PRIMEIRAS NOTÍCIAS DO DIA 05 DE NOVEMBRO DE 2020 POR G1

Por G1

 

As eleições presidenciais dos Estados Unidos seguem sem um vencedor definido. Faltam os resultados de cinco estados. Projeções indicam Joe Biden com 264 delegados e Trump, com 214. E a eleição americana é pauta do podcast ‘O Assunto’, que fala sobre a fratura política e social no país – exposta na disputa voto a voto e com a Justiça no meio. No Brasil, o Senado derruba veto de Bolsonaro à desoneração da folha. Nesta quinta, a tragédia de Mariana completa 5 anos e o G1 relembra o desastre pela perspectiva de cinco atingidos diretamente por ele.

Eleições nos EUA

Biden e Trump em seus discursos durante apuração acirrada da eleição nos EUA, na madrugada desta quarta-feira (4). — Foto: MANDEL NGAN, ANGELA WEISS / AFPBiden e Trump em seus discursos durante apuração acirrada da eleição nos EUA, na madrugada desta quarta-feira (4). — Foto: MANDEL NGAN, ANGELA WEISS / AFP

As eleições presidenciais dos Estados Unidos seguem sem um vencedor definido. Faltam os resultados de cinco estados, para definir quem vai ocupar a Casa Branca pelos próximos quatro anos.

Joe Biden lidera a disputa com 264 votos no Colégio Eleitoral, enquanto o republicano Donald Trump tem 214, segundo projeções da agência de notícias Associated Press (AP). Na noite desta quarta-feira (4), o democrata conquistou os votos do estado de Michigan.

Protestos

Grupo de manifestantes se reúne em Washington, próximo à Casa Branca, e pede que os votos sejam contabilizados até o final — Foto: Chris Mcgrath/Getty Images North America/Getty Images via AFPGrupo de manifestantes se reúne em Washington, próximo à Casa Branca, e pede que os votos sejam contabilizados até o final

Um grupo de manifestantes está posicionado próximo à Casa Branca, em Washington, com placas que pedem que a contagem dos votos não seja interrompidaOs eleitores pedem que as cédulas sejam contabilizadas até o final.

Entenda: a equipe de Donald Trump questiona a legalidade da eleição e defendem a suspensão da apuração na Pensilvânia, na Geórgia e em Michigan, além de uma recontagem total em Wisconsin.

O Assunto

fratura política e social nos Estados Unidos – exposta na disputa pela Casa Branca, voto a voto, e com a Justiça no meio. Neste episódio, Renata Lo Prete conversa com o cientista político Hussein Kalout, que é pesquisador na Universidade de Harvard.

Congresso americano

O Capitólio, sede do Congresso americano, em foto de 29 de janeiro de 2020. — Foto: J. Scott Applewhite/APO Capitólio, sede do Congresso americano, em foto de 29 de janeiro de 2020.

Assim como acontece com a eleição presidencial, a apuração dos votos para Câmara e no Senado americanos ainda não está concluída. As projeções da Associated Press (AP) indicavam maioria republicana no Senado e democrata na CâmaraVeja quem está na frente em cada uma das disputas.

E algumas vitórias chamam a atençãoFoi eleita, por exemplo, a primeira senadora transgênero. Fizeram história também os dois primeiros negros gays eleitos para o Congresso americano. O Novo México foi o primeiro estado a eleger uma delegação para Câmara dos Deputados totalmente formada por mulheres de minorias étnicas.

Panorama Covid

Brasil registra 622 mortes nas últimas 24 horas, diz consórcio de veículos de imprensa
Brasil registra 622 mortes nas últimas 24 horas, diz consórcio de veículos de imprensa

O Brasil registrou 622 mortes por Covid em 24 horas. Com isso, a média móvel de mortes no Brasil nos últimos 7 dias foi de 384, maior do que a da véspera, porém ainda abaixo da marca de 400. O país tem 161.170 óbitos registrados e 5.590.941 diagnósticos da doença, segundo balanço do consórcio de veículos de imprensa. Veja a situação do seu estado.

