Blog do Saber, Cultura e Conhecimento!

TECNOLOGIA: COMEÇA A CONSTRUÇÃO DO 1º ESPAÇOPORTO FLUTUANTE PELA SPACEX

A SpaceX, companhia espacial do bilionário Elon Musk, também CEO da Tesla Motors; vice-presidente da OpenAI, fundador e CEO da Neuralink e co-fundador e presidente da SolarCity, está desenvolvendo um projeto ambicioso de operar uma rede global de viagens hipersônicas com veículos espaciais. Para tanto iniciou a construção do 1º espaçoporto flutuante utilizando uma antiga plataforma de petróleo que será convertida em uma área dedicada para lançamentos e pousos dos foguetes reutilizáveis. Convido você a ler o artigo completo a seguir e conhecer os detalhes deste ambicioso e promissor projeto!

SpaceX inicia a construção do 1º espaçoporto flutuante

1 min de leitura
Imagem de: SpaceX inicia a construção do 1º espaçoporto flutuanteImagem: SpaceX/Divulgação

SpaceX anunciou o início da construção do seu primeiro espaçoporto flutuante. Os planos da companhia aeroespacial indicam que o local estará pronto para atividades a partir do começo do próximo ano.

No Twitter, o CEO Elon Musk revelou mais detalhes sobre o projeto Deimos. Em destaque, uma antiga plataforma de petróleo será convertida em uma área dedicada para lançamentos e pousos dos foguetes reutilizáveis.

No início deste ano, a SpaceX adquiriu duas plataformas de petróleo para a criação dos espaçoportos flutuantes Deimos e Phobos. As estruturas servirão de campo de preparação offshore para ações com veículos espaciais.

Além da homenagem às luas de Marte, os nomes têm relação com a função dos locais. No futuro, eles servirão de base para lançamento e pouso de naves espaciais de transporte de passageiros e mercadorias do Planeta Vermelho.

Para mais, a SpaceX pretende criar outros espaçoportos como Deimos próximos dos principais centros do planeta Terra. Isso tornará viável o projeto de operar uma rede global de viagens hipersônicas com veículos espaciais.

Por exemplo, pessoas poderão viajar entre destinos distantes como de Pequim para Nova York em voos de cerca de 30 minutos. Entretanto, a companhia deve realizar testes com modelos específicos de naves antes de iniciar o serviço.

Imagem conceitual do espaçoporto flutuante da SpaceX.Imagem conceitual do espaçoporto flutuante da SpaceX.Fonte:  SpaceX/Divulgação 

Os avanços da SpaceX

Nos últimos meses, a SpaceX fez ótimos progressos em relação ao programa de veículos espaciais. Entre eles, o teste de lançamento e pouso bem-sucedido da Starship SN15 realizado na Starbase – instalação de desenvolvimento da empresa no Texas.

No momento, a companhia se prepara para o primeiro voo orbital de uma espaçonave Starship acoplada ao foguete propulsor Super Heavy. Tal como, eles estão trabalhando em ensaios no solo com o novo motor Raptor.

Fonte: Tecmundo

Continuar lendo TECNOLOGIA: COMEÇA A CONSTRUÇÃO DO 1º ESPAÇOPORTO FLUTUANTE PELA SPACEX

TECNOLOGIA: LUZ ENERGÉTICA COM POTENCIA JAMAIS VISTA É DETECTADA POR CIENTISTAS

A novidade aqui na coluna TECNOLOGIA nesta quinta-feira é a detecção da luz energética mais potente já vista. Mais de 530 deles apresentaram valores acima de 0,1 quatrilhão de elétron-volts, enquanto o mais potente tinha impressionantes 1,4 quatrilhão. É algo realmente extraordinário não? Por isso, convido você a ler o artigo completo a seguir e conhecer os detalhes dessa incrível descoberta!

Cientistas detectam luz energética mais potente vista até então

1 min de leitura
Imagem de: Cientistas detectam luz energética mais potente vista até entãoImagem: Reprodução

Cientistas do Large High Altitude Air Shower Observatory (LHAASO) anunciaram, na revista Nature, a detecção de raios gama com as maiores cargas de energia vistas até então. Enquanto mais de 530 deles apresentaram valores acima de 0,1 quatrilhão de elétron-volts, o mais potente tinha impressionantes 1,4 quatrilhão.

Na Terra, por exemplo, com experimentos no Grande Colisor de Hádrons (LHC), o máximo testemunhado por pesquisadores foi de alguns trilhões, e, de acordo com a equipe, a Via Láctea pode abrigar poderosos aceleradores de partículas cósmicas, dado que o grupo também descobriu a existência de 12 pontos prováveis de origem dessas manifestações.

Além disso, explica, para que raios gama atinjam tais características, campos eletromagnéticos devem acelerar prótons ou elétrons a velocidades imensas, e a interação com outras matérias pelo caminho que percorrem é que geram aquilo que se analisa daqui.

Observatório LHAASO possibilitou descoberta impressionante.Observatório LHAASO possibilitou descoberta impressionante.Fonte: LHAASO

Apostas interestelares

Ainda não se sabe exatamente quais ambientes são capazes de criar coisas tão potentes, mas as novas observações apontam para duas possibilidades.

Segundo os especialistas, um dos locais de onde os raios gama sem precedentes podem ter vindo para cá é a Nebulosa do Caranguejo, formada por restos de uma supernova, primeiramente visualizada em 1731 e registrada inicialmente por astrônomos árabes e chineses em 1054. Ela se encontra na constelação do Touro, a cerca de 6,3 mil anos-luz da Terra.

Nebulosa do Caranguejo é um dos prováveis locais de origem.Nebulosa do Caranguejo é um dos prováveis locais de origem.Fonte: Hubble Site

Já a outra fonte potencial é a Cygnus Cocoon, uma região a cerca de 4,6 mil anos-luz do Sol e em que estrelas massivas estão em formação, soprando ventos espaciais carregados de partículas no processo.

De todo modo, o LHAASO, localizado na montanha Haizi (na província chinesa de Sichuan) não está totalmente operacional, algo que deve ocorrer a partir do final deste ano. Então, o equipamento poderá revelar mais fatos inéditos a respeito dos mistérios do Universo.

Fonte: Tecmundo
Continuar lendo TECNOLOGIA: LUZ ENERGÉTICA COM POTENCIA JAMAIS VISTA É DETECTADA POR CIENTISTAS

TECNOLOGIA: A NOVA TECNOLOGIA RTX SÉRIE 30 NO NOVO ANÇAMENTO DA AVELL NO BRASIL

A nossa coluna TECNOLOGIA desta quinta-feira trás um artigo sobre a última novidade de lançamento em notebooks da Avell, o Storm One é uma máquina dedicada e poderosa para todo tipo de utilização, desde o manuseio de editores de vídeos e imagens até experiências com os games mais recentes do mercado. Um equipamentos de alto desempenho para softwares e games. Convido você a ler este artigo e ficar por dentro do que há de melhor em tecnologia de computadores no mercado brasileiro.

Avell lança primeira linha de notebooks com RTX Série 30 no Brasil

1 min de leitura
Imagem de: Avell lança primeira linha de notebooks com RTX Série 30 no BrasilImagem: https://avell.com.br/

A Avell Notebooks, marca dedicada à produção de equipamentos de alto desempenho para softwares e games, anunciou o Storm One, primeiro modelo da linha Avell Gamer Storm a trazer periféricos de última geração para o segmento no Brasil.

Com um design slim e dimensões que entregam conforto e praticidade no transporte e uso diário, o Storm One é uma máquina dedicada e poderosa para todo tipo de utilização, desde o manuseio de editores de vídeos e imagens até experiências com os games mais recentes do mercado. O notebook possui uma tela Quad HD (2560 x 1440) de 15 a 17 polegadas e taxa de atualização de até 165 Hz, com alta fidelidade de cores e contraste, assim como teclado retroiluminado em RGB com dois LEDs laterais personalizáveis.

(Fonte: Avell / Divulgação)(Fonte: Avell / Divulgação)Fonte:  Avell 

A grande novidade do modelo fica por conta de seu potencial de processamento, sendo disponibilizado em duas opções com AMD Ryzen Série 4000: AMD Ryzen 5 4600H (6 núcleos e 4 Ghz) ou AMD Ryzen 7 4800H (8 núcleos e 4,2 Ghz). Além disso, ambas as versões são equipadas com GPU Nvidia GeForce RTX 3060, que utiliza o poder da arquitetura Ampere para entregar Ray Tracing Cores com os Tensor Cores aprimorados e memória GDDR6.

O Storm One também será disponibilizado com grandes vantagens em relação ao consumo de energia e ao sistema de resfriamento. Com o Dynamic Boost 2.0 da Série 30, a tecnologia alterna automaticamente entre processador e placa de vídeo para regular com precisão a energia, e o sistema de ventilação XCooling, com 5 tubos de cobre e quatro saídas de ar com ventiladores duplos, garante temperaturas seguras e maior durabilidade.

(Fonte: Avell / Divulgação)(Fonte: Avell / Divulgação)Fonte:  Avell 

A Avell Notebooks revelou que sua nova linha será completa nos aspectos de conectividade e terá portas USB  3.1 Geração 1 e 2 e USB Tipo C Geração 2, entrada HDMI, leitor de cartão SD, integração com Wi-Fi 6 e suporte para Windows Hello.

A pré-venda do Storm One será iniciada nesta quinta-feira (20), e você pode conferir mais detalhes sobre o modelo no site oficial da Avell Notebooks.

Fonte: Avell

Continuar lendo TECNOLOGIA: A NOVA TECNOLOGIA RTX SÉRIE 30 NO NOVO ANÇAMENTO DA AVELL NO BRASIL

TECNOLOGIA: NOVO CELULAR SANSUNG GALAXY S20 FE COM NOVO PROCESSADOR DA QUALCOMM

O celular Sansung Galaxy S20 FE com Snapdragon 865, o novo processador top de linha da Qualcomm, lançado no ano passado é a novidade tecnológica na nossa coluna TECNOLOGIA desta quinta-feira. Veja no artigo a seguir todos os novos recursos e habilidades dessa nova tecnologia em processador.

Samsung Galaxy S20 FE com Snapdragon 865 chega ao Brasil

1 min de leitura
Imagem de: Samsung Galaxy S20 FE com Snapdragon 865 chega ao BrasilImagem: Samsung
Essa não é uma matéria patrocinada. Contudo, o TecMundo pode receber uma comissão das lojas, caso você faça uma compra.

A Samsung lançou recentemente no Brasil o Galaxy S20 FE 4G com Snapdragon 865, o processador top de linha da Qualcomm do ano passado. A nova edição chegou sem fazer muito alarde e já está disponível em algumas lojas na internet com preços a partir de R$ 2.270.

O celular já estava disponível no Brasil desde novembro do ano passado com o chip Exynos 990. Feito pela própria Samsung, o componente gerou polêmica em 2020 por trazer performance inferior ao Qualcomm Snapdragon 865.

Fonte:  Samsung 

Em um comunicado enviado ao TecMundo, a empresa disse que ambas as edições do Galaxy S20 FE disponíveis no Brasil oferecem “desempenho consistente e ideal”.

“A Samsung tem trabalhado com vários fornecedores para atender a demanda de nossos consumidores”, disse a empresa. “Ambos os processadores usados na versão LTE do Galaxy S20 FE passaram pelos mesmos cenários, estritos e rigorosos, de teste em condições reais de uso. Continuaremos a oferecer desempenho consistente e ideal ao longo de todo o ciclo de vida do smartphone.”

Chip diferente, mesmo celular

Apesar do chip diferente, o Galaxy S20 FE com Snapdragon 865 é exatamente igual ao modelo com Exynos 990 no restante das especificações. O aparelho é praticamente uma versão “Lite” do smartphone top de linha da Samsung para o ano passado, fazendo alguns cortes para garantir melhor custo-benefício.

O Galaxy S20 FE conta com tela de 6,5 polegadas de resolução Full HD+ e taxa de atualização de até 120 Hz. O modelo possui câmera tripla na traseira, com módulo principal de 12 MP, além de sensores secundários de 12 MP ultrawide e 8 MP com lente teleobjetiva. A solução para selfies é de 32 MP.

Quando o assunto é autonomia, o smartphone conta com uma bateria de 4.500 mAh com recarga rápida de 25W. O celular também possui 6 GB ou 8 GB de memória RAM, além de trazer opções com 128 GB ou 256 GB de armazenamento.

Preço no Brasil

O Galaxy S20 FE 4G com Snapdragon 865 chegou ao Brasil com preço sugerido de R$ 4.999 na versão mais básica e R$ 5.499 na edição com 256 GB de armazenamento e 8 GB de RAM. No entanto, a tendência é que os preços caiam rapidamente.

O novo celular já apareceu em lojas como Magazine Luiza com preços na casa dos R$ 2.270, mas o estoque está esgotado. A versão do celular com chip Exynos também pode ser encontrada no e-commerce por valores próximos de R$ 2.199.

Fonte: Tecmundo

Continuar lendo TECNOLOGIA: NOVO CELULAR SANSUNG GALAXY S20 FE COM NOVO PROCESSADOR DA QUALCOMM

TECNOLOGIA: ELETRODOS EM BATERIAS DE LÍTIO CONTENDO COBALTO PODE SER REUTILIZADOS APÓS UM PROCESSO ESPECIAL

Um aumento estimado de 25% em todo o mundo na fabricação de baterias recarregáveis ​​a cada ano, como consequência da proliferação de carros elétricos, smartphones e dispositivos portáteis provocou uma pesquisa para a reutilização de eletrodos em baterias de lítio contendo cobalto após um processo especial. Ao ler o artigo completo a seguir você vai saber como isso é possível!

As peças da bateria podem ser recicladas sem esmagar ou derreter, economizando matérias-primas valiosas

Pesquisadores na Finlândia descobriram que eletrodos em baterias de lítio contendo cobalto podem ser reutilizados após um processo especial.

Em comparação com a reciclagem tradicional, que normalmente extrai metais de baterias esmagadas derretendo-os ou dissolvendo-os, o novo processo – que satura os eletrodos com lítio – economiza matérias-primas valiosas e provavelmente também energia.

Aalto University

O problema das baterias recarregáveis

A proliferação de carros elétricos, smartphones e dispositivos portáteis está levando a um aumento estimado de 25% em todo o mundo na fabricação de baterias recarregáveis ​​a cada ano.

Muitas matérias-primas usadas nas baterias, como o cobalto, podem em breve se esgotar. A Comissão Europeia está preparando um novo decreto sobre as baterias, que exigiria a reciclagem de 95% do cobalto das baterias. No entanto, os métodos de reciclagem de baterias existentes estão longe de ser perfeitos.

Quase como novo

As baterias recarregáveis ​​de íons de lítio têm dois eletrodos entre os quais se movem partículas eletricamente carregadas. O óxido de lítio-cobalto é usado em um eletrodo e, na maioria das baterias, o outro é feito de carbono e cobre.

Nos métodos tradicionais de reciclagem de baterias, algumas das matérias-primas das baterias são perdidas e o óxido de lítio-cobalto se transforma em outros compostos de cobalto, que requerem um longo processo de refinamento químico para transformá-los novamente em material de eletrodo.

O novo método dos cientistas da Universidade de Aalto contorna esse processo meticuloso: ao reabastecer o lítio gasto no eletrodo por meio de um processo de eletrólise – comumente usado na indústria – o composto de cobalto pode ser reutilizado diretamente.

Os resultados, publicados em ChemSusChem j ournal , mostram que o desempenho dos eléctrodos recém saturado com lítio é quase tão boa como a dos feitos de material novo.

A professora da Aalto University, Tanja Kallio, acredita que com o desenvolvimento do método também funcionaria em escala industrial.

“Ao reutilizar as estruturas das baterias, podemos evitar muito do trabalho que é comum na reciclagem e, ao mesmo tempo, potencialmente economizar energia. Acreditamos que o método pode ajudar as empresas que estão desenvolvendo a reciclagem industrial ‘, diz Kallio.

Os pesquisadores pretendem ver se o mesmo método também pode ser usado com baterias de carros elétricos à base de níquel.

Fonte: Aalto University

Continuar lendo TECNOLOGIA: ELETRODOS EM BATERIAS DE LÍTIO CONTENDO COBALTO PODE SER REUTILIZADOS APÓS UM PROCESSO ESPECIAL

TECNOLOGIA: NOVA BATERIA PARA RESIDÊNCIAS POWERWALL 2 PLUS DA TESLA É A MENINA DOS OLHOS DE ELON MUSK

A nova bateria recarregável de íons de lítio para uso doméstico, Powerwall 2 Plus, é a nova vedete da Tesla, cuja produção iniciou em 2020 é a revelação feita por Elon Musk e também o destaque desta edição da coluna TECNOLOGIA do Blog do Saber. Convido você a ler o artigo completo a seguir e conhecer essa bateria que tem até o dobro da capacidade das baterias anteriores.

Elon Musk revela que produção de Powerwall 2 Plus iniciou em 2020

1 min de leitura
Imagem de: Elon Musk revela que produção de Powerwall 2 Plus iniciou em 2020Imagem: Tesla/Divulgação
Avatar do autorKris Gaiato via nexperts

Elon Musk afirmou, durante uma recente conferência com investidores, que a produção do Tesla Powerwall 2 Plus teve início em novembro de 2020. O sistema de armazenamento com baterias recarregáveis de íons de lítio para uso doméstico foi primeiramente lançado em 2016, e agora a fabricante pretende lançar uma nova versão da tecnologia.

O magnata havia dado pistas da novidade, quando indicou possíveis aumentos na capacidade de energia para baterias domésticas da fabricante. Musk, contudo, não entrou em detalhes. “Basicamente, todos os Powerwalls feitos desde novembro do ano passado têm muito mais capacidade de potência do que a especificação no site. O novo modelo têm, cerca de, duas vezes a capacidade de energia”, afirmou, finalmente.

Powerwall 2 Plus e painel solar

a Tesla/Divulgação 

Semelhante ao Model 3 Standard Range Plus, o “Plus” do novo Powerwall indica uma mudança de capacidade. A versão anterior apresenta 5 kW de fornecimento contínuo de energia, podendo chegar a 7 kW se levado à sua produção máxima. Segundo as informações fornecidas por Musk, esses valores serão dobrados.

Em sua fala, o magnata também indicou que os Powerwalls serão vendidos somente com instalações solares. “A dificuldade de instalação será muito menor. Será muito mais fácil porque a energia do painel solar só irá diretamente para o Powerwall. E o Powerwall sempre fica entre o utilitário e o painel de energia principal da casa, o que significa que você nunca precisa tocar nos disjuntores principais da casa”, afirmou, ressaltando a importância da união das tecnologias para sua escalabilidade.

Vale ressaltar, contudo, que nesta segunda-feira (26), Elon Musk afirmou que sua empresa cometeu “erros significativos” em seu projeto de painéis solares, o que causará alterações no custo e atrasos nas instalações. Musk disse que Tesla teve dificuldades em “avaliar a dificuldade de certos telhados”, justificando que “a complexidade dos telhados varia dramaticamente”. Não se sabe, contudo, se essas falhas irão interferir na disponibilização do Powerwall 2 Plus.

Fonte: Tecmundo

Continuar lendo TECNOLOGIA: NOVA BATERIA PARA RESIDÊNCIAS POWERWALL 2 PLUS DA TESLA É A MENINA DOS OLHOS DE ELON MUSK

TECNOLOGIA: CIENTISTAS DESVENDAM MISTÉRIO POPULARMENTE CONHECIDO COMO “EFEITO CASTANHA-DO-BRASIL

Finalmente foi elucidado o mistério da física envolvendo a castanha-do-pará, que intrigava os cientistas há muito tempo. O fenômeno popularmente conhecido como “efeito castanha-do-Brasil”, aborda qual é a rota traçada por castanhas-do-pará para estarem sempre no topo do mix de castanhas? Foi desvendado através de uma TECNOLOGIA 3D. Lendo o artigo completo a seguir você conhecerá como foi desvendado esse mistério!

 ATUALIZADO EM 
Aparentemente trivial, descoberta pode ter implicações para as indústrias alimentícia e farmacêutica – e até para a mineração (Foto: pictavio/Pixabay)Aparentemente trivial, descoberta pode ter implicações para as indústrias alimentícia e farmacêutica – e até para a mineração (Foto: pictavio/Pixabay)

Pela primeira vez na história, pesquisadores da Universidade de Manchester, na Inglaterra, desvendaram o mistério por trás de um fenômeno popularmente conhecido como “efeito castanha-do-Brasil”. A partir de tecnologia 3D, a equipe respondeu a uma pergunta que intrigava a comunidade científica – e a indústria – há anos: qual é a rota traçada por castanhas-do-pará para estarem sempre no topo do mix de castanhas?

À primeira vista, o trajeto não guarda enigmas e pode ser explicado pela Física, mais especificamente pelo conceito da segregação por tamanho. Por causa de seu formato irregular, em um mix de grãos, a noz brasileira costuma ficar “por cima” de outras castanhas (a de caju, por exemplo). Facilmente observado a olho nu, numa tigela ou pacote de nozes, o fenômeno ainda não havia sido rastreado em três dimensões – foi o que fizeram os cientistas de Manchester.

Na empreitada, o grupo conseguiu acompanhar o interior de uma mistura de castanhas-do-pará com amendoins. Enquanto a embalagem era repetidamente agitada, técnicas de tomografia computadorizada de raios-X de lapso de tempo capturaram como os grãos interagiram. “Isso nos permitiu ver pela primeira vez o processo pelo qual as castanhas-do-Brasil passam o amendoim para chegar ao topo”, relata Philip Withers, professor de Ciência de Materiais e coautor do estudo, em comunicado.

Experimento capturou a evolução temporal de uma mistura de castanhas-do-pará com amendoins. Acima, as castanhas foram coloridas de acordo com o seu volume (topo), assim como os amendoins (meio). (Foto: Scientific Reports/Reprodução)Experimento capturou a evolução temporal de uma mistura de castanhas-do-pará com amendoins. Acima, as castanhas foram coloridas de acordo com o seu volume (topo), assim como os amendoins (meio). (Foto: Scientific Reports/Reprodução)

Os pesquisadores resumiram o experimento em uma imagem que revela a evolução temporal da mistura de nozes em 3D. Nela, é possível notar que o amendoim se infiltra para baixo, enquanto três castanhas-do-pará maiores alcançam o topo do recipiente – ao mesmo tempo, as castanhas brasileiras restantes aparecem presas na parte inferior.

Publicado na revista Scientific Reports nesta segunda-feira (19), o estudo explica que a primeira noz brasileira atinge os primeiros 10% da altura do reservatório após 70 ciclos de cisalhamento – como, na Física, são chamadas as tensões geradas por forças que agem em direções semelhantes –, o que acontece com as outras duas castanhas do Brasil após 150 ciclos.

O experimento também mostrou que, quando inicialmente colocadas no recipiente, as castanhas-do-pará tendem a ficar planas – isto é, no eixo horizontal – e não começam a subir até que primeiro tenham girado o suficiente em direção ao eixo vertical. Quando finalmente alcançam a superfície, elas retornam à orientação plana, como mostram gráficos feitos a partir de imagens realizadas no Centro de Pesquisa Nacional para Tomografia Computadorizada de Raios-X baseada em Laboratório (NSCT), no Instituto Henry Royce.

Segundo os pesquisadores, a orientação da castanha-do-pará é a chave para seu movimento ascendente. Acima, imagem ilustra movimento das castanhas do Brasil e amendoins ao longo do tempo. (Foto: Scientific Reports/Reprodução)Segundo os pesquisadores, a orientação da castanha-do-pará é a chave para seu movimento ascendente. Acima, imagem ilustra movimento das castanhas do Brasil e amendoins ao longo do tempo. (Foto: Scientific Reports/Reprodução)

E por que algumas das castanhas-do-pará ficaram “presas” e não chegaram ao topo como as outras? Segundo os pesquisadores, isso aconteceu em função do baixo número de amendoins na parte inferior do recipiente. São esses grãos que, ao atravessar as castanhas maiores e se infiltrar para baixo, “forçam” a subida das nozes brasileiras. Com apenas quatro deles na parte inferior, não houve fluxo de massa suficiente para impulsionar a subida dessas castanhas do Brasil – mesmo que elas tenham girado para a vertical.

E por que isso importa?

Aparentemente trivial, a descoberta pode ajudar pesquisadores a compreender melhor os efeitos que características como tamanho e a orientação de partículas têm em processos de separação (ou segregação) de materiais. Isso, de acordo com o estudo, é um fator-chave para a projeção de equipamentos industriais que promovam uma distribuição mais uniforme de ingredientes em misturas alimentícias e comprimidos medicinais – e até nas atividades de mineração.

Mas não só isso. “Essa capacidade de rastrear o movimento em 3D abrirá o caminho para novos estudos experimentais de misturas de segregação e para simulações ainda mais realistas e modelos preditivos poderosos”, sugere o estudo.

