PRIMEIRAS NOTÍCIAS DO DIA 15 DE MARÇO DE 2021 POR G1

Por G1

 

Pressionado, Eduardo Pazuello pode deixar o Ministério da Saúde. Jair Bolsonaro dá sinais de que vai trocar o comando da pasta, e a mais cotada para a vaga é a médica cardiologista Ludhmila Hajjar, que se reuniu com o presidente no Palácio da Alvorada. Com 1.111 mortes nas últimas 24 horas, o Brasil totaliza mais de 278 mil óbitos e segue batendo recordes: a média móvel de mortes nos últimos 7 dias chegou a 1.832. O Assunto mostra o esforço para levar a vacina aos pontos mais remotos do país. São Paulo endurece restrições para tentar frear o vírus. Beyoncé faz história no Grammy“Amor de Mãe” volta à telinha e a minissérie “Os Maias” chegou ao Globoplay.

Pazuello sob pressão

O ministro da Saúde, Eduardo Pazuello — Foto: Eraldo Peres / AP PhotoO ministro da Saúde, Eduardo Pazuello — Foto: Eraldo Peres / AP Photo

Eduardo Pazuello deixará o comando do Ministério da Saúde? A resposta para a pergunta deve sair nesta segunda-feira (15). O ministro está sob muita pressão. Ele diz que segue à frente da pasta e que o presidente da República, Jair Bolsonaro, não pediu que entregue o cargo. Também negou que esteja doente.

“Não estou doente, o presidente não pediu o meu cargo, mas o entregarei assim que o presidente pedir. Sigo como ministro da saúde no combate ao coronavírus e salvando mais vidas”, afirmou.

Mas não é bem assim: Pazuello está mesmo ameaçado de perder o cargo. Prova disso é que Bolsonaro se reuniu no domingo (14) com a médica Ludhmila Hajjar, cotada para assumir a pasta. O nome dela é defendido pelo presidente da Câmara, Arthur Lira (PP-AL).

Desgastada, a atuação do ministro é criticada em razão do agravamento da crise sanitária.

Ludhmila Hajjar, médica cardiologista e intensivista — Foto: TV Globo / ReproduçãoLudhmila Hajjar, médica cardiologista e intensivista — Foto: TV Globo / Reprodução

No sábado (13), Bolsonaro se reuniu com Pazuello e mais três militares da ala militar: os ministros Walter Braga Netto (Casa Civil), Luiz Eduardo Ramos (Secretaria de Governo) e Fernando Azevedo (Defesa).

Nesta segunda, Pazuello dará entrevista coletiva para apresentar balanço da pandemia. Deverá falar também sobre vacinas e, mais uma vez, sobre seu cargo.

Pico da pandemia

Brasil registra 1.111 mortes por Covid em 24 horas; média móvel volta a bater recorde
Brasil registra 1.111 mortes por Covid em 24 horas; média móvel volta a bater recorde

O país registrou 1.111 mortes pela Covid-19 nas últimas 24 horas e totalizou 278.327 óbitos. Com isso, a média móvel de mortes nos últimos 7 dias chegou a 1.832, novamente um recorde. Também já são 53 dias seguidos com a média móvel de mortes acima da marca de 1 mil, 17 dias acima de 1,1 mil, e pelo décimo quinto dia a marca aparece acima de 1,2 mil.

O Assunto

A vida na linha de frente da vacinação. Neste episódio, entenda o esforço para levar a vacina aos pontos mais remotos do país, não deixando nenhum brasileiro para trás.

Fase emergencial em SP

VÍDEO: Governo de SP anuncia novas medidas de restrição para combater transmissão da Covid
VÍDEO: Governo de SP anuncia novas medidas de restrição para combater transmissão da Covid

fase emergencial, que prevê regras mais rígidas de funcionamento da fase vermelha da quarentena, entrou em vigor em todo o estado de São Paulo e deve permanecer até o dia 30 de março. Pela nova regra, ficam suspensas atividades religiosas como cultos, missas, além de todos os eventos esportivos, como jogos de futebol. Veja o que muda e como irão funcionar padarias e restaurantes.

Pendurado no caminhão

Fantástico entrevista motociclista atropelado por caminhão: 'Esbofeteou meu rosto, segurei firme', diz sobre motorista
Fantástico entrevista motociclista atropelado por caminhão: ‘Esbofeteou meu rosto, segurei firme’, diz sobre motorista

A imagem causou espanto. O motociclista Anderson Pereira ficou agarrado à porta de um caminhão, em alta velocidade, depois de ser atropelado, numa estrada em Santa Catarina. Foram cerca de 20 km de desespero, tentando não cair no asfalto. O motorista do caminhão foi preso em flagrante. A mulher do motociclista, que estava na garupa, não resistiu. O Fantástico entrevistou motociclista.

