POESIA: BRÁULIO BESSA DECLAMA “NUNCA É TARDE” COM A MAESTRIA DE SEMPRE

Deixe uma resposta