Fonte: Revista Galileu

Continuar lendo TECNOLOGIA: CIENTISTAS DESVENDAM MISTÉRIO POPULARMENTE CONHECIDO COMO “EFEITO CASTANHA-DO-BRASIL

TECNOLOGIA: O PRIMEIRO TRANSPLANTE PULMONAR COM DOADORES VIVOS DO MUNDO FOI REALIZADO NO JAPÃO

Temos o orgulho e o prazer de noticiar, aqui na coluna TECNOLOGIA do Blog do Saber o primeiro transplante de pulmão, em paciente Covid-19, com doadores vivos do mundo, realizado por médicos japoneses do Hospital Universitário de Kyoto, que foi realizado na última quarta-feira. Uma notícia como essa você não pode deixar de ler para saber como foi realizado!

Médicos japoneses realizam o primeiro transplante pulmonar de doador vivo do mundo em paciente COVID-19

Um paciente COVID-19 no Japão recebeu o primeiro transplante de pulmão do mundo de doadores vivos.

Recebendo um transplante de tecido pulmonar de seu filho e marido, a paciente foi submetida a uma operação de 11 horas no Hospital Universitário de Kyoto para receber seu transplante na última quarta-feira.

Antes (L) e depois (R) da operação. As áreas escuras mostram onde o tecido pulmonar foi transplantado. Hospital Universitário de Kyoto

A mulher operada contraiu o COVID-19 no final do ano passado. De acordo com o Hospital Universitário de Kyoto, ela passou meses em uma máquina de suporte de vida atuando como um pulmão artificial, porque o dela não funcionou mais. Espera-se que ela se recupere da operação da semana passada em alguns meses.

Como acontece em todo o mundo, as listas de espera para transplantes de pulmão de doadores de órgãos falecidos são muito longas no Japão.

O Dr. Hiroshi Date – que liderou a operação – disse em um comunicado que o sucesso deste transplante de doadores vivos pode fornecer otimismo entre outros que sofrem graves danos pulmonares causados ​​pelo vírus. “Acho que há muita esperança para este tratamento no sentido de que ele cria uma nova opção”, disse o cirurgião torácico ao Kyodo News.

ASSISTA a história da Nippon TV News 24 Japan sobre a operação abaixo.)

Imagem em destaque: Hospital Universitário de Kyoto

Fonte: Good News Network

Continuar lendo TECNOLOGIA: O PRIMEIRO TRANSPLANTE PULMONAR COM DOADORES VIVOS DO MUNDO FOI REALIZADO NO JAPÃO

TECNOLOGIA: UMA SEQUÊNCIA DE 8 TELESCÓPIOS PARA CRIAR MAPA REQUINTADO DO CAMPO MAGNÉTICO GIRATÓRIO DO BURACO NEGRO

Uma nova TECNOLOGIA desenvolvida por uma equipe mundial de astrônomos usando o Event Horizon Telescope (EHT) é o destaque desta quinta-feira, aqui na coluna. Os cientistas ligaram oito telescópios ao redor do mundo para criar um telescópio virtual do tamanho da Terra, o EHT. A impressionante resolução obtida com o EHT é equivalente à necessária para medir o comprimento de um cartão de crédito na superfície da lua. Então convido você a ler o artigo completo a seguir e conhecer essa incrível descoberta!

Telescópio global cria mapa requintado do campo magnético giratório do buraco negro

Uma nova visão da região mais próxima do buraco negro supermassivo no centro da galáxia mostrou detalhes importantes dos campos magnéticos próximos a ele – e dicas sobre como jatos poderosos de material podem se originar naquela região.

Uma equipe mundial de astrônomos usando o Event Horizon Telescope (EHT) mediu uma assinatura de campos magnéticos – chamados de polarização – ao redor do buraco negro. Polarização é a orientação dos campos elétricos em ondas de luz e rádio, e pode indicar a presença e alinhamento de campos magnéticos.

As novas imagens permitiram aos cientistas mapear as linhas do campo magnético perto da borda do buraco negro de Messier 87 (M87) e são a chave para explicar como o buraco negro, a 50 milhões de anos-luz da Terra, pode lançar jatos energéticos de seu núcleo.

O buraco negro no centro de M87 é mais de 6 bilhões de vezes mais massivo que o sol. O material puxado para dentro forma um disco giratório – chamado de disco de acreção – orbitando próximo ao buraco negro.

A maior parte do material do disco cai no buraco negro, mas algumas partículas circundantes escapam e são ejetadas no espaço em jatos que se movem quase à velocidade da luz.

“As imagens polarizadas recém-publicadas são fundamentais para entender como o campo magnético permite que o buraco negro ‘coma’ matéria e lance jatos poderosos”, disse Andrew Chael, pesquisador do Hubble da NASA no Princeton Center for Theoretical Science e da Princeton Gravity Initiative em os EUA

Os cientistas compararam as novas imagens que mostravam a estrutura do campo magnético do lado de fora do buraco negro com simulações de computador baseadas em diferentes modelos teóricos. Eles descobriram que apenas os modelos com gás fortemente magnetizado podem explicar o que estão vendo no horizonte de eventos.

“As observações sugerem que os campos magnéticos na borda do buraco negro são fortes o suficiente para empurrar o gás quente e ajudá-lo a resistir à atração da gravidade. Apenas o gás que desliza pelo campo pode espiralar para dentro do horizonte de eventos ”, explicou Jason Dexter, professor assistente da Universidade de Colorado em Boulder e coordenador do Grupo de Trabalho de Teoria EHT.

Vista do buraco negro supermassivo M87 e colaboração do jato / EHT, ALMA 

Para fazer as novas observações, os cientistas ligaram oito telescópios ao redor do mundo para criar um telescópio virtual do tamanho da Terra, o EHT. A impressionante resolução obtida com o EHT é equivalente à necessária para medir o comprimento de um cartão de crédito na superfície da lua.

Esta resolução permitiu que a equipe observasse diretamente a sombra do buraco negro e o anel de luz ao seu redor, com a nova imagem mostrando claramente que o anel está magnetizado. Os resultados são publicados em dois artigos no  Astrophysical Journal Letters.

À medida que a colaboração do EHT continua a trabalhar mais no que está acontecendo ao nosso redor no espaço, com certeza informaremos a você suas últimas descobertas.

Continuar lendo TECNOLOGIA: UMA SEQUÊNCIA DE 8 TELESCÓPIOS PARA CRIAR MAPA REQUINTADO DO CAMPO MAGNÉTICO GIRATÓRIO DO BURACO NEGRO

TECNOLOGIA: AUTONOMIA DE CARRO ELÉTRICO ALCANÇA 1.000 MILHAS E JÁ DESLANCHA NAS VENDAS

Aptera a novidade revolucionária no mercado de carros movidos a energia solar é o destaque, aqui na coluna TECNOLOGIA, deste sábado. O carro tem uma autonomia de 1.000 milhas e já recebeu 7.000 encomendas. Ele recarrega as baterias até ficando exposto ao sol e em postos de recarga, completa em 15 minutos. Leia o artigo completo a seguir e conheça todos os detalhes desse incrível lançamento tecnológico.

Carro movido a energia solar Aptera com alcance de ‘1.000 milhas’ recebe 7.000 encomendas para entrega em 2021

 

Parecendo uma mistura entre um carro F-1 e o Batmóvel, o primeiro carro movido a energia solar produzido em massa deu vários passos em direção ao seu primeiro dia de mercado.

Em 18 de fevereiro, a  Aptera Motors anunciou uma rodada de financiamento de US $ 4 milhões da Série A – e também 7.000 reservas de seu novo veículo elétrico, no valor total de US $ 250.000.

O triciclo elétrico Aptera tem três rodas, custa cerca de US $ 25.000 e contém 34 pés quadrados de células solares que geram eletricidade para abastecer o carro na maioria das viagens diárias.

Ele pode ser conectado, é claro, em dias chuvosos ou à noite, mas ao contrário dos EVs básicos, ele precisa de apenas 15 minutos de carga para dirigir 150 milhas sem parar. Até mesmo o simples ato de deixá-lo estacionado ao sol por um dia pode fornecer 40 milhas de alcance por conta própria – o equivalente a seu carro se recarregando com dois galões de gasolina.

Como parte de uma proposta para colocar o carro no mercado até o final do ano, a Aptera mudou-se para uma nova unidade de produção e design em San Diego, Califórnia.

Um estuário tecnológico

Aptera 

Um estuário é um ambiente único onde uma grande foz ou delta de rio se mistura com água salgada do mar – uma comparação adequada com o triciclo solar Aptera, que é um estuário de diferentes tecnologias se juntando, uma se complementando.

Apesar de parecer tão dramático quanto qualquer Pagani Zonda ou Lamborghini, a parte traseira afilada, o corpo aerodinâmico e o trem de pouso arqueado em forma de golfinho foram projetados para reduzir o arrasto.

Na verdade, o detalhe prestado à redução do arrasto e do uso de energia beira o obsessivo. Mas é por meio dessa ultraeficiência que a energia solar, uma forma relativamente limitada de geração de eletricidade, pode realmente se tornar um recurso útil para alimentar um carro.

“Achamos que a energia deve ser usada para girar as rodas – isso começa com a aerodinâmica”, diz Anthony, em um vídeo divulgado pela empresa anunciando que estava fazendo encomendas.

“Em um veículo típico, você usa 60% do combustível apenas empurrando o ar para fora do caminho em velocidades de rodovia; então, se você pudesse reduzir a resistência aerodinâmica a 0, obteria instantaneamente uma economia de combustível 60% melhor.

“Em vez de ter 200-300 partes na carroceria, [o Aptera] tem quatro partes na estrutura principal, o que torna muito mais fácil construir, rastrear e montar”, diz Steve Fambro, o segundo cofundador da empresa, no mesmo vídeo.

De fato, feito de materiais compostos envolvendo fibra de vidro, carbono e alumínio, a maior parte do painel é projetada para ser impressa em 3D – reduzindo ainda mais a produção de emissões e os custos.

Eles também adicionaram recursos de piloto automático inteligente e aproveitaram mais de 20 anos de inovação em tecnologia de bateria e transmissão elétrica para criar o que eles chamam de melhor carro elétrico do mundo.

ASSISTA o novo vídeo do Aptera abaixo).

Fonte: Good news Network

Continuar lendo TECNOLOGIA: AUTONOMIA DE CARRO ELÉTRICO ALCANÇA 1.000 MILHAS E JÁ DESLANCHA NAS VENDAS

TECNOLOGIA: OSSOS VIVOS SÃO CRIADOS EM IMPRESSORA 3D POR CIENTISTAS AUSTRALIANOS

A que ponto chegou a tecnologia não? O destaque desta segunda-feira aqui na coluna TECNOLOGIA é uma nova tinta com cálcio à base de cerâmica que pode permitir aos cirurgiões no futuro imprimir em 3D peças ósseas completas com células vivas que podem ser usadas para reparar o tecido ósseo danificado. Um show de tecnologia pra ninguém botar defeito e vem da UNSW Sydney. Convido você a ler o artigo completo a seguir e conhecer todos os detalhes sobre essa nova descoberta dos pesquisadores australianos!

Cientistas usam nova tinta com cálcio para imprimir “osso” em 3D com células vivas

As impressoras 3D podem um dia se tornar um acessório permanente de salas de cirurgia, agora que os cientistas australianos mostraram que podem imprimir estruturas semelhantes a ossos contendo células vivas.

Cientistas da UNSW Sydney desenvolveram uma tinta à base de cerâmica que pode permitir aos cirurgiões no futuro imprimir em 3D peças ósseas completas com células vivas que podem ser usadas para reparar o tecido ósseo danificado.

Usando uma impressora 3D que implanta uma tinta especial feita de fosfato de cálcio, os cientistas desenvolveram uma nova técnica, conhecida como bioimpressão omnidirecional de cerâmica em suspensões de células (COBICS), que lhes permite imprimir estruturas semelhantes a ossos que endurecem em questão de minutos quando colocado na água.

Embora a ideia de impressão 3D de estruturas que imitam ossos não seja nova, esta é a primeira vez que tal material pode ser criado em temperatura ambiente – completo com células vivas – e sem produtos químicos agressivos ou radiação, disse o Dr. Iman Roohani da Escola de Química da UNSW .

“Esta é uma tecnologia única que pode produzir estruturas que imitam o tecido ósseo”, disse ele, apontando para reparos de defeitos ósseos causados ​​por acidentes ou câncer.

O professor associado Kristopher Kilian, que co-desenvolveu a tecnologia inovadora com o Dr. Roohani, diz que o fato de que as células vivas podem fazer parte da estrutura impressa em 3D, junto com sua portabilidade, é um grande avanço na tecnologia de ponta atual .

Até agora, diz ele, fazer um pedaço de material semelhante a um osso para reparar o tecido ósseo de um paciente envolve primeiro ir a um laboratório para fabricar as estruturas usando fornos de alta temperatura e produtos químicos tóxicos.

“Isso produz um material seco que é levado para um ambiente clínico ou laboratório, onde é lavado abundantemente e, em seguida, adicionado células vivas”, diz o professor Kilian.

“O legal da nossa técnica é que você pode simplesmente extrudá-la diretamente para um lugar onde há células, como uma cavidade no osso de um paciente. Podemos ir diretamente ao osso, onde existem células, vasos sanguíneos e gordura, e imprimir uma estrutura semelhante a um osso que já contém células vivas, bem naquela área. ”

“Atualmente não há tecnologias que possam fazer isso diretamente.”

Em um artigo de pesquisa publicado recentemente na Advanced Functional Materials , os autores descrevem como desenvolveram a tinta especial em uma matriz de microgel com células vivas.

“A tinta tira vantagem de um mecanismo de fixação por meio da nanocristalização local de seus componentes em ambientes aquosos, convertendo a tinta inorgânica em nanocristais de apatita óssea mecanicamente interligados”, diz o Dr. Roohani.

“Em outras palavras, ele forma uma estrutura quimicamente semelhante aos blocos de construção óssea. A tinta é formulada de tal forma que a conversão é rápida, não tóxica em ambiente biológico e só se inicia quando a tinta é exposta aos fluidos corporais, proporcionando um amplo tempo de trabalho para o usuário final, por exemplo, cirurgiões. ”

Ele diz que quando a tinta é combinada com uma substância colágena contendo células vivas, ela permite a fabricação in-situ de tecidos semelhantes aos ossos que podem ser adequados para aplicações de engenharia de tecido ósseo, modelagem de doenças, triagem de drogas e reconstrução óssea in situ e defeitos osteocondrais.

Já existe um grande interesse de cirurgiões e fabricantes de tecnologia médica. A / Prof. Kilian pensa que ainda é cedo, esse novo processo de impressão óssea pode abrir uma nova maneira de tratar e reparar o tecido ósseo.

“Esse avanço realmente abre caminho para inúmeras oportunidades que acreditamos podem ser transformadoras – desde o uso da tinta para criar osso no laboratório para modelagem de doenças, como um material bioativo para restauração dentária, até a reconstrução óssea direta em um paciente”, diz A / Prof. Kilian.

“Imagino um dia em que um paciente que precisa de um enxerto ósseo possa entrar em uma clínica onde a estrutura anatômica de seu osso é fotografada, traduzida para uma impressora 3D e impressa diretamente na cavidade com suas próprias células.

“Isso tem o potencial de mudar radicalmente a prática atual, reduzindo o sofrimento do paciente e, por fim, salvando vidas”.

Em seguida, a dupla realizará testes in vivo em modelos animais para ver se as células vivas nas construções semelhantes a ossos continuam a crescer após serem implantadas no tecido ósseo existente.

ASSISTA o vídeo do artigo completo no UNSW …

Continuar lendo TECNOLOGIA: OSSOS VIVOS SÃO CRIADOS EM IMPRESSORA 3D POR CIENTISTAS AUSTRALIANOS

TECNOLOGIA: BATERIA DOMÉSTICA A BASE DE HIDROGÊNIO SÓLIDO É A PRIMEIRA A SUPRIR POR 3 DIAS A ENERGIA DA SUA CASA

Uma bateria doméstica que pode dar autonomia de 3 dias a uma casa no abastecimento de energia elétrica é o destaque, aqui na coluna TECNOLOGIA. Uma Startup desenvolveu o primeiro sistema de armazenamento de energia renovável movido a hidrogênio. Uma célula de combustível converte o hidrogênio armazenado de volta em eletricidade quando a bateria é ligada, com a vantagem de eliminar o risco de incêndio pelo fato de o hidrogênio ser armazenado no estado sólido. Veja mais detalhes dessa incrível descoberta lendo o artigo completo a seguir.

A primeira bateria doméstica de hidrogênio do mundo fornece energia para sua casa por 3 dias, é reciclável e não representa risco de incêndio

Com os cortes de energia no Texas atingindo as manchetes esta semana, vale a pena olhar para uma startup que desenvolveu o primeiro sistema de armazenamento de energia renovável movido a hidrogênio. Com carga total, pode fornecer eletricidade para uma casa por cerca de três dias.

Se você já disse a um amigo que queria mudar para painéis solares, pode ter recebido uma resposta sarcástica do tipo: “O que acontece quando está nublado?”

Por mais frustrante que seja ouvir, por algum tempo tem sido uma desvantagem legítima para painéis fotovoltaicos de telhado. Mas, assim como as baterias de carros elétricos melhoraram na década de 2010, as opções de armazenamento de energia solar durante a noite ou durante os períodos nublados tornaram-se rapidamente mais disponíveis.

Para residências em Nova Gales do Sul, Austrália, a LAVO está oferecendo um sistema de armazenamento de bateria verde para reter o sol nos dias mais escuros, usando um sistema inteligente de eletrólise para gerar energia a partir do hidrogênio armazenado. O material especial no qual o hidrogênio é armazenado é muito mais seguro do que as tecnologias convencionais. Tem uma vida útil de cerca de 30 anos, podendo ser reciclado.

Inovação no seu melhor

Conectado à tubulação principal de água e a qualquer painel solar fotovoltaico disponível comercialmente, a energia solar é usada para alimentar um eletrolisador para converter água em hidrogênio e oxigênio, com o primeiro indo para o material de armazenamento de hidreto patenteado, e o último simplesmente retornando para o ar.

Uma célula de combustível converte o hidrogênio armazenado de volta em eletricidade quando a bateria é ligada, e o fato de o hidrogênio ser armazenado em estado sólido, em vez de líquido ou gás, elimina o risco de incêndio normalmente considerável do material.

Do tamanho de um refrigerador doméstico e custando cerca de US $ 29.500 , a bateria de hidrogênio LAVO pode armazenar 3 vezes mais energia do que sistemas domésticos de bateria de lítio comparáveis.

Dentro da bateria está um banco de unidades destacáveis ​​que também podem ser usadas para alimentar outras máquinas elétricas a hidrogênio da LAVO – incluindo uma bicicleta e uma churrasqueira.

Porta-vozes da empresa dizem que um eco-lodge já encomendou um, enquanto a Gowings Bros, uma empresa australiana de investimentos e roupas, anunciou em janeiro que assinou contrato como investidor para a LAVO, se comprometendo a comprar 200 baterias para suas propriedades em todo o país. Avisaremos quando a tecnologia chegar ao Texas e além.

Fonte: Good News Network

Continuar lendo TECNOLOGIA: BATERIA DOMÉSTICA A BASE DE HIDROGÊNIO SÓLIDO É A PRIMEIRA A SUPRIR POR 3 DIAS A ENERGIA DA SUA CASA

TECNOLOGIA: TÊNIS NIKE GO FLYEASE É A SOLUÇÃO PARA DEFICIENTES, GRÁVIDAS E PESSOAS ARTRÍTICAS

Um tênis revolucionário especialmente para pessoas artríticas, deficientes e grávidas é o destaque de hoje, aqui na coluna TECNOLOGIA. É um tênis totalmente mãos-livres, no estilo Homem de Ferro, específico para quem não pode usar as mãos para calçá-lo. Um lançamento da Nike, a maior empresa mundial de calçados esportivos e roupas esportivas e deve estar no mercado muito em breve. Leia o artigo completo a seguir e saiba de todos os detalhes.

A Nike fez um tênis viva-voz para que pessoas artríticas, deficientes e grávidas possam entrar facilmente

Por mais que a Nike tenha revolucionado o calçado, seu mais recente inovador é uma opção projetada não para atletas de elite, mas para atender a uma necessidade específica que não foi abordada.

Chamado de Flyease Go, é o primeiro calçado totalmente mãos-livres, envolvendo e liberando seus pés apenas por meio de movimentos naturais – um pouco como Tony Stark vestindo seu terno do Homem de Ferro .

O sapato revolucionário é perfeito, diz um estilista da Nike, para mulheres grávidas no terceiro trimestre, pacientes com artrite ou aquelas que perderam parte ou todo o uso de seus braços – como vítimas de derrame ou veteranos militares feridos.

Em um artigo animado na Fast Company , o designer da Nike Tobie Hatfield contou a história de como, em 2008, a maior empresa mundial de calçados esportivos e roupas esportivas recebeu a infeliz notícia de que seu primeiro funcionário havia sofrido um derrame e não podia mais usar um dos braços .

Hatfield foi encarregado de projetar um sapato especial para acomodar um de seus membros mais valiosos da equipe e criou um envolvendo um zíper e velcro.

Agora, a gênese dessa ideia levou à criação do Flyease Go, um “tênis de estilo de vida de desempenho diário”, que é totalmente mãos-livres e será lançado em um lançamento lento este ano a partir de US $ 120.

Desenho universal

Dividido em duas metades restringidas por uma banda de tensão de neoprene, mas com uma dobradiça limitada de dois estágios no meio da sola, o chinelo ou parte da frente semelhante a um mocassim do sapato se arqueia em um ângulo de 30 graus conforme a dobradiça se abre quando o sapato não está sendo usado.

O calcanhar dobra da mesma forma, mas na direção oposta, e quando o pé é inserido na frente semelhante a um mocassim, um simples movimento de pressão fecha a dobradiça, reapertando a faixa de neoprene e puxando as duas metades juntas, confortavelmente em torno de seus pés.

No passado, a Nike se inspirou nos titãs do atletismo humano – Mohammed Salah, LeBron James e outros – mas aqui eles se inspiraram em um dos movimentos biomecânicos mais icônicos e universais de nossa espécie.

O salto traseiro do sapato tem uma concha de plástico rígido, terminando em uma pequena saliência, chamada de “salto de suporte”, que é o mecanismo de mãos livres para abrir a dobradiça e se baseia no movimento que todos fazemos com nossos tênis quando não temos vontade de desamarrar os laços.

Você sabe o que queremos dizer, quando você pressiona a parte de trás do calcanhar com um pé para puxá-lo para fora do sapato.

“O que adoro neste sapato em particular é que ouvimos as necessidades extremas de [pessoas com limitações específicas]”, disse Sarah Reinertsen, diretora sênior da Nike Ease, à Fast Company . “Mas, com esta solução, sentimos que é uma proposta universal.”

“Falamos muito sobre design universal e o que o design universal faz quando cria um convite para todo e qualquer atleta”, disse também o diretor de design John Hoke. “E quando resolvemos esse problema realmente, muito, bem – como eu acho que o Nike Go faz – cria um apelo universal. Não será limitado por um público único. Recebe qualquer público porque é muito inteligente. ”

ASSISTA ao vídeo da Nike abaixo para ir ‘por trás do design’.)

Fonte: Good News Network

Continuar lendo TECNOLOGIA: TÊNIS NIKE GO FLYEASE É A SOLUÇÃO PARA DEFICIENTES, GRÁVIDAS E PESSOAS ARTRÍTICAS

TECNOLOGIA: BATERIAS QUE CARREGAM EM 5 MINUTOS PODEM REVOLUCIONAR MERCADO DO CARRO ELÉTRICO

Uma das principais barreiras à entrada de veículos elétricos pode desaparecer, O longo tempo de recarga das baterias. Este é o destaque, aqui na coluna TECNOLOGIA desta sexta-feira. É que uma startup israelense passou a produzir em massa baterias de automóveis que podem fornecer 160 quilômetros de carga em apenas cinco minutos, ou seja, é como abastecer um carro a gasolina. Leia o artigo completo a seguir e conheça a TECNOLOGIA que permitiu esse up grade na evolução do carro elétrico!

Novas baterias de carros elétricos podem ser totalmente carregadas em 5 minutos, como abastecer seu carro com gasolina, se carregadores melhores estiverem no lugar

Uma das principais barreiras à entrada de veículos elétricos pode desaparecer, já que uma startup israelense está agora produzindo em massa baterias de automóveis que podem fornecer 160 quilômetros de carga em apenas cinco minutos.

StoreDot

A empresa inovadora StoreDot , que forneceu versões de carga rápida de baterias de íon de lítio para telefones e scooters, agora se empanturrou de milhões em dólares de investimento e tirou 1.000 baterias de automóveis de uma linha de montagem chinesa.

A descoberta substitui o ânodo de grafite que causa problemas ao tentar forçar a energia para a bateria. Os íons de lítio ficam congestionados por meio desse método, antes de se transformarem em metal e, em seguida, causar um curto na bateria.

