PRIMEIRAS NOTÍCIAS DO DIA 23 DE MARÇO DE 2021 POR G1

Por G1

 

Alerj vota hoje projeto do governo do estado que cria ‘superferiado’ no Rio de Janeiro. Colapso na saúde: número de internados em São Paulo mais do que dobra no mês e chega a 29 mil. Lotados, hospitais do Distrito Federal deixam corpos no chão e em corredores. Pela primeira vez, Brasil registra média de novos casos de Covid acima de 75 mil por dia. Uma semana após anúncio, novo ministro da Saúde ainda não tem data para assumir cargo. Anvisa faz reunião sobre ‘kit intubação’ após errar envio de e-mail. Novo auxílio emergencial: veja as datas para quem é do Bolsa Família. Bandeira vermelha da conta de luz pode ficar ainda mais cara. E na 4ª eleição em 2 anos, Netanyahu usa sucesso da vacinação para tentar manter poder em Israel.

Medidas restritivas

Vídeo: Rio e Niterói fecharão escolas, bares e restaurantes durante 'superferiado'
: Rio e Niterói fecharão escolas, bares e restaurantes durante ‘superferiado

A Assembleia Legislativa do Rio de Janeiro (Alerjvota nesta terça o projeto de lei que antecipa os feriados do mês que vem para os dias 26 e 31 de março e 1º de abril. A proposta do governador em exercício, Cláudio Castro (PSC), cria um “superferiadão”, que iria da sexta-feira (26) até o Domingo de Páscoa (4). O objetivo é diminuir a circulação de pessoas nas ruas por causa do avanço dos casos de Covid em todo o estado. A medida vem sofrendo críticas, porque pelas regras planejadas pela gestão estadual — mas ainda não aprovadas —, estabelecimentos como bares e restaurantes poderiam funcionar.

Em descompasso com o governo estadual, os prefeitos do Rio, Eduardo Paes (DEM), e de Niterói, Axel Grael (PDT), definiram, após reunião com os comitês científicos municipais, que durante dez dias – de 26 de março a 4 de abril – só serviços essenciais poderão funcionar nas duas cidades.

Paes e especialistas ouvidos pelo G1 entendem que a decisão dos municípios prevalece sobre a regra do governo estadual.

“Eu tenho certeza que não vai haver qualquer contestação efetiva em relação a essas medidas. Era bom só que não se confundisse a comunicação: na cidade do Rio de Janeiro, valerão as regras da prefeitura do Rio de Janeiro naquilo que diz respeito e atribuição da prefeitura”, disse Paes.

Condução da pandemia

Bolsonaro: 'Parece que só no Brasil está morrendo gente!'
Bolsonaro: ‘Parece que só no Brasil está morrendo gente!’

Parece que, no mundo todo, só no Brasil está morrendo gente”, afirmou.

Segundo a Organização Mundial da Saúde, das 60.503 mortes registradas por Covid no mundo nos últimos 7 dias, 15.650 foram no Brasil. Esse número representa 25% dos óbitos registrados no período.

Nesta segunda, a OMS cobrou que a condução da pandemia no Brasil esteja alinhada em todas as esferas de poder e alertou que as mortes pela Covid dobraram no último mês. A entidade também comentou a mudança no comando do Ministério da Saúde e desejou “firmeza” a Marcelo Queiroga, que ainda não tomou posse.

Demora para posse

Novo ministro da saúde ainda não tem data para tomar posse
Novo ministro da saúde ainda não tem data para tomar posse

Anunciado pelo próprio presidente Jair Bolsonaro há uma semana como sucessor de Eduardo Pazuello no Ministério da Saúde, o médico Marcelo Queiroga ainda não tomou posse no cargo – e até a noite desta segunda-feira (22), não havia sequer data para que isso ocorresse.

A cerimônia de transmissão de cargo chegou a ser prevista para esta terça (23), mas foi adiada. Fontes afirmaram à TV Globo que o presidente Bolsonaro ainda procura um novo posto para Pazuello no governo. Ao longo do dia, ganhou força a possibilidade da criação de um “Ministério da Amazônia” a ser comandado pelo ministro.

O Assunto

Neste episódio, o manifesto dos economistas: o que pedem empresários, banqueiros, ex-ministros da Fazenda e ex-presidentes do Banco Central que vieram a público exigir mudanças na condução da pandemia por parte do governo federal.

Caos na saúde

Número de internações por Covid em SP mais do que dobra em março em relação a fevereiro
Número de internações por Covid em SP mais do que dobra em março em relação a fevereiro

número de pacientes internados com Covid-19 subiu 113% no estado de São Paulo em apenas um mês. Nesta segunda (22), 29.039 pessoas ocupam leitos destinados à doença. No dia 22 de fevereiro, eram 13.606. Do total pacientes internados atualmente, 16.871 estão em enfermaria e 12.168 em Unidades de Terapia Intensiva (UTIs). O número de pessoas em UTI em São Paulo é mais de três vezes maior do que em toda a Argentina, que possui uma população semelhante ao estado com aproximadamente 44 milhões de habitantes.

