso será preciso aprender a não se apegar, e isso não é fácil.

Você precisa estar disposto a deixar ir o que tiver que ir e, como uma criança, confiante e entregue, estender a mão para a vida, permitindo-se ser conduzida por ela. Observe ao que você está apegado. Pense na sua vida, e pergunte a si mesmo se existe algo que você se recusaria a deixar ir. Uma pessoa, uma crença, um emprego, uma casa, uma cidade… “Tudo poderia mudar, menos isso!”- diz você.

Então aprenda a desapegar-se disso. Aquilo a que você se apega é a fresta por onde sua luz se esvai. É uma porta para o sofrimento. Antes que seja mal compreendida… Não estou sugerindo uma ação externa! Não estou dizendo para se afastar do que ama. O que sugiro é que evolua em consciência e saiba que o apego faz parte da ilusão. Estou sugerindo que una amor e liberdade. Tudo pode mudar.

Ainda assim, nada que é real pode ser tirado de nós, pois somos em essência a Unidade, todos nós. Então olhe para isso que teme perder com Amor. Veja aquilo livre. Dentro de você faça as pazes com a possibilidade de um dia ter que se afastar disso, sabendo que o afastamento é ilusório, apenas uma jogada no jogo da vida.

Se você conseguir compreender o que tento lhe dizer, entrará em um profundo estado de paz. A paz de não temer a perda. A paz de abrir mão dos controles. A paz de uma criança conduzida pela mão de Deus.

Medite sobre estas palavras.” (Patricia Gebrim)

Luz e Paz!

Fonte: Sabedoria Universal

Deixe uma resposta