O StoreDot substitui o grafite pelo silício, o que não apenas contorna esse problema, mas reduz os custos, pois o silício é muito mais barato. A safra atual de mil baterias usa germânio, que também é à prova d’água, e as de silício são esperadas para o final do ano.

A Tesla e seu fundador Elon Musk gostaram da ideia e, portanto, montaram um centro de pesquisa e desenvolvimento em Israel para aproveitar as inovações que saíam do StoreDot, que foi nomeado pela Bloomberg como o vencedor do New Energy Finance Pioneers para 2020.

Depois que a inovação constante derrubou o preço do carro elétrico na década de 2010, o obstáculo final para a adoção generalizada que permanece é a velocidade de carregamento e os pontos de carregamento.

A British Petroleum (BP) investiu US $ 20 milhões nas baterias StoreDot, embora mantenha 18.200 postos de gasolina no Reino Unido. De acordo com Doron Myersdorf, CEO da StoreDot, “eles [BP] entendem que daqui a 10 anos, todas essas estações estarão obsoletas se não as reaproveitarem para carregamento – as baterias são o novo óleo”.

Atualmente, as estações de carregamento de bateria não podem fornecer a eletricidade necessária para carregar uma bateria StoreDot totalmente em cinco minutos, o que significa que a bola está nas quadras das estações de energia para atualizar sua tecnologia. No entanto, cinco minutos ainda preencherão um com 100 milhas, o que para a maioria dos usuários é suficiente.

As forças do mercado criam as melhores inovações

À medida que os custos sociais e fiscais de fabricação de carros a gasolina e a diesel aumentaram, todos os gigantes automotivos começaram a jogar fora os veículos elétricos (VEs) para amenizar os temores dos acionistas e éditos políticos.

À medida que as empresas lutavam para frente e para trás, a tecnologia de bateria começou a seguir o exemplo, com tempos de carga reduzidos, intervalos maiores e – aprendendo com o caso do Fisker Karma – tentando ser menos inflamável.

StoreDot é um dos vários inovadores de bateria que está atraindo muito dinheiro para seus novos produtos.

Outra é a QuantumScape, que não produz baterias de íon-lítio, mas sim baterias de estado sólido. Agora no valor de $ 3,3 bilhões, QuantumScape substitui o lítio líquido por material cerâmico sólido, fornecendo densidade de energia muito maior, custos mais baixos e muito menos riscos de incêndio.

No entanto, a bateria da QuantumScape vai de 0% de carga a 80% em 15 minutos, o que, embora seja rápida, não é de cinco minutos, e por isso existe um problema para seus acionistas.

Enquanto esses dois produtores – um apoiado por Bill Gates e Volkswagen, o outro pela Tesla e BP – lutam por participação de mercado, as inovações criadas em sua concorrência provavelmente produzirão o “Chevrolet V8 de bloco pequeno” ou o “Boxer flat-seis da Porsche” ”Ou seja, a bateria que definirá a primeira era de ouro dos EVs.

Fonte: Good News Network

Continuar lendo TECNOLOGIA: BATERIAS QUE CARREGAM EM 5 MINUTOS PODEM REVOLUCIONAR MERCADO DO CARRO ELÉTRICO

TECNOLOGIA: ARABIA SAUDITA INVESTE EM CIDADE REVOLUCIONÁRIO DE ZERO CARBONO

Uma cidade de carbono zero é o destaque, aqui na coluna TECNOLOGIA desta sexta-feira. Apesar do regime autoritário e ditatorial da Arábia Saudita está entregando ao mundo um exemplo válido de vida futura. Uma cidade revolucionária de zero carbono e tráfego zero para mais de um milhão de pessoas , abrangendo 105 milhas e apresentando tecnologia futurista. É algo extraordinário que você não pode deixar de tomar conhecimento, pois é a cidade que já vimos em filmes de ficção e agora vai virar realidade. Portanto, leia o artigo completo a seguir e assista ao vídeo mostrando como vai ser essa cidade futurista! 

A Arábia Saudita está construindo uma cidade de carbono zero, sem carros ou poluição: ‘Uma nova era de civilização’

Embora nem sempre seja um modelo de justiça social, liberdade ou democracia, a Arábia Saudita está entregando ao mundo um exemplo válido de vida futura: conforme é anunciado, planos para construir uma cidade revolucionária de zero carbono e tráfego zero para mais de um milhão de pessoas , abrangendo 105 milhas e apresentando tecnologia futurista.

O príncipe saudita, Mohammed bin Salman, disse em um anúncio que a cidade, chamada de The Line por sua forma longa e estreita e rota ao longo da costa, preservará 95% do ambiente natural dentro e ao redor do qual é construída, e será um cenário econômico motor para o Reino.

“Precisamos transformar o conceito de uma cidade convencional em futurista”, disse o príncipe Mohammed em um evento de lançamento da cidade, segundo o  Arab News

“Em 2050, um bilhão de pessoas terão que se mudar devido ao aumento das emissões de CO2 e do nível do mar. 90 por cento das pessoas respiram ar poluído. ”

A construção está prevista para começar no primeiro trimestre deste ano. Eventualmente, está planejado que uma rede de 105 milhas de transporte automatizado operado por IA transportará uma população futura através de quatro distritos distintos (litoral, deserto costeiro, montanhas e vale superior) no canto noroeste do Reino, na costa do Mar Vermelho.

O custo desta maravilha tecnológica onde não haverá carros, ruas e poluição, e onde o sol e o vento irão gerar quase toda a eletricidade, está entre $ 100 bilhões e $ 200 bilhões, muitos dos quais virão de fundos domésticos, e o resto de investimento estrangeiro, tanto de empresas que desejam uma participação na cidade do futuro, quanto de empresas que buscam mostrar inovação tecnológica.

Na verdade, US $ 1,5 bilhão deve ser despejado apenas da tecnologia da informação em nuvem. Os dados são a fonte central em torno da qual o NEOM e a The Line serão planejados, como o economista saudita Mazen Al-Sudairi descreveu ao Arab News , a  maioria das grandes cidades do mundo são organizadas em torno do fluxo de água e do posicionamento das safras, enquanto a The Line será planejado em torno do acesso aos dados.

Todos os membros da realeza saudita apoiaram o projeto, com o ministro da Educação, Hamad bin Mohammed Al-Asheikh, descrevendo-o como “caracterizado pelos princípios da humanidade global, diversidade econômica e inteligência artificial, e o aumento das oportunidades de pesquisa e inovação para o indústria do futuro. ”

A caminhada definirá a vida na Linha, com planejadores supostamente trabalhando para garantir que educação, transporte e instalações médicas, locais de compras e lazer, bem como áreas verdes estejam entre 5 e 15 minutos a pé de qualquer ponto nas comunidades da Linha.

“É uma nova era de civilização, um novo modelo de cidade limpa, adequada e com zero de carbono”, disse Al-Sudairi.

ASSISTA o vídeo sobre The Line abaixo).

 

Continuar lendo TECNOLOGIA: ARABIA SAUDITA INVESTE EM CIDADE REVOLUCIONÁRIO DE ZERO CARBONO

TECNOLOGIA: O FAMOSO BOULEVARD CHAMPS-ÉLYSÉES VAI PASSAR POR UMA EXTRAORDINÁRIA REVITALIZAÇÃO

Um projeto futurista e audacioso é o destaque da nossa coluna TECNOLOGIA. O icônico Boulevard Champs-Élysées será transformado em um ‘jardim extraordinário’, graças a concordância da prefeita de Paris, Anne Hidalgo. O upgrade custará US $ 300 milhões para recuperar o esplendor da lendária Cidade Luz. Leia o artigo completo a seguir, conheça os detalhes e assista ao vídeo!

Veja o upgrade de Paris para o icônico Boulevard Champs-Élysées com um ‘jardim extraordinário’

 

A prefeita de Paris, Anne Hidalgo, concordou com um projeto de restauração de quase US $ 300 milhões para os Champs-Élysées, a famosa avenida no coração da Cidade das Luzes.

O sinal verde chega mais de um ano depois que arquitetos, líderes comunitários e empresas revelaram planos para transformar o trecho de 1,2 milhas da estrada em um “jardim extraordinário”.

Para conseguir este jardim, o plano é reduzir o espaço de estacionamento pela metade, converter estradas em espaços de pedestres, plantar túneis de árvores ao lado de velhos olmos plantados em dias longínquos, que lutam para sobreviver no ar poluído, e geralmente criam mais verde espaços.

“A lendária avenida perdeu seu esplendor durante os últimos 30 anos”, disse um comunicado do comitê da Champs-Élysées em 2019. “A Champs-Élysées tem cada vez mais visitantes e grandes empresas lutando para estar lá, mas para Franceses, está parecendo desgastado. ”

A Champs-Élysées é um lugar onde os parisienses celebram há muito tempo: quando os nazistas foram expulsos, quando Les Bleu ganhou a Copa do Mundo FIFA 2018 e para o desfile anual do Dia da Bastilha.

Antes da pandemia de COVID-19, 100.000 pedestres, mais da metade dos quais eram turistas, gostavam de passear aqui, enquanto o tempo todo mais carros passavam pelo boulevard do que no anel viário de Paris.

O arquiteto Philippe Chiambaretta, cuja empresa está cuidando da reforma, descreveu as questões para o The Guardian como características de todos os problemas enfrentados pela Paris moderna: “poluição, o lugar do carro, turismo e consumismo”. Ele continuou explicando que a Champs-Élysées precisava ser reconstruída em algo “ecológico, desejável e inclusivo”.

Reforma parisiense

Prestação de obras de requalificação planeada dos Champs-Élysées, PCA-StreamOs historiadores da empresa de arquitetura PCA-Stream de Chiambaretta remontam a uma época em que a Champs-Élysées era, embora difícil de acreditar, um pântano e uma área para cozinhar ao ar livre. Então, em meados de 1700, a Champs-Élysées tornou-se o arquetípico passeio europeu.

“A Champs-Élysées acomodou pessoas de todas as classes sociais, bem como todos os tipos de atividades, tanto plebeus quanto eruditas”, explica o artigo . “Sua história é pontuada pela instalação de cafés-concertos, espetáculos de marionetes, bailes – que testemunharam o nascimento do cancan francês -, campos de jogos de bola e pau e assim por diante.”

Hoje, além de tipificar os problemas enfrentados pelo parisiense médio, tipifica os problemas do turismo de massa, ou seja, que o senso de localidade desaparece e o lugar começa a ser “amado até a morte”.

Embora a reforma não esteja completa antes dos Jogos Olímpicos de Verão de 2024 em Paris, uma tentativa de embelezar e repensar outro local famoso, a Place de la Concorde, no extremo sudeste da Champs-Élysées, está programada para ser concluída antes disso.

Outra parte da cidade também receberá um pouco do amor – a famosa torre de Eiffel, que Hidalgo promete transformar em um “parque extraordinário no coração de Paris”. A Champs-Élysées não jogará fora seu tráfego poluente até perto de 2030.

ASSISTA o vídeo de como os futuros Champs-Élysées poderiam ser abaixo.)


Fonte: Good News Network

Continuar lendo TECNOLOGIA: O FAMOSO BOULEVARD CHAMPS-ÉLYSÉES VAI PASSAR POR UMA EXTRAORDINÁRIA REVITALIZAÇÃO

TECNOLOGIA: COVID DATA TRACKER É A NOVA FERRAMENTA PARA RASTREAR A DISTRIBUIÇÃO DAS VACINAS CONTRA COVID-19

Uma ferramenta incrível que vai rastrear a distribuição de vacinas contra a Covid-19 é o destaque, aqui da coluna TECNOLOGIA deste sábado. Você vai pode acompanhar em tempo real todo os números referentes a distribuição das vacinas no seu estado ou região através do  COVID Data Tracker dos Centros de Controle e Prevenção de Doenças, que possui um mapa interativo que inclui contagens estado a estado. No final desta postagem você pode acessar a ferramenta através do link.

O rastreador de distribuição de vacinas COVID-19 permite que você veja para onde as doses nos EUA estão indo

Se você gostaria de ver a rapidez com que as vacinações estão progredindo em seu estado, o COVID Data Tracker dos Centros de Controle e Prevenção de Doenças possui um mapa interativo que inclui contagens estado a estado.

No site, você verá dados do número total de vacinas distribuídas, bem como o número total de pessoas que receberam a primeira dose. Outro painel de dados mostra a distribuição em instalações de cuidados de longo prazo, que são priorizadas nas diretrizes atuais de vacinação dos Estados Unidos.

Na quinta-feira, você pode ver no mapa do CDC que os estados que receberam a maioria das doses per capita até agora são: New Hampshire, Connecticut, DC, Alasca, West Virginia, Kentucky, Tennessee, Oklahoma, Novo México, Colorado, Iowa , Nebraska, Dakota do Sul, Dakota do Norte e Montana.

Ao todo, de acordo com o CDC, mais de 21 milhões de doses foram distribuídas.

Os dados vêm de provedores de saúde e espera-se que os dados no site do CDC sejam atualizados três vezes por semana: às segundas, quartas e sextas-feiras.

Continuar lendo TECNOLOGIA: COVID DATA TRACKER É A NOVA FERRAMENTA PARA RASTREAR A DISTRIBUIÇÃO DAS VACINAS CONTRA COVID-19

TECNOLOGIA: FAZENDO AMIZADES AUTÊNTICAS É O NOVO APLICATIVO PARA PESSOAS ESPECIAIS

Um novo aplicativo Batizado de Fazendo Amizades Autênticas é o destaque desta edição da coluna TECNOLOGIA. Juliana Fetherman, uma americana de Connecticut, desenvolveu um aplicativo para conectar pessoas maiores de 13 anos com necessidades especiais para que possam fazer amigos com base na idade, diagnóstico, interesse e localização geográfica, de acordo com a KING 5 news, por causa do seu irmão autista. Você pode conhecer todos os detalhes desse aplicativo irado lendo o artigo completo a seguir!

Inspirado no irmão com autismo, o novo aplicativo ajuda adultos com necessidades especiais a fazer amigos

O irmão de Juliana Fetherman, de 22 anos, tem autismo e TDAH e tem se sentido muito solitário devido à falta de amigos.

Michael não tem habilidades sociais para conhecer e se envolver com novas pessoas e isso a incomoda por um longo tempo – então ela fez um aplicativo para isso.

Batizado de Fazendo Amizades Autênticas, o aplicativo pode conectar pessoas maiores de 13 anos com necessidades especiais para que possam fazer amigos com base na idade, diagnóstico, interesse e localização geográfica, de acordo com a KING 5 news .

O aplicativo, disponível para dispositivos Android e iOS, agora atende comunidades em todos os 50 estados, bem como em 45 países.

Juliana, que recentemente obteve um MBA em uma universidade de Connecticut, diz que está se comprometendo a dedicar “toda a sua vida” para “melhorar a vida de pessoas com autismo e outras necessidades especiais”.

ASSISTA o vídeo abaixo – e aprenda mais em seu site, Fazendo Amizades Autênticas .

Fonte: Good News Network

Continuar lendo TECNOLOGIA: FAZENDO AMIZADES AUTÊNTICAS É O NOVO APLICATIVO PARA PESSOAS ESPECIAIS

TECNOLOGIA: TIJOLOS DE COGUMELOS PARA EDIFICAÇÕES DE CRESCIMENTO RÁPIDO, SÃO MAIS FORTE DO QUE CONCRETO

Um designer da área da baía acha que pode fazer um edifício de crescimento rápido se ele apenas produzir o suficiente de seus “tijolos de cogumelo” patenteados. ele usa o micélio, as raízes fibrosas de crescimento rápido que constituem a grande maioria das formas de vida dos fungos. O micélio cresce rápido e é incrivelmente durável, à prova d’água, não tóxico, resistente ao fogo e biodegradável. Leia o artigo completo a seguir para conhecer essa incrível obra de engenharia!

Stanford Designer está fazendo tijolos para edifícios de crescimento rápido com cogumelos que são mais fortes do que concreto

 

 

Embora não haja nenhuma espécie de cogumelo grande o suficiente para viver, um designer da área da baía acha que pode fazer um se ele apenas produzir o suficiente de seus “tijolos de cogumelo” patenteados.

Copyright Philip Ross, Mycoworks 

Na verdade, ele sabe que pode fazer isso, porque já construiu uma obra-prima chamada “Mycotecture” – um arco de tijolo em formato de cogumelo 6 × 6 de Ganoderma lucidum  ou cogumelos reishi.

Phil Ross não usa o cogumelo, ou o corpo frutífero do reishi; ele usa o micélio, as raízes fibrosas de crescimento rápido que constituem a grande maioria das formas de vida dos fungos.

O micélio cresce rápido e é incrivelmente durável, à prova d’água, não tóxico, resistente ao fogo e biodegradável.

Ross o usa para construir tijolos cultivando micélio em sacos de deliciosa serragem (para cogumelos), antes de secá-los e cortá-los com lâminas de aço extremamente resistentes.

Isso funciona porque os cogumelos digerem a celulose da serragem, convertendo-a em quitina, a mesma fibra de que são feitos os exoesqueletos de insetos.

“Os tijolos têm a sensação de um material composto com um núcleo de polpa esponjosa de grão cruzado que se torna progressivamente mais denso em direção à sua camada externa”, explicou a Revista Discover . “A pele em si é incrivelmente dura, resistente a estilhaços e pode suportar enormes quantidades de compressão.”

Copyright Philip Ross, Mycoworks 

Um site de design / arquitetura descreveu esses tijolos em forma de cogumelo como “mais fortes do que concreto”, enquanto outro cita Ross em uma entrevista sugerindo que eles poderiam substituir todos os tipos de materiais de construção de polímero plástico.

Na verdade, os designers já usaram o micélio para fazer chapéus de pano, canoas dignas do mar e caixões ecológicos . O próximo plano de Ross, de acordo com a mesma entrevista, é construir uma casa inteira para 12-20 pessoas com micélio reishi.

Fonte: Good News Network

Continuar lendo TECNOLOGIA: TIJOLOS DE COGUMELOS PARA EDIFICAÇÕES DE CRESCIMENTO RÁPIDO, SÃO MAIS FORTE DO QUE CONCRETO

TECNOLOGIA: UMA TECNOLOGIA RUDIMENTAR PARA PRODUZIR MÁSCARAS HIGH TECH

Criatividade é  a palavra chave da edição desta terça-feira da coluna TECNOLOGIA. Muitas soluções de assuntos aparentemente complexos podem ser simples e inacreditavelmente baratas. É o caso da descoberta do aluno de pós-graduação em física que criou a máscara facial mais eficaz, a N95, com pouco mais do que um aceno de mão. Ele utilizou uma máquina de algodão doce,  para criar máscaras faciais de maneira mais barata e rápida do que qualquer outro processo industrial utilizado atualmente. Mahesh Bandi, da Universidade de Pós-Graduação do Instituto de Ciência e Tecnologia de Okinawa é o herói dessa façanha.

Físico usa uma máquina de algodão doce para fazer filtros respiratórios para máscaras N95 mais baratos

 

 

Um aluno de pós-graduação em física está criando a máscara facial mais eficaz, a N95, com pouco mais do que um aceno de mão.

Usando uma máquina de algodão doce, Mahesh Bandi, da Universidade de Pós-Graduação do Instituto de Ciência e Tecnologia de Okinawa, pode criar máscaras faciais de maneira mais barata e rápida do que qualquer outro processo industrial utilizado atualmente.

Isso porque os filtros de espuma de plástico eletrocharged exclusivos, mas caros, que caracterizam um N95 podem ser feitos retirando pedaços de plástico comum de objetos como garrafas de água e sacolas de compras, aquecendo-os a uma temperatura alta e girando-os em uma máquina de algodão doce até que eles formar uma malha.

A malha torna-se eletricamente carregada – o aspecto principal que permite filtrar 95% das partículas – enquanto gira em torno do tambor de metal da máquina e pode ficar mais eletro-pegajosa depois que Bandi corta a malha em quadrados e os coloca no ventilação de um ionizador de ar.

Funcionamento de Bandi, OIST 

A análise microscópica e as comparações com máscaras N95 certificadas mostram que os filtros da Bandi são tão eficazes quanto impedir que partículas estranhas, incluindo vírus SARS-CoV-2, sejam inaladas.

Nos primeiros dias da pandemia, especialistas médicos deixaram claro que máscaras de pano, feitas em casa ou não, ou máscaras cirúrgicas padrão, não eram um método de proteção muito eficaz, mas que os N95s, as máscaras usadas por pessoas que realmente precisam manter a boca e nariz seguro, como trabalhadores de amianto, eram uma ferramenta seriamente eficaz.

O design da máscara exigiu uma impressora 3D para ser criado e, embora não esteja claro se o produto pode ser produzido em massa, o artigo correspondente de Bandi nos Proceedings of the National Academy of Sciences é uma prova de conceito fascinante.

Fonte: Good News Network

Continuar lendo TECNOLOGIA: UMA TECNOLOGIA RUDIMENTAR PARA PRODUZIR MÁSCARAS HIGH TECH

TECNOLOGIA: VOCÊ VAI PODER VER A CONJUNÇÃO DE JUPTER E SATURNO EM 21 DE DEZEMBRO. ALGO QUE SÓ ACONTECE A CADA 800 ANOS!

Uma conjunção planetária que só acontece a cada 800 anos vai acontecer no próximo dia 21 de dezembro e poderá ser observada por quem tiver acesso a um telescópio. Os planetas jupter e saturno parecerão mais próximos um do outro do que em oito séculos.

Uma ‘estrela de Natal’ rara chegará em dezembro pela primeira vez em 800 anos

Joe Yates

Olhe para o céu noturno no solstício de inverno deste ano e você terá uma visão rara. Em 21 de dezembro, Júpiter e Saturno aparecerão mais próximos um do outro do que em oito séculos.

Os alinhamentos entre os planetas, conhecidos como ‘conjunção’, são “bastante raros”, explicou o astrônomo da Rice University, Patrick Hartigan, em um comunicado , “mas essa conjunção é excepcionalmente rara por causa da proximidade dos planetas”.

A última vez que esses gigantes gasosos apareceram tão de perto, com uma separação visível de apenas 0,1 grau, foi na Idade Média: antes do amanhecer de 4 de março de 1226.

Claro, o aparecimento da ‘Estrela do Natal’ ou ‘Estrela de Belém’ – assim chamada porque a proximidade dos planetas cria um ponto de luz brilhante – é um fenômeno observado apenas da Terra. Na realidade, Júpiter e Saturno permanecem separados por milhões de quilômetros.

Onde ver a ‘estrela de natal’

Saturno e Júpiter têm se aproximado cada vez mais um do outro desde o verão de 2020.

Vale a pena reservar um tempo para procurar esses planetas nas próximas noites. “Você pode assistir [os planetas] se moverem, o que é super legal, porque você está realmente vendo planetas em órbita” Hartigan disse ao USA Today , e observar o par se juntando antes da noite do solstício tornará a identificação deles um pouco mais fácil no dia 21.

Embora visível em todo o mundo, o melhor lugar para ver a conjunção é perto do equador, entre o anoitecer e logo após o anoitecer, quando o céu está escuro o suficiente para que Saturno apareça mais fraco, mas quando não é tão tarde para que os planetas tenham se movido abaixo o horizonte para a noite.

Olhando para baixo no horizonte ocidental, no solstício de inverno, os dois planetas parecerão estar separados por menos de um quinto do diâmetro de uma lua cheia.

Se você puder acessar um telescópio, várias das maiores luas dos planetas também serão visíveis no mesmo campo de visão naquela noite.

Se estiver nublado onde você está em 21 de dezembro? Júpiter e sábado ainda parecerão mais próximos um do outro durante a semana próxima ao solstício. E se você perder o fenômeno completamente? Sempre há 15 de março de 2080. É quando a próxima conjunção próxima dos planetas deve ocorrer.

Fonte: Good News Network

Continuar lendo TECNOLOGIA: VOCÊ VAI PODER VER A CONJUNÇÃO DE JUPTER E SATURNO EM 21 DE DEZEMBRO. ALGO QUE SÓ ACONTECE A CADA 800 ANOS!

TECNOLOGIA: FAZENDAS VERTOCAIS PRODUZ 350 VEZES MAIS MELHOR DO QUE AS PLANAS

Cada vez me impressiono mais com a velocidade com que a TECNOLOGIA, em praticamente todos os setores, está evoluindo. Faz tempo que vejo essa evolução se processar na indústria de uma maneira geral. Por exemplo, há 30 anos os teares mecânicos foram substituídos por teares mecatrônicos. Os teares mecânicos precisavam de 02 homens por turno para operá-los. Os mecatrônicos de um homem para cada 6 teares por turno e com uma velocidade 9 vezes maior. Agora estamos vendo uma fazenda vertical de 2 acres produzir mais do que uma fazenda plana de 750 acres, com uma economia de 95% da água consumida. Os números são exponenciais e não param de crescer. Convido você a ler o artigo completo a seguir e conhecer os detalhes dessa incrível evolução tecnológica!

Esta fazenda vertical de 2 acres produz mais do que ‘fazendas planas’ que usam 750 acres

Abundância

 

Outra startup de agricultura vertical de enorme sucesso está empurrando o futuro da agricultura para o céu, literal e figurativamente.

