MINISTROS DE FINANÇAS DO G7 ESTÃO DISPOSTOS A IMPOR SANÇÕES IMEDIATAS PARA ECONOMIA RUSSA EM CASO DE AGRESSÃO MILITAR CONTRA UCRÂNIA

Ministros das Finanças do G7 estão dispostos a impor sanções à Rússia em caso de invasão na Ucrânia

Grupo presidido atualmente pela Alemanha dará resposta “rápida e eficaz” a qualquer agressão militar russa contra os ucranianos

Ucranianos participam da Marcha da Unidade em meio às crescentes tensões com a Rússia

VALENTYN OGIRENKO/REUTERS – 12.02.2022

Os ministros das Finanças do G7 afirmaram nesta segunda-feira (14) que estão dispostos a impor “em um prazo muito curto” sanções econômicas e financeiras “com consequências importantes e imediatas para a economia russa”, em caso de agressão militar contra a Ucrânia.

“Nossa prioridade imediata é apoiar os esforços destinados a fazer a situação avançar”, afirmam os ministros do Reino Unido, Estados Unidos, França, Canadá, Alemanha, Itália e Japão em um comunicado.

“Mas qualquer agressão militar da Rússia contra a Ucrânia merecerá uma resposta rápida e eficaz”, garante o G7, presidido atualmente pela Alemanha.

Deixe uma resposta