SOB PRESSÃO POLICIAL BRANCO QUE ASFIXIOU E MATOU HOMEM NEGRO É PRESO E ACUSADO DE ASSASSINATO EM 3º GRAU E HOMICÍDIO CULPOSO

Protestos contra morte de homem negro nas mãos de policial branco se espalham pelos Estados Unidos

Derek Chauvin, o ex-policial de Minneapolis que pressionou com o joelho o pescoço de George Floyd e o matou, foi preso e acusado de assassinato em terceiro grau e homicídio culposo

ANTONIA LABORDE

Washington – 29 MAY 2020 – 16:03 BR

Mulher repreende policial durante os protestos em Minneapolis.Mulher repreende policial durante os protestos em Minneapolis.

Os protestos pelos abusos da polícia contra a população negra norte-americana, que explodiram em Minneapolis depois da morte, na segunda-feira, de George Floyd, que teve seu pescoço pressionado com o joelho por um policial durante vários minutos enquanto reclamava que não podia respirar, espalharam-se nesta quinta e sexta-feira pelos Estados Unidos. Em várias cidades do país, grupos de manifestantes saíram às ruas para exigir justiça. Em Minneapolis, aonde chegaram mais de 500 membros da Guarda Nacional, a polícia usou bombas de gás lacrimogêneo e balas de borracha para dispersar pessoas que estavam saqueando lojas e incendiando edifícios. No final da sexta-feira, um grupo de manifestantes se reuniu no entorno da Casa Branca, que ficou isolada.

A delegacia em que trabalhava Derek Chauvin, o policial branco que pressionou com o joelho o pescoço de Floyd, foi incendiada na noite de quinta-feira. Chauvin e outros três policiais foram demitidos. O advogado do condado de Hennepin, Mike Freeman, acusou Chauvin de assassinato em terceiro grau e homicídio culposo na manhã desta sexta. O ex-policial foi preso.

O prefeito de Minneapolis, Jacob Frey, disse à CNN que a decisão de acusar Chauvin é apenas um “primeiro passo”. “Somos uma nação em uma encruzilhada, e a decisão de hoje do advogado do condado é um primeiro passo essencial em um caminho mais longo em direção à justiça e à cura de nossa cidade”, disse em comunicado nesta sexta-feira. “Para a nossa comunidade negra que, durante séculos, foi forçada a suportar a injustiça em um mundo simplesmente relutante em corrigi-la ou reconhecê-la, sei que qualquer esperança que você sente hoje é temperada com ceticismo e uma indignação justa”, disse Frey.

Depois da explosão de violência, o presidente Donald Trump ameaçou enviar militares à cidade de Minnesota e chamou de “bandidos” os manifestantes. “Assumiremos o controle se começarem as dificuldades, mas, quando começam os saques, começam os disparos”, escreveu o mandatário no Twitter. Suas palavras lhe custaram um alerta da rede social, que considerou que a mensagem “glorifica a violência”. Os distúrbios continuaram durante a madrugada desta sexta, na qual o correspondente da CNN Omar Jimenez, um repórter negro, foi detido juntamente à sua equipe, enquanto fazia uma transmissão ao vivo para a TV. Todos já estão em liberdade.

“Esses bandidos estão desonrando a memória de George Floyd e não vou deixar que isso ocorra. Acabo de falar com o governador [do Estado] Tim Walz e lhe disse que o Exército está com ele até o fim. Assumiremos o controle se começarem as dificuldades mas, quando começam os saques, começam os disparos. Obrigado!”, escreveu depois da uma hora da madrugada o presidente americano.

As centenas de pessoas que foram às ruas clamando justiça após a morte de Floyd na segunda-feira se multiplicaram com o passar dos dias. Na quinta-feira ocorreram protestos em uma dezena de cidades, entre elas Los AngelesMemphis e Nova York. Nesta última houve um confronto com a polícia, que acabou com a detenção de 40 manifestantes. Os protestos foram organizadas por movimentos de defesa dos direitos dos negros, como Black Lives Matter, que denunciam o racismo policial.