De uma startup ag-tech chamada Plenty , uma fazenda vertical interna de dois acres produz rendimentos que normalmente exigiriam uma ‘fazenda plana’ de 720 acres – e isso pode ser feito com 95% menos água.

Economizar água é fundamental em um estado agrícola como a árida Califórnia, onde Plenty deve fornecer produtos frescos para 430 supermercados Albertsons.

A visão é verdadeiramente única de Star Trek, com o uso de robótica e inteligência artificial de Plenty para garantir plantas perfeitas durante todo o ano.

As razões para apoiar a agricultura vertical interna são variadas, variando de benefícios relacionados ao clima à remoção de desafios logísticos complicados, como transporte de longa distância.

O site da empresa diz que a tecnologia “libera‌ ‌agricultura‌ ‌de‌ ‌as ‌estrições‌ ‌de‌ ‌tempo, ‌ ‌estações, ‌ ‌tempo, ‌ ‌distância, ‌ ‌pestes, ‌ ‌ ‌desastres naturais e‌ ‌estações do clima‌ extraordinariamente ‌‌ e tempo.

Talvez seja por isso que a Driscoll’s, os maiores produtores de frutas frescas da América, concordou em cultivar seus morangos o ano todo no portfólio crescente de fazendas verticais da Plenty.

E os investidores estão vendo o potencial de semear suas próprias carteiras com a Plenty.

O método da empresa para o cultivo de verduras, como couve-bebê e alface, em racks verticais gigantes movidos pela robótica recentemente acumulou $ 400 milhões em capital de investimento de empresas como SoftBank , CEO da Amazon, Jeff Bezos, e o ex-presidente do Google, Eric Schmidt.

Hora de crescer

As reduções nas cadeias de transporte eliminariam milhões de toneladas de CO2 todos os anos, uma vez que, em vez de importar produtos para os centros das cidades de fazendas em todo o país ou no mundo, você poderia encomendá-los de um depósito na periferia da cidade.

Além disso, as fazendas da Plenty’s cultivam safras não transgênicas sem o uso de pesticidas ou herbicidas e reciclam cada gota de água que não é usada, tornando-as extremamente amigáveis ​​ao meio ambiente – exceto pelo uso de energia.

Banhado por luzes LED que imitam a luz do sol em espaços climatizados durante todo o ano, Plenty garante que o crescimento da produção nunca pare para criar surpreendentes 350 vezes mais alimentos por acre.

MAIS:  A maior estufa de telhado do mundo em Montreal é tão grande quanto 3 campos de futebol – agora pode alimentar 2% da cidade

Quebras na cadeia de suprimentos resultantes do COVID-19 e interrupções naturais como os incêndios florestais deste ano na Califórnia demonstram que a necessidade de um fornecimento previsível e durável de produtos só pode vir da agricultura vertical.

Isso será ainda mais importante se o aquecimento contínuo do planeta levar a secas ou outras perturbações relacionadas ao clima que não podem ser superadas por fazendeiros e biólogos que tentam tornar as safras mais resistentes ao clima e à seca.

“A realidade é que existem cinco lugares no mundo onde você pode cultivar frutas e vegetais frescos de forma realmente econômica, e toda essa terra está esgotada neste momento”, disse Nate Storey, cofundador da Plenty em uma entrevista à Forbes , referindo-se às terras agrícolas mais ricas e produtivas do planeta.

Além disso, vegetais e frutas contêm muito mais micronutrientes do que cereais, mas também se deterioram rapidamente e, portanto, são mais caros. Nações e cidades do interior que têm que importar todos os produtos frescos colocam os mais pobres da sociedade em extrema desvantagem nutricionalmente falando.

A agricultura vertical pode ser a maneira de resolver esse problema permanentemente.

Fonte: Good News Network

Continuar lendo TECNOLOGIA: FAZENDAS VERTOCAIS PRODUZ 350 VEZES MAIS MELHOR DO QUE AS PLANAS

TECNOLOGIA: CONTAR AS ARVORES DE TODO O PLANETA AGORA JÁ É POSSÍVEL E A NASA UTILIZA SUPERCOMPUTADORES E IA PARA REALIZAR

O desenvolvimento tecnológico já permite que o pessoal da NASA utilize supercomputadores para contar todas as arvores do planeta terra, através de imagens de cima para baixo do espaço. Mais de 1,8 bilhão de árvores foram encontradas fora das florestas, em uma área de mais de meio milhão de milhas quadradas. É por isso que a equipe da NASA procurou se concentrar em árvores isoladas em terras áridas e regiões semi-áridas na África Ocidental. Então saiba em detalhes como essa nova tecnologia está sendo usada, inclusive para calcular quanto carbono a Terra pode armazenar e como ele muda com o tempo.

NASA usa supercomputadores e IA para contar as árvores da Terra a partir do espaço pela primeira vez

NASA

Para ter uma noção de quanto carbono a Terra pode armazenar e como ele muda com o tempo, os cientistas precisariam contar um número surpreendente de árvores e monitorar seu crescimento ao longo do tempo. Incrivelmente, o pessoal da NASA agora está usando supercomputadores para fazer exatamente isso – por meio de imagens de cima para baixo do espaço.

Cientistas do Goddard Space Flight Center da NASA em Maryland recentemente fizeram parceria com uma equipe internacional de pesquisadores para mapear as árvores usando imagens de satélite de alta resolução – mais de 1,8 bilhão de árvores encontradas fora das florestas, em uma área de mais de meio milhão de quadrados milhas.

A equipe usou um dos supercomputadores mais rápidos do mundo (Blue Waters na Universidade de Illinois) para realizar uma análise de “aprendizado profundo” em imagens de terreno de grandes partes da África Ocidental. Eles descobriram que podiam não apenas contar as árvores que os satélites não conseguiam ver antes, mas também começar a avaliar o potencial de armazenamento de carbono dessas árvores ao mesmo tempo.

Muitos dos esforços mundiais para avaliar um grande número de árvores têm se concentrado em regiões bem florestadas. É por isso que a equipe da NASA procurou se concentrar em árvores isoladas em terras áridas e regiões semi-áridas na África Ocidental – para uma imagem mais completa.

“Essas áreas secas são brancas nos mapas – elas estão basicamente mascaradas porque os satélites normais simplesmente não veem as árvores”, disse o autor principal Martin Brandt em um comunicado . “Eles veem uma floresta, mas se a árvore está isolada, eles não veem. Agora estamos no caminho para preencher essas manchas brancas nos mapas. E isso é muito emocionante. ”

Para treinar os algoritmos de aprendizado de máquina, Brandt, um professor assistente de geografia da Universidade de Copenhagen, marcou pessoalmente cerca de 90.000 árvores em diferentes terrenos – dando ao software diferentes formas e sombras para aprender a diferença. A equipe também treinou seus algoritmos para reconhecer árvores individuais e pequenos aglomerados em diferentes tipos de terreno, variando de savanas a desertos, e publicou seu novo estudo  na Nature.

Com o treinamento certo implementado, um trabalho que pode ter levado vários anos para olhos treinados levou apenas algumas semanas para a inteligência artificial.

A equipe foi capaz de mapear o diâmetro da copa (a largura de uma árvore vista de cima) de 1,8 bilhões de árvores, abrangendo uma área de mais de 500.000 milhas quadradas (1,3 km quadrados). Eles também compararam a variabilidade na cobertura e densidade das árvores sob diferentes padrões de chuva – informações que a equipe planeja comparar com os próximos dados de altura e biomassa das árvores para identificar o potencial de armazenamento de carbono.

No futuro, avaliações desse tipo rastrearão de maneira mais eficaz o desmatamento em todo o mundo para os conservacionistas. Os dados gerais de um ano também serão comparados aos anos posteriores para que os cientistas avaliem se os esforços de conservação estão funcionando ou não.

A contagem de árvores precisa e automatizada também deve aumentar a capacidade dos proprietários de monetizar o espaço não utilizado que possam ter para o plantio de novas árvores – para quantificar quanto carbono estão armazenando para os créditos de carbono.

Em última análise, melhorar a capacidade dos pesquisadores de localizar árvores onde antes não podiam com imagens de satélite – e medir o armazenamento de carbono dessas árvores – acabará permitindo que os cientistas do clima façam medições globais do armazenamento de carbono na terra. Essa será uma ferramenta vital em um mundo onde armazenar nosso excesso de carbono está se tornando cada vez mais crucial.

ASSISTA um vídeo da NASA sobre a descoberta …

Fonte: Good News Network

Continuar lendo TECNOLOGIA: CONTAR AS ARVORES DE TODO O PLANETA AGORA JÁ É POSSÍVEL E A NASA UTILIZA SUPERCOMPUTADORES E IA PARA REALIZAR

TECNOLOGIA: O HYPERLOOP JÁ É REALIDADE E FAZ O PRIMEIRO TESTE COMPASSAGEIROS A BORDO

O destaque desta sexta-feira na nossa coluna TECNOLOGIA é um trem levitando de pequenas cápsulas de passageiros que acabou de fazer história no transporte ao completar sua primeira corrida com pessoas a bordo. O hiperloop flutua sobre uma trilha magnética usando eletromagnetismo em um tubo de vácuo para obter uma viagem rápida, silenciosa e livre de emissões. É quatro vezes a velocidade de um trem normal e duas vezes mais rápido que um avião a jato. Então conheça essa maravilha de transporte nos seus detalhes lendo a coluna completa a seguir!

Virgin Hyperloop conclui o primeiro teste com passageiros a bordo

Virgin Hyperloop

Depois de mais de 400 testes, o Virgin Hyperloop de Richard Branson, um trem levitando de pequenas cápsulas de passageiros, acabou de fazer história no transporte ao completar sua primeira corrida com pessoas a bordo.

O chefe de tecnologia Josh Giegel e Sara Luchian, a diretora de experiência do passageiro, atingiram velocidades de 107 mph (172 km / h) no centro de testes DevLoop em Las Vegas, Nevada. Embora seja apenas um sexto da suposta velocidade máxima do Virgin Hyperloop, ele ainda representa um grande marco de segurança.

Isso aconteceu logo depois que a Reuters relatou que West Virginia sediará um centro de certificação e uma pista de testes, onde a próxima fase de testes seguirá um cronograma de obtenção da certificação de segurança até 2025 e operações em escala comercial até 2030.

“Tive o verdadeiro prazer de ver a história feita diante dos meus olhos”, disse Sultan Ahmed bin Sulayem, presidente da Virgin Hyperloop e presidente-executivo da DP World, empresa que investiu cerca de US $ 400 milhões no desenvolvimento do Virgin Hyperloop.

Os hiperloops estão surgindo em todo o mundo à medida que os inovadores parecem concluir que pequenos pods que flutuam sobre uma trilha magnética usando eletromagnetismo em um tubo de vácuo para obter uma viagem rápida, silenciosa e livre de emissões é o futuro do transporte.

Esse sistema poderia transportar passageiros a 670 mph de Washington DC para Nova York, chegando em apenas meia hora; ou para os leitores da Costa Oeste, de Los Angeles a São Francisco em cerca de 43 minutos – quatro vezes a velocidade de um trem normal e duas vezes mais rápido que um avião a jato.

Virgin Hyperloop é um sistema de transporte construído para reduzir as emissões de gases de efeito estufa em todos os sentidos, não só por causa do sistema de propulsão, mas a construção dos túneis seria menor e menos dependente de maquinários pesados.

Virgin Hyperloop 

“Isso nos permite repensar as áreas urbanas e a conectividade entre elas”, disse o presidente-executivo da Hyperloop, Jay Walder, à Reuters . “Você poderá movimentar até 50.000 pessoas por hora, por direção. Com emissões de fonte zero. ”

A construção também seria muito mais flexível, pois há muito menos área de superfície e os pods têm um ângulo de viragem mais acentuado do que os trens ferroviários e podem subir inclinações mais íngremes.

Fonte: Good News Network

Continuar lendo TECNOLOGIA: O HYPERLOOP JÁ É REALIDADE E FAZ O PRIMEIRO TESTE COMPASSAGEIROS A BORDO

CIÊNCIA E TECNOLOGIA: DURANTE O SHOW DO DJ ALOKE EM GOIÂNIA, UM METEORO TAMBÉM FAZ SUA APRESENTAÇÃO SÓ QUE NO CÉU

Meteoro é avistado durante show do DJ Alok em Goiânia

Da CNN

09 de novembro de 2020 às 11:38

 

Pessoas que acompanhavam uma apresentação do DJ Alok em Goiânia, no domingo (8), avistaram um meteoro passando pelo céu. O fenômeno, que também foi visto em outras regiões do Centro-Oeste do país, aconteceu durante um show de luzes promovido pelo artista.

Segundo a Rede Brasileira de Monitoramento de Meteoros (Bramon), o corpo celeste, conhecido como bólido, foi observado por volta das 21h. A Bramon segue buscando mais informações, videos e imagens do meteoro para determinar sua origem e saber se algum material pode ter chegado ao solo.

Fonte: CNN

Continuar lendo CIÊNCIA E TECNOLOGIA: DURANTE O SHOW DO DJ ALOKE EM GOIÂNIA, UM METEORO TAMBÉM FAZ SUA APRESENTAÇÃO SÓ QUE NO CÉU

TECNOLOGIA: STARTUP DO BROOKLIN DESCOBRIU UMA MANEIRA DE EXPLORAR O SISTEMA SOLAR SEM POLUIR A TERRA

O destaque da nossa coluna TECNOLOGIA desta segunda-feira é uma nova startup focada no desenvolvimento de combustível para propulsão de foguetes a base de carbono-negativo capturando as emissões de CO2 do ar. Uma maneira de explorar o sistema solar sem poluir a Terra. A tecnologia de conversão de carbono inovadora pode ajudar a tornar a indústria espacial mais ecologicamente correta. Então, não perca tempo e conheça os detalhes dessa nova tecnologia de combustíveis!

A startup de tecnologia agora pode fabricar combustível de foguete carbono-negativo capturando as emissões de CO2 do ar

 

 

 

À medida que mais e mais empresas de tecnologia e organizações de pesquisa voltam suas atenções para a exploração espacial, uma startup com sede no Brooklyn descobriu uma maneira de explorar o sistema solar sem poluir a Terra.
Foto da Air Company 

A marca Air Company ganhou notoriedade pela primeira vez em novembro de 2019, quando lançou a primeira vodka com carbono negativo do mundo feita de ar, água e energia solar.

Quando a pandemia atingiu, eles rapidamente transformaram suas instalações de produção na criação de desinfetantes para as mãos – e agora, eles estão aplicando sua tecnologia de conversão de carbono inovadora para ajudar a tornar a indústria espacial mais ecologicamente correta, transformando CO2 em combustível de foguete.

 

 

“Descobrimos que podemos produzir combustível de forma muito eficiente como se fosse um acidente”, disse o co-fundador da eletroquímica e Air Company Stafford Sheehan à Fast Company . “Estávamos operando nossos sistemas em temperaturas mais altas do que o normal, sob algumas condições que normalmente não fazemos, e descobrimos que poderíamos fazer essas moléculas de combustível de maneira muito eficiente.”

Até agora, os motores de foguete usavam metano líquido feito de gás natural, um combustível fóssil insustentável e não reutilizável. No entanto, organizações como a SpaceX e a Blue Origin começaram a procurar novos propelentes para que possam alimentar seus motores de foguetes para voos espaciais comerciais e exploração de Marte.

É aí que entra a Air Company. Para cada lançamento, se a fórmula de combustível de foguete à base de CO2 da Air Company fosse usada para cada lançamento, eles reduziriam a emissão de 715 toneladas de CO2 para a atmosfera – isso é o equivalente a cerca de uma dúzia de voos entre New York para Los Angeles em um avião 747.

Imagem da Air Company 

O combustível de carbono negativo também poderia ser usado para mitigar os efeitos ecológicos de outras formas de transporte, embora o grupo esteja focado principalmente em combustível de foguete.

 

 

Além disso, a Air Company diz que sua fórmula poderia ser usada para abastecer voos de retorno de Marte, já que a atmosfera do planeta é 95% dióxido de carbono.

“A visão dos humanos que habitam Marte está cada vez mais perto de se tornar uma realidade e imagina-se que o CO2 pode nos ajudar a atingir essa meta”, diz o site da Air Company .

Imagem da Air Company 

“Provamos a viabilidade de nossa tecnologia inovadora e somos impelidos a desafiar o impossível, estimulando a inovação em cada indústria vertical que tocamos.”

Fonte: Good News Network

Continuar lendo TECNOLOGIA: STARTUP DO BROOKLIN DESCOBRIU UMA MANEIRA DE EXPLORAR O SISTEMA SOLAR SEM POLUIR A TERRA

TECNOLOGIA: REDUÇÃO DE CUSTO COM EFICÁCIA É O QUE PROMETE ROBÔ QUE EXECUTA O CONJUNTO DE COLONOSCOPIA

Cientistas criaram um braço robótico inteligente para executar colonoscopias mais rapidamente, com menos dor, mais barato e mais eficácia. Esse é o destaque da coluna TECNOLOGIA desta sexta-feira que vai revolucionar o processo de diagnóstico de câncer ao mesmo tempo em que salva milhões de vidas. Portanto, convido você a ler essa matéria e conhecer os detalhes desta maravilhosa evolução da ciência!

Robô que executa o conjunto de colonoscopia para tornar o procedimento mais simples, barato e eficaz

University of Leeds

Um braço robótico inteligente agora pode realizar colonoscopias mais rapidamente e com menos dor do que antes, oferecendo o potencial de revolucionar o processo de diagnóstico de câncer ao mesmo tempo em que salva milhões de vidas.

Padrão ouro para detecção e diagnóstico do câncer de cólon, a colonoscopia é um dos procedimentos mais demandados da medicina, demanda que deve crescer 16% na próxima década.

No entanto, além de serem seriamente desconfortáveis ​​e talvez até humilhantes para algumas pessoas, os endoscópios tradicionais usados ​​no procedimento mudaram pouco desde a década de 1960. Eles são complicados de trabalhar, muito caros para serem descartados e, portanto, requerem limpeza, e um médico pode precisar de anos antes de dominar seu uso.

Baseando-se em comandos de movimento simples do usuário, o braço robótico usa inteligência de máquina e análise de imagem para se orientar automaticamente dentro do corpo.

Os autores de um artigo publicado na Nature Machine Learning testaram essa abordagem em um modelo de cólon artificial, bem como em dois porcos.

Os usuários que executaram os procedimentos descobriram que este novo sistema é muito mais gerenciável do que usar um endoscópio tradicional ou guiado por ímã – outro método desenvolvido recentemente, mas que também apresenta desvantagens.

Os braços robóticos, controlados por um joystick, permitiam que até mesmo usuários não especialistas realizassem com sucesso a colonoscopia magnética e com uma duração comparável ao endoscópio flexível padrão, enquanto manobravam de uma forma que teoricamente deveria causar menos dor ao paciente.

Há espaço substancial, dizem os autores, para reduzir os custos de treinamento, produção e operação de todo o aparelho colonoscópico, permitindo que se tornem mais amplamente disponíveis aos hospitais e, portanto, aos pacientes.

O terceiro tipo de câncer mais comum em humanos, o câncer colorretal é responsável por 700.000 mortes por câncer em todo o mundo, de acordo com um estudo denominado “o pedágio de não rastrear o câncer de cólon”.

Com uma taxa de sobrevida em 5 anos de mais de 90% quando diagnosticada precocemente, isso cai para 10% com um diagnóstico em estágio tardio. Dado que o número de testadores é muito menor que o número de pacientes que precisam de colonoscopias, a tecnologia robótica pode salvar milhões de vidas, bem como milhões de dólares.

Fonte: Good News Network

Continuar lendo TECNOLOGIA: REDUÇÃO DE CUSTO COM EFICÁCIA É O QUE PROMETE ROBÔ QUE EXECUTA O CONJUNTO DE COLONOSCOPIA

TECNOLOGIA: CARRO ELÉTRICO E AUTÔNOMO A PREÇOS POPULARES JÁ É REALIDADE

A Tesla, maior fabricante de carros elétricos e autônomos dá mais um salto quântico rumo a popularização do carro elétrico e autônomo. Em 10 anos ela conseguiu reduzir o custo da bateria EV (ion-litio) em 87%, ela que é a grande vilã do alto custo dos carros elétricos. Então convido você a ler o artigo completo a seguir ficar por dentro desse pulo do gato da Tesla!

Com os preços das baterias EV caindo 87% em uma década, a Tesla agora está fabricando um carro que custará US $ 25.000

 

 

Elon Musk, o enigmático CEO da Tesla, anunciou na reunião anual de acionistas da empresa que eles começariam a fabricar suas próprias baterias para reduzir o custo o suficiente para poder vender um carro da Tesla por não mais que US $ 25.000.

Tesla S

Musk disse que  o carro chegaria ao mercado em cerca de três anos após o aumento da produção de sua nova bateria e célula, e que seria “totalmente autônomo”.

O custo das baterias de íon-lítio já caiu muito nos últimos anos. De acordo com a  BloombergNEF , o preço médio ajustado pela inflação das baterias para carros Tesla caiu de $ 1.160 / kWh em 2010 para $ 156 / kWh em 2019. Isso significa que as baterias já estão cerca de 87% mais baratas do que eram há uma década.

Dizendo isso, o Modelo 3, atualmente o carro mais barato da Tesla, ainda começa com US $ 38.000, limitando seu apelo àqueles preocupados em reduzir as emissões, mas sem esses níveis de renda disponível.

Acelerar a transição dos combustíveis fósseis nos carros não será possível até que as faixas de preço mais baixas do setor automotivo sejam alcançadas, o que não pode ser feito até que a tecnologia da bateria se torne um pouco mais barata.

RELACIONADOS: Mega bateria recorde da Tesla, instalada em uma aposta, economiza US $ 40 milhões para a Austrália no primeiro ano

Bem amado pelos proprietários e entusiastas da direção, o sucesso da Tesla com sua gama de carros elétricos recentemente a catapultou para vários marcos, incluindo a produção do carro elétrico mais vendido da história e um dos estoques automotivos mais valiosos do mundo.

Grande Plano de Musk

Como um artigo da Wired descreve Musk como alguém que “nunca promete demais ou entrega insuficiente”, o prazo de 2023 para um Tesla de US $ 25.000 é possível, mas o está forçando a reduzir os custos de produção de baterias em todos os lugares que puder encontrá-los.

As forças de mercado, como oferta e demanda e política comercial de laissez faire , podem reduzir rapidamente o custo dos produtos. Exemplos clássicos dessas forças em ação podem ser encontrados em nossas memórias de quando éramos mais jovens, quando as TVs de plasma custavam US $ 4.000 e as ligações de celulares custavam US $ 2 por minuto.

Os mesmos efeitos reduziram os custos de produção de baterias de carros elétricos nos últimos anos, à medida que os fabricantes investem em pesquisa e desenvolvimento para atender às demandas dos consumidores por reclamações comuns, como autonomia e tempo de carregamento.

Para reduzir ainda mais os custos, Musk está trazendo para casa a produção de baterias do Japão e da China, onde as baterias e células da Tesla são feitas atualmente, abrindo uma fábrica de lítio e cátodo na América do Norte.

MAIS:  Tesla se torna a primeira empresa de EV do mundo a montar 1 milhão de carros

Isso reduzirá as despesas com viagens, reduzindo o custo de produção da bateria a um nível em que um carro de $ 25.000 se torna possível.

Fonte: Good News Network

Continuar lendo TECNOLOGIA: CARRO ELÉTRICO E AUTÔNOMO A PREÇOS POPULARES JÁ É REALIDADE

TECNOLOGIA: UM VERDADEIRO SALTO QUÂNTICO NA AVIAÇÃO COMERCIAL COM EMISSÃO DE CARBONO

Um verdadeiro salto quântico na aviação comercial é o destaque da nossa coluna TECNOLOGIA desta segunda-feira. A empresa de aviação comercial ZeroAvia, com sede em Londres e na Califórnia, fez o seu voo inaugural com emissão zero de carbono, num avião para seis passageiros movido a hidrogênio. Então convido você a ler o artigo completo a seguir e ficar sabendo os detalhes dessa incrível descoberta!

O primeiro avião de passageiros movido a hidrogênio do mundo decola no voo inaugural com emissões zero

O avião de hidrogênio Piper adaptado da ZeroAvia decola

O mundo acabou de ficar um passo mais perto da aviação com emissão zero nesta semana, com a ZeroAvia completando o primeiro vôo de uma aeronave comercial com célula de combustível de hidrogênio.

Parcialmente financiado pelo governo do Reino Unido, o voo em Cranfield, na Inglaterra, usou 4 libras e 6 onças de combustível hidrogênio e atingiu uma altitude de 1000 pés.

Com seu avião de seis lugares Piper, a conquista da ZeroAvia é o primeiro passo para perceber as possibilidades de transformação de passar dos combustíveis fósseis para o hidrogênio com emissão zero como fonte de energia primária para a aviação comercial.

