PRESIDENTE DOS EUA ADVERTE AS EMPRESAS AMERICANAS QUE SE PROTEJAM DE POSSÍVEIS ATAQUES CIBERNÉTICOS REALIZADOS PELA RÚSSIA

Biden pede a empresas americanas que se protejam de possível ciberataque russo

Segundo a Casa Branca, ações criminosas podem ser direcionadas para infraestruturas essenciais, sob posse pública ou não

Presidente Joe Biden em registro feito no jardim da Casa Branca

KEVIN DIETSCH/GETTY IMAGES NORTH AMERICA/GETTY IMAGES VIA AFP – 20.3.2022

presidente dos Estados Unidos, Joe Biden, pediu nesta segunda-feira (21) às empresas que se protejam de possíveis ataques cibernéticos realizados pela Rússia em resposta às sanções ocidentais impostas a Moscou pela sua ofensiva na Ucrânia.

“Meu governo reitera essas advertências baseando-se nos dados dos serviços de inteligência em constante evolução, segundo os quais o Estado russo analisa diferentes formas de possíveis ciberataques”, escreveu o presidente em comunicado divulgado pela Casa Branca.

Os ataques cibernéticos entram no “manual de estratégia” do Estado russo, insiste Biden. É “crucial acelerar o reforço da nossa segurança cibernética interna”, alertou o presidente.

Segundo a Casa Branca, os ataques podem ser direcionados para infraestruturas essenciais, muitas delas em mãos do setor privado.

“Ainda temos muito a fazer para garantir que fechamos todas as portas de entrada digitais, especialmente a dos serviços de capital dos quais os americanos dependem”, afirmou Anne Neuberger, funcionária encarregada da segurança para a tecnologia cibernética.

Deixe uma resposta