As manifestações começaram depois da divulgação de um vídeo em que Floyd, detido por suspeita de fraude, chora e geme de dor enquanto está imobilizado no chão pelo policial: “Dói tudo… Água ou algo, por favor. Por favor, por favor. Não posso respirar, agente, não posso respirar”, dizia Floyd a Chauvin, sem que este aliviasse a pressão. Em alguns minutos, ele ficou inconsciente e, depois de ser levado para um hospital, morreu.

Depois que o vídeo começou a circular, a polícia informou que Floyd, um guarda de segurança de 46 anos, morreu devido a um “incidente médico”. Um relatório do Departamento de Bombeiros publicado na quinta-feira detalhou que os paramédicos da ambulância que o transportaram verificaram seu pulso “várias vezes”, mas sem resultado. O Departamento de Justiça anunciou que a investigação federal sobre a morte de Floyd tem “prioridade máxima”. A investigação se concentrará em descobrir se os quatro policiais envolvidos, todos demitidos após a morte de Floyd, “privaram deliberadamente [o falecido] de um direito ou privilégio protegido pela Constituição ou pelas leis dos Estados Unidos”, segundo uma declaração da Divisão do FBI em Minneapolis.

Fonte: El País

Continuar lendo SOB PRESSÃO POLICIAL BRANCO QUE ASFIXIOU E MATOU HOMEM NEGRO É PRESO E ACUSADO DE ASSASSINATO EM 3º GRAU E HOMICÍDIO CULPOSO

APÓS DESFERIR FRASE ESTÚPIDA DE “SAQUES LEVAM A TIROTEIO” TRUMP RECUA NO TWEETER

Trump recua após ameaçar ‘força letal’ contra em manifestantes de Mineápolis

Reuters

29 de Maio de 2020 às 23:42

O presidente dos EUA Donald Trump em pronunciamento na Casa BrancaO presidente dos EUA Donald Trump, em pronunciamento na Casa Branca (29.mai.2020)

Em sua conta no Twitter, o presidente dos Estados Unidos (EUA), Donald Trump, tentou voltar atrás da ameaça de uma resposta com “força letal” aos protestos violentos em Mineápolis pelo assassinato de um homem negro desarmado por policiais locais.

Depois que seu comentário online de que “saques levam a tiroteio” atraiu um aviso do Twitter e uma ampla condenação dos democratas, Trump disse que entendeu porque o incidente provocou protestos em todo o país sobre a violência policial contra afro-americanos.

Mas o presidente acrescentou que eles não devem se voltar para a “anarquia sem lei”. “Os saqueadores não devem abafar as vozes de tantos manifestantes pacíficos”, disse ele na Casa Branca. “Eu entendo a mágoa, eu entendo a dor.”

Trump disse que expressou sua tristeza à família de George Floyd, um homem negro visto ofegante em vídeo enquanto um policial branco pressionava o joelho em seu pescoço. O policial, Derek Chauvin, foi preso e acusado de homicídio culposo e assassinato em terceiro grau.

Trump, republicano que concorrerá à reeleição em novembro, tem um histórico de inflamar tensões raciais. Ele culpou “ambos os lados” pela violência entre supremacistas brancos e contra-manifestantes de esquerda em Charlottesville, na Virgínia, em 2017, e chamou alguns imigrantes que cruzam a fronteira EUA-México de estupradores.

Fonte: CNN

Continuar lendo APÓS DESFERIR FRASE ESTÚPIDA DE “SAQUES LEVAM A TIROTEIO” TRUMP RECUA NO TWEETER

DUAS FARMACÊUTICAS TOMAM ATITUDES. A MODERNA DÁ INÍCIO A TESTES COM VACINA E A SANOFI SUSPENDE USO DE CLOROQUINA

Moderna anuncia início de vacinas testes e Sanofi interrompe uso de cloroquina

Da CNN, em São Paulo

29 de Maio de 2020 às 19:36

Vacina, Covid-19Imagem ilustrativa de vacina contra a Covid-19

Duas farmacêuticas iniciaram nesta sexta-feira (29) uma etapa importante na luta contra o coronavírus. A Moderna divulgou que começou a administrar uma vacina experimental contra a Covid-19 em pacientes que participam de um estudo. Já a Sanofi interrompeu temporariamente o recrutamento de novos pacientes de Covid-19 para dois testes clínicos de hidroxicloroquina e, não fornecerá mais o remédio para tratar a doença até as dúvidas a respeito de sua confiabilidade serem esclarecidas.