“Eventualmente, e sem qualquer nova ciência fundamental necessária, as aeronaves movidas a hidrogênio irão se equiparar às distâncias de vôo e à carga útil das atuais aeronaves movidas a combustíveis fósseis”, disse a empresa em um comunicado.

Este marco importante no caminho para o voo comercial com emissão zero é parte do projeto HyFlyer, um programa de pesquisa apoiado pelo governo do Reino Unido e segue o primeiro voo elétrico a bateria em escala comercial do Reino Unido, conduzido na mesma aeronave em junho.

ZeroAvia agora vai voltar sua atenção para o próximo e último estágio de seu programa de desenvolvimento de seis assentos – um vôo de 250 milhas com emissão zero antes do final do ano. A demonstração dessa faixa é aproximadamente equivalente a rotas principais movimentadas, como Los Angeles a São Francisco ou Londres a Edimburgo.

“É difícil colocar em palavras o que isso significa para nossa equipe, mas também para todos os interessados ​​em voos com emissão zero”, disse o CEO Val Miftakhov. “Embora algumas aeronaves experimentais tenham voado usando células de combustível de hidrogênio como fonte de energia, o tamanho desta aeronave disponível comercialmente mostra que os passageiros pagantes podem embarcar em um voo com emissão zero muito em breve.”

O Ministro de Negócios e Indústria, Nadhim Zahawi, disse: “O desenvolvimento de aeronaves que criem menos poluição ajudará o Reino Unido a fazer avanços significativos para atingir emissões líquidas de carbono zero até 2050. Isso mostra que as tecnologias para limpar as viagens aéreas estão agora ao nosso alcance – com enorme potencial para reconstruir melhor e impulsionar um crescimento econômico limpo. ”

Com sede em Londres e Califórnia, a empresa planeja controlar a produção e o fornecimento de hidrogênio combustível para seus conjuntos de força e outros clientes comerciais, reduzindo substancialmente a disponibilidade de combustível e os riscos de preços para todo o mercado, uma “abordagem inovadora” que remove muitas limitações do atual programas de emissão zero.

Fonte: Good News Network

Continuar lendo TECNOLOGIA: UM VERDADEIRO SALTO QUÂNTICO NA AVIAÇÃO COMERCIAL COM EMISSÃO DE CARBONO

TECNOLOGIA: UMA BATERIA REVOLUCIONÁRIA VAI TORNAR OS CARROS ELÉTRICOS MAIS COMPETITIVOS

A invenção que faltava para tornar os carros elétricos competitivos com os a combustão interna finalmente chegou ao mercado e é o destaque da nossa coluna TECNOLOGIA desta terça-feira. Uma startup, com o apoio da Volkswagen está construindo uma bateria que vai carregar o carro em 15 minutos. Este é apenas uma das melhorias tecnológicas dessa inovação tecnológica. Então leia o artigo a seguir completo e conheça as outras novidades!

Esta startup apoiada pela Volkswagen está construindo uma bateria revolucionária para carros elétricos

Volkswagen

Quando um empresário percebeu que todas as reclamações comuns com veículos elétricos se originavam da bateria e não do carro em si, ele criou um sistema de bateria totalmente novo para eles – e ganhou o apoio da gigante automotiva Volkswagen no processo.

Longos tempos de carregamento, alcance limitado, custos mais elevados, peso e espaço limitado na cabine: todos esses são argumentos de venda negativos que têm a ver com a natureza dos veículos elétricos (EVs) alimentados por bateria, parcialmente porque a tecnologia neles tem sido até agora limitado a bancos de baterias de íon-lítio de tamanho cada vez maior.

Jagdeep Singh abriu uma empresa chamada QuantumScape que usa tecnologia de estado sólido para suas baterias.

Graças à avaliação imediata de investidores como Bill Gates, o QuantumScape agora vale US $ 3,3 bilhões, e os principais patrocinadores da Volkswagen já se comprometeram a usar a tecnologia de Singh em sua próxima geração de VEs em 2024.

Além de apresentar os problemas de custo, tamanho e tempo de carregamento, as baterias de íon de lítio requerem materiais conhecidos como minerais de terras raras – que tendem a ser caros e ambientalmente destrutivos para a mineração.

Substituindo o eletrólito de ânodo de grafite-silício líquido no centro de uma bateria de íon-lítio por um material cerâmico sólido, as baterias do QuantumScape fornecem densidade de energia significativamente aumentada e custo mais baixo, além de remover um risco de incêndio significativo na forma de ânodo líquido.

Mais importante, porém, uma bateria de estado sólido pode ir de 0% de carga a 80% em apenas 15 minutos – velocidade da luz em comparação com seus concorrentes.

Isso não apenas tornará os VEs viáveis ​​para coisas como viagens de férias, mas também como transporte para uma classe inteiramente nova de consumidores: proprietários de apartamentos. Os motoristas de EV com garagens puderam carregar durante a noite, tornando a questão do alcance um não-problema.

Volkswagen

No entanto, esperar 12 horas em postos públicos de recarga está fora de questão para aqueles que querem ajudar a acelerar a transição dos combustíveis fósseis, mas não têm uma garagem ou acesso externo confiável à eletricidade para carregar seus carros.

O que você precisa fazer é tornar os carros elétricos competitivos com os motores de combustão em todas as métricas ”, disse Singh em um artigo da Fast Company .

“Essas métricas incluem não apenas o custo, mas também o alcance, o tempo de carga, a segurança e a vida útil do carro. E é exatamente por isso que estamos fazendo o que fazemos com as baterias de estado sólido.

“Acreditamos que isso também permite que as montadoras façam carros elétricos muito mais próximos dos concorrentes com motores de combustão do que as baterias tradicionais.

“Então, pensamos que esse tipo de inovação é exatamente o que é necessário para que as pessoas comecem a substituir seus carros a combustão por veículos elétricos na próxima vez que forem ao mercado comprar um carro.”

Fonte: Good News Network

Continuar lendo TECNOLOGIA: UMA BATERIA REVOLUCIONÁRIA VAI TORNAR OS CARROS ELÉTRICOS MAIS COMPETITIVOS

TECNOLOGIA: JARDINS HIDROPÔNICOS A NOVA FORMA DE CULTIVAR ALIMENTOS NOS GRANDE CENTROS

Os jardins no telhado, são a nova coqueluche nas grandes metrópoles. A solução para evitar, entre outros problemas, o trânsito pesado de caminhões no centro dessas mega-cidades. Sem falar que são produtos orgânicos, cultivados sem agrotóxicos e sem a necessidade de solo. Convido você a ler o artigo completo a seguir e se familiarizar com essa novidade tecnológica! 

A maior estufa de telhado do mundo em Montreal é tão grande quanto 3 campos de futebol – agora pode alimentar 2% da cidade

 

 

Crédito: Lufa Farms

Uma estufa no telhado em Montreal se tornou a maior de seu tipo e agora pode produzir comida suficiente para alimentar quase 2% da população da cidade, mesmo no inverno.

A jardinagem no telhado está se tornando muito popular como um meio de levar produtos de alta qualidade aos corações das grandes cidades do mundo, um método que tem a dupla vantagem de reduzir as emissões de escapamento e deterioração do transporte de alimentos, de outra forma necessário.

Lançado em 2009, Lufa Farms agora tem quatro desses jardins no telhado. A adição mais recente, construída sobre seu próprio centro de distribuição de 15.000 metros quadrados (160.000 pés quadrados), tem o tamanho de três campos de futebol e cultiva 100 variedades diferentes de frutas e vegetais usando hidroponia.

Parecendo algo saído de um episódio de Jornada nas Estrelas, os jardins hidropônicos utilizam canos nos quais as raízes da planta podem balançar livremente, e onde um banho de vapor as banha em nutrientes essenciais e água – eliminando a necessidade de solo por completo.

Embora sediada no Canadá, a Lufa Farms foi fundada em 2009 pelo libanês Mohamed Hage e sua esposa americana Lauren Rathmell de Vermont.

O porta-voz da Lufa Farms, Thibault Sorret, explica ao Phys.org que eles produzem alimentos perto de onde a maioria das pessoas vive, e de forma sustentável, que alguns especialistas acreditam ser o futuro da agricultura.

“Agora podemos alimentar quase 2% de Montreal com nossas estufas e fazendas parceiras”, diz Sorret .

 

 

“A vantagem de estar em um telhado é que você recupera muita energia da parte inferior do edifício”, acrescenta ele, observando que eles podem economizar uma quantidade significativa no aquecimento durante os invernos notoriamente frios de Quebec.

Economias também podem ser encontradas no departamento de uso de água, onde a Lufa Farms tem um sistema de coleta de água da chuva que reduz o tempo gasto com torneiras em 90%, enquanto joaninhas, vespas e abelhas trabalham em conjunto como polinizadores e controle de pragas.

Essas práticas eficientes em termos de energia e ecologicamente corretas estão no topo de um negócio lucrativo ano após ano que emprega 500 pessoas e vende cestas de produtos de $ 30 para 20.000 famílias por semana – tudo isso enquanto executa um serviço de distribuição sob a estufa que conecta fabricantes de alimentos artesanais locais que produzem coisas como massas frescas para casas de Montreal com entrega em domicílio.

É o tipo de serviço que está explodindo em popularidade tanto na indústria de restaurantes quanto de mercearia em todo o mundo, e a Lufa agora está capitalizando isso para exportar seu modelo para cidades nos Estados Unidos e Canadá. São boas notícias de comida para todos.

Fonte: Good News Network

Continuar lendo TECNOLOGIA: JARDINS HIDROPÔNICOS A NOVA FORMA DE CULTIVAR ALIMENTOS NOS GRANDE CENTROS

TECNOLOGIA: AGORA CASAS SÃO IMPRESSAS EM 3D E COMPLETADAS EM APENAS 24 HORAS

A nossa coluna TECNOLOGIA deste domingo trás uma novidade na área de construção civil. São as casas impressas em 3D em apenas 24 horas que uma empresa da Califórnia, A Mighty Buildings, executa em um depósito em Oakland. A redução de custos é o principal atrativo. Convido você a ler o artigo completo a seguir par saber dos detalhes desta grande evolução no campo da construção civil.

Casas minúsculas e elegantes agora são impressas em 3D em 24 horas e enviadas para o seu site

Uma empresa da Califórnia está tornando o ato de comprar uma casa minúscula glamorosa – com entrega e instalação incluídas – tão simples quanto entrar na Internet e tocar em um botão.

A Mighty Buildings é capaz de completar uma casa em apenas 24 horas – com paredes, pisos e tetos – porque os imprime em 3D em um depósito em Oakland.

A inicialização usa um material especializado chamado composto de termostato que os torna duráveis, de baixa manutenção e ultra-eficientes em termos de energia.

Os clientes podem escolher diferentes tamanhos, desde uma unidade de 1 banho BD – 1 a 3 banhos BD – 2, com entrega e instalação incluídas no preço . A unidade de 350 pés quadrados custa US $ 115.000 instalados. Canalização, eletricidade, móveis, portas e janelas são todos montados após a instalação à moda antiga.

É um momento emocionante no mundo da impressão 3-D. Um bairro inteiro de 50 casas impressas está sendo concluído no México pela empresa do Texas ICON, e irá beneficiar residentes de baixa renda por meio de doações de uma organização sem fins lucrativos.

As residências impressas em 3D estão se tornando bastante populares, porque seus custos são muito mais baixos e há 90% menos desperdício, mas as diferenças nos recursos e tecnologias 3D estão surgindo.

A Mighty Buildings está construindo casas familiares por 45% menos do que a maioria das empresas de construção devido ao seu processo automatizado – e ao contrário da ICON, eles também imprimem o chão e o telhado do prédio.

Para Mighty Buildings, uma grande vantagem é poder chegar onde algumas outras empresas de construção de impressão 3D não conseguem, com sua impressora de 20 pés, e completar toda a estrutura, o que é raro.

“Assim que você for capaz de produzir não apenas as paredes, mas também o piso e o teto, isso economiza uma grande quantidade de horas e, especificamente, horas de trabalho, que são muito caras”, Slava Solonitsyn, CEO e cofundador da emocionante startup , disse Fast Company .

Então, que tal: você gostaria de ter sua próxima casa impressa para você em apenas 24 horas?

Fonte: Good News Network

Continuar lendo TECNOLOGIA: AGORA CASAS SÃO IMPRESSAS EM 3D E COMPLETADAS EM APENAS 24 HORAS

TECNOLOGIA: MAIOR CASA DA EUROPA IMPRESSA EM 3D É FABRICADA NA BELGICA

O destaque da nossa coluna TECNOLOGIA desta terça-feira é a maior casa impressa  em 3D  já fabricada na Europa. Uma obra executada pela Kamp C que  usou uma impressora “pórtico” de 32 x 32 pés, a maior de seu tipo na Europa, para criar a estrutura do prédio de dois andares. Convido você a ler o artigo completo  seguir para conhecer essa incrível tecnologia em 3D!

Impressora 3D completa a maior casa com impressão em 3D da Europa – com 2 histórias e 980 pés quadrados – em apenas 3 semanas

A maior casa impressa em 3D já feita na Europa – um caso de dois andares com duas salas de estar, cozinha, banheiro e saguão – foi recentemente concluída pela empresa belga de construção sustentável Kamp C, avançando enormemente na ciência da habitação impressa em 3D .

Kamp C e Jasmiens Smets

A Kamp C usou uma impressora “pórtico” de 32 x 32 pés, a maior de seu tipo na Europa, para criar a estrutura do prédio de dois andares. Usando uma mistura especial de cimento ejetada do bico da impressora, o trabalho no local levou apenas 3 semanas, com os trabalhadores da construção adicionando o telhado, a fundação, o piso, as janelas, as portas, o encanamento e a parte elétrica manualmente. (Veja o vídeo de lapso de tempo abaixo.)

O edifício de 980 pés quadrados também apresentou alguns toques sustentáveis ​​exclusivos, como piso aquecido e painéis solares, que foram adicionados posteriormente.

Dos benefícios da impressão 3D , também conhecida como “manufatura aditiva”, o trabalho preciso da máquina reduz os custos de materiais – às vezes enormemente.

Marijke Aerts, o gerente de projeto, disse ao News Atlas : “A resistência à compressão do material é três vezes maior do que a do tijolo de construção rápida convencional. Além das fibras no concreto, a quantidade de armadura de tela de arame utilizada é extremamente limitada. Como resultado da tecnologia de impressão usada, a cofragem era redundante, economizando cerca de 60% em material, tempo e orçamento. ”

Na Europa, onde as casas são normalmente construídas com tijolos, argamassa e concreto, economizar nos custos de construção não é ótimo apenas para a carteira, mas também para o meio ambiente; pois estima-se que a fabricação de concreto cria 1 tonelada de CO2 para cada tonelada de material, tornando-o um dos métodos de construção mais intensivos em carbono disponíveis para construtoras.

Projetada e executada como uma prova de conceito, a casa na Bélgica nunca foi projetada para ser habitada.

“Imprimir este prédio é principalmente uma declaração”, disse Emiel Ascione, outro gerente de projeto, à Digital Trends . “Mostra para a indústria da construção a acessibilidade e o potencial dessa técnica. Os benefícios da manufatura aditiva já estão rendendo frutos em uma ampla gama de outras indústrias, disse ele. Já era hora de que a habitação os alcançasse. ”

Ascione explicou ainda que muitas pessoas gostariam de ter uma estrutura mais exclusiva ou personalizada para sua casa, mas que os custos de fabricação de coisas como torres, ângulos circulares, salas de estar rebaixadas e outros designs criativos são altos demais para a maioria das pessoas.

Kamp C e Jasmiens Smets 

Outra empresa, nos Emirados Árabes Unidos, construiu uma casa impressa em 3D em Dubai usando materiais de origem local e terminou a sua depois de apenas duas semanas de construção – um belo design moderno medindo 6.900 pés quadrados (640 metros quadrados).

“Um grande benefício dessa técnica é que ela é livre de complexidade”, acrescentou Ascione. “Você poderia imprimir uma série de casas e tornar cada uma delas única, sem um impacto considerável no custo.”

Fonte: Good News Network

Continuar lendo TECNOLOGIA: MAIOR CASA DA EUROPA IMPRESSA EM 3D É FABRICADA NA BELGICA

TECNOLOGIA: UNINDO O ÚTIL AO AGRADÁVEL MÁSCARA INTELIGENTE AMPLIA A VOZ E TRADUZ A FALA DO ORADOR

A startup japonesa Donut Robotics desenvolveu uma máscara inteligente que pode amplificar vozes, transcrever ditados e traduzir discursos em oito idiomas diferentes. Sua tecnologia de tradução é baseada em IA para o robô “Cinnamon” para ajudar os viajantes internacionais no aeroporto. Veja o artigo completo a seguir e conheça os detalhes dessa maravilha de invenção!

Esta nova máscara inteligente barata pode ampliar a voz do orador e traduzir a fala em 8 idiomas

 

Foto por Donut Robotics 

Uma empresa japonesa de robótica desenvolveu uma máscara inteligente que pode amplificar vozes, transcrever ditados e traduzir discursos em oito idiomas diferentes – e eles estarão disponíveis ao público em setembro.

O C-Mask foi projetado pela startup japonesa Donut Robotics para melhorar a comunicação entre funcionários de companhias aéreas e funcionários de supermercados durante a pandemia de COVID-19.

A máscara, que é conectada por Bluetooth ao telefone do usuário, é capaz de traduzir japonês para chinês, coreano, vietnamita, indonésio, inglês, espanhol e francês.

A empresa originalmente desenvolveu sua tecnologia de tradução baseada em IA para o robô “Cinnamon” para ajudar os viajantes internacionais no aeroporto. Como a maioria dos aeroportos do país foi forçada a fechar após os surtos de coronavírus, a empresa aplicou seu software a máscaras para que os trabalhadores da indústria e os prestadores de serviços de saúde pudessem falar mais claramente por trás das barreiras protetoras de vidro e revestimentos faciais.

Para financiar a produção de sua invenção, a Donut Robotics lançou uma campanha de crowdsourcing no site japonês de captação de recursos Fundinno em junho. Segundo a CNN , a empresa conseguiu arrecadar 28 milhões de ienes (US $ 265.000) em apenas 37 minutos.

Depois de concluir outra rodada bem-sucedida de financiamento coletivo em julho, a Donut Robotics diz que suas primeiras 5.000 a 10.000 máscaras serão distribuídas pelo Japão em dezembro. É esperado que cada uma das máscaras custe entre US $ 40 e US $ 50.

Dito isto, a empresa também espera expandir sua distribuição no exterior para o Reino Unido e os EUA até abril de 2021.

ASSISTA à entrevista à Reuters abaixo)

Continuar lendo TECNOLOGIA: UNINDO O ÚTIL AO AGRADÁVEL MÁSCARA INTELIGENTE AMPLIA A VOZ E TRADUZ A FALA DO ORADOR

TECNOLOGIA: MPRN INVESTE EM NOVA VERSÃO DE SISTEMA DE MONITORAMENTO DOS PORTAIS DA TRANSPARÊNCIA DOS MUNICÍPIOS

MPRN lança nova versão de sistema que monitora Portais da Transparência

15 jun 2020

O Ministério Público do Estado do Rio Grande do Norte (MPRN) lançou a nova versão do sistema Confúcio, ferramenta que verifica os Portais de Transparência dos Municípios para acompanhar a execução orçamentária dos gastos, entre outros, com ações de serviço de saúde e de combate ao novo coronavírus (Covid-19).
“O MPRN tem investido fortemente em Tecnologia da Informação, tendo criado os Laboratórios de Ciência de Dados e de Orçamento e Políticas Públicas, visando fornecer ferramentas para a própria instituição e também para uso pela sociedade. Essa nova versão do sistema Confúcio busca monitorar de forma mais específica os Portais da Transparência para facilitar as consultas por parte da sociedade”, disse Eudo Leite, procurador-geral de Justiça do RN.
O sistema Confúcio foi pensado e implementado pelo Grupo de Atuação Especial de Repressão ao Crime Organizado (Gaeco) e pelo Centro de Apoio Operacional às Promotorias do Patrimônio Público (Caop-Patrimônio). A equipe do Laboratório de Ciência de Dados do Gaeco desenvolveu crawlers (robôs) que varrem três vezes ao dia os Portais da Transparência dos Municípios, sendo criado um ambiente de monitoramento a partir dos dados coletados.
A ferramenta identifica se há compatibilidade dos sítios eletrônicos com a legislação pertinente, bem como a conformidade dos gastos públicos, oferecendo informações à sociedade e aos membros do MPRN, estabelecendo pontuações.
“Um dos objetivos do sistema, dentro da política de transparência da legislação em vigor, é avaliar a acessibilidade do Portal ao usuário comum, ao cidadão com nível básico de conhecimento em tecnologia e pouca experiência com a navegação web. O sistema está em constante aperfeiçoamento e em breve nova versão será lançada com outros critérios e novas pontuações serão adicionados”, comentou o promotor de Justiça Fausto França, coordenador do Gaeco.
Houve também uma mudança no texto de apresentação dos cards de gastos por município para melhorar o entendimento do usuário. “Além disso, modificamos a apresentação da nota dos municípios para que a organização funcionasse corretamente. Agora, a média é apresentada no título
da coluna”, falou o coordenador do Caop Patrimônio Público, promotor de Justiça Rafael Galvão.
O sistema Confúcio também possui uma aba específica denominada “Covid”, onde devem constar todas as informações sobre as despesas para enfrentamento ao vírus, conforme legislação. Nessa versão também é possível verificar o gasto proporcional com despesas relativas ao Covid-19 por habitante.
A ferramenta se baseia em quatro critérios para classificar os Portais de Transparência, sendo: 1) Saúde do Portal; 2) Qualidade dos dados do portal; 3) Disponibilidade do Portal; 4) Usabilidade. Cada critério é pontuado de 0 a 100 pontos.
Na manhã desta quinta (11), 31 municípios atingiam a pontuação máxima (400 pontos). Seis Municípios permanecem sem portal da transparência, com nota 0 (zero): Caiçara do Norte, Espírito Santo, Luís Gomes, Messias Targino, Santa Maria e São Pedro. As notas podem mudar constantemente conforme resultados do monitoramento contínuo realizado três vezes ao dia.
Confúcio
O projeto foi batizado em homenagem ao filósofo da antiguidade chinesa, que viveu entre os anos 551 a.C a 479 a.C, que tem uma obra que sublinha a moralidade governamental e uma vida baseada em procedimentos corretos como alicerces de sua doutrina.
Continuar lendo TECNOLOGIA: MPRN INVESTE EM NOVA VERSÃO DE SISTEMA DE MONITORAMENTO DOS PORTAIS DA TRANSPARÊNCIA DOS MUNICÍPIOS

TECNOLOGIA: GAROTO DE 12 ANOS NOS EUA DESENVOLVEU EM CASA UM DISPOSITIVO DE PROTEÇÃO À COVID-19

Nesta terça-feira estamos publicando na nossa coluna TECNOLOGIA um inusitado dispositivo de proteção à Covid-19 que se chama The Safe Touch Pro. O dispositivo foi criado por um garoto de apenas 12 anos e uma impressora 3D, que já está produzindo e comercializando o produto pelo seu site na internet. Leia reportagem completa a seguir e conheça os detalhes dessa história.

Menino de 12 anos, em casa, cria o dispositivo de proteção COVID-19 – The Safe Touch Pro

Não demorou muito para este garoto de 12 anos de São Francisco inventar sua própria solução para o problema de evitar germes em público durante a pandemia, que atingiu a cidade com força no início de abril.

Mizan Rupan-Tompkins viu seus pais mexendo nas mangas sempre que queriam abrir uma porta, então ele projetou uma ferramenta tipo gancho e aperfeiçoou o protótipo em sua impressora 3D.

Chamado de Safe Touch Pro, ele também tem a capacidade de digitar números nos teclados, sempre que você estiver no caixa eletrônico, na caixa registradora ou nos postos de gasolina.

“Eu realmente fiz isso para meus pais e agora está ajudando a todos”, disse Mizan ao KTVU News em San Francisco.

Ele não é o primeiro a sonhar com esse dispositivo , mas fez sua pesquisa de mercado e fez uma atualização: ele faz sua ferramenta com plástico à base de plantas que é resistente a germes.

“Eu queria ter certeza de que era bom para o meio ambiente – e o vírus não pode sobreviver a ele”, explicou .

Ele já era um tipo de inventor, tendo construído um computador e sua própria Alexa a partir do zero, junto com um robô que adivinha a idade que “pode ​​adivinhar idade, sexo e emoções em segundos”.

Agora ele está vendendo centenas do Safe Touch Pro em seu site , com dezenas de novos pedidos diários a US $ 14,99 cada.

Educado em casa nos últimos 3 anos, com um olhar voltado para uma carreira na aviação, design aeronáutico ou tecnologia, esse garoto inventivo é obrigado a alcançar o céu.

