PRIMEIRAS NOTÍCIAS DO DIA 27 DE JANEIRO DE 2021 POR G1

Por G1

 

Nova variante do coronavírus identificada inicialmente no Amazonas chega a São Paulo e cientistas pedem mais proteção em aeroportos do país. Média móvel de mortes por Covid no Brasil sobe pelo 4º dia e chega a 1.058. E os casos de coronavírus no mundo passam de 100 milhõesPolícia Federal é notificada da decisão de ministro do STF e já pode instaurar inquérito para investigar Pazuello sobre crise sanitária no AM. Nove ex-ministros do Meio Ambiente pedem a líderes europeus que ajudem Amazônia ‘devastada’ por ‘dupla calamidade pública’. ‘O Assunto’ fala sobre o debate entre público e privado na vacinação contra a Covid-19. E sai nesta quarta, sem horário definido, o gabarito oficial da versão impressa do Enem 2020.

Mutação do coronavírus

SP confirma os três primeiros casos de contaminação com variante amazonense do coronavírus
SP confirma os três primeiros casos de contaminação com variante amazonense do coronavírus

A Secretaria da Saúde de São Paulo confirmou os três primeiros casos no estado da nova variante do coronavírus identificada inicialmente em Manaus, no Amazonas. Segundo cientistas, esta nova variante pode ter maior potencial de transmissão. A confirmação foi feita pelo Laboratório Estratégico do Instituto Adolfo Lutz, que é vinculado à pasta estadual. É a primeira vez que a variante do Amazonas foi confirmada em outro estado do Brasil.

Os cientistas alertam para um desafio gigante: impedir que a variante do Amazonas se espalhe e seja a predominante no Brasil inteiro. O vírus viaja junto com os infectados. No caso do Amazonas, pelos rios, estradas e aeroportos. Os pesquisadores do Observatório da Covid no Brasil mapearam os aeroportos do país, com base nos deslocamentos mais frequentes, antes da pandemia, para saber onde é maior o risco da contaminação pela variante do AM; veja no vídeo acima.

Dados da pandemia

Brasil registra 1.206 mortes por Covid em 24 horas
Brasil registra 1.206 mortes por Covid em 24 horas

A média móvel de mortes por Covid-19 no Brasil subiu pelo 4º dia e chegou a 1.058. O país contabilizou 8.936.590 casos e 218.918 óbitos por Covid-19 desde o início da pandemia, segundo balanço do consórcio de veículos de imprensa. Cinco estados estão com alta nas mortes: MG, GO, MT, AM e RR. Segue chamando atenção a situação do estado do Amazonas, que registrou sua maior marca de mortes por Covid em 24 horas até aqui: foram 192. Veja os dados detalhados.

número de casos confirmados do novo coronavírus no mundo passou de 100 milhões, segundo levantamento da Universidade Johns Hopkins. Foram 10 milhões em apenas 15 dias. Os dados mostram ainda que Estados Unidos, Índia e Brasil concentram quase a metade de todas as infecções de Covid-19 no planeta.

Ministro na mira

Pazuello: novo surto no Amazonas foi ‘situação desconhecida’
Pazuello: novo surto no Amazonas foi ‘situação desconhecida’

A Polícia Federal foi notificada da decisão do ministro Ricardo Lewandowski, do Supremo Tribunal Federal (STF), e já pode instaurar inquérito para investigar a conduta do ministro da Saúde, Eduardo Pazuello, na crise sanitária do Amazonas.

Nesta terça (16), o ministro afirmou que a alta de casos no estado registrada no começo do ano “foi uma situação completamente desconhecida para todo mundo”. O ministro atribuiu o aumento à nova variante do coronavírus encontrada em Manaus.

Remédio sem eficácia

TCU vê ilegalidade em uso de dinheiro do SUS com cloroquina

TCU vê ilegalidade em uso de dinheiro do SUS com cloroquina

Tribunal de Contas da União (TCU) apontou ilegalidade no uso de recursos do Sistema Único de Saúde (SUS) para o fornecimento de cloroquina no tratamento de pacientes com Covid-19 e deu cinco dias para o Ministério da Saúde apresentar explicações. Em despacho, o ministro Benjamin Zymler afirmou que o fornecimento do medicamento para tratamento não tem comprovação científica e que o remédio — utilizado no tratamento da malária — só poderia ser fornecido pelo SUS para uso contra a Covid-19 se houvesse autorização da Anvisa ou de autoridades sanitárias estrangeiras, o que não ocorreu. Procurado pelo G1, o Ministério da Saúde informou que responderá ao TCU no prazo determinado pelo tribunal.

‘Amazônia devastada’

Carta foi enviada por nove ex-ministros do Meio Ambiente nesta terça-feira — Foto: Reprodução

Nove ex-ministros do Meio Ambiente enviaram um pedido de ajuda a líderes europeus para combater a crise da Covid-19 na Amazônia. Assinam a carta: José Goldemberg, Rubens Ricupero, Gustavo Krause, Izabella Teixeira, José Sarney Filho, José Carlos Carvalho, Marina Silva, Carlos Minc e Edson Duarte.