A Moderna iniciará a aplicação das vacinas experimentais em participantes de um estudo intermediário e afirmou que poderá inscrever até 600 pacientes neste teste.

A empresa estendeu um acordo para garantir grandes volumes de lipídios usados para produzir sua vacina experimental contra Covid-19, enquanto a empresa de biotecnologia norte-americana procura aumentar a capacidade e produzir doses suficientes para atender à demanda global esperada.

A Moderna planeja fornecer milhões de doses por mês em 2020 e dezenas de milhões por mês em 2021, se a vacina for bem-sucedida.

Ainda não existem tratamentos ou vacinas aprovados para a Covid-19, e os especialistas preveem que uma vacina segura e eficaz pode levar de 12 a 18 meses desde o início do desenvolvimento.

Em outro estudo para o tratamento da doença, a farmacêutica Sanofi afirmou que não utilizará por enquanto a hidroxicloroquina e nem fornecerá mais o remédio para tratar pacientes.

A empresa vinha realizando dois testes clínicos aleatórios e controlados de hidroxicloroquina contra Covid-19. Esperava-se que o primeiro testasse 210 pacientes dos EUA, França, Bélgica e Holanda no estágio inicial da doença que não estavam hospitalizados, e o segundo se concentraria em cerca de 300 pacientes hospitalizados com Covid-19 moderada ou grave na Europa.

A decisão veio depois de a Organização Mundial da Saúde (OMS) parar seu grande teste de hidroxicloroquina, o que levou vários governos europeus a proibirem o uso do remédio, que é recomendado para tratar malária, artrite reumatoide e lúpus, mas que não tem comprovação de eficácia contra a Covid-19.

A Sanofi e a rival Novartis prometeram doar dezenas de milhões de doses do medicamento para Covid-19. No mês passado, a empresa francesa disse que já dobrou sua capacidade de produção em oito instalações e que se prepara para aumentá-la ainda mais.

Fonte: CNN

Continuar lendo DUAS FARMACÊUTICAS TOMAM ATITUDES. A MODERNA DÁ INÍCIO A TESTES COM VACINA E A SANOFI SUSPENDE USO DE CLOROQUINA

ARAS REVELA CONSTRANGIMENTO COM ACENO DE BOLSONARO SOBRE INDICAÇÃO PARA STF

Aras diz que sente desconforto com suposta indicação para ministro do STF

Por Basília Rodrigues

30 de Maio de 2020 às 00:25

Augusto Aras O atual procurador-geral da República, Augusto Aras

O  procurador-geral da República, Augusto Aras, divulgou que sente “desconforto com a veiculação reiterada de seu nome para ocupar uma vaga no Supremo Tribunal Federal (STF)”.

Para qualquer jurista, chegar a ocupar uma das onze cadeiras de ministro da suprema corte é sinal de prestígio na carreira. Mas Augusto Aras, que é membro do Ministério Público desde 1987, lembra que seria uma honra mas hoje ele já comanda a chefia de sua instituição.

“Conquanto seja uma honra ser membro dessa excelsa Corte, o PGR sente-se realizado em ter atingido o ápice de sua instituição, que também exerce importante posição na estrutura do Estado”, disse em nota divulgada no fim da noite desta sexta-feira, assinada por ele.

O presidente Jair Bolsonaro acenou com uma vaga para Aras na suprema corte, durante transmissão na internet nesta quinta. Apontou para escolha de Aras em uma terceira vaga no STF, apesar deste mandato presidencial lhe permitir a indicação de apenas duas vagas.

Para chegar ao cargo de procurador-geral, Aras foi indicado por Bolsonaro. Trata-se de prerrogativa da presidência da República. “Aceitar a nomeação para a chefia da Procuradoria-Geral da República, não teve o atual PGR outro propósito senão o de melhor servir à Pátria, inovar e ampliar a proteção do Ministério Público Federal e oferecer combate intransigente ao crime organizado e a atos de improbidade que causam desumana e injusta miséria ao nosso povo”, diz.