Assista a cobertura local abaixo…) –Foto via Facebook

COMPARTILHE a Ferramenta de Prevenção com seus amigos nas mídias sociais…

Fonte: Good News Network

Continuar lendo TECNOLOGIA: GAROTO DE 12 ANOS NOS EUA DESENVOLVEU EM CASA UM DISPOSITIVO DE PROTEÇÃO À COVID-19

TECNOLOGIA: APLLE E GOOGLE DESENVOLVEM APLICATIVO PARA MONITORAR AVANÇO DA COVID-19

Um novo aplicativo para monitorar disseminação do coronavírus é o destaque da nossa coluna TECNOLOGIA deste sábado. As duas gigantes, Aplle e Google se unem para criar essa tecnologia com o objetivo de monitorar o avanço da doença. A funcionalidade está prevista para os próximos meses. Leia o artigo completo a seguir e saiba como vai funcionar!

Apple e Google se unem para criar tecnologia para monitorar disseminação do coronavírus

O rastreamento só será feito com o consentimento do usuário.

Tiago Netto

Publicado em 10.04.2020

Por  

 

Reprodução

Segundo o Estadão, a ideia é usar o Bluetooth, além dos contatos na agenda dos smartphones para detectar automaticamente a proximidade entre pessoas.

O projeto será implementado em duas fases: na primeira, ambas lançarão *APIs que poderão ser embutidas em aplicativos feitos tanto para iOS quanto para Android por agências de saúde e outros parceiros do projetos.

Com isso, ao instalar esses apps, o telefone utilizará o Bluetooth para detectar se o usuário se aproximou de pessoas possivelmente contaminadas.

A primeira fase deve ser concluída no mês de maio.

Na segunda fase, o trabalho seria estendido de maneira mais avançada nos próprios sistemas operacionais das empresas.

A funcionalidade está prevista para os próximos meses. Quando isso acontecer, a ‘conversa’ entre sistemas poderá acontecer por diferentes aplicativos, e não apenas onde as APIs foram instaladas.

Sobre privacidade, já que há crescentes preocupações sobre o aumento da vigilância no contexto de coronavírus, as empresas afirmaram que o rastreamento só será feito com o consentimento do usuário.

Disseram também que publicarão informações sobre o trabalho de modo aberto para que outras pessoas possam analisar.

Com essa tecnologia, outras pessoas podem ficar sabendo se estiveram próximas a quem se contaminou.

Vale ressaltar que os sistemas operacionais não identificarão a pessoa contaminada, e sim, informarão ao usuário que o celular de alguém que informou estar contaminado esteve próximo.

*A sigla API corresponde às palavras em inglês “Application Programming Interface“. No português “Interface de Programação de Aplicações”. Elas são uma forma de integrar sistemas, possibilitando benefícios como a segurança dos dados, facilidade no intercâmbio entre informações com diferentes linguagens de programação e a monetização de acessos.*

Colunista do Conexão Política. Brasileiro com muito orgulho e apaixonado por esta nação. Cristão.

Fonte: Conexão Política

Continuar lendo TECNOLOGIA: APLLE E GOOGLE DESENVOLVEM APLICATIVO PARA MONITORAR AVANÇO DA COVID-19

CIÊNCIA E TECNOLOGIA: NOVA TÉCNICA RETIRA O PULMÃO, EXTIRPA O TUMOR E RECONECTAM NOVAMENTE NO CORPO DO PACIENTE

Na coluna CIÊNCIAS desta quarta-feira temos uma novidade muito bem vinda no combate ao câncer de pulmão. Médicos Israelenses conseguiram retirar o pulmão de um paciente, “limpar” os tumores e depois recolocaram o órgão saudável no corpo do homem. Uma nova técnica que visa evitar a necessidade de transplantes de pulmão, risco de rejeição e o tempo de espera. Leia a reportagem completa e conheça tudo sobre essa nova técnica cirúrgica.

Médicos retiram pulmão com câncer, “limpam” e devolvem ao paciente

Esperança contra o câncer de pulmão. Em vez de esperar por um doador, médicos de Israel conseguiram retirar o pulmão de um paciente, “limpar” os tumores e depois recolocaram o órgão saudável no corpo do homem.

O procedimento cirúrgico foi feito com sucesso no Hospital Beilinson e “pode mudar a maneira” como os cânceres são tratados ultimamente.

O paciente, que não teve o nome revelado, tem aproximadamente 40 anos. Ele foi hospitalizado após um tumor no pulmão esquerdo bloquear a artéria principal, levando ao colapso.

No Centro Médico Rabin, em Petah Tikva, os médicos perceberam que o pulmão ficaria ressecado até que surgisse um doador para um possível transplante.

“Se tivéssemos simplesmente cortado o pulmão, aguardando um transplante, o paciente continuaria com risco de vida”, disse Yuri Faischowitz, diretor da Unidade de Cirurgia Cardiotorácica de Beilinson, ao Dr. Itai Gal, da Ynet News. .

O câncer de pulmão é um dos cânceres mais mortais, apesar de as taxas de mortalidade da doença terem diminuído no mundo desde os anos 90.

Esperança

Durante a cirurgia, no mês passado, o homem continuou a respirar pelo pulmão bom, enquanto o outro era desconectado, limpo do tumor e reconectado – após inflá-lo para garantir que continuasse funcionando e que o tecido estava saudável.

A “limpeza” dos órgãos humanos dos tumores dessa maneira está em um estágio inicial e os cirurgiões disseram que pode mudar o tratamento do câncer e, em alguns casos, evitar a necessidade de transplantes de pulmão, risco de rejeição e o tempo de espera.

“O novo método pode mudar a maneira como os pacientes tratam o câncer no mundo”, diz o professor Dan Arav, que participou da cirurgia junto com Faischowitz.

O professor afirmou que o procedimento pode ser aplicado também a outros órgãos e outras formas de câncer.

Isso aumenta a esperança de pacientes que hoje teriam poucas opções de tratamento.

Com informações do Ynet News e GNN

Fonte: Só Notícia Boa

Continuar lendo CIÊNCIA E TECNOLOGIA: NOVA TÉCNICA RETIRA O PULMÃO, EXTIRPA O TUMOR E RECONECTAM NOVAMENTE NO CORPO DO PACIENTE

TECNOLOGIA: CÉLULA SOLAR ULTRAFINA E FLEXÍVEL FORNECERÁ MELHOR RELAÇÃO POTÊNCIA/MASSA

Numa ação conjunta entre Alemanha e Holanda nova e eficiente célula solar é desenvolvida para melhorar a relação potência/massa em missões espaciais. A célula solar é ultrafina e flexível, com cerca de 0,02 mm de espessura. Leia a reportagem completa a seguir e conheça essa tecnologia inédita! 

Europeus criam célula solar ultrafina e flexível

Nova e eficiente célula solar foi desenvolvida na Alemanha e na Holanda para fornecer a melhor relação potência/massa em missões espaciais como as da Agência Espacial Europeia

Célula solar da tf2: grande eficiência em condições de voos espaciais. Crédito: ESA–SJM Photography

A célula solar flexível e ultrafina mostrada na foto acima foi criada com objetivo de fornecer a melhor relação potência/massa para missões espaciais, e para tanto seus desenvolvedores contaram com o apoio da Agência Espacial Europeia (ESA), por meio de sua iniciativa Technology Development Element. Com cerca de 0,02 milímetro de espessura – mais fino que um cabelo humano – o protótipo da célula foi desenvolvido pelas empresas Azur Space Solar Power, da Alemanha, e tf2, da Holanda; a célula vista aqui é da tf2.

Possuindo até 32% de eficiência no “fim da vida útil”, essas células solares foram produzidas usando uma técnica chamada ‘decolagem epitaxial’, o que significa que foram retiradas da camada de substrato de germânio em que foram inicialmente assentadas, para que o (caro) material possa ser reutilizado.

Células solares de junção tripla e quádrupla foram fabricadas. Isso significa que elas consistem de três ou quatro camadas diferentes de material, otimizadas para fazer uso de diferentes comprimentos de onda da luz que compõem o espectro solar.

Essas células solares mais finas que o papel podem ser utilizadas para futuros satélites da ESA ou para outros pseudossatélites de alta altitude (HAPS) – aeronaves ou balões para realizar tarefas semelhantes a satélites na atmosfera superior.

Fonte: Revista Planeta

Continuar lendo TECNOLOGIA: CÉLULA SOLAR ULTRAFINA E FLEXÍVEL FORNECERÁ MELHOR RELAÇÃO POTÊNCIA/MASSA

TECNOLOGIA: BRASIL JÁ TEM FABRICANTE DE CARRO AUTÔNOMO A HITECH ELECTRIC

Nesta coluna TECNOLOGIA desta segunda-feira temos um artigo sobre o primeiro fabricante de carros autônomos brasileiro acaba de laçar o e.cotech4 Autônomo. A empresa é a Hitech Electric que transporta cargas e até dois passageiros. O grande problema não é técnico, mas sim da legislação que ainda não existe para regulamentar o uso desses veículos. Leia a reportagem completa a seguir e saiba o que falta para colocar esses veículos nas ruas!

  • LARISSA LOPES

07 MAR 2020 – 10H26 ATUALIZADO EM 07 MAR 2020 – 10H26

Resultado de imagem para e.cotech4 autônomoe.coTech4 Autônomo, desenvolvido pela Hitech Electric é o primeiro veículo autônomo brasileiro (Foto: Divulgação)

Com a capacidade de detectar objetos a 50 metros de distância e de reagir em 100 milissegundos, o e.coTech4 Autônomo se tornou o primeiro veículo autônomo brasileiro, abrindo espaço para um novo mercado no país em 2020.

No entanto, ao contrário do que acontece nos Estados Unidos e em alguns países da Europa, o Brasil ainda não possui uma regulamentação que permita que esse tipo de veículo seja testado em estradas, limitando o uso dos autônomos a alguns locais. “Estudando o mercado, entendemos que existe uma grande oportunidade para este perfil de veículo em aplicações fechadas, fora dos centros urbanos, como em campi universitários, plantas industriais, resorts, clubes e aeroportos”, afirma Rodrigo Contin, CEO da Hitech Electric, empresa paranaense de soluções em mobilidade urbana que criou o modelo.

A primeira vez que a discussão sobre veículos autônomos chegou a ser pautada por orgãos brasileiros foi em 2017, quando a Associação Brasileira de Normas Técnicas (ABNT) abriu a comissão CB127 para começar a definir regras sobre a condução autônoma. Em 2018, as atividades da comissão foram interrompidas, mas tudo pode mudar com o lançamento do modelo brasileiro.

“Após a divulgação do nosso projeto, os responsáveis pela implantação da comissão solicitaram sua reinstalação à ABNT, para que aconteçam as próximas discussões e passos necessários para evolução deste tema”, comemora Contim. “Ainda não há uma data prevista, mas o tema foi retomado.”

Resultado de imagem para e.cotech4 autônomoCom condução autônoma, e.coTech4 Autônomo detecta objetos a até 50 metros de distância e reage em 100 milisegundos. (Foto: Divulgação)

Como funciona

Disponível para o segmento corporativo, o veículo é movido à energia elétrica e pode ser controlado remotamente por aplicativo de celular. Em espaços devidamente mapeados, chega a transportar cargas sem motorista ou até dois passageiros.

Para chegar a um produto que oferecesse agilidade, segurança e precisão, a startup passou um ano projetando o sistema de mobilidade autônoma e o protótipo do veículo. As partes mais importantes do projeto são o hardware e o módulo de controle do carro, responsáveis por sua direção, aceleração e frenagem. O sistema autônomo dirige e faz balizas de acordo com os obstáculos que reconhece ao longo do trajeto, sejam pedestres, postes, sarjetas ou outros carros.

Alcançando uma velocidade de até 50 quilômetros por hora, o veículo tem autonomia por 100 quilômetros. Rodar essa quilometragem custa, em média, R$ 4,50 – dez vezes mais econômico do que um carro tradicional com motor 1.0 e abastecido com gasolina, cujo custo é de cerca de R$ 45 para rodar essa mesma distância. Elétrico, ele pode ser recarregado em qualquer tomada com plugue de três pinos, seja de 110 V ou 220 V. A recarga é realizada em seis horas.

Para chegar ao resultado final, a equipe da Hitech Electric contou com a parceria do Lume Robotics, projeto de inteligência robótica autônoma do Laboratório de Computação de Alto Desempenho da Universidade Federal do Espírito Santo (UFES).

Gostou da nossa matéria? Clique aqui para assinar a nossa newsletter e receba mais conteúdos.

Fonte: Revista Galileu

Continuar lendo TECNOLOGIA: BRASIL JÁ TEM FABRICANTE DE CARRO AUTÔNOMO A HITECH ELECTRIC

TECNOLOGIA: SAIBA COMO APAGAR SUAS PEGADAS OU INFORMAÇÕES QUE NÃO DEVERIAM ESTAR NA INTERNET

Nesta quarta-feira saiba como apagar suas pegadas digitais na internet aqui na coluna TECNOLOGIA. O artigo a seguir publicado no jornal El País esclarece e dá dicas de como aumentar a sua privacidade na internet. Portanto leia o artigo completo a seguir e saiba como!

Como apagar dados pessoais que não deveriam estar na rede

À medida que navega e compartilha informações na web, você deixa uma trilha que qualquer pessoa no mundo pode acessar sem se levantar do sofá

É provável que se você digitar seu nome no Google encontre registros que nem sabia que existiam. De páginas da web com dados pessoais, como seu endereço ou telefone, a fotografias que na época você não se preocupou em postar na Internet. E até contas que criou em aplicativos que mal chegou a usar. À medida que navega e compartilha informações na web, você deixa uma trilha que qualquer pessoa no mundo pode acessar sem se levantar do sofá. Apagar por completo a pegada digital é complicado. Mas existem opções para eliminar e controlar as informações pessoais que aparecem sobre você na Internet.

Tudo o que um usuário escreve em redes sociais, blogs, fóruns ou outros serviços pode aparecer na Internet. É possível editar ou excluir grande parte desta pegada de forma manual. “Para localizar esse conteúdo, o mais recomendável é ir ao Google e pesquisar por si mesmo, escrevendo seu nome e sobrenome entre aspas, e depois, com muita paciência, eliminar todas essas informações”, explica Fernando Suárez, presidente do Conselho de Faculdades de Engenharia da Computação (CCII, na sigla em espanhol), da Espanha.

O usuário pode excluir uma a uma cada conta que criou nas redes sociais e outros serviços. Mas há ferramentas que facilitam o trabalho. Por exemplo, o Deseat.me oferece uma lista de todas as contas que uma pessoa criou com um email específico e permite solicitar a exclusão bastando pressionar um botão. Já o AccountKiller compila links diretos para facilitar a qualquer usuário excluir sua conta em sites como Gmail, Instagram, Netflix e Microsoft. “Você quer se livrar da sua conta online? Não deveria ser um problema, certo? Infelizmente, em muitos sites, incluindo os populares, como o Facebook, apagar sua conta pode ser uma verdadeira dor de cabeça”, explica ele em seu próprio site.

“Eliminar completamente a pegada digital é praticamente impossível: depois que publicamos informações na Internet, perdemos o controle sobre elas e não sabemos quem pode acessá-las e para qual finalidade”, alerta Suárez. Ele dá o seguinte exemplo: “Se postamos uma foto em uma rede social e posteriormente a excluímos, não podemos ter certeza de que as pessoas que tiveram acesso a essa fotografia não a publicaram em outras páginas e, portanto, sua exclusão seria muito mais complicada. “

Como apagar a informação que aparece na Internet

A lei europeia do direito ao esquecimento permite que você peça diretamente ao Google que desindexe determinadas informações. Ou seja, que quando alguém usar o mecanismo de pesquisa, um site específico não apareça entre os resultados. Existe um formulário para isso. O usuário deve assinalar um por um os links que deseja remover e indicar o motivo.

O Google pode retirar informações pessoais que representem um risco significativo de roubo de identidade, fraude financeira ou outros tipos de danos específicos. Suárez explica: “Por exemplo, números de identificação, como o do documento de identidade ou informações de cartões de saúde, números de contas bancárias ou de cartões de crédito, históricos médicos, imagens de assinaturas ou fotografias de conteúdo sexual explícito postado na Internet sem o nosso consentimento”.

Mas a opção de pedir ao Google que exclua determinadas informações tem limitações. Juana María Perea, reitora da Faculdade Oficial de Engenharia da Computação das Ilhas Baleares, observa que o preenchimento do formulário não garante que os dados sejam desindexados. A empresa de Mountain View analisa os links um por um e escolhe se os desindexa ou não. “Quando você envia uma solicitação, no Google procuramos o equilíbrio entre os direitos à privacidade dos usuários afetados, o interesse público que essas informações podem ter e o direito de outros usuários de distribuí-las”, afirma a gigante da tecnologia em seu site.

A empresa pode se recusar, por exemplo, a retirar informações sobre fraudes financeiras, negligência profissional, condenações criminais ou conduta de funcionários públicos. Além disso, este formulário apenas garante a remoção de dados na União Europeia. Portanto, os dados continuarão a aparecer nas versões internacionais do mecanismo de busca.

Outros buscadores

O Google é o líder indiscutível dos mecanismos de busca. Em 2018, totalizou 96% das pesquisas de usuários, segundo a Statista. São seguidos pelo Bing, com 3%, e o Yahoo, com 1%. Mesmo assim, os especialistas também recomendam controlar o que aparece nesses alternativos. “O processo mencionado só se aplica ao Google. O Yahoo e o Bing têm seu próprio formulário para que exerçamos nosso direito de desaparecer da rede”, diz Perea. Nos dois mecanismos de busca, se aceitarem a solicitação, o conteúdo será removido apenas na Europa.

Tanto Perea como Suárez concordam com a importância de controlar em quais sites você se registra. O presidente do CCII aconselha, antes de tudo, “a prudência ao usar as ferramentas da Internet”: “Não apenas aquelas em que publicamos informações diretamente, como blogs ou redes sociais, mas também a própria trilha que deixamos, por exemplo, ao pesquisar ou navegar “. Nesse sentido, é recomendável excluir periodicamente os cookies, usar VPNs (rede virtual privada, na sigla em inglês) ou optar por mecanismos de busca alternativos ao Google, projetados para navegar sem deixar vestígios.

Fonte: El País

Continuar lendo TECNOLOGIA: SAIBA COMO APAGAR SUAS PEGADAS OU INFORMAÇÕES QUE NÃO DEVERIAM ESTAR NA INTERNET

TECNOLOGIA: EMPRESA ISRAELENSE DESENVOLVE MÁSCARAS FACIAIS ANTIVIRAIS QUE PODE IMPEDIR A DISSEMINAÇÃO DO VÍRUS CORONA

Na nossa coluna TECNOLOGIA desta quinta-feira o destaque são as máscaras faciais reutilizáveis antivirais revolucionárias desenvolvidas com tecnologia israelense que pode impedir a disseminação do vírus corona. A eficácia dura até 100 lavagens a 75 ° C ou 65 lavagens a 92 ° C. Uma tecnologia realmente surpreendente, pois “A máscara não apenas bloqueia o vírus, mas mata os vírus que vão para o usuário e se afastam do usuário, caso o usuário esteja infectado”. Leia o artigo completo a seguir e conheça todas as propriedades e características dessa revolucionárias máscaras!

Tecnologia israelense pode ajudar a impedir a disseminação do vírus corona

Thaís Garcia

Publicado em 30.01.2020

Tecnologia israelense pode ajudar a impedir a disseminação do vírus corona 16

Imagem: Yonatan Sindel/Flash90

A empresa israelense Sonovia desenvolve máscaras faciais antivirais que podem impedir a disseminação do novo vírus corona.

“Israel possui tecnologias que podem apoiar o controle dessa epidemia”, disse Liat Goldhammer-Steinberg, executivo da Sonovia em Ramat Gan, em Israel.

Pelo menos 170 morreram por complicações do corona de Wuhan, também chamado de 2019-nCoV.

O vírus é transmitido por via aérea e contato direto. A Organização Mundial da Saúde relata aproximadamente 7.783 casos de infecção desde 31 de dezembro. A maioria dos casos está na China (7.678). Alguns foram confirmados em outros países: Tailândia: 14, Japão: 11, Hong Kong: 10, Singapura: 10, Taiwan: 8, Austrália: 7, Macau: 7, Malásia: 7, França: 5, EUA: 5, Alemanha: 4, Coreia do Sul: 4, Emirados Árabes Unidos: 4, Canadá: 3, Vietnã: 2, Camboja: 1, Finlândia: 1, Nepal: 1, Sri Lanka: 1.

Evitar a pandemia

Como não há vacina ou tratamento para o 2019-nCoV, o equipamento de proteção individual é uma maneira importante de combater a transmissão do vírus e evitar uma pandemia.

Máscaras faciais descartáveis ​​não podem bloquear todos os patógenos e não os matam. Uma máscara usada e descartada pode até se tornar um vetor de doença à medida que os patógenos se multiplicam em suas fibras.

É por isso que máscaras laváveis ​​e reutilizáveis ​​com propriedades ‘antipatogênicas’ podem fornecer uma ferramenta de prevenção potente contra o 2019-nCoV e outros vírus coronas que evoluíram para doenças mais graves, como SARS e MERS.

Em busca de parceiros

A tecnologia ultrassônica de acabamento de tecidos da Sonovia, inventada por dois professores de química da Universidade Bar-Ilan, injeta mecanicamente nanopartículas antivirais, antimicrobianas de zinco e óxido de cobre em tecidos para máscaras faciais e outros produtos de proteção.

A Sonovia recebeu recentemente uma bolsa da Comissão Europeia Horizonte 2020 e a tecnologia ganhou vários prêmios na China.

Testes mostraram que os tecidos tratados pela Sonovia trabalham contra seis tipos de bactérias, incluindo E. coli e Staph. A eficácia dura até 100 lavagens a 75 ° C ou 65 lavagens a 92 ° C.

O tecido impregnado de poliéster e algodão tem se mostrado eficaz contra alguns tipos de influenza. Não foi testado quanto à eficácia contra o vírus corona atual.

“Se houver um laboratório que possa fazer esse teste, o processo poderá levar oito semanas”, diz Goldhammer-Steinberg.

“As máscaras ainda não são comercializadas. Mas temos um protótipo de máquina que estamos dispostos a colocar em operação, usando metragem tratada de nosso produto de P&D – se tivermos um parceiro e interesse”, enfatiza Goldhammer-Steinberg.

Tecnologia israelense pode ajudar a impedir a disseminação do vírus corona 17A máquina da Sonovia impulsiona nanopartículas antibacterianas em tecidos a uma velocidade tremenda. Foto: SonoviaTech.

O interesse não é um problema. A Sonovia recebeu visitantes da China no início desta semana e está recebendo “ligações sem parar” após a exposição na mídia.

Goldhammer-Steinberg disse que há tecido tratado suficiente disponível para produzir de 5.000 a 10.000 máscaras faciais reutilizáveis. Estas não seriam para venda, e sim para os parceiros distribuírem como uma medida de emergência.

“No momento, há uma escassez de suprimentos [nos países afetados] para que possamos ajudar a diminuir esse estresse. Mesmo que exista uma chance remota de ajudar, vale a pena tentar”, ela diz à ISRAEL21c.

“Estamos buscando ativamente investidores e parceiros colaborativos de todo o mundo, porque acreditamos que há um alto potencial para nossos produtos salvarem vidas”, completou Goldhammer-Steinberg.

Para mais informações e oportunidades de colaboração, entre em contato com o Dr. Jason Migdal na Sonovia: marketing@sonoviatech.com.

Assista ao vídeo da tecnologia da Sonovia Tech com legendas em Português.

 

Argaman

A outra empresa israelense é a Argaman, com sede em Jerusalém. Ela está se aproximando da comercialização de uma máscara antiviral reutilizável, lavável e respirável chamada Bio-Block.

Segundo o fundador e CEO, Jeff Gabbay, engenheiro têxtil com experiência em patologia e doenças infecciosas, a Bio-Block é uma máscara em camadas.

É feito de um algodão proprietário incorporado com partículas aceleradas de óxido de cobre e um tecido de nanofibra que bloqueia patógenos.

“Os poros da almofada de nanofibra são tão pequenos que as bactérias não conseguem passar por ela – nem uma gota que contém um vírus vivo – e nossas fibras 100% de Algodão ‘CottonX’, aprovadas pela EPA, destroem os patógenos que entram em contato com ela”, disse Gabbay.

“A máscara não apenas bloqueia o vírus, mas mata os vírus que vão para o usuário e se afastam do usuário, caso o usuário esteja infectado”, explica ele.

Um laboratório independente descobriu que o ‘CottonX’ permanece eficaz contra as bactérias Staph e E. coli em 50 lavagens industriais ou 100 lavagens domésticas.

Um teste hospitalar patrocinado pelos Centros de Controle de Doenças dos EUA constatou que roupas de cama e batas ‘CottonX’ na UTI reduziram patógenos resistentes a vários medicamentos em 50%.

“Este estudo será publicado em breve”, disse Gabbay.

Como o têxtil ‘Sonovia’, o ‘CottonX’ não foi testado quanto à eficácia contra o vírus corona 2019-nCoV.

As primeiras 20.000 máscaras da Bio-Block estão em produção nas instalações da Argaman em Jerusalém e serão vendidas por cerca de US $ 50. Elas estarão disponíveis em cerca de dois meses.