Gabigol

Exclusivo: ‘A única coisa que eu jogo é videogame’, diz Gabigol sobre detenção
Exclusivo: ‘A única coisa que eu jogo é videogame’, diz Gabigol sobre detenção

Flagrado em um cassino, o atacante Gabigol, do Flamengo, diz que apenas jantava com amigos. Na madrugada de domingo, o jogador estava em uma festa em um cassino clandestino, na Vila Olímpia, Zona Sul de São Paulo. Havia aglomeração no evento e o local foi fechado. Veja a entrevista dele no vídeo acima.

Concursos

Pelo menos 124 concursos públicos no país estão com inscrições abertas nesta segunda-feira e reúnem 218.464 vagas em cargos de todos os níveis de escolaridade. Os salários chegam a R$ 16.923,16 na Prefeitura de Santa Cecília (SC).

Gramm

Beyoncé quebra recorde e vira a mulher com mais Grammys da história — Foto: Kevin Winter / Getty Images via AFPBeyoncé quebra recorde e vira a mulher com mais Grammys da história — Foto: Kevin Winter / Getty Images via AFP

Beyoncé virou a mulher com mais Grammys na história enquanto as mulheres dominaram as quatro principais categorias do maior prêmio da música no mundo neste domingo, com Taylor Swift, Billie Eilish, H.E.R. e Megan Thee Stallion. Veja o resumo da premiação e a lista de vencedores.

‘Amor de Mãe

Adriana Esteves e Regina Casé em cena da 2ª fase de 'Amor de Mãe'; novela volta a ser exibida nesta segunda (1º) — Foto: TV Globo / Divulgação

Adriana Esteves e Regina Casé em cena da 2ª fase de ‘Amor de Mãe’; novela volta a ser exibida nesta segunda (1º) — Foto: TV Globo / Divulgação

A esperada reta final de “Amor de Mãe” começa a ser exibida a partir desta segunda. Serão 23 capítulos inéditos que vão dar os desfechos das histórias de Lurdes (Regina Casé), Thelma (Adriana Esteves) e Vitória (Taís Araújo).

novela foi interrompida por conta da pandemia em maio de 2020, quatro meses após a estreia. Para retomar as gravações, um rígido protocolo de medidas sanitárias que iam desde isolamento do elenco em hotel à colocação de telas de acrílico entre os atores em cena foi adotado.

‘Os Maias’ no Globopla

Ana Paula Arósio e Fábio Assunção em 'Os Maias', minissérie de 2001. — Foto: Cristiana Isidoro/GloboAna Paula Arósio e Fábio Assunção em ‘Os Maias’, minissérie de 2001. — Foto: Cristiana Isidoro/Globo

Uma das mais marcantes minisséries da TV brasileira, “Os Maias” chegou ao Globoplay, contando a história do amor proibido entre os irmãos Carlos Eduardo (Fábio Assunção) e Maria Eduarda (Ana Paula Arósio).

Exibida originalmente em 2001, a obra é baseada no romance homônimo do escritor português Eça de Queiroz, um retrato da decadente aristocracia portuguesa na segunda metade do século 19. A autora Maria Adelaide Amaral foi responsável pela adaptação e Luiz Fernando Carvalho assinou a direção-geral.

3 anos sem Marielle Franco

Imagens de Marielle Franco são projetadas em prédio de SP no dia em que seu assassinato completa três anos — Foto: Amanda Perobelli / ReutersImagens de Marielle Franco são projetadas em prédio de SP no dia em que seu assassinato completa três anos — Foto: Amanda Perobelli / Reuters

O setor nacional de mulheres do PSOL projetou fotos de Marielle Franco em prédios de São Paulo. O assassinato da vereadora completa três anos. Além das imagens, a frase “Quem mandou matar Marielle Franco” também foi projetada nos prédios. A manifestação visual ocorreu simultaneamente em 15 cidades do Brasil.

Outras frases como “Hoje completam 3 anos desse crime sem respostas”, “Justiça Para Marielle e Anderson” e “Não seremos interrompidas” fazem parte da campanha #JustiçaPorMarielleEAnderson #NãoSeremosInterrompidas.

Futebol

Gols do Fantástico: no mineiro, Cruzeiro vence o Athletic Club, do uruguaio Loco Abreu
Gols do Fantástico: no mineiro, Cruzeiro vence o Athletic Club, do uruguaio Loco Abreu

Deixe uma resposta