O mandato de Aras acaba no fim de 2021. Até lá, muita água pode rolar mas o procurador diz que quer continuar procurador. “O PGR considerar-se-á realizado se chegar ao final do seu mandato tão somente cônscio de haver cumprido o seu dever”, encerra a nota.

Fonte:  CNN

Continuar lendo ARAS REVELA CONSTRANGIMENTO COM ACENO DE BOLSONARO SOBRE INDICAÇÃO PARA STF

BALANÇO DE DOAÇÕES DO PROGRAMA PÁTRIA VOLUNTÁRIA É DIVULGADO PELO MINISTÉRIO DA SAÚDE

Ministério da Saúde divulga balanço de doações para combate à COVID-19

Foto: Ministério da Saúde

A partir da solidariedade de empresas e cidadãos, o Governo Federal, por meio da campanha Todos por Todos, já arrecadou e entregou, até o momento, 22,7 milhões de itens, como ventilador pulmonar, máscaras, álcool gel e kits de testagem rápida. Também foram arrecadados R$ 10,8 milhões, doados por 3.904 pessoas físicas e jurídicas por meio do programa Pátria Voluntária, via campanha Arrecadação Solidária, destinado à instituições sem fins lucrativos.

Todas as arrecadações, financeiras e de insumos, são gerenciadas pelo Ministério da Economia que, com apoio do Ministério da Saúde, direciona as doações, conforme as necessidades das Secretarias Estaduais de Saúde. As intenções de doações, que não vão para a Saúde, são compartilhadas com os demais ministérios, a partir da análise da necessidade de cada um.

As doações dos itens hospitalares feitas ao Ministério da Saúde foram realizadas por oito empresas, sendo sete brasileiras e uma estrangeira. O total arrecadado já foi entregue às Secretarias Estaduais de Saúde, responsáveis por definir quais são os serviços de saúde que vão recebê-los, a partir de um planejamento local. As doações são enviadas diretamente pelo doador para o gestor beneficiado, após indicação do Ministério da Saúde.

Entre os produtos hospitalares doados estão 6 milhões de máscaras N95; 9,2 milhões de máscaras cirúrgicas; 3 milhões de máscaras Face Shield; 4,5 mil óculos de proteção; 1,6 milhão de aventais; 15,2 mil unidades de álcool em gel; 79 unidades de álcool líquido; 200 mil testes de biologia molecular (PCR-RT); 5,5 milhões kits de testagem rápida (sorológico) e 20 ventiladores pulmonares. Além disso, também foram doados materiais hospitalares, como 3,5 mil cateteres externos masculinos, 7 mil bolsas coletoras de urina e 2,6 mil curativos hidrocoloides.

Os itens de maior necessidade para a Saúde são os Equipamentos de Proteção Individual (EPI) usados por profissionais de saúde que prestam assistência aos pacientes com COVID-19, como médicos, enfermeiros e técnicos em enfermagem. Esses materiais também são utilizados pelas equipes de suporte que, eventualmente, precisam entrar no quarto, enfermaria ou área de isolamento. São de uso individual e se destinam a proteger estes profissionais de possíveis riscos de contágios.

ARRECADAÇÃO SOLIDÁRIA

Para auxiliar instituições sem fins lucrativos, que atuam com trabalho voluntário junto a grupos vulneráveis da sociedade, a Casa Civil lançou a campanha Arrecadação Solidária, no âmbito do programa Pátria Voluntária, que, desde abril, recebeu R$ 10,8 milhões de 3.904 doadores. A Fundação Banco do Brasil é responsável pela prestação de contas dos recursos arrecadados e pelo monitoramento das organizações sociais apoiadas.

Para doar produtos hospitalares e recursos financeiros para auxiliar o país no enfrentamento da pandemia da COVID-19, pessoas físicas e jurídicas devem acessar a página da campanha Todos por Todos. Para doações em dinheiro, o canal é a página do programa Pátria Voluntária.