Segundo balanço do consórcio de veículos de imprensa, o Brasil registrou, pela primeira vez, média de novos casos de coronavírus acima de 75 mil por dia. O total passa de 12 milhões de infectados desde o início da pandemia. Em 24 horas, 1.570 pessoas morreram com a doença e o país contabiliza 295.685 óbitos. Veja os dados detalhados.

Medicamentos em falta

Hospitais estão com poucos medicamentos usados em kits intubação — Foto: NSC TV/Reprodução Hospitais estão com poucos medicamentos usados em kits intubação — Foto: NSC TV/Reprodução

A Agência Nacional de Vigilância Sanitária (Anvisa) precisou adiar para esta terça uma reunião, que seria feita no domingo, sobre medicamentos do “kit intubação” devido a uma falha no envio de e-mail.

Segundo a agência reguladora, na sexta-feira (19), às 19h27, um convite foi enviado por e-mail para os representantes do Ministério da Saúde com o link da reunião virtual. Eles distribuíram as informações para o Conass e para o Conasems, e também para o Ministério da Economia.

“No entanto, houve uma falha no momento do preenchimento dos e-mails no sistema de reuniões online, o que resultou no não envio da mensagem para o Sr. Nelson Mussolini, diretor do Sindusfarma, que seria o responsável para convidar as empresas fabricantes”, esclareceu a Anvisa, em nota divulgada nesta segunda-feira (22).

Vacinas

Lote de vacinas contra a Covid-19 da Covax Facility, aliança mundial comandada pela OMS, chega a Abidjan, na Costa do Marfim. em 25 de fevereiro de 2021. País é o 2º do mundo a receber doses da Covax, depois de Gana — Foto: Diomande Ble Blonde/APLote de vacinas contra a Covid-19 da Covax Facility, aliança mundial comandada pela OMS, chega a Abidjan, na Costa do Marfim. em 25 de fevereiro de 2021. País é o 2º do mundo a receber doses da Covax, depois de Gana — Foto: Diomande Ble Blonde/AP

O consórcio de municípios para compra de vacinas contra a Covid-19 quer ajuda internacional para reforçar o Plano Nacional de Imunização (PNI). Segundo o presidente da Frente Nacional de Prefeitos (FNP), Jonas Donizette, a ideia é mostrar que ajudar o país é uma forma de ajudar o mundo.

Eficácia
Nesta segunda, dados de testes preliminares mostraram que a CoronaVac é segura e capaz de provocar reações imunológicas em crianças e adolescentes, segundo a empresa chinesa Sinovac Biotech. A Universidade de Oxford e a farmacêutica AstraZeneca também divulgaram resultado de estudos feitos com o seu imunizante. A vacina de Oxford apresentou 79% de eficácia contra casos sintomáticos em voluntários nos Estados Unidos, no Chile e no Peru.

#Ficaemcasa

A chanceler alemã, Angela Merkel — Foto: Michael Kappeler / POOL / AFP PhotoA chanceler alemã, Angela Merkel — Foto: Michael Kappeler / POOL / AFP Photo

A maior parte do comércio irá fechar e os serviços religiosos serão cancelados na Alemanha durante a Páscoa, de 1º a 5 de abril, para reforçar as restrições e impedir o aumento no número de infecções pela Covid-19, anunciou Angela Merkel. Muitas das restrições em vigor desde o final de 2020, como a limitação de reuniões privadas e o fechamento de espaços culturais e de lazer, foram prolongadas até 18 de abril, informou a chanceler.

“A situação é grave. O número de casos aumenta exponencialmente e os leitos de terapia intensiva voltam a ficar lotados”, alertou Merkel.

Novo auxílio emergencial

A nova rodada do auxílio emergencial será paga a partir do início de abril, mas as datas ainda não foram definidas, segundo o Ministério da Cidadania. O calendário para os trabalhadores integrantes do Cadastro Único e para quem se inscreveu no programa pelo site e pelo aplicativo ainda está sendo finalizado e deve ser divulgado nos próximos dias, esclareceu a pasta. Já para os trabalhadores que fazem parte do Bolsa Família, os pagamentos começam em 16 de abril e seguirão o calendário já estabelecido para o benefício – sempre nos últimos dez dias úteis de cada mês.