O documento, que foi encaminhado ao presidente da França, Emmanuel Macron, à primeira-ministra da Alemanha, Angela Merkel, e à primeira-ministra da Noruega, Erna Solberg, diz que a “Amazônia brasileira está sendo devastada neste momento por dupla calamidade pública, ambiental e de saúde. Veja a íntegra da carta.

‘Fura-fila’

Vacinas de Oxford em Manaus. — Foto: Divulgação/SecomVacinas de Oxford em Manaus. — Foto: Divulgação/Secom

A Justiça Federal no Amazonas suspendeu a distribuição de todas as doses da vacina de Oxford em Manaus. A capital do estado deveria receber 74.134 doses, informou a prefeitura. A decisão da juíza federal Jaiza Fraxe afirma que prefeitura precisa, em especial, garantir total transparência na programação e critérios para vacinação. Denúncias de ‘fura-fila’ são investigadas.

O Assunto

O governo federal deu luz verde para um grupo de empresas comprar 33 milhões de doses da AstraZeneca, mas a própria farmacêutica se recusou a atender clientes privados. Enquanto isso, clínicas particulares advogam em prol da vacinação paralela ao SUS. Isso ajuda ou atrapalha na corrida pela imunização? No Assunto de hoje, Renata Lo Prete conversa com o médico sanitarista Adriano Massuda, pesquisador do Centro de Estudos em Planejamento e Gestão de Saúde da FGV, e Geraldo Barbosa, presidente da associação das clínicas. Veja mais.

Imunização no Brasil

Prefeitura do Rio começa nesta manhã uma nova fase de vacinação contra a Covid-19. As duas vacinas disponíveis serão utilizadas, a CoronaVac e a da AstraZeneca. O vacinado receberá a dose que for oferecida, não podendo escolher. Até o dia 3 de fevereiro, profissionais de saúde com 60 anos ou mais que atuam na cidade nas redes pública e privada deverão procurar uma das 236 clínicas da família e centros municipais de saúde para tomar a vacina. A população fora dos grupos específicos ainda não deve ir para os postos. Saiba mais.

Profissional de saúde toma a primeira dose da Coronavac na capital paulista no domingo (17), no Hospital das Clínicas. — Foto: Divulgação/GESP Profissional de saúde toma a primeira dose da Coronavac na capital paulista no domingo (17), no Hospital das Clínicas.  Foto: Divulgação/GESP

Prefeitura de São Paulo vai aumentar o público-alvo da vacinação. De acordo com documento, serão imunizados todos os profissionais da saúde que trabalham em serviços de pronto atendimento. Também serão incluídos nos grupos prioritários idosos em situação de vulnerabilidade e pessoas com transtorno mental que moram em Serviços de Residência Terapêutica (SRTs).

Enem 2020

Caderno de provas do Enem 2020 — Foto: Aline Nascimento/G1Caderno de provas do Enem 2020 — Foto: Aline Nascimento/G1

Os gabaritos do Exame Nacional do Ensino Médio (Enem) 2020 serão divulgados hoje, no site do Instituto Nacional de Estudos e Pesquisas Educacionais Anísio Teixeira (Inep). Não há um horário definido. No G1, já é possível conferir a correção extraoficial da prova. Vale lembrar que o número de acertos do candidato não indica sua nota final, por causa da Teoria de Resposta ao Item (TRI) — sistema de correção que detecta a coerência no desempenho do estudante; entenda.

E candidatos da versão digital do Enem ainda não sabem onde fará a prova, que será aplicada daqui a menos de uma semana, em 31 de janeiro e 7 de fevereiro. Segundo o Inep, a informação está disponível desde 15 de janeiro na página do participante e foi acessada, até o dia 20, por 43% dos inscritos. No entanto, estudantes relatam que o campo com o endereço aparece em branco. Eles tentam ligar para o Inep, mas não são atendidos.

Tempestade

Raios atingem Centro de SP na noite desta segunda — Foto: Celso Tavares/G1Raios atingem Centro de SP na noite desta segunda — Foto: Celso Tavares/G1

720 raios atingiram São Paulo durante o temporal de segunda (25). De acordo com o Instituto Nacional de Pesquisas Espaciais (Inpe), em uma tempestade normal na cidade, cerca de 50 a 100 raios tocam o solo. Em todos os 39 municípios da Grande São Paulo, foram 5.918 raios, segundo dados da Earth Networks. Desse total, 2.580 atingiram o chão.

Previsão do tempo

Veja a previsão do tempo para esta quarta-feira
Veja a previsão do tempo para esta quarta-feira

Loterias

Aposta única da Mega-Sena custa R$ 4,50 e apostas podem ser feitas até as 19h — Foto: Loterias Caixa/Reprodução

Aposta única da Mega-Sena custa R$ 4,50 e apostas podem ser feitas até as 19h — Foto: Loterias Caixa/Reprodução

Ninguém acertou as seis dezenas do concurso 2338 da Mega-Sena. O prêmio acumulou e o valor previsto para o próximo sorteio, que será realizado nesta quinta-feira (28), é de R$ 4 milhões.

Veja as dezenas sorteadas: 08 – 21 – 23 – 34 – 42 – 47.

  • A Quina teve 22 apostas ganhadoras e cada uma leva R$ 41.770,96.
  • A Quadra teve 1.692 apostas ganhadoras e cada uma ganhou R$ 775,88.

Deixe uma resposta