DOAÇÃO DE ITENS HOSPITALARES

Fonte: Blog do BG

Continuar lendo BALANÇO DE DOAÇÕES DO PROGRAMA PÁTRIA VOLUNTÁRIA É DIVULGADO PELO MINISTÉRIO DA SAÚDE

GOVERNO DO RN VAI PRORROGAR DECRETO QUE SUSPENDE AULAS NAS ESCOLAS

Por G1 RN

Governadora Fátima Bezerra anunciou no Twitter que prorrogará a suspensão das aulas nas escolas — Foto: Pedro VitorinoGovernadora Fátima Bezerra anunciou no Twitter que prorrogará a suspensão das aulas nas escolas 

A governadora Fátima Bezerra (PT) anunciou em uma rede social que via prorrogar o decreto que suspende as aulas nas escolas do Rio Grande do Norte. Segundo a publicação da chefe do Poder Executivo potiguar, a prorrogação deve sair no Diário Oficial ainda neste fim de semana. Entretanto ela ainda não informou qual será o novo prazo para suspensão das atividades escolares.

decreto em vigência atualmente é válido até o domingo (31). A medida visa a conter a propagação do novo coronavírus no estado. Na postagem no Twitter, Fátima Bezerra disse também que a decisão foi tomada em acordo com as entidades educacionais do Rio Grande do Norte.

“Como já foi dito anteriormente, toda decisão da atual gestão no tocante à contenção da pandemia está apoiada nas orientações do nosso Comitê Científico. Nossa prioridade é salvar vidas”, declarou a governadora na rede social.

Fonte: G1 RN

Continuar lendo GOVERNO DO RN VAI PRORROGAR DECRETO QUE SUSPENDE AULAS NAS ESCOLAS

SUBNOTIFICAÇÕES ATRAPALHAM DIVULGAÇÃO DE NÚMEROS NO RN

Com 833 novos casos, RN ultrapassa 6 mil confirmações da Covid-19

Letícia França*

 – Atualizado em: 

Cipriano Maia, secretário de Saúde do RN

O Rio Grande do Norte ultrapassou, nesta sexta-feira (29), a marca de 6 mil casos confirmados da Covid-19. Com 833 novos registros nos últimos dois dias, o estado contabiliza 6.463 pessoas infectadas pela doença. Os dados foram divulgados pelo secretário de Estado da Saúde Pública, Cipriano Maia, durante coletiva de imprensa.

Conforme explicou o titular da pasta, o aumento significativo é resultado de dois dias de acúmulos nas notificações, já que na última quinta-feira (28), devido a problemas técnicos, o boletim epidemiológico não pôde ser divulgado. Nesse período, também houve um crescimento dos casos suspeitos, com um aumento de 870 notificações. Ao todo, no RN, há 14.905 pessoas com a suspeita do novo coronavírus. Quanto ao número de casos descartados, esse quantitativo subiu para 12.552, 1.525 a mais que na última atualização, isto é, na quarta-feira (27).

Sobre os óbitos, os dados divulgados mostraram que, no território potiguar, há 267 mortes provocadas pela Covid-19, sendo 12 novos casos em relação ao dia anterior. As cidades que, recentemente, registraram vítimas fatais foram: Natal, Ceará-Mirim, Mossoró, Touros, Areia Branca, Extremoz, Ipanguaçu, Apodi e Baraúnas. “Notamos que há um grande número [de mortes] nos municípios na região Oeste. Isso chama a atenção para intensificarmos as medidas de controle e vigilância”, disse o secretário. Outras 60 mortes seguem em investigação para constatar se a causa tem relação ou não com o coronavírus.

Ocupação dos leitos

O secretário destacou que nas últimas 24 horas não ocorreram muitas mudanças quanto à ocupação dos leitos no Rio Grande do Norte, mas o quadro de hospitalizações continua crescente. Nesta sexta-feira (29), há um total de 530 pessoas internadas em hospitais da rede pública e privada, sendo 259 em leitos críticos e 271 em clínicos. Existem ainda 90 pessoas na fila de espera da regulação de leitos, isto é, aguardando internação; desse quantitativo, quatro pacientes são prioridade 1, isto é que, que requer um tratamento mais complexo; 26 são prioridade 2 e os outros 60 são prioridade 3 e 4. Essa categorização determina o nível de criticidade dos leitos necessários.

