PONTO DE VISTA: OS INSTITUTOS DE PESQUISA NÃO TOMAM VERGONHA NA CARA

Falei tá falado: A mentira tem perna curta - Blog do Redação

Caro(a) leitor(a),

Essa última semana foi simplesmente recheada de pesquisas eleitorais dos mais diversos institutos de pesquisa tais como, Datafolha, paraná pesquisa e outros. Foram pelo menos 4 levantamentos e em todos eles sempre o mesmo resultado: Lula em primeiro, Bolsonaro em segundo, Sergio Moro em terceiro, Ciro Gomes em quarto lugar. Você já parou para pensar o porquê de tantas pesquisas de intenção de voto para presidente há pelo menos 10 meses das eleições? E por que todas elas com Lula disparado com mais de 20 pontos percentuais à frente de Bolsonaro? E também já se perguntou o porquê de tantas pesquisas na antepenúltima semana do ano? Ainda não? Então acompanhe o meu raciocínio e depois diga se faz sentido para você!

É muito, mas muito estranho o primeiro colocado em todas as pesquisas não ter contato nenhum com o público, com o povão de quem ele se diz representante nato. Um cara que sempre adorou aparecer em cima de um trio elétrico para falar às multidões, como foi a primeira coisa que fez quando saiu da cadeia. É muito estranho ir a praia com a namorada na surdina e com total afastamento do público que requentava a praia. Quando foi ao Nordeste em caravana mal conseguiu reunir meia dúzia de gatos pingados em suas aparições públicas.

Em segunda análise, se retroagirmos no tempo até os anos de 2002 e 2006 quando o meliante concorreu a presidência da república e foi vitorioso, ele precisou, nas duas vezes, do segundo turno para se eleger presidente naquelas ocasiões. Lembrando que naquela ocasião ele ainda se dizia a alma mais honesta do Brasil. Depois disso respondeu a dezenas de processos, foi condenado em 3 instâncias no caso do Tripléx, em duas instâncias no caso do sítio de Atibaia e em primeira instância no caso do Instituto Lula. Foi preso, viu o sol nascer quadrado por mais de 500 dias. Passou a ser chamado de presidiário, condenado, meliante, ladrão, Luladrão, bandido, criminoso, quadrilheiro, etc… Virou chacota e motivo de inúmeras piadas pela maioria dos brasileiros e o DATAFOHA tem a cara de pau de trazer a público uma pesquisa onde ele aparece eleito no primeiro turno?

A meu ver essa fantasia se parece muito mais com o desespero camuflado do PCC chinês, que finge ser uma superpotência, pujante, robusta, poderosa e capitalista, mas no fundo passa por um drama gigantesco de fome, miséria, poluição, superlotação, terras degradadas e outras milacrias. A população da China cresce na razão de 15 milhões de pessoas por ano e precisa alimentar, vestir, educar e dar saúde a toda essa massa humana. Pois bem, a situação da esquerda agonizante é muito parecida. Não conseguiu formar uma liderança que substituísse o meliante Lula nesses anos todos e agora depende desesperadamente da ressureição da reputação desse bandido para se manter viva. É sua única opção e saída. Mas o povo brasileiro pode ser tudo na vida, menos burro e imbecil e não vai cair nessa cilada.

Esse desespero se dá devido a proximidade com a virada do ano, quando todas as pesquisas eleitorais serão auditadas pelo Superior Tribunal Eleitoral e terão que apresentar todas as planilhas e métodos científicos utilizados nas pesquisas. Ai sim vamos poder começar a confiar nos seus resultados. Como diz o velho ditado: “Mentira tem pernas curtas”.

 

Deixe uma resposta