ARTISTAS DE RUA SE INSPIRAM COM PROFISSIONAIS DE SAÚDE NA LUTA CONTRA A PANDEMIA NA INGLATERRA

Luta de profissionais de saúde na pandemia inspira artistas de rua na Inglaterra

Denise Odorissi e Flávia Duarte, da CNN
17 de Maio de 2020 às 20:48

Na Inglaterra, a luta de médicos e enfermeiros durante a pandemia inspira os artistas de rua. Cidades estão mais coloridas com os grafites, que refletem o orgulho e admiração dos britânicos pelos funcionários do sistema público de saúde. Com as ruas em Londres mais calmas, o que poderia resultar num clima de tristeza acabou inspirando artistas a criar obras relacionadas à pandemia pelos muros da cidade. O tema mais frequente dos grafites tem sido os super-heróis da guerra contra o novo coronavirus: os profissionais da saúde. No criado por Lionel Stanhope, a roupa do super-homem ganhou as letras do NHS, o sistema público de saúde do Reino Unido.

Banksy, o artista de rua anônimo mais famoso do mundo, também fez questão de homenagear os ídolos desta pandemia. Na obra, que ficará exposta no hospital de Southampton, no sul da Inglaterra, até o fim da quarentena e depois será leiloada, o menino abandona os bonecos e brinca com uma super-enfermeira. O quadro foi enviado com a mensagem: “Obrigado por tudo que vocês estão fazendo. Espero que isso anime um pouco o local”.

 

Caminhando pelo centro de Londres, é possível ver outras homenagens aos profissionais do NHS, como flores colocadas para declarar o amor aos profissionais. Em um poste, uma placa agradece aos funcionários do sistema público de saúde.

No oeste de Londres, o ponto de ônibus foi transformado em uma mini galeria coletiva, por ideia de uma professora. O cartaz diz: “Crianças e adultos, por favor, acrescentem sua arte da quarentena”.

Com os museus fechados, até obras clássicas da pintura foram reproduzidas ao ar livre. Em um beco no sul da cidade, um mural enorme faz uma releitura da tela Ceia em Emaús, do pintor italiano Caravaggio, do século 17. Só que, nesta versão, Jesus encontra os apóstolos usando luvas cirúrgicas.

Em Bristol, no sudoeste da Inglaterra, uma famosa obra do artista de rua Banksy também sofreu uma intervenção temática. O mural – que é uma releitura do clássico holandês “Moça com brinco de pérola” – foi pintado em 2014 e se transformou em uma atração turística da cidade. Agora, a personagem usa uma máscara de tecido. Ninguém sabe se o próprio Banksy ou algum outro artista foi responsável pela modificação.

Por todo o país, o colorido das artes ajuda a aliviar o peso do confinamento. E vários arco-íris se espalharam pelas ruas, usados como uma mensagem de otimismo e se transformaram em símbolodo apoio da população aos médicos, enfermeiros e outros profissionais do sistema público de saúde,

Fonte: CNN

Deixe uma resposta