POESIA: TELEFONE DESLIGADO, POR ALLAN DIAS CASTRO
Allan Dias Castro, como nasce um poema

Nesta terça-feira o destaque, aqui na coluna POESIA é o brilhante poeta Allan Dias Castro, que declama “Telefone desligado’, de sua autoria e indaga: Com quem você tem vontade de estar fora de área junto? Então convido você a assistir ao vídeo a seguir, apreciara e se regozijar com essa maravilha de poema!

Fonte:

Deixe uma resposta