Enquanto isso, perguntas podem ser enviadas para info@argamantech.com.

Fonte: Conexão Política

Continuar lendo TECNOLOGIA: EMPRESA ISRAELENSE DESENVOLVE MÁSCARAS FACIAIS ANTIVIRAIS QUE PODE IMPEDIR A DISSEMINAÇÃO DO VÍRUS CORONA

TECNOLOGIA: GOVERNO CHINÊZ PROMETE CONSTRUIR HOSPITAL COM MIL LEITOS PARA TRATAR PACIENTES DO CORONAVÍRUS EM 6 DIAS

Na nossa coluna TECNOLOGIA deste sábado temos algo incrível e inimaginável no nosso país, mesmo em pleo século XX. E é exatamente por isso que costumo afirmar que estamos a anos luz do incrível e inacreditável desenvolvimento do povo chinês. Com o advento do Coronavírus e a prioridade dada a essa epidemia, o governo chinês resolveu construir um hospital com 25.000 m2 e 1.000 leitos, só para o atendimento de infectados pelo famigerado vírus. Isso por si só não tem nada de extraordinário. O mais incrível é o prazo anunciado pelo governo chinêz. Pasmem! Apenas 6 dias! Como diria Galvão Bueno: Pode isso Arnaldo?

Coronavírus: China construirá novo hospital com mil leitos em 6 dias

Guilherme L. Campos

Publicado em 24.01.2020

Coronavírus: China construirá novo hospital com mil leitos em 6 dias 16

O que mais impressiona no anúncio é que o novo hospital será construído em apenas 6 dias. A nova unidade ficará situada ao lado do hospital Xiaotagshan, em Beijing, construído em 7 dias em 2003 por conta da crise do SARS.

Veja imagens do início da construção:

Guilherme L Campos@GLCampos_

Governo chinês confirma início da construção de um hospital exclusivo para casos de coronavírus. O hospital terá 25 mil m2 e mil leitos. O mais impressionante é que a China promete entregar o hospital em 6 DIAS (!!).

Conservador, Católico, Correspondente Internacional, Observador Político e criador do ‘The Right Talking’. Atualmente vive na Pensilvânia, Estados Unidos.

Fonte: Conexão Política

Continuar lendo TECNOLOGIA: GOVERNO CHINÊZ PROMETE CONSTRUIR HOSPITAL COM MIL LEITOS PARA TRATAR PACIENTES DO CORONAVÍRUS EM 6 DIAS

TECNOLOGIA: VALE A PENA COMPRAR UM CELULAR COM PROJETOR?

Na nossa coluna TECNOLOGIA desta quinta-feira trago um artigo espetacular sobre a nova tecnologia em matéria de audiovisual. O celular com projetor que já está revolucionando a indústria do entretenimento visual. Éle é capaz de projetar imagens com até 90 polegadas full HD e com a qualidade de uma SMART TV de última geração. A seguir temos um vídeo com uma pequena amostra do que há de mais moderno lançado na China e depois você pode conhecer as principais marcas e modelos disponíveis no mercado brasileiro e saber se vale a pena comprar um smartphone projetor. A Smart TV está com os dias contados?

Fonte:

Vale a pena comprar um celular com projetor?

Modelos de celular com projetor estão se tornando populares entre os brasileiros, mas vale a pena investir em um acessório do tipo?

O celular é um ótimo aparelho para nos permitir assistir aquele vídeo, filme ou série em um momento ocioso, como quando estamos viajando de ônibus ou na fila de um banco, mas pode ser muito útil também para assistir vídeo em casa quando bate aquela preguiça de ligar o computador.

Nesse casos, o uso de um projetor específico para celulares tem feito sucesso entre os brasileiros. No mercado, é possível tanto encontrar projetos individuais feitos especialmente para serem conectados em smartphones e até mesmo celulares que já vem com esse recurso em suas configurações. Mas vale a pena fazer esse tipo de investimento?

Preço

Esse é um dos pontos que os consumidores costumam considerar primeiro na hora de comprar um aparelho com projetor e, claro, a quantia que você embolsar no produto vai ter impacto direto na qualidade da imagem.

Para começar falando de celular que já vem com a função de projetor, os preços começam na faixa de R$ 1700,00, tanto nos que já possuem a função nativa, como o Quantum V, quanto os kits que contam com aparelho mais projetor separado.

A linha Z de celulares da Motorola é capaz de projetar imagens diretamente pelo celular, com os Moto Snaps. Na linha estão o Moto Z2 Play, Moto Z2 Force e Z3 Play, por exemplo. Esses modelos de celular custam, a partir de R$ 1.200,00, mas o Moto Snap Insta-Share Projector, que permite a projeção de imagens, deve ser comprado à parte, com preço médio de R$ 1.500,00.

Se você pretende comprar o celular com o projetor, é possível encontrar bons combos com desconto, como o Moto Z2 Play com o Moto Snap projetor por R$ 2.000,00. Agora, se você já possui um celular dessa linha e quer investir no projetor, não tem jeito, terá que desembolsar essa grana.

Uma opção mais em conta para quem já tem um celular e não quer gastar comprando um novo é procurar modelos de miniprojetor para celular, que permitem conexão direta com o smartphone. Esses aparelhos podem ser encontrados no mercado a partir de R$ 300,00.

moto-z3-projetor

Qualidade da Imagem

Vamos destacar a qualidade de imagem dos modelos que mencionamos no tópico acima.

No caso do Quantum V, que traz um projetor Laser HD integrado no smartphone, a imagem pode ser projetada a até 2 metros do aparelho, com resolução HD (1280 x 720 pixels), 31 lúmens e contraste de 5.000:1. O tamanho vai variar, dependendo da distância entre o celular e a tela de projeção, sendo de 40 polegadas para uma distância de 1 metro e 80 polegadas para 2 metros.

Já o Moto Snap da Motorola tem uma resolução menor, sendo de 854×480 WVGA (480p), que pode ser projetada a até 1,2 metros, com projeção de tela máxima de 70 polegadas, 400:1 de contraste e 50 lúmens.

Já no caso dos miniprojetores, utilizamos um modelo bom, sem ser premium, para ter como base: o Mini Projetor Led Profissional 1200 Lumen Wi-Fi uc46, que permite conexão por Wi-Fi ou HDMI com diversos aparelhos, incluindo smartphones e notebooks. O projetor é mais robusto do que as opções dos celulares, pesando 980g, mas entrega qualidade melhor, com resolução Full HD (1920 x 1080 pixels), distância de projeção de 1 a 3,8 metros e tamanho de projeção de até 130 polegadas, com 1200 lúmens e contraste 800:1.

Duração da bateria e peso

O Quantum V pode durar até 4 horas rodando projeções, graças a sua bateria de 4000 mAh e seu peso é de 203 gramas, o peso de um celular mais robusto.

Já o Moto Z2 Play tem bateria de 3.000 mAh, enquanto a bateria do projetor é de 1.100 mAh, o que leva a um tempo de duração de aproximadamente 2 horas. O peso do smartphone sozinho é de 145g e, com o Snap acoplado, de 270g.

Os modelos de mini-projetores costumam pesar entre 400g e 1kg, dependendo do modelo. A média de duração da bateria é de 4 horas, variando de produto para produto.

Vale a pena comprar um celular com projetor?

O celular com projetor atrai pela sua praticidade de poder assistir qualquer conteúdo em qualquer lugar em um tamanho considerável, sendo necessário ter em mãos apenas o seu celular (o que, vamos combinar, é um aparelho que sempre está por perto). Por outro lado, as opções de modelos do tipo no mercado brasileiro são poucas e não muito baratas.

O ponto principal para considerar se vale a pena ou não investir em um modelo do tipo é pensar o quanto você irá realmente usar essa função e, para a maior parte dos usuários, a resposta final será negativa. A verdade é que não vale a pena investir em um celular apenas pela função de projeção.

Caso você considere que irá usar o projetor com frequência (talvez no trabalho, talvez para distrair as crianças nas férias), uma opção mais viável pode ser realmente comprar um mini-projetor e deixá-lo, por exemplo, no escritório.


Yolanda Moretto é jornalista formada pela Faculdade Cásper Líbero e trabalha com assessoria de imprensa e gestão de redes sociais. Já trabalhou com setores de tecnologia, energia e empreendedorismo.

Continuar lendo TECNOLOGIA: VALE A PENA COMPRAR UM CELULAR COM PROJETOR?

CIÊNCIA E TECNOLOGIA: RESGATE INÉDITO NO BRASIL DE NAVIO CHINÊS REBOCADO SOBRE OUTRO NAVIO

Na nossa coluna CIÊNCIA & TECNOLOGIA desta sexta-feira trago mais uma das fantásticas obras desse povo extraordinário que é o povo chinês. Uma mega operação de reboque de  um navio de grande porte foi executada em Ilha Bela litoral paulista. Um navio chinês com a propulsão quebrada foi rebocado pelo super navio submarino que transportou o outro sobre o seu convés. É uma dessas maravilhas da engenharia que merece a nossa atenção e admiração. Assista ao vídeo a seguir sobre a operação em Ilha Bela e em seguida um vídeo em velocidade acelerada de uma outra operação completa.

Fonte:

OPERAÇÃO COMPLETA EM CÂMERA VELOZ

O navio semi-submersível XIANG YUN KOU chama a Eleusis para carregar três balsas (com LOA 97.74 / 74.92 / 67.26) da ancoragem da Eleusis para o México em 30.11.2017.

Fonte:

 

Continuar lendo CIÊNCIA E TECNOLOGIA: RESGATE INÉDITO NO BRASIL DE NAVIO CHINÊS REBOCADO SOBRE OUTRO NAVIO

TECNOLOGIA: ISRAEL É UM CELEIRO DE CÉREBROS EXTRAORDINÁRIOS

Hoje temos a coluna TECNOLOGIA trazendo um artigo muito interessante sobre as últimas inovações tecnológicas desenvolvidas em Israel que vão mudar o mundo. Nada menos que nove dessas invenções ficaram entre as  Top Ten da revista TIME em 2019, que todo anos publica a lista das 100 melhores invenções e inovações do ano. Leia o artigo completo a seguir e saiba quais foram essas invenções!

Inovações israelenses que vão mudar o mundo

Thaís Garcia

Publicado em 12.12.2019

Inovações israelenses que vão mudar o mundo 20

Imagem: Reprodução

Uma descoberta por uma equipe de cientistas da Universidade Hebraica (HU) em Jerusalém ainda não poderia ser incluída na lista do TIME, mas certamente a teria merecido, considerando o impacto que a descoberta terá nas pessoas em tratamento contra o câncer.

Melhor tratamento do câncer
A mídia israelense anunciou em novembro que a equipe da HU descobriu um método pelo qual a quimioterapia é entregue diretamente apenas nas células cancerígenas. O método significa que a partir de agora a quimioterapia não destrói mais as células do corpo saudável, algo que em muitos casos causa a morte de um paciente e não o extermínio da própria doença.

O método permite que os médicos reduzam significativamente a dose de quimioterapia e, assim, reduzam os efeitos colaterais muitas vezes devastadores da quimioterapia, o que aumenta significativamente as chances de sobrevivência. As descobertas da equipe HU foram recentemente publicadas na revista Frontiers in Pharmacology. A equipe conseguiu ativar a proteína TRPV 2 nas células cancerígenas e esta proteína abre um canal na membrana celular através do qual a substância quimérica é transportada diretamente para as células.

Inovações israelenses que vão mudar o mundo 21Proteína Dr. TRPV2 em ação.

O professor Alex Binshtok, da HU, disse que ainda é muito cedo para previsões, mas ele tem certeza de que o novo método levará a uma abordagem diferente dos carcinomas e que, por sua vez, reduzirá a dor que os pacientes sofrem.

Água do céu
Israel é líder mundial em terapias inovadoras que combatem doenças crônicas e com risco de vida, e o país também desenvolveu outras tecnologias que ajudam o mundo a avançar, como o Genny, um dispositivo que produz água potável a partir do ar.

O Genny parece um bebedouro e é alimentado por um gerador movido a energia solar. O dispositivo trabalha com o princípio de evaporação e esfria o ar até o ponto de orvalho, após o qual a água é purificada. A versão padrão do Genny produz entre 25 e 30 litros de água potável por dia e o sistema já está sendo usado em várias partes do terceiro mundo, onde muitas vezes não há abastecimento de água.

Uma versão mais industrial do sistema, o chamado AWG, produz nada menos que 600 litros de água potável por dia e pode ser colocada em um veículo especial que torna o sistema móvel, permitindo que seja usado em áreas de desastre, por exemplo.

 

Voo elétrico
Outra invenção israelense que visa revolucionar a maneira como as pessoas se movem é a “Alice”, uma aeronave totalmente elétrica, com capacidade para transportar nove pessoas. A “Alice” foi exibida fora de Israel pela primeira vez no 53º show anual de tráfego aéreo em Paris. O diretor Omer Bar-Yochai, da Eviation Aircraft, em Israel, disse que o custo de um voo “Alice” será mais barato que uma passagem de trem e que a aeronave funcionará como um táxi aéreo.

Alice.

Ajuda visual
Também há a invenção da Orcam, uma empresa israelense que também estava envolvida no desenvolvimento do Mobile Eye, um sistema de segurança que agora está instalado na maioria dos carros novos. A Orcam desenvolveu o My Eye 2.0, um dispositivo montado na armação dos óculos e que permite às pessoas com problemas visuais ler e reconhecer outras pessoas. O My Eye 2.0 também é capaz de ler códigos de barras e está sendo constantemente desenvolvido para disponibilizá-lo a pessoas em todo o mundo.

Inovações israelenses que vão mudar o mundo 22My Eye 2.0.

Alívio da dor na enxaqueca
Nerivio é outra invenção israelense que fez parte do top 100 da TIME. O dispositivo é colocado no braço de um paciente que sofre de enxaqueca e trabalha com um programa personalizado de alívio da dor. O Nerivio, que custa menos de 120 dólares (cerca de 500 reais), já foi aprovado pelo nos Estados Unidos e certamente mudará todo o setor de saúde no campo da terapia para enxaqueca.

Inovações israelenses que vão mudar o mundo 23

O Nerivio.

Autodiagnostico
Outra inovação israelense que alcançou o top 100 da TIME é o TytoHome, produzido pela empresa Tyto Care. O TytoHome é um dispositivo do tamanho da mão que permite ao paciente realizar exames e medidas sobre funções vitais do corpo, como o funcionamento do coração, pulmões e sistema digestivo. O dispositivo também diagnostica doenças como infecções de ouvido, gripe e outras infecções. O TytoHome já está no mercado americano e custa 300 dólares (cerca de 1.200 reais) lá. O dispositivo será lançado em breve na Europa e também está disponível no Canadá.

Inovações israelenses que vão mudar o mundo 24O TytoHome.

Assistência de robô
Robotemi, uma invenção israelense que permite que pessoas com problemas médicos funcionem de forma mais independente, também alcançou o TIME top 100. Robotemi responde perguntas práticas, ajuda no uso de smartphones e segue o usuário quando ele anda pela casa, mas também fora dela.

O robô também pode fazer pedidos e também é usado como um dispositivo de reprodução de rádio e música. O dispositivo pode ser operado remotamente em qualquer lugar do mundo e já ganhou vários prêmios de prestígio.

Inovações israelenses que vão mudar o mundo 25O Robotemi.

Elliq, um robô desenvolvido pela empresa israelense Robotics, é outra invenção que alcançou o top 100 da TIME. O dispositivo parece um pouco com Robotemi à distância, mas é mais focado nos idosos. O robô pode funcionar de forma mais independente e também impede o isolamento do idoso no campo social.

Inovações israelenses que vão mudar o mundo 26O Elliq.

O Elliq responde à voz e à aparência das pessoas, mas também pode ser ativado pelo toque. O robô responde a perguntas e envolve o usuário durante o dia, mas também pode marcar consultas para o usuário e o lembra da hora em que certos medicamentos devem ser tomados. O robô também ajuda no uso do smartphone e é capaz de facilitar conversas em vídeo com terceiros.

Concreto ecológico
Houve outras inovações israelenses que alcançaram o top 100 da TIME em 2019, como o ECONcrete, um concreto ecológico usado para construir infraestrutura ecologicamente ativa sob a água e em áreas costeiras.

 

Mais inovações médicas
Outra inovação médica israelense sensacional que atualmente está em fase de teste é um tratamento revolucionário contra o câncer, sob o nome IceCure. IceCure é um método pelo qual os tumores cancerígenos são congelados sem que o paciente seja operado. Um estudo Icecure com 146 pacientes com câncer de mama foi um grande sucesso e teve apenas um caso em que o tumor retornou durante um período de observação de dois anos.

O método é usado sob anestesia local e envolve o uso de exames de ultrassom para congelar com precisão o tumor a -170 graus Celsius com nitrogênio líquido. O Icecure já foi introduzido nos Estados Unidos e em alguns outros países e o método também pode funcionar com outros tipos de câncer, como câncer de pulmão, fígado e rim, mas também com carcinomas ósseos.

Um experimento com pacientes com câncer de pulmão no Japão também foi um sucesso, de acordo com Eyal Shamir, diretor do IceCure, que explicou que a grande maioria dos pacientes tratados com IceCure pode retomar suas atividades diárias em 72 horas.

Fonte: Conexão Política

Continuar lendo TECNOLOGIA: ISRAEL É UM CELEIRO DE CÉREBROS EXTRAORDINÁRIOS

TECNOLOGIA: ESTÁ CHEGANDO A ERA DOS AVIÕES HIPERSÔNICOS

Na coluna TECNOLOGIA desta terça-feira temos uma grande novidade tecnológica surgindo no horizonte dos projetos aeroespaciais. Trata-se do desenvolvimento de aeronaves comerciais hipersônicas por cientistas europeus que poderá alcançar incríveis 10.000 km/h de velocidade. Leia o artigo completo a seguir e saiba de todos os detalhes.

Projetos preparam a era dos aviões hipersônicos

Europeus planejam construir uma aeronave capaz de atingir quase 10.000 km/h e fazer a rota Los Angeles – Tóquio em menos de duas horas

Share on Facebook

Stratofly: menos de duas horas para viajar entre Los Angeles e Tóquio. Imagem: ESA

Quase 20 anos depois da aposentadoria do Concorde, o sonho de viagens em aviões superrápidos continua de pé, e com evoluções. De acordo com artigo publicado no site NBC News, já não se fala tanto em velocidades como a do supersônico anglo-francês, que atingia cerca de 2.200 km/h, ou quase duas vezes a velocidade do som (1.235 km/h, ou Mach 1). Alguns projetos trabalham em um filão mais ousado: o dos aviões hipersônicos, que voariam acima de Mach 5 (6.175 km/h).

Em 2018, a Boeing revelou planos para um avião capaz de atingir cerca de 6.000 km/h. O Stratofly MR3, avião de passageiros de 300 passageiros em desenvolvimento por um consórcio europeu que inclui o Centro Aeroespacial Alemão, o Laboratório Aeroespacial Francês e oito outras universidades e organizações de pesquisa, chegaria a Mach 8 (quase 10.000 km/h).

Dotado de perfil aguçado e unidades de propulsão avançadas, o Stratofly atingiria quase 30 mil metros de altitude. (Os aviões convencionais voam a cerca de 11 mil metros do solo.) Com isso, ele basicamente se livraria de turbulências e mau tempo. Seria até possível para os passageiros verem a curvatura da Terra pelas janelas (embora o mais provável é que a cena seja vista por telas a bordo).

O Concorde se notabilizou por fazer a ligação entre Europa e América do Norte. Já o Stratofly percorreria distâncias maiores. Segundo o consórcio responsável, o avião hipersônico faria o percurso Nova York – Sydney em cerca de três horas. Um vôo de Los Angeles a Tóquio duraria aproximadamente uma hora e 45 minutos.

Alívio para o congestionamento

Com os voos hipersônicos, “será muito mais fácil viajar para destinos distantes”, afirma Nicole Viola, professora de projeto de sistemas aeroespaciais na Politécnica de Turim (Itália) e coordenadora do projeto do consórcio Stratofly. Segundo ela, por voar em altitudes além do alcance de aviões convencionais, o novo avião também ajudaria a aliviar o congestionamento causado pelo estimado aumento do tráfego aéreo no futuro.

O consórcio Stratofly quer iniciar ainda em 2019 testes de túnel de vento dos componentes do motor. Mas Viola prevê que as tecnologias-chave poderão não estar prontas até 2035. E será necessária ainda mais uma década até que os testes de voo sejam concluídos e o avião esteja pronto para transportar passageiros.

O prazo dilatado tem relação com o aprimoramento de tecnologias ainda pouco conhecidas. A última vez que um avião hipersônico voou com uma pessoa a bordo foi em 1967. Tratava-se do americano X-15, movido por motores de foguete – algo impensável hoje para viagens comerciais.

Um dos problemas a serem superados é a capacidade da fuselagem de resistir à fricção e ao calor conforme velocidades hipersônicas são atingidas. Pelos cálculos, seria necessário suportar temperaturas acima de 530 °C. Para tanto, a equipe do Stratofly está explorando o uso de materiais de alta tecnologia, incluindo cerâmica reforçada com fibra de carbono. Eles também procuram formas inovadoras de resfriar o avião. Uma alternativa seria permitir que parte do hidrogênio líquido superfrio usado como combustível da nave se evapore durante o voo e absorva parte do calor induzido pelo atrito, diz Viola.

Ela acrescenta que o consórcio não despreza o efeito do avião no meio ambiente. “Estamos analisando todas as operações e todas as tecnologias para minimizar o impacto ambiental”, afirma.

Fonte: Revista Planeta

Continuar lendo TECNOLOGIA: ESTÁ CHEGANDO A ERA DOS AVIÕES HIPERSÔNICOS

BOAS NOTÍCIAS: UMA NOVA TÉCNICA DE CIRURGIA DEVOLVE MOVIMENTOS DAS MÃOS A TETRAPLÉGICOS

Na coluna BOAS NOTÍCIAS deste sábado temos uma nova técnica de cirurgia que devolve os movimentos das mãos aos tetraplégicos. Uma notícia pra lá de boa! Veja a reportagem completa a seguir e saiba de todos os detalhes.

Tetraplégicos recuperam movimentos das mãos com cirurgia inovadora

Paul Robinson recuperou os movimentos. Foto: Arquivo Pessoal

Uma nova vida para quem ficou tetraplégico. Uma cirurgia inovadora, que realoca os nervos danificados, está devolvendo movimentos a pessoas que ficaram paralisadas durante décadas.

Ela já foi feita em 16 pacientes durante um teste médico no Austin Health, em Melbourne, EUA.

A nova técnica de transferência de nervos redireciona um nervo funcional e o implanta em um músculo paralisado,”conectando” seus sinais a outra parte funcional da medula espinhal.

Na tentativa de restaurar a extensão do cotovelo a equipe cirúrgica realizou um total de 59 transferências nervosas nos 16 pacientes, sendo que cada participante recebeu uma transferência nervosa única, ou múltipla, em um ou ambos os membros superiores, juntamente com terapia.

Dos 13 que completaram o estudo, todos experimentaram melhora na extensão do cotovelo e na função da mão.

“Antes da cirurgia, nenhum dos participantes foi capaz de realizar os testes de força de agarrar ou apertar, mas dois anos depois, essa força foi suficiente para permitir que eles fizessem a maioria das atividades diárias”, de acordo com um artigo da Pursuit, na Universidade de Melbourne.

Sucesso 1

O australiano Paul Robinson, vítima de um acidente de trânsito, foi um dos submetidos ao teste e teve resultados surpreendentes, após 30 anos paralisado.

Ele quebrou uma das vértebras do pescoço, o que o deixou na cadeira de rodas, incapacitado de sair de casa.

Robinson, que anteriormente não tinha nenhuma função de mão, agora é capaz de usar suas mãos e braços para impulsionar sua própria cadeira de rodas, pegar itens no chão e, com uma mão, usar um controle remoto da televisão e segurar um copo (como na foto acima).

“Antes, eu estava confinado a uma cadeira de rodas, mas não conseguia empurrar a não ser que usasse luvas especiais. Se eu deixasse cair algo no chão, tinha que pedir a alguém para pegar. Eu não conseguia dirigir. Para pegar uma bebida, eu teria que usar as duas mãos”, disse Robinson à CNN .

“Isso fez uma diferença enorme na minha vida.”

Sucesso 2

Outro jovem recrutado para o estudo foi um empresário, ferido num trágico acidente de barco.

“Ele decidiu que iria fazer essa cirurgia, mas se não funcionasse, ele não queria mais viver”, disse a Dra. Natasha van Zyl, a principal cirurgiã reconstrutora.

Depois da combinação de transferências de tendões e nervos, ele começou a trabalhar de novo em casa e foi capaz de levar sua família para o cinema de forma independente, manipulando o dinheiro, pegando os ingressos e comprando a pipoca.

Técnica melhorada

As transferências de tendão têm sido usadas há muito tempo para restaurar a função dos membros superiores paralisados, por meio do transplante estratégico dos músculos em atividade para assumir a função mecânica que foi perdida devido ao tecido paralisado.