Cipriano Maia ressaltou que as regiões Oeste e Metropolitana permanecem com uma alta ocupação de leitos. Em Mossoró, 97% dos 41 leitos existentes estão ocupados. Em Natal e Grande Natal, dos 107 leitos, 97% estão ocupados. Já o Seridó segue com uma taxa de ocupação de 40,9%; com um total de 22 leitos, essa é a região que apresenta a situação mais favorável. E Pau dos Ferros, dos oito leitos existentes, seis estão ocupados, o que representa uma taxa de 75%.

“Essa situação nos leva a manter todas as recomendações que temos feito aqui de que ainda precisamos esperar mais um pouco para pensar em relaxamento e retomada de atividades. O momento continua de intensa vigilância, preocupação e atenção. Vamos ter noção da responsabilidade que cada um tem de manter as recomendações das autoridades sanitárias. É isso que esperamos de toda a sociedade, instituições públicas e agentes públicos, para que em um horizonte próximo vislumbrarmos uma retomada da vida social com menos perda e menos dor, com mais segurança. Esse pacto de fortalecimento dessas medidas é o que nos garantirá o retorno mais próximo, seja pela diminuição da ocupação de leitos, seja pela diminuição da curva”. explicou Maia.

Fonte: Portal da Tropical Notícias

Continuar lendo SUBNOTIFICAÇÕES ATRAPALHAM DIVULGAÇÃO DE NÚMEROS NO RN

MAIS SETE CAMPOS DE TERRESTRES DE PETRÓLEO VENDIDOS PELA PETROBRAS NO RN

Petrobras conclui a venda de sete campos terrestres no RN por R$ 676,8 milhões

Foto: Junior Santos

A Petrobras finalizou a venda da totalidade da sua participação em sete campos de produção terrestres no Rio Grande do Norte, localizados no Polo Macau, para a SPE 3R Petroleum S.A., subsidiária integral da 3R Petroleum e Participações S.A..

Após o cumprimento de todas as condições precedentes, a operação foi concluída com o pagamento de R$ 676,8 milhões para a Petrobras, já com os ajustes previstos no contrato.

Essa operação está alinhada à estratégia de otimização de portfólio e melhoria de alocação do capital da companhia, passando a concentrar cada vez mais os seus recursos em águas profundas e ultra-profundas, onde a Petrobras tem demonstrado grande diferencial competitivo ao longo dos anos.

Para a gerente executiva de Gestão de Portfólio da Petrobras, Ana Paula Saraiva, o desinvestimento da Petrobras tem atraído novos participantes para a indústria, trazendo mais dinamismo para o setor. “ É uma ótima notícia para a Petrobras, para a 3R-Starboard, para o setor onshore e para o mercado em geral. Um bom momento para termos boas novas.”

O sócio da Starboard (acionista controladora da 3R), Paulo Thiago Mendonça, fala sobre os planos para o estado do Rio Grande do Norte: “A venda de ativos onshore e águas rasas é uma estratégia muito sadia para a Petrobras e cria oportunidades para novos entrantes no setor, que irão poder priorizar seus recursos gerando valor para a região e para o país. Temos como importante missão ser a maior produtora de gás do estado do Rio Grande do Norte e exponencializar essa oferta de gás”

Sobre os campos

O Polo Macau engloba os campos de Aratum, Macau, Serra, Salina Cristal, Lagoa Aroeira, Porto Carão e Sanhaçu. A Petrobras detinha 100% de participação em todas as concessões, com exceção da concessão de Sanhaçu, na qual era operadora com 50% de participação, enquanto os 50% restantes são da Petrogal Brasil S.A.. A produção total atual de óleo e gás desses campos é de cerca de 5 mil barris de óleo equivalente por dia.

Continuar lendo MAIS SETE CAMPOS DE TERRESTRES DE PETRÓLEO VENDIDOS PELA PETROBRAS NO RN

BOAS NOTÍCIAS: UMA POLICIAL ADOTA 5 CRIANÇAS DE PAI ASSASSINADO EM NATAL/RN

Aconteceu em Natal o destaque deste sábado na coluna BOAS NOTÍCIAS. Uma policial de 44 anos ao atender uma ocorrência de assassinato percebeu que o homem assassinato havia deixado 6 filhos menores e que já haviam perdido a mãe há 3 anos. A policial que nunca havia pensado em ter filhos resolveu adotar 5 dos 6 órfãos. Leia o artigo completo a seguir e entenda como tudo aconteceu!