Conta de luz

Foto ilustrativa da conta de luz em São Paulo — Foto: ADRIANA TOFFETTI/A7 PRESS/ESTADÃO CONTEÚDOFoto ilustrativa da conta de luz em São Paulo — Foto: ADRIANA TOFFETTI/A7 PRESS/ESTADÃO CONTEÚDO

A Agência Nacional de Energia Elétrica (Aneel) vai discutir a revisão nos valores do sistema de bandeiras tarifárias. O sistema aplica uma cobrança adicional nas contas de luz sempre que aumenta o custo de produção de energia no país. Se a proposta em debate for aprovada, o valor a mais pago pelos consumidores quando a bandeira está na cor amarela deve ficar mais baixo. Entretanto, a cobrança deve subir no caso de acionamento das bandeiras vermelhas.

Nesta terça (23), a diretoria da agência faz a sua reunião semanal. Entre os itens que serão votados está a abertura de audiência pública para debater o “aprimoramento da proposta de revisão dos adicionais e das faixas de acionamento para as Bandeiras Tarifárias 2021/2022”.

Mais caro

Arroz ficou 20% mais caro desde o início do ano - e deve continuar subindo no curto prazo — Foto: Thinkstock via BBCArroz ficou 20% mais caro desde o início do ano – e deve continuar subindo no curto prazo — Foto: Thinkstock via BBC

Apesar de uma queda de 1,52% na inflação de fevereiro comparado a janeiro deste ano, o preço do arroz continua pesando no bolso do consumidor, já que o produto teve alta de quase 70% nos últimos 12 meses, de acordo com o Índice Nacional de Preços ao Consumidor Amplo (IPCA).

Os motivos para o arroz ter ficado mais caro foram:

  • Com o início da pandemia em março, mais gente ficou em casa, o que aumentou o consumo do arroz pela população.
  • A alta do dólar fez o mercado de exportação se tornar mais atrativo aos produtores. Com isso a oferta no Brasil diminuiu, o que acabou elevando os preços.
  • Do outro lado, os custos nas lavouras foram subindo, puxados principalmente pelos fertilizantes.

Veja em detalhes o que tem impactado o preço.

Eleição em IsraelO primeiro-ministro de Israel e líder do partido Likud, Benjamin Netanyahu, e o presidente do partido Yesh Atid, Yair Lapid — Foto: Jack Guez/Emmanuel Dunand/AFP O primeiro-ministro de Israel e líder do partido Likud, Benjamin Netanyahu, e o presidente do partido Yesh Atid, Yair Lapid — Foto: Jack Guez/Emmanuel Dunand/AFP

Israel comparece às urnas nesta terça (23) para as quartas eleições legislativas em menos de dois anos. Os partidos do primeiro-ministro Benjamin Netanyahu e de seu adversário, Yair Lapid, devem ser os mais votados, mas novamente ninguém deve obter maioria absoluta sem apelar para coalizões. Netanyahu usa agora como principal arma de campanha uma intensa campanha de vacinação contra a Covid-19.

Tiros no Colorado

Policiais atendem a ocorrência com tiroteio em mercado de Boulder, no Colorado (EUA), nesta segunda (22) — Foto: David Zalubowski/AP PhotoPoliciais atendem a ocorrência com tiroteio em mercado de Boulder, no Colorado (EUA), nesta segunda (22) — Foto: David Zalubowski/AP Photo

Um criminoso abriu fogo em um supermercado da cidade de Boulder, no Colorado (Estados Unidos), e deixou 10 mortos nesta segunda-feira (22). Entre as vítimas, está um policial. Um suspeito foi preso.

‘Raridade’ de 2006

O presidente-executivo do Twitter, Jack Dorsey, vendeu seu primeiro tuíte por pouco mais de US$ 2,9 milhões (R$ 15,9 milhões, na cotação atual) como NFT. O post está em formato de token não fungível (NFT, na sigla em inglês) — uma espécie de ativo digital único que explodiu em popularidade em 2021.

Cada NFT possui sua própria assinatura digital baseada em blockchain, que funciona como um registro público, permitindo a qualquer um verificar a autenticidade e propriedade do ativo. Entenda.

Oscar 2021 🎬

Oscar será presencial? Quem vai ser convidado? O que esperar da cerimônia?
Oscar será presencial? Quem vai ser convidado? O que esperar da cerimônia?

Teve gente que achou que não ia ter Oscar em 2021. E, quando foram anunciados os indicados, na última segunda-feira (15), o mundo se perguntou: como será a cerimônia, em meio à pandemia? A Academia de Hollywood precisou adiar o evento, que geralmente acontece entre fevereiro e o início de março. A festa, agora, vai acontecer em 25 de abril. Mas, além da mudança de data, outras adaptações foram adotadas pela organização, para tentar reduzir o risco de contágio do coronavírus na maior premiação do cinema. Veja na reportagem.

Previsão do tempo

Veja como fica o tempo nesta primeira semana do outono
Veja como fica o tempo nesta primeira semana do outono

Deixe uma resposta