2ª onda na Europa

Manifestantes protestam em Veneza, na Itália, contra medidas de restrição do governo italiano para combater a segunda onda de Covid-19 — Foto: Manuel Silvestri/ReutersManifestantes protestam em Veneza, na Itália, contra medidas de restrição do governo italiano para combater a segunda onda de Covid-19

A Itália colocou quatro regiões, incluindo a Lombardia, em lockdown contra o novo coronavírus. O decreto também dividiu o país em três zonas (vermelha, laranja e verde) para a adoção de bloqueios mais rígidos. O primeiro-ministro italiano, Giuseppe Conte, já havia instaurado um novo toque de recolher em todo o país, a partir de hoje até 3 de dezembro, das 22h às 5h.

Tragédia de Mariana, 5 anos

Cinco anos após tragédia de Mariana, MPF e moradores veem lentidão na recuperação ambiental — Foto: Lucas Franco/TV GloboCinco anos após tragédia de Mariana, MPF e moradores veem lentidão na recuperação ambiental

Nesta quinta, o rompimento da barragem de Fundão, em Mariana (MG), completa cinco anos, e o G1 relembra o desastre pela perspectiva de cinco atingidos diretamente por ele: um sobrevivente, um bombeiro, um promotor, uma ativista e um pescador.

Relembre: a barragem da Samarco, cujas donas são a Vale e BHP Billiton, rompeu-se na tarde do dia 5 de novembro de 2015, provocando 19 mortes. Além de destruir casas, o mar de lama devastou o Rio Doce e atingiu o oceano no Espírito Santo.

Exército na floresta

Governo prorroga presença das Forças Armadas na Amazônia até abril de 2021 — Foto: EPAGoverno prorroga presença das Forças Armadas na Amazônia até abril de 2021 —

governo prorrogou a presença de tropas das Forças Armadas na Amazônia. O decreto de Garantia da Lei e da Ordem (GLO) foi publicado no “Diário Oficial da União” e define que as tropas permanecerão na região até 30 de abril do ano que vem. Os militares dão apoio a fiscais de órgãos ambientais.

Governador afastado

Foto de arquivo de 26 de março de 2020 do governador afastado do Rio de Janeiro, Wilson Witzel (PSC), no Palácio Guanabara, sede do governo estadual. — Foto: Wilton Junior/Estadão ConteúdoFoto de arquivo de 26 de março de 2020 do governador afastado do Rio de Janeiro, Wilson Witzel (PSC), no Palácio Guanabara, sede do governo estadual.

O Tribunal Especial Misto formado por parlamentares e desembargadores do Tribunal de Justiça do Rio de Janeiro define se a denúncia pedindo o impeachment do governador afastado Wilson Witzel (PSC) deve ser aceita ou não. Na sessão de hoje, a defesa de Witzel terá 15 minutos para expor os argumentos contrários ao recebimento da denúncia. Se o processo for aprovado, um novo julgamento final será marcado.

Desoneração à folha

Os senadores aprovaram, por 64 votos a 2, a derrubada do veto do presidente Jair Bolsonaro à prorrogação, até 2021, da desoneração da folha de pagamentos de empresas de 17 setores da economia, que geram mais de 6 milhões de empregos. Mais cedo, nesta quarta, a Câmara dos Deputados também rejeitou o veto e, com a decisão do Senado, o Congresso Nacional derrubou o veto do presidente. Agora, a prorrogação será promulgada.

Mega-Sena

Ninguém acertou as seis dezenas do sorteio 2.315 da Mega-Sena. O prêmio acumulou e o próximo sorteio, que será realizado no sábado (7), pode pagar R$ 27 milhões. Veja as dezenas sorteadas: 01 -10 – 17 – 26 – 30 – 53.

#Quintou

Nelson Sargento fará show no Teatro Rival Refit — Foto: Edinho AlvesNelson Sargento fará show no Teatro Rival Refit

Nelson Sargento faz um show, na noite desta quinta, em um projeto para artistas em grupo de risco cantarem com segurança. O cantor de 96 anos se apresenta junto com Paulão 7 Cordas e Agenor de Oliveira pelo projeto “Abrindo Portas”, do Teatro Rival Refit. A apresentação vai ser transmitida pela internet. Saiba mais.

Curtas e Rápidas:

Futebol

Copa do Brasil
19h: 
Palmeiras x Bragantino
21h30: Juventude x Grêmio

Fonte: G1

Deixe uma resposta