Policial atende caso de pai assassinado e adota os 5 filhos dele

Uma história incrível de compaixão, empatia e amor aconteceu no Rio Grande do Norte, após uma tragédia. Uma policial adotou 5 crianças, que tinham acabado de perder o pai, assassinado.

Flavianna Bezerra, de 44 anos, foi atender à ocorrência em Natal e se sensibilizou ao ver as crianças chorando ao lado do caixão.

Não bastasse a situação, a policial descobriu que elas já tinham perdido a mãe 3 anos antes, estavam catando lixo e passando fome. Flavianna conta que foi a ocorrência mais difícil da carreira.

“Tinham matado um senhor e havia 6 crianças próximas ao corpo chorando, filhos desse senhor e já tinham perdido a mãe havia 3 anos e estavam sós. A gente descobriu que eles trabalhavam catando lixo, pra reciclagem. Comoveu muito a mim e à equipe… porque não tinham um grão de comida de casa, estavam passando fome, viviam pedindo pelas ruas”, disse a policial ao telejornal RNTV.

Flavianna disse em entrevista ao SóNotíciaBoa que é solteira e nunca pensou em ter filhos, nem em adotar. Ela defendeu a adoção tardia.

A adoção

A agente policial explicou ao SNB que no final do ano passado conseguiu a guarda provisória de 5 dos 6 irmãos. E agora espera a finalização do processo de guarda para entrar com o pedido oficial de adoção.

Assim, antes que as crianças fossem para um abrigo, Flavianna deu um lar a elas.

“O que o estado tinha para fornecer pra eles era um abrigo. Não tinha a menor condição de deixar isso acontecer e resolvi pedir a guarda dos 6. Eu descobri que realmente são meus filhos. Não tem como deixar eles irem pra lugar nenhum”, disse.

Adoção transformadora

Uma das crianças conta que os irmãos não sabiam ler e escrever e já estão aprendendo.

A outra, de 13 anos, carrega traumas difíceis de esquecer, mas hoje ela tem sonhos.

“Não é fácil deixar o passado pra trás, mas eu tento não me lembrar muito. Eu só me vejo no futuro, na minha própria casa, trabalhando, tendo a minha família”, disse.

“Elas estão superando os traumas, praticamente todo o trauma, toda dificuldade e elas se esforçam ao máximo. Prá mim, são exemplo de superação a cada dia”, contou Flavianna.

Se os filhos são exemplo, a mãe também.

Agora, as crianças fazem planos para o futuro e se inspiram na figura materna que encontraram.

“Eu quero ser policial igual à minha mãe”, disse uma das filhas adotadas.

“Quero trabalhar no mesmo trabalho de mainha, ser policial”, concluiu a outra.

Flavianna e parte dos filhos – Foto: reprodução RNTV

Com informações do RNTV

Fonte: Só Notícia Boa

Continuar lendo BOAS NOTÍCIAS: UMA POLICIAL ADOTA 5 CRIANÇAS DE PAI ASSASSINADO EM NATAL/RN

POESIA: ONDE NASCE UM POEMA 01 – O MAR ENSINA DE ALLAN DIAS CASTRO

POESIA: ONDE NASCE UM POEMA 01 – O MAR ENSINA DE ALLAN DIAS CASTRO
Allan Dias Castro, como nasce um poema

Neste sábado vamos prestigiar os poemas do talentoso poeta Alla Dias Castro com mais uma série de poesias do seu livro Voz ao Verbo: ONDE NASCE UMA POESIA 01. E ele inicia pela poesia “O Mar Ensina”. Nesse projeto ele também explica como se inspira para criar e escrever seus textos. Então se acomode na poltrona, relaxe e assista!

Fonte:

Continuar lendo POESIA: ONDE NASCE UM POEMA 01 – O MAR ENSINA DE ALLAN DIAS CASTRO

Fim do conteúdo

Não há mais páginas para carregar