Transferências nervosas para melhorar o funcionamento do membro superior foram realizadas em 1962 , mas a técnica nunca recebeu muita atenção até recentemente.

Van Zyl admite que sua equipe não inventou o procedimento, mas explica que ninguém usou a técnica tão extensivamente, ou para pacientes tetraplégicos.

Em 2014, a equipe fez um procedimento de tripla transferência de nervo bem sucedido. Publicado no mês passado na revista médica The Lancet, ele mostrou resultados surpreendentes.

Com informações do GNN

Fonte: Só Notícia Boa

Continuar lendo BOAS NOTÍCIAS: UMA NOVA TÉCNICA DE CIRURGIA DEVOLVE MOVIMENTOS DAS MÃOS A TETRAPLÉGICOS

BOAS NOTÍCIAS: FORD UTILIZA 470 GARRAFAS DE PLÁSTICO RECICLADAS POR CARRO FABRICADO

Na coluna BOAS NOTÍCIAS desta terça-feira temos mais uma brilhante e criativa ideia da FORD que vai equipar todos os carros do modelo Eco Sport com os estofados feitos de garrafas de plástico recicladas. Cada veículo consumirá 470 garrafas de plástico recicladas. veja a reportagem completa a seguir e saiba de todos os detalhes! 

Ford transforma bilhões de garrafas PET em estofados automotivos

Foto: reprodução

Foto: reprodução

A Ford encontrou uma maneira criativa de reciclar milhões de garrafas de plástico que poluem o planeta e reaproveitar na produção de veículos automotivos.

Cada carro do seu modelo SUV EcoSport está equipado com estofados feitos com 470 garrafas de plástico recicladas.

Desde que a Ford lançou este modelo em todo o mundo em 2012, 650 milhões de garrafas foram transformadas, pesando 8.262 toneladas.

Não é novidade para a Ford reciclar garrafas para esse fim.

Começaram há 20 anos no modelo Mondeo e agora a empresa recicla 1,2 mil milhões de garrafas em todo o mundo todos os anos.

“Os consumidores têm uma consciência muito maior dos danos que o simples descarte de plástico pode causar, mas temos a missão de aumentar a proporção de materiais reciclados e renováveis usados em cada novo carro que fabricamos”, disse Tony Weatherhead , engenheiro da empresa.

Como

O procedimento consiste em esmagar as garrafas plásticas em pequenos flocos e depois aquecê-las a 260 ° C.

Após a fusão das peças, formam-se fibras da largura de um único fio de cabelo humano.

Estas fibras são enroladas e depois viram tecido em estofos e tapetes.

Ford Eco Sport Foto: Divulgação

Ford Eco Sport Foto: Divulgação

Com informações do Nation

Fonte: Só Notícia Boa

Continuar lendo BOAS NOTÍCIAS: FORD UTILIZA 470 GARRAFAS DE PLÁSTICO RECICLADAS POR CARRO FABRICADO

ÚLTIMAS NOTÍCIAS DESTA SEGUNDA-FEIRA

Por G1

 

Oficial da FAB é anunciado como o novo presidente interino do Inpe.Bolsonaro volta a criticar dados divulgados sobre o desmatamento na Amazônia. Pressão por troca no comando do Coaf aumenta. Caixa divulga os calendários de saques do FGTS e do Fundo PIS-Pasep. Governo quer MP para tornar obrigatória antecipação de metade do 13º de aposentados e pensionistasGuerra comercial entre EUA e China derruba bolsas no mundo todo. No Brasil, dólar fecha no maior valor desde maio. PF entrega ao Supremo cópia do inquérito dos hackers. Dono do Grupo Petrópolis alvo da Lava Jato se entrega à PF. Palocci vai para o regime aberto. E PGR pede que STF derrube habeas corpus concedido a Elias Maluco.

NACIONAIS

Mudanças no Inpe

Darcton Policarpo Damião, indicado pelo ministro Marcos Pontes (Ciência e Tecnologia) para diretor interino do Inpe — Foto: Miguel Angelo/Portal da IndústriaDarcton Policarpo Damião, indicado pelo ministro Marcos Pontes (Ciência e Tecnologia) para diretor interino do Inpe — Foto: Miguel Angelo/Portal da Indústria

O ministro da Ciência e Tecnologia, Marcos Pontes, anunciou que o novo presidente interino do Inpe será o oficial da FAB Darcton Policarpo Damião. O novo presidente é formado em Ciências Aeronáuticas pela Academia de Força Aérea e, segundo o ministro, é doutor na área de desmatamento e já tem passagem pelo Inpe. Ele assumirá o cargo até que seja feito o processo de seleção do novo diretor.

A troca no comando do instituto acontece em meio a críticas de Bolsonaro a divulgações de dados sobre desmatamento na Amazônia. Na semana passada, o então presidente do órgão, Ricardo Galvão, anunciou que deixaria o cargo.

Meio ambiente

Presidente Jair Bolsonaro defende exploração da Amazônia

Presidente Jair Bolsonaro defende exploração da Amazônia

Ainda hoje, Bolsonaro voltou a criticar dados sobre desmatamento e incentivar a exploração da Amazônia durante cerimônia em Sobradinho, na Bahia. Segundo o presidente, “maus brasileiros” fazem “campanha com números mentirosos”. Durante a entrevista, Bolsonaro ainda disse que não vai negar recursos para os estados do Nordeste, mas que os governadores precisarão dizer que “estão trabalhando junto com o presidente Jair Bolsonaro” para serem atendidos.

Saques do FGTS

A Caixa Econômica Federal divulgou o calendário de saques do FGTS, que começam pela modalidade de retirada de até R$ 500. Para quem tiver conta poupança na Caixa, os saques começam a partir de 13 de setembro, e para quem não tiver, a partir de 18 de outubro. Os saques estarão disponíveis até 31 de março de 2020. O trabalhador poderá ainda fazer o chamado saque-aniversário a partir de abril de 2020.

A Caixa e o Banco do Brasil começarão a pagar em 19 de agosto osrecursos das cotas do PIS-Pasep – uma modalidade diferente do abono salarial. Tem cotas do PIS quem trabalhou com carteira assinada na iniciativa privada entre 1971 e 1988. Já as cotas do Pasep são detidas por quem trabalhou como servidor público ou militar no mesmo período.

13º de aposentados

O secretário especial de Previdência do Ministério da Economia, Rogério Marinho, informou que o presidente Jair Bolsonaro editou uma medida provisória (MP) para tornar obrigatória a antecipação do pagamento de metade do 13º de aposentados e pensionistas. A antecipação da parcela de 50% já costuma acontecer, mas, segundo o governo, passará a ser obrigatória no mês de agosto.

Guerra Comercial

A tensão comercial entre os Estados Unidos e a China refletiu no mercado financeiro no Brasil e fez a Bolsa de Valores de São Paulo fechar em forte queda. O Ibovespa caiu 2,51%, aos 100.097 pontos. Já o dólar subiu 1,68%, fechando a R$ 3,9566. Esse foi maior patamar de fechamento desde 30 de maio, quando foi a R$ 3,9774.

Na Europa, o clima também foi de preocupação, e as bolsas caíram ao menor patamar em 2 meses. Na China, o iuan rompeu a marca de 7 por dólar pela primeira vez na década, sinalizando que o país está disposto a tolerar mais fraqueza no câmbio.

Comando do Coaf

O governo Bolsonaro estuda mudar o comando do Coaf (Conselho de Controle de Atividades Financeiras). Os ministros da Economia, Paulo Guedes, e da Justiça, Sergio Moro, se reuniram para discutir a questão, mas, segundo interlocutores informaram ao blog do Valdo Cruz, o encontro foi inconclusivo.

Aliados de Bolsonaro querem a demissão do chefe do órgão, Roberto Leonel. Ele foi indicado para o posto por Moro quando o órgão era vinculado ao Ministério da Justiça – por decisão do Congresso, o Coaf agora está com o Ministério da Economia. A pressão nos bastidores começou após Leonel ter criticado a decisão do ministro Dias Toffoli que suspendeu inquéritos e investigações baseados em dados compartilhados pelo Coaf sem autorização judicial.

Lava Jato

Walter Faria, dono do Grupo Petrópolis, se entregou à Polícia Federalem Curitiba. Ele é alvo da 62ª fase da Operação Lava Jato e estava foragido. O grupo fabricante da Itaipava é suspeito de auxiliar a Odebrecht a pagar propina e também de lavagem de dinheiro.

Palocci no regime aberto

Preso desde setembro de 2016, o ex-ministro Antonio Palocci vai progredir para o regime aberto a partir de terça-feira (6). Com isso, ele poderá sair de casa durante o dia, mas precisará ficar recolhido em casa entre 20h e 7h, em dias de semana. Aos sábados, a proibição de sair de casa será a partir das 20h. Aos domingo e feriados, ele deverá ficar integralmente recolhido. Segundo a decisão da Justiça, o ex-ministro continuará usando tornozeleira eletrônica.

Elias Maluco

Elias Maluco, acusado pelo assassinato do jornalista Tim Lopes. — Foto: Reprodução/ TV GloboElias Maluco, acusado pelo assassinato do jornalista Tim Lopes. — Foto: Reprodução/ TV Globo

Procuradoria-Geral da República solicitou STF derrube decisão liminar concedida pelo ministro Marco Aurélio Mello que decretou a soltura do traficante Elias Pereira da Silva, o Elias Maluco, em uma das ações penais que ele responde por associação para o tráfico. Mesmo com a liminar, Elias Maluco continuou preso porque é alvo de outras ordens de prisão, entre as quais a condenação pelo assassinato do jornalista Tim Lopes.

Inquérito dos hackers

Polícia Federal entregou ao Supremo Tribunal Federal a cópia do inquérito que apura a invasão de celulares de autoridades. A entrega do material foi determinada pelo ministro Alexandre de Moraes na última quinta-feira (1º). Moraes também ordenou a entrega da cópia das mensagens.

Internação forçada no Rio

A Prefeitura do Rio publicou um decreto que detalha medidas de atendimento da população de rua e de dependentes químicos. Um dos tópicos mais polêmicos é a possibilidade de internação compulsória. Segundo o decreto, a internação involuntária só poderá ser feita em unidades de saúde e hospitais gerais, só será aplicada se ficar comprovado que não há alternativa terapêutica e pelo prazo máximo de 90 dias. A solicitação poderá ser feita pela família ou pelo responsável.

Também teve isso…

Testemunha-chave revela novos detalhes sobre o caso da morte do jogador Daniel

Testemunha-chave revela novos detalhes sobre o caso da morte do jogador Daniel

Carro voador na japonesa Nec levantou voo por 1 minutos — Foto: Koji Sasahara/APCarro voador na japonesa Nec levantou voo por 1 minutos — Foto: Koji Sasahara/AP

Fonte: G1
Por Blog do BGComments

PF entrega ao Supremo cópia de inquérito que apura ataque hacker

A Polícia Federal entregou ao ministro Alexandre de Moraes, do STF (Supremo Tribunal Federal), a cópia da investigação sobre o ataque a contas de Telegram de autoridades.

O material foi enviado nesta segunda-feira (5).

A entrega foi determinada por Moraes na última quinta (1).

O inquérito foi aberto no início de junho, após o ministro da Justiça, Sergio Moro, anunciar que havia sido vítima de uma invasão.

Menos de dois meses depois, a PF deflagrou a Operação Spoofing, que prendeu quatro pessoas suspeitas de terem participado do ataque.

Um dos presos, Walter Delgatti confirmou em depoimento ter sido o autor do hackeamento e também ter sido o responsável por repassar o conteúdo capturado para o jornalista Glenn Greenwald, fundador do The Intercept Brasil.

Desde 9 de junho, o site vem divulgando reportagens com bastidores de conversas entre procuradores da Operação Lava Jato e também diálogos com Moro, que na época era juiz federal.

As mensagens mostram, por exemplo, colaboração entre o então magistrado e o Ministério Público Federal.

Os quatro suspeitos estão presos preventivamente para não atrapalhar as investigações, segundo decisão do juiz Ricardo Leite, da 10ª Vara Federal do DF.

O Intercept publicou as primeiras conversas no dia 9 de junho. O site informou, na época, que obteve o material de uma fonte anônima, que pediu sigilo. O pacote inclui mensagens privadas e de grupos da força-tarefa da Operação Lava Jato em Curitiba, no aplicativo Telegram, a partir de 2015.

Outros veículos têm publicado reportagens baseadas nos diálogos, dentre eles a Folha​.

As conversas revelam que Moro chegou a sugerir ao MPF (Ministério Público Federal) trocar a ordem de fases da Lava Jato, cobrou a realização de novas operações, deu conselhos e pistas e antecipou ao menos uma decisão judicial.

Segundo o Código de Processo Penal, “o juiz dar-se-á por suspeito, e, se não o fizer, poderá ser recusado por qualquer das partes” se “tiver aconselhado qualquer das partes”. Afirma ainda que sentenças proferidas por juízes suspeitos podem ser anuladas.

Já o Código de Ética da Magistratura diz que “o magistrado imparcial” é aquele que mantém “ao longo de todo o processo uma distância equivalente das partes e evita todo o tipo de comportamento que possa refletir favoritismo, predisposição ou preconceito”.

Moro tem repetido que não reconhece a autenticidade das mensagens, mas que, se verdadeiras, não contém ilegalidades.

No dia 23 de julho, quatro pessoas foram presas sob suspeita de hackear as contas do Telegram de autoridades.

Walter Delgatti Neto, um dos suspeitos, disse em depoimento à Polícia Federal que as mensagens que obteve foram encaminhadas de forma anônima, voluntária e sem cobrança ao jornalista Glenn Greenwald, do site The Intercept Brasil.

Folhapress

CommentsComments

Alcolumbre: reforma tributária e pacto federativo serão prioridades

A reforma tributária e a revisão do pacto federativo, com a descentralização dos recursos do governo federal, serão a prioridade do Congresso Nacional logo após a aprovação da reforma da Previdência, disse hoje (5) o presidente do Senado, Davi Alcolumbre (DEM-AP). Ele almoçou por duas horas e meia com o presidente da Câmara dos Deputados, Rodrigo Maia (DEM-RJ), e com o ministro da Economia, Paulo Guedes, para definir a agenda legislativa para o segundo semestre.

Sobre a reforma tributária, Alcolumbre disse que a Câmara, o Senado e o Poder Executivo estão empenhados em chegar a um texto que reúna as diversas propostas em tramitação no Congresso. Ele ressaltou que o objetivo do governo e do Parlamento é simplificar tributos e reduzir a burocracia, o que, na visão dele, vai melhorar o ambiente de negócios no país e gerar empregos.

“Em relação à reforma tributária, o Senado tem uma proposta, a Câmara tem uma proposta, o governo tem a sua proposta. Nós fizemos um acordo e um entendimento para construir um texto que atenda aos interesses da Câmara, do governo e do Senado e que possa desburocratizar questão tributária”, declarou Alcolumbre após o almoço na residência oficial do presidente do Senado. Maia e Guedes assistiram à declaração de Alcolumbre, mas saíram sem falar com a imprensa.

Alcolumbre mostrou-se otimista com os trabalhos legislativos neste semestre. “Será um semestre de novas conquistas, novas discussões, que passam pela simplificação dos impostos nacionais através da reforma tributária. O governo, o Senado e a Câmara dos Deputados discutirão e aprimorarão esse texto. Para que a gente possa fazer uma reforma que, de fato, simplifique e desburocratize essa estrutura de cobrança de arrecadação de impostos e encargos do governo federal, dos governos estaduais e dos governos municipais”, acrescentou.

Sobre a revisão do pacto federativo, Alcolumbre disse que as discussões vão começar pelo Senado, onde os estados e o Distrito Federal têm representações equivalentes. “O Senado, como Casa da República e Casa da Federação, vai pilotar esse processo do pacto federativo, que é a desvinculação dos recursos do Governo Central para os estados e os municípios. Ao longo dos últimos anos, os recursos foram centralizados no governo federal, e os estados e os municípios têm ficado à mercê da boa vontade do governo de plantão para realizarem suas ações”, destacou.

Independência

O presidente do Senado também citou as reformas administrativa e do Estado brasileiro como pautas prioritárias para o segundo semestre. Ele disse que o Parlamento continuará se comportando com independência, mas respeitando a harmonia entre os Três Poderes. Segundo Alcolumbre, o texto da reforma da Previdência aprovado em primeiro turno foi um exemplo de como o Parlamento soube conciliar as demandas do governo, dos congressistas e da sociedade.

“Esse foi um almoço de avaliação das conquistas asseguradas. Reafirmo que essa unidade do Parlamento se deu de um parlamento forte, altivo, independente, mas harmônico porque a participação do governo, na figura do ministro Paulo Guedes, e de outros atores, também em nome do ministro Onyx Lorenzoni, da Casa Civil. Assim como o próprio presidente Bolsonaro, fez com que a aproximação da política com o Estado Nacional pudesse dar esse fruto, que foi a aprovação em primeiro turno da nova Previdência”, comentou.

Agência Brasil

Comments

Ministra diz que liberação de agrotóxicos não traz riscos

A ministra da Agricultura, Tereza Cristina, disse hoje (5) que a liberação de agrotóxicos não coloca em risco a saúde dos consumidores nem o meio ambiente. Segundo ela, a liberação de registro para que novos produtos sejam usados no país foi acelerada, mas as exigências continuam as mesmas.

“Não mudou nada, o que mudou, somente, foi a celeridade. Foi colocado mais gente no Ministério da Agricultura, pesquisadores da Embrapa que vieram ajudar essa fila [de pedidos de registro]. Foi colocado mais gente no Ministério de Meio Ambiente, também a fila anda. E a Anvisa [Agência Nacional de Vigilância Sanitária] resolveu pegar esse assunto em que o Brasil está muito atrasado em relação a outros países”, disse após participar da abertura do Congresso Brasileiro do Agronegócio.

Os pesticidas e herbicidas usados no Brasil também são, de acordo com Tereza Cristina, usados em outras partes do mundo. “Quase todos os países do mundo já usam esses produtos. E quando não usam é porque não precisam”, disse sobre a segurança dos produtos.

Para a ministra, há uma má compreensão sobre o assunto. “É inadmissível que o agronegócio brasileiro tenha tido nessa última semana um bombardeio pela mídia nacional, querendo colocar desinformação aos brasileiros, falando sobre o alimento inseguro, o que não é verdade”, acrescentou.

Na quarta-feira passada (31), foi publicado no Diário Oficial da União o marco regulatório para agrotóxicos. Detalhado por meio de três resoluções e uma instrução normativa, o marco atualiza e dá maior clareza aos critérios adotados para avaliação e classificação toxicológica desse tipo de produto. Estão previstas alterações nos rótulos e nas bulas dos agrotóxicos, definindo regras para a disposição de informações, palavras e imagens de alerta.

Como forma de combater as críticas, a ministra defendeu um reforço nas ações de comunicação direta e mediação com jornalistas sobre os temas relativos ao agronegócio brasileiro. “Nós precisamos ganhar a guerra da comunicação”, enfatizou.

Agência Brasil

 

LOCAIS

Confira a lista dos vencimentos dos 22 promotores e procuradores que receberam, em julho, remunerações superiores a R$ 100 mil

Confira a lista dos vencimentos dos 22 promotores e procuradores que receberam, em julho, remunerações superiores a R$ 100 mil.

O Site Justiça Potiguar publicou que em julho esses 22 servidores do MP/RN receberam a bagatela de R$ 4 milhões e 700 mil reais.

Além do salário, a remuneração inclui férias, gratificações, abonos e remunerações retroativas

Lista dos momes dos procuradores e promotores de Justiça:

YVELLISE NERY DA COSTA: R$ 340.901,74

DARCI DE OLIVEIRA: R$ 302.852,49

ANISIO MARINHO NETO: R$ 285.209,75

ARMANDO LUCIO RIBEIRO: R$ 283.942,93

JOSE BRAZ PAULO NETO: R$ 264.734,78

HERBERT PEREIRA BEZERRA: R$ 259.867,25

JEANE MARIA DE CARVALHO RODRIGUES COSTA: R$ 238.191,56

FERNANDO BATISTA DE VASCONCELOS: R$ 237.278,80

IVANEIDE FEITOSA CONFESSOR: R$ 230.869,64

MYRIAN COELI GONDIM D OLIVEIRA SOLINO: R$ 224.809,14

GERALDO RUFINO DE ARAÚJO JUNIOR: R$ 218.938,55

Confira a lista completa clicando no Justiça Potiguar:

https://justicapotiguar.com.br/index.php/2019/08/05/confira-a-lista-dos-vencimentos-dos-22-promotores-e-procuradores-que-receberam-em-julho-remuneracoes-superiores-a-r-100-mil/

 

22 promotores e procuradores de justiça do RN receberam quase R$ 4,7 milhões de vencimentos julho 2019. Dois acima de R$ 300 mil, 12 acima de R$ 200 mil e 08 acima de R$ 100 mil

Uma pesquisa feita pelo site Justiça Potiguar no Portal da Transparência aponta que um total de 22 servidores do MP – entre procuradores e promotores de justiça de 3ª entrância – receberam, em julho, remunerações que ultrapassam R$ 100 mil.

A soma dos valores recebidos em julho dá a bagatela de aproximadamente R$ 4,7 milhões.

Os valores não são apenas de salários, pois incluem gratificações, abonos e remunerações retroativas.

O site Justiça Potiguar frisou não trouxe a informação à tona para dizer que se trata de algo ilegal, porque o que os promotores e procuradores de Justiça receberam está contido na lei, ou seja, está previsto na legislação que rege os vencimentos deles.

Leia a matéria na íntegra no Justiça Potiguar: https://justicapotiguar.com.br/index.php/2019/08/05/22-promotores-e-procuradores-de-justica-do-rn-receberam-quase-r-47-milhoes-de-vencimentos-julho-2019-dois-acima-de-r-300-mil-reais-e-20-acima-de-r-100-mil-reais/

Marinha informa sobre riscos de ventos fortes e de ondas de até 3,5 metros no litoral do RN

A Marinha do Brasil, por meio da Capitania dos Portos do Rio Grande do Norte, alerta a todos sobre a possibilidade de ocorrer o fenômeno conhecido como “mar grosso” com ressaca e ventos fortes de sudeste a leste, com velocidade de até 61Km/h e ondas de até 3,5 metros, em todo o litoral da Bahia até o Maranhão entre os dias 5 e 8 de agosto..

Recomenda-se que as embarcações de pequeno porte “evitem a navegação” e que as demais embarcações redobrem a atenção quanto ao material de salvatagem, estado geral dos motores, casco, bomba de esgoto do porão, equipamentos de rádio e demais itens de segurança.

A Marinha do Brasil mantém todos os avisos de mau tempo em vigor no endereço eletrônico https://www.marinha.mil.br/chm/dados-do-smm-avisos-de-mau-tempo/avisos-de-mau-tempo.

Adicionalmente, as informações meteorológicas podem ser visualizadas na página do Serviço Meteorológico Marinho no Facebook, no link: https://www.facebook.com/servicometeorologicomb/, e por meio do aplicativo “Boletim ao Mar”, disponível para download na internet, tanto para o sistema Android quanto para iOS, desenvolvido em parceria entre a Marinha do Brasil e o Instituto Rumo ao Mar (RUMAR).

 

Por G1 RN

 

Leila Pinheiro faz show solo em Natal — Foto: Divulgação

Leila Pinheiro faz show solo em Natal — Foto: Divulgação

A cantora Leila Pinheiro faz show solo neste sábado (10), às 21h, no Teatro Riachuelo. Para a essa apresentação, o estilo será mais intimista e a cantora vai ser acompanhada apenas ora de um piano e ora de um violão.

Os ingressos para o show estão à venda pelo site (clique AQUI) ou na bilheteria do Teatro Riachuelo e custam a partir de R$ 70 (meia) e R$ 140 (inteira).

Nesta apresentação em Natal, Leila vai receber a cantora potiguar Valéria Oliveira para cantar junto no palco – as duas tem parceria há vários anos. Haverá ainda outro convidado surpresa para o show.

O repertório do show conta com músicas de compositores como Renato Russo, Ivan Lins, Aldir Blanc, Vander Lee, Flávio Venturini, Gilberto Gil, Guilherme Arantes, Caetano Veloso, Milton Nascimento, Zélia Duncan, Adriana Calcanhotto e Paulinho Moska.

Em seus 38 anos de carreira, Leila Pinheiro gravou19 álbuns e três DVDs, interpretando grandes canções da música popular brasileira.

Serviço

  • Quando? Sábado (10)
  • Horário? 21h
  • Onde? Teatro Riachuelo
  • Ingressos? À venda no site e na bilheteria do Teatro, a partir de R$ 70 (meia) e R$ 140 (inteira)

Fonte: G1 RN

Continuar lendo ÚLTIMAS NOTÍCIAS DESTA SEGUNDA-FEIRA

Fim do conteúdo

Não há mais páginas para carregar

Fechar Menu
×

Carrinho